:: Área de Mudanças :: Centro de Melhorias :: Treinamentos de Fillers
O Dia Mais Claro
Arco 02
Ano 13 DG
Outono
Com o fim da guerra em Oto, o mundo estava se reajustando uma vez mais. Embora se vendo como inimigas, as Cinco Grandes Nações se reergueram novamente, cada uma à sua maneira. Suna e Iwa ainda se mantinham sem Kages, e em cada uma um conselho de alto nível foi formado. Em Kumo, Kagaya focou em deixar seus ninjas mais poderosos e passou a exigir deles ainda mais comprometimento em batalha. Kaden, mesmo emocionado com a difícil vitória, levou novas esperanças à sua vila, Konoha, e, aliviado pela renúncia de Kamata ao posto de Senhor Feudal, via na nova Senhora do Fogo uma forma de deixar tudo que aconteceu em Oto enterrado em Oto, para que todos seguissem em frente, para o futuro. Em Kiri, Jyu apresentou um novo investimento, e, agora, a vila investia na área cientifica, trabalhando com engenharia genética e mecânica; um jovem engenheiro, Moira O'Deorain, lançava um produto que alavancaria Kiri e todo o mundo ninja, sua nova criação: “Vita”. Ao mesmo tempo, saindo das sombras, a organização privada HYDRA se apresentava ao mundo, investindo pesado em tecnologia e criações para torná-lo um lugar melhor.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Oblivion
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Salvatore
Salvatore é parte da comunidade de RPG narrativo desde meados de 2013. Conheceu o Akatsuki nessa época, mas começou a fazer parte como jogador ativamente em 2021, sempre com muita dedicação e compromisso com o fórum. Hoje, atua no fórum como narrador e administrador, focado nas partes administrativas do ON. Fora do fórum se considera um amante de futebol, adora cozinhar pratos exóticos e é estudante de Engenharia Civil.
Salvatore#1234
Sr. L
Sr.L apelido recebido pelos players do fórum, devido ao seu sobrenome Sinhorelli, joga em fóruns narrativos desde 2010. Encontrou o Akatsuki no final de 2020, mas manteve-se ativo no início de 2021. Desde então se empenhou como player e se sentiu na obrigação de ajudar os demais e hoje auxilia o fórum como Narrador, Moderador e Administrador. Fora do forum, trabalha e possui formações acadêmicas, voltadas a área de gestão de pessoas.
Sinhorelli#1549

[Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. Ba3293b0d1e3d0e8dff4a8030bec76a2

Revouv
Tokubetsu Jonin
Revouv
Vilarejo Atual
[Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. Ba3293b0d1e3d0e8dff4a8030bec76a2

[Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. - Publicado 14/9/2020, 18:28



 

 
狐狸精. ~ 水仙Um pouco do perfume sempre fica nas mãos daqueles que oferecem flores
 

Com o caderno de anotações sobre meu palmo direito e uma das páginas deslizando na ponta de meu dedo indicador, fecho meu caderninho. Eu folheava algumas das últimas páginas que lhe restavam ainda em branco, algo que me causava uma tristeza talvez indiscritivel. Era uma lástima ter de me desfazer do meu caderno de anotações, um pertence que carrego comigo desde minha infância, onde já anotei tantas coisas que jamais serão escritas em suas linhas, mas talvez isso signifique uma mudança, talvez tudo isso apenas representa minha própria mudança. Eu termino minha ilustração uma árvore de cerejeira com suas últimas folhas desvencilhando-se dos pecíolos da árvore e voando até o solo fértil, desabrochando uma nova semente. Eu fecho meu caderno e levanto-me do parapeito de uma das pontes que cruza uma avenida e que conecta dois pontos da aldeia. Eu guardo-o sobre minha bolsa e parto em direção a papelaria próxima, a uma quadra de distância do local onde estava. Eu começo a cantarolar com assobios e saltitar alegremente, tentando afugentar a tristeza: — Bom, essa é a hora. É uma pena para você caderninho, mas eu vou colocar você em uma caixinha especial para nunca me esquecer dos bons momentos que passamos juntos, e também dos maus momentos. — Digo enquanto apalpo minha bolsa acariciando o encadernado. Passado alguns minutos, eu alcanço a fachada da papelaria e vejo-me comprando um novo encadernado pequeno de capa dura. Compro-o com a atendente da loja de conveniência e parto em direção a minha casa, entretanto, durante o caminho, eu acabo de decidindo estrear aquele caderninho e senti-me num branco com cobertura qualquer de uma praça logo ao lado, para não me molhar com os gotejos d'água corriqueiros das chuvas da Aldeia Oculta da Chuva. Eu pego minha lapisera e começo a rascunhar o esboço do mesmo lugar que me encontro, uma paisagem para cobrir a capa. Esta praça é bem frequentada, com vista para um centro comercial que se estende por uma avenida com diversas pessoas passeando sobre ela com algumas sacolas plásticas sobre suas mãos. Os edifícios eram iluminados e quase que as janelas cobriam os céus como uma noite estrelada. A lua era quase invisível, coberta por uma densa núvem. Eu me sento cruzando minha perna e colocando-a sobre a outra para dar apoio ao caderno e passo o grafite sobre a capa em branco.
[Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. ComfortableSinfulAllensbigearedbat-size_restricted

HP: (375 • 375) | CH: (825 • 825) | ST: (00 • 03)

Considerações:

> Número de palavras: 400.

Considerações narrativas:
> Filler em dupla com @Vincent.
> Ida até uma papelaria qualquer e durante o trajeto de volta para casa, uma pausa para desenhar.

Aparência:
Suisen é um garoto jovial e sua característa facial mais notável são seus cabelos grisalhos naturais. Seus olhos são da cor avelã, uma coloração quase dourada. Suisen é um garoto particularmente baixo e com um corpo fraco. Comumente, traja um haori com capuz branco com um tom semelhante a pele de uma raposa mística, com adornos ao redor da roupa e abas que chegam na altura de seu calcanhar, com linhas pretas na parte onde se fecha a roupa e no contorno das mangas. Por fim, um par de luvas e um pingente dourado na região de seu pescoço e que desce até seu busto. Mesmo com a roupa tipicamente usada com temperaturas mais baixas, sente-se confortável como em um dia de temperatura amena. Sua bandana é pendurada em seu pescoço como seu colar.

Atributos:

Atributos primários:

Ninjutsu: (03)
Genjutsu: (06)
Taijutsu: (00)
Inteligência: (05)
Força: (00)
Velocidade: (01)
Stamina: (01)
Selos: (01)

Atributos secundários:

Regeneração: (00)
Recuperação: (00)
Shurikenjutsu: (00)
Cura: (00)
Absorção: (00)
Ninshu: (00)
Combate: (00)
Ilusão: (03)

Técnicas usadas:

Técnicas ofensivas:
Técnicas defensivas:
Jutsus armadilhas:
Invocações:

A Técnica de Invocação é um ninjutsu de espaço-tempo que permite que o invocador transporte animais ou pessoas através de longas distâncias instantaneamente através do sangue do usuário.
Jutsus em preparo:
Jutsus passivos:

Bolsa de armas:

@Vincent

_______________________


Yukikitsune Kaonashi


FICHA  |  GF  |  BANCO
[Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. Ho9YNau

Vincent.
Genin
Vincent.
Vilarejo Atual
[Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. Ho9YNau

Re: [Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. - Publicado 15/9/2020, 02:38

Singing in the rain
ᛃ ᚢ ᛉ ᚲ ᛋ  
Com uma caneca de cerveja em mãos e um sorriso de orelha a orelha, Balder encontrava-se de pé em cima do balcão de um bar cantando no mais alto e bom tom uma música que o remetia sua adolescência – Oh, chuva! Eu peço que caia devagar, só molhe esse povo de alegria para nunca mais chorar! – Confraternizar com companheiros de sua vila amada era sem dúvida alguma um dos mais gostosos hobbies de Balder, a ideia de sentar num bar para trocar ideias, pensamentos e boas energias tem a capacidade de trazer um sentimento único de pertencimento a Amegakure, pois segundo Balder, é no bar que aquela triste civilização afoga suas mágoas e por alguns instantes esquece da miséria que os consome diariamente.
Após muitas rodadas de bebidas e muitas risadas, Balder finalmente começa a sentir que está devidamente embriagado e que chegou a hora de fazer alguma outra coisa pela vila. Saiu do bar cantando sem parar, dava pra notar nele uma alegria imensurável, talvez fosse só o efeito do álcool, mas não deixava de ser encantador o seu canto de voz potente e grave, em sua mão direita estava o último tabaco que tinha consigo, aproveitava cada tragada enquanto perambulava bêbado pelo vilarejo.
Depois de alguns minutos perturbando e brincando com todos aqueles que apareciam em sua frente, o jovem sentiu a necessidade de fumar mais e por isso começou a procurar uma loja que pudesse vender tabaco, até que encontrou uma papelaria, local que certamente não venderia o produto, mas valia a pena tentar – Opa! Tudo tranquilo por aqui? Estou à procura de tabaco! – A atendente ao sentir o cheiro de álcool vindo do Balder, responde com certa ignorância – Não! Isso aqui é uma papelaria, senhor! – Balder olha por alguns segundos nos olhos dela, fecha a cara e quando ela parece começar a se amedrontar o rapaz dá uma risada sarcástica e sai do local. Balder já meio sem rumo começa a olhar ao redor buscando por algo a fazer, é então que avista um jovem sentado com um caderno em mãos e decide se aproximar para mexer com o moleque. Sentou-se ao lado do menino, deu um leve tapinha em sua cabeça e com um sorriso no rosto perguntou – O que cê ta escrevendo aí, moleque?


HP: 775/775                  CH: 1025/1025                    ST:00/05

Considerações:
Palavras: 374
Bolsa de Armas:
8 Kunai
10m ‎Fio de aço
10 ‎Senbon
8 Kibaku Fuuda
3 ‎‎Hikaridama

[Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. Ba3293b0d1e3d0e8dff4a8030bec76a2

Revouv
Tokubetsu Jonin
Revouv
Vilarejo Atual
[Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. Ba3293b0d1e3d0e8dff4a8030bec76a2

Re: [Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. - Publicado 17/9/2020, 14:49



 

 
狐狸精. ~ 水仙Um pouco do perfume sempre fica nas mãos daqueles que oferecem flores
 

Eu rascunhava passando o grafite sobre a folha de papel até o momento que percebo alguns barulhos vindos direto da papelaria que outrora estava. A atendente aparentava estar sobre uma discussão com um indivíduo problemático. Ouvia apenas algumas palavras reservando-as da conversa, que separadas não tinham sentido nenhum, palavras como “tabaco” e ”papelaria”, provavelmente palavras que dentro de um contexto fariam sentido. Em seguida, vejo um homem sair do local e vir em direção ao parque em que me encontrava: — Bom, talvez ele vá arranjar problemas em outro lugar. É melhor eu ficar de olho. — Murmuro enquanto vejo-o aproximar cada vez mais. Ele caminha até que momentaneamente, percebo que ele sentou-se ao meu lado: — Excelente... — Sussurro. Ele vira-se para mim e me pergunta sobre o que estava escrevendo em meu caderno: — Ah, oi... E-Eu estou desenhando, não escrevendo na verdade... S-Se quiser pode olhar, não tem problema. É um prazer, Suisen. Eu estou desenhando a paisagem daqui para fazer uma capa decorada para meu caderno novo. — Digo enquanto que pego meu caderno e mostro-lhe um pouco do esboço que já havia feito até o momento: — Bom, você estava atrás de tabaco naquela papelaria não é? Eu escutei algumas coisas, vocês estavam gritando bastant- digo, vocês estavam... Falando um pouco alto e eu acabei ouvindo. Não que eu tivesse a intenção de ouvir nem nada, eu respeito a privacidade de vocês, você parece um adulto e minha mãe sempre me disse para respeitar os adultos e... — Continuo a tagarelar sem perceber que estava falando por alguns longos minutos: — E aí, eu e o Bahko fomos chamados para uma missão bem difícil e tinha uma mulher, eu não perguntei o nome dela mas ela era bem forte e bem habilidosa também. E aí eu corri e ela me perseguiu mas eu derrotei ela porque sou muito bons com técnicas ilusórias: — Eu continuo a falar e acabo até mesmo esquecendo-me que estava desenhando: — E meu animal favorito é a raposa. Você sabia que as raposas utilizam do campo magnético da terra para caçarem? É uma estratégia muito eficaz chamada de magnetorecepção, que alguns mamíferos e aves possuem. Teve uma vez que eu... Há! Desculpa, eu falei demais e nem percebi! Qual o seu nome inclusive moço? — Questiono-o após dar uma breve pausa por perceber que falava durante vários minutos sem nem ao menos prestar atenção se aquele homem estava ainda sentado ao meu lado.

HP: (375 • 375) | CH: (825 • 825) | ST: (00 • 03)

Considerações:

> Número de palavras: 410.

Considerações narrativas:
> Filler em dupla com @Vincent.
> Eu comprimento-o e passo vários minutos falando sozinho, acreditando que você ouviu-me pacientemente durante todo o “solóquio”. Você poderia ter interrompido-me ou simplesmente ter ido fazer alguma outra coisa enquanto Suisen falava. Ou, se preferir, ficar ali sentado ouvindo o garoto falar.

Aparência:
Suisen é um garoto jovial e sua característa facial mais notável são seus cabelos grisalhos naturais. Seus olhos são da cor avelã, uma coloração quase dourada. Suisen é um garoto particularmente baixo e com um corpo fraco. Comumente, traja um haori com capuz branco com um tom semelhante a pele de uma raposa mística, com adornos ao redor da roupa e abas que chegam na altura de seu calcanhar, com linhas pretas na parte onde se fecha a roupa e no contorno das mangas. Por fim, um par de luvas e um pingente dourado na região de seu pescoço e que desce até seu busto. Mesmo com a roupa tipicamente usada com temperaturas mais baixas, sente-se confortável como em um dia de temperatura amena. Sua bandana é pendurada em seu pescoço como seu colar.

Atributos:

Atributos primários:

Ninjutsu: (03)
Genjutsu: (06)
Taijutsu: (00)
Inteligência: (05)
Força: (00)
Velocidade: (01)
Stamina: (01)
Selos: (01)

Atributos secundários:

Regeneração: (00)
Recuperação: (00)
Shurikenjutsu: (00)
Cura: (00)
Absorção: (00)
Ninshu: (00)
Combate: (00)
Ilusão: (03)

Técnicas usadas:

Técnicas ofensivas:
Técnicas defensivas:
Jutsus armadilhas:
Invocações:

A Técnica de Invocação é um ninjutsu de espaço-tempo que permite que o invocador transporte animais ou pessoas através de longas distâncias instantaneamente através do sangue do usuário.
Jutsus em preparo:
Jutsus passivos:

Bolsa de armas:

@Vincent

_______________________


Yukikitsune Kaonashi


FICHA  |  GF  |  BANCO
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [Filler em Dupla] ▸ Nascidos da mesma chuva. - Publicado

Resposta Rápida

Área para respostas curtas