Naruto RPG Akatsuki
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Bem-Vindo
Naruto rpgakatsuki
tópicos recentes
Inverno
O fim da guerra trouxe a paz, junto com a oportunidade das vilas prosperarem e crescerem. O Nascer do Sol se aproxima trazendo uma nova leva de Kages que querem expandir seu território. A primeira reunião dos Senhores Feudais está marcada, onde irão debater o futuro de Otogakure, atual colônia de Kumogakure e palco da última Grande Guerra.
11 DG
ShionFundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
AngeAnge, mais conhecida como Angell, é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
SenkoSenko, também jogador de RPG narrativo desde 2011, conheceu o Akatsuki em 2017, mas começou a jogar para valer em 2020, destacando-se pela sua prestatividade e suas habilidades em design e programação. É responsável por ajudar na criação de novos sistemas e regras além de fazer a manutenção do tema do fórum.
BlueJay#0529
BahkoBahko joga fóruns narrativos desde 2010. Após ficar muito tempo sem jogar, voltou em 2020 onde encontrou o Akatsuki. Desde então, vem auxiliando o fórum como Narrador, Moderador e Administrador. Fora do fórum, é estudante de Engenharia Elétrica.
fransudo#7724
RavesJogador ativo desde 2020, Raves entrou pro Akatsuki RPG e desde então vem contribuindo para o engajamento interno do fórum. Atualmente, é o principal responsável pela organização geral, além da criação, revisão e adequação de regras e sistemas, auxiliando como pode nas demais áreas. Particularmente, é um grande apreciador de enredos e está constantemente pensando no futuro.
Revescream#5421

Ícone
LastJoke
https://www.narutorpgakatsuki.net/t71188-fp-nara-ren-fuyuki https://www.narutorpgakatsuki.net/t71205-gestao-de-ficha-nara-ren-fuyuki
Oportunidade Rara


Já era tarde da noite quando um pássaro mensageiro pousou na janela do quarto de Angell e bateu contra o vidro, insistentemente. Em sua patinha esquerda, o pequenino animal trazia uma mensagem importante e urgente. A mensagem provinha do Coronel dos interrogadores da vila da folha, e falava sobre um homem, Dante, O Retalhador, que havia sido capturado a menos de dois dias. O homem era suspeito de ter assassinado diversas pessoas, mas mais recentemente de capturar o filho de um politico importante do país do fogo. E agora, de acordo as palavras contidas na breve mensagem, ele solicitava uma única coisa em troca da localização do refém: Falar com a Hokage.

Tão logo entregou a mensagem, o pequenino pássaro alçou voo e partiu dali, de volta para sua gaiola, finalmente livre para descansar suas asas.

Enquanto a Hyuuga, ela então se lembraria dos detalhes sobre o caso de Dante. O homem era um monstro. Um verdadeiro sociopata, da pior estirpe. A lista de acusações era imensa, e estamos falando apenas dos crimes registrados. Mas por que ele queria tanto falar com Angell? Isso era um mistério à parte. Mas como Hokage, ela não precisava realmente ir até lá, se não quisesse. Poderia apenas dar as ordens e seus fiéis shinobis fariam o que fosse solicitado. Por que ceder as chantagens de um criminoso qualquer? Contudo, por outro lado, a vida de uma criança inocente estava em jogo aqui.

Realmente, uma escolha difícil. O céu noturno estava limpo, as estrelas pontilhavam o negrume, e uma grande lua cheia completava o cenário.

E enquanto a vila da folha dormia em paz, a Hokage tomava sua decisão.




—X—




OFF: Narre o que decidiu fazer.

Considerações:
1. Dúvidas? Críticas? Reclamações? Só chamar no Discord ou mandar MP.
2. Não irei tentar estender a trama além do necessário, mas o sucesso e a conclusão dependem de você.
3. Posto todos os dias à tarde ou durante a madrugada.


1
Doces ou Travessuras?

_______________________

LastJoke
LastJoke
Tokubetsu Jonin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite W1d991V

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Angell
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70412-ficha-angell-hyuuga-hattori https://www.narutorpgakatsuki.net/t69243-gestao-da-ficha-angell-hyuuga-hattori

Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 2850/2850 | CH: 6445/6500 | CN: 000/400 | ST: 01/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Souzou Saisei: 00/08 ]
[ Hachibi: 5000/5000 ]


Mas não foi por tanto tempo assim que se manteve adormecida; poucas horas depois de ter se aninhado junto a Everything e Floco de Neve em sua cama, a azulada foi acordada outra vez pelo bater insistente de um dos pássaros mensageiros da Folha em sua janela. E, apesar da sonolência, ela se viu na obrigação de se levantar, abrir espaço para o bicho e ler o bilhete que ele lhe havia levado. ...mesmo que, naquele primeiro momento, todo tipo de pensamento desconfiado já começasse a passar por sua mente – que, diga-se de passagem, ainda ia voltando aos poucos a trabalhar –, graças às exigências inusitadas do criminoso mencionado na mensagem.

A azulada se equipou com apenas uma de suas bolsinhas de armas, trocando a segunda delas pela armadura de Shion. Não imaginava que tipo de situação poderia estar prestes a enfrentar, por mais que não fosse extrapolar os limites da Folha – isso tanto em termos de confiança em seus subordinados, ninjas da própria vila, quanto em termos físicos, de (falta de) deslocamento para além dos muros –, então já julgava que todo cuidado ainda seria pouco. Inclusive, por isso mesmo, deixou Everything e Floco de Neve em sua casa, bem protegidos dentro de seu quarto, debaixo de suas cobertas; quando se dirigiu para a sala de interrogatórios, estava completamente sozinha.

Mas, antes de entrar, fez questão de ativar seu Byakugan e puxar a essência da terra logo abaixo de seus pés para formar uma armadura resistente para seu corpo todo; dali para frente, precisaria redobrar sua atenção.


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
Considerações:
Selos de chakra: Fuuinjutsu: Kai no ombro direito.
Marca Hattori na palma da mão direita.
Marca do Hiraishin de Takane no pulso esquerdo.
Barrier Tags: Uma (1x) dobrada em forma de tsuru como brinco em cada orelha.
Alcance do Byakugan: 8,5km de raio.
Gastos: 5 (do Byakugan) +50 (100 -50% [da perícia em doton] do Iwa no Yoroi) = 55.
Força do Iwa no Yoroi: 240 (rank-A) +100 (bônus natural) +200 (maestria em doton) +200 (6 pontos em “ninjutsu” e Habilidade em Ninjutsu inata) +200 (10 pontos em “ninshuu”) = 940.
Pet:
Habilidades usadas:
Byakugan
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa “branco do olho”) é o doujutsu kekkei genkai do clã Hyuuga. É um dos Três Grandes Doujutsus (大三 瞳 术, Daisan Doujutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo, tem olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes doujutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.
As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a “Questão dos Hyuuga”. Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyuuga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzou Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.
Iwa no Yoroi
Rank:
A
Requerimentos: Perícia Elemental: Doton & Chakra Flow.
Descrição: O usuário flui o chakra da terra através de seu corpo, absorvendo as propriedades da terra ao redor deles para formar uma armadura que é transparente e só é visível quando a luz é refletida. A armadura é mostrada para ser capaz de se defender de todas as formas de trauma contuso. Ao mesmo tempo, aumenta a força do usuário, permitindo que ele atinja ataques poderosos e liberte-se de restrições. Como essa técnica funciona por propriedades terrestres constantemente absorvidas, ela não requer chakra extra depois de iniciada, mas ainda precisa de uma quantidade suficiente de pedra para ser executada.
Bolsa 1 (12/20 espaços):
Kunai: 5 (5 espaços)
Kemuridama: 2 (2 espaços)
Zouketsugan: 4 (1 espaço)
Hyourougan: 4 (1 espaço)
“Polvo Frito”: 2 (2 espaços)
“Sushi Doce”: 1 (1 espaço)
Equipamentos e itens:
Thunderjaw’s Bracelet
Rank:
A
Classe: Raro.
Descrição: Um item de natureza peculiar que outrora pertencera ao núcleo de processamento responsável por controlar as habilidades de uma besta metálica formidável. Na ótica mundana, um mero bracelete, encrustado por pedras preciosas de origem desconhecida, que se adéqua perfeitamente ao pulso de seu portador. Sua única habilidade é uma forma muito mais simplória que a habilidade do Thunderjaw: quaisquer ninjutsus direcionados ao seu portador, de Rank B ou inferior, uma única vez a cada 3 turnos, tem imediatamente sua trajetória alterada como se retornasse para o conjurador. Essa habilidade necessita de 30 pontos de chakra para ser utilizada. Esse item não pode ser evoluído.
Kouzoku no Yoroi
Rank:
S
Valor: 200 Akatsuki Golds.
Habilidades: Será resistente a técnicas de Hyoton até rank-B e deixará seus reflexos aumentados dando a ele uma possibilidade de esquivar com até 2m/s acima do permitido pelos seus pontos.
Descrição: Uma armadura de combate bastante única, embora semelhante as tradicionais shinobi. Esta armadura é de um azul-marinho com um lobo entalhado no centro da placa com olhos de safiras-azuis que brilham ao serem atingidas por técnicas de gelo. Ela tem as mesmas bases de uma armadura tradicional no peso e espaço, mas com habilidades bastantes únicas. Acredita-se que era utilizada por Shion no passado.
Angell
Angell
Lenda Ninja | Sannin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite Dwqqy2b

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
LastJoke
https://www.narutorpgakatsuki.net/t71188-fp-nara-ren-fuyuki https://www.narutorpgakatsuki.net/t71205-gestao-de-ficha-nara-ren-fuyuki
Último Pedido


Tão logo a Hyuuga se aproximou do prédio, um dos agentes a recebeu, a fim de indicar o caminho. O homem era dotado de uma beleza marcante, de pele clara e traços finos, com olhos azuis e cabelos cor de areia penteados para trás. Ele usava um terno com casaco de mangas bufantes, ao estilo dos nobres locais. Na ponta do nariz ostentava um óculos de armação dourada, possivelmente ouro, pelo requinte de suas vestimentas. Claramente não era um simples agente, algo bastante previsível para a pessoa que veio recepcionar a própria Hokage.

— Hokage-sama, mil perdões por perturbá-la à essa hora. Sou Braham. Infelizmente, não tivemos meios para lidar com o indivíduo sem recorrer a métodos... – Ele limpou a garganta, visivelmente desconfortável por ter que lidar com alguém de aparência tão jovem quanto Angell. — Métodos mais duros. E por se tratar de um Nukenin experiente, tememos que ele ainda pudesse ter alguma forma de destruir a informação que desejamos, com relação à criança capturada.

O homem parou frente a uma porta de metal reforçado, então abriu para que Angell pudesse entrar primeiro. Era uma sala com iluminação fraca, ali havia mais duas pessoas. Um homem velho, fumando um cigarro no canto mais afastado da sala, e uma mulher de cabelos avermelhados e expressão séria, jovem o bastante para ser chamada de senhorita. O homem no fundo da sala trajava roupas simples com um sobretudo discreto marrom claro. A mulher era bonita, com roupas sociais básicas, como se não tivesse tempo para os requintes da última moda.

A mulher fez uma mensura para a Hyuuga.

— Angell-sama. Desculpe por ter que chama-la. Meu nome é Kakumi, sou a responsável pelo caso do sequestro. – Ela então indicou o vidro que separava a sala em que estavam de outra sala. Uma sala de paredes brancas, com uma mesa de metal ao centro e duas cadeiras, uma de cada lado da mesa. Em uma delas estava sentado um homem... Como descrevê-lo? Doente? Sim. A aparência dele era doentia. Pele pálida e bochechas encovadas. Magro a ponto de aparecer as saliências dos ossos. Sem cabelos na cabeça, nem mesmo sobrancelhas.

Estranhamente, ele sorria; um sorriso de dentes negros feito piche. E, mais absurdo ainda, ele parecia olhar diretamente para os olhos de Angell.

— Esse é Aban Lackey. O Retalhador. Não se preocupe, ele não pode nos ver ou ouvir. – Por alguma razão, aquilo não parecia ser correto. — Nem usar chakra, pedi para colocarem um fuinjutsu especialmente para isso no corpo dele.

O homem, Aban, estava preso por algemas a mesa, e mais algemas prendiam suas pernas aos pés da cadeira que ele estava sentado. Em momento algum ele deixou de sorrir, ou de olhar na direção de Angell.

Nesse momento o último homem presente, que estivera fumando até aquele momento, apagou seu cigarro e se aproximou, fez uma mensura rígida para a Hyuuga e se apresentou em seguida.

— Sou Kan, do grupo de interrogadores. Hokage-sama, com todo o respeito, a senhorita não precisa entrar lá. Dê-me a ordem e farei com que ele fale tudo o que queremos saber. – O homem afirmou com plena confiança. — Se fosse Minha decisão, a senhorita jamais teria sido incomodada. Por favor, não perca seu tempo com esse rato imundo. É para tarefas assim que nós, interrogadores, nos preparamos.

Kakumi estava vermelha, obviamente contendo a raiva, enquanto Braham empalideceu, com os olhos arregalados.

A decisão, porém, repousava sobre os ombros de Angell.




—X—




OFF: Narre o que decidiu fazer.

Considerações:
1. Dúvidas? Críticas? Reclamações? Só chamar no Discord ou mandar MP.
2. Não irei tentar estender a trama além do necessário, mas o sucesso e a conclusão dependem de você.
3. Posto todos os dias à tarde ou durante a madrugada.


2
Doces ou Travessuras?

_______________________

LastJoke
LastJoke
Tokubetsu Jonin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite W1d991V

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Angell
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70412-ficha-angell-hyuuga-hattori https://www.narutorpgakatsuki.net/t69243-gestao-da-ficha-angell-hyuuga-hattori

Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 2850/2850 | CH: 6500/6500 | CN: 000/400 | ST: 02/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Souzou Saisei: 00/08 ]
[ Hachibi: 5000/5000 ]


Dentro do prédio, tendo já passado pelo que devia ser apenas uma de inúmeras portas grossas e pesadas que visavam não só o sigilo do que acontecia lá dentro, mas também a segurança de quem ficava para fora, Angell passeou seus olhos – agora perolados – por todos os cantos aos quais tinha acesso. Manteve-se quieta naquele primeiro momento, atenta às informações que absorvia e já ia tentando processar dentro de sua mente, mas os questionamentos não demoraram a surgir: alguém havia errado o nome do nukenin?, se ele não podia ver além de sua própria sala, por que olhava na direção de Angell?, que tipo de tensão era aquela entre os dois interrogadores?

Ela suspirou baixinho, não querendo deixar qualquer incômodo seu transparecer, apesar de imaginar que isso não seria tão simples naquele tipo de situação. Fixou seus olhos no criminoso do outro lado do vidro... e perguntou a si mesma o que devia fazer. Porém, em resposta, foi a voz de Gyuuki que ecoou dentro de sua cabeça, dizendo-lhe para ser quão cuidadosa pudesse e, se fosse possível, também manter alguma distância. Não era como se qualquer um dos dois tivesse medo do criminoso... mas ambos tinham coisinhas bem maiores com as quais se preocupar, então criar novos problemas estava fora de questão. Porém, Angell nunca tinha interrogado ninguém antes...

– Podem me mostrar como as coisas têm caminhado por aqui? – ela murmurou enfim. – Deve haver algo que eu possa fazer sem desapontar nenhum de vocês... mas preciso de umas informações a mais para pensar nisso. Em mais uma tentativa, vocês conseguem agir com ele como se eu ainda não tivesse chegado?


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
Considerações:
Selos de chakra: Fuuinjutsu: Kai no ombro direito.
Marca Hattori na palma da mão direita.
Marca do Hiraishin de Takane no pulso esquerdo.
Barrier Tags: Uma (1x) dobrada em forma de tsuru como brinco em cada orelha.
Alcance do Byakugan: 8,5km de raio.
Recuperação de chakra: 650 (10% [10 pontos em “recuperação”] de 6500).
Força do Iwa no Yoroi: 240 (rank-A) +100 (bônus natural) +200 (maestria em doton) +200 (6 pontos em “ninjutsu” e Habilidade em Ninjutsu inata) +200 (10 pontos em “ninshuu”) = 940.
Pet:
Habilidades usadas:
Byakugan (ativo)
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa “branco do olho”) é o doujutsu kekkei genkai do clã Hyuuga. É um dos Três Grandes Doujutsus (大三 瞳 术, Daisan Doujutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo, tem olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes doujutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.
As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a “Questão dos Hyuuga”. Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyuuga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzou Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.
Iwa no Yoroi (ativo)
Rank:
A
Requerimentos: Perícia Elemental: Doton & Chakra Flow.
Descrição: O usuário flui o chakra da terra através de seu corpo, absorvendo as propriedades da terra ao redor deles para formar uma armadura que é transparente e só é visível quando a luz é refletida. A armadura é mostrada para ser capaz de se defender de todas as formas de trauma contuso. Ao mesmo tempo, aumenta a força do usuário, permitindo que ele atinja ataques poderosos e liberte-se de restrições. Como essa técnica funciona por propriedades terrestres constantemente absorvidas, ela não requer chakra extra depois de iniciada, mas ainda precisa de uma quantidade suficiente de pedra para ser executada.
Bolsa 1 (12/20 espaços):
Kunai: 5 (5 espaços)
Kemuridama: 2 (2 espaços)
Zouketsugan: 4 (1 espaço)
Hyourougan: 4 (1 espaço)
“Polvo Frito”: 2 (2 espaços)
“Sushi Doce”: 1 (1 espaço)
Equipamentos e itens:
Thunderjaw’s Bracelet
Rank:
A
Classe: Raro.
Descrição: Um item de natureza peculiar que outrora pertencera ao núcleo de processamento responsável por controlar as habilidades de uma besta metálica formidável. Na ótica mundana, um mero bracelete, encrustado por pedras preciosas de origem desconhecida, que se adéqua perfeitamente ao pulso de seu portador. Sua única habilidade é uma forma muito mais simplória que a habilidade do Thunderjaw: quaisquer ninjutsus direcionados ao seu portador, de Rank B ou inferior, uma única vez a cada 3 turnos, tem imediatamente sua trajetória alterada como se retornasse para o conjurador. Essa habilidade necessita de 30 pontos de chakra para ser utilizada. Esse item não pode ser evoluído.
Kouzoku no Yoroi
Rank:
S
Valor: 200 Akatsuki Golds.
Habilidades: Será resistente a técnicas de Hyoton até rank-B e deixará seus reflexos aumentados dando a ele uma possibilidade de esquivar com até 2m/s acima do permitido pelos seus pontos.
Descrição: Uma armadura de combate bastante única, embora semelhante as tradicionais shinobi. Esta armadura é de um azul-marinho com um lobo entalhado no centro da placa com olhos de safiras-azuis que brilham ao serem atingidas por técnicas de gelo. Ela tem as mesmas bases de uma armadura tradicional no peso e espaço, mas com habilidades bastantes únicas. Acredita-se que era utilizada por Shion no passado.
Angell
Angell
Lenda Ninja | Sannin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite Dwqqy2b

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
LastJoke
https://www.narutorpgakatsuki.net/t71188-fp-nara-ren-fuyuki https://www.narutorpgakatsuki.net/t71205-gestao-de-ficha-nara-ren-fuyuki
Uma Simples Gota


Todos pareceram igualmente surpresos com as palavras da Hyuuga, mas tão logo se recuperaram do susto, cada qual teve uma reação diferente. Kakumi abriu um largo sorriso de deleite, o qual tentou esconder com uma tosse quando notou. Braham, por sua vez, respirou mais aliviado, finalmente soltando o ar que havia prendido. E Kan, bem, o interrogador deu de ombros e acendeu outro cigarro, antes de voltar para seu canto, carrancudo e insatisfeito. Enquanto Kakumi ajeitava sua postura e saia da sala, indo falar com o Retalhador.

Os olhos do homem deixaram os de Angell pela primeira vez, e pareciam seguir os movimentos da policial através da parede, como se pudesse vê-la indo até onde ele estava. Um momento mais tarde a porta se abriu e a mulher entrou na sala com uma postura autoritária, seu olhar gélido e afiado, feito à lâmina de uma espada.

— Olá senhor Lackey. Está confortável? Sentindo-se mais cooperativo?

Nesse momento, na sala onde a Hyuuga estava, Kan se aproximou novamente, falando baixinho para que Braham não pudesse entreouvir. Era fácil deduzir que o interrogador estava em desvantagem na sala e buscava uma aliada na Kage de sua vila, a qual parecia possuir o maior poder naquele momento.

— Hokage-sama. Por favor, olhe para isso: - Disse se referindo ao interrogatório de Kakumi. — É de dar pena. Esse homem nunca falará dessa maneira. Eu imploro, me deixe ter dez minutos com esse monstro, e juro que o farei cantar a localização do refém. Por favor. – Concluiu, transbordando confiança.

Lá dentro, a jovem policial seguia com seu discurso, sem obter qualquer reação do criminoso; na verdade, ela era quem parecia estar sendo mais afetada. Talvez por ter uma plateia tão importante quanto a própria Kage de sua vila a estivesse deixando nervosa? Quem sabe.

— Ou será que prefere que te chame de Dante? O nome que adotou quando abandonou o antigo e retalhou sua própria família? – Isso pareceu fazer os olhos do homem brilharem. A primeira reação de Aban até o momento.

— Já disse o que quero: Deixem que eu fale com a Hokage. – Ele afirmou, mais uma vez olhando para Angell. Mas não para os olhos dela, como antes, mas na direção que ela estava.

E foi quando a Hyuuga finalmente notou algo estranho. Com seus olhos ela podia dizer que o chakra do homem estava selado de fato, mas olhando mais atentamente, por um brevíssimo instante, ela quase pode jurar que ele havia sido capaz de usar um mero fiapo de chakra. Algo ínfimo, que muitos diriam ser irrelevante. Mas Angell soube que a confiança do homem vinha daquele pequenino grão de poder.

Mas o mais incrível era os efeitos: Ele era um manipulador de areia. Com aquela quantia de chakra, o homem foi capaz de espalhar uma rede de poeira no ar da sala, assim como no corpo de Kakumi. E no bolso da policial, tão pequeno quanto um botão, havia um pequeno circulo de chakra.

Sem êxito, vermelha e envergonhada, a investigadora retornou para a sala onde todos aguardavam; derrotada. E Kan já sorria, pronto para tomar o lugar dela no interrogatório; crente de que Angell lhe daria carta branca.




—X—




OFF: Narre o que decidiu fazer.

Considerações:
1. Dúvidas? Críticas? Reclamações? Só chamar no Discord ou mandar MP.
2. Não irei tentar estender a trama além do necessário, mas o sucesso e a conclusão dependem de você.
3. Posto todos os dias à tarde ou durante a madrugada.


3
Doces ou Travessuras?

_______________________

LastJoke
LastJoke
Tokubetsu Jonin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite W1d991V

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Angell
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70412-ficha-angell-hyuuga-hattori https://www.narutorpgakatsuki.net/t69243-gestao-da-ficha-angell-hyuuga-hattori

Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 2850/2850 | CH: 6500/6500 | CN: 000/400 | ST: 03/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Souzou Saisei: 00/08 ]
[ Hachibi: 5000/5000 ]


Angell mantinha seus olhos presos ao criminoso, mas sua atenção continuava passeando livremente por todo canto que sua visão privilegiada alcançava. O movimentar dos olhos do criminoso a intrigava; ele tentava esconder algum segredo que ela não fazia a mínima ideia de como desvendar. Porém, com a posterior tentativa da interrogadora de arrancar alguma informação nova dele, algo a mais enfim começou a se revelar para Angell: havia manifestação não apenas de chakra, mas também do que parecia ser areia, lá dentro da sala em que o criminoso era mantido aprisionado. Se ela já não tivesse tido contato com dois usuários de areia, talvez ignorasse tudo; porém, Kei e Kaido já lhe haviam mostrado que até mesmo algo assim poderia ser uma arma ninja.

Àquela altura, a interrogadora já retornava. Angell suspirou baixinho, mas pesadamente, tentando pensar em alguma saída. Começava a ter aquele velho pressentimento ruim de que todos dentro do prédio estavam correndo algum perigo sem nem saberem. ...e seria ela a possibilidade de salvação deles? ...e, se sim, como? Havia peças demais faltando no quebra-cabeças que aquela situação se mostrava ser, e a azulada já ia ficando receosa de deixar outras pessoas se exporem em seu lugar – por mais que elas próprias estivessem pedindo tanto por isso, independentemente dos motivos.

– Certo, vamos mudar a abordagem. – ela murmurou, dirigindo-se ao interrogador. – Se você estiver de acordo, entramos juntos na sala e ouvimos o que ele tem a me dizer. Se algo der errado, o seguimento pode ficar a seu critério.

Não era como se Angell soubesse lidar com investigações como aquela... mas os demais presentes deveriam saber. Ela imaginava, agora, que o interrogador fosse ter experiência suficiente para deixá-la sozinha com o criminoso se necessário, bem como torturá-lo em sua presença... ou sabe-se lá quais outros métodos poderiam se passar pela mente dele. O que ela esperava, porém, era conseguir se cuidar – e cuidar de todos eles junto de si – direito, independentemente do que estivesse por vir. Mas... sentia-se preparada, e, logo que lhe fosse dada uma resposta, ela prosseguiria (ou não) com o que tinha começado a arquitetar dentro de sua cabeça.


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
Considerações:
Selos de chakra: Fuuinjutsu: Kai no ombro direito.
Marca Hattori na palma da mão direita.
Marca do Hiraishin de Takane no pulso esquerdo.
Barrier Tags: Uma (1x) dobrada em forma de tsuru como brinco em cada orelha.
Alcance do Byakugan: 8,5km de raio.
Força do Iwa no Yoroi: 240 (rank-A) +100 (bônus natural) +200 (maestria em doton) +200 (6 pontos em “ninjutsu” e Habilidade em Ninjutsu inata) +200 (10 pontos em “ninshuu”) = 940.
Pet:
Habilidades usadas:
Byakugan (ativo)
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa “branco do olho”) é o doujutsu kekkei genkai do clã Hyuuga. É um dos Três Grandes Doujutsus (大三 瞳 术, Daisan Doujutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo, tem olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes doujutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.
As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a “Questão dos Hyuuga”. Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyuuga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzou Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.
Iwa no Yoroi (ativo)
Rank:
A
Requerimentos: Perícia Elemental: Doton & Chakra Flow.
Descrição: O usuário flui o chakra da terra através de seu corpo, absorvendo as propriedades da terra ao redor deles para formar uma armadura que é transparente e só é visível quando a luz é refletida. A armadura é mostrada para ser capaz de se defender de todas as formas de trauma contuso. Ao mesmo tempo, aumenta a força do usuário, permitindo que ele atinja ataques poderosos e liberte-se de restrições. Como essa técnica funciona por propriedades terrestres constantemente absorvidas, ela não requer chakra extra depois de iniciada, mas ainda precisa de uma quantidade suficiente de pedra para ser executada.
Bolsa 1 (12/20 espaços):
Kunai: 5 (5 espaços)
Kemuridama: 2 (2 espaços)
Zouketsugan: 4 (1 espaço)
Hyourougan: 4 (1 espaço)
“Polvo Frito”: 2 (2 espaços)
“Sushi Doce”: 1 (1 espaço)
Equipamentos e itens:
Thunderjaw’s Bracelet
Rank:
A
Classe: Raro.
Descrição: Um item de natureza peculiar que outrora pertencera ao núcleo de processamento responsável por controlar as habilidades de uma besta metálica formidável. Na ótica mundana, um mero bracelete, encrustado por pedras preciosas de origem desconhecida, que se adéqua perfeitamente ao pulso de seu portador. Sua única habilidade é uma forma muito mais simplória que a habilidade do Thunderjaw: quaisquer ninjutsus direcionados ao seu portador, de Rank B ou inferior, uma única vez a cada 3 turnos, tem imediatamente sua trajetória alterada como se retornasse para o conjurador. Essa habilidade necessita de 30 pontos de chakra para ser utilizada. Esse item não pode ser evoluído.
Kouzoku no Yoroi
Rank:
S
Valor: 200 Akatsuki Golds.
Habilidades: Será resistente a técnicas de Hyoton até rank-B e deixará seus reflexos aumentados dando a ele uma possibilidade de esquivar com até 2m/s acima do permitido pelos seus pontos.
Descrição: Uma armadura de combate bastante única, embora semelhante as tradicionais shinobi. Esta armadura é de um azul-marinho com um lobo entalhado no centro da placa com olhos de safiras-azuis que brilham ao serem atingidas por técnicas de gelo. Ela tem as mesmas bases de uma armadura tradicional no peso e espaço, mas com habilidades bastantes únicas. Acredita-se que era utilizada por Shion no passado.
Angell
Angell
Lenda Ninja | Sannin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite Dwqqy2b

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
LastJoke
https://www.narutorpgakatsuki.net/t71188-fp-nara-ren-fuyuki https://www.narutorpgakatsuki.net/t71205-gestao-de-ficha-nara-ren-fuyuki
Uma Simples Gota


Mesmo sem entender bem, todos os presentes anuíram em concordância, permitindo, obviamente, que a Hokage tivesse as coisas ao seu jeito. A final era ela quem representava a maior autoridade presente. Então em poucos momentos ela estava diante do criminoso, com o interrogador da polícia da vila atrás dela, recostado contra a parede, fumando com uma expressão de poucos amigos. Na sala ao lado, separada pelo vidro espelhado, a investigadora responsável pelo caso roía a unha do polegar esquerdo, ansiosa demais. Braham assistia impassível, confiante nas habilidades de sua Kage, talvez.

Mas o primeiro a falar foi Dante, O Retalhador. Ou Aban Lackey? Como iria chama-lo?

— Apenas Aban está bom. – Ele falou. Sua voz era rouca e baixa, mas possuía a habilidade de preencher os ouvidos de uma maneira incrível. Ele não levantou o tom de sua voz, mas não necessitava esforço para ouvi-lo. — Pode me chamar apenas de Aban. Por mais que eu tenha abandonado esse nome há muitos anos.

Ele se inclinou para frente na cadeira, apoiando os cotovelos sobre a mesa.

— Eu pedi para que a chamassem, pois estou morrendo. Estou doente, muito doente. – Será que ele esperava que Angell o tratasse com suas habilidades...? — Não, não quero que tente me curar. É bem o contrário, na verdade. Quero que você acabe comigo. Que me mate. Tão logo o faça, um jutsu que preparei se ativará, e a localização do refém irá surgir sobre a mesa. Escrita com areia.

O homem revelou. Então sorriu.

Um sorriso de dentes negros; um sorriso de pesadelo.

Só então o interrogador e a investigadora reagiram; ambos ao mesmo tempo. Eles entenderam o que Angell já sabia há alguns minutos: Como ele havia sido capaz de aplicar um jutsu dentro daquela sala, se seu chakra estava selado já há muito mais tempo? Ambos pensaram em reagir, mas já era tarde demais. Agulhas de areia cercavam todos os quatro de uma só vez. Eles apenas tinham o espaço para respirar, mas sem se mover demais.

— Mas antes, gostaria de testar algo. – As algemas que prendiam o homem se desfizeram em areia. Ele se levantou apertando os pulsos. Aban caminhou até ficar a dois metros de distância da Hyuuga.

— O fuinjutsu que limita meu chakra ainda está ativo. Então só consigo usar uma gota de meu poder de cada vez. É algo pequeno demais para ser notado, mas acredito que não seria o suficiente para enganar seus olhos. – Ele admitiu. Então fez uma careta, como a de uma criança pega em meio a uma brincadeira. — Para ser sincero, queria que fosse Shion aquele a me matar. Mas ouvi boatos que ele morreu... É verdade?

O psicopata estendeu uma mão na direção de Angell, com a palma para cima. E ali se formou uma ampulheta de tamanho médio, feita de vidro com areia dentro, a qual logo começou a marcar o tempo.

— Duas horas, é todo o tempo que temos, antes que o menino morra. Você tem esse tempo para me matar e salvar a todos.

Olhos comuns jamais teriam notado. Mas os olhos que Angell possuía eram tudo, menos comuns. O poder contido na habilidade daqueles olhos concedeu a menina uma vantagem ali. Ela podia enxergar o chakra. Podia ver o fluxo que ainda corria do corpo de Aban para o exterior. Eram como linhas infinitamente finas. Mas mesmo as linhas tão frágeis tecidas pelas aranhas, usadas para formar suas teias, quando dispostas da maneira correta se tornam fortes o bastante para prender seus alvos com um abraço mortal.

E o que mais poderia ter atraído a atenção da Hokage, seria, talvez, o fato de Dante ser capaz de extrair um poder ainda maior do chakra do que ela própria seria; em situações normais. Uma gota de chakra, como ele se referia, era usada com tal maestria e controle, que se tornava em uma perigosa arma.

Aban Lackey era um especialista no uso de seu chakra. Isso era inegável.

Mas, como? O que ele fazia de diferente?




—X—




OFF: Narre o que decidiu fazer.

Considerações:
1. Dúvidas? Críticas? Reclamações? Só chamar no Discord ou mandar MP.
2. Não irei tentar estender a trama além do necessário, mas o sucesso e a conclusão dependem de você.
3. Posto todos os dias à tarde ou durante a madrugada.


4
Doces ou Travessuras?

_______________________

LastJoke
LastJoke
Tokubetsu Jonin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite W1d991V

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Angell
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70412-ficha-angell-hyuuga-hattori https://www.narutorpgakatsuki.net/t69243-gestao-da-ficha-angell-hyuuga-hattori

Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 2850/2850 | CH: 3143/6500 | CN: 000/400 | ST: 04/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Souzou Saisei: 00/08 ]
[ Hachibi: 5000/5000 ]


A azulada só não se surpreendeu mais porque confiava o suficiente em sua intuição para saber que, mais cedo ou mais tarde, Aban – como mesmo ele preferiu ser referenciado – mostraria as cartas que ainda tinha na manga para se manter assim tão confiante sobre tudo que acontecia a si próprio. Então, naquele primeiro momento, enquanto mantinha seus olhos perolados fixos no criminoso, mas já analisava a situação ao seu redor graças ao seu doujutsu, Angell se limitou a ouvi-lo e a tentar repensar suas estratégias. O modo como ele agia era infantil demais, mesmo que sério o bastante, para ser desimportante; o que ela estava deixando passar batido?

Mas, ainda assim, alguém precisaria tomar uma primeira atitude. E ela não sabia até que ponto poderia deixar a segurança dos presentes nas mãos deles próprios. ...mesmo que não soubesse se tinha condições de protegê-los à sua própria maneira. Mas seria tentar e talvez ser bem-sucedida ou simplesmente falhar sem nem tentar. Então, da forma mais discreta que conhecia, Angell canalizou seu chakra doton desde o interior de seu corpo e o expeliu para o chão pelos tenketsus na sola de seus pés, unindo sua maestria quanto à terra e as particularidades de seu clã para fazer se erguerem até o teto quatro paredes de terra ao redor de cada um dos presentes nas duas salas – incluindo a si própria –, tão rentes a seus corpos que talvez chegasse até a tocá-los em algum momento, para tentar isolá-los não só das agulhas, mas também de todo espaço pelo qual o criminoso já tinha espalhado sua areia. Imaginava que ele teria dificuldade em acompanhar a elevação das paredes, graças à sua própria habilidade quanto à arte do ninjutsu, mas não conhecia a extensão do poder dele para palpitar com alguma certeza. Só o que podia saber mesmo era do que conseguia enxergar nas duas salas...

– Suas palavras contradizem suas ações. – a azulada começou, de dentro de seu “caixão” de terra. – Se espera que salvemos o refém em algum momento, por que está tentando nos ameaçar agora? Se você poupasse só a mim para me deixar te matar, como acabou de pedir para que eu fizesse, a única informação poderia me dar é a localização dele; o restante está com os investigadores... que, segundo tudo está indicando, não importam tanto assim para você, certo?

Enquanto falava, Angell continuava analisando a situação e tentando agir com discrição; antes, tinha visto um amontoado de areia em um dos bolsos da investigadora, e, agora, que sua intenção primária era isolar a todos de qualquer grãozinho de areia, ainda tinha de tentar conter mais aquilo sem que Aban percebesse. Mas, até aquele momento, suas investidas sempre se baseavam em expansão de chakra, visto que era assim que tudo se mostrava mais efetivo. ...enquanto o criminoso preferia utilizar um outro método – que, diga-se de passagem, ela mesma já tinha pensado em utilizar um dia... mas abandonou (talvez) um pouco cedo demais. Dizemos, quando ela pensou pela primeira vez em criar uma técnica curativa própria sua, chegou a idealizá-la através de linhas de chakra, como se formasse uma teia de aranha no chão... mas modificou essa forma toda por acreditar que o método de expansão seria mais versátil. Mas, agora, ao que parecia, nem sempre essa seria a melhor escolha; Aban tinha encurralado facilmente quatro ninjas diferentes em quatro posições diferentes com a escolha dele, enquanto Angell ainda demoraria um pouco a atravessar suas próprias paredes de terra com seu chakra para continuar com a devida proteção da investigadora. Mas talvez ainda houvesse tempo para a azulada. ...se o criminoso permitisse ou não percebesse nada, é claro.

Ela voltava a canalizar seu chakra doton desde o interior de seu corpo e o expelia para o chão por seus pés, agora a fim de fazê-lo traçar um caminho fino e delicado, mas forte e resistente, entre seu “caixão” e o “caixão” da investigadora, depois, subindo pela parede à frente dela, até desprender um pequeno amontoado de terra da mesma e infiltrá-lo no bolso da outra, envolvendo – e, se tudo saísse conforme o planejado, contendo – a areia de Aban ali dentro com sua própria resistência.

– Não sei quanto você já conhece de mim ou de meu pai, – Angell dava continuidade. – mas precisa saber agora que não é assim que eu prefiro resolver meus problemas ou as ameaças que surgem contra minha vila.

Por fim, ela deu origem a um clone acima de seus ombros para ficar em seu lugar dentro de seu “caixão”, enquanto a verdadeira escorregava para o chão e buscava se posicionar logo abaixo dos pés de Aban. Se qualquer coisa saísse do controle, por menos que fosse do feitio ou da vontade dela, ela teria de estar pronta para sacrificar um amontoado de intenções ruins pela segurança de uma vida inocente.

– Então... – o clone interveio. – o que, na verdade, você espera de mim?


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
Considerações:
Selos de chakra: Fuuinjutsu: Kai no ombro direito.
Marca Hattori na palma da mão direita.
Marca do Hiraishin de Takane no pulso esquerdo.
Barrier Tags: Uma (1x) dobrada em forma de tsuru como brinco em cada orelha.
Alcance do Byakugan: 8,5km de raio.
Gastos (para Angell; antes da criação do clone): 50 (100 -50% [da perícia em doton] do Doton: Tajuu Doryuuheki) +50 (100 -50% [da perícia em doton] da manipulação) +38 (50 -25% [do GCC] do Kage Bunshin no Jutsu) = 138.
6362/2 = 3181 para Angell e para o clone.
Gastos (para Angell; depois da criação do clone): 38 (50 -25% [do GCC] do Hiding in Surface Technique).
Força da manipulação: 240 (rank-A; aumentado pela maestria em doton) +100 (bônus natural) = 340.
Força do Doton: Tajuu Doryuuheki: 240 (rank-A) +100 (bônus natural) +200 (maestria em doton) +200 (6 pontos em “ninjutsu” e Habilidade em Ninjutsu inata) +200 (10 pontos em “ninshuu”) = 940.
Força do Iwa no Yoroi: 240 (rank-A) +100 (bônus natural) +200 (maestria em doton) +200 (6 pontos em “ninjutsu” e Habilidade em Ninjutsu inata) +200 (10 pontos em “ninshuu”) = 940.
Pet:
Habilidades usadas:
Doton: Tajuu Doryuuheki (defensivo; Angell)
Rank:
A
Requerimentos: Nenhum.
Descrição: Como a técnica base, ela cria uma parede de terra reforçada para ser usada como um mecanismo defensivo. Usando uma fonte pré-existente de terra, no entanto, permite ao usuário criar várias paredes da terra, fortalecendo ainda mais sua defesa, de modo que mesmo enquanto as paredes externas são destruídas, as internas ainda são deixadas intactas. As paredes também podem ser curvadas para dentro para bloquear a fuga de cima.
Doton (1 manipulação; Angell)
Descrição:
A Liberação da Terra (土遁, Doton) é uma das técnicas elementares básicas de transformação da natureza e permite ao usuário manipular a terra circundante para fins ofensivos e defensivos ou criá-la; seja sujeira, lama ou rocha. As técnicas de Liberação da Terra têm a capacidade de alterar a força e a composição da Terra, de tão dura quanto metal a tão macia quanto a argila, bem como manipular sua densidade, tornando-as mais pesadas ou mais leves. Isso inclui permitir que o usuário viaje através do solo e da pedra de várias maneiras, o que pode ser essencial tanto para o transporte quanto para a criação de ataques, criação de defesas ou ataque. De fato, isso faz das técnicas de terra uma das técnicas elementares mais versáteis. Terra pré-existente não é necessária, pois o usuário pode criá-la com seu próprio chakra. Afinidades de Liberação da Terra são as mais comuns entre os shinobi de Iwagakure, e são comumente associadas com o selo de mão de cobra e/ou batendo a palma da mão no chão.
Kage Bunshin no Jutsu (passivo; Angell)
Rank:
B
Requerimentos:
Descrição: Este jutsu permite ao usuário criar uma ou mais cópias de si mesmo. O chakra do usuário é dividido entre si e seus clones: criar um clone dará metade do chakra do usuário, criar dois clones dará a cada um um terço do chakra do usuário e assim por diante. Dependendo de quanto chakra o usuário possui e quantos clones ele faz, esse rápido esgotamento de suas reservas pode ser perigoso. Por causa disso, geralmente apenas aqueles de pelo menos nível jounin podem usar com segurança a técnica padrão Kage Bunshin. Tajuu Kage Bunshin no Jutsu - que cria centenas de clones para as dezenas da versão padrão - é insegura a ponto de ser proibida. Naruto Uzumaki é uma exceção a essa regra; porque ele tem acesso ao chakra do Nove-Caudas, ele pode criar centenas de clones sem se preocupar. Ao contrário do Bunshin no Jutsu, os clones das sombras são fisicamente reais. Eles possuem as mesmas roupas, danos e transformações que o usuário no momento de sua criação. A maioria das ferramentas e armas são copiadas quando os clones de sombra são criados, mas a tecnologia complicada não será duplicada. Por serem visualmente idênticos e possuírem o mesmo chakra que o usuário, os clones das sombras são indistinguíveis de seu original, nem mesmo por doujutsu; Madara Uchiha pode identificar clones das sombras usando seu Rinnegan.
Hiding in Surface Technique (passivo; Angell)
Rank:
B
Requerimentos:
Descrição: Com essa técnica, o usuário pode "fasear" por seus arredores, permitindo que eles evitem rapidamente um ataque recebido e também possam viajar sem serem detectados. Usando este método de abordagem, o usuário pode executar um ataque surpresa ao inimigo.
Byakugan (ativo; Angell/clone)
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa “branco do olho”) é o doujutsu kekkei genkai do clã Hyuuga. É um dos Três Grandes Doujutsus (大三 瞳 术, Daisan Doujutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo, tem olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes doujutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.
As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a “Questão dos Hyuuga”. Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyuuga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzou Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.
Iwa no Yoroi (ativo; Angell/clone)
Rank:
A
Requerimentos: Perícia Elemental: Doton & Chakra Flow.
Descrição: O usuário flui o chakra da terra através de seu corpo, absorvendo as propriedades da terra ao redor deles para formar uma armadura que é transparente e só é visível quando a luz é refletida. A armadura é mostrada para ser capaz de se defender de todas as formas de trauma contuso. Ao mesmo tempo, aumenta a força do usuário, permitindo que ele atinja ataques poderosos e liberte-se de restrições. Como essa técnica funciona por propriedades terrestres constantemente absorvidas, ela não requer chakra extra depois de iniciada, mas ainda precisa de uma quantidade suficiente de pedra para ser executada.
Bolsa 1 (12/20 espaços):
Kunai: 5 (5 espaços)
Kemuridama: 2 (2 espaços)
Zouketsugan: 4 (1 espaço)
Hyourougan: 4 (1 espaço)
“Polvo Frito”: 2 (2 espaços)
“Sushi Doce”: 1 (1 espaço)
Equipamentos e itens:
Thunderjaw’s Bracelet
Rank:
A
Classe: Raro.
Descrição: Um item de natureza peculiar que outrora pertencera ao núcleo de processamento responsável por controlar as habilidades de uma besta metálica formidável. Na ótica mundana, um mero bracelete, encrustado por pedras preciosas de origem desconhecida, que se adéqua perfeitamente ao pulso de seu portador. Sua única habilidade é uma forma muito mais simplória que a habilidade do Thunderjaw: quaisquer ninjutsus direcionados ao seu portador, de Rank B ou inferior, uma única vez a cada 3 turnos, tem imediatamente sua trajetória alterada como se retornasse para o conjurador. Essa habilidade necessita de 30 pontos de chakra para ser utilizada. Esse item não pode ser evoluído.
Kouzoku no Yoroi
Rank:
S
Valor: 200 Akatsuki Golds.
Habilidades: Será resistente a técnicas de Hyoton até rank-B e deixará seus reflexos aumentados dando a ele uma possibilidade de esquivar com até 2m/s acima do permitido pelos seus pontos.
Descrição: Uma armadura de combate bastante única, embora semelhante as tradicionais shinobi. Esta armadura é de um azul-marinho com um lobo entalhado no centro da placa com olhos de safiras-azuis que brilham ao serem atingidas por técnicas de gelo. Ela tem as mesmas bases de uma armadura tradicional no peso e espaço, mas com habilidades bastantes únicas. Acredita-se que era utilizada por Shion no passado.
Angell
Angell
Lenda Ninja | Sannin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite Dwqqy2b

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
LastJoke
https://www.narutorpgakatsuki.net/t71188-fp-nara-ren-fuyuki https://www.narutorpgakatsuki.net/t71205-gestao-de-ficha-nara-ren-fuyuki
Mestre e Especialista


As habilidades da jovem Hokage eram invejáveis. Sem mover um músculo sequer, ou dar a menor pista do que já plane-java fazer, foi capaz de erguer paredes de pedra em posições diferentes, e, enquanto ainda conversava com o criminoso que ameaçava não apenas a sua vida, como a de outras pessoas inocentes, eliminar uma possível ameaça no bolso do casaco da investigadora na sala ao lado. Então, como se já não fosse o suficiente, a menina trocou de lugar com um clone, sem sequer alterar minimamente o seu tom de voz.

Mas algo estava errado. Angell podia dizer pelo modo como aquele psicopata sorria. Era um sorriso entendedor. De quem sabe muito; sabe demais. Contudo, como se nada tivesse acontecido, o velho Retalhador caminhou pela sala de um lado para o outro, com as mãos atrás de suas costas. Seu tom de voz inalterado, como se conversasse com uma velha conhecida sua; uma amiga. E falasse de trivialidades, coisas banais, do dia a dia.

— Doton. Um elemento presente em praticamente todos os lugares. Muito útil. Sim, sim. Eu mesmo sou bem versado nos usos desse elemento em questão. – Admitiu. E Angell viu o exato momento em que um fiapo de chakra escapou do corpo de Aban, então se enrolou em outro ínfimo grão de energia espiritual, e outro, trançando uma linha fina e que seria praticamente impossível de ser rastreada. Quase.

A Hyuuga assistiu o homem com seu chakra quase absolutamente selado reunir em um instante a energia suficiente para preencher a sala, não por completo, como alguém como a própria Hokage poderia fazer, mas com linhas finas, quase invisíveis, mas que se conectavam perfeitamente a poeira existente no ar. Então Aban fez um movimento com os dedos indicadores de ambas as mãos e a poeira começou a girar ao seu redor, formando esferas comprimidas de areia.

— Você é forte, pequena Hokage. Não tanto quanto seu pai, porém. Mas se melhorasse a forma como enxerga o chakra, como o usa, talvez se aproximasse mais um tantinho do poder que ele possuía. Talvez. – E então ficou claro. Quando ele parou diante do caixão de pedra e estendeu a mão em sua direção. Não importa o quão protegido eles todos estivessem, todos precisavam respirar. E olhando com mais atenção, Angell viu que ela estava com o corpo coberto de poeira fina, quase imperceptível. Assim como todos ali.

Aban começou a fechar a mão lentamente, muito lentamente. E nessa mesma velocidade, a Hyuuga sentiu uma pressão mínima sobre sua pele, como se estivesse sendo esmagada. No início ela não sentia dor alguma, assim como os outros, e no ponto que começou a surgir algum desconforto, Aban cessou o ataque.

— Brincadeirinha. – Disse, com a mão erguida em sinal de paz. O homem riu e foi afligido por uma tosse horrível e incontrolável, e Angell pode ver que o que ele havia dito era a verdade, Aban estava morrendo. E rápido, se a quantidade de sangue em sua mão e queixo era um indicativo.

— Desculpe por isso.

E, mais interessante: Ele não atacou o clone de Angell. Como se soubesse o tempo todo.

Mas dos movimentos até então, a forma como Aban usava seu chakra, era de fato muito mais eficiente do que a própria Hokage fazia. Era estranho pensar que um psicopata estivesse tentando mostrar algo, até mesmo ensinar algo, para a Kage de uma vila, mas era exatamente o que parecia. E com aquela eficiência no uso de seu chakra, não deixando se-quer um fiapo de energia ser desperdiçada, enquanto extraia o máximo absoluto de poder de cada fração de energia que liberava, mesmo jutsus simples poderiam ficar muito mais poderosos.

Ou, como era o caso de Aban, mesmo com uma quantia ínfima de chakra, era possível reproduzir feitos surpreendentes.




—X—




OFF: Narre o que decidiu fazer.

Considerações:
1. Dúvidas? Críticas? Reclamações? Só chamar no Discord ou mandar MP.
2. Não irei tentar estender a trama além do necessário, mas o sucesso e a conclusão dependem de você.
3. Posto todos os dias à tarde ou durante a madrugada.


5
Doces ou Travessuras?

_______________________

LastJoke
LastJoke
Tokubetsu Jonin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite W1d991V

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Angell
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70412-ficha-angell-hyuuga-hattori https://www.narutorpgakatsuki.net/t69243-gestao-da-ficha-angell-hyuuga-hattori

Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 2850/2850 | CH: 3780/6500 | CN: 000/400 | ST: 05/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Souzou Saisei: 00/08 ]
[ Hachibi: 5000/5000 ]


Até aquele momento, a azulada tinha em mente a ideia de puxar Aban para debaixo da terra, primeiro, junto de si, depois, para deixá-lo em seu lugar, o que deveria aprisioná-lo de novo – e, quem sabe, efetivamente. Porém, ele dizia ser usuário de terra também... o que inviabilizaria seus planos e talvez deixasse o criminoso ainda mais em vantagem do que já estava. E, enquanto tentava pensar em uma segunda alternativa – como inutilizar o chakra dele, ao menos por algum tempo que abrisse a si mesma ou aos investigadores uma brecha para tirar dele as informações sobre o refém sem ter de matá-lo –, voltava a ouvir com atenção o que ele dizia e analisar com cuidado o que o via fazer. ...até o ponto em que percebeu que nem mesmo sua primeira manobra de defesa tinha sido favorável: a areia dele continuava rodeando todos os presentes, e, agora, tocava-os, coordenada a um novo ataque. E tudo graças àquela conexão que ele conseguia estabelecer entre seu próprio corpo e cada grãozinho de areia com seu chakra.

Era assustador. Muito interessante e bonito também, claro, mas, acima disso, assustador. ...tanto que fez a azulada tentar virar aquele feitiço contra seu feiticeiro e, ao mandar de novo seu chakra até as paredes de seus “caixões” de terra, veredá-las todas e estraçalhá-las por onde não havia nenhum fio de chakra, mantendo as estacas irregulares de terra ligadas a si mesma através de uma rede meio disforme de energia. Aquelas presentes na sala onde ela própria e Aban estavam ainda teriam de avançar contra ele, mas não a fim de atingi-lo, e sim envolvê-lo em uma espécie de prisão ao serem fincadas circularmente no chão ao redor de seus pés – e, por ora, acima da cabeça da azulada verdadeira. Caso obtivesse sucesso na investida, ela esperaria por seu clone, que teria de se aproximar do criminoso com um tanto mais de brutalidade, voltando ao velho método da expansão de chakra para juntar outras partículas de terra espalhadas pela sala, criando e derrubando acima da “prisão”, fechando-a, uma tampa em forma de javali.

– Aban... por favor. – o clone tornou, ainda enquanto se aproximava. – Não é assim que eu gosto de resolver meus problemas.

A azulada verdadeira se esforçava para manter suas estacas de terra ligadas a si com sua rede de chakra. Ainda assim, retirou de sua bolsinha de armas uma kunai, e já a apontou para cima, para o criminoso. Suas dúvidas começavam a aumentar: por que ele brincava tanto com seu aparente último atentado?, por mais que Angell ou os investigadores não tivessem culhão para matá-lo, o corpo dele já demonstrava quão inapto a continuar com qualquer vida agitada ele estava; se alguém realmente conseguisse alcançá-lo e matá-lo, que garantia havia de que ele não tinha mentido sobre mostrar a localização do refém?, nenhum investigador tinha confirmado nada à azulada; se Angell seguisse com sua mais nova ideia, teria como haver alguma volta?, tanto para o refém quanto para o criminoso naquele caso. Ela hesitava, mas não tirava sua atenção da sala acima de sua cabeça nem recuava com sua kunai. Se Aban não cooperasse nem nenhum investigador a impedisse, ela teria de arcar com as consequências de sua escolha.

– Não pode me dizer o que queremos saber? – o clone insistia.

...enquanto Angell se preparava para partir suas estacas de terra ao meio, derrubando a tampa de javali sobre o corpo do criminoso, reposicionando-o com a queda e a possível imobilização, para poder atingi-lo no centro do peito com sua kunai ao erguê-la de ponta para cima até a superfície do chão da sala.


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
Considerações:
Selos de chakra: Fuuinjutsu: Kai no ombro direito.
Marca Hattori na palma da mão direita.
Marca do Hiraishin de Takane no pulso esquerdo.
Barrier Tags: Uma (1x) dobrada em forma de tsuru como brinco em cada orelha.
Alcance do Byakugan: 8,5km de raio.
Recuperação de chakra: 650 (10% [10 pontos em “recuperação”] de 6500).
Gastos (para Angell): 13 (25 -50% [da perícia em doton] da manipulação [rank-C]).
Gastos (para o clone): 50 (100 -50% [da perícia em doton] do Doton: Otoshibuta).
Força do Doton: Otoshibuta: 240 (rank-A) +100 (bônus natural) +200 (maestria em doton) +200 (6 pontos em “ninjutsu” e Habilidade em Ninjutsu inata) +200 (10 pontos em “ninshuu”) = 940.
Força do Iwa no Yoroi: 240 (rank-A) +100 (bônus natural) +200 (maestria em doton) +200 (6 pontos em “ninjutsu” e Habilidade em Ninjutsu inata) +200 (10 pontos em “ninshuu”) = 940.
Pet:
Habilidades usadas:
Doton (1 manipulação; Angell)
Descrição:
A Liberação da Terra (土遁, Doton) é uma das técnicas elementares básicas de transformação da natureza e permite ao usuário manipular a terra circundante para fins ofensivos e defensivos ou criá-la; seja sujeira, lama ou rocha. As técnicas de Liberação da Terra têm a capacidade de alterar a força e a composição da Terra, de tão dura quanto metal a tão macia quanto a argila, bem como manipular sua densidade, tornando-as mais pesadas ou mais leves. Isso inclui permitir que o usuário viaje através do solo e da pedra de várias maneiras, o que pode ser essencial tanto para o transporte quanto para a criação de ataques, criação de defesas ou ataque. De fato, isso faz das técnicas de terra uma das técnicas elementares mais versáteis. Terra pré-existente não é necessária, pois o usuário pode criá-la com seu próprio chakra. Afinidades de Liberação da Terra são as mais comuns entre os shinobi de Iwagakure, e são comumente associadas com o selo de mão de cobra e/ou batendo a palma da mão no chão.
Doton: Otoshibuta (ofensivo; clone)
Rank: A
Requerimentos: Nenhum.
Descrição: O usuário cria uma tampa de barro gigante em forma de javali no alto do ar que cai sobre o alvo, prendendo-o.
Kage Bunshin no Jutsu (ativo)
Rank:
B
Requerimentos:
Descrição: Este jutsu permite ao usuário criar uma ou mais cópias de si mesmo. O chakra do usuário é dividido entre si e seus clones: criar um clone dará metade do chakra do usuário, criar dois clones dará a cada um um terço do chakra do usuário e assim por diante. Dependendo de quanto chakra o usuário possui e quantos clones ele faz, esse rápido esgotamento de suas reservas pode ser perigoso. Por causa disso, geralmente apenas aqueles de pelo menos nível jounin podem usar com segurança a técnica padrão Kage Bunshin. Tajuu Kage Bunshin no Jutsu - que cria centenas de clones para as dezenas da versão padrão - é insegura a ponto de ser proibida. Naruto Uzumaki é uma exceção a essa regra; porque ele tem acesso ao chakra do Nove-Caudas, ele pode criar centenas de clones sem se preocupar. Ao contrário do Bunshin no Jutsu, os clones das sombras são fisicamente reais. Eles possuem as mesmas roupas, danos e transformações que o usuário no momento de sua criação. A maioria das ferramentas e armas são copiadas quando os clones de sombra são criados, mas a tecnologia complicada não será duplicada. Por serem visualmente idênticos e possuírem o mesmo chakra que o usuário, os clones das sombras são indistinguíveis de seu original, nem mesmo por doujutsu; Madara Uchiha pode identificar clones das sombras usando seu Rinnegan.
Hiding in Surface Technique (ativo; Angell)
Rank:
B
Requerimentos:
Descrição: Com essa técnica, o usuário pode "fasear" por seus arredores, permitindo que eles evitem rapidamente um ataque recebido e também possam viajar sem serem detectados. Usando este método de abordagem, o usuário pode executar um ataque surpresa ao inimigo.
Byakugan (ativo; Angell/clone)
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa “branco do olho”) é o doujutsu kekkei genkai do clã Hyuuga. É um dos Três Grandes Doujutsus (大三 瞳 术, Daisan Doujutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo, tem olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes doujutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.
As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a “Questão dos Hyuuga”. Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyuuga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzou Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.
Iwa no Yoroi (ativo; Angell/clone)
Rank:
A
Requerimentos: Perícia Elemental: Doton & Chakra Flow.
Descrição: O usuário flui o chakra da terra através de seu corpo, absorvendo as propriedades da terra ao redor deles para formar uma armadura que é transparente e só é visível quando a luz é refletida. A armadura é mostrada para ser capaz de se defender de todas as formas de trauma contuso. Ao mesmo tempo, aumenta a força do usuário, permitindo que ele atinja ataques poderosos e liberte-se de restrições. Como essa técnica funciona por propriedades terrestres constantemente absorvidas, ela não requer chakra extra depois de iniciada, mas ainda precisa de uma quantidade suficiente de pedra para ser executada.
Bolsa 1 (12/20 espaços):
Kunai: 5 (5 espaços)
Kemuridama: 2 (2 espaços)
Zouketsugan: 4 (1 espaço)
Hyourougan: 4 (1 espaço)
“Polvo Frito”: 2 (2 espaços)
“Sushi Doce”: 1 (1 espaço)
Equipamentos e itens:
Thunderjaw’s Bracelet
Rank:
A
Classe: Raro.
Descrição: Um item de natureza peculiar que outrora pertencera ao núcleo de processamento responsável por controlar as habilidades de uma besta metálica formidável. Na ótica mundana, um mero bracelete, encrustado por pedras preciosas de origem desconhecida, que se adéqua perfeitamente ao pulso de seu portador. Sua única habilidade é uma forma muito mais simplória que a habilidade do Thunderjaw: quaisquer ninjutsus direcionados ao seu portador, de Rank B ou inferior, uma única vez a cada 3 turnos, tem imediatamente sua trajetória alterada como se retornasse para o conjurador. Essa habilidade necessita de 30 pontos de chakra para ser utilizada. Esse item não pode ser evoluído.
Kouzoku no Yoroi
Rank:
S
Valor: 200 Akatsuki Golds.
Habilidades: Será resistente a técnicas de Hyoton até rank-B e deixará seus reflexos aumentados dando a ele uma possibilidade de esquivar com até 2m/s acima do permitido pelos seus pontos.
Descrição: Uma armadura de combate bastante única, embora semelhante as tradicionais shinobi. Esta armadura é de um azul-marinho com um lobo entalhado no centro da placa com olhos de safiras-azuis que brilham ao serem atingidas por técnicas de gelo. Ela tem as mesmas bases de uma armadura tradicional no peso e espaço, mas com habilidades bastantes únicas. Acredita-se que era utilizada por Shion no passado.
Angell
Angell
Lenda Ninja | Sannin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite Dwqqy2b

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
LastJoke
https://www.narutorpgakatsuki.net/t71188-fp-nara-ren-fuyuki https://www.narutorpgakatsuki.net/t71205-gestao-de-ficha-nara-ren-fuyuki
Imortalidade


Um sorriso sincero surgiu no rosto de Aban ao ver o modo como Angell havia manipulado o chakra. — Finalmente... Já estava no meu limite. - Ele sussurrou para si mesmo, enquanto via as ações da jovem Hokage. A verdade é que, para ele, toda aquela gentileza como ela o estava tratando era uma fraqueza absurda. Mas o homem não tinha qualquer interesse, ou tempo, para tentar corrigir a personalidade da Hyuuga naquele momento. Seu objetivo aqui, desde o início, era outro.

O homem, a se ver mais uma vez aprisionado, ergueu a mão e fez uma cadeira de rocha se formar no momento em que suas pernas cederam e ele iria cair de traseiro no chão. Já sentado, o velho criminoso tossiu mais uma vez, manchando a mão com sangue, enquanto, quase sem notar o que fazia, teceu movimentos com a outra mão, fazendo selos rápidos sem a menor necessidade de unir ambas as mãos, ao que parecia. E, em poucos instantes, toda terra que o cercava se desfez uniformemente em montinhos de areia. Ele ergueu os pés e ali se formou uma banqueta para que pudesse apoiá-los de forma mais confortável.

Aban sorriu. Mas esse não foi o mesmo sorriso confiante de minutos atrás, ou mesmo o sorriso de pesadelo. Na verdade foi um sorriso mais cansado. O sorriso de um homem que já aceitou seu destino. Então, olhando diretamente para o local onde a Angell verdadeira se escondia, como se fosse ele o usuário de Byakugan da dupla, o velho falou com uma voz rouca e dolorida, mas em um tom que todos pudessem ouvir.

— Peço desculpas, por ter causado tantos transtornos. A verdade é que, ninguém deseja partir. E menos ainda aqueles que desejam partir sozinhos. – Ele confidenciou com um sorriso de menino. — Pensei que meus últimos momentos seriam lutando contra o poderoso Hokage da Folha, mas quando soube que ele havia desaparecido, talvez para sempre, as minhas esperanças de deixar uma marca no tempo se esvaíram por entre meus dedos...

Ele falou, ao tempo que enchia a mão com um punhado de areia e a fechava, a fim de ilustrar suas palavras. Mas quando abriu a mão mais uma vez, ao invés de estar praticamente vazia, havia ali uma pérola azulada, no centro de sua palma, feito um truque de prestidigitação.

— Então ouvi falar de você. Angell. Ouvi muito a seu respeito. Como seu coração é bondoso, nobre e altruísta. Antes eu a desprezaria por isso. – Admitiu com outra pausa para tossir. — Mas que forma melhor de deixar uma marca eterna, do que ensinar algo para a própria Hokage da Folha? – Ele abriu outro sorriso, enquanto elevava seus olhos para o teto. O rosto pálido do homem estava repleto de gotículas de suor, transpirava muito. Olhando com maior atenção, Angell poderia ver que o coração dele estava batendo com menor frequência a cada segundo.

— Lembre-se, filha dos Hattori. Lembre-se! O poder não provém apenas da força bruta... – Tossiu, cuspindo sangue. O coração em suas últimas palpitadas. — Mas também do controle mais gentil e delicado.

Suas mãos se moveram e formaram selos, o velhote caiu de joelhos e tocou o solo, então tudo se desfez e refez da maneira como era. Foi como assistir o tempo andar para trás. Angell foi gentilmente empurrada para cima. Os caixões de pedra se desfizeram, a areia voltou para as paredes. Tudo ficou exatamente como antes de Angell sequer chegar até aquele local; totalmente imaculado.

Sobre a mesa, havia agora uma plaquinha de pedra com coordenadas numéricas.

No chão da sala, de bruços, um velho sem batimentos ou quaisquer sinais de vida.




—X—




OFF: RP finalizada, @Pode pedir atualização na GF direto. Você disse que possuía uma redução para ficar com 5 posts pelo Discord, só regularizar tudo certinho por lá. Ótima narração e interpretação da personalidade da personagem. Curti demais narrar para você! :3

Considerações:
1. Dúvidas? Críticas? Reclamações? Só chamar no Discord ou mandar MP.
2. Não irei tentar estender a trama além do necessário, mas o sucesso e a conclusão dependem de você.
3. Posto todos os dias à tarde ou durante a madrugada.


6
Doces ou Travessuras?

_______________________

LastJoke
LastJoke
Tokubetsu Jonin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite W1d991V

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Korra
http://narutorpgakatsuki.net
Ele precisa de vocês

Korra e Ayako correram juntos por toda a folha em busca de Angell, Korra escutou por terceiros que a Hokage em pessoal havia sido solicitada para um interrogatório, isso facilitou pois o cheiro dela se perdeu em uma rua próxima, provavelmente a sala era secreta ou semelhante, Korra não tinha nem um pouco de delicadeza e arrebentou a porta invadindo a sala onde estava a Hokage, a cena assustou todos, homens sacaram suas armas e tentaram render a mulher, embora ao verem a presença de Ayako e claro as palavras de Angell seriam o suficiente para encerrarem toda a violência. Korra tentou dizer algumas palavras a Angell, enquanto de algum modo ela tentava mostrar cordialidade. – Rainha Angell, “ele” precisa de você, é urgente! – Poucas pessoas sabiam dos aliados de Shaka, apenas os mais próximos iriam reconhecer Korra, ou quem algum dos sobreviventes da lendária prova Chunnin.









Korra
Korra
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
TK
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70607-f-yuki-ayako https://www.narutorpgakatsuki.net/t69070-m-f-tk
HP (1300/1300) CH (1550/1650) ST: 00/05

Ao longo da viagem, Ayako deixou a menina em segurança com alguns guardas da vila. Seguiu o caminho acompanhando aquela estranha mulher, desejando que ela estivesse mentindo. Não para começar uma confusão nem nada assim, pois não sabia se tinha forças suficientes para derrotá-la, mas porque a ideia de um Shaka caído frente a um poder maior era... assustador. Uma pessoa cujos poderes podiam subjugar aquele que derrotara Hattori Shion era uma ideia absurda. Ayako sentia seu coração acelerado mesmo mantendo um ritmo de movimento calmo. Seu nervosismo misturado as preocupações de sempre não lhe davam espaço para manter a respiração adequada.

Quando invadiram o local e Ayako viu sua irmã, logo sentiu um alívio. Ela estava bem. Viva. Resplandescente. Ele olhou para a mulher que o guiara até ali e apertou os olhos atrás dos óculos. — Você estava mentindo, afinal? Onde está Shaka?! — insistiu, tomando uma distância segura para caso fosse necessário iniciar uma batalha.

Consid.:
Aparência: Taehyung (Versão Anime) com com essas roupas e esses brincos e esse manto.
Roleplay: Autodescritivo.

Bolsa de Armas escreveu:Hip-Pouch (Lado Direito) [18/20]
✲ Kunai: 07/07 [07]
✲ Fios de Aço: 04/04m. [01]
✲ Kibaku Fuda: 08/08 [02]
✲ Shuriken: 08/08 [08]

Hip-Pouch (Lado Esquerdo) [18/20]
✲ Kunai: 06/06 [06]
✲ Fios de Aço: 09/09m. [02]
✲ Kibaku Fuda: 12/12 [03]
✲ Shuriken: 07/07 [07]
Jutsus Usados:
C y a l a n a



_______________________

[Cena] Poder Além do Limite Q9DYRBI
TK
TK
Jōnin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite RZlFJ4c

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Angell
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70412-ficha-angell-hyuuga-hattori https://www.narutorpgakatsuki.net/t69243-gestao-da-ficha-angell-hyuuga-hattori

Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 2850/2850 | CH: 6500/6500 | CN: 000/400 | ST: 04/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Souzou Saisei: 00/08 ]
[ Hachibi: 5000/5000 ]


A primeiríssima reação de Angell naquele instante se resumiu a ficar aliviada; apesar de tudo, o criminoso desistia das brincadeiras consigo e com os investigadores, inclusive, já em seus últimos suspiros, chegando a desfazer todas as técnicas que ela mantinha ativas dentro de ambas as salas. Porém, não só graças ao fim dele, que chegou mais rápido que o esperado – ao menos para ela própria –, mas também a todo o discurso que ele gastou suas últimas forças para fazer, ela sentiu o peso da tristeza; mesmo sendo um criminoso, Aban ainda representava uma vida... que se esvaía.

Mas não havia tempo para ninguém ali no prédio se lamentar por qualquer coisa. Para a azulada, que já não tinha como enxergar além das paredes de sua própria sala e do vidro que lhe dava um pouco de visão da sala ao lado, uma surpresa péssima surgiu: a mesma subordinada de seu irmão que lhe ameaçou no Chuunin Shiken de dois anos antes e quis incomodá-la na visita em que ele ganhou sua redenção arrebentou as portas só para lhe chamar... em prol dele mesmo. Porém, Ayako estava junto dela naquele momento, para total espanto de Angell, e se afobava ao falar de Shaka, detalhes que deixavam a azulada sem entender se ele sabia ou não de algo que, se ela se lembrava direito, tinha ficado a encargo dela própria começar a contar a ele.

“There’s something buried in the words...” – foi só no que Angell conseguiu pensar. Mas, naquele instante, as únicas palavras que ela poderia dizer sem acabar comprometendo a si mesma, ao refém de toda investigação de até então contra Aban e até mesmo a Shaka eram outras; ela já tinha novas ordens para repassar a cada um dos presentes no prédio, para tentar assegurar um fim, no mínimo, menos catastrófico para aquela madrugada. E começaria consigo mesma, respirando fundo e se cobrando calma para lidar com aquilo sem se deixar afetar pelo desespero de qualquer terceiro.

– Ayako, não se alarme assim. – e continuou, voltando-se a seu irmão, – Investigadores, podem continuar seu trabalho sem mim, não? – aos policiais de dentro do prédio – Vou ter de resolver esse assunto pessoalmente. Vamos até ele... – e à subordinada de Shaka. – Leve-nos o mais rápido que você puder.


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
Considerações:
Selos de chakra: Fuuinjutsu: Kai no ombro direito.
Marca Hattori na palma da mão direita.
Marca do Hiraishin de Takane no pulso esquerdo.
Barrier Tags: Uma (1x) dobrada em forma de tsuru como brinco em cada orelha.
Recuperação de chakra: 650 (10% [10 pontos em “recuperação”] de 6500) +3131 ([3181 -50] do clone dissipado) = 3781.
Primeiro turno de descanso.
Pet:
Habilidades usadas:
Bolsa 1 (12/20 espaços):
Kunai: 5 (5 espaços)
Kemuridama: 2 (2 espaços)
Zouketsugan: 4 (1 espaço)
Hyourougan: 4 (1 espaço)
“Polvo Frito”: 2 (2 espaços)
“Sushi Doce”: 1 (1 espaço)
Equipamentos e itens:
Thunderjaw’s Bracelet
Rank:
A
Classe: Raro.
Descrição: Um item de natureza peculiar que outrora pertencera ao núcleo de processamento responsável por controlar as habilidades de uma besta metálica formidável. Na ótica mundana, um mero bracelete, encrustado por pedras preciosas de origem desconhecida, que se adéqua perfeitamente ao pulso de seu portador. Sua única habilidade é uma forma muito mais simplória que a habilidade do Thunderjaw: quaisquer ninjutsus direcionados ao seu portador, de Rank B ou inferior, uma única vez a cada 3 turnos, tem imediatamente sua trajetória alterada como se retornasse para o conjurador. Essa habilidade necessita de 30 pontos de chakra para ser utilizada. Esse item não pode ser evoluído.
Kouzoku no Yoroi
Rank:
S
Valor: 200 Akatsuki Golds.
Habilidades: Será resistente a técnicas de Hyoton até rank-B e deixará seus reflexos aumentados dando a ele uma possibilidade de esquivar com até 2m/s acima do permitido pelos seus pontos.
Descrição: Uma armadura de combate bastante única, embora semelhante as tradicionais shinobi. Esta armadura é de um azul-marinho com um lobo entalhado no centro da placa com olhos de safiras-azuis que brilham ao serem atingidas por técnicas de gelo. Ela tem as mesmas bases de uma armadura tradicional no peso e espaço, mas com habilidades bastantes únicas. Acredita-se que era utilizada por Shion no passado.
Angell
Angell
Lenda Ninja | Sannin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite Dwqqy2b

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Korra
http://narutorpgakatsuki.net
Ele precisa de vocês

Como era de se esperar a Rainha era mais calma do que seu irmão Ayako, Ayako tinha muito de seu pai quando jovem, estourado, impulsivo e era do tipo de pessoa que “atira primeiro, pergunta depois”. Korra após enfim ter seus movimentos livres fez um gesto de cordialidade a Angell, em seguida começou a sair da sala e lá fora ela abriu um pequeno vórtice. – Vamos, não quero ser seguida. – Korra entrou e quando Ayako e Angell adentrarem eles poderiam notar algo, ao entrar eles estariam no mesmo instante na sala da casa de Angell. Korra ficou aguardando os dois para fechar a fenda.









Korra
Korra
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
TK
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70607-f-yuki-ayako https://www.narutorpgakatsuki.net/t69070-m-f-tk
HP (1300/1300) CH (1550/1650) ST: 00/05

A maneira como Angell tratou aquilo como algo nada fora do normal causou um tremor no interior do garoto. Olhou para sua irmã, a Rainha Hattori, e depois para a seguidora de Shaka. Alguma peça estava faltando naquela equação. Confiava na irmã — e somente nela —, mas ainda assim, as coisas pareciam muito desconexas para fazerem algum sentido. Ayako piscou várias vezes. Korra usou esse espaço mínimo de tempo para abrir um portal, convidando os irmãos a entrarem e se dirigirem ao local. Por causa da maneira como sua irmã falara ele se sentia na obrigação de dar o passo adiante, porém, dentro dele, um desconforto enorme se formava. Merda..., ele praguejou mentalmente e entrou no vórtice se deparando com um lugar completamente diferente — o que aumentava ainda mais seu interesse naquele estilo de ninjutsu.

Consid.:
Aparência: Taehyung (Versão Anime) com com essas roupas e esses brincos e esse manto.
Roleplay: Autodescritivo.

Bolsa de Armas escreveu:Hip-Pouch (Lado Direito) [18/20]
✲ Kunai: 07/07 [07]
✲ Fios de Aço: 04/04m. [01]
✲ Kibaku Fuda: 08/08 [02]
✲ Shuriken: 08/08 [08]

Hip-Pouch (Lado Esquerdo) [18/20]
✲ Kunai: 06/06 [06]
✲ Fios de Aço: 09/09m. [02]
✲ Kibaku Fuda: 12/12 [03]
✲ Shuriken: 07/07 [07]
Jutsus Usados:
C y a l a n a



_______________________

[Cena] Poder Além do Limite Q9DYRBI
TK
TK
Jōnin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite RZlFJ4c

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Angell
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70412-ficha-angell-hyuuga-hattori https://www.narutorpgakatsuki.net/t69243-gestao-da-ficha-angell-hyuuga-hattori

Angell Hyuuga Hattori
[ HP: 2850/2850 | CH: 6500/6500 | CN: 000/400 | ST: 02/22 ]
[ Byakugou no In: 500/500 | Souzou Saisei: 00/08 ]
[ Hachibi: 5000/5000 ]


Ayako pareceu desconfiar – ou, no mínimo, não entender direito – o posicionamento da azulada... o que logo a fazia retomar seu pensamento de que era ela própria quem tinha ficado encarregada de começar a contar a ele sobre sua aliança com o irmão mais velho de ambos. Porém, a ocasião não dava margem a qualquer conversa entre eles; o tempo corria e não só Korra, como Shaka também, esperavam. Então foi voltando a se calar que a azulada deu seus passos para dentro do vórtice.


“But it’s the only thing that I have.”


Informações:
Considerações:
Selos de chakra: Fuuinjutsu: Kai no ombro direito.
Marca Hattori na palma da mão direita.
Marca do Hiraishin de Takane no pulso esquerdo.
Barrier Tags: Uma (1x) dobrada em forma de tsuru como brinco em cada orelha.
Segundo turno de descanso.
Pet:
Habilidades usadas:
Bolsa 1 (12/20 espaços):
Kunai: 5 (5 espaços)
Kemuridama: 2 (2 espaços)
Zouketsugan: 4 (1 espaço)
Hyourougan: 4 (1 espaço)
“Polvo Frito”: 2 (2 espaços)
“Sushi Doce”: 1 (1 espaço)
Equipamentos e itens:
Thunderjaw’s Bracelet
Rank:
A
Classe: Raro.
Descrição: Um item de natureza peculiar que outrora pertencera ao núcleo de processamento responsável por controlar as habilidades de uma besta metálica formidável. Na ótica mundana, um mero bracelete, encrustado por pedras preciosas de origem desconhecida, que se adéqua perfeitamente ao pulso de seu portador. Sua única habilidade é uma forma muito mais simplória que a habilidade do Thunderjaw: quaisquer ninjutsus direcionados ao seu portador, de Rank B ou inferior, uma única vez a cada 3 turnos, tem imediatamente sua trajetória alterada como se retornasse para o conjurador. Essa habilidade necessita de 30 pontos de chakra para ser utilizada. Esse item não pode ser evoluído.
Kouzoku no Yoroi
Rank:
S
Valor: 200 Akatsuki Golds.
Habilidades: Será resistente a técnicas de Hyoton até rank-B e deixará seus reflexos aumentados dando a ele uma possibilidade de esquivar com até 2m/s acima do permitido pelos seus pontos.
Descrição: Uma armadura de combate bastante única, embora semelhante as tradicionais shinobi. Esta armadura é de um azul-marinho com um lobo entalhado no centro da placa com olhos de safiras-azuis que brilham ao serem atingidas por técnicas de gelo. Ela tem as mesmas bases de uma armadura tradicional no peso e espaço, mas com habilidades bastantes únicas. Acredita-se que era utilizada por Shion no passado.
Angell
Angell
Lenda Ninja | Sannin
Vilarejo Atual
[Cena] Poder Além do Limite Dwqqy2b

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ir para o topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos