NOVIDADES
Atividades Recentes
A LUZ DAS TREVAS
Arco 02
Ano 26 DG
Verão
Meses se passaram desde a missão de investigação ao Castelo da Lua, no País do Vento, que culminou na Batalha da Lua Minguante. Soramaru, o cientista responsável pelos experimentos, morreu em combate, assim como outros ninjas do lado da aliança. Após a missão ser bem-sucedida, mas carregando tantas mortes, Karma, o líder da missão, ficou responsável por relatar às nações o máximo de informações sobre a organização por trás dos crimes agora que estava com o selo enfraquecido e com isso ele revelou o verdadeiro nome dela: Bōryokudan. Ainda não tendo como fornecer mais detalhes, pois o selo se manteve, e precisando de mais pistas antes de investir novamente em uma missão, Karma saiu em missão em nome das Quatro Nações para encontrar o paradeiro dos demais membros da organização — e sua primeira desconfiança recaiu sobre Kumo.

O mundo, no entanto, mudou nestes últimos meses. Os Filhos das Nuvens concluíram a missão de extermínio aos antigos ninjas da vila e implementaram um novo sistema político em Kumo ao se proclamarem o Shōgun sobre as ordens não de um pai, mas do Tennō; e assim ela se manteve mais fechada do que nunca. Em Konoha a situação ficou complicada após a morte de Chokorabu ao que parece estar levando a vila ao estado de uma guerra civil envolvendo dois clãs como pivôs. Suna tem visto uma movimentação popular contra a atual liderança da vila após o fracasso em trazer a glória prometida ao país. Já em Kiri a troca de Mizukage e a morte de ninjas importantes desestabilizaram a política interna e externa da vila. E em Iwa cada dia mais a Resistência vai se tornando popular entre os civis que estão cansados demais da fraqueza do poderio militar ninja. Quem está se aproveitando destes pequenos caos parece ser as famílias do submundo, cada vez mais presentes e usando o exílio de inúmeros criminosos para Kayabuki como forma de recrutar um exército cada vez maior.

E distante dos olhares mundanos o líder da Bōryokudan, Gyangu-sama, se incomoda com os passos de Karma.
... clique aqui para saber mais informações
SHION
SHION#7417
Shion é o fundador do RPG Akatsuki, tendo ingressado no projeto em 2010. Em 2015, ele se afastou da administração para focar em marketing e finanças, mas retornou em 2019 para reassumir a liderança da equipe, com foco na gestão de staff, criação de eventos e marketing. Em 2023, Shion encerrou sua participação nos arcos, mas continua trabalhando no desenvolvimento de sistemas e no marketing do RPG. Sua frase inspiradora é "Meu objetivo não é agradar os outros, mas fazer o meu trabalho bem feito", refletindo sua abordagem profissional e comprometimento em manter a qualidade do projeto.
Angell
ANGELL#3815
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Indra
INDRA#6662
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Wolf
Wolf#9564
Wolf é jogador do NRPGA desde fevereiro de 2020, tendo encontrado o fórum por meio de amigos, afastando-se em dezembro do mesmo ano, mas retornando em janeiro de 2022. É jogador de RPG desde 2012, embora seu primeiro fórum tenha sido o Akatsuki. Atua como moderador desde a passagem anterior, se dedicando as funções até se tornar administrador em outubro de 2022. Fora do RPG cursa a faculdade de Direito, quase em sua conclusão, bem como tem grande interesse por futebol, sendo um flamenguista doente.
Mako
gogunnn#6051
Mako é membro do Naruto RPG Akatsuki desde meados de 2012. Seu interesse por um ambiente de diversão e melhorias ao sistema o levou a ser membro da Staff pouco tempo depois. É o responsável pela criação do sistema em vigor desde 2016, tendo trabalhado na manutenção dele até 2021, quando precisou de uma breve pausa por questões pessoais. Dois anos depois, Mako volta ao Naruto RPG Akatsuki como Game Master, retornando a posição de Desenvolvedor de Sistema. E ainda mantém uma carreira como escritor de ficção e editor de livros fora do RPG, além de ser bacharel em psicologia. Seu maior objetivo como GM é criar um ambiente saudável e um jogo cada vez mais divertido para o público.
Akeido
Akeido#1291
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
Havilliard
Havilliard#3423
Aliquam lacinia ligula nec elit cursus, sit amet maximus libero ultricies. Cras ut ipsum finibus quam fringilla finibus. Etiam quis tellus dolor. Morbi efficitur pulvinar erat quis consectetur. Ut auctor, quam id rutrum lobortis, lorem augue iaculis turpis, nec consectetur enim nisl eu magna. Sed magna dui, sollicitudin quis consequat ac, faucibus sed mauris. Donec eleifend, nisl a eleifend dignissim, ipsum urna viverra leo, sed pulvinar justo ex vitae enim. Donec posuere sollicitudin velit eu vulputate.
HALL DA FAMA
TOP Premiums
Torne-se um Premium!
1º Lugar
Starfox
2º Lugar
Senju Inazuma
3º Lugar
Raves
1º Lugar
Senju Inazuma
2º Lugar
Starfox
3º Lugar
Summer
Os membros mais ativos do mês
Angell
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
382 Mensagens - 25%
Shion
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
239 Mensagens - 16%
Starfox
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
183 Mensagens - 12%
Senju Inazuma
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
140 Mensagens - 9%
Raves
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
114 Mensagens - 8%
Summer
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
110 Mensagens - 7%
Zero
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
100 Mensagens - 7%
Nan
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
89 Mensagens - 6%
Inoue
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
84 Mensagens - 6%
Kira
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
68 Mensagens - 5%

Os membros mais ativos da semana
Shion
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
70 Mensagens - 21%
Angell
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
64 Mensagens - 19%
Summer
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
36 Mensagens - 11%
Raves
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
34 Mensagens - 10%
Keel Lorenz
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
34 Mensagens - 10%
Gyoku
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
23 Mensagens - 7%
Senju Inazuma
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
21 Mensagens - 6%
Nan
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
18 Mensagens - 5%
Sevenbelo
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
17 Mensagens - 5%
Kira
[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_lcap[Cena — Solo] Alguém Especial Voting_bar[Cena — Solo] Alguém Especial Vote_rcap 
12 Mensagens - 4%


Kakyoin
Genin
Someone Special
| Uchiha Obanai |


Sozinho e desdenhoso de mim mesmo, a vontade de continuar seguindo em frente se esvaía cada vez mais, por mais que todos os treinamentos e dias passados tenham sido focados em persistência e aprimoramento de meus pensamentos para que não me rendesse a esta escuridão, mas no fim...Eu percebi que era impossível. Meus desejos e sonhos não passavam de uma simples mentira a qual fui forçado a acreditar. Agora, sozinho neste mundo, me encontrava recostado em uma das paredes do lado externo dos portões de Kumogakure no Sato. Observava a paisagem a minha frente e de vez em quando jogava olhares aos céus, observando as nuvens que pairavam pelo azulado celeste. Era uma vista angelical a qual eu jamais poderia alcançar. Levei a mão esquerda até minha mão e passei de leve de um lado ao outro, relembrando de minha verdadeira persona. Eu não era nada mais do que um fracasso, uma vida artificial que serviria como um sacrifício para minha família de merda. Amaldiçoado desde a nascença, e nunca pensei em crescer, de qualquer forma. Trouxe as pernas para perto e deixei os olhares baixos, completamente cabisbaixo e entristecido com a vida que ali possuía. Eu tinha kunais em minha bolsa, talvez fosse a hora de fazer aquilo. Cortar meu próprio pescoço em algum lugar silencioso e morrer em paz, esquecido por tudo e todos.  Ninguém se lembraria de mim, afinal de contas. Sem importância alguma para este mundo corrupto, a única maneira de limpar minha alam seria deixando-a escapar por esta casca oca a qual chamo de corpo. Me preparava para sacar a arma da bolsa, quase me decidindo sobre o que fazer, até que algo abruptamente interrompera meus pensamentos com uma voz alta e dócil. Era uma garota...E eu já havia a visto antes.

— "A-Ah!" — Exclamou, assustando-se ao me ver.
[Cena — Solo] Alguém Especial Tumblr_px478zGtFf1spzwwao6_r1_250|


Era uma garota linda, de cabelos rosadas com detalhes esverdeados e uma feição gentil e jovial. Já havia visto-a antes e me impressionei com tamanha beleza, mas sabia que não teria chance alguma com uma mulher dessas. Eu nunca servi para nada nesta vida, quem dirá para ter alguém ao meu lado. Após o susto e um grito fofo, ela aproximou-se de mim ao perceber minha situação e se agachou, observando meus olhos. Então, levantou a voz.

— "Ah! Você tem olhos muito bonitos! ...Acho que não te conheço...Quem é você?" — A garota questionou-me.

— "Hm....Meu nome é Obanai." — Disse.

Ela continuou a observar-me por mais alguns instantes, também notando o tom baixo e sombrio em minha voz. Sua expressão mudou para algo ligeiramente mais sério e expressivo, mas logo um leve sorriso surgiu em seu rosto, e ela repentinamente agarrou-me pelo braço e me levantou. Ficamos de pé e a mesma iniciou uma sequência de falas, como se estivesse tentando me animar. O que se passava na cabeça dela, afinal?

— "Ah, muito prazer! Meu nome é Mitsuri, sou uma genin aqui da vila! Você não quer dar uma volta pela vila? Acho que vai ser muito legal! Sabe...Não é muito interessante ficar sozinho...Por que não vamos andar um pouco por aí?" — Ela fechou os olhos, com um sorriso.

Aquela pessoa havia notado minha situação. Ela se importou comigo, se não, não teria parado para fazer tais comentários. Meus olhos sempre atentos fecharam-se um pouco, e eu quase senti que uma lágrima caíria. Há quanto tempo alguém não me tratava com alguém normal? Não...Será que ao menos eu já fui tratado como uma pessoa nesta vida? Por mais que ainda estivesse triste, não havia como negar um pedido tão gentil vindo de uma pessoa de bom coração e tamanha beleza.

— "Tudo bem...Vamos." — Finalizei.

HP: 1025 /\ 1025 || CH: 1675 /\ 1675 || ST: 00 /\ 07

Informações:


| N° de Palavras: 634

_______________________

[Cena — Solo] Alguém Especial D5ddc7b0bcdeaf33006afabc6588e85e
"What a Horrible Night to Have a Curse..."

{FP}  || {GF} || {Banco} || {CJ} ||
Kakyoin
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t74376-fp-uchiha-obanai#574784
Kakyoin
Genin
Someone Special
| Uchiha Obanai |


Uma jovem tão doce e pura, eu conseguia sentir a bondade que exalava de sua própria existência. Me sentia confortado, como se estivesse sendo guiado pela mãe que nunca tive em minha vida. Minha expressão manteve-se neutra durante todo o caminho enquanto Mitsuri segurava-me pela mão direita e corria alegremente com um sorriso no rosto, me levando até uma espécie de restaurante local, onde reservou uma das mesas unicamente nós dois, no fundo do local. Sua roupa se assemelhava a um uniforme militar com uma abertura em seu centro, quase como um decote. Carregava consigo uma Tõken de tamanho maior que o normal, com empunhadura rosada. Sentei-me na área mais obscura, permitindo um brilho incomum de meus olhos na direção dos olhares de Misturi, que iniciou as falas enquanto aguardava pelo pedido ser concluído.

— "Ei, você parece muito calado....Eu não me lembro de você na classe de genins na formatura de alguns anos atrás... Bem, talvez apenas tenhamos nos formado em períodos diferentes, afinal de contas! Hahaha! ~ Então, você pode me falar um pouco sobre você? Adoro conhecer novas pessoas!" — Disse em alto e bom tom, com as mãos juntas.

— "Eu não sei se você gostaria de ouvir a minha história. Eu não me sinto muito confortável em contá-la, então vou te dizer apenas o  básico. Eu nasci de uma linhagem de um clã..."Amaldiçoado". Você deve conhecer o Sharingan do Clã Uchiha, certo? Eu sou um deles, talvez um dos últimos, não sei bem ao certo. Minha família..."Família"....Digamos, não era das melhores." — Dei uma breve pausa antes de retomar as falas. — "Muitas coisas terríveis aconteceram por lá, então...Eu me tornei um ninja apenas para proteger outras pessoas. Não me sinto capaz de fazê-lo, mas ainda preciso tentar. Mesmo assim, estou desistindo disso. Desistindo de tudo, nunca serei alguém nessa vida." — Disse, baixando os olhares por mais uma vez.

Misturi tomou uma expressão séria e segurou meu queixo, erguendo minha cabeça em sua direção. Ela não parecia feliz com minha atitude desistente e tristeza, como se compartilhasse da mesma maldição que eu. Seu sorriso não retornou, ao invés disso, a garota levantou seu dedo indicador a altura de seu queixo e começou a falar, em um tom sério o qual permaneci atento. Uma mudança súbita de comportamento.

— "Eu também já fui chamada de aberração quando era menor. Já sofri muito quando era menor nas mãos daqueles que me compraram. Fui vendida pelos pais ainda no nascimento, mas mesmo com toda a desgraça em minha vida, nunca deixei de sorrir. Eu sempre segui em frente com a promessa de salvar vidas humanas inocentes com um sorriso no rosto, por amor e honra. Não voltei atrás com isso, e apenas por conta de minha persistência e coragem consegui chegar onde estou. Você também deve parar de se rebaixar e começar a olhar para frente. Não se deixe levar pelo passado ou os outros, apenas tente alcançar a luz que vê." — Ela disse, retomando a posição original.

Aquelas palavras me atingiam tão fundo, quase como se fossem lâminas. Meus olhos se arregalaram e logo olhei para ambas as mãos, e as lágrimas começaram a descer. Comecei a tomar ciência do que estava fazendo. O que pensei por todos esses anos, afinal de contas? Tentei conter a emoção e o choro, mas fui incapaz. Um covarde emocional e completamente despreparado psicologicamente, Misturi parecia entender meus sentimentos. Colocou uma das mãos sobre minha cabeça e apenas aguardou, como se também já tivesse passado por algo semelhante no passado. Mesmo que tenhamos nos conhecido agora há pouco, eu sentia como se já tivéssemos criado um laço espiritual conectado por diversos anos. Era uma pessoa diferente das outras. Era como eu, porém sem covardia e que superou as adversidades. Sempre me dei por vencido, e por conta disso continuo sendo este merda. Eu precisava mudar. As lágrimas não indicavam tristeza, e sim mudança. Então, pensamentos e memórias começaram a reaparecer em minha memória...Coisas que tentei esquecer por anos.

HP: 1025 /\ 1025 || CH: 1675 /\ 1675 || ST: 00 /\ 07

Informações:


| N° de Palavras: 691

_______________________

[Cena — Solo] Alguém Especial D5ddc7b0bcdeaf33006afabc6588e85e
"What a Horrible Night to Have a Curse..."

{FP}  || {GF} || {Banco} || {CJ} ||
Kakyoin
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t74376-fp-uchiha-obanai#574784
Kakyoin
Genin
Someone Special
| Uchiha Obanai |


Minha mente colapsou-se por alguns instantes enquanto as memórias retornavam e as lágrimas escorriam por meu rosto. Como visões macabras do passado, era capaz de me lembrar de todo o desprezo que tinha de minha família. De toda a desgraça a qual passei e dos rostos sorridentes que faziam perante minha tristeza, nunca ajudado e sempre humilhado. Fechei os punhos de maneira inconsciente e estava prestes a ter um surto. Mas algo impediu. A mão daquela garota envolveu-se ao redor de meu rosto, eu senti um calor percorrendo todo o meu corpo enquanto os olhos retornavam a realidade. Com uma face entristecida e de preocupação materna, a garota que eu mal conhecia me abraçou com força. As pessoas ao redor observavam aquilo como um ato de amor, mas era totalmente diferente. Estávamos conectados pelas mesmas origens, mesmos sentimentos e mesmos desejos. Nascemos como merdas, crescemos como merdas...Mas mesmo assim, tentamos nos livrar do destino de morrermos como aquilo que nascemos, enfrentando as adversidades com a própria alma, nem que para isso a própria vida esteja em jogo. Éramos nada mais que aberrações aos olhos deles, não poderíamos ficar parados.  Por mais que continuemos chorando e negando nossa própria capacidade, ainda sim temos o instinto de continuar. Seguimos em frente até o fim de nossas vidas, para que tenhamos a chance de nos tornarmos normais aos olhos daqueles malditos que nos menosprezam por todo o tempo. Não somos cobaias, somos seres humanos. Aquele calor representava nossa vontade. Fechei os olhos e a abracei de volta com a mesma força. Por alguns segundos permanecemos antes de nos afastarmos por mais uma vez e retornarmos para a posição original.

— "Obrigado por isso..." — Disse, avermelhado.

Não sabia o que dizer, estava em uma série de emoções. Havia me apaixonado por aquela garota por completo, mas ao mesmo tempo toda a situação e contexto de superação e motivação faziam minha cabeça girar. Eu andava lado a lado com ela em uma corda bamba prestes e estourar, mas mesmo assim não temíamos a queda. Temíamos nossos próprios deslizes que ocasionariam nesta queda. Mesmo assim, não tínhamos o que fazer. Recuar era pedir para se matar, e hesitar era negar tudo aquilo que foi construído até o momento. Fechamos os punhos juntos e afiamos os olhares, com sorrisos leves. Ela não conseguia ver minha boca, mas compartilhávamos das mesmas sensações.

— "Ah...Não precisa ficar me olhando assim, bobo!" — Ela disse, desviando olhares.
[Cena — Solo] Alguém Especial Tenor

— "Opa...Me desculpe, não era a intenção, haha!" — Respondi em tom descontraído.

A conversa continuou, e não demorou muito até firmarmos um laço de confiança e amizade entre nós. Por mais que tivéssemos seguido caminhos diferentes, ainda sim almejávamos um único objetivo compartilhado em nosso subconsciente e corações. Devotaríamos nossas almas pela justa causa, e por nenhum lorde ou rei morreríamos. Viver pelos próprios pensamentos e vontades, ser livre. Voar pelos céus como um pássaro, para sempre viajando ao horizonte de sol cadente...Um sonho de esperança e liberdade ainda impossível de se alcançar. Eu sentia que algo crescia dentro de mim. Seria isto, confiança? Coragem? Eu não me acordava mais diante das alucinações e ilusões de meu passado, não quando na presença dela. Ao fim de tudo, o lanche havia sido servido. Continuamos até o por do sol, onde nos despediríamos naquele momento. De costas um para o outro, em um fim de tarde épico enquanto os raios alaranjados pairavam sobre vós àquela rua de terra, com mãos opostas batemos levemente no ombro um do outro.

— "Muito obrigado, Misturi. Não tenho como lhe agradecer....Espero vê-la novamente." —

— "Você é bem fofo, sabia? Também espero te ver em breve, Obanai-San!" —

Nós, dois adolescentes que havíamos acabado de nos conhecer e já havíamos firmado um pacto sanguíneo através da transfusão transcendo-espiritual através do plano imaterial do reino dos pensamentos conectados pelo fino e tênue fio da esperança localizado ao centro de vossas almas. Não havia como descrever tal sensação, era apenas, luminoso. Então, afastamos passos um do outro em direção as nossas respectivas casas, esperando que o próximo dia se fizesse melhor que o de hoje. Enfim, eu sentia que algo estava mudando. Alguém acreditou em mim...Então, por que não poderia fazer o mesmo por mim mesmo?

HP: 1025 /\ 1025 || CH: 1675 /\ 1675 || ST: 00 /\ 07

Informações:


| N° de Palavras: 720

_______________________

[Cena — Solo] Alguém Especial D5ddc7b0bcdeaf33006afabc6588e85e
"What a Horrible Night to Have a Curse..."

{FP}  || {GF} || {Banco} || {CJ} ||
Kakyoin
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t74376-fp-uchiha-obanai#574784
Kakyoin
Genin
Someone Special
| Uchiha Obanai |


Deitei-me na cama, refletindo sobre o que havia acontecido neste dia. Conheci uma pessoa exatamente igual a mim, mas mesmo assim, onde isso influenciava, exatamente? Talvez isso levantasse minha moral e coragem por conta daquelas palavras, ou de quase tê-la visto exatamente como minha mãe por alguns instantes, por mais que nunca tenha visto a verdadeira antes. A noite já havia caído e nada queria fazer além de descansar para me preparar para os próximos dias e desafios que ainda virão. Os pensamentos negativos lentamente se esvaíam de minha mente, eu sabia muito bem que hora ou outra eles voltariam e que as ilusões macabras atormentariam-me por mais uma vez, mas quando viesse a acontecer, eu estaria preparado para enfrentá-los e reagir como um verdadeiro homem. Era uma fase de transição que separava os garotos dos homens, e eu não poderia ficar para trás. Aquela garota passou por uma experiência semelhante a minha no passado, mas duvido que ela tenha sido torturada durante anos, todos os dias, enquanto todos aos seu redor riam de sua desgraça, onde por mais que você gritasse, ninguém viria lhe ajudar.

— "Me pergunto o motivo de pessoas que não merecem morrer acabarem deixando este mundo, e as pessoas más que por aqui espalham o caos e desgraça continuam a viver livremente sem quaisquer tipos de punição. Este mundo é verdadeiramente injusto, não há como competir contra algo assim. Se a vida é injusta...Então eu serei mais." — Disse, desafiando a vontade natural.

Pouco tempo após as reflexões rígidas e os pensamentos confortantes da memória de Misturi, acabei por pegar no sono. Um sono profundo e aconchegante, o qual já não tinha há eras. Um leve sorriso genuíno se fez em meu rosto enquanto eu dormia, algo que mesmo inconsciente, não havia acontecido também por diversos anos. As únicas vezes que realmente sorri genuinamente foi quando consegui escapar daquela maldita cela e quando descobri que eles não poderiam me perseguir dentro de Kumogakure no Sato. Sendo assim, um sorriso destes não se faz em meu rosto há mais de três anos, no mínimo. O próximo dia seria melhor que este, eu tinha certeza. Não poderia mais me esconder do perigo ou fugir daquilo que pode me fazer algum mal. Eu deveria encarar de frente, só assim poderia me considerar como um homem. Alguém disposto a sacrificar-se pelo bem maior e por todos. Fugir apenas me faria ser ainda mais fraco e mal-visto por aqueles ao meu redor, não poderia mais me reduzir a isso. Sendo assim, minha decisão havia sido tomada. Nunca mais fugiria. Continuaria avançando, até que todos os meus inimigos fossem completamente esmagados.

HP: 1025 /\ 1025 || CH: 1675 /\ 1675 || ST: 00 /\ 07

Informações:


| N° de Palavras: 449

_______________________

[Cena — Solo] Alguém Especial D5ddc7b0bcdeaf33006afabc6588e85e
"What a Horrible Night to Have a Curse..."

{FP}  || {GF} || {Banco} || {CJ} ||
Kakyoin
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t74376-fp-uchiha-obanai#574784
Kakyoin
Genin
Someone Special
| Uchiha Obanai |


Acordei ao amanhecer do outro dia, me sentindo completamente reanimado. As forças restauradas e o bom humor vinham à tona diante os raios de sol que resplendorosamente partiam dentre as janelas da casa. Abrindo-as para arejar o local, via que já haviam se passado das onze horas da manhã, estava atrasado para a caminhada matinal. Deixando a casa para trás e devidamente selando sua fechadura com as chaves de bolso, iniciava a sequência de passos leves e relativamente lentos em direção ao centro de Kumogakure no Sato. Não estava muito frio e nem muito quente - Uma situação agradável a qual podia sentir. Tudo parecia estar normal, e estranhamente já não mais sentia as precipitações em meu corpo. Era como se minha alma estivesse no corpo de outra pessoa, aquelas palavras realmente mudaram minha perspectiva do mundo e do futuro a qual eu deveria seguir ~ E ter seguido desde o começo de tudo. Arqueava uma das sobrancelhas ao notar a ausência de pessoas a este horário da manhã, mas talvez estivesse assim por estar em um fim de semana ensolarado e bastante chato. Vários comércios de portas fechadas, a paz reinava sobre a vila oculta. Porém, enquanto fazia meu caminho através das ruas, passando pelo lado do campo de treinamento, deparei-me com Mitsuri ao seu centro e outras duas pessoas. Elas também possuíam bandanas de Kumogakure, talvez outros genins. Parei por alguns instantes para analisar a situação.

— "Ela está linda hoje. Mas que estranho, também não reconheço aqueles dois caras...O que será que eles estão conversando? Eles parecem mal-encarados, vou ficar por aqui vendo o que acontece, talvez eu possa descobrir alguma coisa legal hoje." — Pensava.

Esperei algum tempo ali, tudo parecia correr bem. Mesmo não conseguindo ouvir nada do que falavam, eu notava que a expressão dos homens ficava cada vez mais séria, até que Mitsuri começara a dar alguns passos para trás. Imediatamente entrei em um estado de alerta, segurando uma das cercas as quais separavam as ruas do campo de treinamento, temendo que algo pudesse acontecer. Então, um deles levantou sua mão para a garota, desferindo um soco cruzado contra seu rosto. Meus olhos se arregalaram, eu não poderia ficar parado. Como um instinto, sem nem ao menos pensar ou hesitar, contraí os músculos das pernas e pulei pela cerca, utilizando de toda a minha velocidade para alcançar a localização de onde estavam. Eu não poderia deixar aquilo acontecer, era algo que eu não conseguiria suportar caso falhasse. Só assim, poderia me provar alguém neste mundo. Proteger uma pessoa a qual me importa...E que também se importou comigo. Nem que isso signifique ter que sacrificar meu próprio corpo para tal.

HP: 1025 /\ 1025 || CH: 1675 /\ 1675 || ST: 00 /\ 07

Informações:


| N° de Palavras: 453

_______________________

[Cena — Solo] Alguém Especial D5ddc7b0bcdeaf33006afabc6588e85e
"What a Horrible Night to Have a Curse..."

{FP}  || {GF} || {Banco} || {CJ} ||
Kakyoin
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t74376-fp-uchiha-obanai#574784
Kakyoin
Genin
Someone Special
| Uchiha Obanai |


Aproximei-me o suficiente para conseguir segurar o corpo da jovem antes que atingisse o chão. Com lágrimas em seus olhos por conta do impacto, observei-a com bastante preocupação. Mesmo o golpe tendo sido certeiro, ela parecia estar bem e sem quaisquer traumas. Suspirei em um pouco de alívio, até que percebi a aproximação dos outros dois indivíduos. Ambos encaravam-me com olhares tortos e punhos fechados, como se ameaçassem também socar-me caso continuasse no caminho. Mesmo sentindo certa quantidade de medo diante aquela possível surra, não podia recuar. Eu prometi não só a ela, como a mim mesmo que não mais me faria de covarde diante as adversidades que surgirem em minha jornada rumo ao topo.

— "Qual foi, seu moleque? Cê acha que é quem pra ficar interrompendo os assuntos dos outros?! É melhor tu sair daí se não quiser levar uma surra também..." — O primeiro dizia.

— "N-...Não! Não vou deixar que vocês encostem nela!" — Respondi.

Os dois homens riram, como se não acreditassem que um moleque daquela idade estava se opondo a eles. Fechando os punhos e sem dizerem mais nada, apenas se aproximavam lentamente. Mesmo com medo e suando, eu não poderia simplesmente sair correndo e nem conseguiria carregar Misturi nos braços com a baixa quantidade de força que eu possuía naquele momento. Dei alguns passos para trás com a garota em meus braços e logo em seguida deixei-a no chão para se recuperar, ficando a frente da mesma. O ódio dentro de mim cada vez mais se intensificava, eu conseguia sentir algo prestes a saltar de meu corpo. Eu não deixarei ninguém tocar aquela garota, não importa o que aconteça.

— "Misturi...." — Suspirei. — "Parem com isso! Se afastem daqui, ou se não eu vou transformar vocês em cinzas, entenderam?! Não vou deixar que encostem na Misturi!" — Gritei.

— "O que há, hein? Por acaso ela é sua namoradinha? Ah...Que bom, os dois vão pro hospital juntinhos." — O segundo disse, gargalhando.

Eles se aproximavam cada vez mais. Meus olhares se afiavam e a raiva era crescente e visível, com um ranger de dentes. Fechando meus punhos e adotando uma postura de combate, eu estava preparado para iniciar um combate com aquela dupla de valentões. Tudo parecia estar chegando a sua conclusão, mas algo puxou a atenção. Naquele instante, a figura de meu pai e irmão mais velho vieram no lugar daqueles dois indivíduos, com armas em mãos. Eu me via ainda menor, indefeso e fraco enquanto eles comemoravam meu sofrimento. Olhando para trás, eu via o corpo de uma mulher morta a qual não possuía rosto e nem cores. O que aquilo significava? Meus olhos se arregalaram...Aquilo não era somente uma visão, afinal de contas. Tudo se repetiria de novo...

HP: 1025 /\ 1025 || CH: 1675 /\ 1675 || ST: 00 /\ 07

Informações:


| N° de Palavras: 480

_______________________

[Cena — Solo] Alguém Especial D5ddc7b0bcdeaf33006afabc6588e85e
"What a Horrible Night to Have a Curse..."

{FP}  || {GF} || {Banco} || {CJ} ||
Kakyoin
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t74376-fp-uchiha-obanai#574784
Kakyoin
Genin
Someone Special
| Uchiha Obanai |


Se eu simplesmente tornasse a simplesmente paralisar as pernas e nada fazer continuaria como um grande merda, um verdadeiro lixo humano. Via que lentamente Mitsuri recobrava sua consciência do que havia acontecido, levando as mãos a cabeça ainda deitada e com olhos semifechados. Aquelas figuras grotescas se distorciam em minha frente e em pouco tempo se desfaziam para sua verdadeira forma. Um soco fora desferido contra mim, seguido de um corte horizontal da kunai que por pouco não atingiria minha pele, rasgando a manga do braço esquerdo. Dando passos para trás e levando Misturi junto comigo, ofegava levemente, não permitindo que eles chegassem próximos daquela garota que jurei proteger. Não iria voltar atrás com minha palavra e por mais uma vez ser um covarde...Não por mais uma vez.

— "SE VAI FICAR NO CAMINHO, ENTÃO VAMOS MATAR VOCÊ E ELA, SEU FILHO DA PUTA!" — O primeiro exclamou, levantando a kunai.

A ofensa não havia me atingido, e nem o fato do mesmo ter a intenção assassina de cometer homicídio doloso contra minha pessoa. O que verdadeiramente perfurou meu coração foram as palavras dizendo que matariam Misturi por eu estar no caminho. Seria eu o responsável pela morte daquela que eu admirava? Não, aquilo não poderia acontecer. Os olhos arregalaram-se e então se fecharam subitamente. Quando a raiva fora acumulada, uma explosão de sensações e estranhos sentimentos percorreram todo o meu corpo, as falsas memórias de meu passado e os laços perdidos foram todos relembrados naquele único instante, tudo fazia sentido. Contendo as lágrimas, abri os olhos por mais uma vez, observando-os com ódio.

— "Pessoas como vocês...Não tem direito de viverem neste mundo!" — Exclamei, enquanto o Sharingan era despertado.

[Cena — Solo] Alguém Especial Tenor

Os olhos antes heterocromáticos tomaram uma coloração carmesim com círculos negros em seu centro, acompanhados de uma tomoe em lados opostos. A Kekkei Genkai de minha linhagem amaldiçoada pela primeira vez manifestava-se em meu corpo, revelando a verdade. Os homens continuaram o ataque, mesmo que temerosos do que aquilo poderia ser. Sem esforço e lendo seus movimentos com minha habilidade ocular, desviei-me do ataque ao mesmo tempo que agarrava a arma do homem e a direcionava contra seu abdome, perfurando-o. Não tinha intenção de matá-lo, mas mesmo assim, se a perfuração fosse um pouco mais profunda, ele com certeza não veria o amanhã. Com gritos de agonia e desespero, aquela dupla imediatamente retirou-se do local com as forças que lhe restavam, fugindo para sabe-se lá onde. O Sharingan permanecia desperto em meu rosto, e então, virei-me para Misturi, que se encontrava de joelhos, observando tudo o que acontecia. Será que eu teria coragem de encará-la na situação em que estava?

HP: 1025 /\ 1025 || CH: 1675 /\ 1675 || ST: 01 /\ 07

Informações:


| N° de Palavras: 471

_______________________

[Cena — Solo] Alguém Especial D5ddc7b0bcdeaf33006afabc6588e85e
"What a Horrible Night to Have a Curse..."

{FP}  || {GF} || {Banco} || {CJ} ||
Kakyoin
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t74376-fp-uchiha-obanai#574784
Kakyoin
Genin
Someone Special
| Uchiha Obanai |


 O Sharingan desativava conforme minha vontade, enquanto um sorriso oculto fazia-se por detrás das faixas enroladas em meu rosto. Com felicidade, agachei-me à altura de onde Mitsuri estava ajoelhada e ofereci minha mão para ajudá-la. Agarrando-se a mesma, a jovem antes tímida porém forte abriu um enorme sorriso em seu rosto e levantou-se, ficando avermelhada em minha frente. Juntando as mãos e levantando-as a altura de suas bochechas, Mitsuri arregalava os olhos e levemente levava olhares para cima, começando a falar. Juntava as pernas, levemente dobrando-as enquanto falava em um tom alto e bastante feliz.

— "Ah, você veio me ajudar! Que amorzinho você é, Obanai-San! E pensar que você realmente fosse se importar com uma garota como eu ~" — Mitsuri dizia.

[Cena — Solo] Alguém Especial 612b2e02a9a2d910cfed223043ecaf16

Minhas bochechas ficavam avermelhadas. Aquela mulher com faixa etária semelhante a minha a qual me ajudara estava me agradecendo de maneira que fizesse com que eu parecesse um herói de histórias de fantasia. Um sorriso genuíno se fazia em minha face, um o qual nunca consegui dar diante a presença de uma outra pessoa. Toda a negatividade se esvaía quando estava em presença com Mitsuri, que me auxiliou a superar os medos e traumas de meu passado. Com o sharingan desperto e a coragem suficiente para seguir em frente, eu não ousaria decepcionar mais ninguém com minha antiga covardia. Fechei os punhos e olhei para cima, até que repentinamente fui surpreendido com um abraço de Mitsuri. Deu-me um beijo na bochecha e então despediu-se de mim com um sorriso no rosto. Fiquei completamente paralisado, nem mesmo sabia como reagir aquilo. Um beijo? Afeto? Eram coisas tão raras - Se não inexistentes em meu passado que mal sabia definir uma sensação real para tal. Após a garota deixar o local e seguir seu próprio caminho, coloquei dos dedos na bochecha que fora beijada e olhei para minhas próprias mãos, vendo os frutos de minha coragem. Então, ergui os olhos.

— "Mitsuri..." — Disse em baixo tom, antes de dar passos afora do campo de treinamento e finalmente seguir a trilha de volta para minha casa.

HP: 1025 /\ 1025 || CH: 1675 /\ 1675 || ST: 01 /\ 07

Informações:


| N° de Palavras: 376

_______________________

[Cena — Solo] Alguém Especial D5ddc7b0bcdeaf33006afabc6588e85e
"What a Horrible Night to Have a Curse..."

{FP}  || {GF} || {Banco} || {CJ} ||
Kakyoin
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t74376-fp-uchiha-obanai#574784
Raves
Genin
[Cena — Solo] Alguém Especial Print110
[Cena — Solo] Alguém Especial Print110
@Aprovado. Muito bem contada a história e interpretação do Personagem.

[Cena — Solo] Alguém Especial 2dec0a3187b272e25acc19e72d77a493
EU SHIPPO. q

_______________________

Raves
Ficha de Personagem : https://www.narutorpgakatsuki.net/t86897-fp-kuroko-shiin#713266
Gestão de Fichas : https://www.narutorpgakatsuki.net/t86898-gf-kuroko-shiin#713272
Conteúdo patrocinado
Design visual (Estrutura, Imagens e Vídeos) por Dorian Havilliard. Códigos por Akeido