:: Mundo Ninja :: Mapa Mundi :: Sunagakure no Sato :: Centro da Vila
12 Anos Online
Alvorecer
Arco 04
Ano 16 DG
Inverno
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 1udpIjj

Shion
Administrador
Shion
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 1udpIjj

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Seg 24 Ago - 12:02


Cerco a Sunagakure
3:00


Hinka voltaria a falar quando todos foram surpreendidos, os ventos gélidos da folha atacou os garotos de Suna, por sortes eles conseguiram escapar, Ayako veio ao resgate de sua mãe, os garotos poderia notar dor e duvidas nos olhos do garoto, Hinka olhou fixamente para Ayako e soltou um comando. – Ayako pare agora... Não machuque esses garotos. – Ela ergue sua cabeça olhando para cima. – BAN, MIKAN! Se aproximem. – Sim ela convocou aqueles que a vigiava e mantinha sua guarda.

No momento que os três tivesse reunidos. – Vocês precisam saber algo... – Em meio a dor e angústia Hinka disse algo para os três. – Hattori Shion, ele está trabalhando com Suna, ele me atacou, a forma que ele falava era um pouco diferente do que ele foi há 2 anos, mas era ele sem dúvidas, a agressividade e força, era um Hattori. – Ela derramou lagrimas ainda com muita angústia. – Nós fomos enganados... Todo esse cerco é para nada. – Ela então olhou para os garotos. – O homem que tem o título de Kazekage, é por ele que estamos aqui, mas... Ele do lado do inimigo? Isso não é do perfil dele, esses 2 anos mudaram aquele homem. – Hinka fechava os olhos de cabeça baixa e derramava lagrimas.

Vocês descobriram que o Kazekage é Hattori Shion, para Suna isso já é algo comum, decidam o que fazer a partir de agora, vocês têm forças suficiente para derrubar todos os ninjas de Suna que escoltam Hinka, ou quem sabe uma outra estratégia.

Considerações:


_______________________

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Scre1755
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Ui7615FOlá, Convidado, eu sou o Shion.
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Conheça o Guia Shinobi e aprenda um pouco mais sobre o RPG!
Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 100x100

Satoru
Jonin | ANBU
Satoru
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 100x100

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Seg 24 Ago - 22:19


Em busca do conhecimento
Planejando o futuro




HP: 1300/1300
CH: 2075/2075
ST: 00/07

A situação naquele local parecia estar pronta para chegar no seu clímax, quando Hinka deu a autorização para a dupla Ban e Mikan aparecerem, em conjunto da ordem para Ayako não atacar os ninjas de Suna. Com a autorização dada Ban se moveria em velocidade média ao qual tinha no momento, surgindo a um metro à esquerda de Ayako, estando em posição de batalha. Seus olhos estavam focados nos ninjas de Suna, em especial no que sua habilidade sensora Kanchi mostrou ser o que mais detinha de volume de Chakra. E enquanto seus pés estavam afastados um do outro cerca de trinta centímetros, já com as pernas levemente flexionadas para garantir impulso em caso de precisar agir, sua mão direita estaria próxima de seu BAG da coxa direita enquanto sua mão esquerda estaria à frente de seu peito, pronto para iniciar sinais de mão, caso também fossem preciso.

Mesmo pronto para agir o loiro Jonin resolveu continuar parado atento a tudo, apenas ouvindo o que Hinka queria dizer, e ao ouvir tudo, entrou em um momento de dúvida. - Shion Hattori? Kazekage? Inimigo da aliança? Inimigo dos seus filhos? Impossível! Pensaria, e quando Hinka terminou de falar Ban tomou a frente e iniciou sua fala. - Impossível! Shion é o Hokage, e pai da Angel! Ele nunca ficaria contra a aliança, contra Konoha, é muito menos contra sua filha! Ou Shion está sendo controlado pela Takura, o que é impossível para um ninja como ele, ou esse Kazekage deve ser um um clone genético do Shion! Ban insinuou a hipótese desse Kazekage ser um clone genético de Shion pois isso já aconteceu em outro momento. Segundo Takane, os cientistas de Konoha tinham a habilidade para criar clones, tanto é que sua filha era um desses clones.

Esta informação poderia muito bem ter chego em Suna, e eles com o corpo de Shion, tentaram criar uma versão para poderio militar deles. Não era uma hipótese futa, aliás, se Ban fosse cientista, tivesse esse conhecimento e o corpo de Shion, bem capaz que ele também faria isso para o bem de Iwa. - Ayako, o quer quer que a gente faça? Aquela equipe nao tinha um líder, mas com certeza ele por ser filho de Shion, seria bom informar se queria ou não que mortes continuassem naquele local. Para qualquer dúvida ou perigo, sua técnica Jinton: Genkai Hakuri no Jutsu forma cilíndrica estaria pré-ativada para possíveis usos, caso a equipe inimiga realizassem algum movimento ou ação suspeita.




OBSERVAÇÕES:

Template do Kaay
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 1udpIjj

Shion
Administrador
Shion
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 1udpIjj

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Ter 25 Ago - 3:05



[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Viserion-down
Mestre do RPG
Punições


Seguinte, a informação
Impossível! Shion é o Hokage, e pai da Angel! Ele nunca ficaria contra a aliança, contra Konoha, é muito menos contra sua filha! Ou Shion está sendo controlado pela Takura, o que é impossível para um ninja como ele, ou esse Kazekage deve ser um um clone genético do Shion!

Por favor todos presentes ignorem na narração, houve uma serie de fatores que gerou isso em breve explicamos melhor em um outro tópico e por fim descobrimos que o erro é mais do Takane que o próprio Ban, por isso um player não pode prejudicar o outro
Então descartando totalmente essa parte da narração.
Seguem!



Considerações:


_______________________

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Scre1755
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Ui7615FOlá, Convidado, eu sou o Shion.
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Conheça o Guia Shinobi e aprenda um pouco mais sobre o RPG!
Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 9zSthXZ

Makkokun
Chūnin
Makkokun
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 9zSthXZ

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Ter 25 Ago - 10:18



Tatsumi Takeshi
Sunagakure Chunin

O ataque no meio do caminho fora uma surpresa para todos ali envolvidos, com muito custo conseguiram desviar das estacas de gelo que foram atiradas em suas direções, com Aelin ainda conseguindo desviar carregando Hinka junto consigo. O garoto que os havia atacados parecia se chamar Ayako, considerando que a própria Hinka o chamou assim quando disse para ele não atacar mais. “ Quem é esse? E por que ele parece tão desesperado? “ – Se perguntou quando olhou para quem o atacou, contudo, logo em seguida a mulher mais uma vez se pronunciou, chamando dois nomes dos quais não fazia ideia de quem eram, mas logo depois, mais duas pessoas apareceram onde estavam, um homem e uma mulher. “ Merda, estávamos sendo seguidos? Isso está ficando cada vez mais complicado. “ – Agora teriam de lidar com quatro inimigos, com um deles estando amarrado.

Depois dos outros chegarem onde estavam, Hinka ainda continuava falando que não era para as lutas continuarem, entretanto, o que ela falou em seguida foi o que mais surpreendeu Takeshi, ela falou para o garoto das estacas de gelo e os outros dois sobre o motivo de estarem ali, o Kazekage Hattori Shion, o chuunin da areia estava tão confuso, que mesmo estando a frente de inimigos não conseguiu conter suas palavras, era algo que não fazia sentido para ele. — Espera, vocês invadiram Sunagakure para ajudar o seu próprio Kazekage? Afinal o que diabos vocês vieram fazer aqui que não sabiam nem quem era o líder do inimigo? Essa invasão faz cada vez menos sentido, parece que foi só uma desculpa para tirar vidas inocentes. – Takeshi falava direcionando suas palavras aos novos presentes ali.

O garoto de olhos heterocromáticos não sabia se os ninjas que estavam ali iriam obedecer às ordens de Hinka para não atacar, se eles obedecessem não faria nada demais a não ser ficar atento, contudo, não sabia o que esperar do garoto das estacas de gelo, pois ele parecia estar sendo movido por fortes emoções, portanto, se fosse atacado mais uma vez, realizaria os devidos selos para utilizar o Suiton: Suijinchū, um jutsu de suiton defensivo , como não sabia as habilidades dos outros dois ninjas que chegaram, seria arriscado demais partir para o ataque, por isso somente se fosse atacado, se defenderia.

Informações:

Tatsumi Takeshi; HP 825/1000; CH 775/1100; Colar 250/250; ST 02/07;
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia LE7jCRx

Klee
Genin
Klee
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia LE7jCRx

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Ter 25 Ago - 10:22

 

HP: 900/900 × CH: 1.287/1.287 × ST: 00/07 × CN: 000/400
Mikan sequer ponderou ao ter seu nome chamado, se aproximando rapidamente até onde estava Hinka e Ayako. Ela não trajava hostilidade, não estava armada, na realidade a dúvida que invadia sua face. Observou aqueles garotos, ninjas de Suna, apesar de tudo, ela não pretendia em nenhum momento machucá-los, eles não tinham nada a ver com aquele cerco, eram novos demais para lidar com esse tipo de situação. Ela, na idade deles também era ingênua, lembrou-se de um momento particular em que corria pela vila com dois sorvetes em mãos até Renji, assim que se conheceram, quando Shion ainda era seu mentor.

Não sabia dizer porque justo nesse momento a lembrança veio em sua mente, uma imagem de singela imaturidade, concluiu apenas com um suspiro baixo por debaixo da máscara.

Hinka chamou a atenção, ela parecia assustada, sua feição demonstrava angústia e por fim iniciou o monólogo. Aos poucos a jovem Yamanaka começou a tremer, ela não conseguia acreditar… Shaka estava certo sobre a índole de Shion? Não… Balançou a face negativa, não querendo aceitar o que lhe era apresentado.

Em meio ao caos, a lembrança de outrora retornou, o sorvete que carregava não estava mais em sua mão, mas sim no chão. A Mikan daquela época chorava frustrada por ter derrubado o doce, e a atual não conseguia reagir. Não haviam lágrimas em seus olhos.

“Nós fomos enganados... Todo esse cerco é para nada.” Ao ouvir essas palavras, a loira pressionou o punho ao lado de seu corpo, não conseguia mais fitar a face dos garotos de Suna quando as palavras foram diretamente a eles, tudo era muito confuso. Porém, quando Ban dirigiu as palavras para Ayako, automaticamente seus olhos o encontraram, se para si era difícil, a mente do garoto poderia estar mais confusa ainda. Não se moveu, não conseguia dizer nada naquele momento, esperaria apenas as novas ordens.

Seu corpo e sua mente não estavam interligados para tomar qualquer iniciativa, de movimento ou opinião sobre aquilo.


Considerações:


[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia RZlFJ4c

TK
Jōnin
TK
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia RZlFJ4c

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Ter 25 Ago - 15:48

HP: 750/750 (1300)
CH: 735/825 (1650)
ST: 01/05
Velocidade: 00ms/7ms (14m/s)
Força: 00/01 (02)
Ele não tinha conseguido finalizá-los. As emoções atrapalham um shinobi, é uma noção tão básica e acadêmica, mas ainda tão difícil de exterminá-las. Hinka o encarou diretamente. Através do Sharingan, ele via mais do que apenas uma mulher sendo arrebatada. Com uma voz altiva, ela convocou Ban e Mikan. Um peso saiu de cima dos ombros do garoto que estava preocupado com a moça Yamanaka e as influências de Shaka ficando próximo dela. Os dois se aproximaram saindo das sombras, surpreendendo-o. Ayako não tinha notado-os. Mal tinha notado qualquer coisa ao seu redor. Era uma presa fácil naquele momento, inundado de tantos sentimentos caóticos. Então, com os três reunidos, Hinka falou.

Enganados?, Ayako arregalou os olhos da mesma forma como Hinka parecia abatida, ele parecia completamente... perdido. Não confiava em Shaka desde o começo, mas aquilo? Ele lembrava muito bem do que vira na casa de Angell... como assim Shion estava do lado de Sunagakure? Tinham até mesmo sido interrompidos por... quem era aquela pessoa? As coisas não se conectavam. Hattori Shion abandonando Konohagakure, consequentemente sua própria filha, Angell, e simplesmente se escondendo em Sunagakure sem falar com ninguém sobre isso era uma coisa absurda de se pensar. Ele não o conhecia tão bem, mas o suficiente para saber que era impossível que ele fizesse uma coisa assim. E, no entanto, ele concordava que o cerco podia ser em vão. Shaka tinha algum plano e isso, talvez, envolvesse até mesmo criar ilusões para ele. Talvez aquela cena na casa de Angell fosse apenas um espetáculo para algum propósito diferente. Talvez realmente existisse uma figura imponente se passando por Hattori Shion naquela vila. E, talvez, toda aquela invasão fosse uma maneira de ajudar Shaka com algo. Contra alguém. Ele jamais falaria tais pensamentos em voz alta, mas não podia descartá-los. Se fosse assim, eles estavam em perigo. Quem poderia saber o que realmente se passava na cabeça de Shaka? Ele era um assassino, um psicopata com complexo de deus. Ninguém estava em segurança com ele livre dentro daquela vila. Ninguém estava seguro com ele sendo o cabeça de uma invasão.

— Mikan — ele chamou mantendo o tom de voz cordial, sem virar-se para a mulher. Manteve-se atento a Hinka. Quando ele avançou para salvá-la havia feito através do sentimentalismo. Agora, com a razão, ele sabia que não devia confiar na mulher serpente. — Para onde Shaka foi e o que ele fez com você? — ele tinha decidido entrar no jogo de Shaka anteriormente prezando a segurança de seu pai, porém, agora, ele tinha certeza. Hattori Shion estava morto. Shaka estava arquitetando alguma coisa grande e tenebrosa. — E, por favor, não tente se fazer de desentendida. Shaka é Akahs. Ele armou tudo isso, inclusive deve ter armado esse falso Hattori Shion, então precisamos saber onde ele está e quais seus planos verdadeiros e acabar com isso antes que tudo piore ainda mais — Ayako falava aquilo não mais somente para Mikan, mas para todos próximos. Queria tentar fazê-los aliarem-se a ele de alguma maneira, mesmo que fosse suicídio ir contra alguém tão poderoso quanto Shaka. Mas, dentro dele, ele pensava numa solução.

Se conseguirmos juntar o exército de ambos os lados... talvez possamos matá-lo, pensava enquanto esperava pelas respostas.

Consid.:
Jutsus Usados:

_______________________

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Q9DYRBI
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Xoj9u7k

Senko'
Godaime Mizukage
Senko'
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Xoj9u7k

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Ter 25 Ago - 18:50

Nada faz sentido!
HP: 1100 | 1100CH: 1000 | 1000ST: 0 | 5

Tudo aconteceu muito rápido, o garoto mal conseguiu enxugar suas lágrimas. Num momento, os genins de Suna tinham o completo controle da situação, apesar de estarem um pouco confusos com a postura de Hinka. No outro, mais três indivíduos aparecem para confrontar aqueles jovens shinobis. Senko ficou assustado com o ataque, mas se esquivou das estacas de gelo sem grandes problemas, ainda mais porque Hinka pediu para o jovem que os atacou parar, o que ajudou um pouco.

A raiva subia enquanto os três invasores se aproximavam do grupo, mas aquele pedido da prisioneira intrigava o garoto. “Estamos em maior número, m-mas... eles parecem ser bem fortes. Por que eles não nos matam aqui e agora?”. O problema era bem maior do que Senko conseguia compreender em tão pouco tempo.

O menino manteve-se em silêncio durante a fala de Takeshi, tentando limpar a cara e esconder sua frustração. Na cabeça do genin, aquelas ideias eram muito absurdas.“Invadiram a nossa vila para ‘resgatar’ Kazekage-sama? Que maluquice é essa?”.

A desordem nos seus pensamentos era horrível. O jovem Matsuda começa a pensar em tudo o que aconteceu até então. Naquela triste madrugada, Senko foi acordado dos seus pesadelos pelo estrondo das armas que sua vila testava. Estava acordado, sim, mas aquilo tudo ainda parecia um pesadelo. As mortes que aconteceram por causa da invasão, todo o caos que os genins viram pelas ruas até chegar ali... “Essa dor de cabeça, essa merda de dor de cabeça”.

O estopim dessa confusão foi quando o invasor de cabelos azuis começou a falar com seus aliados. “Shaka... o Kazekage mencionou essa pessoa. Mas ele é incrível, já deve tê-lo achado!”. Pensou um tanto quanto alegre, mas logo ouviu o garoto, que Hinka chamou de Ayako, falando algo de “falso Hattori Shion”.

— Como assim?! — abriu os braços em indignação, olhando em sua volta. — Do que vocês estão falando?! Desde que chegaram aqui só falam essas coisas sem sentido! Eu. Não. Consigo. PENSAR! — volta a tentar conter sua dor, levando as mãos até a testa novamente — Não falem assim do nosso Kazekage, Hattori Shion! fala com uma ênfase em “nosso”

Ele dá um ou dois passos na direção de Ayako, chorando por uma mistura de tristeza e raiva.

— Vocês invadem a nossa vila, matam os nossos homens e agora você ofende o nosso líder assim? Isso é um... um... argh! — ajoelha-se, gemendo de dor. Respira fundo, quase perdendo uma luta interna contra a sua própria cabeça. — Eu... s-só quero entender as coisas...

Considerações:
(c)
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia LE7jCRx

Klee
Genin
Klee
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia LE7jCRx

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Ter 25 Ago - 21:48

 

HP: 900/900 × CH: 1.287/1.287 × ST: 00/07 × CN: 000/400
Mikan não esperava por essa, ela continuava fitando Ayako quando o mesmo se virou a ela, ainda fora de si, ainda sem reação. Seu corpo estava paralisado e o nome de Shion não parava de circular em sua mente, junto a flashes outrora mostrados por Shaka ainda no Norte. Ao ter seu nome mencionado, um pulsar mais intenso foi sentido pela garota, pois agora o olhar do rapaz estava direcionado a si.

Parecia que todos haviam sumido e só restava ali os dois, cara a cara.

Ayako sabia de tudo, o tempo todo. Ele tinha conhecimento de que Shaka havia se infiltrado como Akash e agora, que havia uma armação muito maior por trás de tudo aquilo. Seu olhar se voltou ao pequeno rapaz da Areia e ela abraçou um de seus braços, apenas sentindo as gotículas de chuva que continuavam a cair.

Eu não sei onde ele está. — disse em resposta ao garoto, sua voz era tão confusa quanto sua aura naquele momento.

A kunoichi suspirou, iniciaria ali algo que para ela seria difícil de colocar em palavras. Portanto, seu olhar procurou um ponto fixo no chão — No Sul, quando o toquei para fazer a comunicação telepática… Eu senti algo assustador nele, ele percebeu e… Quando ficamos a sós no momento de infiltração, ele me ameaçou. — pressionou mais o braço ao seu corpo — Ele disse que eu o ajudaria a chegar ao Shion-sensei… Custe o que custasse. — levantou o olhar para Ayako e depois Hinka — Shaka disse que o mataria. — seus olhos estavam marejados naquele momento — Mas de repente ele apenas mandou eu vir para cá, sem explicação alguma. Eu… Sinto muito. — concluiu.

Seu olhar se perdeu de novo aos dos garotos que estavam ali sem entender o que se passava. Ela entendia a frustração deles por conta do Cerco, afinal, se sentiria da mesma forma se fosse em sua vila.

Tem mais uma coisa. — agora Mikan tinha lágrimas se enchendo em seus olhos — Ele me forçou a matar o Date. — a loira encarou a mão que segurou a espada do samurai — Houveram algumas visões, um Hattori Shion totalmente diferente do que eu conheci. Ele disse que aquele, das visões, era a verdadeira face do seu pai, um homem impiedoso. Eu não queria acreditar… E agora… Depois disso, nada mais faz sentido, eu… — uma lágrima escorreu — Não sei mais em quem confiar.


Considerações:


[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 100x100

Satoru
Jonin | ANBU
Satoru
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 100x100

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Ter 25 Ago - 23:13


Em busca do conhecimento
Planejando o futuro




HP: 1300/1300
CH: 2075/2075
ST: 00/07

E não bastava a bomba em saber que Shion poderia estar no lado inimigo, o que poderia ser muito perigoso já que Ban tinha ciência da sua força, agora o loiro se surpreenderia aí saber que Akahs era na verdade Shaka! Ao saber disso Ban fechou seus punhos mostrando ódio, e mais ainda quando soube que Mikan era quem assassinou um dos líderes aliados. Entretanto, logo depois o loiro voltou a pensar racionalmente, e pelo pouco tempo que conhecia Mikan, duvidou do que ela mesma tinha dito. - Isso não parece ser de você. Se fez isso, deve ter sido por pressão do Shaka! Diria Ban para Mikan, ainda encarando os ninjas de Suna. Em particular o que estava mostrando muita fragilidade ao ponto de chorar em meio a uma batalha.

Ban não era social, pelo contrário. Era um ninja anti-social, no entanto, devido suas experiências em batalhas e por ter sido sensei e mestre, se sentia no dever de punir aquela ação.- Você é um ninja e está em batalha, não demonstre fraquezas, e fique sempre pronto para agir, garoto! Estranho ele estar punindo as ações de um inimigo? Sim, mas será que esses ninjas de Suna eram mesmo inimigos? Ban já não tinha a certeza, só sabia de duas coisas. Primeiro, que precisava avisar sua líder suprema Takane, e segundo, que precisava deter Shaka custe o que custar, aliás, aquele homem era uma ameaça para todos, até para Iwa.

- Precisamos enviar estas informações para o resto da aliança! Vocês de Suna, soltem a mulher para que ela possa avisar a todos. Esta informação pode acabar com essa guerra! A ordem foi dada, e o motivo explicado. Seria bom tanto para os aliados quanto para os ninjas de Suna os garotos deixarem Hinka passar a informação para os outros líderes. Ela por ser uma líder de pelotão deveria ter algum meio de comunicação, Ban só não tinha a certeza. O que ele tinha certeza era do ódio que sentia por saber que foi enganado por Shaka, ser ao qual o loiro até mesmo treinou duro para ter técnicas capazes de “tentar” bater de frente. Sua atenção ainda estava alta, mas agora centrada em Mikan, quem parecia mais sofrer por tudo o que passou e o Jonin não te notado.




OBSERVAÇÕES:

Template do Kaay
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Ter 25 Ago - 23:27


Topazu Kirameki


HP:800/800 | CH:625/650 | ST: 0/5 | Velocidade: 14m/s

Os pensamentos obsessivos de Topazu se mostraram fortes demais naquele outro momento, ao ponto de causar uma grande confusão mental no garoto e deixando sua cabeça em branco por uma parte do caminho. Por sorte o barulho das estacas de gelo batendo contra o solo, e o grito da líder inimiga ao seu companheiro, forçaram ele a voltar a realidade e ficar mais perto do grupo. Aproveitou os ataques terem parado para virar a cabeça para trás e analisar o perseguidor e, além de perceber que conseguia realizar habilidades com gelo, notou uma forma vermelha estranha em seus olhos. “Conheço muitas técnicas relacionadas com o elemento da água, mas eu nunca tinha visto alguém usar do gelo. Não só os invasores parecem ter velocidade e força de nível elevado, como também tem habilidades diferenciadas.”
As desvantagens só aumentavam com o aparecimento de mais dois inimigos, que com certeza deviam ter suas próprias surpresas. Inesperadamente a tal de Hinka, que com certeza era de grande importância para os invasores, mandou que ninguém atacasse. “Porque se deixar vulnerável assim ao invés de deixá-los realizar uma emboscada? Não acho que nossa vantagem numérica iria assustar ela, então qual o objetivo dessa mulher com isso?”. Não seria bom reclamar de boca cheia, então iria tentar se aproveitar desse empasse entre as duas equipes, criando em sua cabeça possíveis estratégias caso um ataque viesse a acontecer.
Seu pensamento, porém, foi interrompido pelas conversas dos inimigos. “Espera aí, como assim o objetivo deles é o Kazekage? A poucos minutos diziam estar atrás de Takura, mas seria ela apenas um alvo secundário?”. Pelo tom de voz da mulher, e todo aquele papo de ‘estar do lado inimigo’, deixaram claro que não queriam assassinar o líder da vila ou coisa do tipo, mas esperavam que este fosse com eles de bom grado, como se fossem bons amigos. “Poderes incríveis, passado desconhecido, e agora possível amizade com gente estranha. Senhor Kazekage, o que tudo isso significa?”. Teria muito o que questionar caso saísse vivo daquela situação, mas teria que garantir que isso fosse acontecer em primeiro lugar.
Um dos perseguidores exigiu que soltassem a mulher, mas ele seguiria as ordens do pseudo líder do grupo, Takeshi, e estaria preparado caso a resposta não fosse amigável. No quesito velocidade talvez não tivesse tanta vantagem, se a velocidade deles fosse comparável a da Hinka, mas poderia tentar criar distrações. Para isso, tentaria pegar as kunais ‘recheadas’ em sua bolsa, que eram capazes de um bom estrago, e deixaria elas preparadas em uma das mãos, prontas para serem arremessadas.



Considerações:

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Kp7JWtE

Shaka
Game Master
Shaka
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Kp7JWtE

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qua 26 Ago - 2:04



[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 5391298-0406389114-latest
DEUSES ENTRE HOMENS
Eu sou Akahs


Sons de palmas foram ouvidos no ar, seguido de uma risada melancólica, diante de todos uma sensação horrível de solidão, uma sensação de derrota, em passos leves um homem surgiu das sombras, ele mantinha um sorriso enorme no rosto, suas mãos continuavam se tocando em palmas. – Subarashi, Subarashi, é realmente decepcionante quando as peças do tabuleiro não seguem o que o mestre manda.
– O homem caminhava em direção a todos, ele apontou sua mão para Hinka e arrebentou as cordas que a prendia e os ferimentos que lhe incapacitava foram retirados. – Shion te pegou de jeito mesmo em Hinka, HAHAHA! – O homem se aproximava dos garotos de Suna e sorria para eles. –  Olá crianças, então vocês são a geração de garotos que vão morrer por nada? Relaxa não são os primeiros, todo mundo que segue Hattori Shion sofre esse destino, isso é se realmente fosse ele, HAHAHA.
– Shaka estava completamente insano, a dupla traição sofrida o deixava bastante irritado, tanto que ele não se aguentava com seu sorriso.

Ele então se virava para seu antigo time e em uma rápida transformação se mostrava Akahs e por fim voltava a Shaka novamente. – Droga... estava tão divertido, Mikan ai ai... Que decepcionante e eu achei que você tinha alguma utilidade, morre logo.
– Ele apontou sua mão para ela concentrou uma aura negra, um círculo negro circundou as pernas da garota, Hinka segurou a mão dele. – Espera... Ela ainda pode ter utilidade. – Shaka abria um sorriso para ela, segurava ela por baixo do queixo. – Se me impedir de fazer o que eu quero novamente eu arranco essa sua cabecinha Hinka.
– Hinka se afastou e Shaka abaixou sua mão e dessa vez se virou para Ayako. – Irmãozinho... Agora eu me lembrei o porquê eu quebrei seu pescoço, você é muito tagarela, bem... te matar outra vez não será mal algum.
– Ele apontou para Ayako que começou a sentir uma dor enorme em seu corpo, ele começava a sentir seus ossos querendo se quebrar e um grito de uma mulher o parou. – ESPERA! – Ele olhou para ela – O QUE FOI AGORA!?
– Hinka nervosa disse. – Ayako, estava com Angell ele pode ter informações importantes, não o mate ainda. – Shaka colocava sua mão a frente do seu rosto tirando seus cabelos da frente dele fazia um gesto de negação. – Informações? Vou da informações a todos vocês então, o tal Kazekage ai com o rosto do lobinho, não passa de uma imitação, eu o assistir enfrentando o Lawliet, e olha o cara é bom mas não é ele, muito fraco para ser Hattori Shion, a vadia de Suna pode ter conseguido uma forma de clonar o velho e olha tenho que tirar o chapéu, eu o odeio tanto quando odeio o verdadeiro.


Shaka colocou sua mão na cintura e se virou para Hinka. – E agora... Posso matar todos eles agora ou tem mais alguma objeção?
– Hinka se aproximou dele, passou a mão no peito dele como se tentasse seduzir ele, ela deixou um beijo leve no queixo dele e sorriu. – Não ver a oportunidade rara que te apareceu, você pode matar Hattori Shion duas vezes, não seria mais gostoso assim? – Dizia a mulher enquanto passeava com sua mão pelo corpo dele, Shaka parou um momento pensando. – Hummm, ajudar esses paspalhos? Bem admito que nenhum desses idiotas aguentaria com o velho, mas assim é sem graça, fazemos o seguinte irmãozinho, Mikan, Ban se ajoelhem perante a mim e diga, Por favor Senhor Shaka nós ajude e quem sabe eu mato o velho para vocês, caso contrário, boa sorte eu duvido que qualquer um de vocês tenha qualquer chance contra ele.
– Hinka olhou para eles, o rosto dela era um sinal para que eles fizessem, não era hora de serem orgulhosos e ela sabia só Shaka conseguiria derrotar Hattori Shion, - E quanto a Suna? O que faremos com esses garotos?
– Shaka olhava para eles com um olhar perverso. – Não se preocupe com eles, eles entendem agora quem deve seguir se quiserem sair vivos daqui. -

Considerações:


_______________________

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Scre1755
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia WmXxHD8Olá, eu sou o Shaka.
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qua 26 Ago - 12:40


Monogatari Series: Kaguya Aelin  
palavras: 305
A sucessão de acontecimentos estranhos àquela noite estava longe de acabar, aparentemente. Ainda mais confusa eram as conversas dos inimigos. O garoto que acabara de atacar o grupo de shinobis da Areia acabara sendo contido por por Hinka que chamou por outros dois invasores. “Q-Quando?” — Aelin ao saber da presença dos outros. “O que eu faço agora?” — Estava um pouco perdida. As indagações deles faziam algum sentido, mas ainda sim eles estavam invadindo sua casa e atacando de seu povo, não podia e não iria confiar naquele jogo de palavras. Entretanto... “Shaka... Hinka... O Kazekage... Qual a relação deles? Onde tudo isso irá parar? Quem são essas pessoas?” — Para piorar, o pequeno Senko estava surtando em meio a tudo aquilo. A kunoichi bufou. Mas, antes que pudesse falar qualquer coisa...

Palmas, que foram seguidas pela aparição de uma outra figura, puderam serem ouvidas vindas do ar. No mesmo instante, Aelin foi tomada pelo medo e, mesmo com a presença de todos ali, uma sensação de solidão surgia internamente. Viu-se paralisada. Era algo totalmente diferente do que havia presenciado em todos esses anos. Não se sentiu assim nem na presença de Hinka, embora, também, amedrontadora e muito menos do imortal. Dessa vez, a diferença entre eles era evidente demais. Qualquer coisa que tentasse, talvez, até mesmo sua técnica mais poderosa não seria capaz de lidar com àquele homem. A mulher que, até então, estava sob suas custódias conseguiu se livrar dos fios de chakra e estava curada. Diferente de antes, mesmo que não fosse a intenção, ela foi capaz de controlar e evitar que todos ali fossem mortos.

A Kaguya, então, recolheu os ossos, demonstrando que não iria tentar lutar. Não disse mais nada, apenas passou a observar tudo. Não havia mais o que pudesse fazer a não ser concordar com a última fala da morena.

HP 950/950 | CH 1240/1275 | ST 00/06

Informações:
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia AKatsuki2

ShinkaFubuki
Genin
ShinkaFubuki
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia AKatsuki2

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qua 26 Ago - 15:22


Sem escolha

478 palavras



O genin se via surpreendido pelo ataque surpresa, um novo combate estava a se iniciar, por sorte no entanto, a prisoneira com suas palavras para o combate, o nome do ninja que atacou seu grupo era Ayako, o qual Shinka encarava - 'Esse garoto também deve estar sofrendo pela sua cara, e com Hinka conversando com ele, não há duvidas, são aliados.' Pensava o marionetista enquanto a prisoneira continuava a falar, revelando mais dois ninjas nas sombras - 'A quanto tempo eles estiveram lá?! Como que ninguém notou esses caras?!' Pensa a jovem criatura, incrédulo, porém, graças a primeira invasora, nenhum delas atacavam o grupo, o que é ótimas noticias para o genin, mesmo que esteja intimidado ao ver os 3 poderosos ninjas na sua frente, conversando sobre assuntos que não entendia, um tópico enigmatico

'To mais confuso que um mendigo sob prisão domiciliar' Diz o genin, confuso, adotando uma posição relaxada para mostrar que não oferecia nenhuma ameaça para o grupo inimigo, esboçando um sorriso para reenforçar esta visão, mesmo que as duvidas em sua cabeça não acabavam ainda - 'Quem é esse tal de Shaka? Como cometeriam o erro de tentar resgatar o kage da vila?', As duvidas sobre a conversa apenas confundiam a cabeça do genin e de seus amigos, afetando em principal o pequeno Senkinho, o qual Shinka assiste com pena enquanto o garoto quebra sobre a pressão e dor do momento

No meio daquela conversa, palmas são ouvidas junto a passos leves, o corpo de Shinka congela ao ouvir aquelas palmas, o genin se vira, um homem estranho com um sorriso aparece, batendo palmas sarcasticamente para todos, facilmente libertando Hinka e a curando, com suas falas e poder, era certeiro, ele tinha envolvimento grande com aquele cerco, mesmo que o marionetista não saiba quanto de influência ele realmente tem, o homem ia em sua direção, o que fazia o garoto dar passos para trás, abandonando sua posição relaxada, sabendo que aquele desconhecido não parecia tão amigavel quanto os outros ninjas ao seu redor, ficando nervoso com o que ele tem a dizer, chamando todos seus esforços para proteger sua vila de inuteis, para nada, porém o genin sabia que não podia fazer nada, se sentindo derrotado mesmo não tendo nenhuma luta, o homem continua falando, ameaçando a matar os ninjas ali, porém Hinka ajuda o grupo novamente, nem parecendo a mesma mulher que havia tentando o matar antes

'Talvez eu tenha julgado ela errado...' Pensava o genin enquanto observava a mulher sacrificando o proprio orgulho para convencer o monstro, agora com seu nome revelado; Shaka, o qual olha para o grupo com um olhar maligno, seu olhar e fala faz as pupilas de Shinka diminuirem, sabendo que isso não vai acabar bem para ele e seus colegas, porém o mesmo não tinha escolha mais, tendo que trabalhar junto a ele, ou morrer

Perdemo.


HP: 200 / 200 | CHA: 200 / 200  | ST: 00 / 02
Considerações:
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia URkFDZ9

Lollipoppy
Chūnin
Lollipoppy
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia URkFDZ9

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qua 26 Ago - 15:55


MONOGATARI SHOUJO AYUMU☆MAGICA
HP 800/800 | CH 877/900 | ST 00/04 | Sakin 2970/3000
Palavras: 593.
Música

Gelo surgiu aos olhos daquela pequenina figura, mas tempo para refletir sobre quem seria o autor e seus motivos era algo que não possuía. Ela desviou se jogando para o lado. Aquela mulher começou a falar com quem deveria ser Ayako. E chamou por dois que eram... Ban? Mikan? Que nomes chamativos, até rimavam... Seriam irmãos? Talvez, mas eram inimigos certamente... A menininha olhava para as vestes dos recém-chegados, e constatava o óbvio: eram todos muito altos.

A mulher então começou a falar, sobre Hattori Shion, força de Hattori e o Kazekage, mas o que mais chamou a atenção foi: esse cerco foi para nada. A pequenina figura viu seu amigo contestar aquilo tudo, e estranhar, sendo que ele realmente ele estava certo, vidas inocentes foram ceifadas por... Nada?

Ayako falava sobre Shaka, Akash... A loira não entendia, olhava para tudo aquilo não sabendo se era raiva ou se era decepção, mas se fosse decepção do que seria? Não importava, pois aquele ser um pouco mais alto que Ayumu começou a questionar tudo, ele também não entendia nada. Era estranho e confuso, para todos ali talvez, mas para uma criança, era pesado até demais. Eles conversavam, não ligavam, estavam nem aí. A pequenina não conseguia acreditar, era tão inumano.

Existiam inimigos ali, qual o poder? Não se sabia qual, mas ver aquela pobre criança ajoelhada não tendo menor noção dos inimigos, era algo que não poderia ignorar. Uma das piores coisas que tinha era vagar sem saber o que estava ocorrendo, Ayumu sabia disso, sua última missão foi assim, e foi deplorável, mas ver alguém naquele estado...

Digno de pena.

Ayumu se perdeu.

Ela não era muito boa com as palavras. Tentaria acudir o garoto? Falaria alguma coisa positiva? Seria mais dura? Mas Ayumu, e os inimigos? Ela não tinha olhos para eles. Ela queria falar algo, fazer algo para ajudar, porém, não conseguiu.

Fora então que uma voz surgiu: um inimigo. Era estranho, o inimigo tratava a criança como se não existissem inimigos e aliados naquele momento. O que ele disse era certo, estavam todos em batalha, ninguém perdoaria caso tivessem aberturas, mas com aquela brecha tão grande porque ele simplesmente ajudou ao invés de atacar? Aquele desconhecido, quem ele era? Talvez de fato fosse um inimigo, mas o pequenino começou a sentir respeito, e talvez... Se ele não fosse tão desconhecido e em outras circunstâncias... Ele fosse o herói?!?!

Não tinha tempo para tais questionamentos, pois, uma nova figura apareceu. Quem era? Não sabia, mas era tudo tão... Solitário? O pequenino ser não entendia, mesmo rodeada de pessoas, parecia que ela estava só. Petrificada estava, com medo de alguma coisa, talvez do novo ser, talvez do que viesse a ocorrer, mas o que era? Aquela noite estava terrível.

O homem então falava. E depois ele se transformava e voltava ao normal. O pequenino ser não entendia. Existia alguma coisa, mas não conseguia compreender. O homem era inimigo de seus prováveis inimigos, mas ainda assim continuava sendo um inimigo seu. A morte era iminente, o novo inimigo, Shaka, ele mataria todos ali, mas a Hinka convencia de algo, de poupar a todos, até mesmo gente de Suna.

O que faria? Se falasse alguma bobagem, mataria não somente a si mesma, mas a todos. A loira se ajoelhou, colocando o punho fechado sob seu coração. Aparentando que estava dedicando seu coração para Shaka, mas na verdade estava dedicando seu coração aos seus amigos. Pela vida de seus companheiros, faria tudo a seu alcance.

— Sempre confie em um anão com um martelo! — Diria convicta.

Considerações:
( 〃▽〃)
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 1udpIjj

Shion
Administrador
Shion
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 1udpIjj

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qua 26 Ago - 17:29


[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia SHF4bSP
Cerco a Sunagakure
Deus?


Uma garotinha de cabelos azuis treinava em sua casa com seu pai, ela tentava o golpear de todas as formas, mas sempre era derrubada. – Ai ai... Inútil como sempre, como pensa em se tornar um grande shinobi dessa forma Hinka? – O homem deu as costas e deixou a garota sozinha. – Não irá dormir em casa esta noite, amanha treinaremos novamente e caso não consiga me acertar um golpe, ficará sem comer. – Hinka encostou perto de uma arvore e derramou lagrimas, ela se sentia fraca, se sentia inferior a todos os outros, nunca conseguiu ser nada além do que uma garota comum, ela tentava se provar melhor para seu pai, mas nunca era capaz. Naquela noite ela tremia de frio, com seus braços abraçando seu próprio corpo não adiantou de muita coisa, ela fechou os olhos se perguntando. – Por que eu sou tão fraca? – A garota acabou adormecendo. Pela manhã, despertou com uma espécie de capa azul enrolada em seu corpo, ela notou um símbolo de um lobo mas não sabia o que era, sentiu um perfume agradável naquela capa, suas bochechas chegaram a ficar rosas, quando percebeu que seu pai viria ela escondeu a capa atrás da arvore, seu pai se aproximou e olhou para garota ainda com aquele olhar assustado. – Vamos começar! – Ele avançou na direção da garota, distribuindo golpes, Hinka desviava de alguns mas não adiantava, seu pai era muito rápido, muito agressivo, com um soco poderoso no estomago da garota ele a derrubou, Hinka caiu de joelhos e braços no chão chorando, o homem chutou o rosto dela ferindo sua bochecha, ela ficou ali caída com seu rosto sangrando e sua mão na barriga sem entender o porquê ela nunca melhorava – Como sua mãe me deu uma filha tão inútil. - Hinka desmaiou sem forças, acordou no meio da noite com seu pai jogando um balde de água fria nela para despertar, ela acordou assustada, tremendo de frio, ela não sabia o quanto sua vida mudaria pois naquela floresta um guardião a vigiava.

Próximo a delegacia, Hinka estava tendo pensamentos que ele havia esquecido, enquanto ela abraçava Shaka, veio memorias de sua infância. – Poque esses pensamentos agora? – Ela pensou, Shaka colocava medo e pavor em todo garoto presente naquele local, ele se virou para os meninos de Suna. – Como sou mal educado o que meus pais pensariam de mim, eu sou o cara mal, eu sou Hattori Shaka, governante por direito deste mundo.  - Virou seu olho para Senko que sofria e sorriu. – Estão vendo, aquele ali saber o lugar dele, aprendam com ele pessoal.  – Hinka o soltou por um minuto. – Vocês não vão se ajoelhar perante o Deus Shaka? Querem mesmo sentir a punição Divina? Façam o que ele ordenou imediatamente ou vão sofrer as consequências. – Hinka com uma voz poderosa ordenava a todos que se ajoelhassem perante a Shaka, eles não faziam ideia do quanto ela estava se esforçando para salvar a vida deles.

Considerações:


_______________________

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Scre1755
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Ui7615FOlá, Convidado, eu sou o Shion.
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Conheça o Guia Shinobi e aprenda um pouco mais sobre o RPG!
Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 100x100

Satoru
Jonin | ANBU
Satoru
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 100x100

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qua 26 Ago - 21:52


Em busca do conhecimento
Planejando o futuro




HP: 1300/1300
CH: 2075/2075
ST: 00/07

Enquanto se mantinha olhando para Mikan, Ban sentiu uma sensação estranha. Seus olhos foram em direção de onde sentia e ouvia batidas de mão. Quando se aproximou o Jonin pôde concluir, Shaka! O ser dialogou mostrando grande soberania. Só a presença dele já deixou Ban arrepiado, mas ia ficar pior. De algum modo Shaka conseguiu criar uma aura negra em forma circular nas pernas de Mikan. Aquilo assustou loiro, aliás, percebeu que o ser divino conseguia atacar e mostrar poder até distante dos outros.

Sem saber o que fazer Ban ficou com seu olhar arregalado para Mikan, entretanto, a voz de Hinka fez com que o Jonin voltasse sua atenção para Shaka. - Os dois são aliados? O que significa isso? Pensou Ban, mais assustado, agora ciente que se fosse lutar teria que enfrentar duas pessoas muito poderosas. Não bastasse isso, teve mais. Shaka mostrou seu poder ao apontar para Ayako, fazendo o garoto sentisse muita dor. Sua expressão era notada por Ban, que continuou perplexo com a situação. Seus punhos fechados mostrava o ódio e medo que sentia de Shaka. Treinou tanto e até mesmo criou técnicas apenas para enfrentar o ser divino, mas ao sentir seu poder, tudo pareceu sem sentido.

Novamente Hinka interviu e impediu que o pior acontecesse. Conseguiu seduzir o ser divino, que agora estava a falar sobre Shion e, em seguida se mostrou pronto para eliminar todos ali. E novamente Hinka salvou todos. - O que é essa mulher? Qual a relação com Shaka? Voltou a pensar, até que Shaka voltou a falar. Desta vez, estava pedindo para Ban e Mikan se ajoelharem e implorarem para que ele ajudasse eles. Hinka agia dando a entender que era o melhor a se fazer. Ban voltou a ficar em dúvida. Se rebaixar ou não? Voltou seu olhar para Mikan, não sabia exatamente o que fazer.

- Precisamos avisar Takane e todos! Mas como? Se alguém lutar será morto... talvez eu consiga distrair... não... são dois... não sei se daremos conta dos dois... Porque Hinka está protegendo a gente? Deve ter algum plano... Ban estava em dilema. Seu olhar voltou para Shaka. Acenava positivamente com a cabeça, e em seguida voltava a olhar para Mikan enquanto caminhava lentamente até Shaka. - É o melhor a se fazer Mikan. Precisamos ficar vivos para avisar a todos! Pensaria Ban enquanto olhava para Mikan. Seu olhar já dizia tudo.

O Jonin voltou seu olhar para os ninjas de Suna. Precisavam se ajoelhar também se quisessem ficar vivos. Acenou positivo para eles, mostrando que todos deveriam apoiar Shaka. Ban voltou novamente seu olhar para Shaka e, estando a poucos metros de distância de Ayako - cerca de três metros à frente, se ajoelharia com seu olhar voltado para o solo abaixo dele e suas mãos cada uma sobre suas respectivas pernas, diria o que Shaka tanto queria ouvir. - Por favor Senhor Shaka nós ajude. Diria num tom audível a todos ali presentes, e num tom confiante, ainda que com suspeitas sobre as reais intenções de Shaka.

Era o melhor a se fazer, no entanto, estava cem por cento do lado de Ayako. Sua habilidade sensora Kanchi estaria ativada e concentrada nele. Porque? Caso sentisse que o Chakra do garoto ficasse conturbado ou liberasse Chakra, estaria ciente que Ayako iria para luta, e certamente Ban estaria pronto para apoiar o ninja.




OBSERVAÇÕES:

Template do Kaay
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 9zSthXZ

Makkokun
Chūnin
Makkokun
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 9zSthXZ

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qua 26 Ago - 23:54



Tatsumi Takeshi
Sunagakure Chunin

Por um momento os invasores começaram a falar de acontecimentos e nome de pessoas que o chunin não fazia ideia que existiam, contudo, pareciam deveras importante, e também aparentavam estar intrinsicamente ligados aquela invasão a Sunagakure, por um momento o rapaz achou que estavam fazendo alguma piada de mal gosto com eles, tirando sarro antes de os matarem ali mesmo, e seu companheiros pareciam também ter sentido algo parecido, principalmente o Senko, o pequeno ninja parecia estar ficando realmente abalado com tudo aquilo. “ Uma criança realmente não devia ter que passar por tudo isso. “ – Pensava o garoto observando o menor, que parecia aos poucos estar perdendo a cabeça, entretanto, não poderia julgá-lo, ele também estava ficando extremamente irritado de ver aquelas pessoas falarem aquilo de sua vila, de seu Kazekage, estava até preparado para falar novamente, até que tudo mudou de um segundo para o outro, e foi a partir daquilo que Takeshi viu que talvez os invasores não estavam mentindo.

Enquanto observava todo aquele alvoroço, escutou barulho de palmas sendo batidas, e logo em seguida, uma presença como nenhuma outra se fez presente, o chunin da Areia começou a sentir um aperto em seu coração, um sentimento de desolação, por um momento até mesmo achou que o próprio ar estava tentando lhe sufocar. “ M-mas o que diabos é isso? É algum deles que está fazendo algo!?  “ - Pensou, olhando para os invasores à sua frente, contudo, em seguida escutou uma risada que o fez ter calafrios, e nenhum deles estava rindo, ou seja, existia alguém novo ali, e este alguém se mostrou pouco depois, era um homem que nunca tinha visto em toda sua vida, mas a presença que sentiu daquele ser, fez Takeshi sentir um medo que não sentiu nem quando viu Hinka anteriormente, aquela pessoa, se é que podia chamar de pessoa, que estava à sua frente, era alguém que o garoto não chegaria nem a um milésimo de ter alguma chance contra.

Quando aquele homem apareceu, ele começou a conversar com Hinka, e também parecia conhecer alguns dos outros invasores, chamando um deles até mesmo de irmãozinho, todavia, o que ele fez com o garoto de gelo em seguida, não era algo que um irmão deveria fazer com outro, e isto fez até mesmo Takeshi ter memórias desagradáveis sobre seu irmão mais velho. “ Parece que você tem um concorrente para pior irmão da história, Tsuna. ” – Pensou vendo o que acontecia à sua frente, o único motivo pelo qual o garoto de gelo não foi morto ali mesmo, foi graças à Hinka, que o defendeu, mas o homem que estava atacando todos agora, ele parecia ter algum tipo de distúrbio, não era normal, ele simplesmente falava diversas coisas ao mesmo tempo, e muitas para Takeshi não faziam o mínimo de sentido, contudo, o que mais surpreendeu o chuunin, fora quando ele falou que o Kazekage Shion era na verdade falso, um clone. “ Ele não pode estar falando sério... Ele pode estar tentando nos enganar, mas ao mesmo tempo ele poderia matar qualquer um aqui, então seria simplesmente perda de tempo tentar nos enganar. “ – Pensava o rapaz, abismado com o que escutava.

Após as revelações, o homem até mesmo ameaçou matar ele e os garotos, contudo, mais uma vez Hinka o impediu, Takeshi estava se surpreendendo com a mulher que momentos antes tentou matar um de seus companheiros, mas ainda não confiava nem nela, nem em qualquer um dos invasores, mas entre os invasores e aquele homem, não era difícil escolher um.

O homem agora, que acreditava que se chamava Shaka, mandou todos ali se ajoelharem perante ele, ele parecia possuir algum complexo de divindade, contudo, vendo o quanto todos ali temiam ele, talvez ele realmente fosse, até mesmo Hinka falava para eles fazerem isso. “ Se até ela está concordando com toda essa loucura, não tem muito o que possamos fazer. “ - Pensou, em seguida se ajoelhando também, acompanhando o primeiro que já havia o feito. Orgulho nunca fora algo importante para Takeshi, desde cedo aprendeu a sobreviver nas ruas, e não seria agora que jogaria sua vida fora por algo tão besta como ficar de joelhos, portanto, obedeceu às ordens que lhe foram dadas.

Informações:

Tatsumi Takeshi; HP 900/1000; CH 875/1100; Colar 250/250; ST 01/07;
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia LE7jCRx

Klee
Genin
Klee
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia LE7jCRx

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qui 27 Ago - 1:37

 

HP: 900/900 × CH: 1.287/1.287 × ST: 00/07 × CN: 000/400
Quando Ban anunciou que aquela informação deveria ser passada aos demais, ela negou com a cabeça, mesmo que fosse o certo, Mikan ainda estava sob ameaças… Ela temia mais pela vida dos que amava do que pela sua própria. — Não. — sussurrou, mas inaudível.

A chuva não tinha intenção de diminuir, caindo melodicamente com a aparição do homem qual ela mais temia. Seu coração pareceu parar de palpitar, estava imóvel como se Ayako houvesse a congelado, e as palmas eram como sinos tocando ao seu lado, ensurdecedor.

Ele está aqui… Talvez estivesse atrás de mim o tempo todo…” um pensamento infortuno, atrativo naquele momento de terror e solidão. Seria seu fim? Por que achou que poderia confiar em um Hattori? A ingenuidade que achava ter superado, eram apenas mentiras que dizia a si mesma para tentar não ver a realidade.

Estava cega.

Seu olhar se levantou trêmulo para a figura que se aproximava, por mais que tentasse, não conseguia o encarar, mas as intenções dele eram as piores e ela acreditou mesmo que morreria ao ter as mãos do ruivo apontadas a si e uma força negra a rodear. Se não fosse por Hinka, estaria morta naquele momento, mas ela realmente o convenceria o contrário? Ora, porque aquela mulher a salvaria? Shaka tinha motivos sólidos para tirar sua vida, a Oráculo o traiu.

Foi ao chão com o desviar de qualquer que fosse o poder que Shaka usaria para tomar sua vida, e manteve-se naquela posição observando a cena a seguir e sem esperanças de que Hinka conseguisse o convencer o contrário. Shaka estava determinado a matar Shion, fosse ele o Kazekage ou não. Seus olhos eram turvos e sua respiração intensa, a todo momento ela apenas esperava a conclusão daquela técnica direcionada a si, e, em um instante, uma proposta foi apresentada pelo superior.

Mikan sentou-se no chão, ajoelhando sobre as pernas, com as mãos no solo e levantou o olhar para o homem em sua frente. — Por favor, Shaka, nos ajude a descobrir a verdade, apenas nos dê alguém em quem confiar. Essas crianças, elas não tem nada a ver com isso tudo, por favor. — implorava fitando os olhos de Shaka intensamente.

Naquele momento, Mikan só queria acabar de uma vez com tudo aquilo, para ela não existia mais nenhum lado certo da moeda, eram apenas Deuses se enfrentando e eles em meio a tudo aquilo. A visão daquela casa com uma cachoeira que sonhava vez ou outra, permanecia em sua mente; ela ainda tinha esperança de a encontrar.


Considerações:


[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia RZlFJ4c

TK
Jōnin
TK
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia RZlFJ4c

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qui 27 Ago - 10:34

HP: 750/750 (1300)
CH: 735/825 (1650)
ST: 01/05
Velocidade: 00ms/7ms (14m/s)
Força: 00/01 (02)
Ayako preferiu ignorar o ninja de Suna. A única resposta que lhe interessava era de Mikan. Por isso, quando ela começou a falar todo seu corpo ficou ainda mais tenso. Apesar de terrível, a história era menos horrível do que ele imaginava. No entanto, tê-la feito matar um aliado mostrava claramente as intenções de Shaka. Ele não estava atrás de nenhum Hattori Shion, mas sim de caos. Desgraçado, ele pensou estalando a língua no céu da boca, enquanto Ban tentava tomar a frente como se fosse alguém naquela confusão — mal tinha percebido que não se tratava de ninguém além dos Hattoris. Mas o pior ainda estava por vir...

As palmas debochadas tocaram os ouvidos de Ayako e o fizeram se virar rápido. Sentiu-se pequeno, frágil. A sombra que surgiu trazia a voz de Shaka consigo, colocando-se no seu pedestal arrogantemente. Com um movimento sutil ele desprendeu Hinka de suas amarras como se não fossem nada, por mais que o Sharingan de Ayako tivesse visto antes a complexidade da técnica usada. Shaka continuava seu discurso inflado de narcisismo. Ayako tentava se conter, os punhos cerrados cheios de ódio eram sinal disso. Queria avançar contra ele, atacar e torcer para todos os outros avançarem sem medo contra aquele homem. Precisava acreditar que havia um meio de derrotá-lo mesmo sem Hattori Shion. Porém isso durou só até ele mostrar sua força contra Mikan.

Hinka o impediu, ele não fez mal a garota Yamanaka, porém, a aura negra evocada deixou o coração de Ayako assustado. Suou frio no canto do rosto. Isto, pois, seus novos olhos lhe permitiram enxergar toda a energia contida naquela tentativa de ataque. Quando Shaka se virou para ele, quase não deu atenção àquelas palavras cheias de sarcasmo. Mas a dor que sucedeu foi impossível de não notar; ela o derrubou de joelhos no chão, mordendo os lábios para não gritar ao sentir seus ossos se partindo. Novamente graças a Hinka o pior não aconteceu. A dor desapareceu, mas ele ainda estava no chão. Ergueu o rosto para encará-los, encontrando a face maliciosa de Shaka. Foi neste momento em que ele contou a todos quem era aquele outro "Shion".

Ayako voltou a abaixar a cabeça, tentando voltar a si. O medo e a dor ainda davam sinais psicológicos. Ele não tinha coragem de se levantar, de tentar alguma coisa naquele momento. Vendo o tamanho da força de Shaka, ele tinha certeza que não adiantaria ter falsos olhos Uchiha para derrotá-lo. Muito menos uma força tarefa mobilizada às pressas. Ele estava derrotado. Não havia modo de vencê-lo. Hinka jamais trairia-o... e ao mandar se ajoelharem, ele viu aos poucos os ninjas realmente aceitando aquela derrota. Talvez por medo, talvez por não terem mais certeza de nada.

Mas ele não conseguia fazer o mesmo.

— Não. — disse respirando fundo, erguendo-se devagar. — A culpa de tudo estar assim é sua, Shaka. Eu não vou pedir sua ajuda — disse tentando se manter firme mesmo com todo o medo em seu coração. Ele sabia que podia ser morto naquele instante, mas não se importava. Preferia morrer a se humilhar diante de Shaka como um cachorrinho.

Consid.:
Jutsus Usados:

_______________________

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Q9DYRBI
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Kp7JWtE

Shaka
Game Master
Shaka
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Kp7JWtE

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qui 27 Ago - 12:06



[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 3f6805368fc14c532f68c690855ec6e5
DEUSES ENTRE HOMENS
Eu venço!


[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 015c8b1b73eadb8cf2c44e4500303ee0
Mais uma noite Hinka sozinha na floresta, ela embrulhou com aquela roupa, ela não sabia de quem era, mas se sentia quente e aquecida. Seu estomago se retorcia de dor, ela não comia nada há pelo menos dois dias, não conseguia dormir por isso, chorava bastante. Ela ouviu uma voz, essa voz a chamava para floresta. – Hinka venha, eu não vou te machucar eu prometo. – Ela não tinha muito escolha e foi entrando mais fundo na floresta, chegando mais à frente ela viu luzes, uma mesa improvisada e um homem de cabelos azuis sentado, ele jantava sozinho. – Vamos sente-se, fique à vontade. – Ele a convidou para jantar, ela meio tímida se sentou devagar na cadeira ficando de frente a ele, o homem sorriu para ela. – Por favor coma, eu não vou comer tudo isso sozinho. – Com as mãos tremendo e ainda enrolada na capa, ela pegou um pedaço de pão que estava em um prato e lentamente o levou a boca, e ao morder ela sentiu um sabor delicioso, seus olhos encheram de água, ele falou com ela mais uma vez. – Não está uma delícia? Experimente este suco. – O homem se levantou pegou uma taça e um copo e andou ate ela, colocou a taça perto da garota que se retraiu com medo, ele serviu o copo para ela e voltou a seu lugar. – O que foi porque está tão assustada? – ela tomou o suco, e sorriu agradecendo, e em seguida disse. – Bem... minha mãe disse para não aceitar nada de estranhos. – O homem gargalhou e disse. – Excelente conselho, mas eu não sou um estranho, eu sou um amigo, afinal apenas amigos nos convida para jantar. – Ela ficou meio tímida. – É que... eu não tenho amigos, não sei o que é ter um amigo. – Ele disse de forma simpática. – Então agora você tem um. – Ela sorriu e voltou a comer e dessa vez menos tímida, os dois conversavam um pouco. – Ficou boa em você minha capa. – Ela olhou para ela. – Então é sua? Muito obrigada, gostaria de ter ela de volta? Só esta meio suja, eu lavaria se pudesse entrar em casa. – O homem ficou sério. – Por que seu pai não deixa você entrar em casa? – Ela virou o olhar um pouco. – Bem... eu sou fraca, meu pai é um homem importante na folha, não seria bom para ele ter alguém como eu dentro de casa. – O homem disse um pouco irritado. – Mas isso é um absurdo, que tipo de pai abandona seus próprios filhos? – Hinka parou de comer um momento e ficou em silencio, começando a chorar. O homem se aproximou dela e deu um abraço que a consolou. – Não se preocupe, sempre que se sentir sozinha, com frio ou fome eu vou estar aqui. – Ela então resolveu perguntar. – O que você faz na floresta essa hora? – Ele sorriu para ela. – Hinka, eu sou um homem em busca de esclarecimentos, um dia eu tive um sonho, eu sonhei que encontraria com uma garotinha de cabelos azuis nessa floresta, essa garota estaria só, desamparada e precisando de um abraço, desde então eu estou aqui todos os dias na esperança de encontrar esta garota, ela é minha filha. – Hinka, chegou a segurar seu cabelo e o olhar um momento. – Qual seu nome senhor? – Ele levantou a taça para ela. – Como sou mal educado, meu nome é Hattori Shion. –  Ao ouvir o nome do homem, ela acordou pela manhã na mesma arvore de sempre, ele achou ter sido um sonho, mas em sua mão direita ainda estava o pão que ela comeu noite passada.

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 59376241ee6099cd3511b99a978575f3
Hinka estava a frente dos demais, e abriu e fechou os olhos novamente, ela tornou se lembrar de coisas do seu passado, seu olhar se fixou para os garotos que aos poucos iam se sucumbindo a vontade de Shaka, tudo parecia bem, até Ayako resolver se arrogante e encarar Shaka, Hinka se assustou e gritou com ele. – SEU IDIOTA AJOELHE-SE PERANTE A SHAKA IMEDIATAMENTE. – Shaka segurou o ombro dela, e andou ate Ayako, ele parou frente ao garoto, o olhou nos olhos, com sua mão cheia acertou um soco poderoso no rosto do garoto o derrubando no chão, Shaka se abaixou pegou ele pelos cabelos e acertou um soco no estomago de Ayako, uma força tão absurda que Ayako caiu de joelhos no chão, Shaka o pegou pela gola da roupa o levantando até próximo ao rosto dele, se aproximou dos ouvidos dele. – Irmãozinho tolo, você ainda é fraco, e se continuar me olhando desse jeito não vai viver muito para se tornar forte. – Shaka acertou um segundo soco no rosto de Ayako. – Acha que é valentão né? Acha que é forte porque o velho te deu olhos novos? No dia que conseguir me acertar um soco com uma força semelhante a esta que te dei, venha conversar comigo. – Ele então engrossou a voz. – Até lá, seu lugar é abaixo de mim, moleque medroso.  –  Mesmo uma cena tão horrível ninguém conseguia se move para tentar fazer algo, o medo emitido por Shaka era muito grande.

Shaka se virou para os demais e começou a sorrir. – HAHAAHAHA! Vocês são muito idiotas, levantam-se, eu só estava brincando, não precisava se ajoelhar, matar Shion é um prazer para mim, e pode fazer isso duas vezes no mesmo dia? Eu farei, levanta-se e me acompanhem, temos um Kazekage para matar.  – Shaka se virou indo em direção ao gabinete do Kazekage, Hinka curava Ayako e falava baixinho pra ele. – Não tente fazer essa idiotice novamente, não brinca com a sorte, e não falo por você, falo por quem você se importa, acha que Shaka mataria só você? E Angell? E os garotos aqui presente, se corajoso e morto não adianta de muita coisa seu idiota, agora vamos. – Hinka terminou de curar Ayako e seguiu Shaka, ele então parou e gritou. – Garotada de Suna, já ia me esquecendo de vocês, o Kazekage ele guarda uma serie de segredinhos, se quiserem saber mais me acompanhe, prometo ser bem esclarecedor no caminho, ou fiquem aqui e aguardem as explosões, seja como for, a aventura vai ser divertida. – Shaka então se virou partindo rumo a Shion, dizendo uma ultima coisa para Mikan e Ayako. –  E claro, Mikan e Ayako, ainda não terminamos. -

No caminho e para quem o estivesse acompanhando ele começava a falar. – Então vocês são os idiotas que vão me ajudar enquanto eu mato Shion, antes disso vocês precisam saber de  algumas coisas, o velho tem dominância em Hyouton, mas Hyouton não é sua principal habilidade, o desgraçado é um lutador excepcional, seu taijutsu e domínio em armas é gigante, evitem combate corpo a corpo ou vão se arrepender. Por fim vamos falar sobre as habilidades dele, seus olhos possuem o doujutsu dos Uchihas com a porcaria do Rinengan no esquerdo, mas não é qualquer Rinengan é algo diferente, ele conseguiu isso de minha mãe. Ele domina os 5 elementos, embora Raiton e Katon sejam sua especialidade, ele tem uma velocidade absurda, sim senhores o homem não é fraco e duvido muito que a maioria de vocês sobreviva, mas... Vão ter uma história excelente para contar no inferno. – Shaka seguiu andando, no caminho vários corpos de ninjas de Suna mortos, seus corpos estavam brancos como se estivesse sem alma.

Considerações:


_______________________

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Scre1755
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia WmXxHD8Olá, eu sou o Shaka.
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Xoj9u7k

Senko'
Godaime Mizukage
Senko'
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Xoj9u7k

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qui 27 Ago - 15:30

Só quero a verdade
HP: 1100 | 1100CH: 1000 | 1000ST: 0 | 5

A chuva não era capaz de esconder as lágrimas e a dor do garoto. Ele perguntara para os invasores num ato de desespero, querendo saber mais sobre o que acontecia ali, tentando organizar tudo o que tinha dentro da sua mente.  Um deles disse para Senko não demonstrar suas fraquezas e o menino já vinha fazendo de tudo para se conter, mas o que ele sentia era bem maior do que ele podia aguentar dentro de si. E por não suportar seus sentimentos, transbordou, caiu de joelhos derrotado. Ayako nem respondeu, o garoto não era relevante para ele.

Embora estivesse rodeado por outros ninjas, sentiu uma solidão tremenda. Se nem ele se entendia, quem iria entender? Tentava enxugar as lágrimas e conter o choro para não passar mais vergonha do que já tinha passado, mas, enquanto olhava para baixo, ouviu as palmas de um ser que se aproximava. Manteve-se de joelhos, olhando para a lama que se formava debaixo dos seus joelhos.

“Vou morrer...?” pensou, olhando lentamente para aquele que tinha acabado de chegar, sentindo seu enorme poder, muito maior que de Hinka. Mil, dez mil vezes? Tanto faz, o garoto era um grão de poeira perto daquele ninja. Sentiu-se fraco, covarde, impotente, angustiado.

Ele se revelou enquanto falava com os invasores, Ban e Mikan. “Então esse é o Shaka...” entrou em desespero, engolindo todo o choro que tinha até então, soluçando e arregalando os olhos, cheio de pavor. Os invasores e Shaka permanecem com a mesma história: o Kazekage que Senko conhecia era uma farsa. Ele não queria acreditar.

Shaka olhou para o garoto e tirou sarro dele por já estar derrotado, ajoelhado na lama. “Eu não sou nada...” triste, percebeu a sua insignificância. Ele não era o herói de ninguém, uma decepção para o propósito que seu falecido pai idealizou. Continuou ajoelhado.

Mas Ayako não temeu. Num ato corajoso, não se ajoelhou perante aquele ser. Não adiantou nada também, levou uma surra bem dada.

Senko prestou atenção nas palavras de Shaka. “Matar Kazekage-sama...?” engoliu seco. Ele tinha que saber se aquilo tudo que falavam era real. Tinha que ver com seus próprios olhos. “Não tenho outra escolha além disso, só quero a verdade, mas... Kazekage-sama, por favor, não me decepcione!” pensou.

Ele se levantou lentamente. Limpou o rosto, depois tentou tirar um pouco da lama da sua calça. Olhou para seus companheiros com um pesar, ele queria dar um fim nisso. Finalmente começou a seguir Shaka junto de quem decidisse ir também. — Vamos. — disse, num tom triste e curto.

A sua angústia só crescia. No caminho, enquanto Shaka explicava o poder do Kazekage, viu dezenas de corpos dos ninjas de sua vila. A sua respiração ficou mais ofegante, quase como se fosse uma crise de ansiedade. Se estava incomodado quando soube onde Ayumu morava, ver todos aqueles ninjas que só queriam proteger sua vila no chão, pálidos, sem vida... Sentiu um aperto indescritível no coração e levou as mãos aos olhos, que doíam e coçavam ao ver aquele caos.

Considerações:
(c)
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Qui 27 Ago - 17:56


Topazu Kirameki


HP:800/800 | CH:625/650 | ST: 0/5 | Velocidade: 14m/s

De todas as surpresas que aconteceram nesta guerra, que levaram Topazu a aprender muito mais sobre o mundo dentro e fora de Suna, a aparição do chamado ‘Shaka’ levou o garoto a sentir o mais forte terror até então, e também um estranho sentimento de déjà vu. No entanto, o devoto da Crença dos Protetores sabia que toda aquela bravata da auto proclamada divindade não poderia ser tolerada. O garoto sabia que o suposto ‘Deus Shaka’ era muitas vezes mais poderoso que Hinka, levando em conta as atitudes da mulher em relação a ele, mas mesmo que esta já havia causado medo em seu coração, sua devoção a Crença dos Protetores era mais poderosa que qualquer ansiedade ou aflição. “Os únicos Deuses são os Espíritos Maiores, e toda essa heresia contra seus nomes não pode continuar. Em toda a minha existência, nunca me ajoelharei ou garantirei adoração a ninguém que não seja aos espíritos protetores do nosso lar.”
Boa parte de seus companheiros pensavam diferente, até mesmo Takeshi a quem admirava, e se colocaram a venerar o falso deus conforme suas ordens. “Tolos, esperava que seus corações estariam abertos para a graça dos Protetores, mas acho que me enganei.”. Seu único ‘aliado’ contra aquela loucura seria alguém que antes era seu inimigo, o chamado Ayako. Topazu, mesmo com sua total adoração aos Protetores, sabia que aquela batalha seria quase impossível de ganhar, mas não poderia fazer qualquer outra escolha. “Talvez se eu o ajudar poderemos ter uma chance, levando em conta que ele parece ter habilidades notáveis.”. Seus pensamentos voltaram ao seu encontro com Takibi. “Então era isso, o ápice da minha provação vai ser livrar o mundo dessa falsa divindade.”.
Deixou suas kunais preparadas e estava atento para a reação de Shaka para as palavras de Ayako, quando, num piscar de olhos, este já havia nocauteado seu suposto parceiro com movimentos impossíveis de se seguir. “Mas...Quando?”. Sua coragem sofreu um golpe fatal, e mudou sua expressão padrão para uma de total confusão e medo. Enquanto Shaka colocava o outro garoto em seu ‘devido lugar’, Topazu instintivamente guardou as kunais de volta e deu alguns passos para trás. “Não...Isso é impossível.” – Pensava isso tanto sobre a velocidade do inimigo, quanto sobre a possibilidade de ganhar essa batalha. Enquanto ele estava parado raciocinando o que aconteceu, o falso deus seguia com seus planos contra o Kazekage Shion, quem o jovem havia esquecido em sua explosão de fé. “Então é isso, ele pega o Kazekage e nos deixa em paz, indo para bem longe daqui...”. Para quem antes bolava suposições sobre o real motivo dessa guerra, se quebrou por completo e agora não se interessava mais, só queria que tudo aquilo acabasse logo e que sua família estivesse fora do radar desse demônio.
No entanto, haveria mais uma oferta da falsa divindade: Se unir a ele para derrubar o Kazekage. Ele poderia ajudar a acabar com aquele conflito traindo sua vila, que havia construído uma arma de destruição e guardou milhares de segredos da própria população, mas para isso teria de se juntar a um herege que obviamente tinha más intenções. Lembrou de tudo que havia acontecido até então, desde o aparecimento da estranha arma no meio de Suna até os ataques que conseguiu se proteger, e se perguntou o que seria o certo a fazer. A situação não deixava nada disso muito claro, mas ele fez uma decisão. “Protetores, me perdoem.”. Seguiria o grupo e ajudaria Shaka a terminar essa guerra. “Tia, eu vou proteger você”. - Repetiu em sua cabeça, tentando não se abalar pelas pilhas de corpos no caminho.



Considerações:

Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Sex 28 Ago - 1:58


Monogatari Series: Kaguya Aelin  
palavras: 599
O clima não era dos melhores e estava tudo tão, tão, mais tão confuso que se torna impossível não repetir tais pensamentos a cada linha. Aquele ar solitário e de medo tomava conta do local e, um a um, os shinobis começaram a se ajoelhar perante Shaka que retornou a falar, dessa vez se apresentando aos desconhecidos, como Governante do Mundo. Hinka, por sua vez agia de maneira estranha, mas aparentava tentar salvar aos demais. “Por que? Nós somos inimigos!” — Questionava-se. “Na verdade... Quem são os aliados e inimigos nisso?” — Já não fazia mais ideia. Mas, o fato de ter que se ajoelhar para alguém a incomodava de maneira profunda. Jamais faria de maneira tão pífia. Contudo, a situação era diferente. Não era sua vida que estava em risco e ela sabia muito bem que seria morta sem um mínimo esforço do homem à sua vista. Seus pensamentos entravam em conflito. Haviam dois motivos que a levariam a se ajoelhar: respeito. Pelo qual ela não havia por ninguém até àquele momento e medo... Ah sim, medo. Ayumu, ajoelhou-se. Por medo ou respeito? Takeshi, ajoelhou-se. Por medo ou respeito? Os outros dois invasores, ajoelharam-se. Por medo ou respeito? Aelin começou o movimento para se ajoelhar. Por medo.

Entretanto, antes de terminar o movimento, alguém foi corajoso (ou tolo) o suficiente para discordar de Shaka. Era o mesmo garoto que aparecera para salvar Hinka. Coitado. Levou uma surra tão bem dada que até mesmo a jovem Kaguya poderia sentir a dor em seu corpo. O pseudo-deus retornou a falar a todos presentes ali, principalmente ao pequeno grupo de jovens ninjas de Sunagakure. Não tinha escolha, a não fazer o que o homem lhes disse. Se quisesse sobreviver. Se quisesse descobrir o motivo de tudo àquilo estar acontecendo. Decidiu o acompanhar. Quem sabe no caminho alguém forte o suficiente apareceria para ajuda-los. Quem sabe no caminho eles dariam um jeito de pensar em sair daquela situação e lidar com os invasores.

Pelo caminho, o autoproclamado governante começou a falar sobre as habilidades do Kazekage. Aelin não conhecia nem um terço das coisas as quais ele falou. Nunca tinha visto a Sombra da Areia lutar, talvez apenas àqueles breves momentos com Hinka. Mas, a fala de Shaka em relação ao domínio com armas e taijutsu lhe chamaram a atenção. Afinal, eram sua especialidade. “Talvez, depois que tudo isso passar, eu mesmo peço ao Kazekage para me ensinar.” — Até aquele momento não acreditava nos invasores, apesar das várias informações desconexas. Contudo, o sentimento de medo seria substituído por outros, logo nos próximos passos.

Corpos de ninjas de Suna forravam seu caminho. Estavam mortos. Foi nesse momento que sua ficha caiu. A angústia e o desespero tomaram conta de sua pessoa. Àquela cena começou a afetar muito mais do que deveria. Não eram apenas shinobis. Eram pais, filhos, tios, avós e tantas outras pessoas cujos parentes e amigos estariam esperando para dar um abraço. Uma espera que levaria a vida toda e nunca mais poderiam tê-los, quentes, em seus braços.  Ela conhecia essa sensação.

“Deuses são seres que inspiram, que levam à admiração e adoração, que trazem esperança... Medo, subjugar o outro, causar a desgraça de uma nação... Essas não são as qualidades de um Deus e nem de um Governante que se preze. Palavras jogadas e o medo imposto por alguém como você, não são o suficiente para me convencer, mesmo que isso me mate. Me prove que Hatorri Shion, não é o que nós vemos. Pois, por hora, o Governante... o Deus é ele.” — Era o que ela queria falar, mas apenas pensou.

HP 950/950 | CH 1275/1275 | ST 00/06

Informações:
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia AKatsuki2

ShinkaFubuki
Genin
ShinkaFubuki
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia AKatsuki2

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Sex 28 Ago - 15:27


O corredor da morte

350 palavras



Shinka já havia aceitado sua derrotada, se ajoelhando contra a propria vontade para Shaka, sua vontade de sobreviver aquilo era maior que seu orgulho, porém não é o que Ayako tinha em mente, se levantando contra o opressor que estava na frente de todos, com Hinka gritando contra ele, era parecia querer o bem do chunin, porém o pior acontece e Shaka começa a espancar a criança na frente de todos

'Eu não consigo assistir isso...' Pensa Shinka enquanto desvia o olhar, paralisado de medo, não podia fazer nada para ajudar o garoto, bem, ele podia fazer algo, mas apenas se queria acabar em um caixão, então o estranho maligno se virou com um sorriso, como se estivesse se divertindo com o sofrimento de todos ali, revelando suas intenções em um tom divertido, Shinka não conseguia falar nada perante aquela aura de medo que o monstro emitia, tendo que recuar para seus pensamentos, a unica maneira de não surtar com o que estava acontecendo na sua frente - 'M-Matar o Kazekage? ''Temos''?!' o monstro então vai em seu caminho para o gabinete do Kazekage, parando para gritar com a garotada, prometendo dar o conhecimento que estava faltando em sua mente sobre aquele certo e do que estavam falando, Shinka decide timidamente seguir Shaka, com medo que ele possa simplesmente se virar e aniquilar ele a qualquer momento

No caminho Shaka começa a falar, novamente insultados seus tão chamados aliados, explicando sobre as habilidades do Kazekage - 'Como o Kazekage pode ser tão poderoso...?!  Habilidade incrivel em ninjutsus elementais, e aquele olho que jogou Hinka para longe, o qual forte Shaka deve ser ou pensa ser para lutar com isso?!' Pensa o genin enquanto encara as costas de Shaka com um enorme medo em sua cara, o qual joga a maior bomba; Vocês irão morrer nesta luta, o que faz Shinka engolir o seco, sabendo que está no corredor da morte, não ajudando estas visões eram os corpos dos ninjas no caminho, os quais Shinka observava com uma tristeza, sussurrando para si mesmo 'Tanta gente morreu para nada...'

Perdemo.


HP: 200 / 200 | CHA: 200 / 200  | ST: 00 / 02
Considerações:
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia URkFDZ9

Lollipoppy
Chūnin
Lollipoppy
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia URkFDZ9

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Sex 28 Ago - 15:29


MONOGATARI SHOUJO AYUMU☆MAGICA
HP 800/800 | CH 877/900 | ST 00/04 | Sakin 2970/3000
Palavras: 537.
Música

Era tudo de partir o coração.

Ajoelhada ainda estava, com sua mãozinha ainda por cima de seu coração. Suas palavras ditas anteriormente não foram levadas a sério aparentemente, infelizmente até por quem mais ela queria que escutasse.

Desesperador? Algo extremamente difícil? Apoiar o cara mal? É... Era uma situação bastante complicada. Ela escutou aquele benevolente inimigo pedir perdão e clamar pela vida, observou seu amigo de gostos trevosos se ajoelhar também, e outra figura também, mas aquele Ayako... Ele realmente não levou a sério as palavras ditas pelo pequenino ser, era até compreensível, visto que, era totais desconhecidos, e que ela era muito ruim com palavras.

Aquele homem deu um soco no menino de gelo, fazendo-o cair, pegou o menino novamente, e deu outro soco. Era grotesco, mas o pequenino ser ficou ainda ajoelhado com sua mãozinha firme, segurando forte de medo.

O homem começou a dirigir a palavra para o pequenino ser e os outros. Ele ria, dizendo que era apenas uma brincadeira, mas a loira pensava que não era, aquilo tudo realmente não era uma brincadeira, ela timidamente se levantou, com muito receio de demorar e estressar aquele homem. Shaka começou a caminhar, até que gritou, falando sobre a existência de segredos do líder da vila, e mandou uma espécie de convite, que poderiam acompanha-lo, e que ele seria esclarecedor, ou poderiam ficar e aguardar as explosões.

— Claro que irei...... — Teria uma breve pausa em sua resposta. — Shaka Kami-sama. — Kami-sama? Sim, seria esse o tratamento que ela tentaria dar. Mal conhecia aquele homem, mas em seu pensamento seria perigoso para si e para seus companheiros irritar o homem, então trataria em um tom respeitoso, querendo não causar problemas.

Acompanharia então, e ficaria ouvindo o homem falar sobre os poderes que todos iriam encontrar. O pequenino ser tentaria entender os poderes, mas não entenderia. Hyouton... Doujutsu dos Uchihas... Rinengan... O ser desprovido de altura, não entendia, mas compreendia que se para Shaka, aquele homem não era fraco, então... Seria um adversário que Ayumu não poderia vacilar em momento nenhum.

O que compreenderia seria sobre ser um lutador excepcional, bastante veloz, e que domina os cinco elementos... É... Seria complicado até demais, e ficaria bem atenta de não se aproximar tanto, levaria a fala de Shaka sobre evitar taijutsu como um aviso.

Seria uma declaração de morte tentar lutar, mas ela continuaria acompanhando. Queria compreender o que estava ocorrendo. Se queria ajudar seus amigos e sua vila, teria que ir ver com seus próprios olhos. Ela tentaria enxergar a verdade.

Vários ninjas sem vida, com corpos brancos. Pessoas de fé, pessoas que deveriam ter passado a vida toda, sentindo as areias do deserto, mas que agora estavam no chão. O pequenino ser olharia quase chorando, mas seguraria as lágrimas, pois, em sua mente saberia que tudo iria se resolver.

Saberia? Mesmo sem ter noção da força de quem estava ao seu lado, mesmo sem ter noção da força do inimigo. Shaka era Deus, como uma mera chūnin saberia que tudo ficaria bem? Porque... Um dia o herói irá aparecer. O grande herói de Kaze no Kuni, que mostrará o caminho... Ele não trará a vitória certa, mas ele trará algo que é quase impossível de alguém dar...

Considerações:
( 〃▽〃)
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 1udpIjj

Shion
Administrador
Shion
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 1udpIjj

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Sex 28 Ago - 15:40



Cerco a Sunagakure
Vantagem


Tempo se passou e sempre que se sentia com problemas Hinka visitava Shion seu novo amigo na floresta, sempre era divertido passar as noites com ele, embora boa parte ela nunca se lembrava. Seu pai desconfiou de algo, mesmo todo o sofrimento que ele a infligia, a garota sorria, a garota parecia não se abalar mais, todas as manhãs ela apanhava ate desmaiar, pela tarde recomeçava tudo novamente, e na noite ela tinha seu único momento de alegria que era seu amigo da floresta, não era a melhor das amizades, mas para ela funcionava. Por outro lado, Shion começou a se incomodar com os machucados da garota. – Hinka, por que você não se defende? – Ela sorriu para ele e ao mostrar os dentes no sorriso ele viu a boca dela suja de sangue. – Eu sei que não consigo, então eu apenas espero isso acabar para vim ficar com você. – Em meio a tanto sofrimento que essa garota sofria, ela não percebia o que ela estava passando, isso incomodou o Hattori. – E se eu te dissesse que aquele homem não é seu pai. – Ela parou um momento de comer e olhou para ele. – Como assim? – Ele trouxe sua cadeira ate do lado dela e segurou a mão dela. – Você é muito parecido com a garota que busco, e se você fosse a minha filha o que pensaria sobre tudo isso que você sofre daquele homem? – Ela mudou sua expressão para algo mais sério. – Acho que não seria certo ele me machucar. – Shion colocou a mão no ombro dela. – E o que você faria com ele? – Ela olhou para ele confusa. – Eu não sei o que tenho que fazer? – Um sorriso no rosto do homem mudou tudo para ela. – Quando algo nos prejudica, nós nos livramos daquilo que nos faz mal, seu pai te faz mal? – Ela confusa respondeu. – Faz... – Ele então entregou uma pequena arma para ela. – Não acha que deveria se livrar dele? – Com as mãos tremendo a garotinha pegou a arma, era uma pequena adaga, ela segurou forte e olhou para ele. – Eu não sei se consigo. – Ele segurou a adaga junto a mão dela. – Eu vou esta do seu lado. – Hinka sorriu para ele, e segurou a mão de Shion o levando para sua casa. Chegando em sua casa ela bateu na porta com violência, seu pai levantou irritado. – O que foi porcaria? – A menina avançou acertando a adaga na região do abdômen, ele tentou conter o sangramento, ela retirou a arma e perfurou o peito dele, ela gritava de raiva enquanto fazia, Shion entrou na casa calmamente, se sentou no sofá cruzou suas pernas e olhou o corpo do homem rastejando em direção a Hinka, o homem tentou lançar um jutsu na garota, mas a mão dele foi despedaçada, Hinka olhou para Shion que piscou para ela, o homem enfim parou de se mexer e apenas teve sua morte. Hinka se sentou ao lado de Shion no sofá, ele passou seu braço pelo ombro dela a abraçando e comentou. – Sua mãe parecia não se importar muito com você não acha? – A menina levantou irritada foi no quarto de sua mãe e com 5 golpes no pescoço a matou, ela caiu de joelhos chorando, em meio a lagrimas ela acabou vomitando por toda a adrenalina do dia, em seguida desmaiou, na outra manhã ela levantou na mesma arvore, cansada, enrolada na mesma capa de antes, com a adaga e sua mão direita e o pão na mão esquerda, sua casa estava completamente limpa, nenhum vestígio de seu pai ou sua mãe, pela noite ela procurou o homem pela floresta mas nunca mais o encontrou, Hinka achou que tudo aquilo não passou de um sonho que Shion era apenas uma ilusão de sua cabeça. A garota se matriculou na academia ninja, e meio sempre solitária fez todo o possível para se tornar a melhor de sua turma, ela sempre teve uma meta em ser a melhor e sempre está acima de todos.

Novamente Hinka se perdeu em pensamentos, e ao reabrir os olhos, se viu ao lado direito de Shaka acompanhada pelo grupo rumo ao gabinete, o caminho de corpos não a incomodava, estava focada demais para ligar para isso, Shaka por outro lado transbordava felicidade, chegava a cantarolar, no meio do caminho ele parou na frente de uma casa, subiu as escadas da entrada e bateu na porta três vezes, sons de gritos de uma mulher desesperada foi se aproximando, ao abrir a porta Korra estava com Takura em sua custodia. – Olá Senhorita Takura, desculpe lhe fazer esperar tanto. – Takura estava com os olhos de choro, bastante abalada e assustada, Korra entregou ela nas mãos de Shaka e Korra retornou para dentro da casa e fechou a porta, Shaka sorriu para Takura. – Agora temos coisas a resolver não acha, o Kazekage vai ficar feliz em te ver.  – A mulher completamente abalada implorava, ela caiu aos pés do rapaz de iwa. – Por favor me salve, não deixe ele me levar. – Em seguida ela se arrastou ate a garota da folha. – Garotinha você tem coração me tira daqui por favor. – Por fim restou ela implorar para o garoto Hattori. – Você, eu conheço você, eu o vi na mente dele, ele não ia gostar que você me fizesse mal, por favor não deixe seu irmão me ferir. – Hinka segurou a mulher pelo braço afastando-a de Ayako. – Sai de perto dele sua vadia, como se atreve a falar do pai dele. – Hinka olhou para Shaka e questionou. – Mas o que significa isso? – Shaka sorriu para ela e tomou a custódia de Takura. –   Eu não seria louco de enfrentar Shion sem uma pequena vantagem, o tal Kazekage é completamente maluco por ela, vai facilitar as coisas para nós. – Shaka partiu na frente arrastando Takura que começava a chorar, isso acabou atraindo pessoas que apenas olhavam horrorizadas para o que via, sua salvadora, sua protetora Takura sendo feita de refém por um homem como Shaka, e acompanhando ele ninjas de Suna, a multidão gritava. – SOLTE-A MONSTRO! NÃO MACHUQUE NOSSA TAKURA! – Shaka sorria para eles e acenava. – Senhores queiram me acompanhar ate o gabinete do Líder de vocês eu tenho uma surpresa para vocês. – Shaka levou a mulher com ele com uma grande multidão assustada o seguindo.

Considerações:


_______________________

[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Scre1755
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia Ui7615FOlá, Convidado, eu sou o Shion.
Vim te trazer alguns conselhos que facilitarão o seu jogo aqui no Naruto RPG Akatsuki:

Admineiros Conheça o Guia Shinobi e aprenda um pouco mais sobre o RPG!
Admineiros Leia o nosso Sistema de Conduta e mantenha a paz tanto no seu ON quanto no seu OFF.
Admineiros Conheça o Akatsuki Shop!
Admineiros Fique atento às Notícias do nosso fórum!
Admineiros Em caso de dúvidas, visite a área de Dúvidas ou o tópico de Dúvidas Rápidas.
Admineiros Acesse a área de Sugestões para expor as suas ideias e incrementar o jogo de todo mundo!
Admineiros Entre no nosso servidor do Discord e socialize!
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 100x100

Satoru
Jonin | ANBU
Satoru
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 100x100

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Sex 28 Ago - 18:36


Em busca do conhecimento
Planejando o futuro




HP: 1300/1300
CH: 2075/2075
ST: 00/07

Não apenas Ban, mas vários outros acabaram por se ajoelhar perante Shaka. Mikan foi uma delas. Ban estava ajoelhado mas com sua habilidade sensora focada em Ayako, que se recusou a se ajoelhar para Shaka. - Se você não vai, também não vou! Pensaria Ban, mas antes que pudesse se erguer para ajudar Ayako, seu corpo foi paralisado. Não era nenhuma técnica de Shaka, a real era que Ban notou o ser se aproximar dele e isso novamente o deixou em choque. Shaka passou por ele e seguiu até Ayako, enchendo o ninja de socos, humilhando-o na frente de todos naquele local.

Shaka provavelmente tinha feito aquilo para mostrar a todos o medo de irem contra ele, e de fato, ninguém ousou se mover enquanto ele batia em Ayako, que aliás, apenas recebia os golpes como se fosse boneco de pano. Quando terminou o ser deu a ordem de todos se levantarem, dialogou com todos, em especial com os de Suna, e em seguida seguiu em direção ao gabinete. Ban resolveu segui-lo. Porque? Estar próximo dele poderia ser uma boa oportunidade de encontrar fraquezas no homem, além de obter informações preciosas, o que de fato aconteceu. Enquanto seguiam, Shaka passou algumas das habilidades de Shion. Ele era muito poderoso, e de fato, era mesmo muito rápido. Tão rápido que no exame chunnin passado, o loiro Ban não conseguiu nem mesmo acompanhar o Hattori para tentar proteger seu Tsuchikage. Triste.

Ban acreditava em tudo que Shaka dizia. Chegaram em uma casa e subiram as escadas. Quando entraram Ban reparou na cara das duas moças que estavam dentro. Uma delas era Takura, aquela ao qual todos estavam atrás. - Se Shaka chegou até ela tão rápido, então porque precisa da nossa ajuda? Pensaria Ban, enquanto olhava para a mulher que pedia por socorro para ele, e em seguida para Mikan e Ayako. Ban ignorou aquilo e continuou a pensar nos motivos para Shaka precisar de ninjas em Suna. Até que o óbvio surgiu em sua mente. - É claro... estamos aqui apenas para atrasar as ações de Shion, ainda que seja mínimo, além de cuidar de qualquer outro que queira interferir na sua luta contra Shion. Na verdade, estamos apenas para servir de barreira para que ninguém atrapalhe sua grande luta... Pensou.

Estava começando a ficar exausto, seus pensamentos estavam começando a se misturar. Respirou fundo e, enquanto acompanhava Shaka - cerca de três metros à sua esquerda, diria, mesmo que fosse ignorado, precisava confirmar. - Como vamos conseguir te ajudar nessa batalha, senhor Shaka? Shion deve ter alguma fraqueza... Até conversar com aquele ser divino trazia medo para Ban, no entanto, para se previnir e também alertar a todos que estavam seguindo Shaka, precisavam saber mais sobre o que estavam indo enfrentar.




OBSERVAÇÕES:

Template do Kaay
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 9zSthXZ

Makkokun
Chūnin
Makkokun
Vilarejo Atual
[CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia 9zSthXZ

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado Sex 28 Ago - 21:13



Tatsumi Takeshi
Sunagakure Chunin

O desespero que Hinka sentiu, e a maneira com que ela falou para eles acatarem os pedidos insanos de Shaka, o fez acreditar que sua vida realmente dependia daquilo, contudo, no fim, ajoelhar somente serviu para que Shaka tirasse sarro de si, provavelmente o homem tinha prazer em agir daquela maneira lunática somente para poder alimentar o seu sadismo, era o que Takeshi pensou, se levantando novamente ao escutar o homem falar para acompanharem ele.

Em seguida, mais uma vez Shaka começou a falar sobre o Kazekage Shion, o chunin não entendia a obsessão dele por provar o que ele alegava, mas Takeshi estaria mentindo se dissesse que não estava interessado em saber o que realmente estava acontecendo ali, diversas pessoas haviam perdido suas vidas, principalmente ninjas de Suna, e tudo aquilo parecia um jogo, uma brincadeira para Shaka, portanto, o chunin teria que ver seu Kazekage, queria ter certeza que não fora traído pelo seu próprio líder, e que o único louco ali era aquele que estava a sua frente.

Takeshi, a contragosto, seguia os invasores, chegou um momento em que eles passaram por um mar de corpos, todos aqueles mortos usavam o uniforme e bandanas de Sunagakure, se o chunin tivesse escolhido uma direção diferente, ou se encontrado com pessoas diferentes, poderia ser ele ali. “ O que diabos eu estou fazendo seguindo essas pessoas? Foram eles que fizeram isso, foram eles que mataram todas essas pessoas, provavelmente tem conhecidos meus aqui, mas eu ainda estou seguindo eles. “ – Pensava, se frustrando cada vez mais a cada passo que dava, o ninja da Areia não estava bem consigo mesmo e pelas escolhas que havia tomado, pensava que estava agindo somente por medo, mas não era só medo, havia algo a mais, Takeshi queria saber o que de fato estava acontecendo com sua vila, sua casa, e queria ter certeza de que estava servindo às pessoas certas, ele sabia que não iria se decepcionar, mas havia algo em toda aquela guerra que não encaixava, não depois dele ter chegado a conversar com os invasores e presenciado tudo aquilo, por isso existia uma dúvida dentro de si, era pequena, mas existia, então ele queria sanar ela de uma vez por todas. Serrou seus punhos, deixando a raiva transparecer um pouco, mas ainda se conteve, tinha que ver com seus próprios olhos quem estava de fato certo naquilo

Continuaram andando mais um pouco, até chegarem à uma casa próxima ao gabinete, ali, Shaka encontrou a senhora Takura, a heroína de Sunagakure, a fazendo de refém, a mulher até mesmo chegou a implorar por ajuda a alguns ali, mas ninguém tinha coragem de fazer algo, nem mesmo Takeshi. “ Me desculpe, senhora Takura, mas eu sei que o Kazekage está certo nisso e vai fazer algo” – Era o que o garoto acreditava.

Informações:

Tatsumi Takeshi; HP 975/1000; CH 975/1100; Colar 250/250; ST 01/07;
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [CERCO A SUNAGAKURE] 03:00 Delegacia - Publicado

Resposta Rápida

Área para respostas curtas

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte