:: Área de Mudanças :: Centro de Melhorias :: Treinamentos de Fillers
Alvorecer
Arco 04
Ano 17 DG
Verão
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

Takane
Jōnin
Takane
Vilarejo Atual
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

[Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Dom 6 Set - 12:47


Não olhem para baixo tenderness of heart.

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) AAeydxo_700b


A brisa leve tocava o rosto da sacerdotisa das trevas enquanto ela observava distante o horizonte, tudo aquilo era relativamente belo, se não fosse por ela estar se segurando com apenas uma mão em um desfiladeiro de pouco mais de um kilometro de profundidade tendo a pirralha ou melhor sua aprendiz pendurada em sua perna enquanto as duas tentavam, se segurar de uma morte certa, como tudo havia acabado daquela forma? Ela não se lembrava direito, estavam fazendo uma missão simples de carregar alguns bandidos altamente perigosos para a prisão quando a ponte em que estavam explodiu e ela foi obrigada a se segurar no rochedo, para ajudar, haviam colocado algo na bebida em que ela bebeu e seu controle de chakra estava relativamente falho o que a impedia de usar o Hiraishin e sair daquela situação de merda, e para piorar a situação o braço esquerdo de Taika havia sido atingido por estilhaços e cortes da explosão e a biju não estava muito disposta a ajudá-la a curar-se.

---Ei Meiko... eu nunca te disse antes por parecer gordofobia mas você realmente precisava de um regime... sabe... e nessas horas que a gente pensa... porra ideia maravilhosa ter uma akimichi presa na sua perna... --- Taika riu da situação. ---E não olha para baixo, segundo meu byakugan.... bom tem pedras pontiagudas la em baixo... e sabe aquela historia de rio que salva vidas em um desfiladeiro... balela... se você se soltar a gente se fode... pensando bem... se você se soltar apenas você se fode...---

Olhou novamente para baixo, meiko não era a única presa que estava se pendurando, na realidade aquilo parecia uma maldita centopeia humana, Meiko estava segurando em sua perna, Akira estava pendurada na perna de Meiko e mais ao fundo, quase  caindo havia um outro gennin se segurando no que parecia ser o dedão de Akira, já que a mesma perdeu a sapatilha na explosão.

-- Olha vocês tinham que ser mais como o Bahko... até agora não soltou uma única palavra... pera... o Bahko você ta bem? Parece que o gato comeu sua língua...----

A situação era tensa, o braço da sacerdotisa das trevas estava dormente devido ao esforço de carregar tantos pesos, se não fizesse nada era certo de que todos iriam cair... ou ela chutaria a cara de Meiko até ela se soltar. O que viesse primeiro...

---Vocês já brincaram de pendulo? Pois bem isso vai ser uma versão hardcore...---

Taika tentou mover seu corpo para a esquerda e direita procurando um lugar em que Meiko pudesse escorar, aquelas pedras possuíam algum tipo de produto orgânico, talvez fungos que impediam qualquer tentativa de usar ninjutsus para apoiar os pés, teriam que fazer aquilo na moda antiga e ver o que estava acontecendo la em cima.

--Caralho Meiko, você ta bem? Porra não me olha com essa cara de quem quer me comer viva, deixa isso para os filhos da puta que nos colocaram nessa situação.---

Status e Armas:

Italique. Lien. Souligné.

_______________________

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Dom 6 Set - 18:36

MEIKOGATARI SERIES
HP 650|650 • CH 650|800 • ST 01|05
O clima estava ligeiramente agradável. A sensação da leve brisa batendo contra o rosto e bagunçando o cabelo era ótima. Porém, o tédio tomava conta da jovem de cabelos rosa. A Nara olhou para os lados tentando identificar a mesma sensação em seus companheiros, mas, ainda não era capaz disso. Assim, ela levantou ambos os braços, fechou os olhos e lançou um longo bocejo. Quando, novamente, abriu-os, a jovem já estava caindo após uma explosão na ponte em que passavam. Só teve o tempo de segurar a pena da Tsuchikage.

— Hã!? — Questionou a fala da sacerdotisa das trevas. Infelizmente, ela sabia que se tentasse algo, certamente, morreria. Então, pelo menos com Taika, preferia tentar corresponder com as palavras. — Taika-sensei, não seria você que tá ficando velha? Talvez esteja na hora de pensar em aposentadoria. — Provocou.

A situação, sem dúvidas era complicada. Não aguentariam muito tempo naquela situação. Meiko não era forte suficiente para aguentar duas pessoas penduradas em si. Como esperado, Taika agiu e começou a se balançar de modo que a genin conseguisse alcançar. Contudo, frustraram-se.

— Taika-sensei, vou aliviar para você... Cya! — Sorriu. Sem se importar com a vida de seus companheiros, soltou a perna da Tsuchikage e caiu desfiladeiro abaixo. Mais que um quilômetro era tempo o suficiente para que ela, rapidamente, fizesse combinação de selos após morder a ponta do dedo e deixar o sangue escorrer por sua mão, enquanto focava-se em controlar devidamente o seu chakra. — Kuchiyose no Jutsu! — Abaixo deles, surgiu um colossal sapo marrom-avermelhado com um cachimbo na boca, impedindo que tivessem uma morte horrível. Saíram dali sem os menores problemas. Com um único salto, o sapo levou-os até o terreno acima e em segurança.

— Chefe-san, desculpa incomodar. Mas, estávamos morrendo. — Colocou a mão atrás da cabeça e riu, um pouco sem graça.

— Não sei porquê não estou surpreso. — Resmungou, desfazendo-se em fumaça logo na sequência.

— Quanto a vocês... — Virou-se para a dupla. — Foi a única forma que encontrei de sair disso, a Taika-sensei estava estranha... — Referiu-se ao motivo dela não os tirar daquela situação de maneira mais segura. — Enfim, vamos ver como ela está. — Ao que tudo indicava, seus problemas só estavam começando.

Considerações:
code by Emme


[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Templa17

Raves
Chūnin
Raves
Vilarejo Atual
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Templa17

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Seg 7 Set - 15:20

Palavras: 699
Post 01: A Culpa é da Pirotecnia!
"Como viemos acabar assim?" Perguntava mentalmente para si mesmo, tentando suprimir a expressão aflita que desejava prevalecer em seu rosto, resultando numa feição cômica e mista de sua dor e angústia. Minutos atrás Haru e companhia estavam ultrapassando a ponte sem maiores problemas, até que uma explosão desconhecida os atingia em cheio, ou talvez... nem tão desconhecida. "Que merda... sabia que não deveria ter aceitado essa missão estando gripado!" Seus olhos marejavam ao lembrar do ocorrido, foi um espirro poderoso e imprudente de fato. No entanto, para sua felicidade, quase ninguém sabia o verdadeiro responsável pela explosão, somente Bahko que havia pego o usuário de Bakuton em flagrante, mas ele não parece ser uma pessoa de pôr a boca no trombone.

Esse último, inclusive, é o principal causador do atual sofrimento de Akira, ao invés de segurar na perna do Yõkai como o mesmo estava fazendo com a perna de Meiko, ele segurava o único dedão do pé exposto do jovem artista. - Bahko-kōhai... você poderia... segurar minha perna direito? - Akira indagava em tom choroso para o moreno abaixo, permitindo que as lágrimas escorressem abertamente em sua face.

Focando na situação presente Akira escutava as provocações entre a Tsuchikage e Meiko em silêncio, deixando que seu semblante agora incrédulo fosse sua única resposta para com aquilo. "Elas nunca me ouvem, de qualquer forma." Decidia ignorar ambas kunoichi por um momento, buscando uma possível maneira de saírem daquela situação desagradável. Contudo, antes que pudesse elaborar alguma coisa, Taika começava a balançar de um lado para o outro, e consequentemente o restante dos pendurados, fazendo Akira se desesperar. - TAIKA-SAMA, POR FAVOR, NÃO FAZ ISSO CONOSCO! - Ele gritava, segurando a perna de Meiko com toda sua força, até que finalmente Taika parecia desistir da ideia.

Mas o pior acontecia logo em seguida, e sem aviso prévio, Meiko soltava-se da perna da Tsuchikage, fazendo com que todos exceto a líder caíssem desfiladeiro abaixo. - EU SOU JOVEM DEMAIS PARA MORREEEEER! - Gritava, debatendo-se no ar como se aquilo fosse amenizar sua queda. Entretanto, em questão de míseros segundos, o corpo de Akira se chocava contra uma grande massa corporal rugosa, salvando-o de uma morte certeira, mas que o próprio ainda não tinha consciência de que havia sido resgatado. - EU NEM PUDE DESCOBRIR O QUE É UM GANG BANG! Continuava a se debater em lágrimas, somente notando que estava seguro após chegar no terreno acima. Depois de perceber que estava a salvo, e lembrar das palavras que acabara de exclamar, tossia para esconder o leve rubor que sua face adotava em seguida, e logo pulava de cima do sapo em direção ao chão sem muitas dificuldades.

Chegando em terra firme Meiko começava a explicar o porquê daquela atitude tão brusca e repentina, respondendo a pergunta de Haru antes que o mesmo a fizesse de maneira escandalosa. - Tudo bem, mas na próxima vez avisa antes de fazer! Caso você errasse o timing eu e o Bahko iriamos conhecer a casa do Belzebu! - Falava indignado, mas logo deixava de lado ao perceber que a Tsuchikage ainda se encontrava pendurada no desfiladeiro.

Aproximando-se de onde Taika estaria, Akira observava que sua condição não era das melhores, além de que puxa-la da maneira convencional poderia feri-la ainda mais naquele ponto. - Para trás! Eu sei de alguém que pode nos ajudar! - Proclamava aos demais, fazendo em sequência os selos de mãos: Javali, Cão, Pássaro, Macaco, Carneiro. "Kuchiyose no Jutsu!" Falava mentalmente conjurando um pequeno felino com rosto de macaco, deixando-o rapidamente subir pelo seu braço e se empoleirar em seu ombro. - Pode pesca-la, Nue. - Dizia firme, recebendo um aceno positivo da quimera que logo fazia duas garras de chakra com coloração roxa surgirem em direção a Taika. Pegando-a pela gola de trás das vestimentas e a retirando do precipício. - Agora solte-a devag - Sem esperar Akira terminar sua fala, Nue largava a Tsuchikage cerca de 3 metros acima do solo, fazendo a mesma se espatifar no chão caso essa não fizesse nada a respeito. Deixando Akira pasmo enquanto via sua invocação desparecer em fumaça logo em seguida, certamente querendo deixar as consequência daquilo para o shinobi de Bakuton.

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Hp210 HP: 1575/1575 [Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) XQKY0 CH: 1875/1875[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexels ST: 00/07

Akira Haru | "Pensamentos"

Considerações:
-x-

Bahko
Chūnin
Bahko
Vilarejo Atual
-x-

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Seg 7 Set - 15:28


[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Mamoto10

Infernal Comédia Humana

@Takane @Fleurie @Raves



Em algum momento da sua vida, você já parou para pensar "como eu vim parar aqui"? É exatamente assim como estou. Quando me mudei para Iwa achei que conseguiria me dar bem com os ninjas, principalmente com os superiores. De um certo jeito isso aconteceu, porém não como eu queria. Ficar pendurado num desfiladeiro segurando a perna da Tsuchikage não é muito legal. Era só levar os bandidos para a prisão, nada demais, mas o rumo foi inesperado. Achei que a ponte fosse firme o suficiente, não consegui entender muito bem o que aconteceu. Por pouco não caí desfiladeiro abaixo. Senti a brisa batendo no meu rosto dando um alivio para o sol que nos castigava.

Agora tenho que encontrar um jeito para sair daqui, mas vai ser meio difícil. Tentei concentrar chakra nos pés para me firmar na parede e escalar como qualquer ninja faria, só que esse "musgo" não deixou. E os comentários não ajudam nada, se bem que pensar num gato comendo minha língua não foi muito legal, afinal, eu invoco gatos! Eles fariam isso comigo? Espero que não. Segurei firme para não cair, já começando a sentir a força indo embora. Para piorar, Taika começou a se balançar, que ideia de Jerico é essa? Tirei uma kunai da bolsa de armas e a prendi contra a parede, me firmando bem com a mão direita. Tendo certeza que estava bem preso na parede, tirei outra kunai e a finquei na parede, quase um homem aranha. Com bastante dificuldade, fui subindo a parede, porém o comentário de Meiko me deixou com um gosto amargo na boca. Como assim estranha? Será que tudo isso foi por querer? Seria um tipo de teste? Deixei os pensamentos de lado, me concentrando em subir o desfiladeiro. Com muita força de vontade e concentração, fui subindo aos poucos. Uma camada de suor começou a se formar na minha testa, os músculos começaram a tremer por causa da força aplicada, já estava quase chegando ao topo! Na beira do penhasco, encarei seriamente Meiko. Levei os dedos até os olhos e depois indiquei para ela, mostrando que estou de olho.

HP: 1500/1500
CH: 1500/1500
ST: 01/07

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

Takane
Jōnin
Takane
Vilarejo Atual
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Seg 7 Set - 19:58


Não olhem para baixo tenderness of heart.

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) AAeydxo_700b



-NÃOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO—


O desespero da sacerdotisa das trevas era real, enquanto via sua aluna se jogando para a morte certa, os motivos na verdade  não eram nobres, e nem muito menos por preocupação da vida de sua aluna, e sim porque sua bolsa de dinheiro estava indo junto com Meiko, ou melhor Akira, a usuária de explosão que era constantemente usada   como laranja ou caixa dois para desvio de verbas e dinheiro da vila para a construção de um resort particular da sacerdotisa das trevas, naquele momento ela estava com o byakugan desativado, e ela continuou a fitar o vazio, com lagrimas nos olhos e uma voz embargada.

---Meu rico dinheirinho... caralho Meiko podia se jogar... mas deixava eu salvar meu pé de meia... porra... perdi uma aposta, jurei que aquele menino ia ao menos dar um grito antes de morrer...---Foi quando ela sentiu a terra tremer ao seu redor e uma criatura gigantesca e colossal subir. --Aquela merda e um sap....---

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) LC3h3Y

Antes que pudesse se quer comentar ou citar que merda era aquela ela sentiu algo se enrolar em seu abdomem e a puxar com tanta violência que provavelmente uma de suas costelas haviam sido quebradas, ela olhou para a criatura, e a criatura olhou para ela, as duas se conversavam sem palavras, quando ela lambeu os beiços se perguntando qual sabor da carne de uma criatura daquelas, momento errado, hora errada a coisa se desenvocou quase como se lesse o pensamento da sacerdotisa das trevas, em outros momentos ela teria dado uma pirueta magistral antes de cair de pé, mas com seu chakra tão desbalanceado e com seu braço ferrado a única coisa que conseguiu foi cair de cara na pele úmida da criatura, e assim permaneceu por um tempo, até que de repente ela começou a correr de quatro como um filme de terror antigo ou uma aranha sem as duas patas, até chegar perto de Raves e quase colar o nariz no nariz da gennin.


--Você está bem? Não se machucou não é... você tem que continuar viva para um dia ser alguém que receba um salario menor... quer dizer melhor. ---

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) F82e6e4f2fcfcc24593cb81d75433e76

Sua segunda palavra foi em direção a sua aluna, pondo a mão sobre o topo da cabeça dela e fez um carinho gentil na cabeça de meiko antes de abrir um sorriso distorcido e sussurrar em seu ouvido.

---Alguém vai limpar todos os banheiros do clube da terceira idade... só para saber o que e ser velha de verdade. ---


A subida depois disso foi tranquila, com a sacerdotisa das trevas sendo a primeira a descer e olhando ao seu arredor, parecia que apenas eles haviam sido atingidos pela explosão, exceto por dois homens que imediatamente saíram de traz de um arbusto, o primeiro tinha roupas de um prisioneiro e um corpo de um marombeiro chegado no shape e o outro um magricela que de frente parecia estar de lado e de lado parecia que tinha ido embora.

---Viemos libertar os presos, rendam-se agora ou provem do valor do meu... --- Ele fez uma voz feminina que contradizia completamente com aquele corpo.--- ...AMOR

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 8IeR7jI

O marombeiro deu um rodopio  para os ceus enquanto suas roupas eram rasgadas pelo "vigor do amor" ao cair de joelhos o chakra que emanava formava pequenos corações feito bolhas de sabão, o peladão olhou para os tres gennins.

--Eu darei meu amor a todos... --- Olhou para Bahko com uma piscadela. --- Principalmente para um carinha tão quietinho...---


Status e Armas:

Italique. Lien. Souligné.

_______________________

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Seg 7 Set - 22:18

MEIKOGATARI SERIES
HP 650|650 • CH 650|800 • ST 00|05
Akira e Bahko pareceram não muito satisfeitos com a decisão da Nara que soltou uma longa gargalhada ao ouvir a fala da primeira, enquanto a mão direita coçava atrás da cabeça.

— Um pouco de emoção sempre é bom. — Disse, ainda rindo.

Taika, instantes após ser salva pela invocação da genin de cabelos, também, rosa parecia ter sido possuída por algum espírito maligno e se moveu de forma esquisita em direção a ela. Na verdade, considerando a sacerdotisa ser quem ela era, muito provável que ela quem possuiria qualquer ser que tentasse se apoderar do seu humilde corpinho. Essa, então, voltou sua palavra mais uma vez à Meiko, tocando-a na cabeça e sussurrando em seu ouvido. Antes de a responder, a jovem riu.

— Ora, Taika-sensei, claro que eu limpo. Afinal, você só pegaria em uma vassoura para montar nela e sair voando por toda Iwa... Além disso, vai querer que eu limpe seu bumbum depois que você fizer suas necessidades?

Imediatamente após a subida, de trás de um arbusto, surgiram duas figuras. Um deles era um homem tão magro que se o vento soprasse um pouco mais forte ele voaria e o outro um maromba que parecia ter injetado substâncias duvidosas em seus músculos. Esse último tomou a inciativa, ameaçando-os caso não soltassem os presos e, surpreendentemente, revelou-se um tanto quanto afeminado. Então, fez uma acrobacia exótica, caindo de joelhos no chão e emanado um chakra meigo em formato de bolhas de coração. Meiko deixou escapar uma risada e falou com uma boa entonação na voz.

— MAS ISSO É UMA BICHOOONA! — Deu um passo a frente, estalando os dedos de ambas as mãos. — Já que você insiste, eu vou fazê-lo gemer e não será de prazer. — Olhou brevemente para Taika esperando por uma aprovação e tornou a focar os olhos no Leo Stronda afeminado.  

Considerações:
code by Emme


[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Templa17

Raves
Chūnin
Raves
Vilarejo Atual
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Templa17

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Ter 8 Set - 23:14

Palavras: 326
Post 02: Um Segredo de Luxúria!
Um sentimento de pavor assolava o corpo de Akira dos pés a cabeça, ele temia pela sua vida mais do que qualquer coisa naquele momento, e caso estivesse certo não demoraria muito para que a Tsuchikage levantasse de sua queda vergonhosa para estrangular o responsável por todo aquele incidente; ou seja, o jovem Bakuton. - Ta-Taika-sama! Vo-Você está be. AAAAAAAHHHHHHH! Chamando pelo seu nome, porém antes que o artista terminasse sua pergunta, Taika rapidamente se levantava de uma forma totalmente bizarra, como se estivesse sendo possuída pelo próprio Diabo, embora ironicamente ela fosse conhecida como Sacerdotisa das Trevas. "O sangue de Rikudō tem poder! Tem poder, tem podeeeeeeeerr!! O sangue de Rikudõ tem poder! Faz Iwagakure estremeceeeerr!" Akira recitava mentalmente enquanto aceitava sua morte, pelas mãos de sua própria Kage, mas para sua surpresa Taika primeiramente questionava seu bem estar acima de tudo, fazendo o jovem artista soltar pequenas lágrimas de alegria enquanto ignorava o restante das falas de sua líder que certamente não haviam muita relevância. - S-Sim! Você é a melhor Taika-sama! - Dizia com um grande sorriso de lábios fechados estampando no rosto, demonstrando seu agradecimento e ingenuidade para com aquelas palavras da sacerdotisa.

Depois de realizarem uma subida na região, uma dupla de prisioneiros surgia por de trás de um arbusto qualquer e abordava o pequeno grupo de ninjas da pedra. "O que esses dois estavam fazendo juntos naquele espaço apertado? Aí minha santa arte explosiva..." Akira os encarava com um semblante envergonhado em sua face, até que o bombado revelava suas características femininas diante daquele situação inusitada e mostrava em seguida seu corpo nu para os adolescentes de Iwa energizado pela "pressão do amor". Akira somente conseguiu esboçar uma careta sugestiva enquanto falava observando aquela cena: - AAÍÍÍ PAI, PARA! - Desmaiava, com um sangramento nasal formando uma poça de líquido carmesim envolta de onde seu corpo desabava. Talvez estivesse próximo do fim, mas pelo menos seria um fim deveras encantador.

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Hp210 HP: 1575/1575 [Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) XQKY0 CH: 1875/1875[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexels ST: 00/07

Akira Haru | "Pensamentos"

Considerações:
-x-

Bahko
Chūnin
Bahko
Vilarejo Atual
-x-

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Qua 9 Set - 0:09


[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Mamoto10

Infernal Comédia Humana

@Takane @Fleurie @Raves



Tinha sapo, tinha bicho estranho, anão, criança, mudo, marombeiro, parecendo até o Piscinão de Ramos. Só não gostei da parte de limpar o vaso da terceira idade, isso vou deixar para os outros. Aos poucos fui me afastando para que ninguém me notasse indo embora. A vontade de ir para casa e me livrar desses malucos já tava maior do que tudo. Só que a Tsuchikage foi dominada pelo capiroto, vou chamar o Edir Macedo para tirar esse demônio de um corpo que não o pertence. Comecei a jogar água "benta" nela para que o demônio fosse embora, só que essa água não tinha um cheiro ou uma cor muito confiável. O pastor disse que é uma água ungida pelo Papa e guardei faz muito tempo, agora é a hora certa para usar. Ainda lembro da promoção de 99.99 ryous pelo mililitro, uma pechincha.

Aí apareceu o cospobre de Toguro, espalhando seu "amor" pelos quatro cantos do mundo. Sendo quietinho, serei o primeiro a receber seu ilimitado amor, juntei as pontas do dedo ficando com as bochechas vermelhas. Eu falaria "Rôi.... Leo Estronda né?" caso pudesse, já dizia meu grande amigo Mário da vila Oculta do Tico e Teco. Quero conversar com o homem gigante, só que primeiro o amigo dele tem que sair, é uma conversa particular.... O baile de primavera está chegando, será que ele seria meu par? Se eu for com ele e ele ir comigo, a chance de a gente ser o casal do baile é muito grande. Imagina, eu entrando com meu terno Armani 3000 ao som de Death Bed de Powfu ft. Beabadoobee, a música perfeita e ele usando um terno ou um vestido azul para combinar com a decoração do baile.... Queria falar tudo isso, só que fiquei com vergonha, apenas me virei de costas pensando na cena de nós dois andando de mãos dadas....

HP: 1500/1500
CH: 1500/1500
ST: 01/07

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

Takane
Jōnin
Takane
Vilarejo Atual
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Qua 9 Set - 20:12


Não olhem para baixo tenderness of heart.

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) AAeydxo_700b

Taika observava tudo aquilo incredulamente, enquanto ativava seu byakugan e via que aquele homem estava coberto por outra coisa e não era suor, tanto as ações de seus gennins quanto a ação do estranho prisioneiro enquanto revelava o seu corpo escultural e seu... membro diminuto, o que deveria ser uma situação seria e tensa se tornou ainda mais comediante visto que sua aluna estava ansiosa para dar um jeito naqueles tarados, e para ajudar a outra gennin caiu com um sangramento nasal gigantesco, se continuasse daquele jeito era bem provável que morresse esgotada.

--P**** pequeno.... ---Ela gargalhou ... --- Vai la meiko mostre para ele do que um membro de iwagakure e feito.---

---Então você sera a primeira a testar do meu amor... MEIKO-CHAN --- Falou o homem novamente com voz feminina.

Gesticulava a mão de uma forma extremamente bizarra, foi então que o peladão avançou contra Meiko correndo para abraça-la e dar um pouco do seu “amor” para ela, sua velocidade era incrível além disso era possível ver que os corações explodiam assim que enconstavam em qualquer coisa física.

--Eu não encosto nesse cara não, minha pegada é outra, vai la Meiko, mostra sua pegada para o peladão da estrada... e vocês seus zé ruelas comecem a ajuda-la, esse cara e mais forte do que vocês pensam... mas eu sou uma boa professora... e deixarei essa missão a cargo da nova geração... e tomem cuidado... esse cara esta cheio de alguma coisa... e tenho certeza de que não e creme de pele---

E assim antes que qualquer um pudesse protestar contra a má vontade da Tsuchikage, ela desapareceu em um raio de luz prata e dourado, sua típica assinatura de sua técnica especial, que a livrou de cuidar de toda aquela merda, e principalmente ter que tocar em um homem que estava coberto por uma substancia que ela preferia não saber, transportando se para um arvore a cerca de dois quilômetros, dali de cima de uma arvore relativamente próxima ela poderia observar e se divertir com a cena bizarra que o destino havia criado.


Status e Armas:

Italique. Lien. Souligné.

_______________________

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Sex 11 Set - 14:52

MEIKOGATARI SERIES
HP 650|650 • CH 613|800 • ST 01|05
Taika aprovou a luta, então não tinham motivos para a jovem se segurar. O desnudo gesticulou estranhamente e partiu para cima de Meiko. Os corações emanados de seu corpo explodiam com um simples contato com qualquer coisa física, então, obviamente, o abraço do maromba seria “de matar”. Não podia o deixar se aproximar tanto. Claro, Taika, certamente, não teria problemas em acabar com àquilo em instante, contudo, não tinha interesse algum, desaparecendo dali em instantes. “Sério que você vai deixar isso em nossas mãos?” — Reclamou em seus pensamentos.

Bem, não tinha muito o que fazer naquela situação, a não ser agir. Deu um salto para trás, colocando as mãos em sua bolsa de armas e retirando uma kunai a qual ela arremessou em direção ao peladão que se aproximava a uma velocidade incrível. Não tinha dúvidas que ele não teria o menor problema em desviar daquilo e foi exatamente o que ele fez. A única coisa que o tarado não esperava era que, em instantes depois, não conseguia mais avançar. Melhor dizendo, não tinha mais tanto controle sobre seu corpo. Ao olhar para frente, ele viu que sua sombra estava conectada à da jovem de cabelos rosas. Essa, por sua vez, encontrava apoiada com um dos joelhos no chão, fazendo o Selo do Rato com as mãos. A luta acabou, sem dúvidas. Contudo, insatisfeita com as ações da sensei, resolveu brincar um pouco para a provocar.

— Antes de eu provar do seu amor, flor, quero ensinar uma coisa a você. — Levantava e começava a caminhar em direção ao rapaz que, curiosamente, fazia exatamente os mesmos movimentos. — Quando eu uma pirralha, lá em Oto, teve um festival. Nesse festival, teve uma espécie de show ou concurso no qual os aldeões demonstravam seus talentos. Então tinham cantores, bandas, artistas, dançarinos e essas coisas ai. Teve um grupo de dança que se destacou. Curiosamente, eles tinham o mesmo porte físico que você e esse mesmo jeito meio... — Não concluiu a frase. — Eu vou te ensinar a coreografia deles, acho que você vai a-m-a-r. Não lembro como era a música, só um pouco do instrumental dela... Acho que era mais ou menos assim... Tan tan tan tan tannnnn! Tan tanrararan taranranrannnnn! — Então, a Nara começou a fazer alguns passos de dança curiosos os quais, imediatamente, o peladão repetia.

Poderia ser um descuido? Sim, mas Meiko estava se divertindo com o pequeno “jogo”.

Considerações:
code by Emme


[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Templa17

Raves
Chūnin
Raves
Vilarejo Atual
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Templa17

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Sab 12 Set - 0:32

Palavras: 472
Post 03: A Fobia do Capitalismo!
Já olhou pra alguém e pensou... o que se passa na cabeça dela? Bem, enquanto o caos acontecia pelos arredores no mundo exterior, Akira vagarosamente se aprofundava mais e mais no que parecia ser outro mundo no interior de sua mente. Um vasto campo de grama preenchia sua visão por todos os lados, com uma leve brisa carregada de perfume balançando suas mechas e as bagunçando levemente, acompanhado do sentimento de paz que Akira tanto sonha encontrar: um mundo sem guerras, sem mortes, e sem trabalho... trabalho... ao pensar nessas palavras uma sombra misteriosa surgia prendendo o corpo de Akira, fazendo-o se debater desesperadamente contra o sentimento de negação exalado pela criatura, sua silhueta era bastante familiar para Akira, mas apenas tivera certeza do que se tratava quando a sombra decidiu revelar sua voz fazendo a pior das ameaças: - Se você não despertar agora, irei cortar seu salário em 90% pelos próximos três meses!

Haru acordava assustado, tremendo, e molhado do próprio sangue de anteriormente, com sua mente repetindo as palavras da falsa Taika pela sua cabeça, fazendo seu corpo enrijecer pelo medo e suar frio com tamanho cagaço que sentia. Quando Akira voltava a focar sua atenção para os outros ao redor, escutava a verdadeira Tsuchikage ordenando para que ele e Bahko ajudassem Meiko com alguma coisa e logo desaparecendo num rápido flash de luz. - O-Ok! Ma-Mas é para fazer o quê?? - O genin ficava confuso por um breve momento, até compreender a situação ao observar Meiko e o bombado nudista entrarem num confronto entre si. Entretanto, nada ele fez para auxiliar sua colega, e não era como se ela precisasse de qualquer forma, somente era difícil se concentrar vendo "aquilo" balançar freneticamente enquanto eles lutavam. "Vou precisar de uma bolsa de sangue quando voltarmos para Iwa" Tampava seu nariz com ambas mãos tentando impedir um novo sangramento de acontecer, mas logo agradecia internamente a outra genin de cabelos rosados pela vitória rápida contra o musculoso.

Sem tempo a perder Akira olhava para alguns metros mais distante dali, encontrando o outro prisioneiro se afastando lentamente da visão do grupo. - Ok gente, vamos terminar logo com isso. - Dizia enquanto se levantava do local onde estava, e em seguida percorria a distancia necessária para que sua técnica atingisse tanto o magricela quanto o afeminado. "Kanashibari no Jutsu!" Fazendo os selos de mãos necessários Akira executava sua técnica de paralisia temporária em ambos adversários, incapacitando os mesmos de se moverem até segunda ordem, polpando também o trabalho da Nara de prender o mais forte com sua sombra por mais tempo. - Não estou a fim de passar fome pelos próximos três meses seguidos, então simbora continuar com nossa missão! - Informava, terminando sua parte do trabalho até então, ainda que o receio pela líder continuasse presente em suas veiais.

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Hp210 HP: 1575/1575 [Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) XQKY0 CH: 1865/1875[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexels ST: 00/07

Akira Haru | "Pensamentos" | Taika Imaginária

Considerações:
-x-

Bahko
Chūnin
Bahko
Vilarejo Atual
-x-

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Sab 12 Set - 3:36


[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Mamoto10

Infernal Comédia Humana

@Takane @Fleurie @Raves



O vento veio batendo na planície, trazendo consigo os cheiros do ambiente. A grama com sua fragrância de recém cortada, o oxigênio puro vindo das plantas e um ótimo cheirinho de cloro... Pera, cloro? De onde vem esse cheiro tão forte? Será que é do Leo Stronda? Tapei o nariz fortemente estranhando aquele "creme" ao redor do corpo: ELE TOTALMENTE PRECISA DE UM BANHO! Olhei para o resto do grupo, mas estavam ocupadas prendendo o inimigo cada um do seu jeito, menos a Tsuchikage que simplesmente vazou. Tentei me manter um pouco concentrado, mas a dança que estavam fazendo me hipnotizou por uns segundos, queria que fosse eu requebrando na frente de todos. Opa, preciso me concentrar! Temos que levar esses prisioneiros até Azkaban, digo, a prisão especial deles. Não posso ficar para trás e dar um jeito de segura-los também.

Corri para perto do Leo Stronda, pensando que ele precisa de um banho rapidamente. O cheiro suspeito de cloro já está ficando insuportável, ainda bem que Suiton é a minha especialidade. Realizei selos de mão sentindo meu chakra juntando no estômago, com cada vez mais viscosidade. Não apenas quero prende-lo, como limpar ele para conseguir respirar normalmente. Abri a boca soltando a água viscosa que se dirigiu até Leo Stronda, prendendo-o como chiclete que gruda no sapato. Olhei para o homem que já estava preso em dois jutsus, ainda dançando de um jeito maravilhoso. Até poderia tentar prende-lo, mas quero ver como a dança termina. Quem sabe eu não viro um idol de um grupo Ninja Pop aprendendo esses passos. Ultimamente esses grupos tem feito muito sucesso. Com os dois presos, lancei joinhas para as duas pessoas da equipe. "Foi uma missão boa, até iria sugerir realizar missões juntos de novo, mas se aquela ali continuar explodindo as coisas eu tô fora...." Pensei comigo mesmo, olhando seriamente para a outra gennin explosiva.

HP: 1500/1500
CH: 1500-18=1482/1500
ST: 01/07

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

Takane
Jōnin
Takane
Vilarejo Atual
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Sab 19 Set - 8:25


Não olhem para baixo tenderness of heart.

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) AAeydxo_700b


Dançando e acompanhando o ritmo da batida dos pes dos dançarinos, sem se quer perceber os bandidos seguiram os três gennins. Os guardas que viam do muro da prisão se quer acreditava que aquilo era possível, aqueles dois eram ninjas renegados de rank S extremamente perigosos, mas que goram levados pelo embalar da situação, agora os guardas sabiam o que tinham que fazer quando quisesse tranquilizar as coisas, nada de armas de choque, ou perfurações no coração, apenas um bom batuque no ritmo certo traria a paz que o mundo precisava.


Status e Armas:

Italique. Lien. Souligné.

_______________________

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) D08b07ef0bf98b6b11ca607569f49e1d839f756b

Skywalker
Nukenin A
Skywalker
Vilarejo Atual
[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) D08b07ef0bf98b6b11ca607569f49e1d839f756b

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado Ter 22 Set - 8:35

@Aprovado

Sinceramente, eu n entendi nada mas achei daorakkkk

_______________________

[Filler]  A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) E61d9053d0ce1422ba25de28b0cd7fa2464294b3
"I Just live to Fall."

FP | R.D. | CJ | Banco | GF
| MOD AG | Inventário AG || [História] — Blood Moon
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [Filler] A divina comedia de Iwagakure (pendurados e ferrados) - Publicado