NOVIDADES
Atividades Recentes
A LUZ DAS TREVAS
Arco 02
Ano 26 DG
Verão
Meses se passaram desde a missão de investigação ao Castelo da Lua, no País do Vento, que culminou na Batalha da Lua Minguante. Soramaru, o cientista responsável pelos experimentos, morreu em combate, assim como outros ninjas do lado da aliança. Após a missão ser bem-sucedida, mas carregando tantas mortes, Karma, o líder da missão, ficou responsável por relatar às nações o máximo de informações sobre a organização por trás dos crimes agora que estava com o selo enfraquecido e com isso ele revelou o verdadeiro nome dela: Bōryokudan. Ainda não tendo como fornecer mais detalhes, pois o selo se manteve, e precisando de mais pistas antes de investir novamente em uma missão, Karma saiu em missão em nome das Quatro Nações para encontrar o paradeiro dos demais membros da organização — e sua primeira desconfiança recaiu sobre Kumo.

O mundo, no entanto, mudou nestes últimos meses. Os Filhos das Nuvens concluíram a missão de extermínio aos antigos ninjas da vila e implementaram um novo sistema político em Kumo ao se proclamarem o Shōgun sobre as ordens não de um pai, mas do Tennō; e assim ela se manteve mais fechada do que nunca. Em Konoha a situação ficou complicada após a morte de Chokorabu ao que parece estar levando a vila ao estado de uma guerra civil envolvendo dois clãs como pivôs. Suna tem visto uma movimentação popular contra a atual liderança da vila após o fracasso em trazer a glória prometida ao país. Já em Kiri a troca de Mizukage e a morte de ninjas importantes desestabilizaram a política interna e externa da vila. E em Iwa cada dia mais a Resistência vai se tornando popular entre os civis que estão cansados demais da fraqueza do poderio militar ninja. Quem está se aproveitando destes pequenos caos parece ser as famílias do submundo, cada vez mais presentes e usando o exílio de inúmeros criminosos para Kayabuki como forma de recrutar um exército cada vez maior.

E distante dos olhares mundanos o líder da Bōryokudan, Gyangu-sama, se incomoda com os passos de Karma.
... clique aqui para saber mais informações
SHION
SHION#7417
Shion é o fundador do RPG Akatsuki, tendo ingressado no projeto em 2010. Em 2015, ele se afastou da administração para focar em marketing e finanças, mas retornou em 2019 para reassumir a liderança da equipe, com foco na gestão de staff, criação de eventos e marketing. Em 2023, Shion encerrou sua participação nos arcos, mas continua trabalhando no desenvolvimento de sistemas e no marketing do RPG. Sua frase inspiradora é "Meu objetivo não é agradar os outros, mas fazer o meu trabalho bem feito", refletindo sua abordagem profissional e comprometimento em manter a qualidade do projeto.
Angell
ANGELL#3815
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Indra
INDRA#6662
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Wolf
Wolf#9564
Wolf é jogador do NRPGA desde fevereiro de 2020, tendo encontrado o fórum por meio de amigos, afastando-se em dezembro do mesmo ano, mas retornando em janeiro de 2022. É jogador de RPG desde 2012, embora seu primeiro fórum tenha sido o Akatsuki. Atua como moderador desde a passagem anterior, se dedicando as funções até se tornar administrador em outubro de 2022. Fora do RPG cursa a faculdade de Direito, quase em sua conclusão, bem como tem grande interesse por futebol, sendo um flamenguista doente.
Mako
gogunnn#6051
Mako é membro do Naruto RPG Akatsuki desde meados de 2012. Seu interesse por um ambiente de diversão e melhorias ao sistema o levou a ser membro da Staff pouco tempo depois. É o responsável pela criação do sistema em vigor desde 2016, tendo trabalhado na manutenção dele até 2021, quando precisou de uma breve pausa por questões pessoais. Dois anos depois, Mako volta ao Naruto RPG Akatsuki como Game Master, retornando a posição de Desenvolvedor de Sistema. E ainda mantém uma carreira como escritor de ficção e editor de livros fora do RPG, além de ser bacharel em psicologia. Seu maior objetivo como GM é criar um ambiente saudável e um jogo cada vez mais divertido para o público.
Akeido
Akeido#1291
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
Havilliard
Havilliard#3423
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
HALL DA FAMA
TOP Premiums
Torne-se um Premium!
1º Lugar
Starfox
2º Lugar
Senju Inazuma
3º Lugar
Raves
1º Lugar
Starfox
2º Lugar
Sevenbelo
3º Lugar
Kurt Barlow
Os membros mais ativos do mês
Angell
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
670 Mensagens - 41%
Starfox
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
172 Mensagens - 11%
Zireael
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
148 Mensagens - 9%
Kurt Barlow
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
104 Mensagens - 6%
Sevenbelo
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
97 Mensagens - 6%
Shion
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
94 Mensagens - 6%
Zero
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
89 Mensagens - 5%
Tensai
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
87 Mensagens - 5%
Kaguya
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
79 Mensagens - 5%
Luna
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
79 Mensagens - 5%

Os membros mais ativos da semana
Angell
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
250 Mensagens - 40%
Starfox
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
80 Mensagens - 13%
Tensai
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
50 Mensagens - 8%
Zireael
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
49 Mensagens - 8%
Shion
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
43 Mensagens - 7%
Kurt Barlow
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
39 Mensagens - 6%
Zero
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
30 Mensagens - 5%
Summer
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
29 Mensagens - 5%
Keel Lorenz
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
28 Mensagens - 4%
Txyannis
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_lcap[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Voting_bar[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Vote_rcap 
26 Mensagens - 4%


Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 1 de 15

☁


Os dois anciões da vila oculta da névoa conversavam em uma área reservada, o pequeno bar no centro era um local perfeito para esses tipos de reuniões, assim era possível falar de trabalho enquanto relaxavam com um som ambiente e bebiam um delicioso saquê. Os documentos estavam levemente espalhados em volta das almofadas onde os dois repousavam de joelhos em frente a uma pequena mesa de madeira.

— A aliança do crime anda aumentando ainda mais os contatos comerciais. Não acredito que aqueles desgraçados tiveram coragem de abrir um quartel general embaixo dos nossos narizes. — disse o grisalho.

— É natural que isso aconteça, alguns ninjas não estão prontos para sujarem as mãos durante o trabalho. Nossa academia não está mais fazendo bons ninjas, saudades da época das trevas, onde os ninjas sabiam matar. — respondeu o careca.

Suas bochechas já estavam vermelhas o suficiente para indicar uma boa quantidade de álcool no sangue.

— Conheço um garoto, é casca-grossa! Vamos coloca-los ao lado de alguns chunins que foram promovidos recentemente. Quem sabe o que pode acontecer nessa união?

O ancião de cabelos grisalhos estava falando de Hazu Doragon, um ninja de onze anos que havia se tornado tokubetsu jonin recentemente. Essa era uma grande oportunidade para testar suas habilidades de liderança.


2.325/2.325
1.825/1.825
0/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 2 de 15

☁


Na manhã seguinte, Hazu recebeu uma visita ninja nos portões de sua nova residência. A toca do lobo já estava nos registros da academia e parece que não tinham problemas em identificar a moradia do jovem Hazu, mesmo que essa ficasse um pouco mais distante das regiões mais populosas da vila oculta da névoa. Levou a carta até seu salão, local onde estudaria as informações da missão com calma. Não deixou de ficar surpreso ao ver que seria líder de um time, embora soubesse que isso fazia parte do seu novo nível hierárquico ninja, queria ter um pouco mais de tempo para se preparar adequadamente.

“Tem uma garota “ — pensou.

Além das informações da carta, também havia um pouco a respeito de cada ninja convocado para missão, sendo todos jovens ninjas que já haviam alcançado o nível Chunin recentemente. Pegou sua espada e caminhou-se até o local de encontro já estabelecido. Os três aguardavam pacientemente no campo de treinamento da academia, todos bem equipados e prontos para enfrentarem qualquer desafio, assim eram os ninjas recém promovidos, emanando determinação para mostrar serviço. Também eram esses os primeiros a morrerem nas missões rank B.

— Olá, sou Hazu Doragon! Vou comandar esse time durante nossa missão. É um prazer conhece-los. — Hazu se apresentou, depois apresentou a missão e conheceu cada um dos três.


2.325/2.325
1.825/1.825
0/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 3 de 15

☁


O grupo ainda não tinha uma sinergia perfeita, nem conheciam as habilidades uns dos outros o suficiente para desenvolver um plano para essa missão. Hazu, em particular, não era muito bom com essas coisas, o que deixou a equipe um tanto desconfortável.

— E como faremos para entrar no território inimigo? — perguntou Videl.

A menina tinha cabelos pretos, assim como Hazu, era forte e decidida. Parecia relutante em ficar sob o comando de outro garoto da mesma idade, mas seu profissionalismo a fez respeitar a hierarquia imposta para a missão.

— A carta menciona o local, encontrá-lo não será uma tarefa difícil. No entanto, será necessário escolhermos uma boa entrada. Eu não me importo em enfrentar a linha de frente. — respondeu Hazu.

— Esse tipo de missão requer que nos concentremos no alvo. Caso contrário, podemos dar tempo para que ele fuja e um de nós acabe nas mãos do exército inimigo. — disse Kuririn.

Aos poucos, o grupo começou a elaborar um plano, pelo menos na teoria, para não chegarem desprevenidos ao local. Após uma breve conversa que durou alguns minutos, os quatro ninjas decidiram entrar pela entrada leste, um acesso que só seria possível pela praia após escalarem o paredão da fortaleza.


2.325/2.325
1.825/1.825
0/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 4 de 15

☁


Os quatro ninjas caminharam até o litoral da praia onde encontrariam sua carona até o local escolhido por eles. Encontrar um barqueiro disposto a fazer tal rota não foi uma tarefa difícil, pois o clima estava bom, coberto por uma espessa névoa que os deixariam seguros de qualquer vigília. O velho barqueiro aceitou realizar a viagem em propósito de ajudar a vila, mas enfatizou que não iria passar um minuto sequer a mais do que deveria no local, deixaria os ninjas na margem do destino e voltaria o mais rápido possível, e assim fez.

O pequeno barco navegou por baixo do nevoeiro e os ninjas usavam capuz acinzentados, ideia do próprio barqueiro que mencionou serem excelentes para não serem vistos. O mar estava calmo e não tiveram problemas para encontrar a costa da fortaleza inimiga, uma construção murada de pedras bem altas.

— Vocês vão mesmo tentar escalar esse paredão? Essas pedras devem estar molhadas e se caírem não será nada bom. — disse o barqueiro.

Estava preocupado com a quantidade de pedras afiadas logo abaixo do muro, mas era exatamente isso que fazia daquele um bom lugar para invadir, ninguém esperaria uma invasão pelo lado mais difícil de acessar.

— Não se preocupe, somos ninjas. Vamos conseguir sem problemas! — respondeu Hazu.


2.325/2.325
1.825/1.825
0/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 5 de 15

☁


— Vou escalar até o topo e ver se consigo alguma informação importante, enquanto isso deverão aguardar na base. Ninguém vai procurar por nós se agirmos de forma cautelosa. — Hazu explicou o plano.

Assim que todos deixassem a embarcação, se moveram até a base da praia, evitar as pedras do mar foi uma tarefa razoavelmente fácil para todos, embora fosse certo que seria um problema para qualquer um que não tivesse com o Taijutsu em dia. O líder do time deu o sinal e começou a escalar a parede de pedras até o topo, usava o vão das pedras para puxar usando sua força física.

— Por que ele não está usando Ninjutsu? — perguntou Videl, cochichando para Kuririn.

— Talvez ele goste dessas coisas, sabe? Exibir seus músculos? — respondeu o menino careca.

— Shh... — Uub pediu silêncio.

Os três se calaram no mesmo instante que Hazu finalmente alcançou a última pedra da muralha, então segurou-se nela por alguns segundos, ouvindo atentamente a tudo o que conseguia no outro lado da parede.

“Não importa o que vocês tinham planejado fazer essa noite, idiotas! Os três grandes magos estarão juntos no salão. Essa é a primeira vez que os maiores líderes da Aliança do Crime deixarão de lado os conflitos do passado. Estejam prontos para servirem na reunião, pois isso vai durar a noite inteira” — ouviu Hazu.


2.325/2.325
1.825/1.825
0/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 6 de 15

☁


Hazu precisou descer até a base da estrutura, lá teria um pouco de tempo para conversar com os demais ninjas escalados. O líder, apesar de ser experiente de lutas, gostaria de saber a opinião de todos antes de invadir contando apenas com suas habilidades em Taijutsu. Da melhor forma que conseguiu, explicou cada palavra que ouviu dos guardas, mesmo que ainda não soubesse nada sobre o que significava os três grandes magos ou aliança do crime.

— Isso é mal — disse Uub.

O rapaz moreno não era muito sociável, se expressava sempre com poucas palavras e não gostava de chamar atenção, mas acabou chamando mesmo sem querer. Visto que foi o único a reagir aos comentários de Hazu, precisou continuar a dizer o que já sabia.

— Eles comandam o comércio clandestino do País da Água. Dizem que nenhuma compra ilegal é feita sem o conhecido de um dos grandes magos. Mas isso nunca foi um problema para os ninjas, já que eles não tinham o interesse de se juntar. Eles eram o tipo de problema que se resolviam sozinho, criminosos contra criminosos. Mas se o que disse for verdade...

— Eles vão se juntar para atacar a vila? — perguntou Videl.

— Eles não fariam isso, não possuem tanto poder. Mas é melhor não dar asa a cobra. Acho que deveríamos acabar com essa aliança antes que ela realmente aconteça. — explicou Kuririn.

Naquele momento, os quatro ninjas passaram alguns longos minutos discutindo a respeito do melhor plano possível de invasão, até que finalmente um agradou todos.


2.325/2.325
1.825/1.825
0/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 7 de 15

☁


O grupo decidiu de forma unanime que o melhor a ser feito era se infiltrarem no quartel general, assim dariam um jeito de se misturarem e obter mais informações sobre a aliança. Teriam que passar despercebidos como mercenários, então fizeram duplas para chamar menos atenção e ainda assim continuarem com o apoio de alguém do time.

Hazu e Videl foram os primeiros a entrar no quartel, saltaram a muralha e se infiltraram juntos em um armazém, onde por muita sorte, havia vestimentas temáticas dos mercenários.

— Eles estão mesmo levando as aparências a sério, quem diria que bandidos gostassem tanto de roupinhas combinando? — disse Videl enquanto jogava o manto negro por cima das suas roupas.

Hazu estava sem camisa.

— O que você está fazendo? Apenas jogue o manto por cima, você não tem vergonha de se trocar na frente de uma garota? — perguntou a menina, suas bochechas estavam vermelhas.

— Mas assim vai ficar muita roupa. — respondeu.

Apenas para evitar maiores constrangimentos, o ninja acabou jogando o manto por cima da sua roupa anterior, conforme Videl comentou. A outra dupla deu um jeito de se infiltrar, mas acabaram ficando um tempo sem conseguir ver um ao outro. Hazu e Videl começaram a se espalhar pelo quartel, precisavam conhecer o lugar para o caso de os planos darem errados, também muito importante conseguir identificar os líderes daquele lugar, afinal, o trabalho era esse, neutraliza-los.


2.325/2.325
1.825/1.825
0/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 8 de 15

☁


— Ei! De quem são essas roupas laranjas aqui? Espero que não seja uma brincadeira, porque se for, a pessoa responsável será amarrada nua nos portões! — disse o homem segurando a única peça de roupa que Hazu deixou jogada.

Videl e Hazu se entreolharam, assustados, pois tinham cometido uma besteira. Um grupo de pessoas começou a se reunir, todos vestindo mantos negros, como era comum entre os mercenários.

— Que vacilo, hein! Colocar a cor da facção inimiga no meio da nossa é claramente um sinal de desrespeito.

— Eles devem estar planejando algo. Nossa reunião foi comprometida. Vamos avisar o comandante!

Havia meia-dúzia de mercenários próximos aos dois, e eles começaram a se movimentar em direção ao prédio principal. A camisa nas mãos do primeiro era um sinal de invasão, um aviso de que havia ninjas no local e que tudo poderia dar errado! Sem alternativas e de forma completamente involuntária, Videl agiu por impulso e lançou um par de shurikens que perfuraram o crânio do mercenário com a camisa. Não havia como voltar atrás.

Naquele momento, Hazu precisava neutralizar os outros antes que reagissem ou chamassem a atenção de mais mercenários. O tempo era curto, mas ele aproveitou o elemento surpresa, avançando pelas costas dos mercenários com sua espada e máxima velocidade. Por sorte, nenhum deles tinha habilidade para se defender, mas isso acabou rendendo uma expressão zangada de Hazu para Videl.

— Que decisão estúpida. Me ajude a esconder os corpos!

A menina não disse nada, apenas obedeceu as ordens de seu superior, quieta e assustada.


2.325/2.325
1.825/1.825
1/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 9 de 15

☁


Hazu e Videl encontraram uma solução temporária para esconder os corpos dos mercenários, sem serem vistos por mais ninguém. Eles entendiam a importância dos criminosos em manter uma quantidade de mercenários suficiente para manter as aparências, e diminuir esse número não era algo favorável.

— Isso não vai funcionar por muito tempo. Logo vão perceber que há menos mercenários nesta área. Vamos logo, precisamos encontrar os líderes da aliança e neutralizá-los o mais rápido possível — disse Hazu em tom autoritário.

Videl pensou em se desculpar, mas foi interrompida por Hazu antes mesmo que pudesse dizer qualquer coisa nesse sentido.

— Vai dar tudo certo! Eles são fracos, você viu? Não teremos problemas para lidar com todos eles, mas precisamos encontrá-los antes que eles nos encontrem.

A garota assentiu em concordância, e os dois ninjas seguiram pelo mesmo caminho que o grupo pretendia tomar para alertarem sobre a camisa laranja que Hazu havia deixado inadvertidamente. O caminho levou-os a um pátio localizado dentro da torre principal, assemelhando-se a um pequeno castelo. No centro do pátio, poucas pessoas circulavam pelo salão, todas vestidas de preto, sem exceção. Videl fez um sinal para Hazu, indicando que não apenas identificava uma pessoa importante, mas sim três delas. Eram os outros membros da equipe, e estavam muito próximos do alvo.

Eles trocaram olhares, cientes de que qualquer ação precipitada transformaria aquele local em uma batalha completamente caótica.


2.325/2.325
1.825/1.825
1/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 10 de 15

☁


— Hey, vocês dois! O que estão fazendo aqui? — perguntou um homem com uma máscara de corvo no rosto.

Hazu e Videl se viraram, estavam prontos para reagir ao menor sinal de problema.

— O chefe chegou, já pode deixar de observar o sósia e subir para o salão. Ele quer o máximo de homens por perto, pois não confia nas outras facções da aliança.

— Entendido. Estamos subindo. — respondeu Videl.

Os dois largaram o salão principal e subiram juntos a escararia até os aposentos do verdadeiro líder de daquela facção criminosa. Também tiveram que deixar a outra dupla de ninjas da névoa para trás mais uma vez, infelizmente não tiveram tempo para avisar que estavam atrás de um sósia, teriam que confiar neles.

— Eu pedi um exército e chegaram apenas dois capangas mirins? O que vocês desgraçados estão fazendo com meu dinheiro? — perguntou o homem de vestido negro e com diversos acessórios nos longos cabelos para deixa-lo armados e com o formato de uma âncora virada para cima.

Aquele era o momento perfeito, não havia mais ninguém nos aposentos que não fosse Videl, Hazu e um dos alvos da equipe ninja.

— Não se preocupe, senhor! Somos os melhores nesse ramo. — Videl se aproximou com um sorriso no rosto, era daqueles completamente confiáveis, mas deixou de ser um sorriso para um olhar furioso quando finalmente deve sua kunai perfurando o pescoço do homem de vestido.

O primeiro alvo foi abatido. Faltam dois.


2.325/2.325
1.825/1.825
1/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 11 de 15

☁


“Sim, ele está lá em cima. Vamos logo que ele deve estar ansioso. ”

Hazu e Videl se entreolharam assim que conseguiram ouvir a voz de um estranho por perto, então começaram a ouvir os passos seguidos nas escadas, único acesso para entrar ou sair do quarto. Se fossem vistos e com o líder morto em cima da cama, o local se tornaria um inferno.

— Aqui — sussurrou Videl. — Debaixo da cama.

A menina estava escondida no espaço entre o chão e o colchão da cama. Sem pensar duas vezes, Hazu fez o mesmo, dividindo aquele curtíssimo espaço com Videl, onde ambos tiveram que ser habilidosos o suficiente para fazer caber ambos sem chamar atenção.

— Chefe? O que significa isso?

O homem finalmente estava no andar, próximo o suficiente da cama para ver seu chefe assassinado. Hazu e Videl conseguiu contar três pares de pernas, o que permitia contar quantas pessoas estavam no andar sem precisarem sair de onde estavam.

— Rápido! Precisamos soar o alarme. Nosso chefe foi assassinado pela aliança — disse o mercenário.

Por mais que pudesse parecer uma boa saída deixar que acreditassem que tudo havia sido culpa da própria aliança, a dupla que seguia o rapaz discordou, embora não com palavras. Após um impacto causado em alguma parte do corpo que ambos abaixo da cama não puderam identificar, conseguiram ver o corpo do homem caindo no chão, morto.

Tinham mais pessoas assassinando dentro do prédio.


2.325/2.325
1.825/1.825
1/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 12 de 15

☁


Os dois se entreolharam debaixo da cama, confusos com toda aquela situação, nem mesmo se importaram com a situação inadequada dos dois escondidos e apertados um ao outro. Videl parecia nervosa, se esforçando para não sentir medo do que aquilo tudo poderia virar, mas ao mesmo tempo, podia sentir aliviada, já que seu inimigo estava morto.

— Você o matou?

— Claro! Você não viu que ele iria nos entregar?

— Mas que merda, cara! Agora não tem mais como sair daqui, como vamos dar um jeito em dois corpos?

A voz da dupla foi logo reconhecida pelo casal abaixo da cama. Então os dois suspiraram aliviados, embora não pudessem sair do local de qualquer forma. Qualquer movimento errado poderia causar mais algum acidente.

— Por que vocês me mataram, seus imbecis?

A voz era feminina, mas carregada de zombaria e um tanto fantasmagórica. Era Videl abaixo da cama, fingindo ser o fantasma do homem morto no chão. Hazu se esforçou para segurar o riso, também tinha achado graça naquilo e resolveu deixar a brincadeira continuar.

— Eu vejo o plano de vocês, vocês acham mesmo que poderiam escapar de mim? Eu sou o chefe da aliança Pudim Negro!

Os dois estavam realmente aflitos com a situação, mas antes que pudessem fazer alguma estupidez, Hazu sinalizou com a mão para fora da cama. O sinal poderia ser interpretado de forma ainda mais caótica, no entanto, o grupo identificou o líder.

Estavam todos juntos novamente. Os quatro ninjas da névoa e os dois líderes assassinados.

Faltava um.


2.325/2.325
1.825/1.825
1/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 13 de 15

☁


— Sério? O que vocês estavam fazendo embaixo da cama?

— Cale a boca, idiota! Estávamos nos escondendo. Não sabíamos que eram vocês.

— Embaixo da cama? Aposto que...

Videl deu um soco no menino careca antes mesmo que ele dissesse qualquer coisa que a deixasse ainda mais vermelha. Hazu ainda estava tentando compreender todo o cenário para definir um plano, a missão não estava indo tão bem quanto havia imaginado, no entanto, não era uma situação tão ruim.

— Ainda temos um alvo para eliminar, mas não temos informações o suficiente sobre o que estavam fazendo nessa reunião.

— Só tem uma forma de resolvermos isso, teremos que nos transformar neles.

— Infelizmente não sou muito bom em disfarces. Quem se habilita?

— A ideia foi minha, então eu vou. Melhor, nós vamos! Videl é terrível em disfarces.

— Certo! Precisamos nos livrar dos corpos, deem o jeito de analisarem bem a aparência deles. Não podemos cometer erro, não agora. — concluiu Hazu.

Os dois ninjas de Kirigakure utilizaram o jutsu de transformação para copiar a aparência de ambos os líderes assassinados, então juntos, esconderam os corpos embaixo da cama, se livraram do sangue e das vestimentas que poderiam chamar atenção de qualquer empregado ou mais um mercenário que adentrasse nos aposentos do líder.


2.325/2.325
1.825/1.825
1/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 14 de 15

☁


Kuririn usava o reflexo do espelho para conferir se seu jutsu realmente tinha dado certo, também brincava com o chapéu da facção sobre sua cabeça.

— Até que ficou bom! Deveria usar o jutsu de transformação mais vezes para não termos que ver a sua cara. — disse Videl.

— Talvez eu me transforme em Hazu, aí você fica de boa, não é?

— Idiota...

— Vocês dois vão descobrir mais informações sobre a aliança. Videl e eu vamos caçar o último alvo. Assim que todos cumprirem com suas missões, nos encontraremos nos portões do quartel.

— Como vamos sair sem ser vistos?

Videl estava preocupada, e com razão. Então Uub deu uma ideia, falava pouco, mas sempre nos momentos mais importantes.

— Isso aqui vai ficar uma bagunça quando os líderes estiverem mortos. Os mercenários mais fieis vão brigar uns contra os outros, enquanto os canalhas tentarão encontrar uma forma de se dar bem nisso.

— Tem razão Uub! Podemos usar essa bagunça para escaparmos pelos portões da frente.

O grupo havia decidido os próximos passos, concordaram em usar a confusão para escaparem. A dupla Uub e Kuririn seguiram as escadas com a aparência dos líderes assassinados em busca de qualquer informação sigilosa, enquanto Hazu e Videl partiram na busca do último alvo, ainda estavam disfarçados com a roupa da facção, mas era questão de tempo para serem descobertos.


2.325/2.325
1.825/1.825
1/7

Considerações:
Anonymous
Convidado
Convidado

Nas Garras do Inimigo
Missões Rank B: 15 de 15

☁


O último alvo era um mercador inteligente que estava rodeado por mercenários, foi o último a chegar e só deu as caras quando finalmente avistou os demais líderes, pelo menos quando imaginou encontrar os outros líderes, pois eram apenas as transformações de Kuririn e Uub. O trio seguiu até uma câmara secreta no quartel, onde apenas eles puderam participar do interior daquela reunião. Enquanto a dupla encontrava uma maneira de obter informações e até mesmo assassinar o último alvo, Videl e Hazu aguardavam do lado de fora ao lado dos mercenários, todos brutamontes com cara de fome.

— Não pensei que os líderes de vocês só precisavam de dois mercenários, vocês devem ser bons no que fazem mesmo, hein? — disse um dos brutamontes, líder do exército de mercenários.

— É o que ele sempre diz, melhor ter um bom soldado do que vinte idiotas. — respondeu Videl.

— Você tem razão, garota! Então porque vocês não mostram para nós como que trabalha um bom soldado?

O grupo de mercenários ergueram suas espadas, cerca de dez homens contra dois. Naquele momento, já sabiam de tudo. O disfarce não iria ser sustentado por muito tempo e logo os dois tiveram que entrar em um confronto inevitável. Hazu sacou a espada e lutou ao lado de Videl de forma harmoniosa. Ambos usavam suas forças e velocidade máxima para enfrentar os grandalhões até aquilo tudo se tornar uma grande bagunça.

— Vamos dar um fora daqui! — gritou Kuririn.

O garoto estava ao lado de Uub e não usavam mais a transformação.

— O que aconteceu? — perguntou Videl.

— Nunca teve um terceiro líder! Era uma emboscada!

Desengajar do batalhão de mercenários era uma tarefa difícil, mas nada impossível para os habilidosos ninjas de Kirigakure. Aos poucos, Hazu conseguiu liderar uma investida aos portões que levavam para fora do quartel, enquanto os ninjas disparavam seus kunais e shurikens para atrasar os inimigos. Tiveram vantagem na fuga, pois eram os únicos ninjas treinados naquele confronto.

As missões chegaram ao fim e Hazu finalmente conseguiu concluir seu trabalho como líder de time e assassino.


2.325/2.325
1.825/1.825
2/7

Considerações:
Anonymous
Shu
Moderador
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO OxxAo3l
[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO OxxAo3l
doneAprovado
+3 rank-B, cada dia mais perto de virar ANBU.


_______________________

[CAPÍTULO] NAS GARRAS DO INIMIGO Scre1755
Olá, Convidado, eu sou o Shu.
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Conheça o Guia Shinobi e aprenda um pouco mais sobre o RPG!
Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
Shu
Ficha de Personagem : http://narutorpgakatsuki.net
Conteúdo patrocinado
Design visual (Estrutura, Imagens e Vídeos) por Dorian Havilliard. Códigos por Akeido