NOVIDADES
Atividades Recentes
A LUZ DAS TREVAS
Arco 02
Ano 26 DG
Outono
Meses se passaram desde a missão de investigação ao Castelo da Lua, no País do Vento, que culminou na Batalha da Lua Minguante. Soramaru, o cientista responsável pelos experimentos, morreu em combate, assim como outros ninjas do lado da aliança. Após a missão ser bem-sucedida, mas carregando tantas mortes, Karma, o líder da missão, ficou responsável por relatar às nações o máximo de informações sobre a organização por trás dos crimes agora que estava com o selo enfraquecido e com isso ele revelou o verdadeiro nome dela: Bōryokudan. Ainda não tendo como fornecer mais detalhes, pois o selo se manteve, e precisando de mais pistas antes de investir novamente em uma missão, Karma saiu em missão em nome das Quatro Nações para encontrar o paradeiro dos demais membros da organização — e sua primeira desconfiança recaiu sobre Kumo.

O mundo, no entanto, mudou nestes últimos meses. Os Filhos das Nuvens concluíram a missão de extermínio aos antigos ninjas da vila e implementaram um novo sistema político em Kumo ao se proclamarem o Shōgun sobre as ordens não de um pai, mas do Tennō; e assim ela se manteve mais fechada do que nunca. Em Konoha a situação ficou complicada após a morte de Chokorabu ao que parece estar levando a vila ao estado de uma guerra civil envolvendo dois clãs como pivôs. Suna tem visto uma movimentação popular contra a atual liderança da vila após o fracasso em trazer a glória prometida ao país. Já em Kiri a troca de Mizukage e a morte de ninjas importantes desestabilizaram a política interna e externa da vila. E em Iwa cada dia mais a Resistência vai se tornando popular entre os civis que estão cansados demais da fraqueza do poderio militar ninja. Quem está se aproveitando destes pequenos caos parece ser as famílias do submundo, cada vez mais presentes e usando o exílio de inúmeros criminosos para Kayabuki como forma de recrutar um exército cada vez maior.

E distante dos olhares mundanos o líder da Bōryokudan, Gyangu-sama, se incomoda com os passos de Karma.
... clique aqui para saber mais informações
SHION
SHION#7417
Shion é o fundador do RPG Akatsuki, tendo ingressado no projeto em 2010. Em 2015, ele se afastou da administração para focar em marketing e finanças, mas retornou em 2019 para reassumir a liderança da equipe, com foco na gestão de staff, criação de eventos e marketing. Em 2023, Shion encerrou sua participação nos arcos, mas continua trabalhando no desenvolvimento de sistemas e no marketing do RPG. Sua frase inspiradora é "Meu objetivo não é agradar os outros, mas fazer o meu trabalho bem feito", refletindo sua abordagem profissional e comprometimento em manter a qualidade do projeto.
Angell
ANGELL#3815
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Indra
INDRA#6662
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Wolf
Wolf#9564
Wolf é jogador do NRPGA desde fevereiro de 2020, tendo encontrado o fórum por meio de amigos, afastando-se em dezembro do mesmo ano, mas retornando em janeiro de 2022. É jogador de RPG desde 2012, embora seu primeiro fórum tenha sido o Akatsuki. Atua como moderador desde a passagem anterior, se dedicando as funções até se tornar administrador em outubro de 2022. Fora do RPG cursa a faculdade de Direito, quase em sua conclusão, bem como tem grande interesse por futebol, sendo um flamenguista doente.
Mako
gogunnn#6051
Mako é membro do Naruto RPG Akatsuki desde meados de 2012. Seu interesse por um ambiente de diversão e melhorias ao sistema o levou a ser membro da Staff pouco tempo depois. É o responsável pela criação do sistema em vigor desde 2016, tendo trabalhado na manutenção dele até 2021, quando precisou de uma breve pausa por questões pessoais. Dois anos depois, Mako volta ao Naruto RPG Akatsuki como Game Master, retornando a posição de Desenvolvedor de Sistema. E ainda mantém uma carreira como escritor de ficção e editor de livros fora do RPG, além de ser bacharel em psicologia. Seu maior objetivo como GM é criar um ambiente saudável e um jogo cada vez mais divertido para o público.
Akeido
Akeido#1291
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
Havilliard
Havilliard#3423
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
HALL DA FAMA
TOP Premiums
Torne-se um Premium!
1º Lugar
Starfox
2º Lugar
Kurt Barlow
3º Lugar
Zireael
1º Lugar
Ranni
2º Lugar
Hemumu
3º Lugar
Raves
Os membros mais ativos do mês
Angell
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
703 Mensagens - 38%
Shion
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
201 Mensagens - 11%
Ranni
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
160 Mensagens - 9%
Nan
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
135 Mensagens - 7%
Mako
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
133 Mensagens - 7%
Kaguya
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
126 Mensagens - 7%
Hemumu
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
112 Mensagens - 6%
Zero
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
98 Mensagens - 5%
Summer
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
97 Mensagens - 5%
Chazer
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
77 Mensagens - 4%

Os membros mais ativos da semana
Angell
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
166 Mensagens - 30%
Ranni
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
57 Mensagens - 10%
Shion
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
56 Mensagens - 10%
Hemumu
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
54 Mensagens - 10%
Kaguya
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
45 Mensagens - 8%
Nan
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
44 Mensagens - 8%
Zero
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
43 Mensagens - 8%
Summer
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
38 Mensagens - 7%
Chazer
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
30 Mensagens - 5%
Majinboo
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_lcap[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Voting_bar[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Vote_rcap 
24 Mensagens - 4%


Mere
Heroína
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
1
Allannia Grey

HP:2725/2725
CH:7400/7400
ST:00/07
XX:000/000
Células:2250/2250
A noite de inverno era implacável, com o vento cortante soprando pelas ruas estreitas de Iwagakure. Allannia Grey, disfarçando as orelhas infames através do Henge no Jutsu, caminhava furtivamente em meio às sombras, acompanhada silenciosamente por Rauros, sua leoa leal. Embora fosse sorrateira, o tamanho avantajado da felina requisitou que ela permanecesse afastada, por mais que fosse nas redondezas. O coração da Grey pulsava ansiosamente, e o peso de suas dificuldades passadas a assombrava a cada passo. Ela se sentia constrangida por ter se rebaixado tanto.

Após uma jornada árdua mediante ao tapete invernal que cobria seus pés na estação de seu aniversário, ela finalmente chegou à modesta tecelagem  que serviria como um refúgio temporário. Uma luz fraca emanava da pequena janela da oficina, indicando que o local ainda estava ativo, apesar da hora avançada. Allannia aproximou-se da porta dos fundos, mas antes que pudesse bater, esta se abriu bruscamente, revelando um casal de idosos acolhedor e um jovem de cabelos escuros, por volta dos seus 16 anos, cujos olhos desdenhosos pareciam examiná-la de cima a baixo.

O senhor idoso, com sua postura nobre e voz gentil, deu as boas-vindas: "
— Boa noite, jovem viajante. Vejo que deseja um lugar para se abrigar — o homem era um sujeito de constituição forte, embora a varíola marcasse seu rosto e uma enorme cicatriz tomasse conta do braço direito, se estendendo até a mão com três dedos faltosos.
Allannia assentiu, timidamente, escondendo suas preocupações atrás de um sorriso ameno

— Sim, é verdade. Fui informada de que talvez pudesse encontrar um lugar aqui para passar a noite.

— Claro, querida. Sinta-se à vontade para entrar e descansar. O frio desta noite é implacável — a matriarca, graciosa mesmo em idade avançada, aparentava ser mais jovem do que era, exibindo um enorme grau de conservação. Seus olhos divertidos, contudo, divergiam entre uma singela desconfiança. Ela parecia reconhecer a visitante, e se não fosse o disfarce efetuado em suas orelhas, talvez ela conseguisse concluir seu raciocínio — Você me parece familiar, jovem. Qual o seu nome? — a veterana indagou-lhe, gentilmente.

— Maruna! Maruna Winter — Allannia elaborou um nome o mais rápido que pôde, sorrindo-lhe nervosa.

— Oh. Se a nomearam assim, talvez seja a estação de seu nome, então. Congratulações, uma pena que não tenhamos muito a oferecer... — ela começou, conduzindo a Grey até a sua morada.

O quarteto seguiu para dentro da tecelagem, sendo cobertos pelo calor acolhedor da lareira e os sons suaves dos teares em atividade. Porém, assim que adentraram o local, o jovem de 16 anos, filho do casal, começou a demonstrar sua rudeza e indiscrição.

— Por que aceitaram essa mulher estranha? — ele resmungou para seus pais, com uma expressão desdenhosa que não passou despercebida por Allannia.

Os idosos tentaram repreendê-lo discretamente, mas o jovem continuou:
— Por que ela está vestida assim? Parece uma forasteira deslocada. Uma puta, de certo.

Allannia conteve sua irritação, lembrando-se de que estava sob um disfarce, e tentou manter a compostura.

— Sou apenas uma viajante, buscando abrigo para a noite. Não pretendo causar problemas.

O jovem franziu o cenho e revirou os olhos, deixando claro que suas atitudes rudes não eram dirigidas apenas à estranha visitante, mas também eram uma expressão de sua personalidade complicada.

Os idosos suspiraram, evidentemente envergonhados pelo comportamento do filho, e a senhora idosa se apressou em mudar de assunto, sugerindo que Allannia precisava descansar após sua jornada. Com um sorriso amável, ela conduziu a ex-Tsuchikage para os fundos da casa, onde havia um pequeno aposento improvisado que serviria como dormitório temporário.

Enquanto Allannia se acomodava, a senhora idosa expressou suas desculpas pelo comportamento de seu filho:

— Peço perdão pela falta de educação dele. Não é sempre assim, acredite. Ele pode ser... um pouco duro às vezes.

Allannia assentiu compreensiva, reconhecendo que a juventude muitas vezes trazia consigo desafios e altos e baixos.
— Não precisa se preocupar. Compreendo que a personalidade de cada pessoa é única.

Enquanto as palavras amáveis eram trocadas, o jovem de 16 anos espreitou furtivamente pela porta entreaberta, ouvindo a conversa sem o menor pudor. Allannia percebeu sua indiscrição e, por um momento, sentiu-se desconfortável, mas escolheu não confrontá-lo.

A noite avançava, e a ex-Tsuchikage e Rauros acomodaram-se em seus lugares improvisados, encontrando certo conforto mesmo em meio às adversidades. Allannia sabia que a situação temporária poderia não ser ideal, mas a hospitalidade dos idosos e a chama de esperança que acendia em seus corações eram um bálsamo para suas preocupações.

Enquanto o silêncio envolvia o aposento, Allannia podia ouvir os murmúrios abafados do jovem do lado de fora, discutindo com seus pais sobre a visita inesperada. A elfa percebeu que, apesar de sua fachada ríspida, ele não era indiferente à presença dela. Talvez houvesse mais a descobrir por trás daquele casco de rudeza e desagrado.

Com o coração pesado, Allannia encarou a escuridão do quarto, sentindo-se grata por ter encontrado refúgio naquele ambiente humilde, mas ciente de que o verdadeiro desafio estava apenas começando. Aquela noite, cercada pelo tecer dos fios da esperança e da desconfiança, poderia ser o prenúncio de mudanças significativas em sua vida, à medida que ela desvendava os segredos ocultos daquela família peculiar.




























Rauros, a Leoa

HP: 1000/1000
CH: 1000/1000
ST: 00/05




Emme








”Aparência”:
”Trajes”:
”Allannia e Rauros”:
”Clã e Kekkei Genkai”:
”Equipamentos”:
”Qualidades e Defeitos”:
”Jutsus Utilizados/Ativos”:
”Databook”:
”considerações”:
”Links Comprobatórios”:
Sangue em Einchenwald
Proteja Einchenwald do insano Kenpachi
Formando
Tenha sua ficha de personagem aprovada.
Estudioso
Compre/treine três jutsus.
Um Pequeno Arsenal
Compre/treine três jutsus.
Primeiros Passos de um Ninja
Conclua sua primeira missão.
Meu Primeiro Ajudante
Obtenha sua primeira invocação.
Sangue Derramado
Vença seu primeiro PvP.
Falando em Ninjutsu...
Tenha 10 jutsus & complete cinco missões de profissão.
Meu Primeiro Evento Paralelo
Conclua seu primeiro evento paralelo.
Falando em Nintaijutsu...
Tenha um jutsu classificado como "nintaijutsu" de rank B ou superior.
Superando Minhas Fraquezas
Supere um defeito inato.
Vencendo Adversidades
Supere um defeito adquirido.
Um Poder só Meu
Adquira sua primeira Habilidade Secundária.
Conhecendo Outros Reinos
Visite o Continente Perdido.
Domínio Elemental
Compre/treine um jutsu classificado como "elemental" de rank B ou superior.
Eu Sou Sensei!
Forme uma equipe ou seja designado para ser sensei de uma equipe.
Boletos e Mais Boletos...
Alcance o nível máximo em sua profissão.
Mestre Elemental
Torne-se um mestre elemental.
Conquistando o Mundo
Conclua seu primeiro evento mundial.
Mais que Amigos, Friends!
Forme uma aliança com outro vilarejo.
Guardião da Vida
Salve um aliado da morte durante um evento mundial.
O(a) Doutor(a) Chegou!
Seja o suporte (curandeiro, sensor, etc.) do grupo durante um evento mundial.
Heroísmo
Conclua três eventos principais e/ou paralelos.
Eu Sou Kage!
Torne-se Meishu Kage.
Assim Está Bom
Não resete totalmente o personagem por um ano real (ou seja, em OFFgame).
Mere
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79206-fp-allannia-grey#631999
Gestão de Fichas : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79210-gf-allannia-grey
Mere
Heroína
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
2
Allannia Grey

HP:2725/2725
CH:7400/7400
ST:00/07
XX:000/000
Células:2250/2250
Allannia despertou em sua cama improvisada, embora estranhamente confortável. O colchão rígido e áspero acolhiam sua silhueta de forma acalentada, uma experiência proporcionada pela colcha macia. Deslizou vagarosamente o cobertor de algodão, grata por tê-lo diante da premissa de suprimir o frio invernal de seu vilarejo, por mais que não fosse dos mais severos. Os lábios rosados deram vazão para um suspiro suave, sentindo a falta de Rauros, mas ciente de que seja onde ela estivesse, estaria bem. Seus dedos teriam buscado a soltura de seu cropped, mas antes que pudesse concluir seu intento, ouviu o rangido da porta arrojando-se pelo piso amadeirado da residência de maneira abrupta.

Ohayo! Acho que ainda não nos apresentamos. Qual o seu nome? — a Grey questionou o jovem que teria vindo ao seu encontro, percebendo em sua expressão facial um desgosto autêntico em estar tendo aquele diálogo com a mesma.

Não estou aqui por vontade própria. Minha mãe a chamou para seu quarto, parece que ela quer conversar com você sobre algo. Não é do meu interesse, então não antecipe respostas, pois não saberei dizer. Vim deixar o seu café da manhã, também. Coma e vá até ela — ele teria dito em seu tom habitualmente hostil.

Obrigada, eu acho — Allannia coçou a nuca, constrangida com o tratamento desagradável que estava recebendo por parte do adolescente. Normalmente ela questionaria tais atitudes, mas dadas as circunstâncias, preferiu guardar os comentários para si — Assim que eu quebrar o jejum, irei ao encontro dela. Pode deixar a bandeja comigo.

O rapaz assentiu, e por fim, após cumprir o seu papel, partiu em passos largos. Allannia bocejou, levando o café da manhã para a sua cama. Era um “gohan” simples, branco como a neve invernal. O acompanhamento era a clássica sopa de missô, um dos seus favoritos, com pelo menos duas bananas como sobremesa. Poderia desfrutar de um leite quente de cabra das montanhas, e alguns petiscos de queijo. A Grey, surpresa que uma família tão modesta pudesse proporcionar uma refeição tão saborosa, lambeu os beiços. Não tardou para que ela devorasse tudo sem sequer pestanejar.

(...)

O quarto do casal era espaçoso, talvez o maior cômodo da residência, com exceção da Sala de Estar. Timidamente, a Grey anunciou sua chegada. A veterana estava organizando alguns tecidos, retirados de um caixote empoeirado. As vestes foram guardadas com zelo por bastante tempo, mas não pareciam antigas. Se pertenceram outrora para a matriarca da família, estavam num estado admirável de conservação. Analisou as proporções, percebendo que a proprietária teria de ter uma cintura extremamente fina para que estivesse apta para usá-los. Um corpo delgado e delicado, algo que era incapaz de observar na mulher. Era uma mulher de boas formas, mesmo em idade avançada.

Nunca vi vestidos tão incríveis. São seus? — Allannia questionou-lhe, maravilhada.

Sim, todos eles. Mas não deveriam.  Eram presentes para alguém, mas ela nunca olhou para nós da periferia do mesmo modo que olhamos para ela daqui — a veterana comentou, num tom tão amargo quanto triste — Deveriam ter sido entregues para a Sandaime Tsuchikage, mas ela nunca veio pessoalmente para cá. Bem, até veio, mas estávamos sob ataque de seres albinos e estranhos. Sou muito grata por tudo que ela fez para nós, nunca vivemos um período tão próspero e de tanta paz, mas sempre a vi distante. Uma pena que as coisas tenham sido do jeito que foram — o sorriso amarelo da idosa partiu seu coração, mas dissimulada como era, mesmo sendo a responsável por aquilo, a elfa manteve sua honra incólume, como sempre.

Kages sempre são um pouco distantes, não é? Também queria ter tido mais atenção de um grande líder no passado, mas ele sempre parecia ocupado demais. Deve ser parte da vida deles, eu acho — Allannia deu os ombros, sorrindo de maneira tão inocente que até parecia verdade. E talvez até fosse, caso estivesse relembrando um homem ilustre de um passado não tão distante — O que fará com essas roupas?

Ora. Se a mulher que deveria ser dona deles desde sempre está aqui, para quem mais que eles deveriam ir? — a idosa inclinou a cabeça, modulando a expressão para um deboche autêntico — Não somos idiotas, Allannia-sama. Soubemos desde o princípio que você era uma farsa. Eu consegui ver em seus olhos quem você realmente era, e mesmo que assim não fosse, já fui uma Kunoichi um dia. Eu e meu marido éramos Jōnin quando tu eras apenas uma mocinha. Conheci sua mãe, tão formosa quanto a filha. Sempre encomendava meus vestidos. Fico feliz de ter sido capaz de agradá-la, Allannia-sama, tal como agradei Allannys-san um dia — a prateada sentiu o toque suave da mais velha em seu ombro, e então estremeceu.

Allannia tardou para emitir qualquer som, permanecendo estática por minuto que pareceu-lhe interminável. O coração palpitando enfatizava quão envergonhada estava, e as bochechas coradas denunciavam a má conduta que a levou até àquele ponto. Encostou a cabeça no ombro da mais velha, permitindo-se ser acolhida pelo abraço maternal desta. As carícias em seu cabelo, e a forma gentil como estava sendo tratada, apesar de tudo, recordou-lhe da presença maternal tão ausente em sua vida.

Eu...

Não precisa dizer nada, querida. Nem se explicar. Deve ser vergonhoso precisar esconder quem é, ou estar passando dificuldades. Saiba que aqui terá um lar por quanto tempo precisar, e se tiver algum segredo que queira guardar, morrerá aqui, conosco. Asseguro-lhe em nome da minha família que nada será dito sobre sua estadia aqui, nem hoje e nem nos dias que virão. É uma promessa — a veterana se afastou, e a Grey se recompôs, emocionada.

Eu quero agradecê-la de alguma forma, mas não tenho sequer dinheiro para passar a noite num cubículo. Se houver algo que eu puder fazer, em meu nome e no de minha mãe...

Há algo, sim. E foi por esse mesmo motivo que fiquei tão feliz em tê-la aqui. Como pode ver, eu já estou velha e acabada, tenho minhas dúvidas se serei capaz de sobreviver por tempo o bastante para ver meu filho crescer. Eu e meu marido temos um legado como tecelões deste vilarejo, mas nunca fomos capazes de expôr nosso trabalho aos outros. A vila sempre teve pretensões militares assíduas, e maioria das requisições para nosso ateliê envolvem coletes e trajes uniformizados. Nossa paixão nunca foi exposta ao mundo da forma como queríamos que fosse, e sequer consigo sentir isso por parte do Genji. Quero que você seja minha sucessora. Eu serei sua mestra.































Rauros, a Leoa

HP: 1000/1000
CH: 1000/1000
ST: 00/05




Emme








”Aparência”:
”Trajes”:
”Allannia e Rauros”:
”Clã e Kekkei Genkai”:
”Equipamentos”:
”Qualidades e Defeitos”:
”Jutsus Utilizados/Ativos”:
”Databook”:
”considerações”:
”Links Comprobatórios”:
Sangue em Einchenwald
Proteja Einchenwald do insano Kenpachi
Formando
Tenha sua ficha de personagem aprovada.
Estudioso
Compre/treine três jutsus.
Um Pequeno Arsenal
Compre/treine três jutsus.
Primeiros Passos de um Ninja
Conclua sua primeira missão.
Meu Primeiro Ajudante
Obtenha sua primeira invocação.
Sangue Derramado
Vença seu primeiro PvP.
Falando em Ninjutsu...
Tenha 10 jutsus & complete cinco missões de profissão.
Meu Primeiro Evento Paralelo
Conclua seu primeiro evento paralelo.
Falando em Nintaijutsu...
Tenha um jutsu classificado como "nintaijutsu" de rank B ou superior.
Superando Minhas Fraquezas
Supere um defeito inato.
Vencendo Adversidades
Supere um defeito adquirido.
Um Poder só Meu
Adquira sua primeira Habilidade Secundária.
Conhecendo Outros Reinos
Visite o Continente Perdido.
Domínio Elemental
Compre/treine um jutsu classificado como "elemental" de rank B ou superior.
Eu Sou Sensei!
Forme uma equipe ou seja designado para ser sensei de uma equipe.
Boletos e Mais Boletos...
Alcance o nível máximo em sua profissão.
Mestre Elemental
Torne-se um mestre elemental.
Conquistando o Mundo
Conclua seu primeiro evento mundial.
Mais que Amigos, Friends!
Forme uma aliança com outro vilarejo.
Guardião da Vida
Salve um aliado da morte durante um evento mundial.
O(a) Doutor(a) Chegou!
Seja o suporte (curandeiro, sensor, etc.) do grupo durante um evento mundial.
Heroísmo
Conclua três eventos principais e/ou paralelos.
Eu Sou Kage!
Torne-se Meishu Kage.
Assim Está Bom
Não resete totalmente o personagem por um ano real (ou seja, em OFFgame).
Mere
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79206-fp-allannia-grey#631999
Gestão de Fichas : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79210-gf-allannia-grey
Mere
Heroína
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
3
Allannia Grey

HP:2725/2725
CH:7400/7400
ST:00/07
XX:000/000
Células:2250/2250
Allannia Grey aceitou a oferta da matriarca e decidiu ficar na tecelagem para aprender as habilidades da tecelã. Era uma decisão que a levou para um caminho inesperado, afastando-se temporariamente das aventuras e da liderança que haviam definido sua vida até então. Ela estava determinada a mergulhar de cabeça nessa nova jornada, abraçando a oportunidade de aprender uma arte completamente diferente.

Os dias na tecelagem passaram lentamente, mas com um ritmo calmo e reconfortante. Allannia mergulhou de cabeça no aprendizado, absorvendo cada detalhe das técnicas de tecelagem que a matriarca lhe ensinava. Ela descobriu a delicadeza e a precisão necessárias para entrelaçar os fios, criando padrões complexos e belos.

Cada dia começava com a rotina da tecelagem. Allannia sentia a textura áspera dos fios em suas mãos, a sensação deles deslizando entre seus dedos enquanto ela os entrelaçava cuidadosamente. A paciência tornou-se sua aliada, já que o processo exigia tempo e dedicação. Ela aprendeu a escolher as cores certas, a manter a tensão adequada nos fios e a criar padrões harmoniosos que contassem histórias por si mesmos.

Com o passar do tempo, Allannia começou a criar suas próprias peças. Cada obra era única, refletindo sua visão pessoal e suas experiências de vida. Ela criou tapeçarias que retratavam cenas de suas viagens, padrões que simbolizavam seus desafios e vitórias, e até mesmo roupas que mesclavam tradição e inovação. Cada peça era um pedaço dela mesma, imortalizado em fios coloridos.

Enquanto aprendia a arte da tecelagem, Allannia também mergulhava nas histórias da família. Ela ouvia atentamente as narrativas da matriarca sobre as gerações passadas de tecelões, sobre os desafios que enfrentaram e as alegrias que encontraram em seu ofício. Ela compartilhava momentos de risos e lágrimas com a família, criando laços mais profundos e genuínos a cada dia.

O jovem de cabelos escuros, que inicialmente a tratara com hostilidade, começou a se aproximar de Allannia. Ele mostrou interesse em suas histórias de aventura e liderança, e ela, por sua vez, compartilhou suas experiências como líder e sua busca pelo artefato antigo. A relação entre eles evoluiu de um começo tumultuado para uma amizade verdadeira, baseada no respeito mútuo e na compreensão.

Allannia também descobriu o significado de encontrar beleza nas pequenas coisas. Ela apreciava a sensação de criar algo com as próprias mãos, de transformar fios em arte. A paciência e a dedicação que a tecelagem exigia a ajudaram a encontrar um senso de paz interior, uma pausa em sua jornada agitada.

Enquanto as estações mudavam, Allannia continuou a aperfeiçoar suas habilidades. Seus trabalhos tornaram-se mais complexos e sofisticados, refletindo sua evolução como tecelã. Ela descobriu a importância de preservar as tradições, mas também de explorar novas possibilidades e experimentar com diferentes técnicas.

Com o tempo, a tecelagem se tornou mais do que uma habilidade para Allannia; tornou-se uma forma de expressão e uma parte integral de sua identidade. Ela percebeu que podia contar histórias através dos fios, transmitir emoções e pensamentos de maneira única. Cada peça que ela criava carregava consigo uma parte dela, uma parte de sua jornada.

Enquanto Allannia continuava sua jornada como tecelã, ela sabia que seu passado como líder e aventureira ainda a definiam. No entanto, ela também havia encontrado um novo propósito, um novo caminho que a permitia explorar sua criatividade e se conectar com as histórias das pessoas de uma maneira diferente. Ela estava grata por ter encontrado refúgio naquela modesta tecelagem, por ter conhecido a família que a acolhera e por ter descoberto um novo significado na arte de entrelaçar fios.

E assim, Allannia Grey continuou sua jornada, não como uma líder de vila, mas como uma tecelã que transmitia histórias e emoções através de suas criações. Cada tapeçaria que ela criava era um testemunho de sua jornada pessoal, um reflexo de suas experiências e uma forma de compartilhar sua essência com o mundo. Enquanto a vida seguia seu curso, ela sabia que a tecelagem seria sua âncora, sua fonte de inspiração e sua conexão com um novo lar e uma nova família.

À medida que o tempo avançava, Allannia mergulhava cada vez mais fundo na arte da tecelagem. A matriarca se tornou sua mentora, guiando-a pacientemente através de técnicas mais complexas e desafiadoras. Cada dia trazia consigo uma nova lição, uma nova descoberta, e Allannia absorvia tudo com dedicação e entusiasmo.

As manhãs na tecelagem começavam com o suave farfalhar dos fios, um som que se tornou tão familiar quanto as batidas do próprio coração de Allannia. Ela se sentava diante do tear, concentrando-se em cada movimento, em cada escolha de cor e textura. O processo se tornou uma meditação, uma maneira de se conectar com seu eu interior e com a arte que estava criando. Era apenas um começo, e ela sabia disso.


























Rauros, a Leoa

HP: 1000/1000
CH: 1000/1000
ST: 00/05




Emme








”Aparência”:
”Trajes”:
”Allannia e Rauros”:
”Clã e Kekkei Genkai”:
”Equipamentos”:
”Qualidades e Defeitos”:
”Jutsus Utilizados/Ativos”:
”Databook”:
”considerações”:
”Links Comprobatórios”:
Sangue em Einchenwald
Proteja Einchenwald do insano Kenpachi
Formando
Tenha sua ficha de personagem aprovada.
Estudioso
Compre/treine três jutsus.
Um Pequeno Arsenal
Compre/treine três jutsus.
Primeiros Passos de um Ninja
Conclua sua primeira missão.
Meu Primeiro Ajudante
Obtenha sua primeira invocação.
Sangue Derramado
Vença seu primeiro PvP.
Falando em Ninjutsu...
Tenha 10 jutsus & complete cinco missões de profissão.
Meu Primeiro Evento Paralelo
Conclua seu primeiro evento paralelo.
Falando em Nintaijutsu...
Tenha um jutsu classificado como "nintaijutsu" de rank B ou superior.
Superando Minhas Fraquezas
Supere um defeito inato.
Vencendo Adversidades
Supere um defeito adquirido.
Um Poder só Meu
Adquira sua primeira Habilidade Secundária.
Conhecendo Outros Reinos
Visite o Continente Perdido.
Domínio Elemental
Compre/treine um jutsu classificado como "elemental" de rank B ou superior.
Eu Sou Sensei!
Forme uma equipe ou seja designado para ser sensei de uma equipe.
Boletos e Mais Boletos...
Alcance o nível máximo em sua profissão.
Mestre Elemental
Torne-se um mestre elemental.
Conquistando o Mundo
Conclua seu primeiro evento mundial.
Mais que Amigos, Friends!
Forme uma aliança com outro vilarejo.
Guardião da Vida
Salve um aliado da morte durante um evento mundial.
O(a) Doutor(a) Chegou!
Seja o suporte (curandeiro, sensor, etc.) do grupo durante um evento mundial.
Heroísmo
Conclua três eventos principais e/ou paralelos.
Eu Sou Kage!
Torne-se Meishu Kage.
Assim Está Bom
Não resete totalmente o personagem por um ano real (ou seja, em OFFgame).
Mere
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79206-fp-allannia-grey#631999
Gestão de Fichas : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79210-gf-allannia-grey
Mere
Heroína
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
4
Allannia Grey

HP:2725/2725
CH:7400/7400
ST:00/07
XX:000/000
Células:2250/2250
Esforço nem sempre era recompensado.
”+18 em razão da cena descrita abordar uma temática imprópria para outros públicos”:

Allannia já estava ligeiramente bêbada naquela altura, mesmo que fosse trabalhar no dia seguinte, mas prederiu usufruir de sua bebida protegida com unhas e dentes das restrições promulgadas pela matriarca daquela família, apoiada no seu colega noturno naquele instante. Ele trajava um pijama de algodão, estampado e praticamente infantil, e apesar da proximidade dos dois, o clima era respeitoso, mesmo que fosse a contragosto da parte masculina. Era notório que, se alguma situação controversa ocorresse, a ex-Sandaime Tsuchikage ainda conseguiria reagir diante de um rapaz inexperiente.

Você já se sentiu preso numa situação que não diz nada sobre você mesmo, Genji-kun? — os olhos azulados da veterana focavam no teto daquele quarto, mantendo em mãos a garrafa praticamente vazia — Eu me sinto assim quando penso que permito que todos decidam por mim, independente de quantas vezes eu diga que quero ser livre e independente. Sou controlada por pessoas e situações. E me forço a gostar das coisas por ser patética e inútil.

Eu sou herdeiro dessa pequena tecelagem, e me induzem a querer tocar os negócios da família, mesmo não sendo do meu interesse. Então, acho que a entendo muito bem — ouviu a risada baixinha dele, e o suspiro amargo que a sucedeu — Também entendo o que é precisar de um vício para me saciar. Como você bem sabe, eu tenho um vício com “aquilo”. E não consigo parar. Pode parecer idiota, mas sempre estou com raiva quando não consigo ir para um lugar sossegado e me saciar. Eu odeio isso, mais do que me sentir imprestável e inconveniente, quanto a tudo que faço, penso e digo.

Eu estava com vontade de zombar disso, ou julgar essa merda, mas sinceramente, seria uma hipócrita se eu fizesse isso. É muito mais fácil só fingir que você é menos pior do que eu imaginava, e guardar meus comentários sinceros e desagradáveis pra mim — Allannia fez uma careta, virando-se para encarar o sujeito ao seu lado — Talvez eu esteja apenas bêbada, e minha mente traindo tudo que que represento e sou, mas acho até que no meio disso tudo podemos nos unir. Você e eu. Eu e você. Quem sabe não exista uma solução para isso tudo.

O que você quer dizer com isso tudo? Eu não estou entendendo muito bem... — a insegurança era nítida nos olhos do rapaz, e a respiração quente dela, somada com o seu hálito alcoólico, tornava os sentidos deste tão inebriados quanto.

Você é idiota ou só se faz? Use essa sua cabeça pra pensar um pouco, ou você só sabe usar as mãos? — a convicção da Grey era intensa, e o sorriso malicioso dela era repleto de significados — Vamos mandar o seu pai e a sua mãe se foderem. Acabei de perceber que os dois são filhos da puta, e mesmo que não sejam, eu sou uma cretina. Pouco me importa se ajudaram quando mais precisei, e fui tutelada sob o teto de uma tecelã de elite desde então. Esse lugar é pequeno demais, e eu não gosto disso. Detesto que mandem em mim, e não vou continuar permitindo isso. Você também não queria tocar isso sozinho, e provavelmente sequer iria conseguir. Mas, se eu estiver ao seu lado apoiando tudo, e você estiver do meu fazendo o trabalho sujo, podemos fazer uma boa dupla — ela se aproximou mais, levando os lábios até o lóbulo da orelha direita deste — O que me diz? Podemos tirar tudo dos seus pais, e tomar conta dos negócios. Arruinar, trair e perturbar a prosperidade, confiança e paz deles. E eu prometo que no final de tudo, você será muito bem recompensado — ela mordeu o lábio inferior, proferindo os dizeres num tom dissimulado, modulando a voz em um teor autêntico de uma sedutora de quinta categoria.

Você é má, Allannia-sama. Muito má — ele sorriu, praticamente encantado após tudo que ela havia dito.

E você gosta disso, tenho certeza absoluta.

Posso gostar muito mais... — o movimento dele quase a pegou de surpresa, mas ela se virou rapidamente, saindo de seu alcance.

Quem sabe, não é? — ela levantou-se, elegante, bebendo os últimos resquícios do odre antes de largar a garrafa vazia na cama — Vá se preparando, começamos hoje. E se fizer direitinho, sobrará muito mais tempo para resolvermos as nossas pendências — Allannia piscou na direção de Genji, e gargalhando, ela vagarosamente se retirou do local.



























Rauros, a Leoa

HP: 1000/1000
CH: 1000/1000
ST: 00/05




Emme








”Aparência”:
”Trajes”:
”Allannia e Rauros”:
”Clã e Kekkei Genkai”:
”Equipamentos”:
”Qualidades e Defeitos”:
”Jutsus Utilizados/Ativos”:
”Databook”:
”considerações”:
”Links Comprobatórios”:
Sangue em Einchenwald
Proteja Einchenwald do insano Kenpachi
Formando
Tenha sua ficha de personagem aprovada.
Estudioso
Compre/treine três jutsus.
Um Pequeno Arsenal
Compre/treine três jutsus.
Primeiros Passos de um Ninja
Conclua sua primeira missão.
Meu Primeiro Ajudante
Obtenha sua primeira invocação.
Sangue Derramado
Vença seu primeiro PvP.
Falando em Ninjutsu...
Tenha 10 jutsus & complete cinco missões de profissão.
Meu Primeiro Evento Paralelo
Conclua seu primeiro evento paralelo.
Falando em Nintaijutsu...
Tenha um jutsu classificado como "nintaijutsu" de rank B ou superior.
Superando Minhas Fraquezas
Supere um defeito inato.
Vencendo Adversidades
Supere um defeito adquirido.
Um Poder só Meu
Adquira sua primeira Habilidade Secundária.
Conhecendo Outros Reinos
Visite o Continente Perdido.
Domínio Elemental
Compre/treine um jutsu classificado como "elemental" de rank B ou superior.
Eu Sou Sensei!
Forme uma equipe ou seja designado para ser sensei de uma equipe.
Boletos e Mais Boletos...
Alcance o nível máximo em sua profissão.
Mestre Elemental
Torne-se um mestre elemental.
Conquistando o Mundo
Conclua seu primeiro evento mundial.
Mais que Amigos, Friends!
Forme uma aliança com outro vilarejo.
Guardião da Vida
Salve um aliado da morte durante um evento mundial.
O(a) Doutor(a) Chegou!
Seja o suporte (curandeiro, sensor, etc.) do grupo durante um evento mundial.
Heroísmo
Conclua três eventos principais e/ou paralelos.
Eu Sou Kage!
Torne-se Meishu Kage.
Assim Está Bom
Não resete totalmente o personagem por um ano real (ou seja, em OFFgame).
Mere
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79206-fp-allannia-grey#631999
Gestão de Fichas : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79210-gf-allannia-grey
Mere
Heroína
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] AnitaPereira681.128.790535
5
Allannia Grey

HP:2725/2725
CH:7400/7400
ST:01/07
XX:000/000
Células:2250/2250
O efeito do álcool ainda afetava Allannia, embargando os seus sentidos e provocando dores em sua cabeça. A Grey estava no meio de seus afazeres, preparando os mesmos uniformes militares e muito raramente vestidos e trajes formais, iguarias que eram comercializadas a preços altíssimos para a elite do vilarejo: geralmente indivíduos atrelados ao Daimyō, como concubinas ou seus parentes diretos. Na condição de meros soldados, os shinobi raramente possuíam o direito de se vestir livremente, um benefício exclusivo da aristocracia.

A moda não era algo presente na cultura local, e dificilmente seria, se ninguém agisse de uma forma menos segregacionista em relação às castas sociais. Embora pudesse ser taxada como vil e perversa ao projetar a derrocada de tais estigmas, ela se sentia na necessidade de atuar como precursora da maior revolução estética mundial dos últimos anos. Encantada pelo mundo que estava desbravando naquela tecelagem, ela planejava fazer diferente. Pela primeira vez, era queria começar o processo ambicioso de liberdade que tanto estipulava em sua mente.

Vagarosamente, a Grey aproveitou-se de uma distração da sua mentora, buscando em seus aposentos particulares os documentos cruciais para o início de sua alavancada. A família possuía inúmeros contatos, acordos e desenhos de coleções exclusivos para a produção familiar, sendo o coração produtivo do estabelecimento. Ciente de que, caso conseguisse obter posse da papelada, seria muito mais simples assumir completamente a dianteira do negócio. Allannia estava em uma das tecelagens mais antigas de seu vilarejo, e se ela quisesse conquistar o mundo, o primeiro passo deveria ser derrubar sua concorrência local.

A prateada passou pelo menos trinta minutos vasculhando todos os cômodos do quarto, em busca do que precisava. Era um plano ambicioso, e somente o efeito do álcool a tornava capaz de inibir qualquer traço de moralidade, prosseguindo com as amargas decisões sem remorso algum. A persistência da Grey a levaria até os objetos de seu desejo, recolhendo o caixote na qual deveria haver todas as informações desejadas. Sequer se preocupou em conferir se estava tudo certo; ela não possuía tempo a perder.

Enquanto ela atuava desta forma, o seu cúmplice sabotava as máquinas têxteis utilizadas nas operações diárias. Os depósitos de mercadorias eram todos incendiados secretamente, iniciando breves focos flamejantes que rapidamente iriam se expandir em uma completa destruição do capital de uma vida daquela família. Allannia não sabia o que deveria estar sentindo ao atuar desta forma, mas ela possuía uma certeza: iria até o final, independentemente do que fosse acontecer a partir daquele ponto.

Os dois se encontraram novamente no centro da residência, onde trocaram rápidos olhares. Era um comando simplista, cujo qual confirmava o sucesso de suas operações. A dupla conseguia sentir ao longe o odor desagradável que vinha do sótão, e o barulho ensurdecedor das máquinas despertou na matriarca da família certa preocupação. Ela teve tempo somente de vislumbrar a elfa segurando a mão de seu amado filho e saltando para fora da janela, momentos antes da explosão que se sucedeu.

Allannia era uma kunoichi, apesar de tudo, e com Genji em seus braços ela pousou com perfeição fora do alcance da explosão, certificando-se de minimizar o efeito de qualquer impacto. Relativamente habilidoso no Taijutsu, e consideravelmente veloz, ela teria saído do ambiente ameaçador em tempo hábil, caindo por cima da neve e das plantas que circundavam a área afetada. Ainda teriam tido algum tempo para se afastar de maneira apropriada, pois como não possuíam formas seguras de cronometrar a operação, eles simplesmente se guiaram pelos planos previamente acordados.

O objetivo deles era simplesmente destruir toda a tecelagem de uma forma que não parecesse um incêndio criminoso, danificando os equipamentos e iniciando focos de incêndios a partir de fontes Maia discretas, como cigarros, de tal modo que aparentasse se tratar de um mero acidente independente de quem fosse fazer a perícia da circunstância. A anfitriã, mirada na operação, provavelmente seria engolfada pelas chamas, vitimada pelo próprio fruto de seus esforços. Havia restado somente a caixa de madeira na qual supostamente deveriam haver as informações confidenciais acerca do negócio, e todos os segredos que interessavam para os seus próximos passos.

Rauros, a Leoa ausente em maioria de sua curta estadia no recinto, teria presenciado ao longe a explosão ocorrida. Preocupada, ela se aproximaria da dupla, após farejar a presença de sua proprietária, ligeiramente furiosa. Allannia, fascinada pelas chamas que haviam decretado a destruição de uma potencial rival, sequer se preocupou. Meramente se limitou a afagar a pelugem da albina, e ouviu de maneira despretensiosa suas alegações:

Onde você estava com a cabeça, Allannia? Conhecendo seus métodos, isso só pode ter sido coisa sua. Tudo foi parar nos ares! — a felina rosnou, impaciente com a possível conduta criminosa de sua humana.

Eu? Não sei do que você está falando... ela ainda estava lá, Rauros. Talvez esteja morta. A mulher que me acolheu. Morta...— por dentro a elfa queria gargalhar, mas seus olhos marejados por lágrimas falsas delineavam o teor horrorizado de seu semblante dissimulado — Ajuda... Precisam fazer alguma coisa!

Precisava mesmo ser assim? — Genji teria perguntado, num murmúrio ao seu lado, mas a Grey, inconsolável, teria avançado num abraço afetuoso na direção do adolescente assustado.

Um terrível acidente, não é? Uma fatalidade. Deve estar doendo muito. Não faz mal chorar. Não faz — ela se afastou ligeiramente, segurando o rapaz pelos ombros e encarando profundamente sua face com os olhos azulados — Pode contar comigo para qualquer coisa a partir de agora, eu tenho certeza que onde quer que ela esteja, iria querer que fosse assim. Você e eu estamos juntos nessa, para sempre — e num último abraço, o lábio da Jōnin teria encostado no lóbulo do jovem, sussurrando as palavras que atravessavam seu coração — Meu cúmplice.

O aprendizado havia sido parte do processo para a Grey, diariamente aprendendo sobre a natureza da tecelagem e as condições previamente impostas aos indivíduos que nasciam nos feudos aonde estavam. Elitismo, Desigualdade e Concorrência era a tripla trindade que fazia parte do código crucial dos tecelões. Mas ela não queria perpetuar os fatores que atormentavam aqueles indivíduos até então. Se houvessem elites, seriam desbancadas. Se existisse desigualdade, seria inclinada para uma posição forçada de equidade. E, se numa máxima, alguém se atravesse a iniciar uma concorrência, seriam destruídos. Allannia era única, portanto, todos em seu caminho deveriam ser destroçados. Era como ela via o mundo dos negócios, e da moda.

Já pode parar de me abraçar, antes que “ele” acabe se animando. Você não vai gostar se eu te espetar — o sujeito teria dito, constrangido.

Poupe-me de suas piadas desagradáveis, imbecil — ela se afastou, alterando quase que imediatamente o seu semblante. Os populares aos poucos começavam a se reunir, assistindo as chamas ao longe no ambiente nevado em que se encontravam.

Usando somente sua força física apurada, a Grey teria aberto o caixote, trazendo para o mundo verdades ocultas por aquela família há algum tempo. Haviam inúmeros papéis, mas nenhum deles conduziam para o que desejava. Encontrou um mapa, alguns papéis avulsos, cartões informativos e endereços, dentre os quais, os de um orfanato. Intrigada, a sua face denunciava que havia algo de errado naquilo tudo.

O que foi? Essa é a caixa errada? Tudo o que fizemos foi em vão? — o murmúrio engasgado dele era quase incômodo.

Não. Mas eu queria que fosse. Você realmente conhecia seus pais?

(...)




























Rauros, a Leoa

HP: 1000/1000
CH: 1000/1000
ST: 00/05




Emme








”Aparência”:
”Trajes”:
”Allannia e Rauros”:
”Clã e Kekkei Genkai”:
”Equipamentos”:
”Qualidades e Defeitos”:
”Jutsus Utilizados/Ativos”:
”Databook”:
”considerações”:
”Links Comprobatórios”:
Sangue em Einchenwald
Proteja Einchenwald do insano Kenpachi
Formando
Tenha sua ficha de personagem aprovada.
Estudioso
Compre/treine três jutsus.
Um Pequeno Arsenal
Compre/treine três jutsus.
Primeiros Passos de um Ninja
Conclua sua primeira missão.
Meu Primeiro Ajudante
Obtenha sua primeira invocação.
Sangue Derramado
Vença seu primeiro PvP.
Falando em Ninjutsu...
Tenha 10 jutsus & complete cinco missões de profissão.
Meu Primeiro Evento Paralelo
Conclua seu primeiro evento paralelo.
Falando em Nintaijutsu...
Tenha um jutsu classificado como "nintaijutsu" de rank B ou superior.
Superando Minhas Fraquezas
Supere um defeito inato.
Vencendo Adversidades
Supere um defeito adquirido.
Um Poder só Meu
Adquira sua primeira Habilidade Secundária.
Conhecendo Outros Reinos
Visite o Continente Perdido.
Domínio Elemental
Compre/treine um jutsu classificado como "elemental" de rank B ou superior.
Eu Sou Sensei!
Forme uma equipe ou seja designado para ser sensei de uma equipe.
Boletos e Mais Boletos...
Alcance o nível máximo em sua profissão.
Mestre Elemental
Torne-se um mestre elemental.
Conquistando o Mundo
Conclua seu primeiro evento mundial.
Mais que Amigos, Friends!
Forme uma aliança com outro vilarejo.
Guardião da Vida
Salve um aliado da morte durante um evento mundial.
O(a) Doutor(a) Chegou!
Seja o suporte (curandeiro, sensor, etc.) do grupo durante um evento mundial.
Heroísmo
Conclua três eventos principais e/ou paralelos.
Eu Sou Kage!
Torne-se Meishu Kage.
Assim Está Bom
Não resete totalmente o personagem por um ano real (ou seja, em OFFgame).
Mere
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79206-fp-allannia-grey#631999
Gestão de Fichas : https://www.narutorpgakatsuki.net/t79210-gf-allannia-grey
Ku
Moderador
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] OxxAo3l
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] OxxAo3l
[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] FOTK2jY
doneAprovado

_______________________

[CENA]  Os teares da Pedra. [+18] Scre1755
Olá, Convidado, eu sou o .
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Conheça o Guia Shinobi e aprenda um pouco mais sobre o RPG!
Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
Ku
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Conteúdo patrocinado
Design visual (Estrutura, Imagens e Vídeos) por Dorian Havilliard. Códigos por Akeido