:: Mundo Ninja :: Mapa Mundi :: Kirigakure no Sato :: Arredores
12 Anos Online
A Noite Mais Escura
Arco 03
Ano 14 DG
Outono
Diante da queda de Moira O'Deorain e a morte de Chisaki Overhaul, todos os olhos dos ninjas presentes em Kiri se voltaram para o Capuz Vermelho, que se revelou uma cópia exata do lendário Sarutobi Shion. Graças a Hyuuga Angell, o mercenário foi capturado, levando a prisão junto com Moira. Tudo aquilo favoreceu um entendimento entre as vilas que lutaram entre si em Oto, fazendo com que eles voltassem a neutralidade. Enquanto Iwa e Suna elegem novos Kages, em Konoha, Sarutobi Kaden se prepara para passar o seu cargo para um ninja mais jovem, ao mesmo tempo em que um novo Senhor Feudal assume em Kumo e o Daimyou de Kiri tenta impedir os ataques dos opositores de Jyu. Com a revelação de Chisaki Overhaul sobre a HYDRA, as ações da empresa acabam sofrendo uma grande queda, gerando indícios de uma enorme crise nas grandes nações. Diante do caos, diversos vilarejos pequenos são varridos do mapa quando uma onda de assassinatos em massa se inicia, ao mesmo tempo em que um grupo de fieis ao Jashinismo começa a se erguer, trazendo uma mensagem de esperança para os corações afligidos pelo sofrimento.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Oblivion
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
XXXXX
Futuramente teremos.
Discord#1234
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 25/5/2022, 23:54



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

Time 7 de Kirigakure… Agora Hattori Natsumi fazia parte de um time. Ela… teria que se comportar como gente normal agora, e isso era o seu maior desafio. Caminhando pela vila, observava as consequências que a chegada do tal Pastor ocasionou, grupos de pessoas comentando, alguns afirmando que iria segui-lo até Amegakure. A chūnin não tinha muita noção daquilo, mas sentia que era algo grande, nada pequeno faria a vila se agitar tanto. Ela decidia se aprofundar mais no assunto, investigar o que estava acontecendo realmente, saber o significado das pichações e o que era a religião que tanto estavam espalhando, mas não teve muito tempo para isso, já que um mensageiro de Kiri aparecia em sua frente. — Chūnin Hattori Natsumi? — disse o rapaz, sem olhar todo o contexto em que a kunoichi estava, se preparando para uma investigação. — Você não tá vendo que ia começar a investigar algo? Acabou com minha discrição! — ela reclamou, mas o mensageiro pouco se importava, tirava um pergaminho de sua bolsa e entregava para ela. A garota não teve a chance falar mais nada à ele, porque havia sumido como um vulto.

Ao abrir o pergaminho, notou que era uma missão para ela. Se ela queria resolver problemas do presente… o passado vinha para tomar sua atenção. Informações diziam que uma criatura na periferia do País da Água estava causando mortes e desgraça por ai… como se isso fosse deixar a chūnin horrorizada, pelo contrário, a deixou animada. Tal criatura era fruto de experimentos em laboratórios alheios, que seus cientistas adoravam Moira. O objetivo da missão era acabar com esse caos.

A kunoichi fechou o pergaminho e o guardou. — Ok… essa religião fica para depois. — dizia para si mesma, enquanto se esticava, sabia que ia ter uma viagem longa. — Quero te conhecer, criaturinha! — exclamou enquanto andava até o portão.

Mesmo sendo de um time, a missão de Natsumi era somente ela e ela mesma, sem ajuda de ninguém. A kunoichi partiu de sua aldeia em direção à cidade que fora informada no pergaminho.

Como conhecia o País da Água, a viagem se tornou mais ágil, pegava alguns atalhos aqui e ali que a fizera chegar mais rápido em seu destino.

Ao chegar na cidade, a aura dela parecia… esquisita. As pessoas estavam sendo mais introspectivas, mais atentas aos arredores, com medo de algo. Natsumi logo notava isso e associava com a situação da criatura ali.

Andando mais um pouco pela cidade, tentava captar alguma informação relevante, ou até mesmo marcas que o monstro poderia ter deixado. Ninguém soltava algo de útil, parecia que aquela sociedade era programada para fazer o mínimo sem dizer um “a” sequer. A Hattori suspirou, sabia que tinha fazer algo a mais para conseguir pistas da onde aquela criatura estava. Encostando em uma parede, inspirava o ar e expirava, em alguns segundos estava totalmente concentrada e seu foco ia totalmente para a sua audição, era as habilidades da Prodígio Hattori. A sua capacidade de escutar foi expandida para incríveis quinhentos metros, podendo escutar tudo e todos. Filtrando os sons inúteis, procurava algo de seu interesse. Sua investigação começava ali.

HP: ❲825 ✘ 825❳ CH: ❲1.525 ✘ 1.525❳ ST: ❲00 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:


Última edição por Powder em 27/5/2022, 15:33, editado 1 vez(es)

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 26/5/2022, 11:12



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

Aquela cidade em que a chūnin estava parecia uma sociedade robótica que fazia somente o básico e o necessário, sem dizer uma palavra. O monstro fez isso com eles? Natsumi tentava adivinhar o que se passava ali. Se eles continuassem a viver a vida normalmente… atrairia a criatura para eles e geraria outro massacre? Ela tinha que descobrir isso, mas o seu objetivo era só se livrar do agente do caos. Como tudo parecia esquisito no centro daquela cidadela, a Hattori tinha que usar seus dons familiares para encontrar mais informações. Hyōton? Não, o seu fogo gélido não resolveria nada ali, somente deixaria a população mais assustada. A habilidade geracional que usava era os seus sentidos aprimorados, que somente a Prodígio Hattori poderia ter. Encostou em uma parede, inspirou ar e o expirou, e logo entrou em concentração. Todo o seu foco seria para a sua audição, onde tentaria capturar alguma conversa pelos arredores. A área que sua audição aprimorada poderia alcançar eram incríveis quinhentos metros. A informação recebida era filtrada, descartando os sons inúteis. Depois de alguns segundos procurando, acabou achando algo…

Ei! Achei um lugar super maluco! — era a voz de um menino. — Parece meio destruído, mas dá para brincarmos lá! — dizia animado. — Minha mãe me disse para não ficar muito longe de casa… — dizia outro garoto, meio reticente. — Não tem problema, não tem nada lá! — o menino encourajava. — Vamos pessoal! — continuava, chamando os amigos para brincar em um lugar misterioso. O grupo dos pequenos começava a correr, pelo som dos passos, pareciam ser quatro crianças. Natsumi “acordava” da sua concentração, sabendo por qual caminho que eles iriam. As crianças estavam numa viela a duzentos e cinquenta metros dela. A chūnin apertou o passo para encontrá-los visualmente. Mesmo andando, Natsumi pôde usar outro sentido aprimorado, mas não no seu máximo, o tato. Com o tato, cada passo da garota de cabelos azuis serviria como um “sonar”, procurando pelas crianças. Não demorou muito para encontrá-las, estavam numa rua na paralela a de Natsumi. A kunoichi atravessou alguns prédios rapidamente com alguns pulos e já estava atrás das crianças, os seguindo cuidadosamente.

Eles não cansam, não? — questionava a Hattori em sua mente, as crianças corriam sem parar. Mas não demorava muito para chegar até o destino. No meio de alguns lagos, rios e poças d’água, havia um laboratório, destruído, não fazia muito tempo. A ninja de Kirigakure permanecia a cem metros das crianças, sem perdê-las de vista. O pequeno grupo entrava no lugar sem se preocupar com nada. — A criatura foi criada em um laboratório… será que foi esse lugar sua casa? — sussurrava, raciocinando.

Natsumi esperou os pirralhos entrarem por completo no laboratório para sair da cobertura e entrar também. Trespassando os limites do lugar, a chūnin iniciava sua investigação. Via toda a estrutura científica do local, procurando algo que fosse de útil para achar a criatura que tanto procurava. Como forma de segurança, a Hattori aguçava sua audição para ficar “de olho” nas crianças. Ela conseguia escutá-los mexendo nas coisas também, brincando com vidro e afins, a alguns bons metros dela. — Não brinquem com isso, podem se machucar. — ela imitaria a voz de sua mãe, Naomi, mesmo que os pequenos não pudessem ouvir. Depois de alguns minutos observando no que trabalhavam ali, conseguiu captar um grande barulho, como se uma comporta fosse aberta. — Opa, opa, o que eles estão mexendo? — de alguma forma ela se importou com meninos, e correu na direção do som. No meio da corrida, conseguiu ouvir eles falando. — O que é isso? Que nuvem é essa? — falavam com medo e depois gritavam. Não demorara muito para Natsumi alcançá-los, tomando a frente na situação e se deparando com a tal “nuvem” que diziam.

Uma nuvem de coloração roxa, mas que tinham brilhos amarelo que se assemelhavam a olhos. Natsumi abriu um sorriso. — Olha só quem está aqui, o monstro! — brincava com a massa roxa, mesmo com a tensão subindo. As crianças saíram correndo assim que a chūnin apareceu.

Natsumi voltaria à batalha depois de muito tempo…

HP: ❲825 ✘ 825❳ CH: ❲1.525 ✘ 1.525❳ ST: ❲00 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 26/5/2022, 13:13



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

Diante de uma nova ameaça, Natsumi abria um sorriso… sim, sorriso, a garota era maluca. Depois de muito tempo em ambientes “calmos” (na Forja dos Lobos, principalmente), a Hattori voltaria para onde realmente gostava de estar: no meio da batalha, violência, na tensão em seu mais alto nível.

A nuvem roxa de olhos amarelos era seu mais novo inimigo. Inimigo? Por questões burocráticas, sim, mas ele ser um agente do caos, que trouxe morte e destruição para uma cidade, fazia Natsumi simpatizar com ele, porém a missão dada era acabar com ele, não tinha o que fazer. Sacando sua tōken por costume, se preparava para a batalha, mesmo enfrentando uma nuvem. Aquele ser começava a rodear a ninja, parecia analisar a kunoichi. Seguindo a movimentação daquilo, a Hattori também analisava o que estava em sua frente.

A luta ficaria naquilo por alguns minutos, a chūnin ficaria tensa cada vez mais. A nuvem roxa também se mostraria mais agressiva. Num momento surpresa, a nuvem avançou. Natsumi foi rápida na reação e conseguia desviar da investida. Ela sorriu. — Agora sei como você mata tão fácil. — brincou com aquela nuvem. Por algum motivo, aquela nuvem reagiu a fala, se mexendo, parecia rir. — Hm? — a kunoichi estranhou, se distraindo. A nuvem aproveitou a abertura e investiu novamente. A Hattori recobrava a concentração para desviar, e por um triz evitou o ataque do ser, mas ele não parava, a todo momento investia contra a kunoichi de Kirigakure. Natsumi não tinha muita chance de atacar, a nuvem não tinha cansaço. Indo de um lado para o outro, a garota de cabeços azuis desviava dos ataques, mas se sentia cansada cada vez mais.

Toda aquela caça duraria um bom tempo, a chūnin era resiliente também. Com sua espada, ela bloqueava alguns ataques do monstro. Porém, numa defesa com sua lâmina, ela foi jogada um pouco para trás e tropeçou, caindo de costas no chão. — Merda! — reclamou consigo mesma. A nuvem, que não é boba, avançava contra a ninja, enrolando-se em seu pescoço. A nuvem começava a sufocar a garota, que lutava para se livrar da “prisão”. O contato da nuvem com a pele da ninja faria a mesma sentir que seu chakra estava sendo roubado. — Essa coisa tem Chakra Kyuin?! — pensava, meio desesperada. A energia dela era sugada, mas a chūnin notava que a nuvem estava tomando forma, ficando sólida. Em um momento, ela conseguia pegar algo semelhante a um rabo e jogava o ser para longe.

A nuvem ficou no chão, a fumaça dela começava a se esvair. Natsumi estranhou novamente. Depois de alguns segundos, a verdadeira forma do monstro se revelava da nuvem roxa.

Você é… um gato?! Não… você é o quê?! — questionava a forma daquele animal em sua frente. Era um bicho com uma grande cabeça de macaco com grandes presas e uma juba branca, o corpo de um tanuki, pernas de tigre, uma cobra branca como cauda e olhos amarelos brilhantes.

O animal começava a rosnar para Natsumi ao ouvir a pergunta retórica.

Sinceramente, a Hattori não sabia muito bem o que fazer.

HP: ❲825 ✘ 825❳ CH: ❲1.372 ✘ 1.525❳ ST: ❲01 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 26/5/2022, 15:27



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

A situação em que Natsumi se encontrava era… inusitada. Diante de um pequeno animal estranho, matutava em sua cabeça o que tinha que fazer para lidar com aquilo, mas uma parte de si queria agarrar aquele bichinho que achava bem fofo. — Você é muito fofo! Não tem como você ter matado uma cidade quase inteira! — falou com uma voz doce. O animal, por outro lado, se irritava ainda mais com a fala da ninja. — Tá bravinho? Não fica assim não, vem aqui. — continuava a brincar com ele, chamando-o. Ao contrário do que se imaginou, aquela quimera avançou contra a Hattori, e com suas garras feriu o braço da garota um pouco. — Maldito! Eu queria te dar carinho! — sua voz já voltava ao normal, agora irritada por ter machucado seu braço. A chūnin se portava novamente para a batalha, o ferimento não incomodava muito, mas estava sangrando. A garota se esticou rapidamente para voltar à luta.

Minha missão era te matar, então… — deixava implícito que queria matá-lo, novamente ele se mostra irritado, mas a kunoichi não ligava mais. Era a hora dela atacar. Sua espada brandia, era momento de cortar, cortar um pequeno animal que não era tão indefeso assim. A distância entre a quimera e Natsumi era coisa de seis metros. O avanço da Hattori foi veloz, que surpreendeu o animal, que conseguiu se reposicionar um pouco, mas não evitou o golpe com a espada, cortando-o um pouco na perna. — Olho por olho… — disse Natsumi, referenciando o ferimento com a garra que havia sofrido. Porém, no caso do bicho, ele tinha algo a mais. O ferimento que havia levado da chūnin foi curado em questão de segundos. — Você tem Iryōninjutsu também… — a ninja não achava muita graça do que via, a batalha ficava um pouco mais difícil. A quimera contra-atacava. O seu rabo se expandia em forma de espectro roxo. O rabo, aliás, era uma especie de cobra, com dentes no seu final. Tal espectro roxo tentava mordê-la, mas a ninja era veloz o suficiente para desviar e defender com sua lâmina.

Já chega! — exclamava a ninja de Kirigakure, que tecia selos e em sua mão direita um fogo azul surgia. Sua mão ia de encontro com os espectros roxos, os destruindo e abrindo caminho até a pequena quimera, que se movia em velocidade também. Mas o espaço reduzido e a velocidade alta de Natsumi a fez vencedora naquele primeiro momento, conseguindo acertar um soco em cheio na quimera, o jogando longe.

Desista, não vai conseguir me matar, coisa pequena. — disse com sua confiança exacerbada. A quimera se levantou devagar, ouvir as palavras da chūnin e respondeu com um rugido que fez treme o laboratório, apesar do seu tamanho. — Então você tem mais o que entregar! Venha! — o chamou para a batalha novamente.

HP: ❲785 ✘ 825❳ CH: ❲1.372 ✘ 1.525❳ ST: ❲02 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 26/5/2022, 17:41



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

O rugido da quimera aquecia a batalha entre ambos, Natsumi via que ele podia fazer mais, então o chamava para continuar. A quimera se curava do fogo com Hyōton que a chūnin acertara nele, as queimaduras criogênicas desapareciam com o tempo. A Hattori não sentia medo da criatura, além disso, se animava em enfrentar algo tão diferenciado como um animal que contém partes de outros animais.

O monstro agia novamente, correndo em direção à kunoichi com ódio exalando. Suas garras ficaram a mostra para tentar novamente machucar a ninja, mas ela era esperta, sabia do golpe e o aparou com a lâmina da espada. O momento era da quimera em atacar, usava as paredes do laboratório para se locomover e se confundir a chūnin de Kiri. Os golpes do animal não encaixavam muito bem, fazendo ele tentar coisas novas. Em um momento, usou dos vidros do complexo cientifico, jogando-os em direção à ninja que teve que sair de perto ao mesmo tempo que protegia os olhos dos possíveis cacos. Nessa abertura, a criatura atacou de frente, dando uma cabeçada na barriga da garota e a jogando alguns metros para trás. Com dores no abdômen, Natsumi ria, ela via como aquele animal era inteligente. — Você até que é inteligente, hein? Não tinha noção que fosse capaz de fazer algo do tipo. — comentou com um sorriso no rosto. A quimera reagiu à fala retribuindo o sorriso, mostrando que entendia o que ela falou, e também concordando com a afirmação. Natsumi arregalou os olhos, parecia ter captado algo. — Ele me entende? — pensou. Ficou com aquilo na cabeça por alguns segundos, mas retornava sua mente para a batalha logo em seguida.

A luta prosseguia, a chūnin começava a não sentir tanta dó assim de machucar aquele animal, brandiu novamente sua espada e se pôs em batalha. As caudas espectrais roxas surgiam de novo, sabendo disso, Natsumi simplesmente corria em direção a quimera cortando tais caudas, superando-as facilmente. Ao aproximar-se do animal, a Hattori não atacava o corpo do bicho, mas sim sua cauda, surpreendendo o animal que não pôde desviar e seu rabo foi perdido. O pedaço do rabo branco ficou no chão enquanto a quimera se afastava um pouco mais, o toquinho da cauda dele começou a se manifestar, regenerando todo o membro, voltando ao normal.

A fera contra-atacava, correndo para Natsumi, a ninja sentia que a criatura estava perdendo o controle, talvez por que estava sendo derrotada? Não sabia ao certo, mas via que seus movimentos poderiam ser telegrafados com facilidade. Numa investida, a fera tentava acertar a perna direita da chūnin, mas a kunoichi conseguia prever tal golpe e desviou, já tecendo selos. A espada de Natsumi caiu, fincando no chão e de suas mãos surgiram dois chicotes de fogo gélido. A péssima investida da quimera deu a oportunidade de Natsumi usar os chicotes para amarrar o animal, queimando e, além disso, jogando-o no chão por diversas vezes. Quando terminou a terceira batida da fera no chão, Natsumi pegava sua espada, desfazia o jutsu e aproximava da fera, que estava enfraquecida. A ponta de sua lâmina tocava o pequeno corpo do monstro. — Agora acabou de fato, monstro. Desista. — dizia Natsumi a ele.

É… perdi. — a pequena fera falou.

HP: ❲775 ✘ 825❳ CH: ❲1.297 ✘ 1.525❳ ST: ❲03 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 26/5/2022, 19:59



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

A QUIMERA FALOU! Sim, aquele animal à beira da morte pela espada de Natsumi admitiu a derrota. — Como assim você sabe falar?! — exclamou a ninja. — Você é uma lutadora formidável, garota. — ele continuou. A kunoichi se afastou um pouco, deixando ele se curar e levantar. — Me chamo Nue, sou um Yokai. — se apresentou. — Err… sou… Hattori Natsumi. — a garota se apresentava também. Surpreendentemente aquela criatura se tranquilizou até que rapidamente. O pequeno animal começou a se aproximar da garota calmamente, ficando a dois metros dela. — Nunca tinha sido derrotado antes. — comentou. — Você foi a primeira a conseguir esse feito, garota Hattori. — finalizou. Natsumi agachava-se para ficar mais perto dele. — É… dizem por ai que sou uma prodígio, mas não acredito muito. — brincou, referenciando o fato dela ser a Prodígio Hattori, a quimera riu. — Olha, do jeito que lutou, parece ser mesmo. — complementou. O monstrinho virou-se para o laboratório e suspirou vendo toda a destruição. — Acho que você já deve ter deduzido que aqui que fui criado, certo? — perguntou retoricamente. — Bem… faz algum tempo desde que fui criado e tratado como uma arma… Enclausurado, fizeram experimentos, testes e tudo de pior. Não tive uma vida normal como um animal qualquer por aí. Um certo dia, consegui fugir. A primeira coisa que fiz foi matar aqueles que me fizeram mal. Entrei num frenesi de matar humanos por aí, todos me serviam de alimento, e para mim, vocês eram somente isso mesmo. — contou sua história, resumidamente.

Natsumi ouviu atentamente a tudo que ele disse, o monstro, apesar de pequeno, era realmente um monstro, mas ela não sentia mais vontade de matá-lo. — E o que você fará agora? — perguntou a ninja. A quimera virou-se para a garota de cabelos azuis. — Se eu tentar fugir, você irá atrás de mim e me matará, tem capacidade para tal. — comentou, a Hattori riu e assentiu positivamente, concordando com a afirmação. — Você ainda é minha missão, afinal de contas. — complementou. Nue aproximou-se dela novamente. — Não tenho muito o que fazer então. — disse a ela. A chūnin ficou encarando o animal por alguns segundos, pensando em alguma alternativa. — Ou você morre agora, ou você vai pra Kiri comigo viver em outro laboratório. — falou, ela não sentia muita empatia pelo animal. A quimera demonstrou um pouco de desespero, mas logo pensou em algo. — E se nós fizermos um trato? — propôs. Natsumi não entendia o que ele estava querendo, fazendo uma cara de dúvida. — Um contrato de invocação, ao assiná-lo, posso te ajudar em batalhas que lutará no futuro. — explicou. — Um parceiro? Hm… — a kunoichi perguntou-se.

HP: ❲765 ✘ 825❳ CH: ❲1.297 ✘ 1.525❳ ST: ❲02 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 27/5/2022, 15:32



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

A proposta de Nue para Natsumi parecia mexer com a cabeça da ninja, um parceiro? Parecia ser realmente interessante para ela. Era uma forma daquele pequeno animal sobreviver livre e de Natsumi ainda ter ajuda quando necessário, um trato de fato tentador. — Nunca tive parceiros de luta antes, quer dizer, já fiz missões com outros genins, mas não eram meus parceiros… — lembrou-se das primeiras missões que fez enquanto genin. Ambos estavam dentro do laboratório, Natsumi, com seu tato aprimorado, notava a chegada de alguns. — Se esconde, Nue. — pediu a chūnin, Nue obedeceu e ficou entrou dentro de uma bancada que tinha ali, a kunoichi se colocou na frente da portinhola enquanto esperava a aproximação. Um grupo de adultos apareceram diante de Natsumi, acompanhados de seus filhos – as crianças que brincavam outrora – alguns estavam irritados, outros surpreendidos pela destruição. — As crianças falaram que viram o monstro por aqui, aonde ele está? — disse um dos pais. Natsumi se ajeitava enquanto ouvia, não dava muita atenção àquele grupo, mas, mesmo assim, respondeu. — O derrotei. Simples e fácil, satisfeitos? — respondeu com sua rispidez característica. Alguns ali não se contentaram com a resposta. — Aquele monstro matou dezenas de pessoas na nossa cidade, é impossível dele ser derrotado de forma tão fácil. Precisamos de provas! — gritou com a ninja, que se exaltou. — Escuta aqui, seu merda, eu o derrotei e ponto final, tá entendido?! — virou-se para onde lutou e foi até lá, pegou o rabo que ela havia cortado e mostrou. — Aqui, filho da puta, o rabo dele. Melhor?! — também já estava irritada, o rapaz não quis falar nada, só se virou e voltou ao seu grupo. Os adultos não tinham muito o que falar, somente aceitaram a resposta da chūnin de Kiri e saíram dali.

Momentos depois, Nue sai da bancada. — Para onde vamos, então? — perguntou o animal. — Vou ter que voltar para Kiri para formalizar a missão, o seu rabinho é minha prova que te “matei”. — explicou. O animal, sem muito rumo, se aproximou da ninja. — Ok, vamos. — e assim ele a seguia até a Vila da Névoa. A dupla saía do laboratório e usava o caminho mais longo, que não passava pelo centro da cidade, para voltar até a aldeia.

A viagem de volta foi iniciada…

HP: ❲765 ✘ 825❳ CH: ❲1.297 ✘ 1.525❳ ST: ❲02 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 27/5/2022, 17:46



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

A viagem da dupla de humana e quimera foi tranquila, a fama de Nue como um assassino em série era somente local, por isso, na jornada até Kirigakure, os transeuntes e moradores de outras regiões somente estranhavam o animal, pouco sabendo que ele poderia matá-los a qualquer momento. Passando por uma pequena cidade, um lojista viu a quimera e falou com Natsumi. — Que gato estranho… que raça que é? — Natsumi abriu um sorriso, pois quando encontrou com Nue pela primeira vez, ela também achava que era um gato. — Achei o coitadinho no meio do rio, a raça dele não sei qual é não, mas ele ser diferente assim me ajudou a salvá-lo da correnteza. — mentiu para o homem, enquanto pegava a quimera e dava beijos, fingindo carinho. O lojista achou bonitinho, e os dois voltaram para o trajeto.

A noite já estava aparecendo quando a Hattori e seu “pet” chegavam ao portão da vila, Nue tinha que se esconder por um momento, mas seu tamanho minúsculo o ajudaria a entrar pela vila. — Simples hein, vou falar com os guardas no portão, você passa enquanto eles estão distraídos, encontro você numa viela perto daqui. — explicou a ele, que só mexeu a cabeça positivamente.

Ao aproximar-se dos guardas, Natsumi mostrou o pergaminho com a missão. — Missão resolvida, monstro morto. — disse numa tranquilidade ímpar. O guarda estranhou a fala da ninja. — Monstro? — questionou. Ela puxou da sua bolsa um pedaço do rabo que havia cortado. — Ééé, monstro. Aqui o rabo dele. — colocou na mesinha. O guarda novamente estranhava, mas ignorava momentaneamente o fato e assinava os papéis da missão, finalizando-a e dando a recompensa para Natsumi.  

Enquanto ela falava com o guarda, Nue, minúsculo, passou pelos portões discretamente encostado nas paredes. Ao passar, se locomoveu até uma viela dali.

Minutos depois eles se reencontravam. — Como soube que eu estava nessa viela aqui? — Nue estranhou o fato de Natsumi tê-lo encontrado com muita facilidade. — Segredinho. — brincou com ele.

A dupla agora se dirigia até a casa de Natsumi aonde resolveriam a questão do trato que tinham planejado.

HP: ❲765 ✘ 825❳ CH: ❲1.297 ✘ 1.525❳ ST: ❲00 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 27/5/2022, 20:24



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

Já na residência da Hattori, a dupla poderia finalmente conversar sobre a proposta de trato entre os dois. Nue ajudaria Natsumi quando ela precisasse, mas a kunoichi não entendia muito bem como isso ia funcionar, era uma coisa nova para ela. — Como funciona esse tal trato que me falou lá no laboratório? — perguntou a ninja para o animal, que não se sentia tão confortável. — Bem… ao assinar um contrato de invocação comigo, você pode me invocar quando precisar. — explicou em linhas gerais. Ele pensou que a Hattori entenderia o que ele queria dizer, muito pelo contrário, ela entendeu foi nada. — Contrato de invocação? — questionou a menina com uma cara estranha. — Você tirou isso de onde? — perguntou novamente. Nue suspirou, não esperava que Natsumi fosse tão tapada por não saber o que era um contrato de invocação. — Do começo… Algumas raças de animais podem fazer contratos de invocação com shinobis. Contratos de invocação é uma ligação entre o humano e a raça animal, onde, através de um jutsu de espaço-tempo simples, pode trazer animais dessa raça para o seu local. Normalmente são usados em batalhas, mas os fins são diversos, podendo simplesmente invocar para conversar, por exemplo. — explicou novamente. — Eu fui criado em laboratório, mas consegui através do meu chakra montar a ligação de invocação, me assemelhando às outras raças naturais. — revelava. — Eu tenho meu “reino”, um local aonde posso viver, mas ele está bloqueado até alguém assinar meu contrato. — Natsumi sacava a jogada de Nue, ele queria ir para o reino dele, no final de tudo. — Entendi o que quer… — disse com um ar de “adivinhona”. — Ao assinar o seu contrato, quem se dá bem é você! — exclamou. Nue se aproximou dela, um pouco irritado. — Não é isso, quer dizer… é e não é! Você também ganha com isso, tendo a minha ajuda. — falou a ela, que desconfiava um pouco. — Vou pensar um pouco, Nuezinho. — brincou a garota. — Não me chama de Nuezinho, maluca. — retrucou a quimera.

HP: ❲790 ✘ 825❳ CH: ❲1.350 ✘ 1.525❳ ST: ❲00 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 27/5/2022, 22:43



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

O clima estava ficando um pouco cômico. Natsumi sabia que assinar o contrato de invocação ajudaria Nue a voltar para sua dimensão, mas estava tentando deixar a quimera um pouco mais desesperado. — Não sei se devo assinar… — ela falava como se tivesse alguma dúvida, mas brincava na realidade. A resposta do animal foi rosnar para ela, o que a chūnin rir. — Ohhh tá bravinho? — o provocou ainda mais. — Tá bom, tá bom, eu assino isso. — voltava a ficar séria, finalmente resolvendo a questão. Nue se acalmou aos poucos e suspirou no final, provavelmente era a “salvação” dele. Ele foi para um lugar mais aberto na sala dela, suas patas dianteiras se juntaram e depois bateram no solo, surgindo um pergaminho nele. — O pergaminho está aqui, não é igual aos pergaminhos normais, porque o meu é “artificial”. — deu uma breve explicação e o abriu, mostrando três espaços, mas nada escrito. — Com o seu sangue, escreva seu nome em um dos espaços. — pediu. — Vou ter que me machucar para isso mesmo? — a chūnin achava ruim. — Tá, fazer o quê. — mas aceitou no final. A Hattori mordeu seu dedão direito da mão, fazendo-o sangrar um pouco. Escrevia calmamente seu nome naquele papel, 服部夏美. Nue fechava o pergaminho devagar, sem muita pressa. Depois que o fechou juntou suas patas novamente e o pergaminho desapareceu. Ele deu uma corridinha até as costas da ninja. — Preciso verificar algo, Natsumi, me mostra suas costas. — pediu novamente. A kunoichi achou estranho, mas decidiu obedecer e levantou parte da sua vestimenta superior. Nue achava esquisito o que estava vendo. — Ainda não está completo. — comentou. — O que não está completo? — questionou a garota. — Diferente das outras invocações, quando se assina comigo, uma marca fica nas costas da pessoa, mas a sua marca me parece incompleta. — explanou. — Vamos testar algo. — ele se posicionou na frente dela. — Passe sangue nas mãos e faça os selos: javali, cão, pássaro, macaco e carneiro, nesta ordem, depois bata no chão, esse é o Kuchiyose no Jutsu. — dava uma aula para a chūnin, momentos depois, ele desapareceu em fumaça. — Filho da puta fugiu! — exclamou a ninja, pensando que tinha sido enganada.

HP: ❲790 ✘ 825❳ CH: ❲1.350 ✘ 1.525❳ ST: ❲00 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 28/5/2022, 00:55



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

O sumiço de Nue deixou Natsumi um pouquinho irritada, se ele já poderia fazer aquilo, por quê não fez antes? — Aquele… GATO canalha, me enganou! — exclamou em raiva. A chūnin de Kirigakure pensava que tinha sido enganada pela quimera, andava pela casa batendo em tudo que tinha pela frente, mesmo apesar de ter conseguido cumprir sua missão, ser feita de idiota não era algo que ela gostava de sofrer. Depois de alguns segundos se remoendo, lembrou do que Nue tinha dito a ela, para usar o Kuchiyose no Jutsu. — Tá bom, passo sangue na mão e… — tecia os selos citados anteriormente. —... bato no chão! — sua palma direita tocava o chão, um selo de runas pretas surgiam abaixo dele e uma explosão de fumaça ocorria. Segundos depois, a quimera aparecia. — Por que demorou tanto para fazer a invocação? — perguntou o animal. Natsumi ficava com uma cara de idiota, porque achava que ele nunca mais ia voltar. — Tive que ir ao banheiro. — mentiu para ele. Nue desconfiou da resposta, era óbvio que não era essa razão. — Achou que eu tinha fugido, né? — falou em tom cômico. — Claro que não, não sou esse tipo de pessoa. — mais uma falácia da garota. Nue correu até as costas de Natsumi para fazer a tatuagem, ainda não estava totalmente completa. — Teremos que fazer isso mais algumas vezes. — informou. — Quanto mais você me invocar, mais o selo se consolida em ti. — finalizou.

O bicho se afastou mais uma vez e sumiu numa fumaça de novo. O processo tinha que ser refeito mais algumas vezes.

HP: ❲800 ✘ 825❳ CH: ❲1.325 ✘ 1.525❳ ST: ❲00 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 28/5/2022, 09:33



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

Nue havia se esfumaçado novamente, sumindo da casa de Natsumi. O contrato de invocação havia sido assinado, porém a marca que surgia nas costas da kunoichi ainda não estava completa. A forma de completar a “tatuagem” era invocar a quimera algumas vezes. A chūnin até um espelho em seu banheiro e virou-se de costas, conseguindo ver de fato a tatuagem que aparecia ali. — Até que é bonitinha. — ponderou a garota de cabelos azuis. Retornava à sua sala, onde tentaria invocar o seu amigo Nue novamente. Sangue na mão e selos feitos, a kunoichi batia com a mão no solo e a fumaça aparecia e juntamente dela, Nue. — Você não percebeu que conseguiu me invocar duas vezes perfeitamente? — perguntou a ela. Realmente, Natsumi não tinha falhado nenhuma vez até então. — Eu só fiz o que tinha me pedido, não pensei em mais nada sobre. — comentou a menina. — Alguns ninjas precisam treinar muito esse jutsu para conseguir invocar o animal de forma apropriada. Pode ser uma qualidade sua ou então… uma particularidade de nosso contrato, que por ser artificial, consiga me invocar sem muitos problemas. — a quimera pensava em algumas possibilidades, mas logo retornava à situação atual indo até as costas da garota para ver com a marca estava, a tatuagem estava quase completa, faltava pouco. — Olha até que não vai me precisar invocar muitas vezes, a marca está quase em seu final. — informou. Ele ficou de frente para a chūnin. — Me invoque mais uma vez e vamos ver o que acontece. — ordenou a ela e sumiu em fumaça mais uma vez. — Isso já está ficando chato… — comentou a esmo a garota.

HP: ❲825 ✘ 825❳ CH: ❲1.300 ✘ 1.525❳ ST: ❲00 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Tokubetsu Jonin
Powder
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 28/5/2022, 11:35



[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Jinx4_10
Hattori Natsumi, 服部夏美.

Com Nue fora de novo, Natsumi tinha que o invocar mais uma vez. A tatuagem em suas costas progredia com a quantidade de invocações que ela realizava, trazendo a quimera de volta para o mundo dos humanos. Algumas perguntas vieram antes dela fazer novamente a invocação. — Como será o mundo do Nue? — a primeira dela. — Será que existem outros como ele? — a segunda. — Será que ele vai ser pequeno para sempre? Ao consumir meu chakra, ele tomou forma, talvez ele fique maior quanto mais chakra absorver. — teorizou sobre o animal. Após indagar sozinha sobre isso, se preparava mais uma vez para realizar o jutsu de invocação. O sangue na mão ainda permanecia, os selos tecidos com calma e a batida no chão. — Venha, Nue! E que seja a última! — o chamou, brincando no final. A fumaça explodiu um pouco mais forte, e a quimera saía dela num salto. — Como assim a última? — perguntou à garota. — Tava só brincando. — respondia a chūnin. O animal correu até as costas da kunoichi e a tatuagem parecia completa. — É isso Natsumi, parece que completamos o contrato de invocação. — afirmou. — Só isso? Foi fácil. — ela se achava. O animal andou um pouco pela casa. — Agora você tem sua casa, Nue. — a garota disse à ele. — Pode ficar lá, livre. — finalizou. — Eu sei, mas vou precisar que você invoque algumas vezes, tenho fome, sabia? — a quimera brincava. Natsumi riu. — Tá bom então, até uma outra hora, Nuezinho. — a garota sabia que ele não gostava disso, mas, para a surpresa dela, ele sorriu. — Até outra hora, Nats. — e explodiu em fumaça, voltando para seu mundo. Natsumi ficou surpresa, como ele sabia que o apelido dela era Nats?

Restava a ela somente ir descansar depois de uma missão cansativa e um treino diferenciado.

HP: ❲825 ✘ 825❳ CH: ❲1.275 ✘ 1.525❳ ST: ❲00 ✘ 06❳


Considerações:
Armas & Itens:
Habilidades:

_______________________

[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Tumblr_ofvns8lDpy1um42ooo4_500

Lan ShuiXian
Jōnin
Lan ShuiXian
Vilarejo Atual
[ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia Tumblr_ofvns8lDpy1um42ooo4_500

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado 28/5/2022, 15:44

Situação: Aprovado
Considerações: Otima RP
Recompensas: Recompensas das missões de rank B dobradas pelo Boost; Kuchiyose: Yokai
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [ CAPÍTULO — SOLO B ] Tenebris Bestia - Publicado