:: Área de Mudanças :: Centro de Melhorias :: Treinamentos de Fillers
Alvorecer
Arco 04
Ano 17 DG
Verão
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

鬼灯 イラゲツ

Iragetsu
Chūnin
Iragetsu
Vilarejo Atual
鬼灯 イラゲツ

[Filler] Pavor à Neve - Publicado 24/7/2021, 11:48

O rapaz esfregou o nariz por um momento, antes de espirrar. Tal ação o fez se balançar ante a cama e perceber o quanto estava frio, ainda assim, não abriu seus olhos. Tentou puxar alguma coberta para cima de si, porém não encontrou nada. Tatetou o colchão, como quem buscasse sentir algo, mas notou que nem a própria cama possuía lençol.

— Parece que finalmente acordou. — uma voz estranha bradou em seus ouvidos, fazendo Iragetsu finalmente abrir seus olhos e despertar com a surpresa. Ele não estava em seu quarto.

— Mas o quê? — o genin da Vila Oculta da Névoa nada entendeu, procurando visualizar algo familiar a seus olhos. — Onde estou?

— Ora essa, não se lembra? — o velho vestia um casaco de peles, com uma calça negra e sandálias. Na coxa esquerda um coldre amarrado por uma bandagem demonstravam algumas armas ninjas. — Bem, não me surpreende. Estava tão bêbado ontem que desmaiou. — o comentário fez o garoto botar a palma da mão sobre a cabeça, como quem sentia muita dor.

— Desgraça, só me lembro de ir na festa da colheita no Porto Asoki. — Iragetsu era do tipo que não perdia um festejo com bebida a vontade. Após terminar as tarefas ninjas no dia anterior, resolveu aproveitar uma celebração que ocorria anualmente em um pequeno vilarejo aos arredores de Kiri. — Mas não lembro de ser tão frio aqui.

— Não estamos no Porto Asoki. Estamos na cidade de Hyoga, ao sul do País da Água. — o estranho levantou-se de onde estava sentado e puxou as cortinas que cobriam as janelas, demonstrando o Sol, mas também enormes construções de neve afora. — Você pulou em uma caravana, para se divertir com algumas dançarinas. No meio do caminho acabou desmaiando de tão bêbado. Eu acompanhei as carroças, pois também fui para as comemorações, mas esta é minha cidade residente. — explicava com serenidade o senhor. — Elas pediram que eu arrumasse um lugar para você dormir, afinal as moças foram para uma apresentação no castelo do senhor feudal.

— Hyoga? — retoricou o Hōzuki, antes de arregalar seus olhos e começar a tremelicar, desta vez não de frio, mas de medo.

— Me chamo Myura Tenko, você está em minha cabana. Perdoe-me não fornecer uma hospedagem melhor, pela bandana e equipamentos que carrega, deduzo que seja um ninja. — apresentou-se o velho, demonstrando uma educação surpreendente, como quem tinha um grande respeito por aquela posição e quem conhecia o suficiente da arte shinobi. — Há algum problema? — questionou o homem, ao ver o rapaz inerte, como quem avistava a própria morte aos olhos.

— N-Não pode ser. Hyoga é uma cidade que neva? — a pergunta de Iragetsu parecia tola, visto que era possível ver a imensidão branca através da janela.

— Exceto no verão, de restante, faz frio e neve o ano inteiro. — sorriu Myura, fazendo o rapaz entrar em choque e se abraçar, como quem procurava se aquecer.

— Eu vou morrer aqui, você entende velho? Eu vou morrer. — a fala do genin não era alta, mas demonstrava um pânico evidente.

— Calma garoto, vou pegar alguns casacos para você, se sente tanto frio. — Tenko então caminhou até um baú, onde retirou alguns panos grossos e deu na direção do jovem. Indo em sua cozinha, pegou uma bebida quente e deu para o rapaz. — Beba, vai lhe fazer bem. — o velho entregou a xícara para Iragetsu, que enrolado com todo o corpo a bebeu com certa pressa. — Como você se chama? Parece que tem medo do frio. — indagou.

— Sou Iragetsu. E não é medo, é pavor, é pânico. Se eu não ficar aquecido, eu irei congelar, você me entende? — o nervosismo do rapaz parecia irreal com aquela situação.

— Não se preocupe, garoto. Trarei mais algumas peles para você. — Myura então foi até um outro quarto e pegou algumas roupas mais propícias para aquele clima. — Vista isso, eram do meu filho, Nui Tenko. Ele era um shinobi como você, infelizmente morreu em uma missão ninja alguns anos atrás, deveria ter sua idade. — o velho então baixou a cabeça. — Carrego comigo suas armas ninjas, não que eu saiba usá-las. Mas de alguma maneira sinto que ele está perto de mim.

Algumas batidas fortes na porta fizeram ambos se advertirem. Vozes gritavam pelo proprietário da residência, xingando-o de todas as maneiras possíveis. Constrangido, o velho fitou pela janela quem poderia ser, enxergando alguns sujeitos mal encarados. Todos portando algum tipo de arma. Respirando forte, o homem pediu que Iragetsu ficasse ali e foi resolver a situação. Assim que Myura abriu a porta, pôde ver três homens, com um deles o puxando pelas roupas e o lançando ao chão. Mesmo em pânico, o genin levantou-se, vendo a cena pela janela.

— Já falamos para você, velho desgraçado. Não pode caçar na floresta sem pagar nossa taxa. — um dos elementos apontava uma katana na direção do idoso.

— Eu precisava. Algumas famílias tinham fome e frio. Cacei um javali e um urso apenas. Comemos o porco e pegamos a pele do outro. Por favor, não me mate. — confessou Tenko.

— Tudo que acontece em Hyoga precisa da permissão do trio Yasashi. Não podemos deixar isso impune. — o bandido então virou-se de costas para Myura, apontando para um toco de árvore. — Masashi, Mitishi, levem ele para ali. Iremos cortar as duas mãos desse canalha. Servirá de lição para todos estes aldeões imbecis.

Assistindo tudo aquilo, Iragetsu sabia que não poderia ficar parado. Ele deveria ajudar o homem que lhe cedeu o teto. Ainda assim, ele tinha um medo enorme da neve. Quando mais jovem, ainda um estudante de academia, um de seus colegas disse que graças a sua linhagem, se ele ficasse perto da neve e do frio, iria congelar e nunca mais voltar a forma normal. Mesmo que isto não fosse verdade, aquela fala impactou tanto o rapaz, que ele não conseguia sequer tocar naquela brancura sem entrar em pânico.

— Droga, eu preciso fazer algo. Myura-San irá perder os braços se eu não fizer. M-Mas eu não consigo me mexer. — murmurou para si mesmo, retirando as cobertas e roupas de pele que o velho havia lhe entregue.

Medo é um estado emocional que surge em resposta a consciência perante uma situação de eventual perigo. Ele é o primeiro estágio das respostas cerebrais do corpo quando o ser humano sente-se ameaçado. Naturalmente vem acompanhado de duas prováveis reações, a fuga ou o confronto. Enfrentar seus horrores quase sempre é tão brutal quanto não fazer nada. Cada sintoma que o corpo revela torna-se tão nocivo quanto o que poderia causar mal. O Hōzuki sentia isso como em um turbilhão de emoções. De um lado, sua fobia a neve e ao frio, do outro, seu senso ético e sua vontade em ajudar alguém que lhe foi tão caridoso. Iragetsu era um ninja, acostumado com as grandes doses de adrenalina que percorriam seu corpo e como tal, situações como aquela lhe despertavam sentimentos que ele não podia controlar. Mesmo tremendo-se de medo em ser congelado, ele puxou sua Tōken e saiu da casa, pronto para ajudar seu afnitrião.

— Quem é esse? Seu amante, Myura? — zombou um daqueles patifes ao ver o garoto sair de casa, fazendo os outros gargalharem. Os três largaram ao velho e se colocaram em posição de batalha, vendo o genin com sua espada em mãos.

— Ora essa, concordamos que sou muito bonito para isso, certo? — retoricou Iragetsu, olhando a neve a seu redor e tremendo-se de medo.

Embora tudo estivesse desconfortável para o rapaz. Assim que o primeiro movimento fora dado, sua adrenalina subiu tão rápido quanto podia, fazendo o genin não pensar no ambiente por alguns segundos. Um dos marginais lançou um golpe lateral, que visava atingir o pescoço do garoto, mas o ninja utilizou a lâmina de sua espada para bloquear. Com um giro rápido de quadril, movimentou-se para o lado direito do inimigo e tentou acertá-lo em um ataque de cima para baixo, mas o oponente também bloqueou. Os demais adversários tomaram posição e cercaram Iragetsu. Os dois avançaram e com duas estocadas pelas costas, acertaram o garoto, fazendo Myura fechar os olhos. Entretanto, as duas lâminas pareceram atingir nada mais que água, dando oportunidade para o shinobi girar sua Tōken e acertar o peito de ambos, em um golpe giratório. O ataque, porém, não os matou.

— Que diabos você é? — questionou o bandido, após testemunhar o Jutsu de Hidratação do clã de Iragetsu.

Os bandidos permaneceram ao ataque, lançando uma sequência de golpes que fez o Hōzuki recuar, saltando do chão e afastando-se com uma acrobacia. Em um momento daquela evasiva, uma espada ainda raspou sobre seu rosto, que novamente foi salvo graças a seu famoso Jutsu de Hidratação. Aproveitando-se do espaço, o Hōzuki deu um gole em sua garrafa de água, que estava junto de seus equipamentos ninjas, respirando fundo na sequência. Era sua vez de atacar.

Com toda sua velocidade, que não era anormal, ele foi em direção até o centro dos oponentes. Dois giros rápidos de perna e ele golpeou a um com potentes chutes. Os demais reagiram, novamente atacando-lhe e mais uma vez, fazendo o shinobi recuar com uma evasiva. Iragetsu então balançou o corpo e saltou, perfurando o ombro de um deles naquele movimento. A batalha voltou a se tornar intensa e os oponentes atingiram o rapaz em três lugares de uma vez, perna, abdômen e pescoço. O Suika conseguiu deixar os golpes, que foram simultâneos, inofensivos. Com o espaço adquirido por aquilo, o Genin transpassou sua Tōken sobre o pescoço de um, eliminando este de uma vez. Os demais pareceram se enfurecer com o assassinato e tentaram a todo custo agarrar o rapaz, que deslizou pelo chão e tomou distância novamente. Iragetsu bufou, demonstrando um certo cansaço.

Agora contra dois, que já estavam um tanto quanto feridos. O ninja voltou a avançar, em movimentos rápidos com sua lâmina, evitando as katanas dos adversários para finalmente estocar a ambos. Vendo-os agonizando no chão, várias pessoas começaram a sair de suas casas, demonstrando que estavam a assistir tudo pelas janelas. Iragetsu já não temia ser congelado. Ainda era desagradável para ele estar por lá, porém a adrenalina foi mais forte que o medo. A população de Hyoga saudou ao genin, agradecendo-o por livrá-los daquele trio de bandidos, que agora não fariam mal a mais a ninguém.

Considerações:

Equipamento Ninja:

Jutsus:

Status:

[Filler] Pavor à Neve 3d401323ca8d67833442cd912fee3acc

sinhorelli
Hokage
sinhorelli
Vilarejo Atual
[Filler] Pavor à Neve 3d401323ca8d67833442cd912fee3acc

Re: [Filler] Pavor à Neve - Publicado 24/7/2021, 15:59

Ok

_______________________

Ficha | GF | Banco | CJ | CH | EV | RD | Mod AG