NOVIDADES
Atividades Recentes
A LUZ DAS TREVAS
Arco 02
Ano 26 DG
Verão
Meses se passaram desde a missão de investigação ao Castelo da Lua, no País do Vento, que culminou na Batalha da Lua Minguante. Soramaru, o cientista responsável pelos experimentos, morreu em combate, assim como outros ninjas do lado da aliança. Após a missão ser bem-sucedida, mas carregando tantas mortes, Karma, o líder da missão, ficou responsável por relatar às nações o máximo de informações sobre a organização por trás dos crimes agora que estava com o selo enfraquecido e com isso ele revelou o verdadeiro nome dela: Bōryokudan. Ainda não tendo como fornecer mais detalhes, pois o selo se manteve, e precisando de mais pistas antes de investir novamente em uma missão, Karma saiu em missão em nome das Quatro Nações para encontrar o paradeiro dos demais membros da organização — e sua primeira desconfiança recaiu sobre Kumo.

O mundo, no entanto, mudou nestes últimos meses. Os Filhos das Nuvens concluíram a missão de extermínio aos antigos ninjas da vila e implementaram um novo sistema político em Kumo ao se proclamarem o Shōgun sobre as ordens não de um pai, mas do Tennō; e assim ela se manteve mais fechada do que nunca. Em Konoha a situação ficou complicada após a morte de Chokorabu ao que parece estar levando a vila ao estado de uma guerra civil envolvendo dois clãs como pivôs. Suna tem visto uma movimentação popular contra a atual liderança da vila após o fracasso em trazer a glória prometida ao país. Já em Kiri a troca de Mizukage e a morte de ninjas importantes desestabilizaram a política interna e externa da vila. E em Iwa cada dia mais a Resistência vai se tornando popular entre os civis que estão cansados demais da fraqueza do poderio militar ninja. Quem está se aproveitando destes pequenos caos parece ser as famílias do submundo, cada vez mais presentes e usando o exílio de inúmeros criminosos para Kayabuki como forma de recrutar um exército cada vez maior.

E distante dos olhares mundanos o líder da Bōryokudan, Gyangu-sama, se incomoda com os passos de Karma.
... clique aqui para saber mais informações
SHION
SHION#7417
Shion é o fundador do RPG Akatsuki, tendo ingressado no projeto em 2010. Em 2015, ele se afastou da administração para focar em marketing e finanças, mas retornou em 2019 para reassumir a liderança da equipe, com foco na gestão de staff, criação de eventos e marketing. Em 2023, Shion encerrou sua participação nos arcos, mas continua trabalhando no desenvolvimento de sistemas e no marketing do RPG. Sua frase inspiradora é "Meu objetivo não é agradar os outros, mas fazer o meu trabalho bem feito", refletindo sua abordagem profissional e comprometimento em manter a qualidade do projeto.
Angell
ANGELL#3815
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Indra
INDRA#6662
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Wolf
Wolf#9564
Wolf é jogador do NRPGA desde fevereiro de 2020, tendo encontrado o fórum por meio de amigos, afastando-se em dezembro do mesmo ano, mas retornando em janeiro de 2022. É jogador de RPG desde 2012, embora seu primeiro fórum tenha sido o Akatsuki. Atua como moderador desde a passagem anterior, se dedicando as funções até se tornar administrador em outubro de 2022. Fora do RPG cursa a faculdade de Direito, quase em sua conclusão, bem como tem grande interesse por futebol, sendo um flamenguista doente.
Mako
gogunnn#6051
Mako é membro do Naruto RPG Akatsuki desde meados de 2012. Seu interesse por um ambiente de diversão e melhorias ao sistema o levou a ser membro da Staff pouco tempo depois. É o responsável pela criação do sistema em vigor desde 2016, tendo trabalhado na manutenção dele até 2021, quando precisou de uma breve pausa por questões pessoais. Dois anos depois, Mako volta ao Naruto RPG Akatsuki como Game Master, retornando a posição de Desenvolvedor de Sistema. E ainda mantém uma carreira como escritor de ficção e editor de livros fora do RPG, além de ser bacharel em psicologia. Seu maior objetivo como GM é criar um ambiente saudável e um jogo cada vez mais divertido para o público.
Akeido
Akeido#1291
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
Havilliard
Havilliard#3423
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
HALL DA FAMA
TOP Premiums
Torne-se um Premium!
1º Lugar
Starfox
2º Lugar
Senju Inazuma
3º Lugar
Raves
1º Lugar
Senju Inazuma
2º Lugar
Starfox
3º Lugar
Summer
Os membros mais ativos do mês
Angell
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
422 Mensagens - 26%
Shion
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
243 Mensagens - 15%
Starfox
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
183 Mensagens - 11%
Senju Inazuma
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
149 Mensagens - 9%
Summer
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
138 Mensagens - 9%
Raves
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
118 Mensagens - 7%
Zero
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
100 Mensagens - 6%
Nan
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
93 Mensagens - 6%
Inoue
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
87 Mensagens - 5%
Keel Lorenz
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
77 Mensagens - 5%

Os membros mais ativos da semana
Angell
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
104 Mensagens - 24%
Shion
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
74 Mensagens - 17%
Summer
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
64 Mensagens - 15%
Keel Lorenz
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
47 Mensagens - 11%
Raves
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
38 Mensagens - 9%
Senju Inazuma
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
30 Mensagens - 7%
Gyoku
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
23 Mensagens - 5%
Nan
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
22 Mensagens - 5%
Sevenbelo
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
20 Mensagens - 5%
Kaguya
[CENA] Joia Rara Vote_lcap[CENA] Joia Rara Voting_bar[CENA] Joia Rara Vote_rcap 
17 Mensagens - 4%


Takashin
Genin
[CENA] Joia Rara 100x100
[CENA] Joia Rara 100x100

Joia Rara

Com o nascer do sol pintando o céu com tons dourados, Takeshi Yuki despertou em sua modesta casa em Konoha. Esticando os membros cansados, ele se levantou da cama com determinação, pronto para enfrentar mais um dia de aprendizado e aprimoramento como um ninja em ascensão.

Após um rápido banho e um desjejum simples, Takeshi se dirigiu à biblioteca em sua casa, um espaço acolhedor que servia como uma mistura de escritório e biblioteca pessoal. As prateleiras repletas de pergaminhos e livros antigos testemunhavam sua paixão pelo conhecimento e pelo estudo das artes shinobi.

Com um ar de concentração, Takeshi mergulhou em seus estudos, dedicando a parte da manhã ao aprofundamento de seu entendimento sobre o controle de chakra. Ele folheou páginas após páginas, absorvendo cada detalhe e técnica com uma sede insaciável por conhecimento. Seus olhos brilhavam enquanto ele explorava os segredos do chakra, procurando aprimorar suas habilidades e dominar as técnicas que o tornariam um ninja ainda mais poderoso.

Horas se passaram como minutos enquanto Takeshi se entregava ao estudo, sua mente focada e sua determinação inabalável. No silêncio sereno da biblioteca, ele encontrou um refúgio de paz, imerso no mundo fascinante das artes shinobi. Concentrado em seus estudos, Takeshi mergulhou profundamente nos segredos do controle de chakra, explorando cada página com dedicação. O tempo parecia desaparecer ao seu redor enquanto ele se entregava ao aprendizado, absorvendo cada palavra e técnica com uma sede insaciável por conhecimento.

À medida que as horas passavam, Takeshi sentiu uma sensação de realização crescer dentro dele. Pela primeira vez, ele começou a perceber que certas lacunas em seu entendimento, deixadas pela academia, estavam sendo preenchidas. Conceitos antes obscuros agora começavam a se tornar claros em sua mente, como peças de um quebra-cabeça se encaixando perfeitamente em seus lugares designados.

Cada revelação trouxe consigo uma empolgação renovada e confiança em suas habilidades como ninja. Takeshi reconheceu que estava progredindo não apenas em termos de conhecimento teórico, mas também em sua compreensão prática do controle de chakra. Sua conexão com essa energia vital se fortalecia a cada momento, e ele sabia que estava mais preparado do que nunca para enfrentar os desafios que o aguardavam no mundo shinobi.


---


Takeshi desceu as escadas da biblioteca para o primeiro andar de sua casa, atraído pelo delicioso aroma de lámen que invadia seus sentidos. O caldo de porco fervilhava na panela, liberando uma fragrância reconfortante que despertava sua fome e trazia à tona lembranças de dias passados na academia. Enquanto saboreava o lámen, Takeshi não pôde deixar de refletir sobre seus estudos na biblioteca. Cada garfada parecia alimentar não apenas seu corpo, mas também sua mente, revigorando seu espírito e consolidando seu entendimento sobre o controle de chakra.

No entanto, uma lembrança sombria se infiltrou em sua mente, trazendo à tona uma experiência dolorosa do passado. Takeshi recordou-se de uma vez na academia, quando seu sensei os ensinava sobre os princípios do controle de chakra. Naquela ocasião, ele confiava em seus colegas para compartilhar conhecimento e camaradagem, apenas para descobrir mais tarde que havia sido passado para trás e enganado por eles.

A lembrança ainda estava fresca em sua mente, como uma ferida que teimava em não cicatrizar.

Naquele momento, Takeshi já possuía um bom domínio sobre o controle de chakra, mas seus colegas, com sua persuasão manipuladora, o convenceram do contrário. Eles questionaram sua compreensão das técnicas, semearando dúvidas em sua mente até que ele começasse a questionar sua própria habilidade.

Inocente e confiante, Takeshi caiu na armadilha, deixando-se ser convencido de que estava errado. Ele tentou demonstrar as técnicas da maneira que lhe foi sugerida por seus colegas, apenas para falhar miseravelmente na frente de toda a turma. A vergonha e a humilhação que ele experimentou naquele momento foram avassaladoras, deixando cicatrizes emocionais que persistiam até hoje.

Enquanto Takeshi remexia a colher na tigela de lámen, uma mistura de emoções o dominava. Raiva, por ter sido enganado. Tristeza, por ter sido traído por aqueles em quem confiava. E uma determinação feroz, por provar a todos que ele era muito mais do que sua ingenuidade. Com um suspiro pesado, Takeshi decidiu deixar para trás as mágoas do passado e concentrar-se no presente e no futuro. Ele jurou a si mesmo que nunca mais permitiria que alguém o subestimasse ou o enganasse novamente.


---


Enquanto Takeshi ainda se revirava em seus pensamentos, ele foi abruptamente interrompido por um som estranho vindo do lado de fora de sua casa. Um grito angustiado de uma mulher o fez largar sua vasilha de lámen vazia e correr para fora, preocupação e urgência pintando seus movimentos.

Lá, ele se deparou com uma cena comovente: uma jovem de aparência nobre estava caída em seus joelhos, lágrimas escorrendo por seu rosto, suas roupas requintadas agora desarrumadas e manchadas. O coração de Takeshi apertou ao testemunhar sua angústia, e ele se aproximou dela com determinação, pronto para oferecer ajuda àquela que claramente estava passando por um momento difícil.

Takeshi se aproximou da jovem com cuidado, preocupação refletida em seus olhos determinados. "O que aconteceu? Você está bem?",  perguntou ele, sua voz suave transbordando de empatia.

A jovem soluçou, lutando para controlar suas lágrimas enquanto explicava. "Eu senti que estava sendo seguida desde que saí de casa", começou ela, sua voz trêmula. "E então, de repente, esse bandido trombadinha apareceu e me roubou! Ele levou meu colar, o pingente da minha família... é tudo o que tenho deles."

Takeshi escutou atentamente, seu coração pesando com a tristeza da jovem e a injustiça do ocorrido. Com determinação, ele se endireitou e olhou nos olhos dela com firmeza. "Não se preocupe, eu vou ajudá-la. Me deixe lidar com isso", prometeu ele, seu tom resoluto transmitindo confiança e determinação.

Organizador:


HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 00/02

Takeshi Yuki - Databook


Última edição por Takashin em Qua 24 Abr 2024 - 16:11, editado 1 vez(es)
Takashin
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Takashin
Genin
[CENA] Joia Rara 100x100
[CENA] Joia Rara 100x100

Joia Rara



Enquanto Takeshi se empenhava em sua busca pelo rastro do bandido, ele se encontrava imerso em um mundo de detalhes. Seus olhos varriam o ambiente ao redor, observando cada pedra no caminho, cada sombra na paisagem, em busca de qualquer indício que pudesse indicar a direção tomada pelo fugitivo.

O ar estava impregnado com uma tensão elétrica, o silêncio interrompido apenas pelo som distante das folhas das árvores se agitando ao vento. Takeshi avançava com cautela, seus sentidos aguçados, seu coração batendo em compasso com a urgência da situação. Cada segundo que passava parecia uma eternidade, cada minuto uma oportunidade perdida. No entanto, Takeshi recusava-se a desanimar. Ele sabia que a paciência e a perseverança eram virtudes essenciais em uma busca como essa, e ele estava determinado a não deixar escapar nenhum detalhe que pudesse levá-lo até o bandido.

Finalmente, após uma busca minuciosa, Takeshi avistou algo: uma marca na lama, uma leve impressão que indicava o caminho que o bandido havia tomado. Seu coração se encheu de esperança e determinação renovadas ao reconhecer o sinal tão esperado. Takeshi observou o rastro com interesse, reconhecendo-o como o primeiro passo crucial em direção à resolução do problema.

O coração de Takeshi acelerou com a promessa de progresso, e ele se preparou para seguir o rastro, determinado a perseguir o bandido até o fim e recuperar o colar valioso que havia sido roubado.


---

Com o coração pulsando e os músculos ardendo com o esforço, Takeshi correu na direção indicada pelo rastro deixado pelo bandido. Cada passo pesado ecoava no chão, impulsionando-o para frente com determinação e urgência. O ar cortava seus pulmões, sua respiração se tornando pesada e irregular à medida que ele se esforçava para manter o ritmo.

Apesar do cansaço que se acumulava em seus membros, uma sensação estranha de vigor se apoderava de Takeshi. Cada batida de seu coração, cada gota de suor que escorria por sua testa, era um lembrete vívido de sua resiliência e força de vontade. O esforço físico, longe de enfraquecê-lo, parecia fortalecê-lo, transformando-o em uma versão mais resistente e determinada de si mesmo.

Com cada passo dado, Takeshi sentia-se mais conectado com seu corpo, mais consciente de seus limites e capacidades. O cansaço que o invadia não era apenas uma carga a ser suportada, mas sim um desafio a ser superado. Ele se sentia vivo, mais vivo do que nunca, enquanto perseguia incansavelmente seu objetivo.

Apesar das dificuldades do trajeto, Takeshi se recusava a desistir. Cada obstáculo superado, cada gota de suor derramada, o fortalecia ainda mais, alimentando sua determinação e impulsionando-o para frente. Com a mente focada e o espírito inquebrável, ele continuou a correr, alimentado pelo desejo ardente de alcançar o bandido e recuperar o que fora roubado.


---


Enquanto Takeshi corria incansavelmente em busca do bandido, sua mente estava repleta de pensamentos tumultuados. Cada batida de seu coração ecoava com o eco das lembranças dolorosas da academia, quando ele próprio fora vítima de enganos e traições. A imagem da jovem moça aflita, assim como sua própria experiência passada, o assombrava como um fantasma do passado.

Ele não conseguia evitar de relacionar o que acontecera com aquela jovem com sua própria história na academia. Ele se lembrava claramente de como se sentia naquele dia fatídico: ingênuo, confiante demais nas palavras de seus colegas, fácil de ser enganado. A dor da humilhação e vergonha que ele sofrera ressurgia agora, como uma ferida mal curada.

Enquanto ele corria, Takeshi pensava sobre como era ingênuo na época, como acreditava nas palavras dos outros sem questionar, como confiava cegamente em seus colegas de classe. Ele se sentia tolo por ter sido tão facilmente manipulado, por ter permitido que sua confiança fosse traída de maneira tão cruel. Essa correlação entre a moça roubada e sua própria história pessoal era como uma ferida aberta em seu coração, sangrando incessantemente e recusando-se a cicatrizar. Ele se sentia consumido pela culpa e arrependimento, perguntando-se se poderia ter feito algo de diferente naquela época para evitar o sofrimento que agora testemunhava.

Esses pensamentos pesavam em sua mente enquanto ele avançava pela trilha lamacenta, alimentando sua determinação com uma mistura de raiva e arrependimento. Ele jurou a si mesmo que não permitiria que sua ingenuidade o prejudicasse novamente, que aprenderia com seus erros e se tornaria mais astuto, mais vigilante contra os enganos dos outros.

Organizador:


HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 00/02

Takeshi Yuki - Databook


Última edição por Takashin em Qua 24 Abr 2024 - 16:10, editado 1 vez(es)
Takashin
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Takashin
Genin
[CENA] Joia Rara 100x100
[CENA] Joia Rara 100x100

Joia Rara



Enquanto Takeshi corria incansavelmente em busca do bandido, suas reflexões mergulhavam em um mar de autoquestionamentos e dúvidas. Ele não conseguia evitar de pensar sobre como sua ingenuidade sempre fora uma característica marcante ao longo de sua vida, como sempre fora fácil passá-lo para trás, não apenas naquele momento fatídico na academia, mas em inúmeras situações ao longo dos anos.

Ele se lembrava de como, desde criança, sempre confiara nas pessoas ao seu redor, sempre assumira que os outros tinham as melhores intenções. No entanto, essa confiança muitas vezes fora traída, deixando-o vulnerável e exposto às manipulações e traições daqueles que o cercavam.

Essas lembranças dolorosas o assombravam enquanto ele corria, alimentando suas dúvidas e incertezas sobre si mesmo e suas habilidades como shinobi. Ele se perguntava se sua ingenuidade era um fardo que ele carregaria para sempre, uma fraqueza que o impediria de alcançar seu verdadeiro potencial como ninja.

Ele se questionava o quão bom ele poderia ser como shinobi se continuasse a permitir que sua ingenuidade o prejudicasse. Será que ele seria capaz de proteger aqueles que amava, de cumprir suas missões com sucesso, se continuasse a cair nas artimanhas dos outros? Será que ele poderia confiar em si mesmo para enfrentar os desafios que o aguardavam no mundo ninja, se sua própria confiança estivesse abalada por experiências passadas?

Essas perguntas ecoavam em sua mente enquanto ele avançava pela trilha lamacenta, cada passo pesado uma lembrança dolorosa de sua vulnerabilidade. Apesar de suas dúvidas e incertezas, ele sabia que precisava confrontar esses medos se quisesse crescer e se tornar um verdadeiro shinobi. A jornada pela justiça agora era não apenas uma missão para ajudar a jovem moça, mas também uma oportunidade para Takeshi enfrentar seus próprios demônios internos e emergir mais forte do que nunca.


---


Conforme Takeshi se aproximava cada vez mais dos rastros deixados pelo bandido, seus sentidos aguçados captaram o som de passos rápidos se aproximando dos portões da vila. Um pressentimento instintivo o alertou para a presença de alguém se aproximando rapidamente, e ele tomou uma posição firme, preparado para enfrentar qualquer eventualidade.

"Alto lá!" - exclamou Takeshi, erguendo a voz para chamar a atenção da pessoa que se aproximava. Seu tom era sério e autoritário, refletindo sua determinação em proteger a segurança da vila e de seus habitantes.

"Quem está aí? Pare imediatamente e identifique-se!" - prosseguiu ele, sua voz ressoando com autoridade e firmeza. Ele estava pronto para agir caso a pessoa se mostrasse uma ameaça, mas também estava disposto a ouvir e dialogar, caso houvesse uma explicação plausível para a presença da pessoa naquele momento.

Ao finalmente identificar a pessoa se aproximando, Takeshi relaxou ligeiramente sua postura defensiva ao reconhecer um menino mais jovem do que ele, vestido com roupas sujas e surradas. Seus olhos se fixaram no pingente brilhante que o menino carregava, e uma suspeita cresceu em sua mente: aquele pingente poderia muito bem ser o objeto roubado da jovem moça.

"Talvez você possa me explicar o que está fazendo com esse pingente", disse Takeshi, seu tom de voz agora mais suave, mas ainda atento e cauteloso. Ele se aproximou do menino, mantendo uma distância segura, mas o observando de perto em busca de qualquer sinal de hostilidade ou perigo.

"Onde você conseguiu isso?" - perguntou ele, indicando o pingente com um aceno de cabeça. Sua mente estava alerta, pronta para agir com rapidez caso as coisas tomassem um rumo inesperado.

Organizador:


HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 00/02

Takeshi Yuki - Databook


Última edição por Takashin em Qua 24 Abr 2024 - 16:09, editado 1 vez(es)
Takashin
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Takashin
Genin
[CENA] Joia Rara 100x100
[CENA] Joia Rara 100x100

Joia Rara



À medida que Takeshi confrontava o menino sobre o pingente brilhante, uma expressão de nervosismo e desconforto se manifestava no rosto do jovem. Antes que Takeshi pudesse obter uma resposta, o menino virou-se abruptamente e começou a correr em direção aos portões da vila, claramente tentando escapar da situação.

Sem hesitar, Takeshi agarrou uma kunai de sua bolsa de equipamentos ninja e lançou-a com precisão milimétrica na direção do fugitivo. A lâmina afiada cortou o ar com um assobio agudo antes de se cravar firmemente na árvore mais próxima, bem à frente do menino em fuga.

A kunai acertou o alvo com precisão impressionante, prendendo a roupa do menino à árvore e o impedindo de avançar. Um instante depois, o menino foi forçado a parar abruptamente, sua camisa presa firmemente ao tronco da árvore pela lâmina afiada da kunai.

Takeshi avançou rapidamente até o menino capturado, mantendo uma distância segura enquanto observava-o com atenção. Seu coração batia acelerado com a adrenalina da perseguição, mas sua mente permanecia calma e focada enquanto avaliava a situação e decidia os próximos passos a serem tomados.

Com passos cautelosos, Takeshi se aproximou do menino capturado, mantendo um olhar vigilante enquanto se aproximava da árvore onde o garoto estava preso pela kunai. Sua expressão era séria, mas também carregava uma centelha de compaixão, reconhecendo a juventude e vulnerabilidade do garoto diante dele.

Com um movimento firme, Takeshi alcançou o pingente brilhante que estava pendurado no pescoço do menino e o segurou entre os dedos. Ele examinou o objeto cuidadosamente por um momento, deixando suas feições sérias refletirem a seriedade da situação.

"Eu vou te perguntar uma última vez", disse Takeshi, sua voz firme e decidida. "Você roubou isso?"

Seus olhos se fixaram nos do menino, buscando qualquer sinal de culpa ou arrependimento em seu olhar. Takeshi estava determinado a obter a verdade, mas também estava disposto a mostrar compreensão e misericórdia, caso o garoto decidisse finalmente confessar seus atos.


---

"Sim, eles disseram que me recompensariam", murmurou o menino com voz trêmula, seus olhos assustados refletindo a vulnerabilidade de alguém que fora coagido a cometer um ato de desespero. Takeshi observou atentamente o garoto diante dele, e uma onda de empatia o envolveu enquanto reconhecia a mesma ingenuidade que costumava permear sua própria vida.

Os olhos do menino, cheios de medo e incerteza, trouxeram à tona memórias dolorosas de sua própria inocência traída no passado. Takeshi viu seu reflexo no rosto do menino, uma imagem daquele que ele costumava ser, ingênuo e fácil de ser enganado pelas promessas vazias dos outros.

Foi um momento de profunda introspecção para Takeshi, uma oportunidade de confrontar sua própria vulnerabilidade e aprender com as lições do passado. Ele sabia que não podia mudar o que acontecera, mas podia usar essa experiência para se tornar mais sábio e mais forte no futuro.

Com um suspiro pesado, Takeshi se viu tomado por um desejo ardente de proteger o menino diante dele, de guiá-lo pelo caminho certo e ajudá-lo a evitar os mesmos erros que ele próprio cometera. Era uma chance de redenção, uma oportunidade de transformar sua própria dor em algo positivo, ajudando aqueles que também enfrentavam dificuldades semelhantes.

Enquanto Takeshi estendia a mão para o menino, um turbilhão de emoções contraditórias o assaltava. A compaixão que ele sentia era genuína, mas também estava acompanhada por uma sombra de desconfiança que pairava em sua mente. Ele se perguntava se poderia confiar nas palavras do menino ou se estava sendo levado por uma história inventada para manipulá-lo mais uma vez.



Organizador:


HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 00/02

Takeshi Yuki - Databook
Takashin
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Takashin
Genin
[CENA] Joia Rara 100x100
[CENA] Joia Rara 100x100

Joia Rara



A mente de Takeshi mergulhou em um mar de reflexões enquanto ele ponderava sobre as injustiças inerentes à estrutura do mundo shinobi. Era uma realidade cruel e implacável, onde o poder muitas vezes prevalecia sobre a inocência, e onde aqueles considerados ingênuos eram frequentemente explorados e manipulados por aqueles que detinham o controle.

Ele pensou sobre como a sociedade shinobi frequentemente valorizava a força e a astúcia sobre a honestidade e a compaixão, criando um ambiente onde os mais poderosos podiam facilmente subjugar e explorar aqueles que eram considerados fracos ou ingênuos. Era um ciclo vicioso de opressão e desigualdade, onde aqueles no topo da hierarquia social podiam exercer seu poder sobre os menos privilegiados sem medo de repercussões.

Takeshi se lembrou de todas as vezes em que ele próprio tinha sido vítima dessa dinâmica desigual, quando sua confiança e ingenuidade o haviam colocado em situações perigosas e prejudiciais. Ele se perguntava como poderia ser justo que pessoas como o menino que ele acabara de encontrar fossem exploradas e manipuladas por aqueles que estavam dispostos a usar sua inocência para alcançar seus próprios fins egoístas.

Ele pensou sobre as promessas vazias que eram feitas a pessoas como o menino, promessas de recompensa e sucesso que nunca se materializavam, deixando para trás apenas uma sensação de vazio e desespero. Era uma realidade sombria e desoladora, onde os sonhos e aspirações daqueles considerados ingênuos eram frequentemente esmagados pelas crueldades do mundo ao seu redor.

Takeshi sentiu uma mistura de raiva e tristeza ao contemplar essa realidade, uma sensação de impotência diante das injustiças que permeavam o mundo shinobi. No entanto, ele também sentiu uma chama de determinação que queimava dentro de si, uma vontade de lutar contra essa injustiça e proteger aqueles que eram mais vulneráveis.


---
Takeshi olhou nos olhos do menino com compaixão, sua expressão transmitindo uma mistura de empatia e determinação. Ele sabia que devia agir com cuidado, guiando o garoto para fora do ciclo de exploração e manipulação que o havia levado a cometer um erro.

"Venha comigo", disse Takeshi suavemente, estendendo a mão para o menino. "Vamos devolver o pingente e pedir desculpas juntos. Tenho certeza de que a garota ficará feliz em tê-lo de volta."

O menino hesitou por um momento, seu olhar oscilando entre desconfiança e esperança. Ele parecia incerto sobre o que fazer, mas Takeshi podia ver uma faísca de vontade de fazer o que era certo brilhando em seus olhos.

"Eu... Eu não sei..." murmurou o menino, suas palavras vacilantes e cheias de dúvida.

Takeshi ofereceu um sorriso encorajador. "Você não precisa fazer isso sozinho. Eu estarei ao seu lado o tempo todo. Juntos, podemos fazer o que é certo."

Depois de um momento de silêncio tenso, o menino finalmente assentiu com a cabeça, sua expressão tensa relaxando um pouco. Ele aceitou a mão estendida de Takeshi e levantou-se da árvore, pronto para seguir seu novo amigo até em casa.

No entanto, assim que Takeshi libertou o menino, este deu um passo para trás, seus olhos cheios de medo e desconfiança. Antes que Takeshi pudesse dizer algo, o menino deu meia-volta e disparou em direção aos portões da vila, desaparecendo rapidamente na multidão.

Takeshi assistiu com tristeza enquanto o menino fugia, sua esperança de ajudá-lo desaparecendo junto com ele. Ele sabia que não podia forçar o menino a aceitar sua ajuda, mas ainda assim lamentava a oportunidade perdida de fazer a diferença na vida daquele que tanto precisava de orientação e apoio.

Com o coração pesado pela partida repentina do menino, Takeshi virou-se e começou a caminhar de volta para casa, sua mente repleta de pensamentos sobre o que poderia ter sido feito de maneira diferente para ajudá-lo. Enquanto percorria as ruas movimentadas da vila, ele se esforçava para deixar para trás a sensação de desapontamento e concentrar-se na tarefa que ainda precisava ser concluída.

Ao chegar em casa, Takeshi encontrou a menina ainda sentada no mesmo lugar onde a havia deixado, lágrimas silenciosas ainda escorrendo por seu rosto. Ele se aproximou dela com passos cuidadosos, segurando o pingente brilhante em suas mãos estendidas.

"Eu encontrei isso", disse Takeshi suavemente, oferecendo o pingente para a menina. "Espero que isso te ajude a se sentir um pouco melhor."

A menina ergueu os olhos para ele, surpresa e gratidão misturadas em seu olhar. Ela pegou o pingente com mãos trêmulas, segurando-o com reverência enquanto uma expressão de alívio se espalhava por seu rosto.

"Obrigada", murmurou a menina, sua voz embargada pelo choro. "Você não sabe o quanto isso significa para mim."

Takeshi sorriu gentilmente para ela, sentindo uma sensação de calor se espalhar por seu peito. Ele sabia que não poderia consertar tudo o que havia dado errado naquele dia, mas pelo menos conseguira fazer uma pequena diferença na vida daquela jovem.

"Estou feliz por poder ajudar", disse Takeshi sinceramente. "Se precisar de algo mais, estarei por perto."

Missão Concluída: Recuperação de um Artefato Valioso
Descrição: Um artefato valioso foi roubado de Konoha e deve ser recuperado. Sua missão é localizar o paradeiro do artefato, enfrentar os ladrões e trazê-lo de volta à vila. Você deve demonstrar suas habilidades de investigação e combate para ter sucesso nessa missão.


Organizador:


HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 00/02

Takeshi Yuki - Databook
Takashin
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Takashin
Genin
[CENA] Joia Rara 100x100
[CENA] Joia Rara 100x100

Joia Rara



Takeshi recostou-se contra a parede de seu modesto quarto, observando a escuridão que se infiltrava pelas janelas entreabertas. O silêncio da noite envolvia-o como um manto, mas sua mente estava longe de estar em paz. Ele se via imerso em um oceano de pensamentos turbulentos, cada onda trazendo consigo uma sensação de desconforto e desilusão.

Apesar de seus esforços para ajudar o menino e resolver a situação da forma mais pacífica possível, Takeshi não conseguia ignorar a sensação de ter sido ingênuo. Ele tinha colocado sua confiança no menino, esperando que ele aceitasse suas desculpas e devolvesse o pingente de boa vontade. No entanto, a realidade havia sido muito diferente, e Takeshi se encontrava confrontado com a dura verdade de que nem sempre as pessoas eram o que pareciam ser.

Ele suspirou pesadamente, passando a mão pelo cabelo em um gesto de frustração. Ele se perguntava como poderia ter sido tão tolo, tão crédulo em acreditar que o menino mudaria de ideia tão facilmente. Ele sabia que deveria ter sido mais cauteloso, mais desconfiado das intenções do menino, mas sua vontade de fazer o bem muitas vezes obscurecia seu julgamento.

Enquanto a noite avançava e as horas passavam lentamente, Takeshi continuou perdido em seus pensamentos sombrios. Ele se perguntava se poderia ter feito algo diferente, se poderia ter evitado o desfecho desapontador da situação. No entanto, no fundo de seu coração, ele sabia que tinha feito o melhor que podia com as circunstâncias que tinha.

Com um suspiro resignado, Takeshi fechou os olhos e permitiu que a exaustão finalmente o envolvesse. Ele sabia que havia muito para refletir e aprender com essa experiência, e estava determinado a usar essa lição para se tornar mais forte e mais sábio no futuro.


---


Takeshi acordou com os primeiros raios de sol que filtravam pelas cortinas entreabertas, iluminando suavemente o quarto. Ele se espreguiçou lentamente, ainda sentindo o peso das reflexões da noite anterior em seus ombros. Determinado a enfrentar o novo dia de frente, ele se levantou da cama e se dirigiu à cozinha para tomar seu café da manhã.

No entanto, antes que pudesse dar o primeiro gole em sua xícara de chá, uma batida na porta o interrompeu. Intrigado, Takeshi se dirigiu até a porta e a abriu, encontrando a mesma garota de aparência nobre que ele ajudara no dia anterior. Ela segurava um pedaço de papel dobrado em suas mãos trêmulas.

"Takeshi, por favor, você precisa me ajudar", disse ela, sua voz trêmula de ansiedade.

Takeshi franziu o cenho, preocupado com a expressão aflita da garota. Ele a convidou a entrar e a conduziu até a mesa da cozinha, onde ela desdobrou o pedaço de papel e entregou-o a ele. Takeshi leu as palavras escritas com uma sensação crescente de alarme.

Era um bilhete ameaçador da gangue que havia tentado roubar a garota no dia anterior, advertindo-a de que ela deveria ter deixado o pingente ir e que agora eles enviariam alguém ainda mais perigoso atrás dela. Takeshi apertou os punhos com raiva, sentindo a indignação ferver dentro dele.

"Não se preocupe", disse ele com determinação. "Eu não vou deixar que nada aconteça com você. Vamos resolver isso juntos."

A garota olhou para ele com gratidão e alívio, seus olhos brilhando com confiança renovada. Takeshi sabia que enfrentaria muitos desafios pela frente, mas estava determinado a proteger aquela que precisava de sua ajuda.


Organizador:


HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 00/02

Takeshi Yuki - Databook
Takashin
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Takashin
Genin
[CENA] Joia Rara 100x100
[CENA] Joia Rara 100x100

Joia Rara



Takeshi observou a expressão preocupada de Ayumi enquanto ela aguardava sua resposta, e um sentimento de determinação se apossou dele. Ele pensou em todas as vezes em que foi ludibriado e enganado por pessoas que exploravam sua ingenuidade, e agora via a situação de Ayumi como um reflexo de suas próprias experiências.

"Ayumi, vamos resolver isso juntos", disse ele com firmeza, colocando a mão sobre a dela em um gesto reconfortante. "Esses bandidos estão tentando se aproveitar da sua vulnerabilidade, mas eu não vou permitir que isso aconteça. Protegê-la agora é uma questão de honra para mim."

Os olhos de Ayumi brilharam com gratidão e alívio ao ouvir suas palavras. Ela sorriu timidamente, sentindo-se fortalecida pelo apoio de Takeshi.

"Obrigada, Takeshi", disse ela, sua voz embargada pela emoção.

Takeshi retribuiu o sorriso de Ayumi, determinado a enfrentar qualquer desafio que viesse em seu caminho para protegê-la. Para ele, não se tratava apenas de cumprir uma missão ou resolver um problema; era uma questão de defender os inocentes contra aqueles que buscavam explorar sua vulnerabilidade. Com essa determinação ardente em seu coração, ele começou a traçar um plano para lidar com a ameaça iminente, prometendo a si mesmo que não falharia em sua missão de proteger Ayumi a todo custo. Cada vez que pensava em Ayumi e nas circunstâncias que a levaram àquela situação perigosa, ele se via refletido em sua própria jornada.

Ele era um deles - alguém que, muitas vezes, foi ludibriado e enganado pela falsa promessa de confiança e bondade. Lembrava-se das vezes em que confiou em pessoas que o traíram, das ocasiões em que foi manipulado por aqueles que buscavam explorar sua inocência. Essas memórias dolorosas o impulsionaram a agir, a defender aqueles que, como ele, tinham sido vítimas da ganância e crueldade dos outros.

Takeshi sabia que não podia mudar o passado, mas podia usar suas próprias experiências para proteger aqueles que estavam em perigo. Ele se comprometeu a lutar não apenas por Ayumi, mas por todos os vulneráveis e ingênuos que cruzassem seu caminho.


---

Determinado a proteger Ayumi e frustrar os planos da gangue, Takeshi formulou um plano para montar uma armadilha. Ele sabia que os bandidos estavam familiarizados com os hábitos e rotinas de Ayumi, usando isso para planejar seus ataques. Por isso, decidiu que Ayumi seguiria seu dia como de costume, enquanto ele permaneceria de tocaia, pronto para agir no momento certo.

Takeshi escolheu um local estratégico, onde poderia observar discretamente os arredores e agir rapidamente caso os bandidos aparecessem. Ele se escondeu nas sombras, seu coração batendo forte de expectativa enquanto aguardava.

Enquanto isso, Ayumi seguiu com suas atividades diárias, sem saber que estava sendo observada de perto por Takeshi. Ela caminhou pelas ruas da vila, cumprimentando os conhecidos e realizando suas tarefas com sua habitual graça e serenidade.

Horas se passaram, e Takeshi permaneceu vigilante, seus sentidos alertas para qualquer sinal de perigo. Ele sabia que a gangue poderia aparecer a qualquer momento, e estava determinado a estar preparado quando isso acontecesse.

Finalmente, seu momento de espera chegou ao fim quando avistou movimento suspeito nas proximidades. Seu coração acelerou enquanto ele se preparava para agir, pronto para proteger Ayumi a todo custo. Com determinação implacável, ele se preparou para confrontar os bandidos e garantir a segurança de sua amiga.

Organizador:


HP: 200/200
CH: 200/200
ST: 00/02

Takeshi Yuki - Databook
Takashin
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Takashin
Genin
[CENA] Joia Rara 100x100
[CENA] Joia Rara 100x100

Joia Rara



Takeshi observou com intensidade enquanto o bandido se aproximava sorrateiramente de Ayumi, sua postura tensa e os sentidos aguçados para qualquer movimento suspeito. Quando viu o homem tirar uma kunai, ele agiu com determinação. Concentrando-se em sua Kekkei Genkai, a herança de sua linhagem, ele convocou o poder da água ao seu redor e moldou-o em mil agulhas afiadas e letais, com a técnica Sensatsu Suishō.

As agulhas reluziram à luz do sol, cada uma representando a força e a determinação de Takeshi em proteger aqueles que ele amava. Em um movimento fluido e preciso, ele lançou as agulhas em direção ao bandido, que foi pego de surpresa pelo ataque repentino.

As agulhas cortaram o ar com velocidade devastadora, atingindo o bandido com precisão milimétrica. Ele gritou de dor quando as agulhas o atingiram, caindo de joelhos no chão em agonia. Takeshi permaneceu firme, sua expressão séria enquanto encarava o bandido caído aos seus pés.

"Você vai dizer à sua gangue para deixar Ayumi em paz para sempre", disse ele com voz firme, seu olhar penetrante transmitindo uma mensagem clara de determinação. "Se eles ousarem incomodá-la novamente, enfrentarão as consequências."

O bandido, ainda gemendo de dor, assentiu freneticamente, suas mãos erguidas em sinal de rendição. Ele mal conseguia formular palavras enquanto concordava em obedecer às ordens de Takeshi.

Com um último olhar de advertência, Takeshi permitiu que o bandido fugisse, sabendo que a mensagem havia sido transmitida. Ele se virou para Ayumi, sua expressão suavizando-se enquanto ele se aproximava dela.

"Você está bem?", perguntou ele, sua voz cheia de preocupação.

Ayumi assentiu com um sorriso trêmulo, seus olhos brilhando com gratidão e alívio. Ela colocou a mão sobre o ombro de Takeshi, agradecida pela coragem e determinação que ele havia demonstrado em seu nome. Juntos, eles permaneceram ali por um momento, unidos pelo vínculo que compartilhavam e pela determinação de proteger uns aos outros a todo custo.



Missão Concluída: Proteja a Donzela
Descrição: Ayumi, uma nobre dama da vila, está sendo alvo de uma gangue que busca vingança por ela não ter entregado uma joia valiosa. Sua missão é garantir a segurança de Ayumi e protegê-la contra qualquer ameaça imposta pela gangue. Utilize suas habilidades de combate e estratégia para deter os membros da gangue.


---


Takeshi voltou para casa, sentindo o peso do cansaço em seus ombros após o confronto com o bandido. Ele fechou a porta atrás de si e se dirigiu diretamente para seu quarto, buscando um momento de tranquilidade para refletir sobre os eventos do dia.

Ao entrar no banheiro, ele deixou a água quente do chuveiro lavar a sujeira e a tensão do dia, permitindo que as gotas quentes acalmassem sua mente inquieta. Enquanto a água caía sobre ele, ele refletia sobre as lições que havia aprendido e as verdades que havia descoberto.

Depois do banho, Takeshi sentou-se em sua escrivaninha, abrindo seu diário com uma expressão séria. Ele mergulhou a pena na tinta, deixando as palavras fluírem livremente enquanto expressava seus pensamentos mais profundos e sinceros.

"O mundo está cheio de aproveitadores e ingênuos", ele escreveu, sua caligrafia firme e determinada. "Aqueles que buscam explorar a inocência dos outros em busca de ganho pessoal, e aqueles que, como eu, são facilmente enganados por suas artimanhas."

Ele suspirou, sentindo a amargura se infiltrar em suas palavras enquanto continuava a escrever. "Para proteger os ingênuos deste mundo, devo me tornar mais astuto do que os aproveitadores que tentam tirar proveito deles. Devo aprender a jogar o jogo deles, a antecipar seus movimentos e a superá-los em sua própria maldade."

Enquanto as palavras fluíam para a página, Takeshi sentiu uma sensação de determinação se apoderar dele. Ele sabia que o caminho à frente seria difícil e cheio de desafios, mas estava determinado a proteger aqueles que eram como ele, os ingênuos e vulneráveis, a qualquer custo.

Com um último olhar para as palavras escritas em seu diário, Takeshi fechou o caderno com firmeza. Ele estava pronto para enfrentar o mundo com uma nova perspectiva, uma perspectiva mais cínica, mas também mais determinada a fazer a diferença. E, enquanto olhava para o futuro com determinação renovada, ele jurou a si mesmo que nunca mais seria enganado novamente.

Organizador:


HP: 200/200
CH: 50/200
ST: 00/02

Takeshi Yuki - Databook
Takashin
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Angell
Game Master
[CENA] Joia Rara Giphy-downsized-large
[CENA] Joia Rara Giphy-downsized-large
[CENA] Joia Rara UhqhmF4
doneAprovação
Bom jogo!

_______________________

[CENA] Joia Rara Scre1755
[CENA] Joia Rara LsGQvv3Olá, Convidado, eu sou a Angell.
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
Angell
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t77116-ficha-angell-hyuuga-hattori
Gestão de Fichas : https://www.narutorpgakatsuki.net
Conteúdo patrocinado
Design visual (Estrutura, Imagens e Vídeos) por Dorian Havilliard. Códigos por Akeido