Sobreviventes
Shaka retornou. O inimigo número um da humanidade num passado apagado da existência retornou ainda mais poderoso. Os fantasmas dos heróis que o aprisionaram no passado solicitaram a ajuda de guerreiros poderosos que estivessem dispostos a selá-lo na cadeia do tempo, porém, algo de errado ocorreu. Shaka não só conseguiu escapar dos inimigos como ainda corrompeu os fantasmas e roubou uma das três marcas sagradas do tempo. Enquanto isso, as vilas sofreram ataques massivos de seguidores da religião de Jashin, todos acreditando que Shaka é o verdadeiro deus da morte. Templos foram encontrados nos arredores de cada vilarejo e aos poucos foram derrubados. Mas o inimigo da humanidade não tinha apenas uma carta na manga; Kinarra, um demônio antigo, voltou do além buscando a destruição do mundo, entretanto, ao enfrentar os novos heróis da humanidade, acabou se aliando aos humanos até que Shaka reapareceu e a selou novamente mostrando todo o seu poder. O mundo se encaminha para uma era sombria ou de paz? Só o tempo dirá.
.
.
.
.
.
Últimos assuntos
» [MS] Dumas
Hoje à(s) 22:19 por oito

» [FICHA] Hatake Yusai (EM CONSTRUÇÃO)
Hoje à(s) 22:01 por Shiji

» [Ato] O vento que me acha o cabelo
Hoje à(s) 21:49 por Morpheusa

» mods - Amakusa
Hoje à(s) 21:40 por Amakusa

» [ FIXO ] Sistema de Reset Parcial e Total
Hoje à(s) 21:39 por Amakusa

» [C] Simplicidade
Hoje à(s) 21:30 por Nicotavo

» Lista & Organização de Aparência
Hoje à(s) 21:29 por Shiji

» Lista & Organização de Vilarejos
Hoje à(s) 21:25 por Shiji

» Lista & Organização de Contas Duplas
Hoje à(s) 21:23 por Shiji

» Lista & Organização de Clãs
Hoje à(s) 21:21 por Shiji


[Capítulo] Shizui

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Capítulo] Shizui - em 26/12/2018, 12:51

—— Narrador.

A pedido da Hakuja Sennin um par de pequenas cobras brancas, tão fáceis de passarem despercebidas na paisagem cinza e bege dominante de Kumogakure, estiveram a vigiar com certa urgência os passos do jovem Jonin Shizui; os olhinhos negros das serpentes presenciaram todo o desenrolar de eventos que o ascenderam ao posto de herói local, tendo repelido as forças jashinistas da nuvem e impedindo, em conjunto com Arthuria, que algum infortúnio recaísse sobre a vila. Aos olhos da velha anciã ele estava completamente preparado, talvez até mesmo houvesse tardado a convoca-lo; sendo assim, uma pequena cobrinha branca, como aquelas que estiveram em vigia, rastejou-se ziguezagueando de encontro ao garoto, para informa-lo que sua presença era requisitada na lendária Caverna do Terreno do Dragão, local este só permitido de ser encontrado por aqueles que realmente o desejam alcançar.

Progresso: 1/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).

Adendos: Como é obrigatória a feitura da quest na área sagrada, acho melhor que você narre a convocação ainda em Kumo e venha para este tópico.

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 26/12/2018, 13:43


Era de tarde, eu tinha acabado de voltar de uma ronda pela vila e estava terminando de fazer minha refeição. Me sentia um pouco cansado. Não fisicamente, mas sim mentalmente devido a tudo o que havia ocorrido até aquele momento em minha vida. "Ainda estou confuso, será que fiz certo em matar aquele cara?" Até então não descobrira a verdade por trás do homem que matei, deixando sua mulher e filho sozinhos no mundo, nas mãos dos ninjas de Kumo para interrogatório. "Melhor eu não pensar nisso, tenho outras coisas para fazer, preciso terminar de me aprontar para a missão em Iwa." Suspirei, me levantando da cadeira com a louça em minhas mãos, a levando até a pia para lavar.

Assim que terminei fui diretamente até minha bag que estava sobre a minha mesa de centro, em meio a sala de estar. "Vamos ver, está tudo aqui?" Com tudo em seu devido lugar me direcionei até a porta. Suspirei, achando que havia deixado algo para trás. "Está aqui?" Vasculhei minha bolsa de armas percebendo que minha pequena espada de raio não se encontrava dentro do compartimento. Voltei até minha sala observando o comodo a procura da arma.

Lá estava ela, sobre o sofá. Não lembrava de te-la deixado sobre ele, mas enfim a encontrei. A prendi em minha cintura, voltando até a porta sem ter mais nada perdido em minha casa. Estava tudo arrumado, sem trabalho para fazer por ali, o que me deixava livre pelo resto da tarde. Me retirei, trancando a porta logo em seguida para que ninguém viesse a invadir minha residencia. "Bom, agora o que preciso fazer?" Ainda sentia uma certa pontada de dúvida, ninguém tinha ido até ali me chamar para alguma missão, ainda faltava alguns dias para ir até Iwa, e não sabia bem o que fazer. Fiquei parado por alguns instantes, pensando no que fazer, quando algo me chamou a atenção.

Olhando para o chão meio pensativo, observei uma pequena cobra branca rastejando até meus pés. Estranhei, pois nunca tinha visto uma cobra por ali até então. "Mas o que faz aqui?" Aquele pequeno animal me levou até um acontecimento passado, aonde me vi em meio a um pesadelo cujo era seguido por cobras que tentavam me matar, até que no fim se tratava apenas de um chamado. "Estranho." De certo que era, e por isso levei minha destra até a cobra a pegando com a destra e a levando até a altura dos meus olhos. -O que faz aqui minha amiguinha? Não esperava pela resposta, até porque era apenas um animal que provavelmente não me responderia.

A cerca de milésimos de segundos uma fumaça tomou meu corpo e uma sensação de estar sendo deslocado rapidamente me deixou um pouco enjoado. A mudança repentina de paisagem me obrigou a executar um selo, pensando que estava dentro de uma ilusão, mas estava errado. "Aonde estou?" Me sentia um pouco incomodo, estava afrente de uma enorme caverna que mais parecia um tumulo de algum bicho colossal. Olhei mais uma vez para a pequena cobra em minha mão a perguntando mais uma vez, a espera de uma resposta desta vez, não sabendo se ela me responderia. -Aonde estou? Desconfiado, me mantive ali parado, apenas observando o local a minha volta.


HP: 2050/2050 CH: 2225/2225 ST: 0/11

Considerações:
Palavras: 545
Eu interpretei desde o momento em que me encontrava em Kumo até a minha teleportação por parte da pequena cobra branca, que me levou até a entrada da caverna aonde estou parado no momento.
Ações:
Jutsus Usados:
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 26/12/2018, 14:36

—— Narrador.

A pequena criatura mostrou ao soldado da Nuvem sua língua rosa bifurcada, debatendo-a contra ambas as extremidades de sua boca e emitindo um som que não era agudo nem grave, embora característico àquela espécie. Abanou sua cauda, mesmo não possuindo guizo ali e então se libertou do humano, se atirando contra o solo e rastejando adiante. Ali jazia o sagrado, ainda que infame, santuário das cobras, abrigando também a mais sábia dentre aqueles repteis. Esculpida pelas intempéries da natureza na base de uma montanha de rocha cinzenta, a caverna por si só, isto é, avulsa à visão de qualquer cobra nas proximidades, tinha aparência de gerar calafrios; um longo túnel se projetava para frente, como que a chamar Shizui para dentro. Vez ou outra, um som era emitido do interior da caverna, o mesmo som feito há pouco pequena cobra branca porém em maior volume e muito, muito mais aterrador de se ouvir. Uma vez que tempo não lhe faltava, cabiam a ele as mais variadas escolhas, fosse caminhar ao redor da base daquela montanha para se certificar da segurança do local — se é que um abrigo cavernoso cercado por mata densa poderia ser seguro — ou iniciar seus passos túnel adentro, imergindo na escuridão até que alcançasse um ponto do mesmo onde tochas se erigiam de ambos os lados, trazendo luz ao ambiente. O réptil branco e pequeno sumira havia muito, tendo rastejado fervorosamente ao interior de sua morada, onde seus olhos acostumados com o negrume enxergavam melhor.

Progresso: 2/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 26/12/2018, 15:10


Nada, o silencio imperou pós minha pergunta. O animal se limitou a mostrar sua língua em um sibilar continuo balançando sua calda em conjunto até se desvencilhar de minhas mãos. "Nada?" Pude ver a pequena cobra branca seguir adiante, adentrando naquela caverna macabra que me dava calafrios. -Não acredito que terei que entrar ai. De fato, eu estava com um pouco de medo. Nunca tinha visto tal coisa antes, aquele local mais parecia um cemitério e isso me assustava. Ainda sim minha curiosidade foi mais forte, me levando seguir o pequeno ser que me levara até ali, se foi mesmo ele.

O local estava muito escuro, não conseguia enxergar muito bem, o que me deixava em grande desvantagem. A qualquer momento podia ser atacado, e isso me obrigou a tomar medidas preventivas, erguendo uma barreira sensorial ao meu redor dentro de uma área de cinquenta metros. "Acho que isso vaio me ajudar. " Pude sentir o pequenino ser próximo aos meus pés, a cerca de alguns metros, rastejando mais e mais caverna adentro.

Seguindo o ser, escutei um segundo sibilar, este sendo ainda mais intenso e alto, como se um enorme animal o fizesse. Isso me fez parar por alguns instantes, exitando em adentrar no local ainda mais. "O que é isso?" O frio me fazia abraçar-me, buscando o calor que meu corpo precisava naquela altura. A cobra branca por sua vez continuou a rastejar, como se estivesse me levando até algum lugar dentro daquela catacumba. Respirei profundamente, retomando minha coragem para voltar a andar até o interior do local, buscando por respostas.


HP: 2050/2050 CH: 2225-113=2112/2225 ST: 1/11

Considerações:
Palavras: 263
Barreira sensorial ativa, em uma área de 50 M afim de melhor andar ali dentro devido a escuridão. Isso serve também se caso venha a ser atacado.
Ações:
Jutsus Usados:
Kekkai: Tengai Hōjin
Rank: B
Descrição: Esta técnica cria uma barreira de detecção esférica com o utilizador no centro. Ao comando do usuário, a barreira de detecção pode expandir-se, agarrando tudo na sala. O usuário é capaz de detectar qualquer coisa que se movimenta dentro do espaço da barreira com seu próprio "sentido". O usuário também pode mover-se, a barreira vai segui-lo enquanto se move.
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 26/12/2018, 15:24

—— Narrador.

Enrolada sobre o próprio corpo, formando uma espiral em torno de si mesma, a cobra de medidas titânicas experimentou colocar sua língua para fora da boca, como sempre fazia ao estar exausta do enfado; uma perturbação da brisa gélida que varria o interior da caverna, não muito longe da entrada, aproximando-se vagarosa e cautelosamente do covil. Dado o fato de que somente aqueles que desejassem verdadeiramente alcançar Ryūchidō conseguiam encontrar a caverna, ela soube de imediato que se tratava do humano da Nuvem, a quem ela mesma convocara. Esticou sua cabeça, posturando-a de maneira ereta acima de um pequeno segmento de seu corpo, acima da região inferior que ainda se mantinha em espiral. Por algum buraco acima, o qual ela falhara em achar todos estes anos, uma luz morna e pálida adentrava a caverna num única feixe, incindindo este diretamente sobre a cobra, revelando-a aos olhos. A velha e sábia Hakuja Sennin.

Progresso: 3/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 26/12/2018, 16:22


Caminhei por mais alguns minutos, seguindo a pequena cobra que sumia repentinamente. "Para onde ela foi?" Nem mesmo minha barreira sensorial era capaz de percebe-la, dando a mim a unica dedução possível. "Ela saiu do meu alcance." O gélido ar que percorria o interior da caverna me fazia sentir um pouco de frio, enquanto o sibilar alto me arrepiava. Uma pequena fonte de luz advinda do fundo do local se tornava maior a medida que me aproximava, dando aos meus olhos a imagem de algo posicionado em espiral. A escuridão que deixava minha visão um pouco turva não me permitiu enxergar direito, até minha aproximação. "Mas o que é isso?" Meus olhos se arregalaram ao vislumbrar tamanha cobra me olhando compenetradamente. Não posso negar, me senti assustado, animado e com medo, tudo ao mesmo tempo. Exitei por alguns segundos, retomando o fôlego perdido ao ter tal visão, até enfim me encorajar e avançar um pouco mais.

Minha barreira se mantinha erguida, decisão essa de precaução por estar em um local totalmente desconhecido. Procurei palavras, mas essas se perdiam em meus lábios e temiam em sair. Até que enfim minha coragem surgiu advinda de minha extrema curiosidade, perguntando quem ou o que era aquela gigantesca cobra branca posicionada em um espiral sobre seu próprio corpo. -Desculpe, me chamo Shizui no Kira, eu não queria invadir nem nada, mas uma cobra pequena me trouxe até aqui, eu acho. Pausei, desconfiando até mesmo das minhas próprias palavras, mantendo um tom ameno para evitar maiores confusões com aquele ser. -Então, aonde eu estou? Minha voz se calava, temendo um ataque daquele animal de proporções titânicas.


HP: 2050/2050 CH: 2225-113=2112/2225 ST: 2/11

Considerações:
Palavras: 272
Barreira ainda ativa.
Ações:
Jutsus Usados:
Kekkai: Tengai Hōjin
Rank: B
Descrição: Esta técnica cria uma barreira de detecção esférica com o utilizador no centro. Ao comando do usuário, a barreira de detecção pode expandir-se, agarrando tudo na sala. O usuário é capaz de detectar qualquer coisa que se movimenta dentro do espaço da barreira com seu próprio "sentido". O usuário também pode mover-se, a barreira vai segui-lo enquanto se move.
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 26/12/2018, 20:51

—— Narrador.

Percebendo a hesitação do humano, a cobra optou por manter-se inerte em sua atual posição, movendo apenas os olhos, a língua também vez ou outra, para se certificar que nenhuma outra fonte de calor o estivesse acompanhando — humanos eram criaturas traições e ela, como qualquer outro animal, sabia bem deste fato. Por vários momentos apenas o esquadrinhou, deixando que as ondas sonoras produzidas na indagação pairassem ao fundo da caverna, ecoando em tuneis distantes. Parecia um questionamento um tanto estranho para alguém que firmara o contrato, por acaso o confundira? Dificilmente. Aproximando-se vagarosamente, agora não mais preocupada em manter-se neutra sem assusta-lo, abriu sua boca e exibiu o par de presas que possuía, oferecendo a ele um vislumbre de seu interior. — Como um humano firma o contrato sem ao menos saber que lugar é este? — questionou, sua voz era arrastada e sussurrante, embora seu tamanho servisse como um ampliador próprio à voz. — Você foi convocado à esta caverna porque o julguei adequado para ser dono de algo e não quero pensar que me enganei a seu respeito. Engula seu medo, humano, pois se não tiver êxito darei às outras cobras que residem na caverna permissão para come-lo, como foi feito com tantos outros antes. É tempo de ser apresentado ao mundo como ele é; se falhar, morrerá e não pense que existe escapatória contra répteis colossais. — Aqui, permitiu-se pontuar a fala com um risinho, voltando a enfiar sua cabeça na própria espiral, apenas os olhos sobressaindo o amontoado de carne e escamas esbranquiçadas que era. — O que me diz?

Progresso: 4/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 26/12/2018, 21:38


Por alguns instantes a vi parada, mexendo apenas seus olhos junto a língua. Mantinha-me parado, esperando pela resposta daquele colosso, tentando não demonstrar nenhum medo. Buscava em meu interior toda a calma que havia adquirido a pouco tempo, uma ótima forma de agir diante de problemas como aquele. !Se acalme." Fechei meus olhos, voltando a respirar serenamente ao meu acalmar. Assim que os abri me deparei com a aproximação da cobra, que por sua vez abria sua boca mostrando suas presas enquanto falava. Já não me assustava, conseguia controlar meus medos e a ansiedade, fitando o interior do corpo do animal enquanto escutava suas palavras.

De fato, ela estava certa. Eu não tinha conhecimento sobre aquele lugar, nunca tinha parado para conversar com uma das cobras que havia firmado o pacto. Aliais, ainda não havia invocado nenhuma delas para ajudar-me. Me desculpei, era o melhor a se fazer naquele momento. -Peço perdão, a verdade é que nunca invoquei uma das cobras que reside por aqui, nem mesmo tinha conhecimento sobre este lugar. Pausei, esperando que a mesma me desculpasse pelo erro. Escutei a explicação seguinte, o motivo para ter sido levado até aquele mundo.

Me vi como um nada, observando o pequeno sermão dado pela sábia a minha frente. Mais uma vez me desculpei, me ajoelhando parcialmente a sua frente. Apenas o joelho esquerdo tocaria o solo, enquanto o outro estaria apoiado pelo pé. -Mais uma vez lhe peço perdão. Não foi minha intenção insulta-la. Me coloquei de pé novamente, voltando meus olhos para os do animal mantendo minha calma. Não tinha mais medo, apenas a vontade de seguir o caminho até seu fim. Me lembrava do dia em que o povo da pequena vila das cobras havia me dito, que elas eram como deuses, poderosos e imponentes, donos de um grande poder. Só o fato de ter sido chamado ali para tomar conhecimento de uma nova fonte de poder já me deixava satisfeito. -Minha resposta é sim, eu não posso negar um presente dado por você. Sereno, despejei minha voz respondendo a pergunta feita pela anciã.


HP: 2050/2050 CH: 2112/2225 ST: 3/11

Considerações:
Palavras: 350
Barreira ainda ativa.
Ações:
Jutsus Usados:
Kekkai: Tengai Hōjin
Rank: B
Descrição: Esta técnica cria uma barreira de detecção esférica com o utilizador no centro. Ao comando do usuário, a barreira de detecção pode expandir-se, agarrando tudo na sala. O usuário é capaz de detectar qualquer coisa que se movimenta dentro do espaço da barreira com seu próprio "sentido". O usuário também pode mover-se, a barreira vai segui-lo enquanto se move.
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 27/12/2018, 16:59

—— Narrador.

Tendo aceitado sua proposta de poder o Jonin — não que tivesse ele muita escolha — a grande cobra assentiu com a cabeça, dirigindo a ele o mais próximo de um aceno afável que era permitido à um animal escamoso e de sangue frio. — Então meu papel aqui está terminado. Por fim, invoque uma das cobras com a qual tem contrato e, ao ver estarem nesta caverna, elas entenderão sua situação. Você será posto a prova e, como dito, se falhar morrerá. Boa sorte. — Terminando o informe, a Hakuja rastejou com velocidade impressionando de volta à escuridão, sumindo nos tuneis ao fundo, bifurcações no interior da caverna.

Progresso: 5/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 27/12/2018, 20:39


Meu olhar sereno admirava a enorme cobra anciã que mantinha seus olhos vidrados em mim, acenando com sua cabeça positivamente ao ouvir minha aceitação. Logo terminava sua explicação, dando a entender que não tinha mais nada a fazer naquele local, se retirando em seguida me deixando só para continuar com a tarefa. -Ok, deixe comigo. Minhas palavras saiam instintivamente a medida que a cobra se retirava do recinto, me deixando só comigo mesmo. "Vamos, agora é comigo." Minha respiração se aprofundou enquanto meus olhos se fechavam. Me voltava para meu interior sentindo o fluxo de chakra fluindo por todo o meu corpo de forma serena. Por fim, lembrando-me do ensinamento do povo da pequena vila das cobras.

"Só preciso morder o dedo correto?" Levei meu polega destro até os dentes dando um pequeno beliscão até que sentisse o sangue escorrendo através dele. Logo em seguida o toquei em minha mão esquerda passando por toda a sua extensão, até enfim encharca-lo do líquido quente e vermelho vivo, encostando-a sobre o solo deixando meu chakra transbordar através do solo buscando por alguma cobra a minha volta.

Uma fumaça tomou conta de uma grande área e minha volta, me obrigando a levar minhas mãos até o resto evitando de entrar em meu nariz. Não sabia que era isso o que ocorria em meio a uma invocação, mas agora já aprendia. Olhei para a neblina esperando-a dissipar-se buscando saber o que tinha vindo após meu primeiro chamado. Assim que pude melhorar minha visibilidade me deparei com uma grandiosa cobra, aparecia a minha frente. Logo a reverenciei, assim como fizera com a anterior, demostrando minha educação perante a ela. -Obrigado por ouvir meu chamado. Preciso de sua ajuda, acho que conhece este lugar correto? Me calava, esperando pela resposta. Enquanto isso deixava toda a barreira se esvair, sentindo maior confiança naqueles seres.


HP: 2050/2050 CH: 2112-75=2037/2225 ST: 4/11

Considerações:
Palavras: 312
Barreira ainda desativada.
Ações:
Jutsus Usados:

Aoda
Rank: A
Descrição: Aoda (アオダ, Aoda) é um habitante da Caverna Ryūchi e uma invocação pessoal de Sasuke Uchiha. Aoda é grande em tamanho facilmente elevando-se sobre até mesmo o mais alto dos seres humanos e é facilmente comparável em tamanho as maiores invocações. Como muitas cobras, Aoda parece possuir cavidades de detecção de calor em seu rosto em forma de grandes buracos. Em contraste com Manda, uma cobra de tamanho semelhante a ele, Aoda parece ser muito leve, educado e respeitoso ao seu invocador, como mostrado quando ele se dirige a Sasuke com o sufixo "-sama" e segue obedientemente todas as suas ordens.
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 28/12/2018, 14:29

—— Narrador.

A arroxeada Aoda, embora temida por suas dimensões e por todas as capacidades que eram entregues à um réptil colossal, era conhecida também como a mais respeitosa das cobras da caverna Ryuchido, se dirigindo aos humanos considerando sua posição como ninjas. Ao emergir da nuvem de fumaça cinzenta, olhou ao redor, percebendo ter sido convocada ao próprio lar, frente a uma criatura pequenina. Um humano. O tamanho de seu cérebro era mais que suficiente para aperceber-se dos detalhes e chegar na inevitável conclusão; o teste. Bateu a cauda contra o solo, destacando somente esta da característica posição em espiral que todas as cobras tomavam em repouso. Aproximou sua grande cabeça do Jonin, proferindo-lhe as palavras. — O desafio escolhido, meu caro ninja, é o combate. Naturalmente, não o levarei até a morte e espero que faça o mesmo comigo. Eu saberei a hora de parar. — Movendo-se para trás, criando um espaço de aproximadamente trinta metros entre ambos, agora ocupando o espaço sobre o foco de luz, ela estava preparada para o início do rito.

Progresso: 6/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 28/12/2018, 14:47


A fumaça ao se dissipar dava lugar a uma grandiosa cobra, que pelo pouco que podia perceber tinha sua coloração talvez meio arroxeada. Mantive-me completamente calmo, apenas observando o ser colossal a minha frente. -Obrigado por vir. Gratidão, era o que devia mostrar devido ao animal que vinha em meu chamado. Observava-a completamente, percebendo o bater de sua calda sobre o chão gerando pequenas ondas de choque audíveis dentro da caverna, que ecoavam por toda a sua extensão. Esperando seu comentário suspirei, me sentia um pouco cansado de fato, mas nada que abalasse minha postura.

A cabeça do animal se aproximou, e apesar disso me mantive parado no mesmo lugar, calmo como sempre. Logo tive a ciência do que seria o tal teste. "Um combate?" Meus olhos focaram o solo por alguns instantes com um olhar pensativo, até voltar minha atenção para o animal de grandes proporções dando a minha resposta. -Você tem a minha palavra. Curvava-me perante o animal, demonstrando tamanha educação perante a ele. Ele então se afastou, tomando uma distância de mais ou menos trinta metros, mantendo-se abaixo da luz que adentrava pela abertura no teto. Posicionei-me defensivamente, esperando pela ação da invocação.


HP: 2050/2050 CH: 2037/2225 ST: 3/11

Considerações:
Palavras: 201
Ações:
Jutsus Usados:

Aoda
Rank: A
Descrição: Aoda (アオダ, Aoda) é um habitante da Caverna Ryūchi e uma invocação pessoal de Sasuke Uchiha. Aoda é grande em tamanho facilmente elevando-se sobre até mesmo o mais alto dos seres humanos e é facilmente comparável em tamanho as maiores invocações. Como muitas cobras, Aoda parece possuir cavidades de detecção de calor em seu rosto em forma de grandes buracos. Em contraste com Manda, uma cobra de tamanho semelhante a ele, Aoda parece ser muito leve, educado e respeitoso ao seu invocador, como mostrado quando ele se dirige a Sasuke com o sufixo "-sama" e segue obedientemente todas as suas ordens.
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 28/12/2018, 20:18

—— Narrador.

Erguendo-se à base do próprio tronco, o animal se projetou para cima e então para baixo, na direção do humano; seu movimento foi como uma montanha russa, impulsionando sua cabeça contra a pequena figura — qualquer dano físico causado por aquele corpo frágil e minúsculo não traria consequência fisiológica alguma à sua cabeça, nem mesmo o impacto contra o solo, algo ao que já estava acostumada — de modo a projeta-la contra o chão da caverna, adentrando o mesmo caso houvesse alguma esquiva do Jonin e então, após atirar-se para baixo, afundando-se profundamente no solo, voltaria a emergir numa breve distância de onde havia adentrado, tentando um ataque feito em surpresa, abrindo a boca e capturando nela tudo em seu caminho.

Progresso: 7/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 28/12/2018, 20:38


Posicionado de forma defensiva observava a movimentação por parte do grande animal  minha frente. Logo pude vê-lo erguer-se de forma abrupta para somente assim avançar contra minha posição. Aguardei, pois a distância entre nós não era pouca. Apenas quando ela alcançou mais ou menos dois metros de mim que pode me mover da melhor forma que eu precisava. Saltei em alta velocidade verticalmente para cima, afim de cair sobre a cabeça no animal, correndo sobre a extensão do seu corpo até chegar em sua calda. "Ela é muito rápida, não posso dar mole assim." Minha respiração se aprofundava, enquanto meus olhos se voltavam para trás ao sentir um movimento abrupto por parte do colosso, vendo adentrar-se no solo.

Saltei, saindo de cima do réptil e evitando de ser levado junto dela para dentro do chão. Virei-me para aonde ela havia entrado, mantendo-me atento ao meu redor esperando ver aonde ela sairia. "Aonde..." Meu pensamento era pausado ao ver que no mesmo instante da entrada ela saia, a cerca de poucos centímetros de onde estava vindo de encontro a mim. Sua velocidade era ainda maior, e certamente meus movimentos não fariam muita diferença. Nesse momento um fluxo de chakra enegrecido me acometeu, evoluindo meu físico e por sua vez meu chakra, dando a mim um poder fora do normal. Não tinha sentido isso antes, mas me fazia sentir bem. Mais uma vez saltei, agora em velocidade ainda maior, voltando a pousar sobre a cabeça do animal com um soco em minha força máxima, querendo testar o poder daquela transformação diabólica.


HP: 2050/2050 CH: 2437/2225 ST: 4/11

Considerações:
Palavras: 264
Ações:
Fiquei observando a movimentação da cobra, e no exato momento que ela ficou a 2 metros eu saltei em velocidade 5 sobre sua cabeça e corri na direção da calda. Ao sentir sua movimentação abrupta olhei para trás e a vi adentrar na terra, com isso pulei de cima dela. NO ataque seguinte eu saltei ativando o senninka em seu estágio secundário, já sentindo os efeitos da mutação enquanto tomava todo o meu corpo, com isso saltei em velocidade 7 e atingi a cabeça dela com força 6.
Jutsus Usados:


Senninka - Nvl: 2 - 1/4
Descrição: O Senninka é o resultado de uma Kekkei Genkai sem nome portada pelo clã de Juugo. Essa Kekkei Genkai permite aos seus usuários absorverem passivamente chakra Sennin, o que dá a eles habilidades físicas amplificadas. Esse jutsu faz com que o seu usuário passe por uma transformação que permite a ele a modificação livre de seu corpo, criando apêndices-armas e a habilidade de consumir outros corpos.
Bônus: + 2 Velocidade e Força; + 400 Ch; Buff de Nins e Tais até rank S

Aoda
Rank: A
Descrição: Aoda (アオダ, Aoda) é um habitante da Caverna Ryūchi e uma invocação pessoal de Sasuke Uchiha. Aoda é grande em tamanho facilmente elevando-se sobre até mesmo o mais alto dos seres humanos e é facilmente comparável em tamanho as maiores invocações. Como muitas cobras, Aoda parece possuir cavidades de detecção de calor em seu rosto em forma de grandes buracos. Em contraste com Manda, uma cobra de tamanho semelhante a ele, Aoda parece ser muito leve, educado e respeitoso ao seu invocador, como mostrado quando ele se dirige a Sasuke com o sufixo "-sama" e segue obedientemente todas as suas ordens.
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 28/12/2018, 20:55

—— Narrador.

O golpe bem dado projetou a criatura para baixo, chocando-o pesadamente contra o solo num baque audível que ecoou através dos diversos tuneis escavados na caverna. Julgara erroneamente as forças do humano? Não, tinha sido pega num bem pensado ardil. Amplificara-se com alguma técnica e a pegara de surpresa, atingindo-a. Percebendo a mudança de situação, forçou-se alterar sua estratégia; trouxe a cabeça de volta à posição anterior, erguida contra o superior da caverna, ainda que longe do topo, apenas apontando. Esticou a cauda e girou da maneira que só à um cobra, equipada de uma coluna vertebral e osso mais algum, era permitido, varrendo o perímetro no entorno e alvejando em conjunto à Shizui, tentando atingi-lo e arremessa-lo perpendicular ao ponto de impacto

Progresso: 8/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 28/12/2018, 21:18


O som estrondoso ecoou por todo o local após atingir a cabeça da cobra fortemente, levando-a a se chocar contra o solo. Olhei para minha destra como se não acreditasse no que acabara de fazer, logo voltei ao chão ainda sentindo todo aquele poder percorrendo meu corpo e voltando a olhar para o animal caído no chão. "Mas que poder incrível." Meus olhos se retiravam da mão voltando a focar em minha oponente momentânea, observando o resultado de minha ação. "O que ela pretende agora?" Mantinha-me atento, pois a cobra não se renderia tão facilmente.

Aoda voltava a se erguer, mantendo sua cabeça mais alta possível enquanto olhava em minha direção. Não tinha noção do que ela estava prestes a fazer, mas não permitiria-me falhar naquela altura da situação. "Vamos lá." Preparado esperei pelo próximo movimento, até perceber seu golpe. Era algo devastador de fato, usar a calda como um tipo de chicote era inteligente, mas a velocidade dela não era tão grande assim se comparada ao máximo que eu conseguia alcançar. Assim que o membro dela se aproximou a cerca de dois metros eu mais uma vez me impulsionei, utilizando do chakra nos pés para isso, usando meu shunshin para ampliar minha velocidade. Sorri, pois sentia como se fosse uma brincadeira de criança. Assim que voltei ao chão foquei nela, sem tirar os olhos.


HP: 2050/2050 CH: 2437-4=2433/2225 ST: 5/11

Considerações:
Palavras: 228
Ações:
Pulei sobre a calda em uma altura que pudesse escapar do seu ataque, usando o shunshin para alcançar a velocidade 8
Jutsus Usados:


Senninka - Nvl: 2 - 2/4
Descrição: O Senninka é o resultado de uma Kekkei Genkai sem nome portada pelo clã de Juugo. Essa Kekkei Genkai permite aos seus usuários absorverem passivamente chakra Sennin, o que dá a eles habilidades físicas amplificadas. Esse jutsu faz com que o seu usuário passe por uma transformação que permite a ele a modificação livre de seu corpo, criando apêndices-armas e a habilidade de consumir outros corpos.
Bônus: + 2 Velocidade e Força; + 400 Ch; Buff de Nins e Tais até rank S

Aoda
Rank: A
Descrição: Aoda (アオダ, Aoda) é um habitante da Caverna Ryūchi e uma invocação pessoal de Sasuke Uchiha. Aoda é grande em tamanho facilmente elevando-se sobre até mesmo o mais alto dos seres humanos e é facilmente comparável em tamanho as maiores invocações. Como muitas cobras, Aoda parece possuir cavidades de detecção de calor em seu rosto em forma de grandes buracos. Em contraste com Manda, uma cobra de tamanho semelhante a ele, Aoda parece ser muito leve, educado e respeitoso ao seu invocador, como mostrado quando ele se dirige a Sasuke com o sufixo "-sama" e segue obedientemente todas as suas ordens.
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 29/12/2018, 10:56

—— Narrador.

Após ter sido atingida uma segunda vez a cobra percebeu que de nada valia sua estatura e peso colossais contra a cegante agilidade com a qual aqueles movimentos humanos eram imbuídos. Naturalmente, aquele era apenas um ponto isolado no que tangia a conhecer o jovem Jonin, mas ainda assim era uma forma de conhece-lo digno de portador da benção da natureza; o exame escolhido tinha sido o combate, afinal, não poderia agora se resignar de tal coisa e escolher outros modos para colocar à prova aspectos interiores dele. Retomando sua postura, o corpo ainda com ligeiros acessos de dor, a cobra aproximou-se com semblante agora neutro — embora talvez, à Shizui, notar as diferenças no semblante de uma cobra pudesse ser um desafio ao qual não estava à altura — e inclinou sua cabeça abaixo. — Me parece o suficiente, caro humano. Agora, vamos, não demoremos mais: fique parado para receber sua recompensa; feche os olhos e e mantenha-se completamente inerte. Até logo. — E, terminando sua fala arrastada e sussurrante, a grande cobra, agora de cor negra por haver saído do foco de luz que emanava do topo da caverna, rastejou com velocidade que parecia ter sido contida durante o embate, sumindo num dos vários tuneis. Uma vez que estivesse na posição requerida o garoto, a Hakuja voltaria em cena para dar-lhe o Senjutsu.

Progresso: 9/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 29/12/2018, 11:13


Um segundo golpe era desferido contra o corpo da grandiosa cobra Aoda, certamente lhe deixando ao menos dolorida no local atingido. Cai, reduzindo o impacto com os pés ao tocar o chão suavemente sem me machucar. Meus olhos se voltaram para o grande animal, tendo em vista sua feição agora mais serena ao me olhar, pelo menos era o que parecia dada a dificuldade em deduzir o que ela estava sentindo ao olhar cara a cara. Não vinha mais ataques, nem mesmo fazia movimentos que me levassem a crer que continuaria o embate. A transformação retrocedeu, retirando aquela forma monstruosa para trás. Em meu esto normal posicionei-me a alguns metros de minha aliada esperando por alguma resposta por parte dela.

Inclinando-se para mais perto, o animal colossal começou um novo dialogo comigo. -Tudo bem, muito obrigado por me reconhecer. Me sentia um pouco feliz ao saber que o teste havia terminado, e que minhas habilidades me fizeram preparados o bastante para ter passado. Fechei então meus olhos, escutando o rastejar da invocação que disse que se retiraria do local. Respirei profundamente, mantendo-me calmo perante aquele local, esperando pela recompensa. Logo mais podia escutar mais uma vez um rastejar, agora se aproximando de mim, porém sem abrir meus olhos assim como haviam me pedido.


HP: 2050/2050 CH: 2037/2225 ST: 4/11

Considerações:
Palavras: 216
Ações:
Jutsus Usados:

Aoda
Rank: A
Descrição: Aoda (アオダ, Aoda) é um habitante da Caverna Ryūchi e uma invocação pessoal de Sasuke Uchiha. Aoda é grande em tamanho facilmente elevando-se sobre até mesmo o mais alto dos seres humanos e é facilmente comparável em tamanho as maiores invocações. Como muitas cobras, Aoda parece possuir cavidades de detecção de calor em seu rosto em forma de grandes buracos. Em contraste com Manda, uma cobra de tamanho semelhante a ele, Aoda parece ser muito leve, educado e respeitoso ao seu invocador, como mostrado quando ele se dirige a Sasuke com o sufixo "-sama" e segue obedientemente todas as suas ordens.
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 29/12/2018, 12:19

—— Narrador.

A grande cobra branca tinha lembranças nubladas acerca do último humano que adentrara aquela caverna e se dignara da benção da natureza. Mas as memórias que diziam respeito as tantos que falharam e hoje eram nada mais do que velhos ossos podres em algum canto, essas estavam frescas. Ao dirigir um olhar ao Jonin da Nuvem ele parecia bem vivo, respirava — algo sentido pelos buraquinhos em sua face, identificando as ligeiras variações de calor que eram causadas cada vez que uma lufada de ar emergia dos pulmões de Shizui — e tinha ainda a pele e carne sobre os ossos. Passara no teste e não existiam dúvidas daquilo. Aproximando-se até estar um palmo de distância, a cobra emanou sua energia em direção ao corpo frágil do humano, lhe passando o Senjutsu.

Progresso: 10/10.
Objetivo(s): Caminho Eremita (Senjutsu).
Adendos: Finaliza ae, last post.

@Shizui.

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 29/12/2018, 12:43


Minha respiração continua e fraca demonstrava toda a minha calma. Ouvia o som do rastejar se aproximar, mas isso não mudou em nada meu estado de espirito. Mantive meus olhos fechados como me foi pedido, e logo parei de escutar o barulho. Mantive a respiração serena, evitando de me desestabilizar emocionalmente naquele local. O silêncio me ajudava nessa tarefa, dando a mim um abraço sutil. Meu corpo logo foi tomado por um calor diferente, algo parecido com a transformação que tinha feito anteriormente em combate contra a grandiosa Aoda. Era então esse o modo senjutsu? Eu já tinha algo parecido? Perguntas que vieram a minha mente logo em seguida.

Meu corpo se adaptou rapidamente, tendo o fim da sensação por toda a sua extensão. Voltei a abrir meus olhos, e assim pude enxergar a grande cobra anciã parada a minha frente, olhando diretamente para meu rosto. Sorri, reverenciando-na como forma de cumprimento. A agradeci, pois ela havia me ajudado até o momento. -Obrigado pelo presente, fique tranquila, irei honrar sua confiança em mim. Me coloquei normalmente mais uma vez mantendo meus olhos vidrados nela, esperando o ato final. E assim foi, mais uma vez a fumaça me tomou por inteiro, deixando tudo ao meu redor nublado. Por alguns instantes senti um deslocamento repentino, que logo parou enquanto a fumaça se dissipava. Olhei ao meu redor percebendo que estava em minha casa novamente. -Interessante. Sentia-me um pouco cansado, o que me fez retornar para dentro de casa e descansar.


HP: 2050/2050 CH: 2037/2225 ST: 3/11

Considerações:
Palavras: 250
Ações:
Jutsus Usados:
Armas Usadas:
Armas Especiais:

Armadura:
Kami no Hogo - Selada no Peito
Espécie: Lendária
Rank: S
Descrição: Quando um ninja não possui uma boa defesa ele acaba sucumbindo perante aos ataques mais poderosos de um inimigo, ou até mesmo fracos por não ter como se defender. Foi pensando nisso que um ferreiro ninja ao perceber os danos causados em algumas armaduras e a dificuldade que elas geravam aos movimentos de ninjas reduzindo sua mobilidade resolveu criar um item diferenciado. Com o uso de seu chakra e fibras altamente resistentes e maleáveis o homem desenvolveu uma armadura altamente poderosa defensivamente e auto-regenerativa afim de evitar os altos custos em sua reforma. Outra coisa levada em conta foi o modo de se levar as armaduras convencionais, na maioria das vezes os ninjas tinham que carregar suas proteções para cima e para baixo tendo que coloca-las no momento de seu uso, o que dava uma certa desvantagem a eles, com isso efetuou um selo bem no centro de seu peitoral cujo o uso seria para sela-la diretamente em uma parte do corpo do usuário, mais especificamente no centro do seu peito, tendo maior liberdade para acessa-la no momento em que precisa. Querendo que tal proteção fosse total fez a armadura com uma proteção facial além de uma proteção da cabeça, pescoço e afins, deixando todos os pontos de seu corpo protegidos de ataques.

Habilidades 1: Levando em conta a desvantagem de um ninja em carregar seus equipamentos ninjas esta armadura de corpo inteiro foi criada de forma a se selar em uma parte do corpo do usuário de forma a ser guardada por ele e assim liberada no momento em que ele precisar de seu uso. Geralmente o selo se forma no centro do peito do dono da armadura facilitando o vestimento da mesma que aparece no mesmo instante cobrindo toda a parte de seu corpo até mesmo seu rosto, deixando sua respiração passar normalmente pelas pequenas aberturas feitas na parte facial. Para liberar o selo e assim trazer a armadura ao seu corpo é necessário o gasto de 35 ch, a mesma quantia deve ser usada para que retorne ao seu selo.

Habilidade 2: Assim como todos os equipamentos possuem uma certa durabilidade esta proteção também, apesar de ser bem mais alta do que as demais. No entanto sua segunda habilidade faz dela um equipamento mais bem feito e duradouro, isso porque com um gasto referente ao dano que levara a armadura se regenera voltando ao seu estado inicial sem nenhum tipo de falha ou dano em toda a sua extensão, isso a faz ser uma boa forma de defesa para aqueles que não possuem uma grande quantidade de chakra ou um grande arsenal defensivo. O limite de regeneração da armadura é de 3 por tópico.

Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
@Galatea

_______________________

Ficha / M.F / M.S / Banco / C.J / C.J 2.0 / C.I / C.C / Evolução / Template
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário
Re: [Capítulo] Shizui - em 29/12/2018, 12:52

@blssssss

_______________________



SORRY TO DISAPPOINT. I'M THE PRIMERA.
avatar
Jōnin
Jōnin
Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

resposta rápida

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto RPG Akatsuki (c) 2010 — 2019
Layout por Dorian Havilliard e Akeido.