:: Mundo Ninja :: Mapa Mundi :: Iwagakure no Sato :: Centro da vila
12 Anos Online
Alvorecer
Arco 04
Ano 16 DG
Inverno
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 OxxAo3l

Narrador
Game Master
Narrador
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 OxxAo3l

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 15/6/2021, 17:56

Relembrando a primeira mensagem :

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Nyalotha_feature


Por todos nós!
Fim do Mundo


Acordados com o grito de dor da Rainha, a aliança se viu ao mundo real novamente, Lilith segurava no seu peito se recompondo respirando devagar, levou dois dedos até a ponta de seus lábios e ao olhar para eles ela viu seu sangue. Com a destruição do físico e espiritual Lilith se tornou aquilo que para ela seria um castigo terrível.

Com um sorriso sínico no rosto Shion olhou para Katsura e novamente olhou para Lilith
-  Ela se tornou mortal. – Completando olhando para todos. – Se sangra pode morrer. – Finalizando com um sorriso provocativo.

Lilith olhou com seu olhar irritado para todas aquelas criaturas inferiores, fechou os olhos um momento tomando foco.

- Então a tal justiça da aliança finalmente chegou? Devo abandonar meus planos e ficar à sua mercê Hattori? – Disse Lilith enquanto se aproximava de Shion.

O Hattori não se intimidou com a presença de Lilith próxima a ele.

- Nós lhe concederemos uma morte rápida, Lilith. O que não aconteceu com os milhares de infelizes que você torturou e matou.

- Você será o primeiro a compreender. Quando meu trabalho estiver terminado, você me SUPLICARÁ misericórdia... e eu negarei. Seus gritos de angústia serão a prova de meu poder sem limites...

- Hump... que assim seja. CAMPEÕES, ATAQUEM!!!

Shion fez os selos de mãos criando abaixo de seus pés Mokuton agarrando ambos os braços da Rainha das trevas, ele se moveu perto dela colocando sua mão de forma reta no centro do peito dela e fechou seu punho aplicando uma força forte lançando Lilith para longe. Em meio a fumaça o trono ia se reconstruindo novamente com Lilith se erguendo sem nenhum machucado.

-  Isso é tudo que sua raiva, sua dor e sua tristeza conseguem fazer? Vocês humanos são mesmos muito fracos, o maior campeão da terra e não conseguiu nem mesmo me arranhar.

Lentamente os braços de Lilith foram se abrindo, do seu corpo uma aura vermelha sombreado com escuro começou a aparecer, o chão começou a tremer.

- Esse é o poder de um verdadeiro Deus.

As almas de todos os mortos foram entrando seu corpo, a aura foi aumentando ainda mais e os terremotos começaram a crescer tanto que o chão começou a se partir separando o time, do local partido lava foram se levantando, era o núcleo da terra ficando exposto.

- Vocês acharam mesmo que palavras de efeito, gritos de honra, vontade, qualquer besteira idiota que vocês adoram dizer seria o suficiente para se comparar a meu poder?

Fim do Mundo

Em todo o planeta o chão começou a se abrir erguendo mais e mais lava consumindo as vilas, destruindo as casas, era o fim do mundo, isso apenas com uma simples concentração de poder.

-  Eu tinha planos para vocês, mas após destruir esse minúsculo e irritante planeta com o que sobrar irei reconstruir meu império. Infelizmente estarão mortos demais para testemunhar minha obra.

A pele de todos os ninjas começou a sofrer queimaduras do calor do rápido aumento de temperatura.

- Eu sou o início do fim, a sombra que oculta o sol, eu sou o CATACLISMO!

Foi com o grito da Rainha que o chão se partiu completamente em pequenas plataformas de terra rodeada de lava. Em meio a toda aquela lava tentáculos foram se erguendo lançando a lava em direção a todos, o verdadeiro palácio de Lilith foi se formando ao redor do mundo inteiro.

- Sobre as cinzas desse mundo eu faço o meu reino.

Ao centro de todos estava a Rainha flutuando emanando um chakra tão sinistro, tão perverso que até mesmo os mais corajosos sentiam um arrepio na espinha, uma sensação de derrota pairava sobre o ar, aquele poder, a forma que o mundo se transformou apenas com a demonstração de chakra dela deu aos presentes a certeza que era impossível aquela batalha.

Todos os Jinchuurikis começou a sentir um medo elevado, eram suas bestas com chakra alertando-os para não enfrentar aquela mulher, ela está além de qualquer coisa que eles tenham testemunhado.

Embora com uma leve gota de suor escorrendo de sua testa e sua mão segurando a mão de Katsura, ainda estavam de pé e encarando Lilith, Shion e Katsura Grey.



Consideração:
Regras do Topico:


Hey There!

Hikaro
Espadachim da Névoa | Herói
Hikaro
Vilarejo Atual
Hey There!

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 21/6/2021, 21:28



jyu viole grace

Acabou o Descanso!

⌠CH⌡ 2550/3250 ⌠HP⌡ 3350/3350⌠Stamina⌡ 003/011
⌠Sanbi⌡
2625/2500 ⌠Palavras⌡447
⌠Kirika HP⌡1000/1000 ⌠Kirika CH⌡1000/1000


Jyu observava calmamente o seu ataque direcionado a Lilith percorrer todo o caminho até o seu alvo. Por tudo que havia presenciado sabia que ela era extremamente poderosa, mas com tantos ataques indo em sua direção... Como ela iria se defender de todos eles? Como seria possível sobreviver a força conjunta da Aliança Shinobi?

[Kirika]-Jyu, olha ali! – quase gritava para ser ouvido pelo shinobi, enquanto movia os seus cabelos na direção que queria que o garoto observasse, o que foi atendida prontamente pelo tokujo.

Seus olhos foram puxados para Tobirama, que parecia preparar uma bijudama, mirando em um garoto aparentemente dormindo em uma plataforma a sua frente. Jyu rangeu os dentes, enquanto pegava novamente o Fushichō no Tsue, empregando um novo genjutsu, tendo como alvo o jinchuriki Uchiha, que era prontamente “atacado” por Megumi.  Neste genjutsu, iria fazer com que quem quer que fosse o seu alvo, desaparecesse de sua visão, enquanto Lilith tomaria a forma de seu oponente.

“Pelo menos assim, seja por qual motivo for, ele irá sempre atacar a Lilith...” – dizia, sentindo um abraço em seu corpo, ouvindo a voz de Isirus e rindo levemente, manipulando a sua plataforma para ficar com aproximadamente dois metros quadrados, tendo espaço o suficiente para ambos.

[Jyu]-Vamos acabar com a Lilith, juntos! – dizia, enquanto observava a mulher iniciar o seu ataque com toda a força novamente. Vendo as esferas serem criadas, o garoto criou um dos seus golpes mais fortes e a jogou na direção daquela que vinha da direita da Uzumaki:

[Jyu]-Amenomihashira!

Após lançar o seu ataque, o tokujo continuou a manipular a sua plataforma e a moveu com velocidade máxima para circundar a luta de Lilith e Katsura pelo flanco direito, subindo cerca de vinte metros. Pensando em se proteger e a proteger o garoto que agora estava o acompanhando, assim como se precaver dos movimentos não usuais de Lilith, o tokujo estava preparado para subir ou retroceder cerca de cinquenta metros caso fosse atacado durante o percurso ou mesmo após o seu plano de atingir Lilith.

Quando se encontrasse no flanco direito da luta entre as duas ruivas, Jyu iria usar um jutsu que nunca havia utilizado em uma batalha: o Suiton: Daikaisuidan, controlando o tamanho das esferas de água ao tamanho de um Rasengan normal. Sua intenção era impedir a locomoção de Lilith ao mirar uma delas em suas pernas e a outra na altura de seu ombro.

Iria analisar novamente os movimentos de Lilith para definir a melhor forma de atacá-la, mas deixaria preparado de antemão um jutsu que usaria caso encontrasse a menor brecha na luta entre as ruivas: o Tailed Beast Shockwave, que lançaria em Lilith assim que houvesse a chance...


((Considerações Finais)):

_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Dwqqy2b

Angell'
Lenda Ninja | Sannin
Angell'
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Dwqqy2b

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 21/6/2021, 22:03


Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 3500/3500 | CH: 4242/10300 | CN: 000/400 | ST: 06/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Byakugou no Jutsu: 02/08 ]
[ Hachibi: 2750/5000 ]


Não era apenas a azulada que tentava atingir Lilith com suas artimanhas, porém, entre os demais presentes, alguns se voltavam contra os próprios aliados, como se simplesmente ignorassem a possibilidade de deter a imperatriz do caos ali e naquele momento. Por um instante, Angell estreitou seus olhos floridos, tentando prestar ainda mais atenção aos detalhes e interligá-los com tudo que já tinha ganhado de informação e de conhecimento acerca de Lilith. Primeiro, perguntou-se por que os únicos esforços dela para desviar das ofensivas que lhe foram lançadas se concentraram nas investidas do raikage e de Naomi, tentando estabelecer alguma comparação entre ambos, lembrando-se, desde o primeiro instante, de que se tratavam de dois jinchuurikis que, segundo habilidades que já tinham demonstrado em batalhas que travaram anteriormente ao lado da azulada, não deviam ter como inatos os elementos que utilizaram naquelas investidas contra Lilith. Depois, e falando de batalhas travadas anteriormente, considerou as artimanhas da imperatriz do caos para não só ludibriar quem a confrontava, mas também remodelar toda a realidade; Angell chegou a acreditar que poderia estar prestes a atacar algum de seus aliados caso atacasse a nanabi, mas, na ocasião vigente, via a insanidade de alguns ninjas realmente se colocando contra aliados. Além disso, ouviu Katsura falar sobre as almas que haviam desaparecido com as ofensivas da azulada contra as mesmas e sobre surpresas que Shion planejava levar ao campo de batalha em breve.

...mas Angell se manteria atenta. Continuaria observando e analisando da melhor forma possível, tentando interpretar cada detalhe deixado no ar ao seu redor, aquela situação em que a imperatriz do caos havia colocado os presentes. Conseguiu flagrar seus aliados se mobilizando para ajudarem uns aos outros, de acordo com a proximidade que tinham tomado – deliberada ou forçosamente; sequer importava agora – uns dos outros, então, como seu primeiríssimo movimento, canalizou seu chakra puro por seu braço direito e o estendeu na direção do genin cujo fluxo energético estava desordenado, ao que parecia, por obra de Tobirama, a fim de, caso conseguisse alcançá-lo, influenciá-lo externamente e retirá-lo – de forma altruísta ou forçosa, a depender só da interpretação – da ilusão em que ele havia caído. Logo na sequência, chamou por Gyuuki.

“Você não vai me meter nisso, hã?!”, e ele gritou.

“Gyuuki, por favor!”, ela insistiu. “Lilith tem medo de bijuus. Mostre a ela o motivo! Os dois mundos precisam do seu poder para serem salvos!”

“Mostre você!”

Ele concedeu à azulada um manto de chakra, capaz, inclusive, de modificar a cor de seus cabelos e de seus olhos para um tom desbotado de magenta. Não era exatamente o que ela esperava... mas já era um início, e certamente era muito melhor do que nada. Então, ainda se baseando nas habilidades de Gyuuki, ela cuspiu uma bela quantia de tinta preta na direção dos olhos da imperatriz do caos. Caso notasse alguma manobra defensiva ou evasiva da parte dela – e se lembrando de Kaden ter lhe pedido, ainda lá na base militar, para liderar os jinchuurikis no embate final contra Lilith –, gritaria aos que conseguissem lhe ouvir que “todos os que pudessem deviam atacar como bijuus, já que Lilith as teme”. Por fim, voltaria seu olhar a Naomi e perguntaria se ela poderia assumir a cura do grupo por um instante, já que já estava precisando recobrar chakra. Porém, até que recebesse uma resposta positiva e pudesse desativar sua barreira de chakra medicinal, continuaria revitalizando seus aliados como podia.


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Edahn_10

levitico10
Tokubetsu Jonin
levitico10
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Edahn_10

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 21/6/2021, 22:58


Fim do Mundo
B A T A L H A

Ran acordou com um susto. Havia dormido no meio do campo de batalha e permaneceu desprotegido por algum tempo. “Ou eles me salvaram ou ela só não achou divertido o suficiente me matar ali.” Achava a segunda possibilidade mais provável, já que não via grandes sinais novos de luta ao seu redor. De qualquer forma, tinha que se recuperar rápido e voltar pra ação. Reativou o Sharingan e o Domu enquanto corria para longe da forma gigantesca de areia ali próximo que imaginava ser obra de Tobirama. Enquanto observava o campo de batalha viu também um Rasengan se dirigindo a Baldur e uma série de esferas negras próximas a Naomi. Ran conhecia as propriedades do Rasengan, ainda que não naquele tamanho ou elemento, então seu comportamento era algo conhecido. Já as esferas eram uma incógnita, então decidiu tomar distância delas, correndo. Tentaria se posicionar 15m a direita de onde Tobirama estava e mantendo-se a 20 metros de Lilith Se elas por acaso se movessem em sua direção tentaria correr. Caso não fosse mais rápido que elas ou elas o atacassem de alguma forma tentaria usar o Tajū Doryūheki para se defender.

Em seguida, dirigiria seu olhar para Lilith. Vendo que ela estava cercada de almas que não havia visto antes, chegaria à conclusão de que elas só eram visíveis pra quem possuísse um doujutsu. “Se nem todo mundo pode ver aquilo, nem todo mundo tem a chance de atacar. Eu não vou poder acertar ela diretamente a não ser que uma oportunidade se apresente, mas vamos ver o que acontece se eu fizer isso...” Decidindo então o que faria, realizou os selos necessários para invocar diversas máscaras de chamas flutuantes. Os fantasmas de fogo tentariam se jogar contra tantas almas quanto possível, na tentativa de incinera-las. Ran manteria o controle sobre a trajetória delas, priorizando atacar de cima pra baixo e usando o Sharingan para observar o campo de batalha, tentando manobrar seu ataque de modo a não atingir ou atrapalhar seus aliados, já que seu experimento não valeria a pena se acabasse sendo um estorvo aos demais.





HP: 600/675 | CH: 1076/1325 |   ST: 03/05

CONSIDERAÇÕES:
Baldur
Jōnin | Herói
Baldur
Vilarejo Atual

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 21/6/2021, 23:30



Uzumaki Baldur


Ao ver que meu ataque foi falho, vejo meus clones sendo desfeitos e a energia natural a qual os clones estavam absorvendo foi modificada. “Merda, o que é isso? Não estou bem, tenho que sobreviver.” Sinto meu corpo um pouco estranho, parecia estar queimando, uma sensação mais forte do que azia, percebendo o ataque de Lilith e rapidamente com a minha força de vontade realizo os selos de mãos necessários para o Kage Bunshin no Jutsu. Criando a minha frente um clone, no mesmo tempo que ele surge o clone realiza os selos de mão necessários para realizar o jutsu Chōōdama Rasengan, criando uma esfera gigante na mão direita em seu máximo poder e o clone corre em sua máxima velocidade em direção a esfera lançada por Lilith que vinha em minha direção para o golpear com o Chōōdama Rasengan. Começo a tossir, ficando com o joelho esquerdo no chão, levo a mão até a boca e percebo que começa a sair sangue da boca. Quando percebo a ajuda da Naomi, com um tipo de correntes… “Acho que minha mãe já me falou desse jutsu. Ela é realmente uma Uzumaki!” Começo a sentir aquelas sensações diminuírem, me levanto e atento ao que o meu Byakugan vê em volta da Lilith. E ainda realizo alguns selos de mão necessários para o Suiton: Suijinchū amassando o chakra em meu estômago, lançando uma grande quantidade d’água pela boca e criando uma grande barreira em minha frente para me defender.


Informações:

CLONE 1[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 XQKY0 CH: 1231/1381

----------x----------

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Hp210 HP: 2300/2300[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 XQKY0 CH: 1306/2825[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexels ST: 04/07 |
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Org.easyrpg.player CN: 000/400

246 Palavras

_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 1280px-Kirigakure_Symbol.svg

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 OxxAo3l

Narrador
Game Master
Narrador
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 OxxAo3l

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 22/6/2021, 14:20



Por todos nós!
Fim do Mundo


Não a honra maior do que presenciar aquela batalha, um trabalho de equipe praticamente impecável levou aqueles homens e mulheres a sobreviverem as investidas terríveis de Lilith. Mesmo com Tobirama com sua besta descontrolada, ele enfim conseguiu se acalmar.

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Fairy%2BTail%2BFinal%2BSeason%2B-%2BEpisode%2B312%2B-%2BIrene%2BCounters%2BErza
A Batalha de ambas as Katsuras se tornava lendária, em meio a troca de golpes e esquivas precisas, ataques foram lançados se aproveitando das aberturas de Lilith, mas Lilith não tinha uma hospedeira qualquer, ela tinha Katsura Hyuuga, a lendária Palma Escarlate de Antares, mesmo distraída lutando com sua cópia, Lilith desviava dos ataques com uma maestria incrível, ela bailava no chão e no ar se esquivando enquanto se defendia e rebatia os ataques da Grey.

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 FEyE
Mesmo que não surtiram efeito tudo aquilo serviu muito bem para o que Katsura realmente planejou, um sorriso no rosto dela e uma liberação de gravidade afastando todos.
O chão onde Lilith e Katsura estavam começou a se partir, as duas em um rápido movimento se esquivou, uma poderosa bijuudama saiu do solo com Lilith de alvo, mas ao chegar próximo de tocar a Rainha ela desapareceu no ar, ela absorveu?

- AGORA KATSURA!

O grito de Shion e uma fenda sendo aberta por Katsura, Shion apareceu acima de todos com a gigantesca esfera em sua mão acertando as costas de Lilith a derrubando no chão com todo aquele impacto, o resplendor daquele ataque e o grande ferimento causado e enfim o retorno de Shion.

Já pode pausar a música.

Após a poeira abaixar, em meio a fumaça da destruição a silhueta dela se erguendo novamente, mas ao puxar as almas elas estavam presas por pequenas runas de gelo. Na testa da Rainha um grande corte, seu corpo com bastante ferimento, mas infelizmente aquilo não foi suficiente para matá-la.

Shion sorriu ao ver o sangue de Lilith derramado.
- Essa é a diferença entre nós Lilith, vocês são canalhas arrogantes que comeriam uns aos outros para conseguir o que querem, nos trabalhamos juntos e ajudamos uns aos outros, os ataques deles foram distrações para seus olhos, eu conheço o Byakugan, eu treinei com a melhor. – Sorriu olhando para Angell. -   Katsura te pressionou para que não soubesse o que viria abaixo, mas o principal é “sempre fique atento ao que cerca você”, todos esses garotos te atacaram com tudo. -

[...]
Em um rápido vislumbre do passado Shion se lembrou do seu treinamento com seu pai adotivo Daelin Grey, os dois batalhavam sobre o gelo para o liberar das habilidades de Shion. Ele ensinava Shion a controlar um pouco mais a raiva com pequenas provocações.
De costas Daelin ia falando com o jovem Hattori que segurava uma katana.
- A morte do seus pais não foi culpa sua.
Shion avançou tentando um golpe na diagonal, mas Daelin segurou com seu antebraço que era protegido por uma armadura, parando a espada de Shion.
- Foi culpa do seu pai. – Completava Daelin.
Daelin desarmou Shion e o jogou contra o chão, Shion se levantou com mais agressividade e tentava acertar o homem que o derrubava mais uma vez.
- A raiva não muda o fato de seu pai ter deixado de agir. - - Eles o pegaram de surpresa. - - E isso deteria você?
Shion se levantou com mais raiva ainda.
- Eu fui treinado!
Daelin ergueu sua espada e foi para cima de Shion, que usou as duas proteções do seu braço para se proteger do corte.
- TREINAMENTO NÃO É NADA! A VONTADE É TUDO. – Gritava Daelin enquanto atacava o garoto com a arma e o derrubava mais uma vez. – A vontade é tudo.
Shion foi pra cima dele e se abaixou, ao Daelin tentar acertar o golpe com a Katana, Shion passou entre as pernas dele e pegou sua arma de volta se defendendo do ataque do homem, lançou suas pernas sobre as dele o derrubando. De pé Shion botou sua espada próximo ao rosto do homem.
- Renda-se. – com um sorriso vitorioso.
Daelin sorriu olhando para Shion, mas o corrigiu.
- Você não me derrotou, ficou vulnerável para tentar um golpe vencedor. Como a seu pai falta você coragem para fazer o necessário, se alguém atrapalha a verdadeira justiça, você simplesmente vai atrás e o apunhala no coração. Agora aprenda a ficar atento ao que cerca você. – Batendo com o cabo da espada próximo aos pés de Shion quebrando o gelo o derrubando naquela água fria.
Horas depois e mais pela noite Shion e Daelin estavam a frente de uma fogueira, Shion tremia de frio pela água gelada, Daelin dava conselhos para ele se aquecer.
- Massageie seu tórax, seus braços vão se aquecer sozinhos. Você é mais forte do que seu pai.
Shion olhou para o homem com aquele olhar arrogante de um jovem.
- Não conheceu meu pai...
- Mas conheço a raiva que guia você, uma raiva infinita que sufoca a dor até a memória do seu querido pai virar veneno nas suas veias. Para um dia desejar que a pessoa que mais amou nunca tivesse existido e então ser poupado da dor.
Refletindo Daelin continuava.
- Antes de Azshara eu tive uma outra esposa, meu grande amor, ela foi arrancada de mim. Como você eu tive que aprender que existe pessoas sem decência, que devem ser combatidas sem hesitação, sem pena. Sua raiva lhe dá grande poder, mas se deixar ela o destrói, como quase fez comigo. -
- E como passou?
- Amor, eu tive uma esposa linda que me presenteou com duas filhas lindas e um garoto incrível.
- Eu não sei se vou querer isso...
- Quando você perceber que tem isso, vai se lembrar dessa nossa conversa.
[...]


Sorrindo ele continuava provocando a ferida Rainha.
- E não é só isso, todos as pessoas que você tentou usar como refém estão seguras e protegidas, eu providenciei um lugar para elas, agora você não tem mais armas para usar contra nós, é só nos agora. -

Todos os Jinchuurikis ouviram uma voz em suas cabeças, como se algo as puxasse para um outro mundo, um mundo onde eles poderiam conversar horas e lá fora passar apenas instantes, nele eles puderam notar Shion sentado sobre a cabeça de Kurama e ao redor dele em ordem de cada bijuu os demais foram aparecendo.

Vai haver um segundo tópico apenas para comunicação das Bijuus.

Shion gritou como uma forma de elevar a moral de todos.
-  HEY VOCÊS PIRRALHOS, ESTÁ NA HORA DE COLOCAR ESSAS BRINCADEIRINHAS DE SHINOBI DE VOCÊS EM PRÁTICA! ESSA MULHER É COMPLETAMENTE VULNERÁVEL A CHAKRA GUREN(Chakra de Bijuu), VAMOS ARRASAR COM ESSA VADIA! – Ecoando o grito pelo campo de batalha, naquele instante nenhuma Bijuu mais temia, nenhum homem se sentia impotente diante daquela mulher.

Do corpo do Hattori um chakra vermelho violento se manifestou tomando forma da poderosa raposa de noves caudas em sua forma final de manto de chakra, os olhos do Hattori assumiram o Rinengan perfeiro e Mangekyou, completando o corpo da Kyuubi com a poderosa armadura do Susanoo assumindo a forma de um humanoide, ele olhou para aqueles que não possuía dentro de si uma bijuu e gritou.

- Subam em uma das caudas e receba parte desse poder, isso vai melhorar seus ataques e vão conseguir ferir ela agora.

Agora abriu uma oportunidade para Isshin, Baldur, Isirus e Ran ganharem um pouco do chakra da raposa. Mas não era só isso que Shion poderia fazer, ele queria ajudar mais, e com isso Katsura se juntou a ele sobre o centro do rubi que fica na testa do Susanoo.
- Todos eles Katsura.
Katsura usou a manifestação da Kyuubi de vetor distribuindo aquele chakra para todos, Shion e Katsura deram as mãos recuperando completamente todos os feridos e cansados. Esse era o poder de fazer milagre, essa era a batalha “Por todos nós”.

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Original


Embora as coisas parecessem melhorar, Lilith não havia desistido ainda, a força dela se elevou novamente, atingindo o pico mais alto da atmosfera, a raiva pela dor, por não conseguir se recuperar só crescia na Rainha, tanto descontrole que ela acabou liberando uma técnica poderosa sem perceber.

- Universe One! – murmurou a Rainha
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 WHr6nkj
O planeta foi tomado por uma luz vermelha que veio remodelando-o, Iwa foi invadida por duas gigantescas estatuas de dois famosos guerreiros, a estatua de Hashirama e Madara no vale do fim, mas tudo estava deformado, ao mesmo tempo o redor do vale do fim que era as grandes florestas de Konoha, era o deserto escaldante de Sunagakure, que se tornou uma ilha sobre os mares de Uzushiogakure.

Shion e Katsura estavam com o gigante humanoide acima das duas estatuas, todos os demais foram protegidos pelas nove caudas da Kyuubi.

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Tumblr_pt6njb1voL1sr5u37o6_640
Lilith está flutuando 30m a frente de onde o Susanoo está, atrás delas asas que se assemelhavam a fênix aparecem, seu olhar cínico, seu sorriso, toda aquela expressão de confiança sumiu completamente para um olhar perverso e sanguinário, o mesmo para aqueles que enfrentaram Cobra.
- Cansei... CANSEI, CANSEI DE BRINCAR COM VOCÊS!
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Tumblr_pt6p7k6Eh31sr5u37o1_640

Shion e Katsura se olharam e com um sinal de positivo ela autorizou, ele sacou a Matadora de Deuses finalmente, fechou os olhos um momento se concentrando.
- Como Hattori, eu irei proteger esse mundo, minha família, agora mesmo. É isso que preciso fazer. Eu não vou permitir que você continue fazendo o que bem entende!
Shion apontou sua espada para frente e fez a jura necessária despertando seus poderes ocultos da arma, ele sentiu sua vitalidade sendo sugada, seus cabelos a grande maioria assumiu uma coloração branca, sobrando pouco azul, embora esse próprio azul tenha ficado desgastado.

O balançar da espada disparando um slash de chakra azul contra Lilith, tal movimento fez as caudas da Kyuubi se balançarem e retirando as pessoas que estavam protegidas lá.

Isshin
Lilith desviou do golpe de Shion que cortou as nuvens explodindo no ar, em uma velocidade absurda de 100m/s ela se lançou em pleno vou em direção de Isshin e arremessou seu cajado de uma forma que ele errasse de proposito ao tentar atingir o garoto, ao atingir o chão o cajado seria um catalisador para disparar uma onde explosiva de Raiton em uma área de 30m atrás de Isshin, porem essa explosão de Raiton era apenas uma distração para o movimento a seguir, Lilith se aproximava e de sua boca ela cuspia chamas negras, exatamente as mesmas chamas negras de Enton,  ela iria sacudir a cabeça em uma área de 10m², com 2m de altura tentando acertar Isshin com as chamas infernais.

Hikaro
Funcionando ou não, ela soltava mais um rugido de fúria liberando força, fazendo á área que estava com as chamas negras crescer em mais 10m², corria em direção de Jyu e preparava sua mão liberando um Palma Gentil Hyuuga carregado de trevas, golpe tão poderoso que apagaria qualquer barreira que fosse erguida e continuaria destruindo tudo, também a 100m/s, ela tentaria acertar duas palmas de forma reta, e finalizaria a última atingindo acima de Jyu.

Baldur e Akira
Ainda enfurecida ela gritaria uma vez mais novamente rescendo mais 10m² a área que foi tomada pelo Enton, mas ao olhar para o pirralho do Akira Lilith teve uma outra ideia, transferiu parte de sua consciência para dentro do corpo do garoto e dessa vez aprimorou tudo que ele tinha para atacar com força total Baldur, Lilith fazia Akira acreditar que Baldur tinha preconceito com Akira, seja por sua aparência ou forma de vestir, Baldur tirava sarro dele e fazia ele se sentir menos qualificado como ninja, isso despertou tanta raiva em Akira que ele queria explodir tudo em Baldur.

Shion deixou Katsura dentro do Susanoo e Kyuubi e se moveu novamente tentando acertar um corte em Lilith a cada momento que ela tentava acertar os garotos, mas não conseguiu resultado, ela se movimentava muito bem, era de fato uma lutadora muito boa, mas com seus olhos ele foi buscando o melhor ponto e ao conseguir ele conseguiu no momento em que ela transferiu parte de sua consciência para Akira, efetuar um corte no ombro dela, o pedaço que sobrou no corpo da Rainha gritou de raiva, o Enton se elevou há 30m de altura e cobriu uma área de 500m² transformando um verdadeiro inferno.

[...]
Ao fim do controle da Rainha em Akira ela retornaria sua consciência completa para seu corpo e se manteria acima das chamas negras. Shion mais uma vez teve alterações visuais em usar tanto a Matadora de Deuses, seus cabelos ficaram completamente brancos e sinais leves de cansaços eram notados em seu rosto, mas ele se comunicava com os jinchuuriki e conseguia com ajuda de Katsura inserir os demais nessa comunicação para tentar traçarem uma estratégia.

Consideração:
Regras do Topico:
Katsura Grey:

Hattori Shion:
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Dwqqy2b

Angell'
Lenda Ninja | Sannin
Angell'
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Dwqqy2b

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 23/6/2021, 21:35


Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 3500/3500 | CH: 10287/10300 | CN: 000/400 | ST: 01/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Byakugou no Jutsu: 02/08 ]
[ Hachibi: 2000/5000 ]


Mesmo em pleno calor da batalha, mantendo-se alerta, sempre observando, analisando e tentando interpretar cada detalhe deixado no ar ao seu redor, a azulada não conseguiu não esboçar mais um sorriso ao descobrir do que se tratava a surpresa que Katsura disse aos presentes que Shion estava preparando; como nas histórias mais grandiosas sobre os incontáveis feitos heroicos conjuntos de seus pais, eles agora atingiam Lilith de forma a quase subjugá-la, ferindo-a e impedindo que ela se recuperasse rápida e covardemente através daquelas almas que ainda a rodeavam. Porém, como sempre se deve esperar de qualquer criatura, sobretudo as poderosas que se inclinam à ruindade, Lilith não se dava por vencida e se reerguia, independentemente das dificuldades.

Shion e Katsura também não se indispunham; preparavam-se para dar sequência àquele contra-ataque e, como bons pais – e para o mundo shinobi inteiro, não só para a azulada –, chamavam os presentes para receberem parte do poder que unificavam. Por mais que já tivesse acesso ao chakra de uma bijuu, graças à cooperação não tão espontânea assim de Gyuuki, avançou em direção à energia visível da besta que Shion carregava dentro de si desde que ambos os Shakas se foram, enquanto sentia seu corpo se revigorar rápida e completamente – inclusive, fazendo-lhe enfim ter a certeza de que poderia desativar sua barreira curativa sem prejudicar a si mesma ou a qualquer um dos que dependiam de si até aquele momento.

Ela subiu na cauda do meio da bijuu que Shion tinha tornado visível. Porém, atenta como continuava ao campo de batalha e a tudo que conseguia perceber ao seu redor, notou a determinação de Lilith – que, agora, já estava de pé e bem ereta outra vez – crescer mais e mais, chegando ao ponto de remodelar o mundo todo – ou, ao menos, a extensão dele que o Tenseigan da azulada conseguia cobrir –, bagunçando-o por completo. Flagrando- se agora sobre um par gigantesco de estátuas, voltou seus olhos floridos diretamente à imperatriz do caos, que pairava à frente. Shion voltou a se manifestar, deixando claras as intenções que tinha de dar continuidade ao contra-ataque, como sempre, bem longe de ser paralisado por qualquer demonstração do poder inimigo.

...mas, daquela vez, tornando a contrair a preocupação de Angell, e não apenas quanto a ele próprio, que de repente tinha os cabelos drasticamente agrisalhados, como também quanto aos demais presentes, que, bem como a si mesma, foram repelidos de cima das caudas do chakra da bijuu de Shion por um balançar brusco das ditas cujas. A azulada se estabilizou a 5 metros para trás da posição em que a besta estava, ainda se apoiando em seu Doton: Choukeijuugan no Jutsu, mas fez questão de se elevar a mais 20 metros desde a altitude a que a dita cuja já estava sobre o par de estátuas. Dali, flagrou Lilith se tornar apenas um vulto, mesmo às particularidades privilegiadas de seu doujutsu. Seus olhos se arregalaram, e ela teve a sensação de derrota.

“Recuperei, sim!”, mas Gyuuki berrou dentro de sua mente.

E, no mesmo instante, ela sentiu ainda mais influência do chakra dele em seu corpo todo, inclusive, percebendo as oito caudas da besta se projetarem para fora de suas escápulas na forma de duas pequenas asas angelicais, enquanto o manto de chakra que lhe cobria se tornava invisível a olho nu. Porém, mesmo agora podendo se basear em sua melhor e maior forma de sincronia com Gyuuki, continuava incapaz de acompanhar com precisão todos os movimentos de Lilith; era só um ou outro momento que a azulada podia captar e entender direito o que a imperatriz do caos estava tramando, e, em um dado instante, notou que seu pai tentava também acompanhá-la, mas não apenas com os olhos, e sim com o corpo todo, querendo impedi-la de ferir os presentes.

Angell se sentiu na obrigação de se juntar a ele para um revide. De acordo com tudo que já estava discutindo – pelo que pareciam ser minutos – com os demais jinchuurikis e as demais bijuus, fez questão de aumentar ainda mais a altitude a que havia subido antes, em uma tentativa de cobrir melhor a área que precisaria sobrevoar caso quisesse mesmo acompanhar as posições que Lilith e Shion iam assumindo no espaço daquele campo de batalha, ficando agora a observá-los como podia a uma distância de 40 metros. Quando flagrou seu pai ferindo a imperatriz do caos mais uma vez, agora, no ombro, preparou-se definitivamente, inclinando seu corpo todo. Esperou por um instantinho, até ter certeza de que Lilith estava fazendo uma pausa...

– Ei, sua vadia! – ela deixou Gyuuki gritar através de sua boca, enquanto exalava toda intenção assassina dele diretamente contra Lilith.

...e então disparou na direção dela, ainda em pleno ar, em uma manobra brusca, visando se colocar exatamente acima da cabeça dela primeiro, e só então desenvolver uma curva de 90º para mergulhar para baixo, como que a fim de acertá-la com uma bela cabeçada. Porém, no meio do caminho, elevou seu rosto, querendo alinhar sua boca com o topo da cabeça de Lilith, para tornar a cuspir uma boa quantia de tinta preta contra a imperatriz do caos, tinta esta que, ao invés de ser intocada, foi dividida em cinco partes iguais, que logo tomaram a forma de cinco estacas pontiagudas. Angell vislumbrou aquela “flor sem miolo” caindo a partir de sua posição, esperando que a mesma atingisse a imperatriz do caos depois de percorrer os 10 metros que deviam distanciá-las.

Para além disso, sem ter deixado em nenhum momento de se manter atenta à situação do campo de batalha, caso notasse que poderia se arriscar um pouco mais e, bem como a tinta que havia acabado de lançar contra Lilith, percorrer por conta própria a distância que ainda faltava entre si própria e a outra, Angell não se estabilizaria no ponto em que lançou sua última ofensiva; na verdade, continuaria sua trajetória em direção à outra, já estendendo e concentrando uma grande quantidade de chakra em sua mão direita, para que, assim que – e se – conseguisse tocar o corpo de Lilith, independentemente de suas estacas – muito provavelmente – fincadas na carne alheia, realizasse nela um selamento dos mais poderosos que conhecia.


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
Hey There!

Hikaro
Espadachim da Névoa | Herói
Hikaro
Vilarejo Atual
Hey There!

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 23/6/2021, 23:37



jyu viole grace

Medo! Que velocidade é essa???

⌠CH⌡ 2800/3250 ⌠HP⌡ 3350/3350⌠Stamina⌡ 001/011
⌠Sanbi⌡
1000/2500 ⌠Palavras⌡906
⌠Kirika HP⌡1000/1000 ⌠Kirika CH⌡800/1000

O ataque que se empenhara tanto para conseguir resultou em um grande... nada. Entretanto, ao invés de sentir-se entristecido, o menino deu um meio sorriso, apenas de ver a batalha entre as duas mulheres. Definitivamente, elas estavam em um nível muito acima do que ele um dia sequer havia sonhado em chegar.

Quando o ataque de Shion acertou Lilith, deixando-a ferida, Jyu não pode deixar de comemorar internamente. Eles estavam chegando ao final da batalha, podia sentir isso! Não apenas por finalmente a terem ferido seriamente, mas também por saber que havia pessoas em segurança, graças as ações do shinobi.

Quando sentiu sua mente ser puxada, sentiu um leve calafrio em seu corpo, mas quando voltou a realidade, ele se sentia confiante. A conversa com os outros jinchurikis havia lhe estimulado e encorajado. Saber que não estava sozinho era realmente uma dádiva...

As palavras encorajadoras de Shion fez com que Jyu e Isobu sorrissem ao mesmo tempo. Não havia mais temor. Não havia mais medo. Não havia mais hesitação. Havia apenas uma dupla, ciente de sua força, ciente de que não estavam sozinhos, que tinham companheiros poderosos com um objetivo em comum: salvar toda a humanidade...

Quando Shion invocou a forma da raposa de nove caudas vestindo armadura, Jyu não se demorou. Ele correu até a primeira cauda que viu: a primeira cauda da esquerda, entrando dentro do chakra da mesma com Kirika ainda enrolada em seus cabelos.

[Jyu]-Aproveite, Kirika... Absorva esse poder oferecido pelo Shion, pois vai ser útil para todos nós... – dizia, recebendo como resposta apenas um leve grunhido da mariposa, assim como sentia o seu corpo revitalizado pelos poderes de Katsura.

Mas nem tudo eram flores... O mundo que o garoto enxergava foi tingido por uma luz vermelha, se remodelando por completo. Duas enormes estátuas surgiram do nada, assim como um cenário um tanto quanto diferente, com florestas, um grande mar e um enorme deserto, tornando tudo o mais estranho possível...

Talvez, se ele não estivesse protegido pelo chakra de Shion, Katsura e Kyubi, ele poderia... Não, ele não ia pensar daquela forma. Tinha que se focar na luta que vinha a seguir. Olhou com calma, vendo que estavam parados em cima das duas estátuas, com Lilith a cerca de trinta metros deles.

Seu grito de ódio, assim como as ações de Shion a seguir fez com que o menino ficasse preocupado. Como o cabelo dele estava ficando esbranquiçado? Sua força vital estava se esvaindo de alguma forma? Esperando pelo pior, entrou no Modo Isobu, se preparando para o confronto inevitávell.

Shion avançou contra Lilith, jogando todos os shinobis para fora de sua proteção. Jyu se dirigiria ao flanco esquerdo da mulher, enquanto Kirika voava de seus cabelos. O tokujo criaria uma esfera de suiton em sua volta com aproximadamente 10 metros de diâmetro, onde se posicionaria a cerca de vinte metros de distância da mulher, a cerca de vinte metros de altura. Sentia que a fúria da mulher seria implacável e que ninguém estaria livre de seus ataques insanos, por isso tinha que se precaver o quanto antes!

[Jyu]-Agora, Kirika! – gritaria de dentro da água, sem que seu som se propagasse para fora. Mesmo sem ouvir o seu dono, Kirika se utilizaria do chakra guren e faria o seu genjutsu mais poderoso em volta da esfera de seu dono, no mesmo instante em que o grito de fúria de Lilith fosse ouvido mais uma vez, aumentando ainda mais o mar de fogo negro.

Caso sua estratégia desse certo, a velocidade de lilith ao chegar perto dele diminuiria graças ao efeito do genjutsu de Kirika. Ao bater na esfera de água, sua velocidade diminuiria ainda mais, o que o faria perceber o perigo iminente. Utilizaria do Shunshin no Jutsu para fugir vinte metros à esquerda, criando uma nova esfera de água ao seu redor para não ser atingido pelo pólen do genjutsu de Kirika, enquanto sua pet voaria para a direita e para o alto, para cerca de noventa metros de altitude. No instante em que usasse o Shunshin, tentaria realizar em seguida o Suiton: Daibakuryū no Jutsu para que houvesse vários rodamoinhos na água. Se sua estratégia desse errado e não a percebesse chegando, o garoto tentaria utilizar o Suiton: Suiryūben para que dezenas chicotes aparecessem em volta de sua esfera,  de forma a empalar qualquer um que viesse em sua direção. Neste caso, faria a esfera se mover para a direita e para a esquerda, em rápida sucessão, de forma que pudesse se desviar de qualquer ataque que viesse em sua direção.

Caso sua primeira estratégia desse certo, criaria outra esfera, subindo a cerca de mais vinte metros, observando Shion acertando o braço de Lilith, Quando ela estivesse em sua posição, assumiria o seu lugar no seu flanco esquerdo, tomando o máximo de cuidado para ficar acima das chamas negras, a observando com um certo desprezo. Caso contrário, continuaria com a mesma esfera para assumir a sua posição, repetindo o mesmo processo.

Após o ataque de Angell contra Lilith, Jyu deixaria toda a sua raiva tomar conta de seu corpo, gritando e chamando a atenção de sua oponente. Em seguida, dispararia duas Mini Bijuudamas em sua direção, desejando que ele acertasse o ataque e que aquela luta se encerrasse o quanto antes. No caso de ela desviar e o garoto encontrasse uma brecha, ele utilizaria como armadilha o jutsu Suiton: Daikaisuidan, para direcionar a atenção da mesma para si...


((Considerações Finais)):

_______________________

Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 24/6/2021, 03:00


A raiva lhe consumia por dentro, sem espaço para o alívio, mesmo após ter se libertado daquele longo controle mental. Feito um fantoche, o Nukenin foi obrigado a engolir o seu próprio desejo de lutar, pois Lilith direcionou aquele ímpeto contra seus próprios aliados.

Mas não havia tempo para desculpas ou lamentações... a batalha chegou ao seu ápice!

A sinergia entre Katsura e Shion era realmente incrível, mudando novamente o rumo da batalha a favor da Aliança Shinobi. Por mais que Lilith ostentasse superioridade, mesmo sem nunca admitir, ela estava acuada! Suas almas prisioneiras foram tiradas de jogo, e os ferimentos pelo corpo denotavam uma fragilidade mortal e, quem sabe humilhante, mesmo para a Rainha do Inferno.

Subitamente os shinobis foram tragados para um mundo paralelo, onde Shion os aguardava junto à lendária Kurama. Naquele local incomum, informações e instruções foram compartilhadas por todos, em uma reunião proveitosa que serviu para alinhar os planos quanto aos movimentos finais daquela guerra. O Chakra Guren era a chave da vitória e o segredo para a ruína de Lilith, e este poder seria despejado no campo de batalha como nunca antes se viu. A Kyuubi foi a percursora de um poder compartilhado por todos, uma dádiva que seria de grande ajuda ao retornar. Assim, Tobirama subiu na terceira cauda à esquerda da raposa, aceitando a força como sua, mesmo diante de uma expressão emburrada do seu amigo guaxinim, sentindo um aumento significativo de poder e uma completa restauração de seu estado físico e espiritual.

“Eu sei que a Kurama te ajudou naquele momento... te deixou mansinho. Qual é de vocês?” brincou o Uchiha.

“Ah, Tobirama, não enche meu saco!”

“HAHAHA”

A esperança era de encarar uma Lilith derrotada, desprovida de grandes forças... mas, ao contrário disso, a Aliança Shinobi lutaria com um animal raivoso que tirava poder de um ódio infinito, um poder suficiente para moldar todo o cenário até onde se podia enxergar. Lilith continuava a impressionar com sua força diabólica, e seguia ameaçando os guerreiros que a combatiam. A Rainha praguejava, ameaçava e se recusava a desistir... a resposta de Shion foi imediata ao sacar “aquela" espada.

Tobirama arregalou os olhos ao ver a mudança física no corpo do Hattori, e temia o que uso daquela arma poderia causar.

“Aquela arma... a lâmina que pode levar Shion à loucura...” ele pensou.

“Ou à morte... você reparou em sua aparência?”

“Sim... talvez o Hattori esteja realmente disposto a se sacrificar... isso me preocupa. Precisamos de Shion vivo.”

Apesar do temor, a batalha tinha que continuar. As caudas da raposa expeliram os shinobis e ainda no ar Tobirama retornou ao Modo Shukaku e transformou o Chakra Natural coletado em mais poder através do Senjutsu. Ao aterrissar em um deserto, ele olhou para Lilith como se pudesse transpassa-la com os olhos. Encarava-a firme, sem perder o foco daquela que ele desejava a morte.

Com Lilith flutuando à sua frente, o rapaz se preparava para dar tudo de si.

Momentos atrás naquela jornada, Tobirama foi obrigado a se recordar de fundamentos básicos de um Shinobi, vivenciando uma situação em que seu Sharingan e seus poderes não eram mais importantes que suas qualidades mais intrínsecas. Sem poder contar com os olhos, o nukenin escapou de uma armadilha diabólica através da junção de todos os seus sentidos corporais e os Instintos que um guerreiro tem de forma natural. Naquele momento o Uchiha entendeu que a lição tirada no desafio seria importante no momento final.

Lilith era rápida e agressiva demais, muito além do que um doujutsu poderia acompanhar e, por isso, quando a mesma não pôde mais ser vista, os instintos do nukenin o diziam que não estava mais seguro. Todas as células do seu corpo vibravam e os pelos se ouriçaram quando o som era cortado pelos movimentos da vilã. Não haveria tempo para levantar alguma barreira ou se esquivar de algum ataque... bastava saber que o ataque viria a partir da ameaça do demônio, de qualquer lado, a qualquer momento. Portanto, Tobirama não pararia para olhar e nem esperaria a agressão acontecer.

”Kamui!”

Tobirama procura utilizar seu Kamui para teletransportar 20m acima do solo, aterrissando em uma nuvem de areia criada abaixo de seus pés, mas não sem antes deixar uma quantidade de areia cair de sua cabaça e se misturar com a do deserto. A vilã começa a disseminar uma quantidade enorme de chamas negras, mas o Uchiha tentaria algo que talvez pudesse apaziguar aquele inferno escuro e ao mesmo tempo ameaça-la. Ele ergue as mãos e explode seu chakra guren, fazendo com que a areia especial do solo se misture com a do deserto e dê origem a uma enorme Tsunami, a maior já feita pelo nukenin. Com 40m de altura e 500m de extensão, Tobirama tenta comandar aquela onda colossal de forma que possa “varrer" as chamas negras para longe de seus aliados e, se possível, acertar Lilith no caminho. Enquanto a onda é formada, mais areia cairia da sua cabaça para o chão, alimentado aquela força poderosa que aumenta suas proporções a cada metro percorrido.  Com sua Habilidade sensorial e Sharingan vigilante, o jovem faz a onda abrir espaços estratégicos caso perceba que vá se chocar com algum aliado no trajeto, permitindo que passem por ela.

- LILITH!!! – Com um grito furioso, o Nukenin emanou seu chakra guren mais agressivo contra ela (sakki).

Transformando novamente seu corpo em areia, Tobirama avança contra Lilith para dar suporte a Angel Hattori. Na forma de uma pequena tempestade, o corpo disforme do Nukenin tenta passar por Lilith de forma violenta, afim de rasgar-lhe os olhos e obstruir narinas, buscando se aproveitar de qualquer brecha que a mesma dê entre seus movimentos ou mesmo no caso de uma possível contenção causada pelos diversos Sakkis. Semelhante à uma núvem de insetos, o Nukenin tenta perseguir a vilã e atrapalha-la com toda aquela quantidade de areia. Aquele seria o momento certo para se lembrar das palavras de Megumi no acampamento.

“Parte de trás do pescoço... por cima da primeira vértebra torácica.” Pensou.

Buscando o ângulo correto, o Uchiha tenta localizar o ponto cego do doujutsu de Lilith e, ao encontrar a brecha perfeita, manipularia a areia presente para tentar acerta-la naquele ponto com duas projeções  carregadas com as Marcas de Maldição. Ainda em formato de nuvem, Tobirama retorna para sua Sabaku Fuyu, dessa vez a 30m acima de Lilith, juntando suas mãos em um único selo e comandando a areia ao redor para tranca-la em uma enorme pirâmide de selamento. O monumento de areia seria alimentado com as marcas seladoras da sua bijuu.



2950/30009820/1032501/14


Considerações:


Bônus e Dados:

Jutsus Ativos:

Itens:

Energy Manager:


Qualidades:


-x-

Bahko
Genin
Bahko
Vilarejo Atual
-x-

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 24/6/2021, 08:15



Uzumaki Naomi

O Fim

Não bastando os golpes lançados pela aliança, Shion também conseguiu lançar um golpe contra Lilith. Não foi qualquer um, mas sim uma bijuudama por debaixo do solo. Com um sorriso no rosto, a jounnin estava esperando que Lilith tomasse o dano completo e que a luta iria terminar ali, porém, a bijuudama simplesmente… Sumiu?

A decepção voltou a tomar conta do rosto de Naomi, até que viu que Shion havia feito uma armadilha para a inimiga, aparecendo em suas costas e a acertando com um enorme jutsu, que causou um dano colossal na adversária. De repente, a médica se viu em um ambiente diferente, cercado pelos ninjas da aliança e todas as bijuus presentes no local, onde foram feitas as preparações para um arriscado golpe.

Iwa estava a muito tempo destruída, mas foi ficando cada vez pior com a técnica utilizada por Lilith, modificando o ambiente e trazendo as características do mundo ninja para o campo de batalha. Felizmente, o chakra da Kyuubi e de Shion cercou todos os ninjas e os protegeu, deixando Naomi ao lado esquerdo de Angell. A luta continuou e com um único golpe, a adversária cortou o chakra das caudas e espalhou os ninjas pelo campo de batalha. Aproveitando a situação, asas de satetsu se formaram nas costas da médica e sobrevoou por cima de Lilith  até ficar numa distância de 30 metros das costas da inimiga enquanto absorvia o chakra natural do ambiente e pegando o chakra de Kokuo para ativar a versão 2, ao mesmo tempo que criou uma plataforma de Satetsu ao seu lado, com 1,5 m² de área para Isirus como combinado no templo dos bijuus. Essa plataforma irá ser usada para apoio do ninja da Folha, movimentando-se no ar até chegar numa distância de 20 metros à esquerda da médica e com uma altura de 35 metros, numa distância de 30 metros de Lilith. Esperando que os ninjas da aliança fossem seguir o que foi definido no espaço “telepático” das bijuus, ficou pronta para a ação. Também realizou um selo de mão, ativando o Raigeki no Yoroi novamente.

Antes de começar a atacar de verdade, um chakra “estranho” percorre o ambiente e vai em direção à Akira “Lilith!”, pensou Naomi. Sabendo o que estava para ocorrer, a jounnin não poderia deixar que a inimiga tomasse a mente de mais alguém, direcionou duas correntes adamantinas para tentar selar o chakra da Sombra do Relâmpago enquanto o chakra sinistro continuar rodeando. “Não posso deixar Akira ferir nenhum de seus aliados, caso aconteça, jamais irá se perdoar!”, pensou enquanto direcionou as correntes apenas enquanto pudesse sentir o chakra inimigo em Akira, sabendo o lugar exato que estaria graças ao Kanchi do senjutsu. Além disso, duas correntes serão direcionadas na direção das pernas de Lilith, para tentar prender a mesma e diminuir sua força.

A voz de Shion se espalhou para todos e Naomi tocou a cabeça de Kokuo. - Vamos lá, Kokuo! - Falou, demonstrando toda sua emoção de ter perdido sua terra e agora ter a oportunidade de recuperá-la. - Está na hora de terminar com isso, Naomi. - Disse a 5 caudas com uma extrema confiança, nunca dita antes após ter as energias recuperadas totalmente, graças à Shion que agora estava ficando com o cabelo completamente branco, mas mesmo assim não parou seus ataques.  Preparando-se para atacar, Naomi sentiu a diferença do chakra dado pelo Hattori e aproveitou para lançar pela primeira vez em sua vida a intenção assassina, vindo diretamente do âmago de Kokuo, expressando toda sua raiva, dor e vontade de matar em seu alvo ao ver o corte feito no braço na inimiga.  Em ambas as mãos da médica, dois Raitons Shidens formados pelo chakra comum, chakra natural e chakra guren, começaram a se formar e foram direcionados contra Lilith, mirando novamente em seu torso, mais precisamente na região lombar. Após os Shidens serem atirados, uma lança de Futton será formada a partir de uma manipulação do vapor de Kokuo, mirando para tentar acertar a espinha da inimiga, mas sem querer matar. No final de tudo, a Uzumaki ainda preparava duas técnicas.

Considerações:

HP: -x- CH: 7107/6475 CN: 00/400 Gobi: 2450/3500 ST:01/15



_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 24/6/2021, 09:26



Megumi Fushiguro —

1200 1200 1200
1539 1900 1900
01 06 06




Reações
Megumi via toda aquela batalha com espanto. Na realidade, só sobreviver já era um espanto. Quando Shion dizia para os shinobis subirem nas caudas de Kurama, Fushiguro subiria na sétima cauda, da esquerda para a direita, quando começava a sentir poder fluindo sobre si, criando um manto azul de chakra. Katsura e Shion revigoravam a aliança, com Megumi sentindo-se como novo.
O conflito alterava a realidade até onde o byakugan poderia ver. Talvez o mundo inteiro tivesse sido transformado em uma deformidade infernal.
Com o conflito entre monstros escalando, Kyuubi protegia a todos, até liberá-los em meio ao conflito com o balançar de suas caudas. Megumi aproveitaria o impulso, para buscar dar um grande salto. Ainda no ar gritava:
- Comigo, Ran!

Cajado e Raiton
Aterrissaria inicialmente em uma das cabeças das grandes estátuas, este então agilmente desceria até estar a 20 metros à esquerda da Kyuubi, no chão sobre as areias que cercavam o lugar, estando a 30 metros de Lilith. Desviando do ataque de Shion, Lilith tornava-se invisível aos olhos de Megumi como de costume, então este tornou à estratégia usada contra Eric: Buscaria pistas auditivas, esperando que ela não fosse mais rápida do que o som. Se sua suposição fosse correta, quanto mais ela se aproximasse, mais agudo o som de sua movimentação se tornaria, dessa forma inferiria caso fosse um potencial alvo.
Mesmo que não fosse o caso, correria à máxima velocidade para a esquerda, pois se ficasse parado com Lilith se movendo, morreria de certo. Criaria um orbe de água sobre si próprio, quando o cajado de Lilith se fincava atrás dele. Megumi reativamente atacaria o objeto com diversos chicotes de água, na intenção de destruí-lo, mas uma forte descarga elétrica saia deste.
Megumi tentaria então usar os chicotes disparados para dispersar a descarga elétrica, enquanto usava o grande orbe à frente de si como um escudo. Caso o ataque de Lilith fosse tão potente ao ponto de evaporar a água, imediatamente usaria a técnica uma segunda vez, dessa vez com chicotes mais espalhados a fim de dissipar mais a eletricidade. Ainda estaria atento a eventuais ajudas, aproveitando-se de sua percepção visual aumentada para guiar os chicotes de ambos os orbes criados de forma a evitar colidir com técnicas aliadas ou incorrer em fogo amigo.

Enton
Lilith já estava às costas do garoto, que buscava manter seu byakugan sobre ela a todo momento. A inimiga da humanidade cuspia uma rajada de fogo negro na direção de Megumi e a possibilidade de defesa que ele tinha em relação àquelas chamas era saltar. Ao mesmo tempo em que saltaria cerca de 8 metros de altura, utilizaria Jūkenpō Ichigekishin para expelir chakra de todos os tenketsus, na intenção de repelir tudo que se aproximasse em um raio de 40cm, para que nenhuma fagulha das chamas negras recaísse sobre si. Caso alguma porção de suas vestimentas, ou mesmo parte não-vital de seu corpo fosse incendiada, sem pestanejar cortaria o pedaço de uma vez com uma kunai com nagashi de água, utilizando In'yu Shometsu para reaver o pedaço cortado caso possível, ou apenas fechar o ferimento. Caso fosse uma parte impassível de amputação, utilizaria a técnica médica de forma a se regenerar enquanto queimasse, para pedir ajuda em seguida. Enquanto saltasse, criaria ainda no ar, visando prevenir a queda sobre as chamas, uma ave de tinta sob si - e sob Ran, caso este estivesse com Megumi.
Sua intenção era sair do alcance das chamas superando-as em altura. Caso sua estratégia funcionasse, tentaria subir com a altura de 50m imediatamente em seguida, buscando ter pelo menos tempo de reação para os golpes futuros de Lilith.
Na situação da tática de Tobirama ter efeito, envolvendo o Enton e caso a onda de areia vá passar pelas aves, essas aproveitariam aperturas para não serem atingidas.
Caso Ran estivesse com ele como requisitado durante a reunião estratégica e em momento anterior, Megumi reposicionaria seu aliado como este preferisse dentro de um alcance de 25 metros, dizendo:

- Vamos cercar ela!

Ataque
Com o fim das investidas de Lilith sobre si, Megumi esperaria pela sua oportunidade de ataque. Algum momento em que sua visão, audição ou seus cálculos, lhe permitissem alvejá-la de alguma forma. Reparando que a investida de Shion obteve sucesso, caso lhe coubesse a oportunidade, ficaria 15m abaixo de Lilith, 15m à sua esquerda e mais 15m à frente dela, atacando diagonalmente. Caso o fogo negro fosse um problema para essa posição, ficaria 15m acima, ao invés de abaixo.
Caso Ran estivesse sobre uma das aves de Megumi e não se pronunciasse sobre onde ficar, Megumi o levaria a ficar 10m à direita de Lilith, 15m à frente e abaixo dela - ou acima caso incorresse no problema com enton - de forma que Ran ficasse a 25m de Megumi.

O ataque inicial seria outro Suiryuben, com chakra guren, e espalhando os chicotes para cobrir uma grande área, de forma que Lilith tivesse dificuldades para escapar pelo ângulo que Megumi cobria. Utilizando todas suas ferramentas como Byakugan, acuidade visual proveniente de Shion e seus dons matemáticos, usaria a capacidade de controlar a trajetória dos chicotes, para que estes evitassem aliados e suas técnicas. Na realidade, não apenas evitar as técnicas aliadas, mas buscava ter sinergia com os ataques de seus aliados, cobrindo ângulos que os ataques destes não cobrissem.

Atacaria com dois Hakke Kuushou, também usando o poder de Shion, junto do punho gentil usado para gerar golpes focalizados nos órgãos de Lilith, calculando o tempo e o ângulo de trajetória do ataque, de forma a sincronizá-los com os movimentos de seus aliados. A ideia é causar dores lacerantes, de forma que não apenas buscaria evitar aliados e suas técnicas, como criar chances para que alguém mirando no ponto cego possa ter mais chances de sucesso - seja Naomi, responsável pelas costas, ou outro aliado.

Considerações:

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 20f36534d9a5a98770641103766a9261

sinhorelli
Hokage
sinhorelli
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 20f36534d9a5a98770641103766a9261

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 24/6/2021, 09:42

Contido as esferas, junto ao os esforços de seus aliados próximos, o pequeno senju se via distante de Jyu  após ter saltado para trás, momentos antes do ninja de uzu se locomover, planando sobre a plataforma aquática em direção ao confronto entre Lilith e Katsura, pensou em gritar e agradecer, mas assim não fez e se mantem atento ao seu redor. Apoiado sobre um de seus joelhos, enquanto concentrava seu chakra - preste a infundir chakra natural - afim de utilizar sua técnica que estava em preparação, quando interrompeu este fluxo ao ser afastado para trás, devido a uma força gravitacional, procurando se manter estável e retornar a sua posição inicial, mantendo-se atento ao seu redor, enquanto absorve energia natural.

"O que será que ta acontecendo dessa vez?! ... Olha só o maluco, trevoso!", pensava ao escutar e logo presenciar Shion surgindo acima de Lilith, atingindo-a em sua retaguarda dorsal, com uma enorme esfera em sua mão, "O que será aquilo?!", o pixaim colocava um de seus braços a frente, afim de proteger os olhos da poeira de fumaça que se formou.

- Ih, oh lá! Tomar cuidado néh, com o tamanho dessa testa aí, capaz de inundar todos aqui, aja sangue! - gargalhava ao notar o corte e os ferimentos da rainha. "Se o que Shion esta dizendo for verdade, então é capaz de que Imatsu esteja bem. Espero que você esteja vivo seu idiota, quero ter muitas manhãs para te encher o saco até o caminho do seu trabalho", refletia sobre as palavras do Hattorri.

- Oh porra! - o jovem senju, inicialmente o se assusta com os gritos de Shion, mas se sente encorajado por suas palavras - É ISSO AÍ SHION, VAMOS ACABAR COM ELA, CHUTAR A BUNDA DELA E ARRANCAR A CABEÇA DELA E JOGAR PROS PORCOS COMEREM!!! - um aura avermelhada emana do corpo de do Hattori, tomando a forma de uma enorme raposa com nove caudas, sendo envolvida por uma armadura de cor azulada, assumindo a forma de um humanoide. - Carai, o maluco é brabo memô! Demorô, vou confiar em ti eim! - dirigindo suas palavras ao Hattorri, o pixaim tentaria saltar para cima de uma das caudas em que não tenha um aliado - preferencialmente na última cauda, dá direita para a esquerda da raposa - e ao pousar de forma segura, em contato com o chakra da raposa, se sentiria mais disposto.

Aparentemente como no mundo físico, a realidade ao redor começa a remodelar, duas enormes estátuas surgiam, em um cenário diferenciado, aparentemente há uma floresta, o que lhe chamaria a atenção, "E lá vamos nós!". Isirus aparentemente encontra certa semelhança no olhar de Lilith, que pairava no ar, "Essa expressão? Parece com aquela estranho do Eric, maluco parecia que tava possuído, eu eim. Brincar?! Só pode ta de sacanagem néh?!", referindo-se a últimas palavras da rainha.

Cabelos grisalhos começam a tomar conta dos fios azuis do Hattori, em seguida iniciando uma ofensiva em direção a Lilith, este movimento fez com que as caudas da raposa se balançasse, o garoto senju observa ao seu redor e ligeiramente saltaria, afim de se estabilizar sobre uma das plataformas de areia negra , criadas pela Uzumaki, "Não gosto da ideia de ser conduzido contra a minha vontade, mais um motivo para tomar vergonha na cara e aprender ou desenvolver alguma técnica para conseguir voar, que saco!".

- Obrigado tia, tamu junto! - agradeceria Naomi. - Cadê essa maluca! - diria surpreso com o sumiço da rainha.

Isirus ao escutar o primeiro grito da rainha, se manteria atento ao seu redor, enquanto absorve energia natural e caso alguma ofensiva venha em sua direção, usaria Suiton: Suijinchū - aplicando chakra natural - para se defender ou ao menos retardar os ataques contra si, durante o percurso. Observaria Angell tomando altitude, assim como fora combinado com os demais naquele estranho lugar, enquanto estaria sendo conduzido pela base escura sob seus pés, "Vou ficar em cima disso, não sei o que essa pilantra da Lilith possa estar aprotando e não sei se posso confiar nesse ambiente"

Assim que a plataforma parasse de se movimentar - numa distância de 20 metros à esquerda da médica, com uma altura de 35 metros a 30 metros de distância de Lilith, aproximadamente - o pixaim comemoraria ao presenciar a rainha novamente sendo ferida por conta de uma ofensiva de Shion, mas se concentra ao notar que seus aliados começavam a tomar suas devidas posições, como forá combinado naquele estranho lugar. - Parece que o bixo vai pegar! - dizia com um sorriso maléfico, olhando para a rainha.

Após as ofensivas de Naomi, o jovem senju concentra seu chakra, infundindo chakra natural e utilizando do chakra guren - concedido por Shion - batendo as palmas das mãos a frente, tentaria manifestar dez tóriis vermelhos de aproximadamente 30cm cada - com a técnica Senpō: Myōjinmon - que cairiam de cima para baixo de Lilith, mirando dois em cada pulso, calcanhar e pescoço da rainha, empilhando um sobre o outro, na tentativa de imobiliza-la sobre o solo. Caso não tivesse sucesso, tentaria manipular o terreno abaixo da rainha - com o jutsu Mokuton: Jukai Kōtan - afim de obrigar crescer arvores na superfície em uma área de 30m², manobrando os troncos e ramos, afim de entrelaçar o corpo de Lilith, na intenção de esmaga-la.

Por fim, utilizaria Mokuton: Daijurin no Jutsu, afim aproveitar suas propriedades de transforma os tecidos em árvores no nível celular, de seu braço esquerdo, afim de moldar um escudo circular de aproximadamente 2m de altura por 1m de largura a sua frente, enquanto permaneceria ajoelhado sobre a plataforma de Naomi, preparando Senpō Mokuton: Shin Sūsenju.

HP: 2300/2300 | CH: 2224/2375 | CN: 150/400 | ST: 01/07

CONSIDERAÇÕES:

_______________________

Ficha | GF | Banco | CJ | CH | EV | RD | Mod AG
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Edahn_10

levitico10
Tokubetsu Jonin
levitico10
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Edahn_10

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 24/6/2021, 16:02


Fim do Mundo
B A T A L H A

Shion havia aparecido e interferido na luta entre Katsura e Lilith, usando uma combinação de técnicas de alto nível pra desferir um golpe contra a inimiga de todos. Não só isso, ele havia encontrado uma forma de separa-la das almas que a sustentavam. Instantes depois disso Ran se encontrou num espaço distinto, onde pôde se reunir com seus aliados numa experiência completamente nova em seus 10 anos sobre a terra.

O garoto não hesitou em seguir as ordens do líder, subindo na cauda imediatamente a direita da que Angell havia se posicionado. O chakra da bijuu inundou-o. Podia vê-lo interagindo com seu próprio em seu corpo e sentia que agora podia incorporá-lo às técnicas. “Agora da pra ter alguma chance de acertar ela, resta ver quanto estrago dá pra fazer com essa ajuda.”

Mas antes que pudesse fazer qualquer coisa com isso, o mundo mudou novamente, em resposta aos desejos de Lilith. Uma luz vermelha que partia dela englobou a todos, remodelando o cenário ao seu redor. Talvez nem mesmo eles fossem poupados não fosse a proteção de Shion. Logo se viu rodeado por um terreno completamente novo, florestas que pareciam as de Konoha o cercavam e duas estátuas que lhe eram familiares haviam sido transportadas para lá. “Quais são os limites da vagabunda? Quando é que isso vai acabar?”

Quando a terraformação acabou, Shion sacou a Matadora de Deuses. Ran já entendia o suficiente sobre como aquele homem funcionava pra se preparar para o ataque. Enquanto ele falava o garoto já realizava os selos de sua técnica, a qual quase foi interrompida quando Shion finalmente disparou em direção a Lilith. O genin pulou da Kyubi no início usando o movimento da mesma como parte do impulso, indo em direção à mesma estátua que Megumi e correndo pela lateral da mesma enquanto continuava os selos até pousar no deserto, cinco metros à esquerda dele. Em seguida ele tentou lançar as lanternas demônio que havia acabado de criar contra Lilith, mas ela desapareceu num piscar de olhos. Ao invés disso, disparou-as contra o primeiro corpo que apareceu de surpresa na área próxima. Não havia sequer visto essa figura se mover, mesmo com o sharingan e a percepção melhorada por shion, o alvo estava apenas lá quase instantaneamente. As lanternas voariam na direção do alvo numa formação em semicírculo, tentando atingi-lo de várias direções num ângulo de 180°, não havendo nenhum ataque vindo por trás para maximizar a velocidade do mesmo ao invés de gastar mais tempo dando a volta. No entanto, o que pensara ser Lilith era na verdade seu cajado, que seria ainda assim o alvo da técnica mas agora pra tentar suprimir a parcela da explosão de raiton que emanava dele que iria na sua direção e na de Megumi ao seu lado.

Quando a megera cuspisse as intensas chamas negras ele tentaria saltar por sobre elas, tão alto quanto pudesse num ângulo de 45°, na mesma direção que Megumi, seguindo sobre a ave dele caso ela chegasse a leva-lo ou qualquer outra plataforma provida por seus aliados. Caso nenhuma estivesse disponível, seguiria apenas correndo na direção oposta do centro das chamas com o auxílio do Shunshin no Jutsu. Caso as mesmas parecessem diminuir a distância que os separava ele tentaria usar o Tajuu Doriuheki para criar quatro paredes à sua frente na trajetória, que cobririam ao fim da expansão 20m de comprimento e 15 de largura, saltando para cima da parede imediatamente a sua frente ainda em construção e usando a força do surgimento da parede para auxiliar um segundo salto do topo para longe dela, sincronizando o impulso de suas pernas com a força da subida da mesma para maximizar o impulso que poderia prover. Tentaria fazer com que a barreira saísse do chão de forma inclinada para longe das chamas, para auxiliar na sua função de catapulta, já o outro propósito da barreira era o de tentar desacelerar o espalhamento das chamas. Se possível, usaria o salto com a ajuda da barreira para subir em alguma plataforma voadora, mesmo se essa já estivesse ocupada. Essa corrida terminaria quando alguém o ajudasse a sair do chão ou quando visse que as chamas não mais se expandiam. Se em algum momento fosse atingido em suas roupas tentaria se livrar delas com uma kunai antes que as chamas chegassem à pele, já se fosse atingido no corpo não teria outra saída exceto gritar por ajuda de seus companheiros. Por fim, se a areia de Tobirama chegasse até ele procuraria uma das aberturas com o auxílio do Sharingan para atravessar a onda.

De onde quer que estivesse ao fim desse processo precisava colocar o plano em prática. Quando Shion conseguiu acertar um ataque e assim dar início ao salvo, estava plenamente ciente de que sua função não era a de causar dano a rainha das trevas, e sim distraí-la enquanto outros atacavam. Se havia algo que deveria atacar era sua atenção, não seu corpo. Pra isso, optou por usar a técnica que cada vez mais ia se tornando sua assinatura dada a capacidade de controle da mesma: Onidoro. Realizando os selos ele invocaria os fantasmas de fogo, mais uma vez reforçados com os poderes da Kyuubi e de Shion, e os enviaria em direção a Lilith. Enquanto eles viajavam poderia observar a trajetória dos ataques atuais e até mesmo o chakra que seus companheiros ainda canalizavam para técnicas a serem lançadas. Com essa informação, tentaria encaixar os ataques dos fantasmas nas aberturas entre as técnicas, preferencialmente em pontos diametralmente opostos a elas. Sua ideia era usar os fantasmas para fechar rotas de fuga ou perturbar a atenção dela enquanto lidava com as técnicas dos demais.

Finalizando a primeira leva de fantasmas decidiria tentar algo. Reunindo mais do chakra guren ele enviaria na direção dela uma técnica de paralisia. Ela certamente teria força pra resistir à paralisia, mas talvez o esforço para tal gerasse uma abertura pra alguém. Depois disso tentaria recomeçar o ataque com os fantasmas, retomando a técnica com o mesmo propósito de antes.





HP: 675/675 | CH: 1163/1325 |   ST: 01/05

CONSIDERAÇÕES:
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Templ126

Raves
Chūnin
Raves
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Templ126

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 24/6/2021, 18:55

Palavras: 1119
Fim do Mundo
Por mais sucessos que obteve durante a maioria de suas ações até então, Akira continuava frustado ao assistir Lilith desviar de todos os ataques com tamanha facilidade. Contudo, essa frustração logo passava para surpresa, junto a um misto de felicidade e euforia, quando via os esforços combinados de Katsura e Shion finalmente atingirem a imperatriz do inferno e a derrubarem. Seu estado deplorável após o ataque era quase um colírio para os olhos, por mais sínico que esse pensamento poderia ser, e ouvir as palavras de Shion apenas inspiravam ainda mais pela vitória sobre aquele demônio.

Em seguida, de maneira repentina, Akira parecia ser teletransportado para outra dimensão estranha. Um local onde todos os Jinchūriki e Bijūs, ao menos aqueles que estavam presentes na luta contra Lilith, poderiam conversar por horas enquanto que na outra realidade se passariam apenas alguns instantes, sendo então uma vantagem que todos fariam questão de tirar proveito para elaborar uma estratégia mortal para a rainha inimiga.

Prestando atenção de volta a realidade, via-se Shion materializar uma gigante raposa de chakra envolvida por uma armadura azulada assumindo a forma humanoide, fazendo Akira arregalar os olhos em admiração. "Nós podemos fazer isso um dia?" "Francamente, eu espero que não." Seguindo do chamado do Hattori, Akira saltaria para a penúltima cauda - dá direita para a esquerda - ou qualquer outra que estivesse disponível, antes de visualizar sua querida Terra Natal ser transfigurada em um novo cenário quase que incompreensível, sendo protegido dessas mudanças drásticas pela cauda da Kyūbi, além de sentir o milagre de Shion e Katsura restaurando e aumentando suas forças.

Acima das estátuas estranhas e deformadas, a última esperança da humanidade encarava a cataclisma em sua frente. A hostilidade dessa última, explícita em seu semblante e aparência bizarros, chegam a provocar um temor inicial; porém, lembrando-se de suas próprias palavras na reunião, sabendo que Lilith era quem mais estava desesperada nesse momento, Akira conseguia manter sua compostura e sua esperança convicta da futura vitória. "Também não vamos nos segurar." Reunindo mais uma porção considerável de energia natural Akira também tomava outra parte maior de Chakra Guren para si, desenvolvendo uma mortalha de sangue e chakra intensos, com suas quatro caudas de coloração carmesim balançando em vigor para a batalha.

Enquanto a luta final estava para começar, com Shion empunhando a Matadora de Deuses, Akira observava que próximo de si estavam Megumi e mais outro garoto de Konoha, e devido aos eventos vivenciados no Mundo Espiritual, o demônio de quatro-caudas decidia por seguir o Hyuuga com confiança, ficando a cerca de 5 metros à direita do mesmo. Dito isso, na sequência, Lilith desaparecia de vista numa velocidade absurda fazendo com que Akira entrasse num estado maior de alerta com seus sentidos aprimorados; todavia, a única coisa que Akira percebia era a aparição repentina de um cajado em suas costas.

Com suas habilidades sensoriais funcionando outra vez, essas que lhe permitiam sentir tanta a energia similar ao chakra quanto as intenções negativas de terceiros, além de sua percepção avançada, Akira poderia sentir a liberação de raio estando prestes a ser eclodida daquele cajado e pela sua intensidade poderia presumir que seria um perigo fatal tanto para seus colegas tanto para o próprio demônio carmesim. Assim, com sua velocidade máxima, no mesmo instante do início do ataque, Akira diminuiria sua distância com Megumi e o outro garoto - caso este também estivesse próximo - e tentaria os agarra-los pelo braço e os puxa-los para longe daquela zona de perigo, seguindo pela lateral direita e se distanciando a 50 metros da posição do cajado.

Conseguindo, ou não, salvar sua vida e de seus colegas de serem eletrocutados - com mais ênfase na hipótese de ter salvo Megumi - Akira logo se veria sendo ameaçado por outro ataque da Imperatriz Escarlate, desta vez, em forma de chamas negras diretas do inferno. Sua reação não seria diferente da primeira, ou seja, agarraria novamente os garotos que estivessem próximos e os levaria consigo para longe da região onde as chamas negras se alastravam inicialmente, percorrendo os mesmos 50 metros de distância na direção oposta ao ataque e dando a volta necessária - na qual não acabasse sendo vítima de uma técnica - para retornar para o mais próximo possível de seus outros aliados, específicamente, cerca de 10 metros de Angell ou Naomi.

...

Antes que percebesse de forma consciente, Akira tinha sua mente nublada por uma estranha sensação. Os sentimentos de gentileza e altruísmo, que eram a verdadeira essência de tal Haruno, eram substituídos pela corrompida influência de Lilith contra Uzumaki Baldur.

Em sua mente, Akira via-se impotente diante a imagem do menino ruivo zombando-lhe aos risos, sendo explícito o desprezo que tal sentia para a liderança de Kumo. Em circunstância normais aquilo poderia ser resolvido de outra forma... Mas todo o estresse que guardava em seu interior durante anos estourava como um estalo na cabeça.

Você... — Esbraveja, com seus olhos vermelhos buscando o pequeno Uzumaki. — Quem você pensa que é... — Sua voz emanava angústia enquanto pegava a Kubikiribōchō de suas costas, envolvendo-a numa energia incandescente e colossal de magma. — QUEM VOCÊ PENSA QUE EUUU SOUU?! — Vociferaria enquanto direcionava um Sakki demoníaco para Baldur, buscando inibi-lo antes de avançar em força máxima para cima do mesmo, tentando corta-lo ao meio com a peixeira de mil grau celsius.

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 E9b83b58152511d98b71ff87f5c7c11ceedda663_hq

...

Independente do que tivesse acontecido, em meio a esse tempo sem controle, quando retornasse a consciência Akira criaria um pássaro de tinta com seu Chōjū Giga - visando escapar das chamas infernais no chão - e saltaria para cima do mesmo em pró de voar sobre tal criatura. De semblante sombreado e em silêncio, Akira estudaria a posição estratégica que seus companheiros se colocavam e rapidamente faria o mesmo conforme combinado antes no reino das Bijūs - de preferência, a 30 metros na lateral direita da rainha demônio.

Eu... Peço desculpas... — Diria. — Principalmente ao garoto. — Complementaria se referindo a Baldur, antes de encarar Lilith com seus olhos em tons de sangue. — Compensaremos ajudando a terminar com a vida dessa desgraçada. — A voz de Son Gokū se misturava com a de Akira, emitindo uma sonoridade tortuosa enquanto exalava Sakki sobre a imperatriz. — Você vai morrer. — Afirmaria, mostrando uma confiança excessiva junto a um sorriso quebrado pelo sinísmo.

Por fim, em conjunto dos ataques aliados e visualizando o a ângulo correto para não acertar um deles acidentalmente, Akira dispararia mais uma vez a ampla gama de rochedos magmaticos para cima de Lilith, sempre buscando preencher as lacunas vazias que os ataques de seus companheiros deixavam e assim dificultando as possíveis tentativas de esquiva da rainha inimiga.

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Hp210 HP: 3515/3525 [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 XQKY0 CH: 7546/6075[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexels ST: 01/15
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Org.easyrpg.player CN: 100/400[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Sem_tz99 YONBI: 2488/3000

Falas | "Pensamentos"

Considerações:

_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Template_de_Imagem
"A ciência é o antídoto para o veneno da superstição."

Criação de Habilidades | Evoluções |  Recompensas Diárias
Baldur
Jōnin | Herói
Baldur
Vilarejo Atual

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 24/6/2021, 22:50



Uzumaki Baldur


Vendo a grandiosidade do poder de Shion contra Lilith por baixo do solo e logo o ataque sumiu… “Ele foi esperto usando o elemento surpresa contra essa maldita. Ué, o negócio sumiu!?” Até que Shion apareceu por trás de Lilith a surpreendendo e acertando com tudo nas costas da Lilith.

Ouvindo os gritos de Shion e me sinto confiante. Ao perceber em volta do Shion tomado por um chakra diferente, formando uma enorme raposa, era a Kyuubi e que estava também envolto a uma armadura azulada. Já aos gritos a sua ordem de subir nas caldas, ao saltar para ficar em cima de uma das caldas que estivesse vaga e ao subir Shion havia cercado todos com o seu chakra da Kyuubi. Com a técnica da Lilith, o campo de batalha tomou outra forma e o cenário mudou completamente. Mas, graças a ação anterior, ajudou a todos os aliados a ficarem protegidos e revigorados.

Depois que Shion sacou a espada, vejo desferindo golpes em direção a Lilith, seus movimentos acabou espalhando os aliados pelo campo… “Ahhh vou cair… Já sei!” Ao sair das caldas realizo os selos de mãos necessários para realizar o Kuchiyose no jutsu, em meio a fumaça surge o grande sapo chefe, o Gamabunta e caio em cima da cabeça do sapo chefe distante da onde as chamas estavam. -É realmente o cabelo de Shion está ficando branco! Obrigado por aparecer chefe sapo e cuidado com essas chamas que estão mais à frente não é uma chama comum.- Ao longe escuto uma voz que vociferava aos ventos ao olhar para o Akira puxando sua espada falo com o Gamabunta para ficar atento ao Akira para defender qualquer ataque vindo de Akira com a sua grande espada Tantō.

Realizo os selos de mão necessários para realizar o Kage Bunshin no Jutsu“Que chakra é esse diferente até da energia natural!”... criando três clones, o clone 1 e o clone 2 aparecem a minha frente ambos simultaneamente realizam os selos necessários para o jutsu Amenomihashira e encosto minhas mãos em seus ombros canalizando aquele chakra dado por Shion. Ambos os clones criam em suas mãos uma grande esfera cada, com outras esferas menores dentro, ao perceber a investida dos outros aliados tiro a mão dos ombros dos clones e ambos irão saltar em direção a Lilith na tentativa de acertá-la com os dois Amenomihashira. Quando ambos os clones pulam, realizo os selos necessários para realizar o jutsu Fūton: Toppa, acumulando o chakra no estômago transformando em vento e expulsa pela boca em direção a ambos os clones para auxiliá-los na intenção de aumentar a distância e velocidade no salto dos clones. Ao ser criado junto com os outros dois clones, o clone 3 fica ali em cima da cabeça do Gamabunta acumulando a energia natural e ao concluir o clone 3 irá se desfazer. Caso as chamas aumentem o Gamabunta irá para um local seguro.


Informações:

CLONE 1[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 XQKY0 CH: 289/689
CLONE 2[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 XQKY0 CH: 289/689
CLONE 3[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 XQKY0 CH: 689/689 | [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Org.easyrpg.player CN: 100/100 (Irá se desfazer)

----------x----------

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Hp210 HP: 2300/2300[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 XQKY0 CH: 664/2825[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexels ST: 01/07 |
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Org.easyrpg.player CN: 100/400

486 Palavras

_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 1280px-Kirigakure_Symbol.svg

Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 09:43



Megumi Fushiguro —

1200 1200 1200
1550 1900 1900
01 06 06



-------- Último momento ---------
Reações
Megumi corria pelo campo de batalha quando Lilith desaparecia. O garoto supunha que esta poderia ser acompanhada pelo som, mas como toda suposição, incorria em riscos de erro. Com uma reação atrasada por sua hipótese errônea, o garoto tentou conter o ataque atrás de si com um orbe de água foi o fim para ele. Este que deveria espalhar a eletricidade para longe de si, acabava servindo como uma espécie de condutor. Afetado pela eletricidade, nada pôde fazer para conter as chamas de enton que o consumiram.

Megumi retornava ao momento em que Lilith ia atrás dele, com o poder de Katsura em ação, o garoto tinha todo o percurso temporal até esse ponto rebobinado como em uma gravação, ele parecia estar em uma outra dimensão, quando presenciava suas ações e as dos demais, desde que o começo do ataque de Lilith, até o momento em que esta ceifava sua vida. A Hattori o daria uma nova oportunidade para continuar lutando, junto com a voz de Okabe. Feliz por estar vivo, Megumi sorria agradecido enquanto voltava seu olhar para a companheira de Shion.

Cajado e Raiton
Mais uma vez Lilith desaparecia, com o rapaz a 30m desta. Contudo, Megumi agiria diferente, ponderando seus erros, pensaria menos e agiria mais. Para melhorar suas respostas desse ponto em diante, realizando o selo do shunshin no jutsu, o Hyuuga se distanciaria de sua posição inicial dessa vez em maior velocidade, planejando se movimentar constantemente. Sabendo agora o que lhe esperava, afastava-se do local sobre o qual o cajado se fincava, correndo para frente. Com chakra guren em suas mãos, Megumi desferiria dois pares de rajadas de vento, utilizando sua palma de vácuo na direção do artefato que causara sua morte anteriormente, enquanto continuaria a se afastar deste. O alvo não era apenas o artefato que cairia atrás de si, sua intenção era ter uma área de efeito, buscando dissipar a onda elétrica, similarmente ao que infelizmente fez na batalha contra Cobra. No entanto, dessa vez Megumi estaria atento a potenciais ajudas aliadas e aproveitando o fato de que não parava de correr, buscaria controlar sua posição e o ângulo de seus golpes, de forma a evitar mandar rajadas na direção de aliados, caso por ventura, algum estivesse atrás deste.

Enton
Novamente Lilith surgia a 15m do garoto, aproveitando-se do trabalho que este teria com o raiton, Lilith disparava as chamas negras que mataram o garoto anteriormente. Visto que foi isso que selou seu destino da última vez, saltaria em 8m diagonalmente, buscando sair da área afetada, ao mesmo tempo que buscando superar a altura da onda de fogo negro. Caso houvesse um aliado próximo, saltaria na direção deste se você possível conciliar tal movimento com escapar das chamas. Caso obtivesse sucesso com o salto realizado, rapidamente estaria criando duas aves de tinta, afim de não incorrer em risco de recair sobre as chamas negras. Uma era para si, e outra para caso algum aliado estivesse próximo do chunnin e precisasse escapar dos ataques de Lilith. Caso caísse ao chão, fora do alcance das chamas, sua prioridade seria criar ditas aves.

----- timeline atual-------

Ataque
Imediatamente após o ataque de Lilith, tentaria subir até a altura de Angell, buscando achar um momento para atacar em meio às investidas de Lilith. Caso no caminho precisasse que as aves esquivassem de fogo amigo, estas o se movimentariam agilmente de forma a tentar cooperar com as habilidades aliadas, enquanto Megumi usava seu Byakugan, estudando os movimentos da aliança humana. Com o ataque de Shion sendo desferido contra Lilith, buscaria por em prática a ideia de cercar a Rainha das Trevas. Caso o fogo negro não fosse problema, se posicionaria 20m abaixo e à frente, mas 15 à esquerda da inimiga da humanidade, mas caso as chamas continuassem lá, iria se posicionar acima, frente e esquerda. Posicionaria a segunda ave 25m de distância da sua, buscando deixar como plataforma de vôo para aliados a 20m acima - ou abaixo a depender do enton - e à frente e 10m direita de Lilith. Atacaria com Suiryuben com chakra guren, em um ângulo de 45º e 20m de distância na direção desta. Usando a acuidade visual aumentada por Shion, tentaria acompanhar os movimentos de seus aliados, controlando os chicotes de água para que se movessem evitando estes e seus ataques. Tais chicotes se espalhariam no ângulo que Megumi está, para ter uma maior área de ação, chegando a 15m² como uma rede caindo sobre Lilith.

Tão logo este ataque fosse realizado, Megumi seguiria com uma segunda onda de chicotes aquáticos teleguiados, mantendo a distância e altura mas cercando a mulher em sentido horário. Novamente o objetivo é fazer com que o ataque da aliança seja o mais omnidirecional possível. Caso fosse passar de encontro com algum aliado ou técnica, subiria tantos metros quanto necessário para não prejudicar dito aliado, enquanto ambas as aves cercavam o perímetro à maxima velocidade e os chicotes iam em direção à inimiga da humanidade.

Considerações:

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 OxxAo3l

Narrador
Game Master
Narrador
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 OxxAo3l

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 13:09



Por todos nós!
Fim do Mundo


A verdadeira morte é quando somos esquecidos. Quando nenhum homem lembrar mais sua história, seu nome ou seus feitos, nesse dia você estará morto.

Vou começar contando como a alcateia ataca...
O Alfa se mantem a espreita coordenando a estratégia, geralmente ele é o primeiro alvo da presa, mas ele é apenas uma distração para o que vem a seguir.

O primeiro filhote se lançou para cima da presa, ela criou uma distração com sua tinta, ao dissipar a tinta a Imperatriz foi surpreendida e perfurada pelo filhote, mas aquilo ainda era apenas o primeiro estágio, a lobinha finalizava aplicando um selamento parando por um momento ou quem sabe até fazendo a Rainha se distrair um pouco mais.

O segundo lobinho disparou suas esferas de chakra contra a Rainha, ela conseguiu deter uma, mas foi atingida pela outra a lançando para longe, por fim ele acertou um redemoinho de água na rainha. O Inimigo cambaleia, mas estava longe de cair ainda.

O outro lobo enfurecido atrapalha a Rainha com sua areia, quase conseguiu furar seus olhos, mas o berro dado pela Rainha parou aquela areia. Lilith gritou uma vez mais sentido seu corpo ser esmagado pela areia, ela não conseguia reagir, era muito sequência de ataque por segundo.

Os lobos foram atacando um por um, golpes de Raiton, golpes de Suiton, era um verdadeiro massacre contra a Rainha do caos. Um dos pequenos tentou esmagá-la com seu mokuton, mas Lilith ainda era Lilith, ela tentou se erguer novamente.

Mas foi surpreendida com mais ataques com chakra Guren, estava quase derrotada, mas Lilith era Lilith.

O Alfa durante todo o processo se manteve na espreita, buscando a melhor oportunidade e se movendo sorrateiramente entre cada movimento, cada ação executada, quando Lilith se deu conta ela enfim percebeu no que ela estava.

Shion apareceu na frente dela com Lilith vendo sua dimensão se quebrar, o doujutsu direito do Hattori se selando, a espada vibrando entre suas mãos.
-  IZANAMI!

Lilith acreditou está se curando a cada golpe, mas apenas se via recebendo e recebendo cada vez mais ataques, ela viu seu mundo protetor se partir diante dos seus olhos, preso no poderoso genjutsu de Shion, pago com um de seus Sharingans.

Cedo de um olho o lobo se movia entre as areias de Tobirama, congelava a água do Suiton mas ao chegar o mais perto possível da Rainha, ao se aproximar ele teve a surpresa, abaixo dos pés dela se ergueram cinco estacas negras atravessando o Hattori, pernas, barriga e peito, paralisando completamente seus movimentos, grandes quantidades de sangue escorrendo pela sua boca.

A pupila do seu doujutsu esquerdo dilatou, ele olhou uma última vez para Angell, para Katsura, sorriu para as duas ele queria se lembrar bem dos rostos de suas meninas. Voltou seu olhar para Lilith. A espada do Hattori atravessou as costas de Lilith, saindo pelo seu abdômen, o doujutsu do seu olho esquerdo foi selado também com sua luz se pagando para sempre.

-  IZANAGI!
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 497c502253919a5c8663bb08bb067394
Disse o cego Hattori com a Matadora de Deuses atravessando as costas de Lilith. Ela gritava se debatia, mas então ela usou seu último recurso, ela abandonou sua hospedeira revelando sua verdadeira forma demoníaca.
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Original_e67c22dd785de9bcfb6826984b2d75eb

Se aproveitou que Shion estava cego e apareceu atrás dele sem efetuar nenhum som, ele soltou um suspiro.
- Então finalmente você saiu. – Virando seu rosto para ela, com ela podendo confirmar seus olhos completamente brancos e mortos.

Ele arrancou a espada do corpo da mulher e gritou.
- ANGELL! Salve-a imediatamente, Katsura Hyuuga ainda pode ser salva.

Lilith percebeu o quanto foi tola.
- Então você evitou órgãos vitais de propósito?

Shion acertou um golpe na diagonal na barriga de Lilith a derrubando.
- Isso foi por ter usado meu filho Shaka.

Acertou um furo no joelho dela.
-  Isso foi por Ayako.

Cortou a mão direita do demônio.
- Isso foi pelas pessoas que você usou.

Ele enfiou a espada no abdômen dela e a girou a rasgando por dentro.
- Isso foi pela minha Hope, pelo Opus, pelo Eric e por milhares que você iria torturar e matar.
Por fim ela tentava dialogar com ele em meio aos gemidos.
- Espere aí, eu posso reparar o que destruir, eu posso trazer todos eles de volta, você pode ter sua vida de volta antes de tudo isso aqui.

Shion botou o pé no peito de Lilith a empurrando contra o chão.
- Eu já tenho minha vida e minha família.
Perfurando o coração da Rainha enfim dando fim a vida de Lilith.

Shion soltou enfim a Matadora de Deuses que se apagou ao sair da mão de um Hattori, ele esticou sua mão direita e tentava se localizar com o tato até chegar a Katsura Hyuuga, ele se sentou ao lado dela e estancava o sangramento até Angell chegar.
- Você tem uma filha muito boa, me desculpe pelo que fiz a ela.
Katsura tentava falar.
- Você protegeu a minha filha eu vi, eu sou grato a isso. -
- Não fale, a ajuda já está vindo.
- Seus olhos... valeu mesmo a pena?
- Por eles? Eu faria tudo novamente. – Disse orgulhoso o cego Hattori.

Ele continuava ali sentado aguardando a chegada dos demais.

Aos poucos aqueles que restaram foram chegando para seus companheiros, o irmão de Isirus, a namorada de Tobirama, Hakurei, todos esses que Shion conseguiu salvar foram chegando, alguns até aproximaram dele para agradecer, ele apenas sorriu.
- Não foi nada, e o trabalho maior foram deles.
Enquanto isso ele apenas tentava se localizar pelo seu olfato, Katsura chegou o ajudando a se levantar.
- Você tá legal?
-  Agora sim. – Sorria o Hattori.

Enquanto isso bem sutilmente o sangue de Lilith começava a desenhar um símbolo, durante vários minutos ninguém notaria, mas após um longo tempo de despedida e descanso, uma luz branca se ergueu saindo do chão ao seu.



Consideração:
Premios:

Hattori Shion:


-x-

Bahko
Genin
Bahko
Vilarejo Atual
-x-

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 13:51



Uzumaki Naomi

O Fim

Enquanto atacava a inimiga, Naomi viu Lilith conseguir defender vários ataques, enquanto outros eram completamente defendidos. Enquanto isso, Shion foi se aproximando e conseguiu utilizar alguma coisa, mas foi pego em um golpe baixo de Lilith, que liberou sua verdadeira forma. Impactada com a cena, a médica se manteve voando enquanto olhava o acontecimento fenomenal de ver a inimiga finalmente sucumbir aos ataques da aliança.

Quando percebeu, a luta havia acabado e os pais da médica apareceram, indo a abraçar. Com uma extrema felicidade, Naomi gritou: - EU RECUPEREI A MINHA VILA! - Bradou com todo o ar possível que havia em seus pulmões. -Isso mesmo Naomi, nós conseguimos. Agora apenas quero paz. - Dise Kokuo. Depois de abraçar a família, Naomi irá correr até Akira e tentar lhe abraçar com muita felicidade. - Ganhamos Akira, ganhamos! - Para então, falar com todos da aliança. - Não teria ganho minha Terra de volta sem vocês! Muito obrigado por terem confiado em mim para participar da luta. Espero que possamos nos dar bem no futuro. - Falou, para direcionar-se à Shion. - Não teríamos conseguido terminar a luta sem você. Apenas posso agradecer do fundo do meu coração. - Era notável a felicidade da Jounnin por conseguir derrotar Lilith, mas principalmente poder voltar para Iwagakure. Agora sua honra já havia sido restaurada, não havia mais com o que se preocupar. Era o que pensava, até que viu um clarão tomando o campo de batalha, trazendo um certo desespero de volta.

Considerações:

HP: -x- CH: 6475/6475 CN: 000/400 Gobi: 2450/3500 ST:00/15



_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Dwqqy2b

Angell'
Lenda Ninja | Sannin
Angell'
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Dwqqy2b

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 14:42


Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 3500/3500 | CH: 7300/10300 | CN: 000/400 | ST: 02/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Byakugou no Jutsu: 02/08 ]
[ Hachibi: 2000/5000 ]


Os olhos floridos de Angell, voltando a ser capazes de acompanhar as movimentações – forçadas – da imperatriz do caos, observavam cada milímetro que a outra percorria com atenção e ansiedade; estabilizada no ar, pouco acima do ponto em que Lilith estivera até ser atirada violenta – e merecidamente – para o lado, ela assistia ao show que o poder dos aliados da causa Hattori provocava, seguido da finalização majestosa de seu pai. Mas, ao invés de sorrir, Angell mordeu seu próprio lábio inferior com força, notando o aumentar de suas preocupações; logo no início, como se não bastasse o cansaço e o agrisalhar dos cabelos de Shion, agora um dos olhos dele perdia o brilho primeiro, fazendo-o direcionar o outro olho para a azulada e para Katsura, conforme sorria, e, então, sacrificava a visão do lado oposto do rosto também. Ela até tentou conter um suspiro cheio de nervosismo, mas, ao ver Lilith se agarrando a uma última saída para tentar salvar a própria existência, enfim libertando sua mãe de seu mundo, entreabriu sua boca e deixou escapar dela uma expiração mais brusca, rápida e breve, mas bastante carregada.

Com o chamado de Shion, que ainda golpeava a imperatriz do caos, Angell se aproximou às pressas. No caminho, conseguiu captar e decifrar o diálogo entre ele e sua mãe de seu mundo – claro, concordando com ela, mas apenas mentalmente naquele momento. E, ao alcançá-los, ela externalizou e expandiu mais uma vez seu chakra medicinal na forma de sua barreira curativa mais poderosa, a fim de envolver ambos os corpos com sua técnica, por mais que soubesse que seu pai há muito tempo não gostava mais de precisar contar com sua ajuda para se recuperar das batalhas que travava. A azulada também percebeu a chegada – e a sequente aproximação – de Hakurei e alguns outros sobreviventes de todo aquele mundo ninja, mas, antes de mais nada, desativou seu Gyuuki Modo, atirou-se em seu pai, desferindo nele um abraço apertadíssimo, cheio de alívio por ele estar vivo e ter conseguido finalizar a batalha de todos contra Lilith e preocupação com a situação em que os olhos dele estavam agora, repousando seu queixo no peito dele e elevando seus olhos até encontrar com eles o rosto alheio.

– Esta minha técnica é forte o bastante para recuperar a mamãe, – a azulada começou a explicar, – mas não para recuperar seus olhos, papai. Você não tem mais aceitado meus cuidados, mas me deixe devolver sua visão desta vez. Por favor, papai, como uma prova de reconciliação entre nós dois e um sinal de todo o meu amor por você. – passando a murmurar só a ele. – Você precisa entender, papai... que você é tudo para mim, e que eu quero te proteger mais que a qualquer outro. Precisa entender que nunca fez qualquer mal a mim, mas me salvou deste mundo frio e escuro e da melancolia da minha solidão quando eu mais precisei e não tive mais ninguém. Você é o meu herói, papai... o maior, o melhor e o único que eu preciso e sempre vou precisar.

Ela tentou sorrir para Shion, mas não conseguia sequer fingir alegria ao ver os olhos dele sem qualquer brilho. Aos poucos foi voltando a soltá-lo, para poder dar alguma atenção à sua mãe de seu mundo; aproximou-se mais, ajoelhando-se do lado direito do corpo dela, e a tocou sutilmente na testa, como se lhe medisse a temperatura.

– Você logo vai melhorar, mamãe. – Angell comentou. – Só não se mexa nem fale muito por ora; seu corpo ainda precisa ser recuperado.


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 20f36534d9a5a98770641103766a9261

sinhorelli
Hokage
sinhorelli
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 20f36534d9a5a98770641103766a9261

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 14:48

Isirus atento e aproveitando os pequenos intervalos dentre os ataques de seus aliados, contra Lilith, para realizar as suas ofensivas, mas Lilith aparentemente resistia a tudo, "Que droga, essa mulher tira forças de onde?! ... Foco, foco, foco garai!".

A rainha infernal - mesmo diante de sua verdadeira forma -  no fim havia sucumbindo pelas mãos de Shion, mas nem toda morte é de graça, tudo nessa vida se tem um preço e, estes foram os olhos do Hattori, com seus cabelos totalmente grisalhos, caminhando até se aproximar de Katsura, que lhe prestava os primeiros socorros.

- Que pesado! - o pequeno senju abaixava a cabeça, tristonho com a cena que presenciava.

- Ei, seu cabeça dura! Você chorando?! O que aconteceu com o meu mano?! - uma voz familiar, chamava a atenção do pixaim. - Obrigado senhor, espero que ele tenha dado trabalho, pois é o que ele faz de melhor! - o jovem agradecia Shion.

- Imatsu!? - o garoto senju, agora em prantos, corria em direção ao seu irmão mais velho, saltando e sendo recepcionado por seu abraço fraterno. - Eu achei ... que tu ... tinha morrido ... seu idiota! - enquanto chorava, soluçava a cada suspirada.

- Estou sim, pelo visto você cresceu um pouquinho eim ... ah não, é essa juba que deve ter crescido mais! - Imatsu gargalhava junto ao seu irmão mais novo, que voltava sua atenção a Naomi, que se dirigia aos demais da aliança - Quem são eles!? - questionava-o pequeno.

- É a tia Naomi, e aquele ali é o Megumi meu amigão, tem o Jyu o rabo de cavalo, ele é bem agressivo mas é gente boa, tem o suicida do Baldur ... - dizia o pixaim, enquanto apontava os seus companheiros de batalha, sendo interrompido por Imatsu com um "Suicida?!" - Ah, depois te explico. Aquele é o pink dinky doo, tem o Ran e o Tobirama, ele parece ser meio sério, mas o tempo que estive ao lado dele em batalha, é gente boa também. Aquela é Angell, tu já deve conhecer claro ... Preciso só fazer uma coisinha! - distanciava de seu irmão mais velho, indo em direção a Shion e tocaria seu ombro esquerdo. - Ei, obrigado! Sinto muito pela perda de seus olhos. - com um olhar de preocupação, olhava para os cabelos do Hattori, em seguida olhando para a azulada, Katsura e logo voltando sua atenção ao homem. - Eu fiquei feliz de ver meu irmão, eu brinco muito sabe, mas sei muito bem o que aconteceu e estava acontecendo, confesso que não sei se deveria comemorar, sabe?! É que ... - quando uma luz branca chama sua atenção, Isirus se coloca a 2m a frente de Shion, mantendo sua carranca armada, atento ao que havia lhe chamado a atenção. "Não se tem um minuto de sossego, que inferno!"

HP: 2300/2300 | CH: 2375/2375 | CN: 000/400 | ST: 01/07

CONSIDERAÇÕES:
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Edahn_10

levitico10
Tokubetsu Jonin
levitico10
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Edahn_10

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 15:37


Fim do Mundo
E P Í L O G O

A combinação executada contra Lilith representava o auge do que aquele grupo conseguia fazer. Todos usando suas habilidades em seu máximo pra criar uma chance, uma abertura, baseavam-se em esperança. Sua esperança era de que conseguissem operar um milagre contra a força que devoraria a terra se não fosse parada.

O milagre que esperavam foi extraído do vazio por sangue suor e lágrimas, pelo poder dos maiores shinobi de uma geração. A fúria combinada dos presentes deu a Shion a oportunidade de atacar Lilith. Num instante pareceu que o milagre havia se tornado pesadelo, Shion havia sido transpassado por lanças de escuridão pura. No entanto, quase como um milagre por si só, Shion pareceu ignorar as feridas sofridas, emergindo incólume logo em seguida, como se o Hattori que todos haviam visto morto fosse mera ilusão. Ele separou Lilith e Katsura, desferindo sobre a vilã o golpe final.

Em seus últimos suspiros ela prometia desfazer o mal que causara, mas até para o garoto que não tinha a menor experiência real com o mundo aquilo parecia uma mentira desesperada. “Não há como confiar em Lilith.” Quando aquele pesadelo por fim se encerrou, Ran ainda não acreditava completamente.

-Vai... vai todo mundo ficar bem? Acabou? – Perguntava a ninguém em particular, ainda incrédulo.

Notou que não estavam todos exatamente em perfeitas condições. Havia nos presentes cansaço, ferimentos e Shion parecia ter aberto mão de sua visão para fazer com que aquilo acontecesse. Além disso, Katsura havia se livrado de Lilith mas isso não significava que estava fora de perigo. “Um alto preço foi pago por isso.” Pensava de forma solene

E então uma voz em sua cabeça que quase não reconhecia como sua ressemeava as dúvidas que tinha desde que Lilith havia invadido o acampamento. “Será que isso tudo foi pelo menos real? E se for, foi necessário? Você acha que esse mundo sequer importa ou é apenas uma ilusão?” Questionava-se naquele momento. “Você vive, você morre, você sangra, por uma fantasia na sua cabeça? Na sua mente, por esses olhos, você vê que é uma fantasia?”

Sacodiu a cabeça levemente tentando se livrar desses pensamentos. Lilith estava morta e ele não estava nem um pouco mais perto da verdade. Ela não era mais uma ameaça, mas sua jornada estava longe de acabar, e ela se provou não um passo a frente, mas apenas um obstáculo desastroso de se superar. “Ou será que ela foi a primeira a abrir meus olhos? Quando tudo isso acabar eu amaldiçoarei seu nome ou serei grato por me colocar no caminho pra verdade?”

Qualquer que fosse a resposta certa, não a encontraria ali. Devia se concentrar no que estava a sua frente, um passo de cada vez, o resto viria depois, se sobrevivesse. Pra começar se dirigia aos demais:

- Pessoal, obrigado por tudo! – O garoto nem sabia o que dizer naquele momento, ou mesmo se devia estar falando pra começo de conversa, mas seguiu mesmo assim. – Quer dizer... vocês salvaram o mundo! Eu provavelmente não vou ser o último a dizer isso, mas obrigado.

Dirigiu-se então a Shion, uma figura tão desconcertante e em um momento tão frágil. Curvou-se diante daquele homem, mesmo sabendo que ele não podia ver seu gesto, em uma profunda reverência. – Obrigado! – Disse simplesmente, incapaz de colocar em palavras todos os seus sentimentos conflitantes de idolatria e desconfiança.

Verdade seja dita, o garoto não tinha 100% de certeza se ele era apenas o salvador de todos ou o traidor primordial, que havia permitido que toda aquela desgraça acontecesse pra começo de conversa. No entanto, no fim das contas, seja esse mundo real ou não a verdade é que era o único que tinha, e ele era o principal responsável por ele ainda existir. Nunca deixaria de desconfiar dele, mas até que alcançasse a verdade ele dependeria da continuação daquele mundo, e isso ele hoje devia principalmente a Hattori Shion.

Permaneceu lá por alguns segundos, parado na mesma posição, antes de erguer-se e se retirar. Viu a família ao longe, junto dos sobreviventes. Seus pais e sua irmã permaneciam em suas posições, auxiliando os presentes como era esperado deles. Parte de si esperava que abandonassem temporariamente seus afazeres oficiais ao ver que seu filho havia sobrevivido à calamidade, mas não estava exatamente surpreso com o fato de que isso não tinha se concretizado. Não via Ryushi em lugar nenhum, e temia pela vida do irmão, até ser surpreendido por um abraço. Seu irmão mais velho nada falou e apenas ficaram os dois ali, incapazes de colocar em palavras o alívio que sentiam ao reverem um ao outro.





HP: 675/675 | CH: 1163/1325 |   ST: 00/05

CONSIDERAÇÕES:
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 16:46



Megumi Fushiguro —

1200 1200 1200
1750 1750 1750
00 05 05




O shinobi teve uma nova oportunidade de lutar, graças a Katsura. Com seus maiores esforços tentava alterar o resultado de seu destino, mas não fora capaz de conter todo o poder de Lilith. Megumi imediatamente foi nocauteado. Indo e voltando de sua consciência, alguém o salvara, mas não conseguia perceber quem. Com um zumbido em seu ouvido, sua visão turva notava silhuetas diversas se movimentando e batalhando.
A aliança havia feito seu movimento e a única coisa que o garoto podia fazer, e mal, era testemunhar. Com um zumbido em seu ouvido, como se tivesse explodido uma granada ao seu lado, o garoto mal conseguia se manter consciente, vendo os eventos se desenrolando e o plano de Shion sendo posto em prática. O piscar de olhos de Megumi parecia longo, com este registrando porções do que ocorria. Com o Hattori golpeando Lilith em meio a abertura criada pelos ninjas, Megumi via o golpe de Shion extrair a besta para fora de sua hospederia, para então golpeá-la de maneira brutal. Restava-lhe esperar pelo melhor:

- Lutem... Lutem... Lutem... - Pensava enquanto mais uma vez sua consciência o abandonava.

- Megumi! Megumi! Megumi! - Uma voz que parecia distante, como num sonho, despertava o garoto, que estava visivelmente derrotado, com partes de suas roupas rasgadas, algumas queimaduras e sangue escorrendo de sua testa sobre seu olho.

A voz pertencia a Okabe, parceiro de Megumi, que largava sua muleta de lado e abraçava o garoto recém-acordado no chão:
- Megumi! Achei que ia te perder. Que alívio. - A pressão gerava desconforto ao garoto que franzia o cenho com dor.
- O-Okabe? Eu não acredito... Você está aqui? Como? Por... quê? - O ninja de Konoha punha a mão direita na cabeça em sinal de confusão e dor. Enquanto olhava em volta e percebia o que acontecia. Os entes queridos dos aliados estavam ali, mas o terreno da batalha indicava que não estavam no outro mundo.
- Eu... Não pude ajudar, não é? Entendo... - Decepcionado consigo mesmo, o garoto foi fortemente abraçado por Okabe, que rapidamente responderia:
- Eu não ligo! - O abraço apertado doía, mas valia a pena. O garoto abraçou em resposta, ficando algum tempo no chão com seu amado.

Após alguns longos instantes, o ninja então se levantou e ajudou Okabe a fazer o mesmo, devolvendo-lhe a muleta.
- Estou tão feliz que está vivo, Okabe. Achei que Lilith havia lhe matado. - Diria Megumi surpreso com a presença deste:
- E você estar aqui comigo, é sinal de que seus pais... - Indagava sem saber o que acontecera com os pais do garoto.
- Estão bem, e não puderam me negar o direito de vir lhe procurar. - Respondeu de pronto, Okabe.
- Entendi. Okabe, me dá um instante? Preciso falar com meus aliados. - O ninja recebia uma resposta positiva com a cabeça, enquanto Okabe procurava um lugar sobre o qual se sentar.

Surrado e envergonhado, o jovem garoto se movia mancando até os demais membros da aliança, por vezes cercados de entes queridos. Shion agora sem sua visão
- Pessoal... Obrigado. Eu sinto muito por não ter sido de muita ajuda. E vendo a situação de todos aqui, acredito que eu estaria morto se não fossem por vocês. Isso vale para os shinobis que conheci, mas em particular a Shion e Katsura. Sem vocês tudo estaria acabado. Sinto muito sobre sua visão, Shion-sama... Espero conseguir me encontrar com todos vocês de novo em breve. Ainda precisamos comer aquele lamen com o Kaonashi, Isirus. - Diria sorridente.

Após proferir estas palavras, viraria de costas para seus companheiros aos poucos. Com o sorriso se desfazendo e tornando à vergonha que o deixava cabisbaixo. Sentaria ao lado de Okabe sobre uma rocha, com um semblante visualmente abalado, mas a mão direita de seu amor tocaria a face esquerda de seu rosto, levantando-o para que Megumi o olhasse nos olhos.
- Ei. Deu tudo certo. Você ainda vai me curar não vai? - Diria com um leve sorriso reconfortante.
Megumi, recompondo-se, logo tentaria parecer mais confiante, até de fato sentir-se como tal. Com um último sorriso diria:
- Sim!
Logo Senna e Kentaro, a professora de Iryou e o bibliotecário amigo de Megumi, se aproximariam dos dois, abraçando o ninja ao chegar. Megumi aqueles que ele amava, estavam reunidos. De longe Yuki Tsukumo, a mentora que o ensinou o choju giga, apenas observava sorridente, imaginando que história Megumi ainda teria pela frente.

Considerações:

Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 18:23



O desfecho da batalha contra Lilith, todos vocês puderam ler, imaginar e sentir, conduzidos pelas palavras que narram esta saga épica. Mas como toda jornada memorável, esta orquestra de luta, sangue e vitórias, também nos trás um pouco de dor no coração, principalmente nas notas finais. O bravo guerreiro Hattori sacrificou-se de inúmeras formas para livrar a terra da ameaça de Lilith, carregando consigo um peso enorme em suas costas que agora umedeciam o chão. O suor e o sangue do Rei Hattori talvez pudessem ser traduzidos como as lágrimas de sua alma, ou um último lamento do seu espírito que agora deixava a sua casca mortal para receber a sua próxima missão no mundo espiritual. De todas as dores do mundo, a verdadeira Saudade talvez seja a maior delas... pois é uma dor tão grande, que ultrapassa o indivíduo, e passa a ser sentida por todas as pessoas que tiveram uma história com ele. É a única dor que transcende a morte. É a única dor digna para aqueles que tem grande coração.

Hattori Shion foi o único homem que Tobirama não precisou se esforçar para respeitar e confiar, mesmo diante de tantas incertezas durante a trajetória. Pelo contrário, o nukenin se esforçava para desconfiar, temer que a mão do Hattori empunhasse a Matadora de Deuses, mas a cada desafio ele confiava mais em seu lider.

Tobirama se abaixou ao lado de Shion, seus olhos arregalados, espantados por vê-lo fragilizado daquela forma. Mesmo com Medivh mostrando o preço que ele deveria pagar, o jovem não entendia como tantos destinos foram alterados, com exceção da penitência de Shion. Tobirama tinha esperanças de que aquele final também fosse diferente, com Shion vivo a guiar o mundo para um destino melhor, afinal, era apenas ele quem tinha a sua confiança. O Uchiha não entendia muitas coisas da vida, e cada mudança na linha do tempo o confundia... mas, de todos os momentos, Tobirama sabia muito bem reconhecer quando era a hora de dizer adeus.

O Nukenin olhou para o lado e viu Mahina viva, como ele próprio duvidava que seria possível diante do caos. Então uma única palavra escapou da sua boca, da forma mais natural possível de ser...

- Obrigado... – sussurrou.

Ele enfim se levantou, olhando para Shion com os olhos marejados.

- Eu esperava que este fosse o seu trabalho, o dever de estar presente para proteger a todos. Você não deveria partir. E eu imaginava que o meu trabalho se encerraria aqui, após ajuda-lo nesta tarefa que Medivh me designou... eu me iludi achando que depois eu poderia ir embora para qualquer lugar, e viver a minha vida sem ter que me preocupar com ninguém. – Então ele olhou para Mahina. E depois olhou para todos os outros. – Pois bem, eu estava errado, como quase sempre estou... você me mostrou que esta tarefa não pode ser de uma pessoa só, e é por isso que eu continuarei a existir entre os homens, e eu protegerei os justos, assim como Hattori Shion um dia o fez. E eu tenho certeza que o seu legado será passado através de cada um de nós da aliança shinobi. Adeus, nobre guerreiro. – dito aquelas palavras, o rapaz se virou e caminhou para perto de Mahina e dos outros sobreviventes.




3000/30008920/103250/14


Considerações:


Bônus e Dados:

Jutsus Ativos:

Itens:

Energy Manager:


Qualidades:


[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Templ126

Raves
Chūnin
Raves
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Templ126

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 18:37

Palavras: 384
Fim do Mundo
Conforme todos atacavam, inclusive tal Haruno, todas as emoções conhecidas pelo homem saltavam contra o peito de Haruno Akira. A tensão de confrontar aquele momento, a ansiedade pelo resultado final, o estresse provocado por toda guerra, eram somente alguns dos milhares de sentimentos impostos em cada projétil de magma disparado contra a imperatriz infernal. Porém, a cada ataque que parecia em vão pelas defesas de Lilith, tinham a singela esperança e o propósito oculto de trazer o verdadeiro ataque que selaria aquela guerra de uma vez por todas...

E assim foi feito, numa fração de segundos, Akira conseguia visualizar Hattori Shion finalizando a imperatriz escarlate em sua verdadeiro forma, trazendo então a vitória para a Humanidade. — Nós... Vencemos? A guerra... Terminou? — Indagava, demorando alguns segundos para sua consciência finalmente aceitar, junto a resposta de Son Gokū em seguida. "Nós vencemos, o mundo está a salvo." Akira realizava um grande esforço para manter sua compostura, lembrando-se de tudo que ocorreu durante aquela extensa batalha, enquanto observava seus companheiros tendo um caloroso reencontro com seus familiares. "Onde estão seus entes queridos?" Perguntou um tanto receoso, já esperava pela resposta que viria. "Mortos. Noragami, Hayato, Yosafire... E não encontrei sinal do Kenichi entre os sobreviventes." Um fungar nervoso era emitido, buscando reprimir aquela intensa tristeza que chegava. "Sinto-me como dez anos atrás... Sozinho, mesmo que sem intenção." Os cabelos rosados já aceitava aquela realidade, antes de sentir alguém correndo em sua direção. "Não se precipite."

De repente, Akira sentia um par de braços envolvendo seu pescoço. Um olhar confuso era direcionado a Naomi, que saía de perto de sua família para comemorar junto consigo, fazendo tal Haruno marejar um pouco os olhos pela consideração. "Talvez.. Eu tenha ganho uma nova família, no fim das contas."Obrigado... — Sussurrava um tanto contido, virando seu olhar para um Shion grisalho e atualmente cego. — Mesmo que as circunstâncias não tenham sido as melhores, sinto que agora eu encontrei um lugar no mundo no qual sou aceito e isso tudo graças a você... Muito obrigado, por tudo, Shion. — Permitia que um singelo sorriso enfeitasse seus lábios, junto as lágrimas que não era mais capaz de guardar para si, encontrando o conforto que sempre buscou naquele abraço e no sentimento de união que se estabelecia naquele instante.

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Hp210 HP: 3515/3525 [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 XQKY0 CH: 7516/6075[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexels ST: 01/15
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Org.easyrpg.player CN: 100/400[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Sem_tz99 YONBI: 2488/3000

Falas | "Pensamentos"

Considerações:

_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Template_de_Imagem
"A ciência é o antídoto para o veneno da superstição."

Criação de Habilidades | Evoluções |  Recompensas Diárias
Baldur
Jōnin | Herói
Baldur
Vilarejo Atual

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 18:39



Uzumaki Baldur


Vendo toda a movimentação ainda de cima do Gamabunta, percebendo que um dos ataques houve um sucesso, plano está indo tudo nos conformes… “É isso aí! Agora sim ela irá morrer e isso também está consumindo o Shion.” Quando Lilith toma sua verdadeira forma atrás de Shion, sem que houvesse tempo de avisá-lo e vejo o Shion virando em direção a Lilith. “Ele conseguiu perceber…” O Shion mesmo em seu estado ainda tinha forças para atacá-la e assim pôr fim a Lilith.

Desço do chefe Gamabunta, descendo percebo as chamas se apagando e antes de desfazer a invocação digo… -Agradeço pela sua ajuda sapo chefe Gamabunta!- Corro em direção aos aliados, o primeiro com quem eu falo é Isirus e ao chegar próximo do mesmo… -Conseguimos!!- Depois de falar com Isirus, falo com os outros… -Graças a vocês colocamos um fim a isso tudo! Naomi, eu vi a corrente que você usou para segurar o rapaz e agradeço pela sua ajuda. E agora será um grande trabalho para restaurar a ordem!- Olho sorridente para o rosto de cada um e gravando cada um dos rostos em minha mente. Volto meus olhos para Katsura! -A Angell irá te ajudar nessa recuperação!- E desativo meu Byakugan.


Informações:

----------x----------

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Hp210 HP: 2300/2300[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 XQKY0 CH: 1906/2825[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexels ST: 02/07 |
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Org.easyrpg.player CN: 100/400

204 Palavras

_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 1280px-Kirigakure_Symbol.svg

Hey There!

Hikaro
Espadachim da Névoa | Herói
Hikaro
Vilarejo Atual
Hey There!

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 19:55



jyu viole grace

Medo! Que velocidade é essa???

⌠CH⌡ 2800/3250 ⌠HP⌡ 3350/3350⌠Stamina⌡ 001/011
⌠Sanbi⌡
1000/2500 ⌠Palavras⌡501
⌠Kirika HP⌡1000/1000 ⌠Kirika CH⌡800/1000

Por algum milagre, o garoto havia conseguido sobreviver a tudo aquilo. As investidas de todos os oponentes com quem lutara até então. Brain. Cobra. E agora, Lilith. Deu tudo de si em cada uma das batalhas, mas nunca pensou se sentir do modo que estava se sentindo quando Shion finalizou a Rainha do Submundo.

Os ataques foram coordenados de tal forma que ele não sabia como era possível alguém sobreviver a tanto poder emitido pelos jinchurikis e pelos outros membros da Aliança Shinobi. A fúria implacável de Shion ao perfurar o corpo de Lilith, a aparição demoníaca quando a mulher mostrou a sua face... Tudo aquilo fez Jyu estremecer. Como era possível ela ter tanto poder?

Mesmo perante aquilo, Shion continuava a atacar, a ferir a mulher com tamanha maestria, findando com sua vida ao perfurar o seu coração, o que trouxe a sensação de alívio para o jovem tokujo, que desfez naturalmente o seu Isobu Modo.

Com um grito, o rapaz comemorou a vitória. Deu um pulo, de forma quase infantil, enquanto socava o ar, ouvindo apenas a risada de Isobu internamente. Sentia uma estranha força em seu corpo, uma estranha sensação de leveza em seu peito... Não sabia quanto tempo ficou naquele estado de euforia, mas tudo pareceu desaparecer ao ver a forma com que Shion estava, fez o coração de Viole se apertar.

Shion estava cego, seus cabelos grisalhos, dando uma aparência extremamente frágil ao homem mais poderoso que Jyu já havia conhecido. O tokujo se aproximava daquele que ele aprendeu a admirar em Nazjatar, que lhe mostrou que nem sempre atacar com todas as forças era necessário e que se controlar era algo essencial em um shinobi...

Enquanto pessoas se juntavam aos seus conhecidos, amigos e parentes, Jyu se aproximou de Shion, dando um sorriso que sabia que não seria visto pelo Hatori. Nesse sorriso, havia um misto de sentimentos que o garoto não sabia explicar, desde felicidade por ter sobrevivido aquela batalha infernal, como um misto de preocupação e pena daquele guerreiro.

[Jyu]- Senhor Shion... Apesar de termos nos conhecido há pouco tempo, foi graças o senhor que eu ganhei um amigo para toda a minha vida... Aprendi a ver as coisas com mais clareza, a controlar um pouco o meu impulso destrutivo... – dizia, enquanto sentia sua voz embargar levemente. - ...Obrigado por todas essas lições, senhor Shion...

De suas costas, uma das caudas de Isobu se projetou, tocando levemente o ombro de  Shion, o seu antigo hospedeiro. Respirando fundo, o garoto deixou com que a voz da tartaruga de três caudas fosse projetada por sua boca, para que o bijuu pudesse se despedir.

[Isobu]-Obrigado por tudo, menino Shion... Por me mostrar que humanos podem ser bons... E por todo o tempo que estivemos juntos... Obrigado... – e, então, Jyu abaixaria a cabeça, fechando seus olhos, tentando se controlar para não chorar, afinal era difícil para ele ver o homem que ele aprendeu a admirar estar naquele estado, não percebendo o enorme clarão que assolou o mundo...


((Considerações Finais)):

_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 1udpIjj

Shion
Administrador
Shion
Vilarejo Atual
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 1udpIjj

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado 25/6/2021, 19:57



Por todos nós!
Fim do Mundo


A verdadeira morte é quando somos esquecidos. Quando nenhum homem lembrar mais sua história, seu nome ou seus feitos, nesse dia você estará morto.

- Foi mesmo necessário?
- O que?
- Seus olhos, você os amava.
- Nos vencemos Katsura... Nós vencemos...
Os dois conversavam pela mente enquanto as pessoas iam se aproximando.
Shion ia os conhecendo pelo cheiro, a primeira foi a Uzumaki Naomi.
- Fico feliz que resgatamos a sua casa.

O Próximo cheiro que ele sentiu era de sua pequena, ele conseguiu esboçar um sorriso ao sentir o cheiro do seu chakra medicinal. Ela disse palavras fortes, apenas deixou o chakra dela fluir pelo corpo dele, mas infelizmente ele não foi capaz de devolver a visão para Shion, ele apenas a abraçou forte contra seu corpo, apertando Angell com bastante força.
- Eu encontrei pai, eu encontrei aquilo que você sempre disse, hoje se eu sou feliz aqui, foi você que me mostrou como. -

Cada momento que as pessoas iam chegando Katsura Grey olhava o respeito que elas tinham por Shion, ficava admirada com tudo isso, vendo o que o marido conquistou.

O cheiro de um outro garoto se aproximou, disse também palavras bonitas e questionamentos para o Hattori. Shion tentava tocar no ombro dele, mas não o encontrava, porém Katsura guiou sua mão até o ombro do garoto.
- Você tem muito o que comemorar, abrace forte seu irmão. – Dando uma leve apertada no ombro esquerdo do garoto.

O outro garoto do clã Uchiha se aproximou também e foi corrigido por Shion.
- Nós, nós salvamos, se cravamos o coração do demônio foi graças a vocês.

O outro Hyuuga se aproximou dizendo algumas palavras reconfortantes.
- Não pensem que conseguiria me aproximar sem a sua ajuda, sinta-se orgulho por ser quem você é.

A cada novo aliado que prestava respeito ao Hattori, Katsura admirava mais, entendia mais o porquê ele deu tanto de si para chegar aonde chegou.

- Entende agora Katsura? Entende o porquê eu fiz tudo que fiz, olhe para aqueles rostos alegres, eu consigo sentir o sorriso deles daqui.
- Sinta-se orgulhoso. -

[...]


[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 MiserableImpishCassowary-size_restricted
Toda aquela comemoração foi finalizada com um grande clarão se erguendo abrindo o céu, uma força tenebrosa se ergueu do sangue de Lilith, a terra começava a tremer, uma forte ventania empurrava todos para trás, uma silhueta angelical se erguia aos céus, uma voz tão doce e bela invadia as mentes dos presentes.
- Obrigado, Lilith jamais teria coragem de se matar, mas vocês foram realmente muito bons.

Dizia o diabo olhando para as formigas a sua frente.
- Preciso limpar esse lugar de todo o entulho, então morram logo calados.
O balançar de suas asas gerou uma supernova eliminando toda a vida da terra completamente.

Shion se assustou estendendo sua mão para frente, mesmo cego ele conseguia enxergar a divindade que era aquele homem em sua forma real.
- Que ser mais... imponente...

Quando o clarão da explosão passou, a terra estava completamente limpa, não existia mais o cheiro de nenhum de seus aliados, estavam todos mortos, ele não sabia como foi salvo, apenas sentiu o toque de Katsura em seu ombro.
- Peguei você.

Katsura usou até o último recurso de suas forças para proteger Shion, mas não era só ela, uma pequena fenda se abriu e estavam todos lá, Hope, Ayako.
- Pai, nos viemos ajudar você, VOCÊ TEM QUE VIR AGORA.

Esse mundo já estava perdido, não tinha mais meios para salvar. Ele estava tão assustado sem reação que apenas se deixou guiar por Katsura para dentro do portal, mas ao chegar na entrada ele parou.
Katsura apertou a mão dele assustada.
- A gente deu sorte...
Ele concordava
- É eu sei...
- Várias pessoas não...
- Não... não consigo ajudar todo mundo...
- É, mas eu consigo ver em seu rosto que acha que consegue.
- Não se eu não olhar para trás, posso botar um ponto final nisso agora e encerrar.
Ela tocou no rosto dele com seu dedo fazendo carinho.
- Shion, tentar te fazer parar foi uma das poucas falhas de toda minha vida.
- Alguma coisa me diz que devo só seguir em frente, trancar a porta e esquecer tudo isso. -
Ela o abraçou colocando a cabeça de ambos no ombro alheio.
- Mas seria capaz de relaxar? – Sussurrava a Grey aos ouvidos dele.
- Minha casa é aqui... eles... todos eles são minha família, eu preciso tentar. – Tocou no rosto em sua marca. – Isso... isso tem que significar algo, muita gente morreu para eu estar vivo, muita gente boa se machucou pra gente simplesmente falhar aqui e agora.
- Você já deu tudo a eles.
- Não... nem tudo. – Disse Shion decidido

Katsura soltou a mão de Shion, deu um último beijo em seu amado, foi quando ele mexeu seu nariz sentindo o cheiro salgado das lagrimas de Katsura.
- Salva eles Shion.

Katsura entrou tocando sua barriga meu triste, olhou para Hope.
- Não vai dizer pra ele?
- Ele fez a escolha dele, eu vou respeitá-la. – lamentou a Grey

A porta de fuga e salvação se fechou para sempre, Shion caminhou sozinho por todo aquele nada, Lúcifer passeava pela terra buscando sobreviventes e sentiu enfim o chakra de Shion, indo de encontro ao Hattori, afinal Shion tinha algo que pertencia ao diabo.

Shion andava com os braços apontados para frente tentando se localizar, até que sentiu seus pés tocando algo, ele se abaixou parar pegar e a sentiu, A Matadora de Deuses, segurou firme nela analisando e pensando, ao aproximar ela perto de sua marca ele sentiu o cristal que dava energia a espada reagir, sorrindo ele retirou o cristal da arma a largando no chão.

A sua frente estava seu ultimo desafio, o rei absoluto do inferno, Lúcifer encarando o Hattori de frente.
- Vejam só o que restou. – Ele notou a cegueira nos olhos do Hattori. – O messias cego. – Debochava Lúcifer.

Shion ergueu sua cabeça apertando o cristal em sua mão e sorria para o diabo.
- Eu consigo te ver, eu consigo te ver muito bem.
Abrindo seus olhos selados, mas ainda expressando um sorriso no rosto. Ele de fato não enxergava, mas conseguia ver a aura angelical de Lúcifer.

O cristal brilhou em sua mão, a marca reagiu forte também ascendendo, o Hattori gritou de dor, mas ele continuou forçando tanto que seu corpo cintilou entre as vibrações do universo, ecoando seu grito pelo mundo.
- O que pensa que está fazendo? – Questionava o diabo

Shion olhou para trás vendo sua última esperança.
- Shaka estava certo... esse mundo precisa ser refeito. -
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 C1f38f0ab0dcaa60100f58227c0e1c43d28f8efa_hq
Um brilho de luz estava a sua frente, uma pequena fenda aberta com o contato da marca de Cain e o cristal concedido por Hagoromo
- Tá... é só ir além da velocidade da luz, muito além da velocidade da luz, tem que ser agora, VAMOS MEXA-SE! – Shion falava com ele mesmo tentando se encorajar. – TATAKAE!

O Hattori correu rumo a luz, atravessando todas as barreiras do impossível, chegando ao núcleo de tudo.
- Seu futuro é você quem faz... – murmurava

Shion ergueu a pedra de Hagoromo para o núcleo da existência, ele conseguiu ver todas as trajetórias da história, viu onde tudo começou e aonde ele poderia chegar.
- Faça o tempo voltar, eu preciso retornar aonde tudo começou, eu preciso apagar todos os erros.

Ele sentiu seu olfato ser tirado dele, sua audição, mas pela vibração do ar ele sentia o mundo se remodelar, com um sorriso no rosto ele dizia suas últimas palavras.

- Eu sei que vocês vão esquecer de mim, precisará ser esquecido, nossa história, minha história é rodeada de erros e fracassos, mas o que a busca por poder dos Hattoris gerou não vai mais poder se repetir, eu estou honrado de ter lutado ao lado de pessoas como vocês.

O Tempo retornou um pouco com ele passando uma vez mais para poucos momentos antes de Lúcifer aparecer, podendo olhar para os rostos dos seus companheiros mais uma vez.

- Angell, meu sonho azulado, se hoje eu sou um homem melhor, um pai melhor é tudo graças a você, você me mostrou sobre segunda chance, sobre o que é amar de verdade, obrigado por me deixar ser seu pai.

[...]

O mundo ninja era reconstruído a partir do cristal e do que restava da força do corpo do Hattori, retornando há um tempo em que esperança não era só uma palavra, mas uma dadiva para muitos, pequenas modificações foram necessárias, mas aqueles que mais importava para ele estava vivo.

[...]

Todos os shinobis foram inseridos em uma nova linha do tempo criado a partir da vontade de Shion. Ele apagou completamente qualquer vestígio dos Hattoris da mente de todos aqueles que testemunharam. Era necessário, céu, inferno, Deuses, Demônios, o ser humano nunca vai encontrar isso se nunca souber que isso existe. Com a marca de Cain destruída, Lúcifer ficará preso para sempre junto a sua corja.

[...]

Todos os sobreviventes acordaram em mais uma manhã como qualquer outra, mas todos eles   vão acordar de um pesadelo esquisito, um pesadelo que apertou forte o mais íntimo do coração, fazendo cada um deles acordarem assustados com um sentimento de perda tão real que não conseguiram mais dormir, mas ao abrirem a janela e puderem ver aquele nascer do sol lindo, vão saber que tudo está bem agora.

[...]

Shion retornou para o ano 1 DG, porém ele modificou tudo nesse período, a guerra aconteceu, os lendários foram aqueles capazes de derrotar Lilith, eles se tornaram lendas entre o mundo ninja. Com a reconstrução do mundo uma nova política foi feita, com novos Kages.
Kaden assumiu o cargo de Shodaime Hokage, escolhido pela própria Uchiha Sarada, que foi líder da folha durante um tempo.

Tobirama passou a liderar Sunagakure no sato como Shodaime, os próprios anciões escolheram seu herói, um homem que muitos diziam no passado ter se entregado a crimes, mas foi essencialmente heroico nesta guerra.

Senko, Líder de Kirigakure no sato, sim Uzushiogakure se tornou Kirigakure novamente, mantendo toda sua glória do passado.

Naomi, a protetora de Iwagakure escolhida pelos anciãos, também Shodaime Tsuchikage.

Akira, mostrou seu valor e assumiu Kumogakure como Raikage.

Embora cada um dos heróis seguiu caminhos diferentes, eles mantiveram a amizade e o contato sempre que possível.

Angell, nossa heroína, perdeu um pai e um irmão nessa guerra triste, mas sua mãe a aposentada Katsura Hyuuga cuidava da casa enquanto sua filha a Lendária Rainha Hyuuga, ela que sempre usava um pingente de lobo em seu pescoço, segundo ela mesmo eram fotos do seu pai, embora ela não consiga se lembrar quando foram tiradas, as usava pelo respeito e admiração que tem pelo seu pai e irmão mortos nessa terrível guerra, mas ela não poderia ficar triste por tanto tempo, foi graças a tantos sacrifícios que a paz foi alcançada. E ei, deixa eu contar um segredinho, o namoro dela e Hakurei está cada vez mais sério, soube ate que eles vão se casar.

[...]

E quanto a mim? Bem, eu estou aqui agora no alto dessa estatua gigante de konohagakure, eu sinto que minha vida vai se esvaziando a cada segundo, mas eu consigo olhar uma última vez o nascer do sol de Konoha é o mais lindo do mundo. Mas eu to muito contente como essa história terminou. Acredita que já faz 11 anos que estou por essas terras? Construir uma nova família, viajei por lugares desconhecidos, enfrentei uns caras sinistros, conheci muita gente ruim, mas conheci muita gente boa também, então cara... MINHA VIDA VALEU MUITO A PENA! Eu queria poder ficar um tempo mais com você, mas infelizmente esse é o último capítulo da História de um Hattori, eu dei tudo de mim para conseguir esse final melhor, cometi um serie de erros pelo caminho, aliás cometemos, mas agora, agora espero de verdade que eles consigam vários acertos, eles vão ficar bem, eu sei que vão, foram ensinados por mim, como poderia da errado? Que dizer... teve alguns aí que desvirtuaram do caminho da harmonia, mas essa parte a gente deixa pra lá, não é?

O que? O que vai acontecer comigo? Bem... eu quebrei um monte de regras aí do fluxo do tempo, tem uma galera da pesada lá de cima, sabe aquele cara fortão que cria as coisas, pois é... ele mesmo, ele não gostou nem um pouco disso e bem... eu sou uma equação falha, então a falhas apenas resta serem apagadas da existência. Qual é não fica triste não, eu to muito tranquilo com isso, muito feliz mesmo, eu vou desaparecer pra sempre, vocês vão esquecer que eu estive por aqui, mas pelo menos saibam de uma coisa, eu fui apagado, mas no fim eu estava feliz, feliz pra caralho mesmo, estava entre amigos, estive entre as melhores pessoas que qualquer pessoa desejaria está, então bota um sorriso no rosto, isso assim, sorria mesmo e saiba de uma coisa, EU AMO TODOS VOCÊS! AMO MUITO! EU TENHO A MELHOR FAMÍLIA DO MUNDO! ADEEEEUUUUSS!!!!

E já ia me esquecendo, se eu de certo de ir para o céu, e você for um cara bacana, a gente pode acabar se encontrando por lá e por favor me conta como foi sua história, se eu conseguir chegar la eu garanto que fico aqui de cima torcendo por você está bom?

Bem se as coisas derem errado e eu acabar parando no inferno, e você por acaso for alguém bem malvadinha, a gente se encontra lá também, imagina que divertido, torturas as 08:00, retaliações as 12:00 e durante os intervalos entre uma degolação e outra a gente conversa, me conta como foi sua história também, quero saber as travessuras que vocês fizeram pra chegar aqui.

Aaaahhh pois é, fiquei sabendo que a Katsura estava gravida, soube até que são gêmeos, sei que eles vão crescer bem, tem o meu sangue, tem a Hope lá que já é mãe, Ayako também está por lá, eles vão ficar bem, todos vão.


O corpo de Shion começou a desaparecer em fagulhas de luz espalhadas pelo ar, apagado completamente da existência e das memorias daqueles que ficaram.

Consideração:

_______________________

[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Scre1755
[ Por todos nós ] Fim do Mundo - Página 2 Ui7615FOlá, Convidado, eu sou o Shion.
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Conheça o Guia Shinobi e aprenda um pouco mais sobre o RPG!
Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [ Por todos nós ] Fim do Mundo - Publicado

Resposta Rápida

Área para respostas curtas

Página 2 de 2 Anterior  1, 2