:: Mundo Ninja :: Mapa Mundi :: Sunagakure no Sato :: Campo de Treinamento
Alvorecer
Arco 04
Ano 16 DG
Inverno
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Jōnin
Powder
Vilarejo Atual
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 24/12/2021, 02:02












Cena: Entenda o Fluxo
00/05




A retomada de Sunagakure seguia a pleno vapor, a Academia recebia mais e mais alunos querendo se tornar ninjas poderosos, focados em defender aquela vila recém-aberta. As peculiaridades entre os pequenos desabrochavam com o passar dos dias, onde eles descobriam mais sobre as suas Kekkei Genkai e tentava mostrá-las ao público, com entusiasmo. Um desses alunos tentava fazer uma apresentação no centro de treinamento da vila, com alguns amigos e parentes vendo-o mostrar sua linhagem avançada, porém, como o menino ainda era um mero novato, sua linhagem saía do controle, atacando todos ao seu redor com um chakra quase que invisível a olho nu. O estudante conseguia retardar o avanço de sua linhagem, mas ficava mais fraco por segurar, então aquilo tudo se tornava uma bomba relógio que poderia matar muitos civis. A vila chamou um dos genins que estava disponível na hora, com urgência. Emiya Shirou deveria se apresentar no centro de treinamento e acabar com a ameaça.


Considerações:


Última edição por Powder em 29/12/2021, 23:37, editado 1 vez(es)

_______________________

[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
fire blacksmith

Zireael
Chūnin
Zireael
Vilarejo Atual
fire blacksmith

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 25/12/2021, 10:29

Arco I, capítulo IV, parte I — Entenda o Fluxo

Uma voz rouca chegou até meus ouvidos no instante em que eu entrava em minha casa. Com a mão estacionada sobre a maçaneta metálica, parei e virei levemente a cabeça na direção do som. Ao sopro do vento frio da noite e à luz da lua corpulenta estampada no horizonte, um homem apareceu à minha frente com o semblante preocupado e com a respiração ofegante. Trajava o conjunto habitual dos shinobi da areia: calças compridas e camisas de mangas longas de cores escuras, além de um colete acolchoado bege-claro. Sem demora, larguei a porta e aproximei-me do homem enquanto lhe perguntava o que tinha acontecido. — Você é Emiya? O Chūnin Emiya Shirou? — Ele retrucava, ávido e notoriamente exaurido. Eu apenas assentia com acenos na cabeça, deixando-o terminar sua fala e olhando-o com certa preocupação.

— Você foi convocado. — Eu arregalei os olhos no instante em que o disse, um pouco desconfiado daquela postura. Já era noite, e meu expediente já havia terminado há muito. Apesar disso, ignorei esse fato e permiti que ele terminasse o que começou. E assim, ele me contou tudo o que devia. — Um estudante se descontrolou? Chakra invisível? — As perguntas retóricas cortaram o ar e o homem confirmou. — Certo. Estou indo. — Disse, sem titubear uma vez sequer. Era meu dever ajudar os civis e a criança que se encontravam naquela situação. Eu não podia deixar ninguém morrer. Respirei fundo e, então, comecei a correr apressadamente em direção ao local indicado pelo homem: o centro de treinamento do vilarejo. Saltava por entre os telhados das casas e atravessava as ruas, becos e avenidas em um átimo; tudo isso para que alcançasse o meu destino o mais rápido possível.

Considerações:
Descrições:

HP: 275/275 CH: 525/525 ST: 0/4
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Jōnin
Powder
Vilarejo Atual
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 26/12/2021, 23:42












Cena: Entenda o Fluxo
01/05




Com a chegada do Chūnin no campo de treinamento, a situação foi esclarecida. Um menino no centro do campo, ajoelhado e gritando de dor, demonstrando segurar algo. Pessoas desmaiadas ao redor dele, mas ninguém tão próximo. Ao ver um shinobi disposto a ajudar, a mãe do garoto, machucada, pegou no pulso com a força restante que tinha. — Por favor, ajude-o, ele… perdeu o controle da linhagem da minha família. Ele está segurando o chakra dele, evitando que exploda. Acabou por criar um campo ao redor dele. — explicou. Depois de alguns segundos, desmaiou também. Cabia ao shinobi de Suna arrumar um jeito de desfazer aquele campo de chakra.


Considerações:

_______________________

[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
fire blacksmith

Zireael
Chūnin
Zireael
Vilarejo Atual
fire blacksmith

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 27/12/2021, 19:26

Uma hecatombe. Foi o que meus olhos assistiram ao chegar no lugar. O campo de treinamento estava ocupado por algumas pessoas, e todas elas se encontravam no chão com os olhos completamente fechados, certamente inconscientes. No centro, um único garoto ajoelhado urrava aos prantos. Ele gritava com o máximo que suas cordas vocais permitiam, e suas mãos alocadas no peito aparentavam segurar alguma coisa. Franzi o cenho e tentei ver o que ele agarrava, mas eu precisaria chegar mais perto para vê-lo. Vou me aproximar. Pensei, inspirando fundo e começando a caminhar. Contudo, fui abruptamente parado por alguém, uma pessoa que segurou a minha mão com força. Olhei para o lado assustado e vislumbrei a figura de uma mulher caída, cambaleante. Estava machucada, com a pele repleta de hematomas e com a vista coberta de lágrimas. Sangue se espalhava pelos seus joelhos e cotovelos, feridas superficiais, mas que precisavam ser tratadas o quanto antes para que não resultasse em uma infecção. Sem demora, segurei os ombros da mulher com ambas as mãos e aproximei-me de seu rosto, deixando-a falar. E ela disse o necessário para que eu compreendesse a situação.

— Fique tranquila, senhora. Eu vou cuidar de seu filho. Ninguém mais irá se machucar. — Disse, mas não antes de ver a visão dela se perder na escuridão e desmaiar em meus braços. Então, deixei-a apoiada no chão, tomando cuidado ao manuseá-la. Levantei-me do solo coberto de areia e novamente enviei meu olhar na direção do menino, vendo-o se debater de dor enquanto retinha o próprio chakra. Ver aquela cena fazia parecer que dominar a própria energia era uma tarefa inacreditavelmente difícil. Mesmo assim, o menino resistia com tudo o que podia. Seria ele um prodígio? Era provável. Ao mesmo tempo em que mantinha minha atenção em tudo o que pudesse vir do garoto, em minha mente tentava organizar meus pensamentos. De acordo com a mãe, se nada for feito o menino pode causar uma grande explosão no lugar. E ele criou um campo de chakra ao seu redor, o que torna ainda mais difícil o seu alcance. Que bom que ela me disse isso. Pensava, notando a aura que cobria os entornos do garoto e que provavelmente havia ferido aquelas pessoas. Talvez... talvez se eu falar com ele? Rapidamente, coloquei as mãos à frente da boca, fazendo uma cova para que expandisse a minha voz. E, dessa meneira, gritei. — Ei! Garoto! Tente respirar! Limpe a sua mente e respire com calma! Inspire! Expire! Mantenha a calma, eu estou indo!

Concomitantemente, eu mesmo inspirava e expirava de maneira pacífica. Tomava o ar nos meus pulmões e expirava com calma, estreitando os olhos e caminhando lentamente em direção ao campo de energia. Concentrei-me no meu interior, no meu íntimo, e tentei fazer com que meu próprio chakra se fizesse como uma extensão de meu corpo, me cobrindo para que os efeitos do campo não me fizessem mal algum. Era isso que eu ansiosamente esperava, a cada passo que dava em direção à copiosa cúpula de energia.

Considerações:
Descrições:

HP: 275/275 CH: 525/525 ST: 0/4
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Jōnin
Powder
Vilarejo Atual
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 29/12/2021, 23:45












Cena: Entenda o Fluxo
02/05




O chūnin de Suna ia até o garoto com calma e cuidado. Aconselhava o menino a se acalmar e respirar, porém não era o melhor conselho para aquele momento. O estudante tentou seguir o que fora dito, mas se descuidou no controle daquela bomba-relógio de chakra. O chakra avançou alguns centímetros, mas o menino logo retomou o controle, voltando ao estado de pressão e dor de outrora. Emiya criava uma espécie de manto de chakra por seu corpo. A extensão de energia acabou tocando o campo de chakra criado pelo garoto, misturando-se e entrando em fluxo. Possivelmente tal acontecimento poderia levar à solução do caso.


Considerações:

_______________________

[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
fire blacksmith

Zireael
Chūnin
Zireael
Vilarejo Atual
fire blacksmith

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 30/12/2021, 23:05

Existiam várias formas de se abordar aquela criança e de se lidar com a situação que se desenrolava. Infelizmente, a decisão que eu tomei não se mostrou acertada. Assim que minhas palavras alcançaram o garoto, eu o vi acatar as minhas ordens. Limpar a mente, respirar fundo, manter a calma. Contudo, tudo isso não passava de uma balela, um erro que cometi pela minha própria incapacidade de raciocinar, quase resultando em um derradeiro acidente. Pelo que pude perceber com meus atentos olhos, o relaxamento da criança permitiu que a energia acumulada rapidamente se descontrolasse, avançando a uma pequena distância. Felizmente, o jovem recobrou o controle do chakra supostamente explosivo, e a angústia tornou ao seu corpo novamente. Os urros de dor e o choro voltaram, uma visão absolutamente odiosa. Eu preciso acabar logo com isso. Ele está sofrendo. Pensava, rangendo os dentes em desprovação.

Guiei meus passos em direção ao interior da cúpula de energia enquanto concentrava-me em meu íntimo, com os olhos fechados, erguendo uma sinuosa capa de chakra que me cobria por inteiro. Abri os olhos no instante em que senti algo diferente, uma sensação estranha, como se eu estivesse mergulhando em um lago pantanoso, ou um tanque preenchido por algum líquido viscoso e quente. Eu estava dentro do campo feito pelo garoto, e o meu próprio chakra se permitia entrar no fluxo daquela densa energia, com a sua coloração amarelada percorrendo toda aquela extensão. Meus olhos brilharam vendo a minha energia se mover lentamente pela cúpula. Parecia que ela estava, de fato, se misturando àquele volumoso campo de chakra. Essa pode ser a solução. Pensei rapidamente, levando meu olhar novamente para o garoto gritando de dor. Engoli seco e pensei: Preciso agir.

Assim que eu me senti completamente imerso na extensão do campo de energia, eu parei meus passos. Resolvi não chegar mais perto do menino, pois não sabia qual seria a sua reação. O seu chakra explosivo poderia se descontrolar mais uma vez, e esse seria o ultimato. Mantendo distância e com a visão focada no garoto, gritei. — Não se permita relaxar! Continue assim, você está indo bem! Eu sei que está doendo, apenas resista! Aguente! Eu vou te tirar dessa situação, eu prometo! — Berrei, ao mesmo tempo em que bati as palmas de minhas mãos uma contra a outra, liberando o meu chakra. Assim como outrora, tentava uma vez mais conceber uma aura de energia ao meu redor, entretanto, maior que a anterior. Essa não seria uma aura de energia violenta, descontrolada, mas sim um chakra cálido e pacífico, que se misturaria ao campo erigido pelo garoto e o subjugaria pouco a pouco. Essa era a minha ideia: influir na cúpula de energia com meu próprio chakra e dominá-lo. Antes de fechar meus olhos para me concentrar em minha nova tarefa, avistei o jovem estudante uma última vez imerso em dor e me motivei, determinado a terminar com aquele sofrimento.

Considerações:
Descrições:

HP: 275/275 CH: 525/525 ST: 0/4
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Jōnin
Powder
Vilarejo Atual
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 1/1/2022, 20:05












Cena: Entenda o Fluxo
03/05




O ninja de Sunagakure entendia o que acontecia. Seu chakra entrava em ressonância com a cúpula quase que invisível do menino estudante. Cada vez mais Emiya se ligaria àquilo tudo através de sua aura de energia. O seu chakra emanado conseguia entrar no fluxo do chakra do garoto, e pouco a pouco poderia sentir o controle sobre a bomba-relógio, mas ainda não era suficiente, o seu chakra deveria ser perfeitamente controlado para que não saísse do equilíbrio que ali se criava, quanto mais energia emanava para o controle, mais difícil ficaria para controle.

Considerações:

_______________________

[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
fire blacksmith

Zireael
Chūnin
Zireael
Vilarejo Atual
fire blacksmith

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 2/1/2022, 10:53

Para minha felicidade, a minha teoria estava certa. Ou melhor, eu senti que ela estava certa, uma vez que meus olhos se encontravam fechados, e tudo o que eu podia perceber era que a camada de chakra que me cobria estava vagarosamente me deixando e aliviando a massiva e viscosa energia da cúpula construída pelo menino. Ao mesmo tempo que me mantinha concentrado na incumbência de controlar meu chakra, mais uma vez me preocupava com a minha respiração. Contava até três, inspirando e expirando sem parar, uma estratégia que aprendi desde os tempos da academia, ainda quando eu era um simples estudante. Da mesma maneira, permitia que meu corpo relaxasse, e os músculos outrora tencionados eram imediatamente colocados em descanso, em sincronia com minha mente. Os pensamentos, por sua vez, tentavam ser cada vez mais limpos, sem lembranças desnecessárias de aventuras ou de situações de perigo. Na maior parte das vezes eu pensava em meu pai. Pensava em sua figura, em sua efígie, e que mesmo em seu leito de morte não deixou de esboçar um singelo sorriso.

O meu chakra pouco a pouco entrava em ressonância com o campo do garoto. Eu estava me ligando à cúpula, e em pouco eu poderia dominá-la e livrar o jovem estudante daquele sofrimento. De súbito, síncrono aos meus pensamentos tranquilos, senti algo incomodar o meu íntimo. Uma força externa apareceu pulsando fortemente, o que me forçou a abrir os olhos. Para meu espanto, ao meu redor se erguia uma volumosa camada de energia amarela, o meu próprio chakra que saía lentamente de mim para invadir o campo. Contudo, a força pulsante ficava cada vez mais forte, como se quisesse ser libertada, se expandir naquela extensão. Esse pressentimento... então esse seria o chakra explosivo do garoto? Indaguei em meus próprios pensamentos, administrando minha força para que aquela energia não se exaltasse frente à minha massa de chakra. Entretanto, esta não seria uma tarefa fácil. A cada segundo que meu chakra preenchia o domo de energia, cada vez mais eu percebia as pulsações explosivas. E eu não podia vacilar, eu precisava continuar enviando energia e, ao mesmo tempo, fazê-la entrar em sincronia com a outra.

Gotas de suor começavam a correr pelo meu rosto, e minha respiração começava a ficar descompassada. Ainda assim, tentava fazer o meu melhor, fazendo o possível para que nada fugisse do controle. Antes, eu conseguia respirar calmamente; agora, eu precisava respirar pela boca, arfando como se eu estivesse correndo uma longa maratona. Meus músculos, antes relaxados, agora ficavam cada vez mais rígidos, e os pontos de tensão começavam a doer. As ideias em minha cabeça que antes eram limpas, escureceram como a noite. Uma raiva tomava conta de meus pensamentos, uma emoção ruim que eu lutava para esquecer. Era penoso, mas eu precisava continuar. Como um herói, eu precisava resistir e dominar o que eu sentia para que tudo pudesse se resolver. E, dessa maneira, eu prossegui em minha missão, tentando me controlar, controlar o meu chakra, e subjugar aquele campo de energia.

Considerações:
Descrições:

HP: 275/275 CH: 525/525 ST: 0/4
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Jōnin
Powder
Vilarejo Atual
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 4/1/2022, 19:54












Cena: Entenda o Fluxo
04/05




O chakra de Emiya seguia preenchendo e se juntando mais e mais com o domo de energia do pequeno estudante. Cada vez mais a pressão aumentava, porém ali seguia uma esperança de salvar o menino de seu sofrimento. O aperto no corpo do shinobi crescia parecia que seus braços e pernas seriam esmagados quanto mais chakra ele injetasse. Ele deveria segurar mais um pouco, se esforçar mais, porque, ao inserir mais de sua energia naquela cúpula, ela se completaria, e toda pressão que estava nos ombros de Emiya sumiria repentinamente. O controle, outrora difícil, ficaria mais simples. O seu esforço em controlar seu chakra, adaptando-o ao fluxo de chakra do menino, concedeu a ele um novo patamar no que diz sobre manipulação. Sentiria até mesmo dentro de si, que tudo estava fluindo mais suavemente. Com total controle sobre a cúpula, ele poderia enfim desfazer tudo aquilo e salvar o garoto.

Considerações:

_______________________

[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
fire blacksmith

Zireael
Chūnin
Zireael
Vilarejo Atual
fire blacksmith

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 4/1/2022, 21:06

A visão ficando turva, os ombros pesados, a respiração ofegante, uma pressão descomunal em meus membros. Era um amálgama de sensações que se intensificavam progressivamente através de meu corpo. Entretanto, o sofrimento não iria afetar a minha determinação, não me faria desistir do que eu tinha que fazer. Se eu quisesse, de fato, me tornar um herói, eu tinha que resistir à dor, mesmo que ela causasse a minha morte. Essa é a essência de um herói da justiça: colocar a vida dos fracos à frente da sua própria; a obrigação de salvar os desamparados, assim como aquele garoto que gritava aos meus pés e resistia à tortura de seu próprio chakra. Já o meu chakra, por sua vez, erguia-se ao redor de meu corpo como uma densa camada, e o seu cume permanecia ligado ao domo de energia e tornava-o cada vez mais amarelo.

O controle era difícil, mas não impossível. Poucos minutos se passaram e praticamente a cor de toda a cúpula tornou-se amarela, como a gema de um ovo. De súbito, senti meu corpo ficar mais leve, e a pressão de antes dissipou-se no mesmo instante, como se algo tivesse saído de minhas costas. Pude me dar o luxo de suspirar profundamente e desunir as palmas, rapidamente limpando o suor em minha testa com as costas das mãos. No meu íntimo, eu conseguia notar que algo estava ainda mais diferente. Era como se meu próprio sangue estivesse mais fluido, se é que isto é possível.

O meu chakra seguia esse mesmo critério, de modo que eu podia manipular grandes quantidades de chakra naquele domo com grande facilidade. Supûs que, na briga por dominar o volumoso campo do garoto, eu aprimorei minhas próprias capacidades de controle de chakra. Todo aquele domo de energia estava sob meu controle, e tudo o que me bastou foi uma simples ordem. — Desapareça! — Exclamei, manipulando para que o chakra fosse calmamente levado para o alto, além das nuvens que navegavam no escuro céu noturno. Minhas mãos moveriam-se para cima, tentando fazer o chakra concentrado seguir para o além, desvanecendo entre os ventos frios do deserto. Depois, tudo que me restaria, então, era me virar para o garoto, chegar ao seu encalço e perguntar: — Está acabado. Está tudo bem, jovem? — Esboçaria um sorriso no rosto, tentando parecer simpático com a criança.

Considerações:
Descrições:

HP: 275/275 CH: 525/525 ST: 0/4
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Jōnin
Powder
Vilarejo Atual
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 6/1/2022, 23:35












Cena: Entenda o Fluxo
05/05




Toda a tensão do momento se dissipava suavemente quanto Emiya conseguia controlar aquele domo de chakra do menino e alçá-lo ao céu estrelado de Sunagakure. O menino, finalmente salvo, precisava ir para um hospital, afinal de contas, toda a força que fez em seu corpo o deixou fraquíssimo e lesões musculares surgiam por todo o corpo. O estudante tentaria ver o rosto de seu salvador, porém a sua visão ficava turva e desmaiava logo a seguir.

Considerações:

_______________________

[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
fire blacksmith

Zireael
Chūnin
Zireael
Vilarejo Atual
fire blacksmith

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 7/1/2022, 21:03

O céu coberto de estrelas foi vividamente tingido pelo amarelo de meu chakra, que se firmou no zênite e aos poucos dissipou-se junto ao escuro noturno e às poucas nuvens negras que estampavam o cenário. Enquanto olhava a energia brilhante desvanecer, sentia o peso em meus ombros findar por completo. Agora, nenhuma força oculta cingia os meus movimentos, como se tivesse me liberto de uma terrível pressão. Então, imediatamente após a destruição da cúpula erguida pelo estudante, virei-me para o mesmo. Meus olhos se encontraram com os dele, e percebi que ele não parecia bem. O rosto, pálido como o véu de uma noiva, estava coberto de pequenas fissuras, ou queimaduras, não sabia ao certo o que era. Os braços e pernas estavam machucados, com feridas vermelhas percorrendo seções da pele. As pálpebras tremiam freneticamente, mostrando um claro sinal de debilidade, ou melhor dizendo, cansaço. Logo, aproximei-me do garoto, ajeitando minhas vestes enquanto andava ao seu encontro. Coloquei a mão em sua cabeça, mexendo em seus cabelos lisos, mas ralos, e senti o calor de seu corpo naquele breve instante. Febre. Ponderei em um rápido diagnóstico. Depois, tomei-o no colo e, com velocidade, levei-o até o hospital. A corrida demorou poucos minutos, em vista que anteriormente me encontrava na área central do vilarejo, próximo de todos os principais estabelecimentos institucionais. — Este garoto precisa de atendimento! E preciso que alguns médicos me acompanhem! — Exclamei, apressado, ao chegar nas portas do prédio ambulatorial, entregando a criança para alguns profissionais que se agilizaram para atendê-lo. Esperei que alguns outros médicos me acompanhassem, uma vez que mais pessoas se encontravam em situação de risco.

O que se seguiu foi o meu retorno, junto aos médicos, para a área em que ocorreu o desastre. O chakra residual da barreira já havia se dissipado e a tranquilidade da noite permeava. Entretanto, dezenas de pessoas continuavam largadas no chão, inconscientes, devido ao acontecimento de outrora. Os médicos que me acompanhavam rapidamente agiram em vias dos primeiros socorros dos feridos e, felizmente, ninguém havia morrido. Perguntei a um deles se havia algo mais em que eu pudesse ajudar, mas ele balançou a cabeça em negação. Então, após ter recebido agradecimentos e elogios da equipe, afastei-me do lugar, caminhando sem rumo pelas ruas frias da noite de Sunagakure. Sentia a brisa bater em minha nuca e arrepiar os cabelos, ao mesmo tempo que meu interior se aquecia ao me lembrar de tudo o que eu havia feito naquele curto período de tempo e da minha evolução no controle de meu próprio chakra. Incapaz de me acalmar, rapidamente tracei um destino em meus pensamentos e segui, enfim, para a minha habitual área de treinamento, percorrendo a trilha em rápidas passadas.

Logo, mais uma vez eu estava lá, parado de frente para a grande árvore no meio do deserto. A brisa soprava a areia fina e a levantava, escondendo por entre o véu saibroso aquela inóspita planície. Banhado pela irradiante luz do luar, marchei para o encontro da árvore, escalando-a e sentando em um de seus grandes e volumosos galhos. Pernas cruzadas, palmas viradas para cima, apoiadas nos joelhos, e olhos fechados, encarando o vazio em meu interior. Respirando com tranquilidade, sem pressa. Da mesma forma como havia feito na cúpula do garoto, reproduzi a mesma camada de chakra, moldando-a para que ela aderisse às minhas habilidades. Este seria um novo treinamento, uma maneira de estudar as minhas novas capacidades após o incidente de outrora. Então, num instante, o chakra amarelo se expandiu e, ao mesmo tempo, eu invoquei as minhas capacidades com o metal, concebendo duas armas em minhas mãos. Abri os olhos, e a manipulação do Kōton resultou em duas facas kunai feitas completamente de aço. As lâminas eram um pouco cegas e o seu acabamento era ruim, mas certamente era melhor do que as minhas projeções anteriores, que beiravam o amadorismo. Assim, tentei mais uma vez. Olhos fechados, manipulando a energia em meu redor para catalisar meus resultados, e mais uma vez, duas kunai surgiram. Estavam melhores, mas ainda eram ruins. Eu preciso melhor. Faça outra... outra... Eu pensava, produzindo cada vez mais facas e melhorando cada vez mais na projeção. No fim, depois de várias tentativas, finalmente consegui fazer dois produtos perfeitos. Eram armas polidas, brilhantes, e extremamente afiadas. No instante em que as vi, abri um longo sorriso e me encantei com o formato. Eram belos construtos. Enquanto me fascinava com as kunai, o sol apareceu entre as montanhas, e o ar rapidamente começou a aquecer com o calor desértico. Sentindo que meu treinamento havia terminado, saltei do galho em que estava e segui em direção à minha casa, feliz pelo progresso e pelo final de minha Odisseia.

Considerações:
Descrições:

HP: 275/275 CH: 425/525 ST: 1/4
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Powder
Jōnin
Powder
Vilarejo Atual
[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael Efcf87d75c419ce308ee53796e9ab048

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado 7/1/2022, 21:18

@ Roleplay aprovada
Qualidade Bom Controle de Chakra adquirido e +1 ponto em Ninjutus

_______________________

[ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael 31461a2989c228c5ac59831136a49faf298a16ee
— 誰もが私の敵になりたい
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [ CENA ] Entenda o Fluxo — Zireael - Publicado