:: Área de Mudanças :: Centro de Melhorias :: Treinamentos de Fillers
Alvorecer
Arco 04
Ano 17 DG
Verão
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

[TS] Paternidade  42AtZ2x

SirSalvatore
Raikage | Herói
SirSalvatore
Vilarejo Atual
[TS] Paternidade  42AtZ2x

[TS] Paternidade - Publicado 3/4/2022, 03:38



Filler de TimeSkip




HP: 1800/1800 | CH: 4700/4700 | CN: 000/400 | ST: 01/08




Algum tempo após retornar a Kumo depois da feroz batalha que travou contra Overhaul e, posteriormente, a forte interação com o Capuz Vermelho, junto de Angell e dos outros dois Kages, Kazuha passava um tempo de qualidade com a sua família. Seu filho já havia crescido muito e estava próximo de completar um ano de idade. Sua esposa também mudava, e cada vez mais assumia um aspecto de mãe protetora e dona coisa, artigos esses inimagináveis na Harumi que o Raikage conhecera em uma de suas missões. Essa evolução, no entanto, o deixava contente. Da mesma forma que ele evoluiu de um Jounin que se importava apenas com ele mesmo para um Kage que hoje carrega consigo o peso de reger, além de toda a vila, sua família e seu bebê. Enquanto brincava com o pequeno Hayato, jogando-o para cima e pegando-o de volta, a criança ria como nunca, pelo menos até o seu pai ser afetado pelo Estresse Pós-Traumático adquirido na última viagem à Kiri. Já haviam se passado vários meses desde o incidente, mas os acontecimentos não deixavam a cabeça do homem. Seu filho tinha o rumo do chão, e esboçou choro ao perceber que não seria salvo da queda pelo albino, mas é salvo no último instante por uma figura branca.

— Kazuha? O que está acontecendo com você, rapaz? — disse Genji, pai de Kazuha. Ele estava chegando bem na hora. O Raikage então acorda de seu transe, que consiste em reviver algumas imagens traumáticas do laboratório do Moira.

— Oi, pai. Quanto tempo, nem sabia que o senhor estava aqui. Como vai? — responde, tentando disfarçar, o albino.

— Não se faça de louco. Você ia deixar o seu filho cair no chão se eu não aparecesse agora. Você não está bem. Foi algo que aconteceu lá no País da Água? Você sabe que pode conversar comigo, tenho experi… — o mais velho é subitamente interrompido pelo Raikage, que não está muito a fim de ouvir os sermões do pai. — Tá bem, tá bem. Mais tarde nós conversamos, eu preciso ir até um vilarejo aqui perto. Lá tem notícias de pessoas morrendo misteriosamente, e todos os ninjas que a assistente mandou investigar, não voltaram.

Genji fica imediatamente preocupado com o filho.

— Eu sei que eu vivo dizendo que você precisa ser o mais forte e vencer qualquer desafio, mas você claramente não está bem, filho. Onde está aquela Jonin que sempre anda com você pra te acompanhar agora? Acho que é Agosho… — pôs o indicador sobre o queixo como quem se põe a pensar.

— É Ogosho, pai. Mei Ogosho. E ela não está agora, provavelmente está ocupada com algum assunto pessoal. Mas eu sou o Raikage, sombra que se estende por todo o País do Relâmpago. Tá insinuando que eu preciso de babá? — questionou, inconformado, o Uzumaki.

— Só estou dizendo que você não está cem por cento e eu posso ver isso. Já que ninguém vai com você, eu mesmo vou. — bradou, confiante, o patriarca. Kazuha não fez questão de esconder a confusão em seu rosto. — Hmmmm. Você tá velho, pai. Nem deve conseguir dar um bom salto mais. — retrucou, sincero. — O QUÊ? Tá chamando seu pai de velho, moleque? — Genji deu um salto duplo mortal para trás, caindo em pé com maestria. A acrobacia de certa forma impressionou o filho, que concordou em ser acompanhado pelo seu pai, até mesmo para conversarem melhor. O albino tomou Hayato dos braços do pai e seguiu até Harumi, onde explicou a missão e entregou o bebê. Ela ensaiou alguma relutância, mas precavido o Sandaime logo diz que voltará rápido, em menos de dois dias. Em tese, era verdade, uma vez que o vilarejo não era tão longe. Logo ele se põe na estrada com seu pai, acompanhado de seu cavalo branco. Seu pai, por sua vez, montava um alazão.

— Como tem sido a vida de Raikage, hein? Fiquei sabendo das reuniões, sua fama aumenta cada dia mais. Tem conseguido o respeito dos líderes das outras vilas? Me conte o que puder das últimas aventuras. — Perguntou, curioso, no meio da viagem o pai. — Ah, eu acho que podia ser melhor. Eu tomei algumas decisões erradas na última viagem, coloquei em cheque até mesmo a paz do nosso povo. Eu sinceramente não pretendo ser como o Nidaime, evitarei a todo custo ter que pôr o nosso povo em conflito porque sei como é ruim. No fim, até acho que deixei uma impressão positiva, mas espero fazer melhor nas próximas vezes. — Desabafou. Seu pai deu um breve suspiro antes de responder, meio bravo. — Você não pode cometer esse tipo de erro, Kazuha. Você precisa ser o melhor. O melhor entre os atuais, o melhor da história de Kumogakure. Pense bem antes de dizer qualquer palavra, tome os segundos para refletir no quanto isso irá beneficiar ou prejudicar a nossa nação. Lembre-se, seu nome estará para sempre na história, seja para o bem ou para o mal. — concluiu, sério, o Jonin de Elite já aposentado.

No local não havia nada além de muito sangue espalhado pelo chão. Ao fundo, escorado numa espécie de lança, um homem tinha sangue por todo o corpo. — Ele não pode ter dizimado todos aqui, incluindo os meus ninjas, sozinho. — Após o pensamento do albino o inimigo já partia em direção dele e seu pai, não parecia querer diálogo algum, apenas matar a todos os que encontrasse pelo caminho. O Raikage, ao pôr a mão em sua Kusanagi para sacar, sente todos os seus músculos enrijecidos e estáticos. Sua mente nublada repassava a mulher com os peitos pendurados num gancho de açougue, enquanto o inimigo chegava perigosamente perto de enfiar a estaca no peito da sombra do relâmpago.

No último instante, Genji intercepta a lâmina inimiga que atentava contra a vida de seu filho com a sua própria espada. — KAZUHA! PORRA! É assim que você pretende liderar o povo? É assim que você pretende resolver essa missão sozinho? Se recomponha, seja o líder que você se propôs a ser e faça isso com maestria. — Esbravejou enquanto fazia o inimigo recuar com golpes cortantes laterais. O homem coberto de sangue realizava acrobacias enquanto desviava, recuando alguns metros e abrindo espaço para que o albino se recuperasse.

O Raikage, recuperado, vê seu pai numa batalha de lâminas com o homem. Em velocidade máxima chega até lá, golpeando-o no crânio e fazendo uma perfuração com sua espada. O homem, no entrando, não morria após aquilo e ainda tentava golpear Kazuha mais uma vez, que desviava e golpeava mais uma vez, dessa vez arrancando a cabeça do inimigo e derrotando-o. — Mas que porra aconteceu aqui?





CONSIDERAÇÕES:


Emme

_______________________


[TS] Paternidade  Pngwin11
[TS] Paternidade  1d0d924d9f269a11ade0a55a3ad7fdd9

Bloodlad
Bloodlad
Vilarejo Atual
[TS] Paternidade  1d0d924d9f269a11ade0a55a3ad7fdd9

Re: [TS] Paternidade - Publicado 5/4/2022, 00:36


Situação: Aprovado
Considerações:
Recompensa: Time Skip concluído & 1 Missão Rank-S, 100 Status, 2 Pontos de databook, 4FP & 3.000.000 RY.

Resposta Rápida

Área para respostas curtas