:: Área de Mudanças :: Centro de Melhorias :: Treinamentos de Fillers
Alvorecer
Arco 04
Ano 17 DG
Verão
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

[FILLER DE STATUS] O LONGO DIA 139

Fugaku
Genin
Fugaku
Vilarejo Atual
[FILLER DE STATUS] O LONGO DIA 139

[FILLER DE STATUS] O LONGO DIA - Publicado Sab 10 Set 2022 - 23:49


Sentado diante da mesa de carvalho e mogno em dos mais refinados estabelecimentos do vilarejo situado bem em uma das ruas mais movimentadas do centro comercial da vila, o gennin e seu parceiro, Yun, esperavam pelo prato predileto do garoto, gyoza. A casa estava cheia, bem na hora do rush entre a pausa para o almoço e o meio da tarde, quando uma verdadeira multidão se apinhava pelas ruas da Névoa Oculta.
— Quem diria, hein, Yun? Em uma semana conseguimos fazer uma boa grana com essas missões — Dizia ao companheiro, sentado sobre a cadeira disposta diante da mesa, posta a extremidade oposta. Com a recompensa de suas quatro primeiras missões o Inuzuka decidiu comemorar com seu parceiro indo para o melhor restaurante que puderam encontrar, pedindo para o almoço um de seus melhores pratos e uma dose de saquê. Ele, que não tinha idade para beber, usava de toda a pelugem que recobria seu corpo e suas costelas, que o anunciavam como um homem, apesar de ainda estar a alguns anos de completar duas décadas de vida.
— Senhor, nosso estabelecimento não é pet friendly, sinto muito mas terão que se retirar. Agora. — Minutos antes, espantado com a chegada de menino e seu cão, o maldito garçom os advertiu que saíssem, suando frio enquanto olhava ao redor, preocupado com os olhares perplexos dos demais clientes.
— Ah, é? — Nesse momento, as asas de seu nariz se alargaram em uma inspiração profunda — Bom, chapa, o meu amigo aqui é um ninken, entendeu? Não é um pet. — Rebateu, com ênfase nervosa para a última palavra — Agora, se você não sabe o que isso significa, é melhor descobrir antes que nós fiquemos irritados. Ele se transforma num cão gigante de três cabeças, se quiser mesmo saber. — Tentando parecer confiante, cuspiu cada palavra para garantir que ele e o amigo canino pudessem continuar ali. — Mas tenho certeza de que você não quer ver.
— Eu vou... — Fez uma pausa, arregalando os olhos. Olhou ao redor e, com tantos outros pedidos a serem preparados, era melhor não perder tempo discutindo. O cão usava bandana, afinal. — Eu vou levar seu pedido para o chefe, senhor. — Em tom de resmungo, deu as costas para a mesa, indo em direção a cozinha. — Eu espero que a vigilância sanitária não faça uma vistoria tão cedo. — Cochichou consigo mesmo, voltando a cozinha.
Assim, quase vinte minutos depois do pedido, seu pedido se aproximava da mesa, com o mestre do salão vindo em direção ao gennin mentiroso com vários pratos apoiados em bandejas sobre seus braços. Foi em um quarto de instante, então, que um borrão a sua frente tomou a forma de um homem, que se materializou ao lado de Fugaku e depositando um rolo de pergaminho em sua mesa, bem a sua frente.
— Huh, olá, garoto. — Era Garu, o mensageiro chunnin — Parece que hoje não temos muita gente de expediente, deve ser feriado, ou sei lá. — Disparou a falar. Em seus braços, pelo menos uma dúzia de pergaminhos se amontoavam, prestes a cair. — Por isso, vamos ter bastante trabalho hoje. Parece que o gato de uma senhora está preso numa árvore, sabe como é, né? Essa é clássica. Fora isso, o sobrinho-neto do senhor feudal precisa de uma babá durante a tarde, e ele adora cachorros, por isso pensei que você seria o gennin perfeito para essa. As demais são ofícios a serem transportados de uma repartição a outra, ah, malditos preguiçosos, precisam mesmo de um gennin para isso? — Balbuciou como se ninguém o estivesse ouvindo — No final da tarde, um artista vem ao vilarejo para degustar frutas da estação e precisa de alguém para escoltá-los de volta ao País da...
— Tá, tá, tá. Tô ligado, chefia, tem bastante coisa aí para mim, mas... — Interrompeu, enquanto afrouxava o cinto — Tá na hora da bóia, e meu prato já saiu da cozinha. — Na extremidade oposta, Yun grunhia em aprovação, balançando o rabo.
— Sim, sim. E você espera que saia daqui e vá dizer a todas essas pessoas que não dá para aceitar nenhum pedido porque o nosso gennin que devia estar sempre a postos para trabalhar pelo vilarejo está na pausa para o rancho. Vê se acorda, porque você tem bastante coisa para fazer até o fim do dia. — Rebateu, dando um peteleco bem na testa do Inuzuka. — Trata de apertar esse cinto de novo e vai logo fazer o que e... Ei, ei, espera. Isso é saquê?! Você nem tem idade para beber.
— E você não tem tempo para se preocupar com isso, larga os pergaminhos aqui comigo e deixa o resto com o pai.
— Espero que sim. Até mais.
Com a mesma velocidade com que se materializou, o chunnin desaparecera, ainda com uns tantos rolos de pergaminho em sua sacola. Sobre a mesa, o pequeno copo de cerâmica em que estava a modesta dose de saquê tinha desaparecido junto de Garou. Verme, pensou, irritado. Em seguida, ajustando o hitai ate que ele usava com cinturão ele se colocou de pé novamente, percebendo que o garçom vinha em direção a mesa em que eles estavam.
— Vamos Yun, nós voltamos aqui depois. — Grunhiu, antes de sair bufando em direção a rua, desaparecendo em meio a multidão.

~ ~
~ ~

De volta ao gabinete, bem no fim do expediente administrativo, Fugaku e Yun adentravam pela porta deslizante ao prédio onde as missões eram distribuídas ao corpo militar, cansados pela exaustiva tarde que tiveram. O dia, repleto de uma monótona lista de afazeres, tinha, enfim, chegado ao fim. A maldita criança era catarrenta e irritante, exatamente como o esperado de um rebento de família nobre, e uma dúzia de senhoras alugaram o seu tempo durante toda a tarde para as mais diversas e estúpidas tarefas — resgatar felinos indefesos de lugares inimagináveis, carregar ervas frescas e jogos de louça da casa de chá — Quem diria que essa merda poderia ser tão pesada?, pensou, enquanto carregava uma dúzia de caixas embaladas e sinalizadas com "Cuidado! Conteúdo frágil" — e algumas outras missões que não envolviam nenhum risco. Garou estava sentado atrás de uma mesa onde pilhas e mais pilhas de papeladas acumulados pareciam não ter fim.
— E aí, chefia? — Cumprimentou, sarcástico, sem nem sequer erguer os olhos para fitá-los, concentrado em continuar seu trabalho. — Ouvi dizer que você cumpriu todas as missões, direitinho. Parabéns, logo logo vai ser elegível a chunnin. — Apenas nesse instante ele tirou seu olhar fixo dos papéis para assinar um cheque no valor da recompensa pelos trabalhos do dia. O gennin não tinha mais ânimo para nem mais uma palavra sequer, apesar de se sentir provocado. Ele queria receber e retornar a sua casa. — Aqui, seu pagamento. Até amanhã.

~ FUGAKU ~
HP: ❲ 300 • 300 ❳ CH: ❲ 300 • 300 ❳ ST: ❲ 00 • 05 ❳


~ YUN ~
HP: ❲ 150 • 150 ❳ CH: ❲ 150 • 150 ❳ ST: ❲ 00 • 02 ❳





Considerações gerais:


[FILLER DE STATUS] O LONGO DIA Tumblr_ofvns8lDpy1um42ooo4_500

Lan ShuiXian
Jōnin
Lan ShuiXian
Vilarejo Atual
[FILLER DE STATUS] O LONGO DIA Tumblr_ofvns8lDpy1um42ooo4_500

Re: [FILLER DE STATUS] O LONGO DIA - Publicado Dom 11 Set 2022 - 16:40

Situação: Aprovado
Considerações: -
Recompensas: 100 de status Base