NOVIDADES
Atividades Recentes
A LUZ DAS TREVAS
Arco 02
Ano 26 DG
Outono
Meses se passaram desde a missão de investigação ao Castelo da Lua, no País do Vento, que culminou na Batalha da Lua Minguante. Soramaru, o cientista responsável pelos experimentos, morreu em combate, assim como outros ninjas do lado da aliança. Após a missão ser bem-sucedida, mas carregando tantas mortes, Karma, o líder da missão, ficou responsável por relatar às nações o máximo de informações sobre a organização por trás dos crimes agora que estava com o selo enfraquecido e com isso ele revelou o verdadeiro nome dela: Bōryokudan. Ainda não tendo como fornecer mais detalhes, pois o selo se manteve, e precisando de mais pistas antes de investir novamente em uma missão, Karma saiu em missão em nome das Quatro Nações para encontrar o paradeiro dos demais membros da organização — e sua primeira desconfiança recaiu sobre Kumo.

O mundo, no entanto, mudou nestes últimos meses. Os Filhos das Nuvens concluíram a missão de extermínio aos antigos ninjas da vila e implementaram um novo sistema político em Kumo ao se proclamarem o Shōgun sobre as ordens não de um pai, mas do Tennō; e assim ela se manteve mais fechada do que nunca. Em Konoha a situação ficou complicada após a morte de Chokorabu ao que parece estar levando a vila ao estado de uma guerra civil envolvendo dois clãs como pivôs. Suna tem visto uma movimentação popular contra a atual liderança da vila após o fracasso em trazer a glória prometida ao país. Já em Kiri a troca de Mizukage e a morte de ninjas importantes desestabilizaram a política interna e externa da vila. E em Iwa cada dia mais a Resistência vai se tornando popular entre os civis que estão cansados demais da fraqueza do poderio militar ninja. Quem está se aproveitando destes pequenos caos parece ser as famílias do submundo, cada vez mais presentes e usando o exílio de inúmeros criminosos para Kayabuki como forma de recrutar um exército cada vez maior.

E distante dos olhares mundanos o líder da Bōryokudan, Gyangu-sama, se incomoda com os passos de Karma.
... clique aqui para saber mais informações
SHION
SHION#7417
Shion é o fundador do RPG Akatsuki, tendo ingressado no projeto em 2010. Em 2015, ele se afastou da administração para focar em marketing e finanças, mas retornou em 2019 para reassumir a liderança da equipe, com foco na gestão de staff, criação de eventos e marketing. Em 2023, Shion encerrou sua participação nos arcos, mas continua trabalhando no desenvolvimento de sistemas e no marketing do RPG. Sua frase inspiradora é "Meu objetivo não é agradar os outros, mas fazer o meu trabalho bem feito", refletindo sua abordagem profissional e comprometimento em manter a qualidade do projeto.
Angell
ANGELL#3815
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Indra
INDRA#6662
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Wolf
Wolf#9564
Wolf é jogador do NRPGA desde fevereiro de 2020, tendo encontrado o fórum por meio de amigos, afastando-se em dezembro do mesmo ano, mas retornando em janeiro de 2022. É jogador de RPG desde 2012, embora seu primeiro fórum tenha sido o Akatsuki. Atua como moderador desde a passagem anterior, se dedicando as funções até se tornar administrador em outubro de 2022. Fora do RPG cursa a faculdade de Direito, quase em sua conclusão, bem como tem grande interesse por futebol, sendo um flamenguista doente.
Mako
gogunnn#6051
Mako é membro do Naruto RPG Akatsuki desde meados de 2012. Seu interesse por um ambiente de diversão e melhorias ao sistema o levou a ser membro da Staff pouco tempo depois. É o responsável pela criação do sistema em vigor desde 2016, tendo trabalhado na manutenção dele até 2021, quando precisou de uma breve pausa por questões pessoais. Dois anos depois, Mako volta ao Naruto RPG Akatsuki como Game Master, retornando a posição de Desenvolvedor de Sistema. E ainda mantém uma carreira como escritor de ficção e editor de livros fora do RPG, além de ser bacharel em psicologia. Seu maior objetivo como GM é criar um ambiente saudável e um jogo cada vez mais divertido para o público.
Akeido
Akeido#1291
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
Havilliard
Havilliard#3423
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
HALL DA FAMA
TOP Premiums
Torne-se um Premium!
1º Lugar
Starfox
2º Lugar
Kurt Barlow
3º Lugar
Zireael
1º Lugar
Ranni
2º Lugar
Hemumu
3º Lugar
Raves
Os membros mais ativos do mês
Angell
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
703 Mensagens - 38%
Shion
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
201 Mensagens - 11%
Ranni
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
160 Mensagens - 9%
Nan
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
135 Mensagens - 7%
Mako
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
133 Mensagens - 7%
Kaguya
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
126 Mensagens - 7%
Hemumu
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
112 Mensagens - 6%
Zero
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
98 Mensagens - 5%
Summer
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
97 Mensagens - 5%
Chazer
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
77 Mensagens - 4%

Os membros mais ativos da semana
Angell
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
166 Mensagens - 30%
Ranni
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
57 Mensagens - 10%
Shion
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
56 Mensagens - 10%
Hemumu
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
54 Mensagens - 10%
Kaguya
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
45 Mensagens - 8%
Nan
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
44 Mensagens - 8%
Zero
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
43 Mensagens - 8%
Summer
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
38 Mensagens - 7%
Chazer
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
30 Mensagens - 5%
Majinboo
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_lcapCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Voting_barCrônicas de um Zoldyck - Página 2 Vote_rcap 
24 Mensagens - 4%


Página 2 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Relembrando a primeira mensagem :


Local: Iwa ❲ Primavera ❳ Temperatura: 24ºC
❲ 1 / ?? posts ❳
Crônicas de um ninja - Parte I - Centro da vila


Em uma manhã, fresca, de primavera, o sol brilhava intensamente na vila da Pedra e, nosso herói, Noah Zoldyck, era convocado ao hospital do vilarejo. Aparentemente, sua subordinada (Marin) havia sido internada por algum problema de saúde, não relacionado à seu trabalho ninja.

Considerações:


Última edição por Yamiko em Qua 21 Fev - 22:45, editado 1 vez(es) (Motivo da edição : Corrigindo erro de template para não bugar o tópico)

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein

Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 22ºC 15/??? posts


Ambiente: Casa da família Ishikawa.

Narração: Ela se sentia ligeiramente mais aliviada quando o jovem Noah afirmava sua lealdade à ela e à Iwa. Apesar de chateada, irritada, com Sousuke, estava feliz com a posição do ninja a sua frente. Esperta, percebeu a inquietação dele e também o princípio de choro, silencioso.

A fala dele: "mas para isso você precisa se tornar mais confiante na presença dele! Ou melhor, na presença de todo mundo", a atingiu em um ponto crítico, causando danos na jovem kunoichi. Seu rosto queimou e mudou de alvo para corado, um vermelho quase cintilante. Ficou momentaneamente paralisada e inerte, observando-o. Embora olhasse na direção dele, a garota não o enxergava.

Não quis entrar naquela discussão, apenas a evitando, afinal quem quer ter uma discussão como essa. A pergunta feita por Noah era além da compreensão, além de seus pais, ninguém tinha demonstrado se preocupar com os sonhos dela. Isso a fez pensar em uma coisa, que preferiu manter em segredo, mas sorriu.

_Bem... meu sonho?... Eu sonho em... proteger a nossa vila... Ela é... muito... importante para mim... Meu pai me... disse... que Iwa é mãe de... todos nós... Será mãe... dos nossos filhos... também... E que temos... de proteger... aqueles que não... conseguem... se defender... sozinhos... E quais... são os... seus?

Ela tentou se forçar um pouco mais de confiança, mas quase não conseguiu grandes resultados e esperou a resposta dele. _Ah é! Tem... o que... o Sousuke... pediu para dizer a... você... Como estava muito estressada, havia escrito as palavras usadas pelo ex-líder. Virou-se um pouco de lado e retirou o papel que estava entre os peitos. Na sequência, voltou a se virar para ele e ofereceu o bilhete.


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
  A perda era evidente para nós dois. Estávamos lutando contra nossos sentimentos, mas ela se estava com um fardo maior que o meu. A proteção e desenvolvimento da Vila estariam em suas mãos. Não poderia culpá-la por estar sem chão. Mas precisaria que ela se recuperasse rápido, já que temos muita coisa a fazer. Entretanto, seu comportamento me fazia querer cuidar dela, protegê-la nem que fosse dela mesma.
 
  O foco da conversa havia se tornado mais pessoal, deixando o Daimyo de demais assuntos de lado, por enquanto. Como a coloração da kunoichi mudou de alva para rubi e acabou se perdendo em seus pensamentos enquanto olhava para mim. Antes de iniciar outra fala ela mostrou um sorriso. Ainda havia esperança.
 
  Yamiko tinha sonhos parecidos com os meus, proteger a Vila Oculta da Pedra. E era interessante a visão que o pai dela tinha sobre a Vila. A questão de Iwa ser a mãe de todos nós, mas o melhor foi “... dos nossos filhos...”. Com certeza daria margens a certos pensamentos que ocultei de imediato.
 
  - Nossos sonhos são parecidos Yamiko-chan! Quero ficar cada vez mais forte para proteger a todos de Iwagakure no Sato. Tão forte quanto...  Possível. – Não dei continuidade no termo que queria já que não queria complicações em nossa relação. – Venho de uma família de assassinos profissionais como deverá descobrir em breve. Mas só usamos nossa força contra quem quer fazer mal a Vila e seus moradores. – Comentava um pouco sobre mim se é que isso importava. Então guardei minha espada na bainha.
 
  Percebi seu esforço para melhorar sua confiança, mas pelo jeito tinha muito trabalho pela frente. Tenho certeza que uma hora ela consegue. Só espero que isso aconteça antes do Daimyo chegar ou se não teria que colocá-lo debaixo de uma torneira pingando por um longo tempo. De um jeito ou de outro ele teria que nos respeitar ou temer.
 
  - O que o Sousuke pediu para me dizer? – Questionei em seguida da frase da garota.
 
  Ela pegou um papel que estava entre seus peitos para depois me oferecer o bilhete. Peguei-o da mão da nova Tsuchikage, mas meio desastrado, peguei na mão dela para depois escorregar para pegar o bilhete. – Desculpe, sou meio desastrado às vezes. – Falava corando um pouco. Pensando bem não abriria o bilhete. Ajeitando-me no sofá firmei meus olhos na jovem. – O que ele te falou? Diga-me. – Ela iria me odiar, mas queria forçá-la a falar. Ou ela estava esperando escrever bilhetes para resolver tudo?!
 
  - O que espera realizar como a Nanadaime Tsuchikage? Sendo que o seu sonho é proteger a todos? – Era uma pergunta que provavelmente o Senhor Feudal iria lhe questionar.
 
 
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.100/1.100    CH: 1.550/1.550    ST: 4/4    10 m/s

 
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 24ºC 16/??? posts


Ambiente: Casa da família Ishikawa.

Narração: O sol aquecia um pouco mais o ambiente, seria mais um dia quente e seco. Com o avançar da hora, a brisa remanescente do inverno ia cessando, dado lugar ao ar quente que já indicava o verão próximo. Os dois pareciam avançar na conversa, ela tímida e ele tentando solucionar esse problema.

Ele queria que ela respondesse o que Sousuke tinha dito, mas ela não respondeu, apenas apontando para o papel que tinha lhe entregue. Não gostava de ser pressionada e estava se sentindo muito pressionada. Cogitou cristalizar o Noah para que ele parasse de pressioná-la ou, quem saber, apenas bater com muita força para que ele se distraísse com uma dor bastante aguda, que seria suficiente para nocauteá-lo.

Yamiko voltou a se corar com o 'acidente' causado por Noah, que, ao invés de pegar apenas o bilhete, pegou primeiro na mão dela. Ela afastou a mão um pouco assustada e o observou com os olhos púrpuras arregalados.

_Está escrito aí... Só você... ler...

Desviou o olhar dele e colocou as mãos sobre as coxas, apertando o tecido da roupa e respirando bem fundo. _Vou organizar... nossa economia... E debater... a realização de... um Exame Chunin interno... com o Senhor... Feudal... Quero ver... se consigo iniciá-lo... antes do verão... Noah... Agora, infelizmente... você deve ir... tenho que arrumar... a casa ainda... antes de ir... para o Gabinete e de... treinar... Minha mãe já deve... estar chegando...

Mesmo gostando da companhia, ela precisava continuar a fazer algumas coisas.

_Se quiser... pode voltar... hoje a... noite...


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
  O ambiente estava esquentando com o Sol que brilhava intensamente em Iwa. Um dia perfeito de primavera à moda do País da Terra. A conversa com a Nanadaime estava nteressante, uma garota interessante, mas ainda assim uma garota. Tinha pressionado demais a kunoichi e sua primeira resposta foi condizente com minha insistência. E quanto ao meu toque ela corou também e se afastou um pouco.
 
  Sentado estava quando ela começou a falar sobre as suas realizações e como estava prestando atenção em suas palavras não a interrompi em nenhum momento.  Ela iria organizar as finanças da Vila, realizar um Chuunin Shiken, entre outros assuntos importantes que apareceriam. Ela queria iniciar ainda na primavera. Um desafio criar um evento em tão pouco tempo. Mas apostaria minhas fichas nela pela sua coragem. Tinha uma estranha sensação quanto a esta garota.
 
  - Está certo, te ajudarei como puder! Acertarei os detalhes da defesa da Vila durante o evento. E será que não poderíamos abrir o evento? Mas deixemos isso para depois. – Falava enquanto abria o bilhete e o lia. Ao final da leitura ficava sério novamente.
 
  - Bom, o papo está bom! Mas vou indo como solicitou. – Falava enquanto colocava minha máscara novamente e a espada. - Vou fazer os preparativos para a viagem e a noite eu volto. – Levantava-me e seguia para a porta.
 
  No meio do caminho eu parei de costas para a Yamiko e virei minha cabeça para o lado direito. – Boa sorte com a papelada Tsuchikage-sama. – Falava ironicamente para a líder da vila. E me sentia menos sobrecarregado pelos quilos de papel que seriam responsabilidade dela. A minha pilha era bem menor.
 
  Seguiria tranquilamente pela Vila e iria para a minha casa arrumar as coisas para a viagem e quem sabe tirar uma soneca, precisaria estar descansado para a viagem, vigílias eram sempre cansativas.

Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.100/1.100    CH: 1.550/1.550    ST: 4/4    10 m/s
Byakugou no In: 500/500
 
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 24ºC 17/??? posts


Ambiente: Casa da família Ishikawa.

Narração: Era hora de Noah seguir com seu trabalho, enquanto a Tsuchikage igualmente teria que seguir com o dela, por melhor que estivesse a conversa. A questão levantada por ele, fez ela pensar: a possibilidade de tornar o evento ainda maior. Certamente seria mais conhecido, no entanto, a contraparte era evidente, daria muito mais trabalho e demoraria muito mais a sair do papel.

Ele logo se levantou, equipando-se com a máscara no rosto e a espada às costas. Na sequência, ele saiu da casa e foi na direção da dele, andando tranquilamente pela vila. Aparentemente, a pressão que estava sobre os ombros de Noah, durante a viagem de Yamiko, foi transferida para ela.


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
   A conversa com a nova Tsuchikage me fez refletir sobre seu modo de pensar. Ela era alguém interessante, queria saber o que vai acontecer quando ela perder a timidez e assumir de fato o seu cargo. Virará uma ditadura? O que o futuro nos reservaria?!
 
   Chegava a minha casa e cumprimentava a todos, que por milagre estavam todos em casa, tirei a máscara e contei as novidades da nova Tsuchikage e o que tinha acontecido com o Sousuke. Todos reagiram com muita surpresa quando contei e me questionaram mil coisas que não soube responder. Fui para o meu quarto colocar roupas casuais e comer com eles, foi aí que aproveitei para contar sobre a minha próxima missão: ser escolta do Daimyo do país da terra. A conversa se seguiria com estratégias, cuidados e precauções e me desejaram uma boa viagem.
 
   Depois de comer bem me dirigi para o meu quarto e lá comecei a fazer o levantamento das armas e se precisaria de mais alguma coisa. Estendi o pergaminho que tinha e liberando chakra liberei uma das relíquias da minha família, a Samehada. Ela estava embrulhada e com a minha curiosidade aguçada peguei-a e ela reagiu ao meu toque e começou a se agitar e de repente senti-a sugando meu chakra e numa velocidade incrível. Aí estava sua grande habilidade.
 
   - Caramba Samehada, vai com calma aí! – Falei com ela que começou a crescer e tirar as bandagens até chegar ao seu tamanho máximo sugando o meu chakra. – Pelo jeito gostou do meu chakra. Mas te darei muito mais se encontrarmos com inimigos nesta missão. E conto com a sua ajuda. – Falava com uma espada comilona de chakra.
 
    A conversa durou alguns minutos com ela mostrando todas as suas habilidades até que nos acostumássemos um com o outro, posteriormente a Samehada volta a sua forma original e eu a coloco na minha cama. Pego a Kusanagi e treino um pouco com ela, a fazendo aumentar e diminuir ao meu bel prazer. Depois passo para o meu arco e faço os devidos testes nela, vejo se a corda está de acordo, conto as flechas, a Token e dou uma afiada em todas as armas. Depois de um rápido descanso, vou para o banho relaxante, quinze minutos depois, volto e coloco uma nova roupa ANBU no estilo de Iwa, só que a roupa toda negra. Coloco a máscara e depois coloco a Samehada nas minhas costas em transversal, as demais armas eu as selo no pergaminho que coloco na minha bolsa de armas que está na minha lombar.
 
    - Agora estou pronto! Vou passar no Gabinete pegar a localização, passar na casa da Tsuchikage e começar a missão. – E assim eu fiz. Fui ao Gabinete peguei as informações necessárias para chegar até o Daimyo e já verifiquei três rotas diferentes para trazê-lo caso tivesse imprevistos na viagem. Depois de completo a pesquisa e memorizado os trajetos deixei tudo organizado na mesa da Yamiko e segui para a sua casa. Ela poderia ter novas instruções antes de ir.
 
   Caminhando para a casa da kunoichi apressadamente por entre os telhados e prédios da Vila eu aproveitei para observar as pessoas. Pareciam-me felizes já que não tivemos mais imprevistos como o da invasão do Besouro Gigante. Quando cheguei a casa bati na porta e aguardei ser recepcionado. 
 
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.100/1.100    
CH: 1.013/1.550    ST: 0/4    10 m/s
Byakugou no In: 500/500
Samehada: 500/500 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 24ºC 18/??? posts


Ambiente: Casa da família Zoldyck, na primeira parte, e Ishikawa na segunda.

Narração: A passagem de Noah pela sua casa foi marcada por momento importantes,
a revelação sobre os recentes acontecimentos na Pedra surpreenderam seus pais, mas nada que fosse tão absurdo. A vila sempre teve disposição em indicar kages jovens que surpreenderiam as demais nações em seguida.

Em um segundo momento, Noah invocou uma espada tão peculiar, que chegava a ser esquisita. Ela 'pulou' sobre ele e devorou uma grande quantidade de chakra. Ela ruía rangendo as escamas umas nas outras. Fazia tempo que ela não se alimentava e estava tensa, acalmando-se com a promessa de poder devorar mais chakra depois.

Depois da interação com armas, ele saiu e foi até o Gabinete para obter as informações sobre a missão e seguiu até a casa de Yamiko para encontrá-la. Entretanto, foi atendido por Mikoto, que o informou sobre a viagem de última hora da filha até o Templo dos Gatos. O jovem ANBU deveria iniciar imediatamente o trabalho, pois era urgente a reunião.


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
   Quando cheguei aos portões encontrei com os guardas e assim que os vi solicitei papel e tinta, pois precisava mandar um recado. E assim que obtive o material escreveria uma carta para ser entregue no QG da ANBU, mais especificamente para o Kosuke. Depois de escrever e selá-lo solicitei que o entregasse ao ANBU determinado por sua máscara.
 
  Parte da tarefa estava feita e segui viagem me banhando com meu chakra que me deixa mais leve. Comecei a flutuar e então a voar em direção ao meu objetivo em uma velocidade média já que precisaria manter a técnica por um bom tempo até ultrapassar a parte mais difícil que cercava Iwagakure no Sato.
 
  - Que comece a nossa primeira viagem Samehada! – Falava enquanto a alimentava com meu chakra. E na viagem iria conversando com ela para aumentarmos nosso companheirismo.
 
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.100/1.100    CH: 1.166/1.550    ST: 0/4    10/14 m/s

Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500

 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 24ºC 19/??? posts


Ambiente: País da Terra.

Narração: Noah havia feito todos os preparativos para a viagem ao centro do País da Terra, com o objetivo de trazer à Iwa o Senhor Feudal. Ele tinha ciência da importância daquela missão e teria que trazer o líder do País em segurança para a vila. A viagem aérea corria bem, embora a Samehada se remexesse um pouco nas costas dele.

Seria uma longa viagem a Noroeste e todos os ninjas ANBU estavam apostos para qualquer eventualidade que ocorresse na Pedra, quanto a isso, pelo menos, Noah poderia se manter tranquilo.


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
    Desde que tinha deixado a Iwagakure eu aumentava gradualmente minha altitude para evitar as montanhas menores e médias que cercavam e geravam uma ótima defesa para a Vila Oculta, enquanto me voltava para o noroeste. Lá nas alturas eu tinha a sensação de liberdade que poucas outras coisas proporcionavam. Estava focado na viagem e em suas possibilidades, mas ainda assim, ainda apreciava a paisagem montanhosa. E descobria lá de cima alguns locais com cachoeiras que saem das montanhas, lagos e outras estruturas naturais. Será que o povo tem noção da beleza deste lugar?
 
   Umas duas horas depois minha garganta começou a secar, peguei meu cantil e bebi alguns goles. Em seguida comecei a degustar balas de café para saciar meu vício por cafeína. Poderia pedir para a minha mãe fazer pílulas com uma dose cavalar de cafeína e deixar mais saboroso. Ou se pudesse eu mesmo poderia fazê-lo.
 
  - Só espero que fique tudo bem com a Yamiko na minha ausência... – E enquanto terminava de falar a Samehada começou a se mexer mais ainda nas minhas costas. – Já saquei que você se interessou pelo chakra dela, mas ela é a Tsuchikage e nada de roubar o chakra dela! – Samehada começou a crescer e praticamente ficou em seu máximo tamanho enquanto seu punho se agarrou no meu braço. – Nem adianta espernear, te darei o meu chakra e dos nossos inimigos! O que podem ser muitos. – Falava com a espada enquanto ela diminuía novamente e se enfaixando voltando a sua forma base e poderia dizer quase adormecendo. Chegava à conclusão que aquela espada era cheia de vontade.
 
  Depois do episódio com a espada horas se passaram, a paisagem já havia mudado e não tinha tantas montanhas como ao redor de Iwa e várias vilas menores já tinham ficado para trás. Vilas medianas começavam a aparecer, significava que estava chegando ao feudo do senhor da terra. Quase chegando à localização de destino eu subi até o limite que conseguia respirar sem problemas. E de lá vi o possível castelo que deveria se encontrar o dono de tudo que minha visão alcançava. E lá em cima vi as rotas de comércio e as que levariam para Iwa. O que dava algumas ideias.
 
  Segui a viagem e agora com meu Kanchi ativo, observando a quantidade de ninjas e se eles tinham chakras fortes, enquanto pousava nos portões do castelo do Daimyo. Lá percebia três chakras diferentes. Então prosseguiria andando com passos firmes e determinados, mas ainda com a técnica ativa. Pararia somente quando fosse interceptado por algum guarda e solicitaria uma reunião com o Daimyo em nome da Tsuchikage.
 
 
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.100/1.100    CH: 1.241/1.550    ST: 0/4    12/14 m/s 
Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 24ºC 20/??? posts


Ambiente: País da Terra.

Narração: Ele viajou o mais breve possível, reidratando-se quando julgava necessário e reempreendendo as tentativas da Samehada de pedir pelo chakra de Yamiko. A viagem seguiu até chegar ao castelo onde o Senhor Feudal vivia. Ele caminhou até encontrar uma mulher de beleza sem par naquele vilarejo.

De pronto, ao vê-lo, ela sacou suas espadas, com as duas mãos, deixando-as em forma de X a frente do corpo. Em guarda de defesa absoluta contra a presença do mascarado. Pela agilidade no manejo da espada, a morena parecia ser muito rápida para os olhos de Noah acompanhá-la.

_O que faz aqui estranho? Quem é você? Diga de uma vez e se retire desse castelo, se tiver interesse de manter a cabeça presa ao seu corpo!



Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
     A viagem tinha sido longa e quando cheguei percebi três chakras diferentes. Durante a minha caminhada em sentido ao castelo encontrei uma linda mulher. Fiquei admirado com tamanha beleza, entretanto, minha máscara encobria meu rosto para meu alívio. Ao mesmo tempo em que tinha uma beleza sem par ela era habilidosa com as mãos, onde empunhava uma espada em cada.
 
  Nunca tinha visto até então uma kunoichi com aquele estilo e com tamanha destreza, já que foi difícil acompanhar os seus movimentos enquanto ficava em guarda me fazendo parar, a vinte metros dela, assim que sacou suas armas para depois me questionar. Deixei um ou dois minutos de silêncio entre sua pergunta e minha resposta, queria deixá-la tensa com o silêncio, ou isso não a afetaria?! Um pequeno teste para a guarda do Daimyo.
 
   - Sou da ANBU de Iwagakure no Sato... Desejo conversar com o Daimyo do país da terra. E levá-lo para a Vila Oculta da Pedra para uma conferência com a Tsuchikage. Ele já deve estar a par do assunto. – Falava firmemente como se a ameaça da mulher a minha frente não fosse nada. – Desta forma, não seria interessante minha cabeça rolando por aí. Faria muita sujeira e iria atrapalhar a vida de todos! Caso conseguisse é claro! – Respondia irônica e secamente.
 
  Mantive-me na mesma posição quando parei de caminhar. Mas agora eu estava pronto para combate, à adrenalina no sangue, minha mente estava trabalhando a mil para formar uma rápida estratégia contra a mulher caso fosse necessário e se fosse necessário pegaria rapidamente a Samehada. Contudo, não seria eu que começaria uma batalha no quintal do Senhor Feudal.
 
  Aguardaria a resposta da mulher com minha guarda bem alta e infundindo chakra.
 
 
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.100/1.100    CH: 1.241/1.550    ST: 1/4    10/14 m/s 
Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 24ºC 21/??? posts


Ambiente: País da Terra.

Narração: Audacioso e abusado, provocava a mulher a sua frente, com um longo silêncio sem motivo e com uma resposta bastante irônica. Pena para ele que a kunoichi não demonstrava a mesma paciência que as ninjas que ele conhecia.

Dotada com uma velocidade absurda, assim que ele proferiu "caso conseguisse", ela praticamente surgiu a frente dele e lhe deu um chute lateral entre as pernas. Quis nocauteá-lo com um único golpe e, fatalmente, conseguiria, dadas suas habilidades pessoais.

_Caso o que mesmo? Provocou-o descaradamente em tom ainda mais irônico que o usado por ele, enquanto, girou as espadas nas mãos e as embainhou novamente. _Conheça meu Daisenkō. Agora vamos, vou levá-lo ao Daimyo...


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

    
   Minha provocação tinha surtido efeito e a mulher a minha frente reagiu de imediato. Não tive tempo nem de bolar uma estratégia plausível, então recuei em resposta do avanço expressivo da mulher, num salto para cima em máxima velocidade com o auxílio do meu jutsu Keijugan no Jutsu para ganhar alguns segundos de vantagem contra meu oponente, parando quando ficasse a dez metros do chão. Ao mesmo tempo do início do salto faria o selo Tigre e ativaria meu fuuin que está no meu braço, forçando a expandir um metro e causar a força de repulsão necessária para afastar a mulher numa tentativa de sair sem danos.
 
  “Que mulher rápida! Com certeza é uma shinobi! E por que tem que ser tão rápida?! Malditos velocistas!” – Pensava ficando bravo comigo mesmo por não ser tão rápido assim. Da outra vez ganhei do Genin com o meu pântano, mas desta vez não daria tempo de formá-lo. Ainda bem que tinha uma segunda carta na manga. Precisaria pensar em como acabar com estes velocistas.
 
  Depois do desenrolar do ataque a mulher começou a falar e a primeira coisa que disse foi o nome de sua técnica, Daisenkō. Depois ela falou que iria me levar ao senhor feudal. Ficaria algum tempo para me recuperar do susto e entrar em plena forma na presença do Daimyo. E quando me levantasse deixaria um bom espaço entre ela e eu, só para garantir que não teria novas surpresas.
 
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.030/1.100    CH: 1.241/1.550    ST: 0/4    14/14 m/s 
Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 24ºC 22/??? posts


Ambiente: País da Terra.

Narração: Ele tinha conseguido fugir do ataque por muitíssimo pouco e ativou sua proteção, fazendo-a sorrir. Ele podia ser idiota como um paspalho de marca maior, mas ao menos conseguia se defender. A garota deu as costas e começou a andar bem rápido na direção do salão onde o Daimyo estava.

Não esperaria por ele e seguiria diretamente até o salão, dando um pequeno sermão no ninja de Iwa _Você está atrasado e nosso Senhor já está impaciente para essa reunião, então vamos logo garoto... Ao entrarem no salão, encontraram o gordo, que reclamava o tempo inteiro da demora dos ninjas de Iwa, que teria perdido totalmente o respeito para com ele.


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
   Depois de um ataque repentino e sem explicações a mulher virou de costas para minha pessoa e começou a andar bem rápido onde possivelmente o Daimyo estaria e pelo jeito não me esperaria, de qualquer forma não a seguiria de imediato. Foquei meu chakra e aos poucos fui transferindo para o selo em meu braço de forma a deixá-lo com chakra completo novamente. O ataque de taijutsu que a mulher utilizou fez com que minha barreira quase perdesse metade de seu chakra. “Não posso brincar com esta mulher! Ela é muito veloz e com certeza também tem uma força monstruosa! Pois seu taijutsu é potente e isso ela deveria só estar me testando, fora as duas espadas que ela carrega”. – Pensava eu com meus botões enquanto começava a seguir a bela mulher.
   
  Quando comecei a andar a kunoichi me avisou que estava atrasado e constatou que o velho já estava impaciente. Não poderia fazer muita coisa já que tive um imprevisto saindo de Iwagakure no Sato, ocorrido que ainda acabou em morte de um Genin da Pedra. Mas com certeza este fato não chegaria aos ouvidos do Senhor Feudal pela minha boca, mas ajudaria a Yamiko-chan se precisasse. Aliás, para o velho eu seria somente o mensageiro e protetor na viagem.
 
  - Uhum... – Respondia baixo para a mulher.
 
  Entrando no salão me deparo com um homem gordo e por sinal reclamando aos quatro ventos, para o azar da Tsuchikage. Mas tentaria reverter parte da situação.
 
  - Senhor Feudal, desculpas pelo atraso, mas ocorreram imprevistos na viagem e tive que verificar como estão à segurança das estradas e verificar rotas opcionais caso for preciso. E a Tsuchikage-sama está a sua espera em Iwagakure.  – Falava prontamente tentando acalmar o obeso.
 
  Os preparativos seguiram e uma carruagem levaria o Senhor Feudal pelos seus empregados que pelo jeito fariam um enorme esforço pelo caminho carregando o grande homem. E a espadachim iria comigo do lado de fora. Não tive muito tempo para descansar, mas guardaria forças para a continuação da viagem. E como da última vez estaria em alerta máximo.
 
  - Como se chama? – Perguntava à kunoichi. – Espero que não tenhamos imprevistos pelo caminho! – Falava sinceramente para em seguida colocar algumas balas de café em minha boca.

 Desta forma seguiria a carruagem em guarda e atento a nossa volta e de vez em quando ativaria minha habilidade inata para averiguar se haveriam chakras de ninjas por perto. 
 
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:


HP: 1.030/1.100    CH: 1.204/1.550    ST: 0/4    14/14 m/s
Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 24ºC 23/??? posts


Ambiente: País da Terra.

Narração: As desculpas dadas por Noah não surtiram nenhum efeito, pois o Senhor Feudal simplesmente as ignorou. Ele não tinha interesse em conversar com qualquer ninja de Iwa além da Tsuchikage. Iniciaram a viagem, tranquilamente, sob o sol ainda forte sobre o País da Terra. Já estavam bem próximos do Verão e o tempo de luz natural era maior que o normal.

Noah e Alisha foram caminhando ao lado da carruagem e conversando sobre os mais interessantes temas para ninjas (habilidades), ela estava curiosa para conhecer as habilidades dele, afinal, ele havia esquivado, ainda que por sorte, do taijutsu de mais cedo.

_Eu me chamo Alisha, ninja de Iwa... Aliás, sou a filha do Senhor Feudal, por isso sou a guarda-costas direta dele e ao contrário de você, medroso, espero que tenhamos imprevistos. Odeio que as coisas sejam previsivelmente calmas... Devemos prosseguir a viagem até o anoitecer, então onde pararemos para pernoitar?


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
   O Senhor Feudal tinha um mau hábito de só conversar com os de seu nível, ou pelo menos foi isso que ele transpareceu em nosso primeiro encontro. Mas pelo menos não aconteceu mais nada de alarmante. A viagem começou e o Sol ainda estava forte, o que significava que poderíamos fazer um bom progresso antes que a noite caísse. Fiz uns cálculos rápidos e conseguiríamos chegar a uma cadeia específica na rota secundária, onde poderíamos montar acampamento numa encosta, nos dando proteção nas costas, e a frente uma grande área plana onde teríamos uma boa vista do movimento da estrada. Desta forma seria quase impossível alguém se aproximar sem ser visto.
 
  Eu e a kunoichi fomos ao lado da carruagem e conversamos sobre nossas habilidades, claro não revelando toda a minha capacidade, assim, como, ela o faria. Até que a bela moça se apresentou, Alisha era obviamente uma ninja de Iwa, mas para a minha surpresa ela era filha do enorme homem na carruagem. Como isso seria possível?! Mas a linda garota tinha uma língua afiada e uma ousadia sem fim. Seria por ser a filha do Senhor Feudal ou por se achar tanto com a sua velocidade e força extraordinária?! Tinha uma sensação que ainda descobriria a resposta.
 
   - Prazer em conhecê-la Alisha. Meu nome é Noah Zoldyck. – Falava meu nome real com certo receio, mas estava falando com a filha do Senhor Feudal.  – Não é questão de medo. Mas não sei se sabe sobre os últimos acontecimentos no mundo shinobi. - Lembrava da missão da Yamiko, a saída do Sousuke, brechas e oportunidades de todos os lados. E ainda tinha os ataques de falsos ninjas de Kumo a Iwa se atacando. Provavelmente ela não estava tão a par do assunto.
 
  - O mundo shinobi está um caos... Só não quero colocar seu pai no meio desta bagunça! Espero que o Senhor Feudal tenha garra para enfrentar o caos e sábio o suficiente para saber lidar com o que vem pela frente. – Falava mais como uma observação, passando longe de qualquer tipo de ameaça. – Mas se os inimigos vierem eu estarei pronto para eles! – Falava agora num tom altivo. – Só não baixa a sua guarda. – Finalizava.
 
  - Estamos na rota principal, alguns quilômetros iremos pegar a rota secundária e mais um ou dois quilômetros entraremos num vale e ao fim dele terá uma cadeia de montanhas. Lá montaremos acampamento. Nossas costas estarão protegidas pelas montanhas e teremos uma boa vista da estrada secundária, assim, dificilmente alguém chegará sem ser visto. – Dava uma pausa para a garota pensar. – Ao amanhecer seguiremos pela rota secundária e depois de alguns quilômetros voltaremos para a rota principal.  
 
  Pensava no jeito da garota e percebi que a Yamiko poderia aprender algo com ela para perder sua timidez e autoconfiança. Começava a admirar a jovem kunoichi, prepotente, mas parecia ser uma boa pessoa. Queria avaliar melhor a garota.  E de vez em quando verificava como estava o Senhor Feudal e seus homens. E de vez em quando ativava minha habilidade natural para verificar a movimentação em volta até o limite do alcance do Kanchi.
 
  Quando pairava um silêncio minha mente se voltava para Iwa e seus moradores. Esperava que o senhor que se encontrava naquela carruagem concordasse com o Chuunin Shiken e com a liderança da Yamiko-chan. Meus pensamentos passavam por estes assuntos e outros como os próximos passos, como se fosse um tabuleiro de xadrez. Tentando colocar cada peça no lugar. Até que surgiu uma dúvida.
 
   - Alisha qual a sua graduação? – Perguntava a jovem e esperava por uma resposta que se adequasse. Pegava algumas balas para degustar seu sabor de café. Não ofereceria, pois a maior parte das pessoas não gostavam de tal sabor.
 
  Caminhava ao lado da carruagem atento a tudo e a todos com a minha guarda alta.
 
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:

HP: 1.030/1.100    CH: 1.204/1.550    ST: 0/4    -/10 m/s
Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 24ºC 24/??? posts


Ambiente: País da Terra.

Narração: Ela ouviu, bocejando, toda as explicações dele, apenas o interrompendo quando falava para não baixar a guarda. _Jamais eu baixo a minha guarda. Ela, então, pegou uma shuriken e começou a rodá-la em seu dedo indicador, olhando o movimento do metal, enquanto caminhava ao lado da carruagem.

Ao final, ela acelerou um pouco o passo, queria deixá-lo um pouco para trás. O som da voz esganiçada do ninja já estava incomodando a jovem, afinal de contas ele ainda era muito jovem. Mas era o suficiente para ficarem cerca de 2 metros de distância um do outro.

_Noah, eu sou uma jounin, com treinamento no manejo de armas. Estou impressionada com você tão pequeno ser um ANBU de Iwa... Ou nossa vila está muito fraca ou você é incrível...

A trilha secundária levou ao vale mencionado por Noah. Marcando aquele ponto, Alisha lançou a shuriken contra a parede de pedra e olhou em volta, esperando o que o garoto iria falar.

_Ok garoto, arme a barraca aqui mesmo para mim. Vou verificar o perímetro e instalar proteções a alguma distância... Esperem-me...


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
   A sucessora era muito intransigente ou seria excesso de confiança?! Mas seguia pelo caminho junto da jovem ninja que depois de um tempo se afastou ficando uns dois metros na frente, e mantive esta distância. Depois ela explanou sobre a sua graduação e uma especificação. Em seguida mostrou que estava impressionada como eu tão jovem fazia parte da ANBU. Deixei sua última frase passar e a responderia com o meu silêncio. Alisha já era uma Jounin e se não fosse por estar na ANBU eu seria também um subordinado dela em relação a graduação. 
 
  Caminhávamos por um tempo até que chegamos à estrada secundária e um tempo depois ao vale que tinha citado anteriormente. Alisha lançou a shuriken que estava rodando na mão por um tempo e olhou ao redor como se tivesse esperando alguma coisa. Esperava que os demais chegassem e começassem a se arrumar. Até que a jovem kunoichi se pronunciou novamente para armar a barraca que ela checaria o perímetro.
 
  - Tome cuidado, irei providenciar algumas defesas também. – Falava enquanto dava as costas para a jovem e iniciava a arrumação.
 
  Pegava as coisas necessárias para montar as barracas e a levantava rapidamente, já tinha certo treinamento com as viagens com meus pais, e ajudava aos demais a se arrumarem. Depois desta tarefa pronta me afastaria uns trinta metros e olhava ao redor. Sendo as minhas costas o acampamento e as montanhas e a minha frente o vale. Infundia chakra e fazia selos para formar uma longa nuvem de águas negras juntamente com minha manipulação do elemento água que derramaria seu líquido negro a formar um perímetro de óleo fechando todo o caminho para chegar ao acampamento. Após este movimento usaria minha manipulação de terra para deixar o terreno mais pedregoso, se alguém tentasse passar por ali com certeza alertaria até quem tivesse sono pesado. O terreno modificado começava a trinta metros até cinco metros do acampamento.
 
  - Descansem bem. Amanhã antes do alvorecer partiremos diretamente para Iwa. – Falava um pouco empolgado por pensar em casa. Ajudaria a montar uma pequena fogueira no meio do acampamento.  Deixaria a comida ser feita pelos encarregados do Senhor Feudal e iria ficar a postos fora do acampamento. Precisava ficar só.
 
  Sentei-me a quatro metros do acampamento, coloquei minha companheira Samehada ao meu lado direito de fácil acesso. E tirei meu arco e flecha do meu pergaminho. E ainda em silêncio ativei meu Kanchi, onde varreria toda a área sem deixar uma formiga passar despercebida, mas claramente meu foco seria chakras ao redor. Depois disso, coloquei a Samehada novamente nas minhas costas juntamente com a aljava, segurava o arco com a minha mão esquerda e segui para a montanha atrás do acampamento. Achei um vão a cinco metros do acampamento e cinco metros do chão, não tão profundo, mas que seria um ótimo posto de vigia e de descanso.  
 
  A noite estava chegando e meu cansaço batendo. Então me pus em uma posição confortável de forma que visse boa parte do Vale. E ali eu montaria guarda e tiraria alguns cochilos para descansar dos últimos dias acumulados de viagem. Entre um cochilo e outro ativaria o meu Kanchi em máxima potência para vasculhar tudo. E buscaria movimento no horizonte caso fosse o caso. Depois voltaria a cochilar mais um pouco e refaria todo o processo por toda a noite. Aliás eu tinha a obrigação de proteger o Senhor Feudal e sua comitiva, mesmo que eles tivessem a Alisha, a faria como segunda defesa, sendo eu a primeira muralha a se transpor.
 
 
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.030/1.100    CH: 1.159/1.550    ST: 0/4    10/10 m/s
Byakugou no In: 500/500
Samehada: 500/500
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 22ºC 25/??? posts


Ambiente: País da Terra.

Narração: Aproximadamente, vinte minutos depois de sair, Alisha retornou. Havia instalado armadilhas e bombas, que além de ferir agressores, despertariam todos no acampamento se fossem disparadas.

Sem dar muito atenção para os demais, ela entrou na barraca e foi dormir imediatamente. Muito embora, fosse um sono leve, atenta ao entorno, enquanto a temperatura na noite caía aos poucos.

Bem próximo do amanhecer, uma das bombas explodiu a leste de onde estava a comitiva. Prontamente, Alisha se levantou e sacou suas katanas para buscar saber o que aconteceu. Ao sair, se deparou com cinco ninjas vestidos como shinobis de Kumo, o que a surpreendeu bastante. Kumo e Iwa não eram aliadas até bem pouco tempo? Mesmo com as explicações de Noah sobre o caos instalado no mundo, não acreditou que seriam atacados por ninjas de Kumo.

Mais irritada que surpresa, colocou suas katanas em X na frente do rosto e sumiu da posição, atacando os ninjas inimigos com uma velocidade impossível de ser acompanhada pelos olhos de qualquer um. Um conseguiu esquivar apenas por puro reflexo, enquanto a cabeça de outros quatro caíram rolando.

_Noah, proteja o Senhor Feudal, que eu me encarrego desse cara...

Noah poderia sentir o chakra de mais dois ninjas escondidos entre as pedras, a vinte metros de distância da carruagem, surpresos com a velocidade de movimentação da bela mulher.


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
   Com os preparativos das defesas prontos eu e Alisha fomos descansar e como estava num nível superior eu a vi entrando em sua barraca. E até aquele momento não tivemos nenhum problema e pelo meu Kanchi também não tinha ninguém pelos arredores. A noite inquieta foi passando aos poucos já que de tempos em tempos eu acordava em alerta e fazia a varredura pelo Kanchi e visualmente.
 
  Estava próximo do alvorecer quando uma das armadilhas da Alisha explodiu a leste da nossa posição. Logo me pus a postos e ativei minha habilidade inata em busca dos invasores e infundia chakra para voar, onde achei sete chakras. Ao mesmo tempo em que a kunoichi seguia para o combate com a sua postura e em seguida com movimentos tão rápidos que não conseguia acompanhar, onde quatro cabeças rolaram e só uma permaneceu na cabeça, seria por sorte?! E ainda restavam dois ninjas. De Kumo?!
 
  A garota falava que se encarregava do último cara – apoiava o arco no meu ombro - e antes que ela terminasse sua frase fazia selos e juntava as mãos, com chakra suiton no estômago e o liberava um jato fino e extremamente cortante em direção aos dois ninjas escondidos atrás da rocha que não deteria o meu jutsu. Minha intenção era cortar os dois ao meio. E caso fosse necessário os perseguiria com o jato até obter êxito. Caso eles conseguissem escapar vivos pegaria o arco e lançaria três flechas de chakra em pontos vitais de um e duas flechas de chakra também em pontos vitais do segundo, ou se não fosse possível, lançaria em suas pernas para impossibilitar sua movimentação e criar uma distração para criar cinco estacas de rocha com minha manipulação para perfurá-los.
 
  - Alisha, toma cuidado, pode ter ainda mais ninjas por perto! Eles não são de Kumo então não se contenha! – Falava para que ela ouvisse. E se ela precisasse de suporte faria mais estacas de rocha com minha manipulação de rocha contra o inimigo dela, no intuito de ser ataque efetivo ou distração para que ela finalizasse.
 
  Depois desta movimentação voaria para perto da carruagem do Senhor Feudal, ficando a cinco metros acima do local onde estava. E faria uma nova busca no acampamento e depois expandiria em todos os sentidos procurando por mais ninjas bandidos.
 
  - Fiquem onde estão até que o perímetro esteja em segurança! – Falava para o Senhor Feudal e os demais servos dele enquanto ainda vasculhava com o Kanchi e no meu campo de visão. Estava a postos para continuar atacando os dois últimos e quem mais precisasse.
   
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck: 
HP: 1.030/1.100    CH: 1.465/1.550    ST: 0/4    14/14 m/s
Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500
 

_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 22ºC 26/??? posts


Ambiente: País da Terra.

Narração: O ataque estava em seu auge. Alisha matou diversos inimigos num piscar de olhos, enquanto Noah surpreendeu outros dois com um jato de água potente que os cortou ao meio, como se eles fossem pão para sanduíche. O último, entretanto, parecia ser bem mais duro.

O Anbu de Iwa havia falado para ela não se conter, pois não seriam ninjas de Kumo. No momento ela apenas pensou que também não se conteria se eles fossem. Eram inimigos e teriam que ser mortos. Por azar de Noah, o inimigo o viu usar seu jutsu Suiton e logo ativou uma armadura de pedra em volta de seu corpo, capaz de resistir a quaisquer ataques de elementos mais frágeis.

_Noah, faça o que eu mandar... Ataque-o sem parar com jutsus à distância e não se importe em me acertar com seus ataques...

Ela cravou as duas espadas no chão, fez um par de selos de mão e fechou os olhos, enquanto seus cabelos começaram a ficar ouriçados com a pressão do chakra da morena aumentando cada vez mais.

_Está bem gracinha, vou matar você primeiro, já que é o que tanto quer...

Ele ignorou suas manipulações que bateriam na armadura de pedra e seriam repelidas pela defesa. O homem saiu correndo na direção de Alisha, que se manteve inerte onde estava, ainda com os olhos fechados. O que o Anbu faria? Deixaria a kunoichi ser atacada diretamente ou entraria no combate depois de perceber que existia apenas aquele inimigo?


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
   Meu ataque teve sucesso com aqueles dois falsos ninjas de Kumogakure que não mais nos ameaçariam e nem precisei completar o ataque com o meu arco. Agora só sobrava um e minha atenção era voltada para ele no exato momento em que Alisha solicitou que eu atacasse o homem com quem ela estava lutando e o que me impressionou era que ela não se importava que meus ataques a afetassem. Pareceu-me um pouco demais para um ninja que não parecia ser tão forte assim. Atacaria de fato, mas não a afetaria. 
  Enquanto ouvia a ideia da kunoichi fiz o selo tigre e liberei uma quantidade de água o suficiente para formar outro Noah, que se formaria no chão e faria selos e finalizaria colocando a mão no chão, desta forma, criaria duas placas de rocha uma de cada lado daquele ninja numa tentativa de bloquear o seu avanço e abrir uma brecha para Alisha. Eu que ainda estava a cinco metros do chão avancei em direção a Jounin ao mesmo tempo em que refazia os selos do último jutsu, queria ver se conseguiria cortá-lo ao meio também com um jato de água evitando, é claro, a kunoichi e os ataques do meu clone. E insistiria com o ataque até que meu fôlego acabasse e não conseguisse mais impulsionar o jutsu. Meu clone não satisfeito iria criar nas laterais do Sando no Jutsu pilares de pedra bem afiados e que partiria do chão a frente do oponente. Esperava que desta vez o inimigo caísse, senão teria que partir para outra estratégia.
E ouvindo o que ele dizia a ela, não deixaria barato: - Antes de encostar nela, vai ter que passar por mim! Coisa que não será capaz! - Provocara o homem.
 
  Caso ainda fosse necessário, após meu ataque de Suiton, lançaria cinco flechas de chakra em direção ao inimigo, me guiando pela minha visão e o kanchi, como sugerido pela Jounin com a intenção de ganhar tempo já que era evidente que estaria se preparando para um ataque mais potente. Eu estava curioso para descobrir quais eram as outras habilidades da filha do Senhor Feudal. E se nosso inimigo poderia aguentar nossos ataques combinados.
   
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.030/1.100    CH: 702/1.550    ST: 2/4    14/14 m/s
Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500
Mizu Bunshin:  602/727
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 22ºC 27/??? posts


Ambiente: País da Terra.

Narração: A grande quantidade de ataques lançados pelo ninja de Iwa era incrível, mas não surtiria o efeito que ele desejava. A defesa de pedra maciça criada pelo inimigo era impenetrável para o ataques lançados, pelo menos, aqueles de nível mais baixo, embora especial.

Noah não conseguiu capturá-lo, mas o atrasou bastante. O jato de água bateu na armadura e foi completamente neutralizado pela defesa do inimigo. Ele teve que se esquivar das placas de pedra criadas pelo mascarado e socou, liberando uma quantidade considerável de chakra com força bastante para desfazer os jutsus lançados pelo defensor do Senhor Feudal.

As fechas lançadas, ao contrário, foram capazes de partir, parcialmente, a armadura de pedra. Nada que pudesse ferir o homem, mas serviu ao principal propósito adotado desde o início dos movimentos dele: apoiar a preparação da técnica da Jounin Alisha.

Voltando para ela, seus cabelos estavam bastante ouriçados e relâmpagos começaram a tomar forma em suas mãos. Quando ela abriu os olhos, sacou uma shuriken e lançou na direção do inimigo com máxima velocidade. Eletrificada, a arma ninja atravessou a defesa de doton e atravessou o corpo do homem. O rastro azulado de chakra liberava diversas descargas elétricas.

Ao terminar, o inimigo caiu morto a frente deles e Alisha caiu ajoelhada, apoiando-se nas espadas cravadas no chão.

_Temos que prosseguir...


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
   Aquele ninja com certeza era duro na queda e mesmo meus jutsus não foram capazes de afetá-lo brutalmente. E naquela posição não poderia me utilizar dos meus jutsus mais ofensivos sem afetar a Jounin. Entretanto, meu objetivo estava se cumprindo aos poucos e estava conseguindo atrasar o ninja inimigo e pelo jeito ele ficou na defensiva enquanto avançava. O que eu estava agradecido já que a kunoichi estava em uma posição aberta para ataques, mesmo com meu clone teríamos pouquíssimo tempo para reagir e protegê-la.
 
  Aos poucos os cabelos da Alisha se ouriçavam e relâmpagos começaram a aparecer e tomar forma nas mãos da Jounin. Sentia o chakra dela se movimentar muito e potencializar. Então o elemento dela era o Raiton. O tempo tinha se cumprido e com ele uma shuriken carregada com o chakra Elemental da ninja e voou em máxima velocidade na direção do homem o acertando em cheio, quebrando a sua defesa e o trespassando com uma enorme carga elétrica. O homem caiu morto e ao mesmo tempo Alisha caiu ajoelhada.
 
  - Alisha você está bem?! Precisa de ajuda médica?! Seu jutsu é muito legal! Como se chama?! Vamos para a carruagem e vamos fazer a viagem ser encurtada. Vamos voando a partir daqui!– Falava enquanto voava em máxima direção a ela e tentaria apoiá-la em minhas mãos e caso fosse necessário a pegaria no colo para deixá-la na carruagem com o seu pai e se precisasse faria um tratamento rápido nela. Enquanto isso meu clone se movimentava sem parar pegando os corpos e os ajuntando num só local e os colocando num saco enorme e os colocando num canto da carruagem, meu clone ficaria com os corpos e cuidaria da segurança enquanto íamos para Iwa. Eu iria pesquisá-los e onde faria testes futuros. Além do mais poderia nos trazer muitas informações.
 
  Ela indo por conta própria ou nos meus braços ela teria que subir na carruagem, posteriormente aconselharia para todos subirem. Então liberaria meu jutsu Doton: Chōkeijūgan no Jutsu na carruagem e em todos que estavam dentro. Assim conseguiria deixá-los bem mais leves e conseguiria carregá-los até Iwa sem mais intromissões.
 
  - Espero que todos curtam o voo e aproveitem a paisagem que é fantástica! – Falava meio ironicamente enquanto pegava a carruagem e a erguia. Num salto começaria a voar com a carruagem acima da minha cabeça. Só terminaríamos a viagem quando entrássemos na Vila. E voando já provei que a viagem seria bem mais rápida e se eles não tivessem medo de altura poderia aproveitar a paisagem ao máximo e as belezas dos arredores de Iwagakure no Sato e do país da Terra. Meu clone estaria com o Kanchi ativo em máximo alcance por todo o período da viagem já que não queríamos mais problemas no meio do caminho. Voei o mais rápido que podia e o mais tranquilamente eu consegui para não gerar reclamações dos tripulantes.
 
  Quando chegasse a Vila da Pedra procuraria aterrissar na frente do melhor hotel de Iwa que era próximo do Gabinete da Tsuchikage.
 
  - Bem vindos a Iwagakure no Sato! – Falava alegremente por estar de volta em casa e ver que tudo está em ordem, pelo menos aparentemente. – Senhor Feudal, providenciarei a sua reunião com a Tsuchikage imediatamente! Me desculpe pelo final da viagem, mas espero que tenha aproveitado a viagem. E Alisha, espero que você esteja melhor. – Falava ao Senhor Feudal com o máximo respeito e uma leve reverencia e depois perguntava já com suspeitas que a Jounin estaria melhor.  
   
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.030/1.100    CH: 602/1.550    ST: 3/4    14/14 m/s
Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500
Mizu Bunshin:  602/727
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Isa.BR
Jōnin
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 100x1010


narrador


Crônicas de um ninja - Parte II


Local Iwa Estação Primavera Temperatura 22ºC 28/??? posts


Ambiente: País da Terra e Iwa.

Narração: Ele realmente se impressionou com a técnica lançada por Alisha para derrotar o último inimigo. Não era para menos, um ninjutsu Raiton tão avançado poderia, ao que parece, passar por qualquer defesa. Os questionamentos dele foram pertinentes, afinal, o Railgun usava uma enormidade de chakra para ser feito, o que levava a garota a evitá-lo.

_Estou bem... É só que esse jutsu gasta muito chakra... Eu diria que mais da metade do meu chakra foi usado agora... Eu só preciso descansar.

Ela o respondeu, guardando suas espadas na bainha e se apoiou para se levantar, sendo carregada até a carruagem. Noah tinha decidido acelerar a viagem, talvez para não correr riscos, ainda mais com a guarda-costa pessoal do Senhor Feudal exausta. A viagem seguiu para os céus logo depois de todos estarem na grande carruagem e os corpos terem sido pegos pelo clone de água do ANBU. Alisha ouviu as reclamações de seu pai, que odiava altura, e tentou acalmá-lo mostrando a necessidade.

Certamente, aquilo seria assunto da pauta da reunião com a Tsuchikage, pelo tom de voz utilizado pelo velho. Depois de algum tempo, Noah desceu, havia chegado à Vila da Pedra, depois da cansativa viagem até o castelo do velho.

_Obrigada, ANBU! Assumo a escolta particular do Senhor Feudal a partir de agora. Esperamos que a reunião aconteça ainda agora durante a manhã para que, ao almoço, tudo já esteja resolvido.

Ao chegar, a comitiva saiu da carruagem e buscou o hotel, imediatamente depois que Alisha se dirigiu à Noah. Desta vez, o chamou simplesmente pelo cargo, haja vista que conhecia o impedimento de ele ser apresentado pelo nome em meio à terceiros.

O jovem e seu clone tinham o dever de levar os corpos dali e comunicar a chegada à Tsuchikage. Estaria ela em seu gabinete?


Considerações:

_______________________


Gastos e Danos de Jutsus:
Isa.BR
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t68924-ficha-pandora-heinstein
Dumas
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy
Crônicas de um Zoldyck - Página 2 E6fVkdy

 
   A viagem até a Vila Oculta da Pedra tinha sido um sucesso e apesar de estar bem cansado foi gratificante e aprendi algumas coisas com a filha do Senhor Feudal, uma técnica forte de Taijutsu e outra de Raiton, fora a sua velocidade e força. Ela é uma boa Jounin, entretanto, ela não é do tipo ninjutsu o que poderia ser o motivo de seu pouco chakra. E que a sua técnica Raiton consome muito chakra que a desgasta muito. Poderia dizer que seria um último recurso da jovem. E técnica perigosa se usado sozinha. Era o ponto fraco daquela técnica?!
 
  Durante a viagem ouvia alguns murmúrios do Senhor Feudal, mas não consegui definir o que era. Só esperava que não trouxesse mais problemas para a Tsuchikage. Mas reportaria toda a minha missão a ela. Meu clone me deu todo o suporte depois da nossa chegada e meu jutsu perdeu o efeito assim que aterrissamos. Depois a Alisha agradeceu e avisou que cuidaria da escolta do Senhor Feudal a partir dali. E ainda me acelerou quanto à reunião.
 
  - Alisha, obrigado pela ajuda! Vou notificar a Tsuchikage e em breve nos encontraremos novamente. Logo colocarei alguns dos meus subordinados para compor o time de escolta. – Falava seriamente e logo me posicionava para partir desfazendo meu clone, pegando o saco com os corpos e seguindo em direção do hospital da Vila saltando por entre os telhados e rochas enormes de Iwa para encurtar o caminho. Deixaria os corpos para uma análise pericial e disse aos responsáveis que logo voltaria para ajudá-los e que chamassem a Kikyo para realizar tal tarefa. Não demorei nem cinco minutos no Hospital da Vila e fui diretamente para o Gabinete da Tsuchikage onde a Yamiko deveria estar no meio de um monte de papel.
 
  - Quais serão as novidades da Yamiko-chan?! – Falava comigo mesmo enquanto já reorganizava a informação para reportar a minha missão e já prepará-la para possíveis retaliações do Senhor Feudal. - Será que ela está pronta para este momento?!
 
 O cansaço estava pesando, tinha dormido pouco nesta missão fora a longa viagem para buscar o senhor feudal. Precisava de um descanso. Mas uma coisa estava me perturbando. Como aqueles shinobis nos encontraram?! E porque ainda está aparecendo ninjas de Kumogakure no Sato?! Tudo bem que são falsos ninjas de Kumo, mas até quando isso iria continuar? Já que mesmo com estes ninjas ameaçando Iwa e Kumo, nossas Vilas não entraram em guerra e nem iríamos entrar, contanto que ainda somos aliados. Quem sabe os corpos nos tragam alguma informação útil para acabarmos com esses infiltrados.
 
  E assim segui em direção ao Gabinete da Tsuchikage e a procuraria até encontrá-la ou até alguém me dizer onde ela estaria.
 
   
Informações:
 

 
 
Noah Zoldyck:
HP: 1.030/1.100    CH: 1.204/1.550    ST: 3/4    8/10 m/s
Byakugou no In: 500/500
Samehada 500/500
 


_______________________

Crônicas de um Zoldyck - Página 2 Pl65QS9
"We can all be kings and queens
If we can just learn to believe"
Dumas
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t63173-ficha-noah-zoldyck-3-0#450493
Conteúdo patrocinado
Design visual (Estrutura, Imagens e Vídeos) por Dorian Havilliard. Códigos por Akeido