>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, mas simplesmente o melhor!
Arco 10:
RemanescentesAno: 69DG
Hanatarō olha para a vila do topo do prédio do Departamento de Pesquisa. Há dois anos era uma salinha no fim do laboratório geral da vila, agora tinha seu próprio prédio tão alto quanto o próprio escritório do Kazekage. Hanatarō sorri vendo as pessoas andando felizes na nova vila construída graças aos avanços científicos realizados com a inteligência de Takura, sua mentora. Antes, ele só via uma vila pobre, com construções de areia frágeis, com um horizonte desértico, dependendo de outras vilas, inclusive de Konoha, para conseguir sobreviver, mas agora... Sunagakure estava grandiosa novamente e tinha comprado sua independência. As construções ainda tinham porções de areia, mas eram forjadas em metais nobres, em ouro, em prata, criando grandes casas e prédios. As lojas estavam cheias de especiarias únicas, pois o trabalho de encontrar certos ingredientes se tornou muito mais prático desde que a vegetação voltou a florescer nos arredores da vila; onde antes era só deserto agora possuía vielas de relva, florestas, rios e uma fauna cheia de roedores, mamíferos e carnívoros.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Primavera

Rebelllion
Genin
Rebelllion
Vilarejo Atual
Ícone : [TREINO DE ATRIBUTOS] - Feridas que Compõem o Guerreiro EmOrmHAN

http://narutorpgakatsuki.net

[TREINO DE ATRIBUTOS] - Feridas que Compõem o Guerreiro - em 2/8/2020, 14:35

Considerações::

OBJETIVOS DO TREINAMENTO:
+1 Ponto em Stamina

O treinamento ainda não estava completo. Kressel estava determinado a melhorar ainda mais, principalmente o seu físico. Julgando que seria impossível para ele se tornar um grande ninja sem o devido esforço e treinamento adequado, e por conta disso ele olhava para seus braços e peitoral. Por mais que houvessem músculos definidos, não eram tão resistentes como ele desejaria que fossem. Por conta disso, o Genin mais uma vez deixa sua casa em Kumogakure e sai em direção às matas que costumavam estar ao redor da vila, visando adentrar num local cujo nível de perigo fosse maior.

- "O Verdadeiro guerreiro se orgulha de suas cicatrizes. Este corpo ainda não está completo." - Disse para si mesmo.

Apesar do treinamento com animais selvagens e feras brutais serem comuns para Kressel, ele ainda pensava em levar isso ainda mais a fundo. O Seu plano era basicamente deixar-se ser atacado por um animal de grande porte repetidas vezes. Ele deveria se acostumar com a dor e se fortalecer a partir dela. As cicatrizes de suas batalhas lhe trariam honra e orgulho, o fazendo se tornar mais forte. As feridas fariam seus músculos se tornarem mais resistentes e propícios a combates futuros, uma vez que este treinamento físico está muito além do nível de qualquer outro humano comum. São poucos que ousariam passar por este tipo de situação, mas Kressel a trata como algo pífio. Sua cota de brutalidade a animais já havia estourado, e estas batalhas não traziam muita adrenalina para o jovem. O Horário era por volta das 14:00hrs da tarde, quando adentrou na mata sem temor algum. Como de costume, utilizava uma tiara dourada ao redor de sua cabeça com uma pedra reluzente ao centro, em sua testa. Sem camisa e com calças de pano grossas e uma espécie de cinturão prateado que também parecia estar com sua camisa pendurada sobre ele. Esta era sua postura mais comum. Pouco tempo se passou até as primeiras feras rosnarem para o rapaz.

- "Nenhum de vocês é bom o bastante..." - Disse, olhando os animais que lhe cercavam. Ursos, lobos, cães selvagens...Nenhum deles era sequer um mínimo desafio.

Continuou a vaguejar, até que encontrou uma clareira em meio à mata, com um pequeno lago ao centro. Abriu seus olhos quando deslumbrou um grande leão bebendo a água da fonte. A Única fera capaz de ferir o corpo de Kressel até então havia sido uma leoa que ele enfrentou aos seus 13 anos de idade. O Ferimento em sua bochecha deixou uma cicatriz enorme, mas agora, felizmente para ele, diminuiu. Muitos anos se passaram, mas ele julga que um leão seria uma fera digna de ser combatida. Por conta disso, se sentiu, minimamente animado. Provocou o animal ao invadir seu território e abriu seus braços, pisando tão forte no chão que seu pé acaba rachando a terra abaixo dele. Abriu um sorriso no rosto e esperava pela vinda do predador.

- "Já se fazem três anos desde que eu enfrentei um de vocês. Vamos, eu quero ver do que o Rei da Selva é capaz de fazer!"

Não demorou muito até o leão levar aquilo como um desafio. O Predador esperou um pouco, temendo que fosse algo a mais. Por conta disso, Kressel grita para o mesmo, na intenção de intimidá-lo. Levando aquilo como um ultimato a sua soberania, ele avança com um poderoso rosnado contra Kressel, atacando-lhe por diversas vezes com suas garras. O Genin permanece completamente parado, simplesmente levando cada golpe que o leão desferia contra ele. Após cerca de um minuto simplesmente aguentando tudo aquilo no mesmo lugar, sem se mover um único centímetro, finalmente baixa suas mãos.

- "Ah, acho que isso já é suficiente." - Observou seu corpo.

Bastante sangue escorria de Kressel, mas nada como antes. As feridas antes assustadoras se tornaram leves ou beirando médias, mas nada que provocasse medo no jovem genin. Após tanta dor, ele finalmente superava os limites do seu próprio corpo, estando frente a frente com o soberano dos predadores terrestres, simplesmente levando seus poderosos ataques como meros arranhões. Esticou um sorriso em sua boca e fitou o leão.

- "Estas são as feridas que compõem um guerreiro." - Disse a si mesmo.

Com isso em mente, Kressel finalmente deu um fim ao assunto, abrindo sua mão e rapidamente desferindo um golpe em diagonal contra o pescoço do animal, rompendo sua jugular. Cravou suas unhas no pescoço do mesmo no momento seguinte e esmagou a lateral direita de seu crânio com um pisão, utilizando toda a sua força no mesmo. Percebeu que aquilo não era mais um desafio para ele. Apesar disso, o treinamento não poderia acabar simplesmente por má vontade de Kressel. Com novas cicatrizes em seu corpo e sangue banhando sua pele, ele retorna sorridente para Kumogakure, orgulhoso de seu avanço como um guerreiro.

HP: 385 / 385 | CH: 385 / 385 | ST: 00 / 05

Palavras: 800

----------------
[TREINO DE ATRIBUTOS] - Feridas que Compõem o Guerreiro C431440bbdb6a86a8f7e45c4f3aef411
Ficha | GF | Banco | CJ
-
Lollipoppy
Chūnin
Lollipoppy
Vilarejo Atual
Ícone : [TREINO DE ATRIBUTOS] - Feridas que Compõem o Guerreiro S6sO2B9

https://www.narutorpgakatsuki.net/t72306-fp-oshiro-ayumu https://www.narutorpgakatsuki.net/t72312-gf-oshiro-ayumu

Re: [TREINO DE ATRIBUTOS] - Feridas que Compõem o Guerreiro - em 2/8/2020, 23:57

@Rebelllion Treino de Stamina Aprovado.

Só deixando aqui uma coisa que eu estranhei um pouco. Seu personagem levou um dano, mesmo que não foi grave, foram como você citou "As feridas antes assustadoras se tornaram leves ou beirando médias", e ainda mencionou que ele saiu ensanguentado, então eu esperava que no Status tivesse alguma perda de HP mesmo que mínima, para condizer com isso -q Isso não fará desaprovar o treino, mas só dando aquela dica para você se lembrar, caso queira fazer algo assim, para deixar os Status condizentes com a realidade que você aborda.
-


Layout por @Akeido Skins, @Loola Resources e Naru.