>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, mas simplesmente o melhor!
Arco 10:
RemanescentesAno: 69DG
Hanatarō olha para a vila do topo do prédio do Departamento de Pesquisa. Há dois anos era uma salinha no fim do laboratório geral da vila, agora tinha seu próprio prédio tão alto quanto o próprio escritório do Kazekage. Hanatarō sorri vendo as pessoas andando felizes na nova vila construída graças aos avanços científicos realizados com a inteligência de Takura, sua mentora. Antes, ele só via uma vila pobre, com construções de areia frágeis, com um horizonte desértico, dependendo de outras vilas, inclusive de Konoha, para conseguir sobreviver, mas agora... Sunagakure estava grandiosa novamente e tinha comprado sua independência. As construções ainda tinham porções de areia, mas eram forjadas em metais nobres, em ouro, em prata, criando grandes casas e prédios. As lojas estavam cheias de especiarias únicas, pois o trabalho de encontrar certos ingredientes se tornou muito mais prático desde que a vegetação voltou a florescer nos arredores da vila; onde antes era só deserto agora possuía vielas de relva, florestas, rios e uma fauna cheia de roedores, mamíferos e carnívoros.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Primavera

Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

[MIssão C] Kuro - em 10/2/2019, 11:32

Desafio ninja
Descrição: Um ninja brincalhão conjurou vários Kage Bunshins de si próprio e faz bagunça por ai jogando mini-bombas, destruindo barracas, vendo jovem senhoritas enquanto tomam banho de sauna e muitas coisas mais. Conseguimos destruir alguns, só sobrou um Bunshin. Sua missão é achar e vencer esse bunshin, seu nome é "Hikari", e esta enfraquecido pela constante quantidades de Bunshin que invocou, vá e faça esse bardeneiro receber o seu merecido castigo.
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [MIssão C] Kuro - em 10/2/2019, 11:35


Um pássaro sobrevoava sua cabeça por algum motivo enquanto caminhava lentamente pelas ruas da vila. Tal animal parecia estar a procura de alguém, estava de um lado ao outro. O jovem não desconfiou de nada, apenas manteve-se andando. O pássaro por sua vez avistou o menino e mergulhou em sua direção. Aquilo gerou um susto no menino, o fez dar um salto para trás, reação de puro reflexo. Ao ver o animal a sua frente indagou-se sobre o que ele fazia ali, mas logo percebeu um pequeno pergaminho em sua pata. O animal foi até ele cuidadosamente, o mostrando que a mensagem estava endereçada a ele. O garoto pegou o pergaminho e desenrolou, a ave por sua vez tendo concluído o serviço se foi. Se tratava de uma missão, havia um baderneiro em meio a vila que não parava de fazer besteira. Foi encarregado de puni-lo severamente.

Puxou uma grande quantidade de ar, relaxou todos os seus músculos enquanto guardava o pergaminho que acabara de ler e em seguida saltou sobre o terraço de uma casa próxima. Vislumbrou boa parte da vila, até onde seus olhos podiam enxergar. Não via nada fora do normal. Pulou daquele tarraço e seguiu para outro e mais outro, e assim procurou pelo rastro do garoto. Passou horas vasculhando cada ponto da vila, vendo o rastro de bagunça deixado pelo garoto. Conversava com os aldeões, perguntava se tinham visto o garoto em algum lugar. A maioria dizia que não, mas alguns davam a direção que ele seguira. Todo aquele tempo se passou e cada vez mais se aproximava do seu objetivo.

Enfim, horas de busca resultaram no encontro entre o baderneiro e Kuro. Saltou sobre um terraço bem alto, de difícil acesso e que ninguém conseguia ver devido a sua altura. Lá estava o pequeno baderneiro com seu único clone. O garoto estava sentado, ofegante e muito cansado. O suor escorria em seu rosto, da mesma forma que seu clone. Agora sim, o castigo chegaria.

O garoto se manteve sentado, mas seu clone avançou armado com uma kunai em mãos contra o gennin. Este habilmente conseguiu se esquivar para sua esquerda deixando o seu pré a frente do clone. Ele tropeçou em seu pé e caiu no chão deixando a arma escapar. Esse momento fui crucial, usou de seu desequilíbrio para acerta-lo com uma shuriken. O menino o acertou em cheio, bem no tórax já que a distancia entre eles era pequena e não dava brecha ao erro. A fumaça tomou o lugar daquele clone mostrando que ele foi desfeito. O original não conseguia se levantar, o cansaço era muito grande pelo visto. Se aproximou lentamente, agarrou o colarinho da blusa do garoto e o ergueu do chão. O garoto até tentou se desvencilhar, mas de nada adiantou. Ambos percorreram mais alguns centímetros até o jovem baderneiro se ver suspenso sobre o terraço. Kuro o olhava com uma expressão muito séria deixando algumas palavras saírem de seus lábios. -Garoto você não está com sorte hoje. Se continuar com essa baderna vou atrás de você e te jogarei de um prédio maior que este. O baderneiro se assustou, arregalou os olhos começando a chorar e suplicou. -Me perdoe, por favor, nunca mais farei isso eu juro. Enquanto o jovem falava um novo ninja apareceu sobre o terraço. Tinha enxergado o garoto ali suspenso e seguiu até aquele local. Apenas olhava o ocorrido, sem interferir. O jovem sentiu que o seu dever estava concluído, jogou o garoto no chão próximo ao ninja recém chegado e depois partiu deixando o garoto agora sob os cuidados daquele homem.


HP: 200/200 CH: 400/400 ST: 0/2

Considerações:
Ações:
Jutsus Usados:
Armas Usadas:
Armas Especiais:
Raijin no Ken - Presa na Cintura
Armas Levadas:
Kunais - 5
Shurikens - 5
Kibaku Fuuda - 20 (espaço 5)
Hikaridamas - 5 (Espaço 5)
-
Selina
Chūnin
Selina
Vilarejo Atual
Ícone : Serena

https://www.narutorpgakatsuki.net/t63587-ficha-yamanaka-serena

Re: [MIssão C] Kuro - em 10/2/2019, 14:38

[MIssão C] Kuro Selina10

_______________________

Clicar no coração para ir para a ficha
-
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [MIssão C] Kuro -

-


Layout por @Akeido Themes, @Loola Resources e Naru.