>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 71DG
Após uma dura jornada, Shaka finalmente caiu e teve a maldição retirada de seu coração. No entanto, os problemas trazidos pela família Hattori não se extinguiram. Shion revelou ter ajudado a libertar Lilith, uma monarca da dimensão infernal, que agora está possuindo o corpo de Hyuga Katsura e libertando uma horda de seres infernais contra este mundo. O mundo corre risco de ser consumido pela maldade dessa criatura, mas não se o plano de Shion der certo: forçar Lilith a causar um evento chamado de O Grande Eclipse, onde as portas de todos os mundos e dimensões ficarão abertas, e assim permitir a ele ir ao submundo resgatar sua amada Katsura Grey para finalmente selar Lilith.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno

Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

[Filler] Espirito Em Chamas Part. 2 - 10/3/2019, 22:54


O fogo logo se extinguiu e percebi que se tratava de uma ilusão criada pelo homem. Sentia-me cansado ao ponto de cair no chão, ajoelhado me apoiando com uma das mãos. O esforço para me manter consciente era muito, meu corpo estava transpirando bastante. Puxei o ar tentando me acalmar e me erguendo lentamente até ficar de pé com dificuldade. O homem voltou a falar e sua voz me irritava bastante, me dando vontade de explodido imediatamente. No entanto venho em minha mente a imagem da morte dos meus pais, algo que me libertou a ira. Segurava-me para não explodir de raia pois se não tudo ao meu redor viraria cinzas, e isso eu não queria que acontecesse. Comecei a gritar, pedindo para que ele parasse. -Pare com isso, você vai me fazer perder o controle, se isso acontecer vou explodir tudo, eu não quero isso. Não adiantava, meus olhos começaram a flamejar, minha raiva aumentava apesar da luta que tratava para não perder o controle.

Minha raiva aumentava a cada palavra dita pelo homem. Fumaça começava a sair do meu corpo, como se estivesse prestes a entrar em combustão. Comecei então a falar com um tom de raiva. -Você quer me ver com raiva? Quer que eu libere toda a minha ira? Então você terá. Um sorriso um tanto quanto diabólico escapava dos meus lábios ao mesmo tempo em que meu corpo começava a pegar fogo. A grama começava a queimar, virava cinzas em segundos e cada vez mais o fogo se expandia. Meus olhos entravam em chamas tudo a minha volta queimava e por fim, uma explosão de ira. -Ahhhhhh!!!! Erguia-me repentinamente deixando todo o fogo fluir através do meu corpo saindo para todos os lados. Tudo em meio ao caminho entrava em combustão esperava eu que o homem também.

Tentava me recompor e tomar o controle sobre toda aquela chama mas estava difícil, era forte demais e eu não estava acostumado com aquilo. Então gritei. -Eu não consigo controlar, é muito fogo é poderoso demais para mim. O fogo se alastrava pelo campo sem controle e eu não conseguia parar de pegar fogo, tive então que fazer o que não queria. Pedir por ajuda. -Me ajude, eu não estou conseguindo, eu vou destruir tudo. Caia ajoelhado enquanto pegava fogo.

Sua voz abrandava a medida que falava, parecia que agora não se empenhava em me matar mas sim em me ajudar. Pelo visto algo havia mudado entre nós. O fogo ocupava boa parte do local, sem controle alguém apesar de minhas tentativas. As palavras do homem estavam me reconfortando, me dando um caminho a seguir para enfim chegar em meu objetivo. Começava então a me acalmar, tendo em vista que o homem não estava querendo me destruir por ora. -Tudo bem, vou tentar. Indagava com as mãos na cabeça tentando me encolher sentindo uma sensação pavorosa por todo o corpo. Agora a voz me dizia não para ter raiva, mas sim para controlar todo o poder que despertara. Respirava então profundamente, meu corpo aos poucos relaxava enquanto me concentrava. Sentia aos poucos como se o fogo fosse o meu corpo, como se ele fizesse parte de mim, assim como dito pelo homem. Ainda ajoelhado no chão com o rosto encharcado de suor, estava tendo um pouco de dificuldade mas ainda sim estava começando a compreender o que o estranho estava tentando me ensinar. -Isso, isso! Meu corpo já não sentia tanto os efeitos do descontrole anterior, aos poucos me acostumava com as chamas.

A voz se alterou um pouco tentando incentivar-me de forma a me desafiar. Estava aos poucos começando a controlar todo aquele poder, tanto que o fogo se contraía aos poucos tomando conta de uma área bem menor do que a inicial. O suor escorria por todo o meu corpo e cada vez mais me concentrava. O fogo estava aos poucos sendo controlado, mas ainda sim queimava parte do local a minha volta. Meu corpo já não sentia o efeito do descontrole apesar do rio de suor que escorria de mim. Aos poucos levantava do chão até conseguir me colocar de pé. Ao abrir meus olhos percebi o estrago que toda a minha ira tinha feito. No entanto me aproximava cada vez mais do meu objetivo. O pesadelo que tivera antes de chegar no campo de treino nunca chegaria a acontecer, agora que estava me acostumando com as chamas. -Isso que é poder, o meu poder. Deixava escapar um pequeno sorriso, esse que mais se assemelhava a um sorriso malicioso. Tanto poder despertava em mim a ânsia de mais poder, coisa que eu nunca tinha sentido antes. Certamente meu objetivo futuro seria ganhar cada vez mais poder, até alcançar o status de lenda. Enfim, o fogo se retraia mais e mais, aos poucos voltando para o meu corpo, de onde ele havia se iniciado.

A voz daquele homem se tornou mais hostil, como vinha acontecendo desde o inicio. Isso me fez perder o controle por alguns estantes gerando o aumento do fogo mais uma vez, ele tomava conta do mesmo espaço que já havia queimado destruindo um pouco mais do cenário. Por pouco não perdi o controle total, isso certamente me traria uma consequência negativa. Minha respiração então se aprofundou novamente retomando o ritmo de minha concentração. Meu folego voltava ao normal apesar do suor escorrer pelo meu corpo. O fogo por sua vez voltou a recuar sendo domado novamente pela minha vontade. Agora, tinha ele como extensão do meu corpo, como parte de mim, minha alma escaldante. As ultimas palavras daquele homem me alertavam para o perigo de não dominar aquelas chamas, me fazendo lembrar do pesadelo. Minha força de vontade tomou conta de mim, precisei de mais algumas respirações para me acalmar mais uma vez. O fogo por sua vez estava enfim se envolvendo em meu corpo, já não se encontrava espalhado pelo campo destruindo tudo. Enfim, ele me rodeava em questão de alguns minutos, mais intenso e reluzente, até dos meus olhos ele se mostrava, como meu corpo fosse o fogo e o fogo fosse o meu corpo. Agora eramos um, e tudo em minha mão seria usado em meus objetivos. Ao final as chamas sessaram, me vi em meio a um campo destruído pelas chamas que o tomaram. E assim parti para minha residencia.

HP: 1075/1075 CH: 1025/1025 ST: 0/6


Considerações:
Palavras: 1056
Objetivo: + 100 Status
Vestimenta:
Vestimentas: O sobretudo é parecido com este, no entanto ele pode ficar aberto por haver botões, e no momento eles estão abertos mostrando minha calça e minha blusa de manga, ambos da mesma cor do sobretudo.
Ações:
Jutsus Usados:
Armas Usadas:
Armas Especiais:
Armas Levadas:
Kunais - 8
Kibaku Fuuda - 18 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
-
Emiya
Chūnin
Emiya
Vilarejo Atual
Ícone : [Filler] Espirito Em Chamas Part. 2 OA6REfD

https://www.narutorpgakatsuki.net/t65777-f-emiya-2-0#479953

Re: [Filler] Espirito Em Chamas Part. 2 - 11/3/2019, 09:08

@
-


Edição de Aniversario por Shion e Senko.