:: Mundo Ninja :: Mapa Mundi :: Sunagakure no Sato :: Arredores
12 Anos Online
A Noite Mais Escura
Arco 03
Ano 14 DG
Verão
Diante da queda de Moira O'Deorain e a morte de Chisaki Overhaul, todos os olhos dos ninjas presentes em Kiri se voltaram para o Capuz Vermelho, que se revelou uma cópia exata do lendário Sarutobi Shion. Graças a Hyuuga Angell, o mercenário foi capturado, levando a prisão junto com Moira. Tudo aquilo favoreceu um entendimento entre as vilas que lutaram entre si em Oto, fazendo com que eles voltassem a neutralidade. Enquanto Iwa e Suna elegem novos Kages, em Konoha, Sarutobi Kaden se prepara para passar o seu cargo para um ninja mais jovem, ao mesmo tempo em que um novo Senhor Feudal assume em Kumo e o Daimyou de Kiri tenta impedir os ataques dos opositores de Jyu. Com a revelação de Chisaki Overhaul sobre a HYDRA, as ações da empresa acabam sofrendo uma grande queda, gerando indícios de uma enorme crise nas grandes nações. Diante do caos, diversos vilarejos pequenos são varridos do mapa quando uma onda de assassinatos em massa se inicia, ao mesmo tempo em que um grupo de fieis ao Jashinismo começa a se erguer, trazendo uma mensagem de esperança para os corações afligidos pelo sofrimento.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Oblivion
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
XXXXX
Futuramente teremos.
Discord#1234
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

[CENA - SOLO] Tatsumaru e a perícia Elemental - Publicado 17/5/2020, 22:34

"Minha vida mudou totalmente ao conhecer aquele velho. Apesar de todas as piadas de mau gosto, o Honda foi um divisor de águas na minha jornada, pois foi através dele que desenvolvi a liberação da madeira. Hoje, sou o guardião deste poder, e com ele conseguirei cumprir os meus objetivos.

Naquela tarde em particular resolvi voltar até o Oasis de Honda. Senti um aperto em meu peito, uma angústia confusa, pois eu me sentia mais forte, dominava cada vez mais um poder incrível, mas ainda me sentia impotente. Os flashes do sequestro de Myu estavam constantemente me atormentando, as lembranças eram vívidas,  vívidas o suficiente para eu entender que, por mais que eu tenha evoluído, o inimigo que me aguarda ainda está em um patamar muito superior. Preciso ficar mais forte, preciso extirpar essa sensação que tenho de não ser capaz de alcançar Myu, a onde quer que ela esteja."


Tatsumaru refez o mesmo caminho pelo deserto. Daquela vez, nao precisou mais de um mapa. A caminhada fora longa, como da primeira viagem, e o sol brilhava ainda mais forte. Um caminho cansativo, penoso, mas longe de atingir a motivação daquele gennin.

Ao longe, após horas caminhando, o Oásis do velho Honda brilhava no horizonte, ainda mais verde e exuberante que da última vez.


objetivos:
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [CENA - SOLO] Tatsumaru e a perícia Elemental - Publicado 18/5/2020, 04:04

“Honda me recebeu com um sorriso no rosto, como da primeira vez. De cara já soltou uma piadinha sem graça e me mandou pensar rápido enquanto atirava uma cadeira de madeira como uma bala de canhão em minha cabeça. Alguem precisa ensinar pra esse velho o que são brincadeiras saudáveis. Ficamos ali em uma prosa até o anoitecer, bem, na verdade eu não falei muita coisa, pois estava mais interessado em ouvir suas histórias. Ouvi sobre Senjus, demônios, mokuton, o passado ninja do velho e também sobre histórias terríveis envolvendo as terras sombrias. Colhi informações importantes, mas eu estava ali por outro motivo.”


- Velho, preciso que me treine. Eu sinto que desperdiço muito chakra e perco o controle na manipulação do elemento madeira. Acho até que me dou melhor com suiton, apesar de reconhecer a força do mokuton. –  Takamatsu lamentou-se.

O velho olhou para o genin e soltou aquela gargalhada de sempre.

- HAHAHA Suiton é brincadeira de criança quando comparado ao Mokuton. O poder da liberação da madeira é inigualável, mas o seu aprendizado exige uma grande dedicação. – disse o velho.

- E como faço para melhorar?

Honda olhou Takamatsu de cima a baixo e então se levantou da poltrona.

- Bom... venha comigo. – disse Honda caminhando até a porta.
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [CENA - SOLO] Tatsumaru e a perícia Elemental - Publicado 18/5/2020, 13:00


"Quando cruzamos a porta, Honda respirou fundo aquele ar puro e fresco do oásis. O velho olhou para as árvores como se conhecesse cada uma delas, parecendo procurar por algo específico. Inicialmente fiquei sem entender suas intenções, mas logo foi me explicando sobre o que consistiria aquele primeiro treinamento. O velho fixou o olhar em uma grande arvore ao leste, devendo esta ter no minimo 12 pés de altura. Ele caminhou em direção à arvore e eu prontamente o segui, me mantendo alguns metros afastado. Honda tirou uma semente de baixo da própria unha, uma habilidade um tanto quanto estranha. Com um súbito e sutil movimento, Honda atirou aquela semente como um projétil, de forma tão rápida e poderosa que ela acabou por ficar cravada alguns centímetros dentro da casca daquela árvore."

- Você não precisa desse tipo de treinamento, Tatsumaru-kun. Hoje, você,  assim como eu, é uma entidade da natureza. Somos aqueles que mais verdadeiramente guarda a natureza dentro de si. Nós fazemos florescer, crescer e multiplicar. O poder, o controle, o vínculo natural com os elementos já estão dentro de nós. - disse o velho.

- Como assim? Não preciso treinar para controlar melhor o Mokuton? - Tatsumaru questionou.

- Exatamente. Não é necessário. Você já tem o dom dentro de si, já possui o poder. Só precisa desbloquea-lo. So precisa florescer e passar a fazer parte deste processo natural. Observe.

"Naquele momento pude ver. A semente que fora cravada na arvore, em alguns minutos começou a florescer. Honda não realizou nenhum selo de mão e eu nao percebi nenhum chakra sendo concentrado, mas em aproximadamente 5 minutos aquela semente se tornou uma outra árvore crescendo parpendicularmente através da árvore maior. Uma fusão natural, bela e simbiótica entre os dois vegetais."

- Aquela semente está em você. A árvore maior é você próprio e também o mundo em que você habita. É Gaia. É tudo uma coisa só. Tudo aqui é o seu habitat, basta que você cultive a sua intenção de crescer. Tenha em seu coração o desejo de crescer e a natureza Mokuton vai florescer em ti como uma planta, desbloqueando dons e capacidades que você nunca sonhou. Essa é a diferença do Mokuton para as outras Kekkei Genkai. Não precisamos treinar com tanto afinco, só precisamos cultivar a semente. Descubra como você cultiva a sua, dê o empurrão inicial, a primeira mão d'água, e seu poder florescerá. - Honda disse com a propriedade de um verdadeiro mestre ancião.

"E tudo começa a fazer sentido. Eu podia sentir. Só me faltava enxergar. A força já estava dentro de mim."
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [CENA - SOLO] Tatsumaru e a perícia Elemental - Publicado 18/5/2020, 22:07

"Segundo Honda, a força que eu buscava já estava dentro de mim. Assim que minha essência se integrou com o poder da natureza, o poder do Mokuton começou a florescer em mim de forma natural. Para que eu alcance um novo nível, eu só precisava desbloquea-lo. Ou seja, como uma semente, eu preciso rega-la para que se desenvolva dentro de mim. Então  minha maior necessidade era descobrir como regar esta semente. A resposta? Estava justamente dentro de mim."



Tatsumaru cerrou os olhos por alguns minutos. Sentiu a brisa agraciar a sua face. Ouviu com melodia os sons das árvores ao vento. O gennin buscava respostas dentro de si. De acordo com Honda, dentro de si é o único lugar possível para tais respostas.



"No momento que entendi aquele ensinamento, me espantei com a sabedoria daquele velho. Era verdade, eu podia sentir. Eu não era mais o mesmo desde que recebi a dádiva da Kekkei Genkai Mokuton. Eu estava fadado a florescer de dentro para fora. Eu sentia com clareza a integração do poder invadindo os meus canais de chakra e vice versa. Era uma fera adormecida esperando uma permissão minha para ganhar o mundo. E como desbloquear esse poder? Como cultivar a mim mesmo? Eu entendi naquele dia que a resposta é individual de cada um. E na minha historia, na minha vida, na minha essência... a chave para ir adiante estava nos meus objetivos que nunca mudaram. Resgatar a minha irmã. Ver a minha familia junta novamente. Ver o meu pai se levantar daquela cama. Mas se esse sempre foi o meu objetivo, porquê  haveria eu de despertar um poder logo agora, se sempre foi assim? A resposta está no que eu sinto sobre a minha missão de vida. Sempre desejei tudo isso com a força do ódio, com vingança correndo em minhas veias, com um olhar irracional para tudo que passei. Este nao é o caminho. Eu devo manter os meus objetivos, devo desejar com toda força adentrar nas terras sombrias e retornar com a minha irmã em meus braços... mas que a minha motivação seja o meu amor por ela, por meus pais, por minha familia. Ao invés da raiva, da vingança, que seja a saudade, que seja a fraternidade... que isso se transforme na energia necessária para regar a minha semente. Que a verdadeira essência me traga o poder para conseguir. E assim o fiz."



- MOKUTON HIJUTSU! Jukai Kotan!!!! - E então Tatsumaru fez acontecer, mediante a resposta que encontrará dentro de si. Os selos foram feitos como sempre fez. O chakra recrutado explodiu de seus tenketsus assim como antes. A tecnica fora realizada com a mesma maestria de todos os outros dias. Entretanto, a intenção agora partiu de seu coração. De um local tão profundo, tão puro, tão doloroso... através da força de vontade e apreço pelos seus familiares, a sua própria semente interna fora regada com uma força nunca antes vista. Raízes, árvores inteiras e vinhas robustas invadiram aquele oasis com uma magnitude digna de um mestre elemental. O oásis parecia dobrar de tamanho. A natureza se alastrou, bem como o sorriso do velho Honda ao seu lado.


- Você conseguiu, garoto. Seja la o que for que buscou em seu peito... foi justamente a mão d'agua que precisava para cultivar este verdejante poder. É agora que tudo fica mais interessante. Assim como aquelas arvores... este poder só vai crescer, crescer e um dia poderá cobrir o mundo! HAHAHHAHAHA! VAMOS COMEMORAR! - Dizia e gargalhava o velho enquanto puxava um longo cachimbo de seu bolso.


FIM.

jutsu utilizado:
[CENA - SOLO] Tatsumaru e a perícia Elemental 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

Takane
Jōnin
Takane
Vilarejo Atual
[CENA - SOLO] Tatsumaru e a perícia Elemental 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

Re: [CENA - SOLO] Tatsumaru e a perícia Elemental - Publicado 19/5/2020, 01:31

@

_______________________

[CENA - SOLO] Tatsumaru e a perícia Elemental Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [CENA - SOLO] Tatsumaru e a perícia Elemental - Publicado