NOVIDADES
Atividades Recentes
Eclipse
Arco 05
Ano 18 DG
Verão
Quando a Hydra desfez o selo da Lua, que era guardado pelos olhos de Uchiha Sasuke, um fragmento dela não foi a única coisa que caiu na Terra: uma criatura que representava a vontade de Kaguya também retornou. Conhecido tempos atrás como Kuro Zetsu, mas esquecido pelas novas gerações, ele novamente se misturou com o chakra, tornando-se quase indetectável. Desde que escapou, ele veio cumprindo seu papel de vigiar e guiar o mundo ninja a seu retorno.

Após certo período analisando a líder da antiga organização Hydra, Azshara, ele soube que ela poderia ser útil e se manifestou diante dela, mostrando sua forma gosmenta. Em meio à explicação mais detalhada dele sobre Kaguya e seu povo, Azshara confirmou sua teoria: se ela consumisse o fruto da árvore divina, ganharia a chance que tanto queria de restaurar seu corpo a um estado antigo. Porém, parte do processo exigia trazer Kaguya de volta, e, para isso, seria necessário romper um último selo. E, com Uzumaki Naruto morto há décadas, só restava utilizar a portadora de cabelos vermelhos do selo do Sol, Grey Katsura, que havia retornado ao mundo conhecido em uma missão secreta em busca de alguém.

Enquanto isso, o mundo ninja se organizava. Dessa vez, sem um inimigo em comum para unirem forças, as nações voltaram a trabalhar com um só foco: fortalecerem a si próprias. Kiri se expandiu ainda mais, tornando-se a maior nação shinobi; logo atrás, em um ritmo acelerado, vinha Iwa, com sua nova gestão; em seguida, Kumo, também de nova gestão; por último, Konoha ainda juntava os cacos de duas grandes feridas provocadas pela perda de dois nomes fortes, a liderança da vila focava em uma nova gestão e uma forma de, assim, retomar sua potência entre os grandes vilarejos ninja. Por outro lado, Suna infelizmente encerrava seu recrutamento militar: a vila não conseguiu acompanhar o ritmo de crescimento do mundo shinobi e focou apenas em seu comércio de especiarias.
... clique aqui para saber mais informações
SHION
SHION#7417
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Angell
ANGELL#3815
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Indra
INDRA#6662
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Candy
SraCandyCandy#9368
Candy é jogadora de RPG's desde 2015, encontrando o RPG em Fevereiro de 2022, enquanto navegava pela internet tirando dúvidas sobre Naruto. Apaixonou-se pelo modelo de RPG narrativo em seguida, e segue jogando desde então. Entrou para a equipe em novembro do mesmo ano, atuando como moderadora hoje se especializou ao atendimento ao publico. Fora das telinhas é estudante de Medicina e torcedora do Vasco da Gama, assim como possui uma afeição enorme em beber e frequentar festas (me convide).
Wolf
Wolf#9564
Wolf é jogador do NRPGA desde fevereiro de 2020, tendo encontrado o fórum por meio de amigos, afastando-se em dezembro do mesmo ano, mas retornando em janeiro de 2022. É jogador de RPG desde 2012, embora seu primeiro fórum tenha sido o Akatsuki. Atua como moderador desde a passagem anterior, se dedicando as funções até se tornar administrador em outubro de 2022. Fora do RPG cursa a faculdade de Direito, quase em sua conclusão, bem como tem grande interesse por futebol, sendo um flamenguista doente.
Mako
gogunnn#6051
Mako é membro do Naruto RPG Akatsuki desde meados de 2012. Entre idas e vindas, contribuiu com a criação do sistema do RPG em atual vigor, participando ativamente durante os anos seguintes na manutenção dele. Após um breve período fora, está de volta trabalhando diretamente no sistema de regras, criando novas, reconstruindo velhas e readaptando-as a uma nova realidade. Fora daqui, é escritor com obras publicadas de forma independente e tradicionais.
HALL DA FAMA
TOP APOIADORES
Torne-se um Apoiador!

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Convidado
Convidado

vida de inseto
Chuva, chuva e mais chuva. Sem mencionar o inverno, que já castigava a maiores das regiões pelo mundo. Mas, o que deveria ser ruim para muitos, já não incomodava tanto os habitantes de Amegakure no Sato. Afinal, todos ali nasceram, cresceram e morrerão de baixo de chuva. Naquele fim de tarde casual, três genins foram convocados ao gabinete da Kyoukage.

Assim que chegaram, quase que em sincronia, um homem com vestes brancas e um longo manto preto sobre os ombros, além da máscara de lobo sobre o rosto, recebeu-os com uma breve reverência.

— Vocês devem ser Bahko, Vincent e Saori, certo? Por favor, sigam-me. — Os genins seguiram o mascarado por um extenso corredor e adentraram na última sala à esquerda. Ali, sentada sobre uma escrivaninha, uma mulher os esperava. Ela vestia-se exatamente igual ao rapaz, porém com as cores invertidas e não usava máscara. Ela tinha cabelos longos negros, mas eram presos em um coque por uma borboleta. Seus olhos tinham um fraco tom de azul que se aproximavam mais de um cinza. Ela segurava uma bela katana, apoiada em seu colo.

— Finalmente chegaram... Vou ir direto ao ponto. — Parecia rude, mas só estava com pressa mesmo. — Nesta manhã, alguns shinobis conseguiram roubar um pergaminho que pode causar sérios problemas a vila. Apenas os ninjas de maiores patentes e algumas pessoas que ajudam na administração da vila sabiam da localização e do conteúdo do pergaminho. Então suspeitamos que eles estão infiltrados entra a gente. Provavelmente eles utilizaram vestes como as desse rapaz ao lado de vocês e passaram despercebidos ao olhar de todos. A missão de vocês será encontra-los, capturá-los e recuperar o pergaminho. Mas quero todos eles vivos e, se não quiserem ter uma morte trágica, nunca abram aquele pergaminho. Alguma dúvida? Se não, podem se retirar. — Finalizou seu breve discurso.

_____

Considerações:

1
Anonymous
Skywalker
Nukenin A
[Capítulo] Vida de Inseto D08b07ef0bf98b6b11ca607569f49e1d839f756b
I - UM NOVO TIME


- "Será feito."

Ditou, já imaginando que o infiltrado era parte da ANBU de Amegakure, pois a mulher ditou que ele utilizava vestes similares às do homem ao seu lado que utilizava uma máscara similar a um lobo. Deveras intrigante Amegakure não ter detectado as atitudes estranhas desse traidor, mas faria de tudo para encontrá-lo. Fitou os olhares nos seus novos companheiros, mas não disse nada a eles, apenas os cumprimentando brevemente por um sinal com sua cabeça. Após isso, dá as costas imediatamente, não esperando que eles a seguissem imediatamente.

- "Um membro da ANBU? - Bem, eu devo pedir permissão para acessar os arquivos dos ninjas da ANBU...Mas não sei onde encontrá-los."

Disse para si mesma em um tom baixo, e parou sob a garoa que ainda caía. Olhou para trás, novamente tendo uma visualização perfeita de seus companheiros. Sem opções e sabendo que criar novos laços é muito importante para qualquer time, balança a cabeça um pouco em sinal de negação e vai até eles, com uma expressão forçada de felicidade e um falso sorriso. Direcionando a palavra a ambos, apresentou-se.

- "Vincent e Bahko, certo? É um prazer conhecê-los, meu nome é Saori Koyamanara. Espero que façamos um bom trabalho juntos." - Ditou a eles.

Uma apresentação modesta e comum, de fato. Apesar disso, suas palavras eram suaves e sua expressão facial fazia com que ambos seus companheiros se sentissem um pouco mais calmos ao olhar para a garota. Saori colocou as mãos uma em cima da outra encostadas em seu corpo, se curvando parcialmente. Seus longos cabelos trançados estavam jogados para trás, mas pouco depois ela os joga para frente, como de costume. Após isso, se juntou a eles e esperou uma ação de ambos os companheiros, mas não antes de dizer o que pensava. Andou um pouco enquanto falava com eles.

- "O Traidor deve estar na ANBU, talvez um ninja sem registro. Se ele possuir um registro, estaremos em problemas. Acho que deveríamos checar os registros da ANBU para verificar qual é o shinobi que não possui registro oficial da organização. Só tomem cuidado com seus arredores e não confiem em ninguém. Como dito, devemos trazê-lo vivo. Se importariam se dissessem suas habilidades para mim? - Quer dizer, seria ótimo que nós conheçamos as habilidades e naturezas elementais respectivas de cada um. Eu possuo habilidade com ninjutsus e duas naturezas elementais - Raiton e Doton, além da habilidade do Bakuton. Não sou muito boa em combate físico, só avisando. Também me deixem ir na frente, acho que será melhor..Principalmente se houverem armadilhas no caminho, algo que não duvido."

Contou aos companheiros, para que todos criassem laços de amizade de maneira rápida e firme. Como um time designado para uma missão de tamanha importância, eles não poderiam simplesmente criar richas idiotas ou trabalhar individualmente. O Trabalho em equipe e a sincronização de habilidades pode superar até mesmo o maior dos ninjas, quando bem feito. Pensar pequeno significa morrer cedo. Abrir as mentes e compartilhar informações e outras coisas com seus aliados é de suma importância para o sucesso de uma missão.


HP: 500 / 500 | CH: 500 / 500 | ST: 00 / 04

Palavras: 516

Bolsa de Armas - 18 / 30:

-----------------------------
[Capítulo] Vida de Inseto 4qsz
Skywalker
https://www.narutorpgakatsuki.net/t77727-fp-senki-youjomaru#614275
Bahko
Chūnin
-x-

[Capítulo] Vida de Inseto Mamoto10

ANBU?!

@Gabz @Skywalker @Vincent.



Encarei o frio do inverno e a chuva comum chegando o mais rápido possível no gabinete do Kyoukage. Quase junto de mim, chegou Vincent, um ninja que conheci um tempo atrás no campo de treinamento e trocamos alguns golpes. Já a outra ninja eu nunca havia visto. Um homem usando uma máscara pediu para nós seguirmos ele, seria um ANBU? O alto escalão que trabalha diretamente para o Kage realizando missões difíceis e em grande parte secretas. Segui até a sala onde estava a mulher sem máscara que explicou toda a situação. Fiquei um tanto nervoso ouvindo a explicação, então arrumei a tanto na minha cintura e os pergaminhos para ter certeza que estavam prontos para serem usados a qualquer momento. Rapidamente a ninja que irá trabalhar no nosso time respondeu, afirmando que será feito logo. Literalmente tirou as palavras da minha boca e a segui para fora da sala.

Saori se apresentou e logo já estabeleceu um pensamento rápido para terminarmos a missão rapidamente, também falando sobre sua força. Primeiro me apresentei em linguagem de sinais, mas não sei se ela saberia. Ensinei um pouco ao Vincent, mas apenas como dizer oi e o meu sinal. Pedi um pergaminho e um pincel emprestados para alguém que trabalha no gabinete e caso conseguisse, escreveria:

Olá, me chamo Bahko.(E mostraria meu sinal em linguagem de sinais, o dedo indicador indo aos lábios indicando silêncio 🤫) Esse é o meu sinal. Conheci Vincent num treinamento antes e seu sinal é esse.(Dois dedos indo em direção aos olhos) Você tem um sinal Saori? Tenho facilidade com ninjutsus do tipo Suiton, mas também sei alguns taijutsus. Estou com um estoque bem grande de armas, então posso lutar em curto e a médio distância. Também posso invocar gatos. Se vamos analisar os registros, melhor fazer isso dentro do gabinete. Lá fora estaremos expostos.

Assim, esperaria a resposta dos ninjas.

HP: 625/625
CH:575/575
ST:00/05

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
Bahko
https://www.narutorpgakatsuki.net/t79788-ficha-yuki-bahko https://www.narutorpgakatsuki.net/t79790-g-f-yuki-bahko
Vincent.
Genin
[Capítulo] Vida de Inseto Ho9YNau
Assim que fui convocado pela Kyoukage dei uma rápida passada em casa, arrumei minha bolsa de armas, peguei as pequenas sementinhas venenosas que levo em longas jornadas, as coloquei no bolso seguro de minha jaqueta e fui imediatamente para o gabinete.
Chegando ao gabinete me deparo com Bahko, um jovem Genin com quem já tive contato no centro de treinamento e uma ninja que até então nunca havia visto. Somos instruídos por um homem de máscara, entramos em uma sala e lá estava uma mulher que passou para nós três uma missão. Olhei fixamente para o rapaz que segundo a mulher nossos alvos se parecem enquanto a ouço passar as informações.

- ...Alguma dúvida? Se não, podem se retirar. — E então a mulher finalizou seu breve discurso.

Começo a processar as informações e tentar bolar uma maneira de localizar aqueles homens, vejo meus companheiros deixando a sala e antes de sair faço uma pergunta a mulher.

- Você pode dar a nós os registros dos ninjas de nossa vila ou algo equivalente? Ou pelo menos nos indicar onde encontrar? Acredito que facilitaria na hora de fazer o reconhecimento de possíveis infiltrados.

Após receber a resposta vou de encontro aos meus companheiros de missão e me apresento a Saori. Escuto com bastante atenção o que cada um deles dizia sobre seus estilos de luta e coisas do gênero, até que chega minha vez.

- Sou um ninja que ainda não tem muitas habilidades, passo boa parte do meu tempo lendo e pretendo ser um ninja que trabalha nos bastidores, então tenho alguns conhecimentos anatômicos, velocidade pra assimilar informações e sou fraco em combate. Já sobre os registros, perguntei a mulher se ela poderia nos dar alguma informação e... – E então conto a eles a resposta que a mulher me deu.
HP: 200/200
CH: 300/300
ST: 00/02

Considerações:

Armas:
Vincent.
https://www.narutorpgakatsuki.net/t73053-ficha-senju-balder#560530 https://www.narutorpgakatsuki.net/t73054-gf-senju-balder#560544
Convidado
Convidado

vida de inseto
Os jovens pareciam intrigados com tudo aquilo. Não era para menos. Como um documento que eles julgam tão importante seria roubado de baixo de seus olhos, ainda mais por alguém que se infiltrou em uma das divisões mais importantes da aldeia? A bela mulher ao ser questionada se poderia ceder os registros aos genins, olhou para o mascarado com uma expressão de insatisfação. Levantou-se e deu um longo suspiro.

— Sem a Kyoukage presente na vila, temo que não posso cedê-los esse documento. Mas, nossa maior suspeita é um shinobi chamado Abukine Tsuki. Ele está desaparecido a alguns dias, mas não temos informações que ele deixou a vila e nem constou nos registros de óbitos. Ele costumava morar ao leste da vila, em um pequeno barraco entre dois arranha-céus. Aparentemente ele não agiu sozinho, então cuidado. — Voltou-se a sentar. —  Paciência e perseverança tem o efeito mágico de fazer as dificuldades desaparecerem e os obstáculos sumirem.

Estava nas mãos do trio escolher por onde, como e quando começar.

_____

Considerações:

2
Anonymous
Skywalker
Nukenin A
[Capítulo] Vida de Inseto D08b07ef0bf98b6b11ca607569f49e1d839f756b
II - O PLANO


Saori agora compreendia perfeitamente a situação e já estava pensando em diversas maneiras de agir, privilegiado principalmente a furtividade do grupo. Por conta de suas capacidades intelectuais superiores em comparação a outras pessoas, a garota estava entre várias linhas de pensamentos e possibilidades para continuar a jornada, analisando cada ponto possível e situações para decidir de qual forma agir, como agir, prosseguir - E se necessário, reagir. Coçou o queixo algumas vezes e olhou para cima, e alguns instantes depois fitava seus novos companheiros. Primeiramente olhou para Bahko, compreendendo a mudez do garoto, e mesmo não entendendo nada do que ele queria dizer com os sinais, deu-lhe algumas dicas.

- "Antes de tudo, Bahko, perdoe-me, eu não sabia da sua condição. Como eu não entendo linguagem de sinais, eu temo que as coisas ficarão um pouco mais complicadas - Mas acho que não é problema. Utilize sinais mais genéricos e diretos para essa missão e não tente ficar puxando muito assunto paralelo, já que você sabe do peso dela para a vila. Pelo que vejo, Vincent utiliza do Katon e Bahko possivelmente do Suiton, não é? Formamos uma ótima sinergia, então. Antes, nossa organização de time ficará assim:"

A Garota tomou um breve suspiro antes de falar e começou a gesticular em meio à fala, praticamente se impondo como a líder do grupo sem nem mesmo esperar as opiniões dos demais integrantes, visando que suas ideias eram as mais sensatas possíveis e que possuiriam um grande valor defensivo-ofensivo, além da formação estratégica e modos de agir de cada um. Ela pensou muito em pouco tempo, era até mesmo difícil imaginar que alguém poderia raciocinar tão rapidamente.

- "Primeiramente, sobre a formação da equipe: Iremos ficar em um V, sendo que eu ficarei atrás - Ao centro. Vocês ficarão em extremidades opostas e vigiarão principalmente as laterais, enquanto eu darei conta da frente e retaguarda. Vincent e Bahko, utilizem objetos longos para detectarem armadilhas que talvez estejam espalhadas por nosso caminho. Sinergizem o Katon e Suiton em ataques em conjunto para dificultar as defesas de possíveis inimigos. Tentem se manter calados e silenciosos a maioria do tempo. Jamais toquem no solo, viajem entre as árvores - Apenas fiquem ao solo caso não haja nada para se apoiarem, pois existem formas de detecção terrestre, além dos barulhos emitidos no solo serem mais altos do que utilizando os passos fantasma entre árvores. Nunca, jamais utilizem Kibaku Fudas ou artes explosivas - Só como um recurso final, pois não queremos chamar mais atenção que o necessário. Quando chegarmos ao local, Vincent e Bahko cercarão o mesmo e detectarão ameaças internas, enquanto eu ficarei um pouco mais distante para ter certeza de que ninguém está nos seguindo. Se qualquer coisa acontecer, eu lançarei uma Kunai perto de vocês. Se alguma coisa acontecer com algum de vocês ou detectarem algo, lancem uma kunai perto de mim. Isso em qualquer situação! Nunca fiquem fora do raio de visão de aliados, e se inimigos paralelos à missão aparecerem, Matem sem hesitar. Eles são desnecessários e descartáveis." - Ditou o que pensava.

Estava pensando em diversas situações e disse a mais óbvia, pois não teria muito mistério nessa missão. Apesar do peso que ela carrega, a dificuldade e nível dos inimigos é algo a se relevar. Se três genins foram chamados, eles não devem ser grandes coisas. Por conta disso, Saori não se esforçou muito para pensar numa mega estratégia, apenas ditando uma formação básica e detalhando algumas partes do plano, relevando diversas coisas que podem acontecer em meio ao caminho. Após isso, esperou a resposta de seus colegas.

HP: 500 / 500 | CH: 500 / 500 | ST: 00 / 04

Palavras: 595

------------------------
[Capítulo] Vida de Inseto 4qsz
Skywalker
https://www.narutorpgakatsuki.net/t77727-fp-senki-youjomaru#614275
Bahko
Chūnin
-x-

[Capítulo] Vida de Inseto Mamoto10

ANBU?!

@Gabz @Skywalker @Vincent.



A ANBU nos explicou nossa situação após a pergunta de Vincent pedindo os dados dos ninjas da vila. Infelizmente não podemos ter acesso, então mais uma vez Saori conversou conosco explicando sobre uma possível formação. É uma explicação simples, mas que pode nos ajudar a chegar sem mais dificuldades no local. Queria discutir um pouco sobre minhas possibilidades para realizar nessa missão, mas quando foi falado para me "manter calado", desisti da possibilidade. Também a possibilidade de coordenar Suiton e Katon talvez não poderia dar muito certo, pois Suiton anula Katon. O certo seria juntar Suiton e Raiton para ativar ataques mais fortes.

Encarei Saori e fiz uma onda com a mão indicando meu suiton e um sopro apontando para Vincent dizendo que é o katon dele, um batendo contra o outro e a onda passando por cima. Depois fiz a mesma onda passando com o raiton de Saori que os dois andam juntos, indicando que o Suiton e o Raiton se complementam. Tentando terminar minha explicação, fiz um pequeno corte no dedo e alguns selos de mão. Botei a mão no chão e uma fumaça apareceu do chão, trazendo uma gata marrom claro com algumas manchas escuras utilizando um quimono vermelho. Expliquei a situação para Hina que concordou.

- Vai ter que me dar um peixinho depois, nyah. Pode deixar que cuido do cheiro e de qualquer armadilha.

Sorri e levantei dois dedos indicando que estou pronto para ir.

HP: 625/625
CH:568/575
ST:00/05

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
Bahko
https://www.narutorpgakatsuki.net/t79788-ficha-yuki-bahko https://www.narutorpgakatsuki.net/t79790-g-f-yuki-bahko
Vincent.
Genin
[Capítulo] Vida de Inseto Ho9YNau
Tendo em mente a informação de que o criminoso certamente não agiu sozinho, enquanto ouço Saori falando em momento algum olho para ela ou o Bahko, pois me certifico de ficar o tempo inteiro olhando ao nosso redor tentando descobrir se tinha alguém nos observando. Depois de ouvir atentamente o que a Saori tinha pra dizer, volto meus olhos aos companheiros e quando penso em falar o Bahko começa a gesticular e tira as palavras de minha boca, sendo assim me coloco em silêncio novamente e vejo um gato surgindo entre nós.

- Lá vem você com esses gatos... – Respiro fundo, pego uma das pequenas sementinhas venenosas que levo comigo e como ela enquanto fecho os olhos para degustar melhor.

– Então vamos logo tentar encontrar esses caras antes que eles façam algo com o pergaminho roubado. Mas antes só quero dizer uma coisa! O criminoso já sabe que será procurado, logo deve estar esperando por nós, então caso encontremos o suspeito vamos ficar bem atentos ao nosso redor, pois se duvidar estamos sendo espionados agora mesmo. De qualquer forma, lembrem-se que devemos traze-lo vivo, então uma abordagem muito agressiva talvez não seja o melhor caminho. Agora chega de papo e vamos para ação!

Nesse momento me viro e dou o primeiro passo rumo ao leste da vila.

HP: 200/200
CH: 300/300
ST: 00/02

Considerações:

Armas:
Vincent.
https://www.narutorpgakatsuki.net/t73053-ficha-senju-balder#560530 https://www.narutorpgakatsuki.net/t73054-gf-senju-balder#560544
Convidado
Convidado

vida de inseto
Neste momento, a noite já caia sobre as ruas de Amegakure e nada da chuva dar uma trégua. Muito pelo contrário, ela estava ligeiramente mais forte. Os genins, guiados por Saori que decidiu tomar a frente nas ações do grupo, direcionaram-se para o leste da vila, como lhes foi informado.

O barraco informado pela mulher no gabinete da Kyoukage não foi difícil de achar. Encontrava-se exatamente entre dois arranha-céus. Era uma pequena casa de madeira, com algumas paredes e o teto bem castigados pelo tempo e pela chuva. Tinha um pequeno quintal, cercado por um muro também de madeira. Pela pequena janela, era possível ver uma breve iluminação, tão fraca que possivelmente era proveniente de uma vela.  

Saori ficou um pouco mais para trás, cuidando da retaguarda. Enquanto Bahko e Vincent se aproximaram do casebre. Estavam em lados opostos, mas ainda podiam se ver. A dupla conseguia ouvir de relance alguns cochichos vindos do local. Era um amontoado de vozes diferentes, mas impossível de se identificar quantas. Nem mesmo a pequena gata que Bahko havia invocado tinha tal capacidade, devido a chuva.

— A operação foi um sucesso, conseguimos o pergaminho. Parabéns! — Os demais comemoraram, bastante contidos para o barulho não chamar a atenção. — Mas ainda não acabamos. O ritual tem que ser feito o mais rápido possível, Amegakure não vai deixar ser tão fácil assim.

— O chefe está escondido com o pergaminho. Ele não se pode dar ao luxo de se reunir conosco agora. — Uma outra pessoa, com uma voz grossa, pôs-se a falar.

— O ritual será feito amanhã, ao meio dia, na caverna da floresta ao norte da vila. Precisaremos estar lá para garantir que tudo ocorra como planejado. Depois disso, meus irmãos, um mundo de conquistas nos aguardam.  — Complementou, uma voz feminina.

— Shhhhhhh! Estamos sendo espionados. — O primeiro voltou a falar.

A breve fonte de luz se extinguiu e um silêncio profundo tomou conta do local.


_____

Considerações:

3
Anonymous
Skywalker
Nukenin A
[Capítulo] Vida de Inseto D08b07ef0bf98b6b11ca607569f49e1d839f756b
III - THIS IS WHERE THE FUN BEGINS!


- "Mas que Merda! Eles tem um ninja sensor?"

Exclamou em sua própria mente, já começando a ficar nervosa por tão ter pensado nessa possibilidade. Fitou olhares em seus dois companheiros e logo após na já extinguida pequena fonte de luz, onde percebeu imediatamente que os inimigos possivelmente iriam executar ataques surpresas contra o grupo. Por conta disso, quebrou um pequeno pedaço de um galho e jogou as metades de cada pedaço na cabeça de cada um de seus aliados, realizando alguns sinais óbvios para eles se prepararem. Com isso, a garota sai da retaguarda e fica perto de Vincent e Bahko, mais precisamente entre ambos, para diminuir as chances de alguém do time ser pego de surpresa sem os outros dois notarem. Observando os arredores sombrios, não hesitou em preparar um jutsu defensivo.

- "Kawarimi no Jutsu!"

Terminou de realizar o último selo em uma incrível velocidade, uma vez que possivelmente esta seria a melhor escolha caso viesse a ser atacada por trás ou qualquer direção. O Kawarimi pode ser um jutsu básico, mas de extrema importância e utilidade em praticamente qualquer situação onde o ninja esteja colocado em uma situação de risco. Saori, logo após preparar o Kawarimi, realiza mais selos e utiliza uma técnica até então desconhecida para seus aliados.

- "Kage Bunshin no Jutsu!"

E uma duplicata idêntica a original foi criada ao seu lado, surgindo de uma nuvem de fumaça. O Kage Bunshin, diferentemente de um clone comum, é uma cópia física do usuário, que além de replicar o sistema de chakra do mesmo, é capaz de discernir em seus arredores, falar, realizar suas próprias ações e compartilhar seu chakra com o usuário. O Kage Bunshin de Saori então comunica-se com ela. Seus aliados possivelmente não acreditariam em tal técnica a primeira vista, e nem mesmo Saori sabia que poderia existir uma técnica que fosse capaz de basicamente criar um novo ser vivo - Mesmo que temporário, a partir do chakra.

- "Então, o que devemos fazer?" - O Clone sussurrou para sua criadora.

- "Fique na defensiva. Se as coisas piorarem, utilize aquele jutsu." - Fitou olhares em sua clone, se referindo à invocação de Shiromari, que ela mesma considerou proibida.

- "A-Aquele? Hm..Entendido!" - A Clone se afastou da original, e ainda no raio de visão dos aliados, realizou selamentos manuais.

- "Raiton - Amigumo!" - Ditou.

Levando sua mão esquerda ao solo, a natureza Raiton se manifesta como uma enorme teia padronizada que cobra uma grande área. Todos os aliados estavam dentro da área segura da teia, enquanto ela continuava a se dividir. A Clone então permanece ao centro da teia elétrica, atentando aos seus arredores. Eram três ( e meio ) contra quantos inimigos? Além disso, Saori parece estar desconfortável graças á escuridão do local e não consegue pensar em estratégias efetivamente como antes, por não ter ideia do que poderá acontecer depois. Mesmo assim, pediu para que seus aliados ficassem prontos para o que está por vir, preparando-se para ativar o Kawarimi a qualquer momento.

Saori
HP: 500 / 500 | CH: 250 / 250 | ST: 01 / 04

Clone
CH: 210 / 250

Palavras: 504

Jutsus Utilizados:

Bolsa de Armas - 18 / 30:

-------------------------------
[Capítulo] Vida de Inseto 4qsz
Skywalker
https://www.narutorpgakatsuki.net/t77727-fp-senki-youjomaru#614275
Bahko
Chūnin
-x-

[Capítulo] Vida de Inseto Mamoto10

ANBU?!

@Gabz @Skywalker @Vincent.



Chegamos facilmente ao barraco indicado pela pessoa no gabinete da Kyoukage. No local, havia uma luz e um pouco de barulho. Olhei para Hina e levei o dedo ao nariz perguntando se ela consegue sentir o cheiro de alguém, mas ela negou. Provavelmente a chuva está muito forte. Logo Saori criou um Bunshin que ficou conversando entre si, resolvi não ficar atrás. Realizei três selos de mão criando um Bunshin, em seguida peguei uma bomba de luz na bolsa e realizei mais um selo de mão. Fundi meu chakra com a chuva ao meu redor, conciliando minha localização. Tentei ao máximo esconder qualquer presença deixando meu Bunshin exposto já realizando selos de mão para preparar o Kawarimi.

Comecei a sondar o local escondido entre a chuva, para ver o ambiente e tentar encontrar qualquer um dos que estavam no local. Conseguindo ver ou não, meu plano seria o mesmo. O primeiro Bunshin correria local adentro segurando a bomba de luz para distrair inicialmente os inimigos e eu entraria depois, conciliado entre a chuva, com um jutsu já preparado. Moldando o chakra no meu estômago, uma água mais viscosa sai indo na direção do primeiro inimigo que eu encontrar para prende-lo e com a tanto em mãos, iria usa-la para me defender de algum ataque físico ou usando o Kawarimi.

HP: 625/625
CH:544/575
ST:00/05

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
Bahko
https://www.narutorpgakatsuki.net/t79788-ficha-yuki-bahko https://www.narutorpgakatsuki.net/t79790-g-f-yuki-bahko
Vincent.
Genin
[Capítulo] Vida de Inseto Ho9YNau
No caminho algumas dúvidas infestavam minha cabeça, afinal, com que tipo de pessoas estávamos lidando? Que tipo de pessoas andam por aí usando aquelas máscaras esquisitas? Um pergaminho que pode causar sérios problemas pra vila? Que pergaminho é esse? E porque eu não poderia abri-lo? O foda de ser curioso é que não me contento até ter respostas para todas minhas perguntas.

O caminho até o leste da vila foi aparentemente tranquilo, exceto pela chuva que parecia estar mais forte, mas nada que um bom e velho morador de nosso país já não esteja acostumado. O barraco informado pela mulher no gabinete da Kyoukage não foi difícil de achar, era uma casa humilde, parecia bem surrada, não demorou muito para mim e Bahko nos aproximarmos do barraco na tentativa de colher informações, nesse momento consegui ouvir alguns relances de cochichos e dentro do barraco havia uma pequena fonte de luz, mas logo depois essa fonte de luz sumiu, me espanto de início “Eles tão nos vendo? Perceberam nossa chegada? Ou apenas desligaram a luz para ir dormir?” eram pensamentos que surgiam em minha cabeça, não fazia ideia do que estava acontecendo, mas de qualquer forma aquele se mostrava o momento perfeito para nossa abordagem, tendo isso em mente e cogitando um possível combate a primeira coisa que me certifico de fazer é olhar ao meu redor e em seguida executar uma sequência de selos, Carneiro, Javali, Touro, Cachorro e Cobra, então preparo o  Kawarimi no jutsu, afinal sou fraquíssimo em combate, logo todo cuidado é pouco, o mais incrível é a facilidade com a qual consegui realizar a sequência de selos, isso a algum tempo atrás parecia impossível pra mim, mas depois dos últimos treinos que tenho feito eu realmente estou colhendo resultados positivos. Vejo meus colegas se preparando para o combate, Bahko fazia uma bushin de distração e Saori uma técnica semelhante, porém bem mais avançada, é nesse momento que decido realizar também algo do tipo, faço três selos, Carneiro, Cobra e Tigre, então o Bunshin no Jutsu é feito e minha cópia fica ao meu lado, em seguida me concentro e executo mais três selos, Cachorro, Javali e Carneiro, faço o Henge no Jutsu tentando copiar o homem mascarado que eu havia fixado meus olhos no gabinete e que segundo a mulher é semelhante aos nossos possíveis suspeitos. Nesse momento fico parado totalmente concentrado nos acontecimentos que viriam a seguir, e com a aparência que tenho agora o que iria acontecer se de fato forem nossos inimigos dentro da casa? Eles me reconheceriam? Sentiriam medo? Meu henge é feito com o único intuito de tentar causar alguma reação neles.

HP: 200/200
CH: 300/300
ST: 00/02

Considerações:

Jutsus Usados:

Armas:
Vincent.
https://www.narutorpgakatsuki.net/t73053-ficha-senju-balder#560530 https://www.narutorpgakatsuki.net/t73054-gf-senju-balder#560544
Convidado
Convidado

vida de inseto
O trio pareceu agir rápido à breve ação dentro da casa. Saori rapidamente se aproximou de seus companheiros e realizou uma série de jutsus tentando prever qualquer ataque ou investida inimiga. Vincent permaneceu imóvel. Fez os selos necessários para um Bunshin no Jutsu e em seguida transformou-se, com um Henge no Jutsu, no homem mascarado que tivera contato mais cedo.  Dos três, essa foi a decisão mais inteligente, entretanto o henge ser ter uma distração não iria causar mal algum àqueles inimigos.

Bahko, por sua vez, decidiu adentrar ao local que estavam espionando. Usou um Bunshin no Jutsu para tentar distrair qualquer inimigo, mas não havia mais nenhum dentro do barraco. Todavia, por ser uma cópia intangível, o mesmo não conseguiu mostrar ao seu “mestre” a presença de armadilhas no terreno. O genin, então, logo nos seus primeiros passos, na lateral do casebre, sentiu abaixo dos seus pés uma terra um pouco mais fofa que usual. Quando se deu conta já era tarde demais. O jovem caiu em um alçapão de cinco metros de profundidade. Na queda, ainda por cima, torceu o pé direito. Precisaria achar um jeito de avisar seus companheiros.

A dupla do lado de fora conseguiu ouvir um barulho dentro do terreno, porém não se sabia ao certo o que era. O kage bunshin de Saori, com um raiton incrível, conseguiu impedir qualquer avanço por terra. Contudo, a jovem esqueceu apenas de um detalhe. O céu. A escuridão contribuiu para que nenhum deles visse o inimigo no topo do arranha-céu à esquerda. A figura, lançou em direção à genin uma kunai com papel explosivo. Sem tempo de reação o suficiente, o papel explodiu logo ao lado da jovem que foi arremessada contra a parede do lado oposto da rua.

— Amegakure está em decadência mesmo. Eles mandaram crianças atrás da gente? — Gritou, de cima do arranha-céu. — Vocês deram sorte que não podemos fazer uma bagunça por aqui... Adeus. — A figura, com uma voz feminina, desapareceu nas trevas da noite.

O trio novamente se viu sozinho, apenas o barulho da chuva os acompanhava.

Bahko: -5% HP (com fortes dores no pé direito, velocidade reduzida em 1 ponto por 2 turnos) [com redutores]
Saori: -10% HP (perna esquerda danificada pela explosão, fortes dores, velocidade reduzida em 2 pontos pelo resto da missão) [sem redutores]


_____

Considerações:

4
Anonymous
Bahko
Chūnin
-x-

[Capítulo] Vida de Inseto Mamoto10

ANBU?!

@Gabz @Skywalker @Vincent.



Meu bunshin adentrou o barraco explodindo com a bomba de luz e em seguida entrei pronto para realizar o jutsu e prender qualquer inimigo, porém foi tudo por água abaixo. Quando percebi o chão mais fofo que o comum, já era tarde demais. Caí dentro de um alçapão e antes que pudesse ter qualquer reação, caí alguns metros dentro da armadilha. Meu pé direito foi a primeira parte do meu corpo a encostar no chão, causando grandes dores. Olhei para cima, vendo a pouca quantidade de luz adentrar a armadilha, como eu poderia sair daqui?

Ainda bem que Hina ainda está invocada, então logo depois que eu entrei no barraco, ela veio logo atrás. Chegando na beira do buraco, antes que qualquer coisa pudesse ser dita, houve uma explosão do lado de fora, o que será que aconteceu? Expliquei para Hina o que ouvi quando cheguei no barraco, sobre o pergaminho não estar com eles e que o ritual será feito no outro dia ao meio dia, numa caverna ao norte da vila e que precisaria de ajuda para sair do buraco.

Hina foi para o lado de fora procurar meus colegas de missão para explicar minha situação e o que eu havia falado.

- Crianças, Bahko caiu numa armadilha e precisa de ajuda para sair. Deve ser bem fácil para ajuda-lo a sair, só usar alguma corda ou fio mais forte. Ele também avisou que o ritual será feito amanhã meio dia numa caverna ao norte da vila. - Disse a felina e começou a se alongar como se fosse mais um dia normal em sua vida.

HP: 594/625
CH:544/575
ST:00/05

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
Bahko
https://www.narutorpgakatsuki.net/t79788-ficha-yuki-bahko https://www.narutorpgakatsuki.net/t79790-g-f-yuki-bahko
Vincent.
Genin
[Capítulo] Vida de Inseto Ho9YNau
- Merda! Eles escaparam! Devíamos ter sido mais cautelosos... – Resmungo sentindo raiva por ter perdido aqueles que certamente eram alguns de nossos alvos.
Nesse momento olho para Saori e corro pra tentar ajuda-la. Faço uma breve análise dos ferimentos na perna dela, começo a questionar a possibilidade de uma recuperação, é quando aquele maldito gato me dá um susto e informa a situação de Bahko.

- Já volto pra te ajudar, deixa só eu tirar o Bahko de lá e a gente pensa no que fazer. – Digo olhando para Saori.

Nesse momento vou ver qual é a situação do Bahko e me deparo com ele aparentemente sentindo dores no pé, sem hesitar pego meu fio de aço e jogo o suficiente para chegar até o alcance do Bahko.

- Segura firme!

Nesse momento tento pedir gentilmente para que o gatinho me ajude e começo a usar de toda minha força pra tentar tirar o Bahko da armadilha. Após isso me movimento em direção a Saori novamente com o intuito de saber quais são as condições e tentar ajuda-la a levantar caso necessário. Respiro fundo e boto pra dentro mais uma das sementinhas que levo comigo, acho que assim consigo pensar melhor.

- Bom... O ferimento de vocês não vai sarar tão cedo. Vou averiguar o local para ver se encontro alguma pista que possa nos ajudar, qualquer coisa é só me gritar ou fazer algo que chame minha atenção.

Nesse momento olho ao meu redor, faço os selos necessário e preparo o Kawarimi no Jutsu novamente, pois não sabia até que ponto poderiam haver outras armadilhas como a que Bahko caiu, em seguida começo a tentar averiguar todo o perímetro da casa com toda a cautela do mundo, inclusive a armadilha que Bahko caiu, mas para isso concentraria o chakra nos meus pés e usaria o Ki Nobori no Shugyō visando conseguir me movimentar sem grandes dificuldades.


HP: 200/200
CH: 300/300
ST: 01/02

Considerações:

Jutsus Usados:

Armas:
Vincent.
https://www.narutorpgakatsuki.net/t73053-ficha-senju-balder#560530 https://www.narutorpgakatsuki.net/t73054-gf-senju-balder#560544
Skywalker
Nukenin A
[Capítulo] Vida de Inseto D08b07ef0bf98b6b11ca607569f49e1d839f756b
IV - SADNESS AND SORROW :(


Após o ataque, levo minhas mãos até a perna, sentindo fortes dores na mesma. Sabia que não estava quebrada, mas era uma sensação agoniante. O Kage Bunshin imediatamente sai da posição defensiva e desfaz o Amigumo, correndo até mim. Levanto minha cabeça com o olho esquerdo fechado graças à dor enquanto vejo o clone desesperadamente tentando me acalmar. Consigo enxergar Vincent enquanto ele vai ajudar Bahko, que possivelmente estava em uma situação ainda pior que a minha.

- "Você tá bem?" - O clone questiona, enquanto permanece com as mãos sobre minha perna ferida.

- "N-Nem um pouco. Droga...Isso foi pior do que eu pensava. Eu não consegui ver nada...Estava escuro demais...." - Digo.

O Clone coloca seu braço ao redor de meu pescoço e me ajuda a levantar. Coloco o pé no chão e tento andar. É possível, ainda que com dificuldades. Sinto que minha perna está praticamente derretendo, aquele papel bomba não foi brincadeira. O Clone continua com o braço ao redor de meus ombros enquanto tenta me auxiliar, e nós duas vamos de encontro à Bahko e Vincent. Jogo olhares baixos para ambos, decepcionada comigo mesma. Após isso, direciono minhas palavras aos dois, enquanto permaneço segurada pelo clone, que estava inquieto. A Preocupação dele em relação à mim chegava a ser bizarra, agia como uma mãe super-protetora.

- "Da próxima vez é melhor nós utilizarmos outro tipo de estratégia. Está muito escuro, e eu não consigo me concentrar quando não tenho noção do que fazer em relação à situação. Creio que nossos inimigos já saibam que iremos continuar a perseguí-los, mas eu tenho uma carta na manga. Se for necessário, eu pedirei para que vocês se afastem. Eu não sei os danos que poderá causar, mas seria meu último recurso. Enquanto isso, poderíamos andar mais um pouco e - Ai!"

Sinto minha perna doer um pouco mais. O Clone tenta me acalmar enquanto passa sua outra mão em minha coxa, melhorando um pouco a situação. Era de fato desconfortável o fato de uma outra pessoa estar me tocando, mas vejam só: Era eu mesma, tecnicamente falando. - Irônico, não? Enfim, volto a falar.

- "É melhor prosseguirmos mais um pouco. Talvez deveríamos acampar em algum lugar segura que tenhamos noção de que não estaríamos sendo seguidos ou observados. Devemos recuperar nossas energias e nos levantar bem cedo, talvez às 05:30 ou 06:00 da manhã. Quando o sol começar a rai - Nah, não, esqueçam. Melhor prosseguirmos agora mesmo. Se demorarmos demais, eles vão fugir e se afastar demais. Bahko, como está situação? Além disso, me desculpem por isso...Eu fui descuidada. Bahko, poderia invocar um tipo diferente de gato, se houver algum tipo alternativo dele? Seria bem-vinda uma ajuda adicional para nosso time, além deles poderem nos ajudar a coletar dados sobre nossos arredores. Com invocações ágeis, seria fácil detectarmos inimigos ocultos. Mas se não quiser, tudo bem. Eu não estou com muita cabeça para pensar agora, e minha perna está doendo pra caralho. Vamos prosseguir por agora, e no meio do caminho decidimos o que fazer."

Utilizou uma palavra de baixo-calão, algo que praticamente nunca faz. Saori está realmente revoltada internamente, e seu clone se assusta quando ela solta o palavrão. Ela então espera a ação de seus companheiros, dessa vez ficando ao centro da formação por conta de sua perna ferida. Não conseguiria lutar em seus 100% por conta do ferimento, mas isso aparentemente não lhe preocupava tanto. Virou seu rosto para o clone.

- "Pode me fazer um favor?"

- "Oh, claro! O que há?" - O Clone questiona.

- "Fique perto de mim. Você será bem mais útil em combate do que eu no atual momento. Não faça nenhuma idiotice, tudo bem?"

- "Entendido!" - O Clone balança a cabeça em afirmação.

Então, o grupo prossegue, ainda de madrugada, em direção ao desconhecido para perseguir os bandidos. Esperou as respostas de seus companheiros sobre o que fazer depois, pois Saori entregou que estava de cabeça quente e que não queria fazer outro plano falho. Além disso, sua condição lhe impede de realizar movimentos mais complexos.

Saori
HP: 450 / 500 ( -10% ) | CH: 210 / 250 | ST: 0/4

Clone:
CH: 210 / 250

Palavras: 672

---------------------------
[Capítulo] Vida de Inseto 4qsz



_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto E61d9053d0ce1422ba25de28b0cd7fa2464294b3
"I Just live to Fall."

FP | R.D. | CJ | Banco | GF
| MOD AG | Inventário AG || [História] — Blood Moon
Skywalker
https://www.narutorpgakatsuki.net/t77727-fp-senki-youjomaru#614275
Convidado
Convidado

vida de inseto
A escuridão aos poucos ia dando sinal aos primeiros raios de luz, mesmo que ainda tímidos. O trio, ainda com as condições adversas, decidiu continuar a perseguição aos ladrões. Assim como avisados por Hina, seguiram rumo ao norte da vila, a passos lentos. Afinal, Saori estava praticamente sendo carregada por ela mesmo. Passando pelo portão, os genins caminharam por mais uma hora, até encontrarem uma densa floresta.

As árvores eram altas e de troncos grossos, com poucos espaços entre elas. O matagal chegava a cobrir metade dos corpos dos aventureiros. Sem dúvidas a procura pela dita caverna levaria tempo e, definitivamente, muito perigosa. Precisavam tomar decisões mais cuidadosas a partir daquele momento.  

Saori: -2% HP (ferimentos não cuidados, fortes dores, velocidade reduzida em 2 pontos pelo resto da missão) [sem redutores]

_____

Considerações:

5
Anonymous
Vincent.
Genin
[Capítulo] Vida de Inseto Ho9YNau
Já está perto de amanhecer, deveremos encontrar logo esses caras antes que o pior aconteça, mas não podemos avançar muito rápido devido a situação em que nos encontramos. Após um bom tempo de caminhada nos vemos diante de uma floresta enorme e ali começo a refletir acima das possibilidades que temos.

- Agora todo cuidado é pouco, preparem-se para serem atacados a qualquer momento. Acho que o ideal é tentarmos ficar próximos o tempo inteiro, pois como eles provavelmente devem estar em um bom número, um de nós sozinho certamente não daria conta. Bahko, acredito que esse felino consiga ser útil, se possível peça pra que ele fique em alerta e o tempo inteiro tente identificar cheiro de outros humanos.

Olho pra perna de Saori e peço para dar uma breve analisada, vejo que os ferimentos ainda estão feios e certamente podem atrapalhar bastante ela.

- Vamos fazer o seguinte, dentro da floresta deve haver alguma fonte de água limpa, caso de fato exista, a gente da um jeito de limpar seus ferimentos e fazer um curativo com o pano de nossas roupas mesmo.

Respiro fundo, olho ao meu redor e preparo meu psicológico para os acontecimentos que viriam a seguir, então fico parado esperando meu time se preparar enquanto tento bolar maneiras de encontrarmos os inimigos o mais rápido o possível.

- Vamos time? Andarei sempre por cima das árvores para tentar ter melhor visão de possíveis ataques

Nesse momento concentro o chakra nos meus pés e me preparo para começar a me movimentar pelas árvores.

HP: 200/200
CH: 300/300
ST: 00/02

Considerações:
Jutsu Coringa:
Jutsus Usados:

Armas:
Vincent.
https://www.narutorpgakatsuki.net/t73053-ficha-senju-balder#560530 https://www.narutorpgakatsuki.net/t73054-gf-senju-balder#560544
Bahko
Chūnin
-x-

[Capítulo] Vida de Inseto Mamoto10

ANBU?!

@Gabz @Skywalker @Vincent.



Hina saiu e após um tempo Vincent chegou. Jogou o cabo de aço me ajudando a subir, logo já estava com o grupo. Pelo visto Saori foi atacada por um selo explosivo, ainda bem que não foi um ferimento muito forte. Basicamente estava caminhando apoiada em si mesma, no seu clone. Uma situação extremamente horrível. Suspirei vendo tudo o que aconteceu, minhas medidas foram completamente precipitadas. Faltou calma na hora de averiguar o que aconteceu. Não posso mais ser tão descuidado.

A escuridão começou a passar conforme fomos caminhando, numa velocidade um tanto quanto devagar. Quando chegamos na floresta, o sol estava raiando, mas o matagal denso não iria nos ajudar a achar a caverna tão rápido. Precisamos de mais ajuda, além de Hina, e Saori chamou atenção quanto a isso antes de sairmos. Pelo visto o machucado dela iria demorar um tempo para ficar melhor e Vincent quer achar água limpa para limpar o ferimento. Parece que não lembrou que estamos na vila oculta na Chuva. Peguei uma folha maior e a segurei para pegar água da chuva, com intenção de entrega-la. Tendo entregado a folha, faço alguns selos dirigindo minha mão ao chão. Uma fumaça aparece mostrando diversos gatos, alguns andando em duas patas carregando armas, outros com cicatrizes e até um usando um tapa olho.

Expliquei nossa necessidade para o time de gatos, que vão se espalhar pela floresta para localizarmos a caverna, com Hina indo junto.

HP: 594/625
CH:527/575
ST:00/05

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
Bahko
https://www.narutorpgakatsuki.net/t79788-ficha-yuki-bahko https://www.narutorpgakatsuki.net/t79790-g-f-yuki-bahko
Skywalker
Nukenin A
[Capítulo] Vida de Inseto D08b07ef0bf98b6b11ca607569f49e1d839f756b
V - MOVING FOWARD


Após caminhar por um certo tempo, desfaço o meu clone das sombras. Minha perna ainda estava doendo bastante, mas não tanto quanto alguns minutos atrás. Arranco um pedaço de minha longa túnica branca e a enrolo ao redor de minha perna esquerda, para não deixá-la tão exposta assim, pois os ferimentos eram bem recentes. Se precavendo de possíveis infecções, também aplicou uma pequena quantidade de raiton no pano, que deu um leve choque em Saori. Apesar disso, era reconfortante. Com isso, deixou a perna um pouco levanta e passou a pular com a outra, segurando-se entre as árvores. Após estas medidas básicas para a prevenção de piores ferimentos à perna, continuo seguindo os companheiros. Notou a aproximação de Bahko, que vinha com uma folha com bastante água.

- "Oh...Isso é pra mim? Um...Obrigada." - Recebeu a folha, também colocando-a sobre o pano.

A Folha com água deixava os panos úmidos, e a sensação era muito boa. Saori sentiu-se bem melhor de uma hora para outra, mas ainda continuava a pular com apenas uma perna. Observou os movimentos de Bahko enquanto ele invocava um exército de gatos estranhos. Achou a maioria dos felinos fofos, principalmente por serem pequeninos e não parecerem ser ameaça alguma. Continuo a observar os arredores, e digo algo para Bahko, enquanto Vincent tomando a frente do time.

- "Eu também sei invocar algo. Mas acho que não tem necessidade de mostrá-lo, ainda. Eu não vou julgar a decisão de vocês sobre pararmos por um tempo ou seguirmos direto aos inimigos, deixo a escolha de ambos. Só façam algo que não vão se arrepender no futuro. A Manhã deve estar próxima, logo, devemos ter certa vantagem sobre o terreno. Continuem procurando por armadilhas, e se necessário, tomem cuidado com o chão. Vocês não sabem se eles podem vir por baixo, por trás, ou por cima, como da última vez." - Disse ao garoto.

Após isso, aproximou-se de Bahko e apoiou-se em seu ombro, pois as árvores estavam ficando mais distantes umas das outras e isso era muito ruim para Saori, que mal estava conseguindo se mover corretamente. Sabia que Bahko era incapaz de falar, mas não parecia se importar muito com isso. Foi direto ao ponto.

- "Melhor não nos separarmos muito dessa vez. Devem haver pelo menos três ou mais bandidos para nós enfrentarmos, então vamos tentar agir com mais calma. Utilize suas invocações com sabedoria, é melhor usá-las para fins de rastreamento do que de ataque. Caso aconteça de termos de batalhar novamente, iremos usar toda a nossa força, ainda que prezando a estratégia. Se as coisas forem ruins, eu irei usar minha invocação para acabar com isso de uma vez." - Disse, enquanto continuou a caminhada com seus companheiros. Literalmente passou a liderança por estar bem insegura sobre os próximos passos que devem ser tomados, então deixou a cargo dos demais decidirem o que fazer daqui para frente.

HP: 440 / 500 | CH: 420 / 500 | ST: 02 / 04

Palavras: 487

------------------------
[Capítulo] Vida de Inseto 4qsz

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto E61d9053d0ce1422ba25de28b0cd7fa2464294b3
"I Just live to Fall."

FP | R.D. | CJ | Banco | GF
| MOD AG | Inventário AG || [História] — Blood Moon
Skywalker
https://www.narutorpgakatsuki.net/t77727-fp-senki-youjomaru#614275
Convidado
Convidado

vida de inseto
Finalmente o pequeno grupo acertou em sua escolha e decidiram que era o momento de seguirem juntos. Antes, cuidaram dos ferimentos de Saori que sentiu um alívio gratificante. Bahko, então, invocou um bando de gatos guerreiros que se espalharam em busca da caverna. Os animais deram duro na procura e demorou, apenas, um pouco mais de uma hora para retornarem ao invocador.

Um deles – caramelo e com um tapa olho – ficou responsável por passar as informações a seu mestre.

— A entrada da caverna está a 5 quilômetros daqui, seguindo para lá. — Apontou com a pata para a esquerda do grupo. — Ela está bem escondida por um conjunto de 4 árvores grossas e, aparentemente, vocês só conseguirão entrar enfileirados um atrás do outro, pois é bem estreita. Achei arriscado entrar mais a fundo para coletar mais informações, mas não consegui sentir nenhum cheio humano vindo dela. A chuva pode ter influenciado nisso, então melhor ter cuidado.

O grupo tinha 5 horas até o horário que os bandidos haviam combinado. Entretanto não tinham informações nenhuma sobre eles.   

Saori: velocidade reduzida em 2 pontos pelo resto da missão.

_____

Considerações:

6
Anonymous
Bahko
Chūnin
-x-

[Capítulo] Vida de Inseto Mamoto10

ANBU?!

@Gabz @Skywalker @Vincent.



A entrega da folha com água para Saori deve ter ajudado bastante. Agora, com os ferimentos limpos, as dores devem ter diminuído, o que ajuda bastante para que possamos continuar nossa procura aos ladrões. Então a ninja veio falar comigo sobre sua própria invocação. Pelo que falou, parece ser um ser enorme. Já meus gatos, não servem tanto para batalhas, a melhor coisa que podem fazer é distrair os inimigos e caso for para entrar em batalha, é melhor invocar o Neko Hulk. As deduções de Saori estão corretas, a manhã está chegando e precisamos nos apressar para achar a caverna. Pelo que foi falado no barraco, o ritual vai ser feito ao meio dia, não podemos relaxar tanto.

Então Saori se aproximou, falando sobre estratégias e melhor uso das invocações. Acenei com a cabeça mostrando que estou entendendo, chegamos à mesma conclusão, nos deixando na "mesma página" por assim dizer. Logo depois da fala, fiz a invocação do grupo de gatos que se espalharam pela floresta em procura da caverna. Cada minuto parecia uma eternidade, mesmo sendo geralmente calmo, essa missão já havia mostrado diversos perigos para nosso time de gennins. Já me machuquei caindo numa armadilha e Saori ficou pior do que eu. Vincent foi o único que não sofreu nenhum dano até agora, mas não sei se isso iria durar por mais tempo.

Após uma longa hora de espera, um dos gatos retornou, cor de caramelo com um tapa olho. A maior dúvida que entrou na minha cabeça logo após prestar mais atenção foi o motivo dele usar o tapa olho e o que deve ter acontecido, mas meu pensamento foi interrompido quando ele começou a sua fala. Nossos alvos foram encontrados numa curta distância, não deve ser difícil cobrir correndo, mas Saori machucada dificultaria um pouco nossa jornada. Inicialmente vou esperar todos os gatos voltarem para formamos a comitiva até a caverna, não quero deixar ninguém para trás. Olhei para Saori sorrindo, virei de costas e me abaixei oferecendo para ela subir em minhas costas. Vou leva-la até perto da caverna carregando-a, caso ela queira.

Com Saori querendo ou não subir nas minhas costas, vou partir em direção da caverna em minha velocidade máxima, correndo entre as árvores até mesmo pulando conforme for necessário. Não quero demorar para chegar e numa distância curta como 5 quilômetros não deve ser demorado para um ninja chegar. Os gatos fazer como um esquadrão, nos circundando tomando cuidado com qualquer armadilha que possa aparecer. Chegando a 500 metros da entrada da caverna, irei usar o Henge no Jutsu para me transformar num pássaro para ir até a entrada da caverna e averiguar se existe alguma armadilha ou algum guarda, depois retornarei ao grupo para informar o que vi.

HP: 594/625
CH:527/575
ST:01/05

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
Bahko
https://www.narutorpgakatsuki.net/t79788-ficha-yuki-bahko https://www.narutorpgakatsuki.net/t79790-g-f-yuki-bahko
Vincent.
Genin
[Capítulo] Vida de Inseto Ho9YNau
Após pouco mais de uma hora de espera finalmente um dos gatinhos volta com uma informação muito valiosa, segundo ele a entrada da caverna que estávamos procurando se localizava a uns 5 quilômetros e que aparentemente só conseguiríamos entrar enfileirados, nesse momento olho para meus colegas e digo o que tenho em mente.

- Bom, eu não consigo correr tanto sem me cansar, logo vou em direção a caverna numa velocidade que não comprometa o meu físico, pois sei que poderemos entrar em combate. Outra coisa importante, acho que devemos averiguar a caverna por fora, afim de tentar encontrar outras possíveis entradas, caso de fato só exista uma entrada também só existirá uma maneira de sair dela, então podemos usar disso pra fazer uma armadilha do lado de fora e tentar atrair parte deles.

Nesse momento paro pra respirar fundo e mais uma vez degustar uma das minhas sementes venenosas, em momentos de tensão elas costumam me ajudar a controlar o nervosismo. Nesse momento me preparo psicologicamente para tudo que pode vir a acontecer, inclusive já deixo meu Kawarimi a ponto de bala pra tentar me livrar de possíveis armadilhas ou investidas inimigas. Espero todos estarmos prontos para partir junto a minha equipe. Sempre que possível tentarei me movimentar pelas árvores concentrando meu chakra nos pés.

HP: 200/200
CH: 300/300
ST: 00/02

Considerações:
Jutsu Coringa:
Jutsus Usados:

Armas:
Vincent.
https://www.narutorpgakatsuki.net/t73053-ficha-senju-balder#560530 https://www.narutorpgakatsuki.net/t73054-gf-senju-balder#560544
Skywalker
Nukenin A
[Capítulo] Vida de Inseto D08b07ef0bf98b6b11ca607569f49e1d839f756b
VI - APROXIMAÇÃO AOS ALVOS


Continuei a andar de maneira grotesca por alguns instantes, quando Bahko se ofereceu para me carregar. Olhei para ele por alguns instantes tentando descobrir o que ele queria dizer, mas logo entendi. Fiquei um pouco envergonhada de fazer algo desse tipo, mas a situação exige. Subi com cuidado nas costas de Bahko e coloquei meus braços ao redor de seu pescoço. Era um pouco leve para a sua altura, então creio que o garoto não teria muitas dificuldades em me carregar. Fitei a frente quando notei a aproximação do gato de coloração peculiar. Ouvindo sua explicação, tive uma ideia.

- "É Arriscado demais entrarmos sem tomar precauções. O Gato fez bem até agora. Já que não sabemos o que há além da entrada da caverna, talvez devêssemos utilizar o Henge para nos transformarmos em objetos inanimados ou até mesmo em pequenos animais, como aranhas, por exemplo. Vamos tentar ocultar nossa presença ao máximo, e jamais nos distanciarmos muito uns dos outros. Também fitem olhares na retaguarda, nunca saberemos se alguém irá vir por trás contra nós. Lembrando também que desconhecemos o número de inimigos, logo, não façam nenhuma besteira e não subestimem os alvos. É de suma importância invadirmos o local próximo ao horário do ritual. Enquanto eles estiverem concentrados no mesmo, poderemos estar transformados em algo para nos infiltrarmos lá dentro,e no momento certo, iremos desfazer a transformação e lançar um golpe esmagador contra os oponentes, fazendo-os serem incapacitados antes de poderem agir. Lembrem-se: Não podemos matar nenhum deles, mas essa regra, obviamente, só se aplica a nós. Hm...Mas também pode haver algo a mais. É melhor nos aproximarmos da caverna antes de tentarmos deduzir tudo. E...Obrigada por isso." - Dirigiu esta última parte a Bahko.

Sua mente estava processando diversas coisas de uma vez, mas da última vez que isso aconteceu ela acabou não conseguindo pensar em nada a tempo. Por isso, continuou com a ideia proposta agora mesmo e focou-se apenas nela para não haver confusão em sua própria mente e pensamentos. Escutou o que Vincent disse e concordou, era de suma importância conhecermos o local antes de tentar qualquer coisa. Além disso, estar cercada de árvores não era boa coisa. Mesmo sendo carregada por Bahko, manteve olhares atentos aos seus arredores.

HP: 440 / 500 | CH: 420 / 500 | ST: 01 / 05

Palavras: 409

---------------------
[Capítulo] Vida de Inseto 4qsz

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto E61d9053d0ce1422ba25de28b0cd7fa2464294b3
"I Just live to Fall."

FP | R.D. | CJ | Banco | GF
| MOD AG | Inventário AG || [História] — Blood Moon
Skywalker
https://www.narutorpgakatsuki.net/t77727-fp-senki-youjomaru#614275
Convidado
Convidado

vida de inseto
Os genins avançaram, sem perder tempo. Bahko tinha um pouco de dificuldades para se movimentar com Saori em suas costas, mas, certamente, estavam mais rápido que se ela estivesse fazendo com suas próprias pernas. A invocações do mudo davam uma segurança a mais para o grupo. Chegaram à redondeza sem maiores problemas. Aparentemente não havia armadilhas do lado de fora.  Os gatos, se esforçaram para procurar por alguma presença humana, mas novamente informaram a seu mestre que não sentiam nenhum outro cheiro.

O local, como informado previamente, à primeira vista, tinha apenas uma pequena e estreita entrada escondida por 4 árvores e a alta vegetação. Mas o trio foi persistente. Como diz o ditado... “água mole em pedra dura, tanto bate até que fura”. Após longos minutos, Vincent encontrou uma grande abertura em uma depressão à 500 metros à esquerda da entrada. Entretanto, não podia se afirmar que era uma outra entrada, apenas se arriscando para tirar a prova.

Restavam 3 horas para o ritual e os genins tinham uma gama de opções em mãos.

Saori: velocidade reduzida em 2 pontos pelo resto da missão.

_____

Considerações:

8
Anonymous
Vincent.
Genin
[Capítulo] Vida de Inseto Ho9YNau
Finalmente encontramos a entrada da caverna que um dos gatinhos havia relatado, porém não me contentei em achar apenas uma e fui em busca de outras possíveis entradas, após alguns minutos encontro o que poderia ser uma entrada, mas como não sabemos quantos inimigos encontrar lá dentro, então penso em algumas possibilidades e resolvo não entrar sozinho, volto para informar meu grupo o que eu havia achado. Assim que chegasse até eles iria propor um plano.

- Encontrei uma grande abertura em uma depressão à 500 metros daqui, não sei se é uma entrada, pois não tentei entrar temendo a existência de muitos inimigos lá dentro a nossa espera. Porém tenho uma ideia, acho mais válido todos andarmos juntos e deixar com que 2 gatinhos do Bahko tomem conta dessa possível segunda entrada, assim se esses sacanas tentarem fugir de nós mais uma vez os gatinhos poderão nos informar. Qual a ideia de ataque que vocês têm em mente? Lembrem-se o nosso alvo deve ser entregue vivo.

Nesse momento fico completamente concentrado, e independente da escolha que meus amigos tomarem, eu realizo o Bunshin no Jutsu, para que no momento em que os inimigos tiverem contato visual comigo eles fiquem um pouco confusos, assim tentando evitar um primeiro ataque direto.

HP: 200/200
CH: 300/300
ST: 00/02

Considerações:
Jutsu Coringa:
Jutsus Usados:

Armas:
Vincent.
https://www.narutorpgakatsuki.net/t73053-ficha-senju-balder#560530 https://www.narutorpgakatsuki.net/t73054-gf-senju-balder#560544
Bahko
Chūnin
-x-

[Capítulo] Vida de Inseto Mamoto10

ANBU?!

@Gabz @Skywalker @Vincent.



Ao chegar perto da caverna, os gatos começaram a procurar armadilhas para não enfrentarmos nenhum perigo como anteriormente. Procuraram e depois voltaram com a resposta negativa para armadilhas e outros humanos. Então a princípio o caminho fica limpo para nós entrarmos. Mesmo me transformando num pássaro e procurando ao redor da caverna, não encontrei nada, então voltei ao grupo. Já Vincent encontrou uma entrada que provavelmente nos leva até a caverna, mas mesmo assim ainda pode ser arriscado. Bolando uma estratégia, recomendou deixar gatos de guarda para não nos preocuparmos em caso deles escaparem, o que é uma ótima ideia.

Indiquei a entrada para dois gatos mais próximos para deixa-los de guarda conforme Vincent sugeriu, então olhei para o Bunshin que Vincent criou e peço para que ele espere. Faço os selos do Henge no Jutsu, mostrando que não devemos nos apressar e entrar como nós mesmos, mas sim mudando de forma para que eles não suspeitem. Depois de mostrar os selos, boto as duas mãos juntas como se estivesse pegando algo no ar e depois indicando para a caverna, depois faço orelhas com os dedos e mostro meu braço flexionado apontando para meu músculo. Não sei se eles iriam entender, mas é a minha tentativa de dizer que "eu pego eles com meu jutsu e tenho um gato forte para invocar". Tendo terminado minha "explicação", me transformo em um morcego usando o Henge no Jutsu e sigo em direção à entrada da caverna.

HP: 594/625
CH:527/575
ST:01/05

Considerações:
Jutsus Usados:
Armas:

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto Dcaa73310219fb06ecbf84af7785edc2e56f56af49f5b80f1431685fc6c8a7d8_1
Bahko
https://www.narutorpgakatsuki.net/t79788-ficha-yuki-bahko https://www.narutorpgakatsuki.net/t79790-g-f-yuki-bahko
Skywalker
Nukenin A
[Capítulo] Vida de Inseto D08b07ef0bf98b6b11ca607569f49e1d839f756b
VII - APROXIMAÇÃO CAUTELOSA


Fitei ambos os companheiros conversando, aguardando novas instruções dos mesmos. Quando ouvi sobre a depressão encontrada por Vincent, fiquei curiosa, mas ao mesmo tempo temerosa sobre o que poderíamos encontrar em tal lugar. Por conta disso, deveríamos também tomar cuidados com aquela região. Já que nenhum de nós se arriscou a ir para tal localização, rapidamente digo para Vincent e Bahko o que farei, sobretudo, priorizando nossa segurança.

- "Vou invocar um Clone das Sombras para verificar o local. Sei que posso ficar sem energias, mas é melhor do que nos arriscarmos demais. Além disso, eu posso saber o que está acontecendo perto dele e ter informações daquela área. Vou tomar o máximo de cuidado possível e tentar manter o clone o menos tempo possível ativo para não gastar muitas das minhas reservas de chakra. Vamos nos transformar em criaturas pequenas, será de suma importância a total furtividade nessa missão, então andemos juntos."

Após ditar, visionou sua perna ferida e sabia que não poderia ir muito longe nessa situação e que possivelmente seu clone estaria com o mesmo defeito, mas não era hora para pensar disso. Além disso, se o clone estiver com o mesmo tipo de ferimento que a original, daria mais veracidade a sua existência, fazendo com que inimigos não pudessem identificá-lo imediatamente como clone. Pensou bem, muito bem. Saori teve uma ideia brilhante, mas necessitaria de rápida ação de seus companheiros. Ela invocaria um tipo alternativo de clone que ela havia aprendido a invocar. Deu uma leve risada, mas sabia que era uma boa opção.

- "Bunshin Daibakuha!" - Uma duplicata idêntica a Saori surgia. A Diferença é que este clone não pode dar vida a outras técnicas ou clones, e sua função principal é explodir. A Explosão causada por esta técnica possui cerca de 5 metros a partir do epicentro e causa danos devastadores a tudo ao seu redor. Esta poderia ser uma solução rápida, uma vez que o clone pode se detonar a qualquer momento caso queira.

- "Tem uma depressão a 500 metros daqui, ela está naquela direção e não sabemos o que pode ser. Entre lá. Se houver inimigos, sabe o que fazer."

- "Compreendo." - O Clone responde.

- "Henge no Jutsu!" - Transformou-se em uma lagartixa de pequeno porte, grudando-se à parede da caverna e fica de ponta cabeça no teto, evitando quaisquer encontros diretos com prováveis inimigos.

O Bunshin Daibakuha então segue até a depressão avistada por Vincent, adentrando no local cuidadosamente, mas ainda sabendo exatamente o que fazer. Em quaisquer sinais de inimigos, o clone se explodiria. Como outras técnicas de clonagem, Saori podia saber o que estava acontecendo por perto do mesmo. Era uma boa estratégia, e isso possivelmente eliminaria quaisquer tipos de possíveis investidas surpresas. Caso não houvessem inimigos, o clone se explodiria na entrada da depressão ou em um local estratégico para bloquear rotas de fuga inimigas.
HP: 440 / 500 | CH: 330 / 500 ( -90 ) | ST: 01 / 04

Palavras: 471

Jutsus Utilizados:

---------------------
[Capítulo] Vida de Inseto 4qsz

_______________________

[Capítulo] Vida de Inseto E61d9053d0ce1422ba25de28b0cd7fa2464294b3
"I Just live to Fall."

FP | R.D. | CJ | Banco | GF
| MOD AG | Inventário AG || [História] — Blood Moon
Skywalker
https://www.narutorpgakatsuki.net/t77727-fp-senki-youjomaru#614275
Conteúdo patrocinado
Layout desenvolvido por Akeido e Dorian Havilliard