>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, mas simplesmente o melhor!
Arco 10:
RemanescentesAno: 70DG
Hanatarō olha para a vila do topo do prédio do Departamento de Pesquisa. Há dois anos era uma salinha no fim do laboratório geral da vila, agora tinha seu próprio prédio tão alto quanto o próprio escritório do Kazekage. Hanatarō sorri vendo as pessoas andando felizes na nova vila construída graças aos avanços científicos realizados com a inteligência de Takura, sua mentora. Antes, ele só via uma vila pobre, com construções de areia frágeis, com um horizonte desértico, dependendo de outras vilas, inclusive de Konoha, para conseguir sobreviver, mas agora... Sunagakure estava grandiosa novamente e tinha comprado sua independência. As construções ainda tinham porções de areia, mas eram forjadas em metais nobres, em ouro, em prata, criando grandes casas e prédios. As lojas estavam cheias de especiarias únicas, pois o trabalho de encontrar certos ingredientes se tornou muito mais prático desde que a vegetação voltou a florescer nos arredores da vila; onde antes era só deserto agora possuía vielas de relva, florestas, rios e uma fauna cheia de roedores, mamíferos e carnívoros.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Verão
Últimos assuntos

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Takane
Juusandaime Tsuchikage
Takane
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68749-ficha-takane-guang?highlight=Takane+Guang#513285 https://www.narutorpgakatsuki.net/t68767-m-f-takane-guang

Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Qua Abr 01, 2020 11:20 pm

Relembrando a primeira mensagem :


Narrador: Seu Nome

Titulo do Post

JOGADORES PARTICIPANTES DO RP



Nos confins do pais da pedra disputas estavam se tornando constantes, e quanto mais longe do poderio militar da vila da pedra, mais miserável e desgraçada eram as vidas das pessoas, um mar de sangue e violência periódica de acordo com os passos retumbantes da seca que se instaurava ao sul daquele pais, visto sua insignificância econômica, mas como boa pagadora de impostos o senhor feudal daquela região enviou para iwagakure um pedido de escolta para os mantimentos que seriam enviados para la.
Dois jounins auxiliariam na escolta e vocês receberam cartas de mensageiros para que os ajudassem, eles estariam esperando no portão da vila para se encontrar com o comboio.


Considerações:
Narrem o recebimento da missão e o encontro de vocês ao portão sul.
Post 1/30

_______________________

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
-
Love/Hate
Chūnin
Love/Hate
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 J6tHqz7

https://www.narutorpgakatsuki.net/t71250-ficha-love-hate-quinn https://www.narutorpgakatsuki.net/t71290-g-f-love-hate#541604

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Sex Abr 10, 2020 12:08 am




Hate
Carta de Socoro: Eu sou indecisa.


Uma reação inesperada. Saindo do meu esconderijo e pronta para realizar novos selos de mão, percebi que aquela coisa estava, não apenas enjoada, estava desnorteado. Alguma reação o óleo havia causado na besta que se debatia e recuava, se escondendo novamente na escuridão. “A mulher! ” Minha mente me lembrou, eu tinha que ajudá-la. Segui até a mulher que já levantava, sem surpresas com a situação.

Isso foi só uma armação? Você só pode estar de brincadeira. — Disse de maneira agressiva, não gostava de ser enganada. Ela agora usava um jutsu estranho, se curando do ferimento. “Ela podia fazer isso o tempo todo e não fez? ” — Proteger? Eu estava tentando sobreviver, estupida, Bitch! — Disse indo com raiva, indo para cima da mesma, meus punhos estavam cerrados, prontos para soca-la. Porém, antes que eu pudesse fazer qualquer coisa, ela me tocou e me teleportou para outro lugar.

Não tive o mesmo preparo que Love teve quando foi para aquela prisão sinistra, então automaticamente veio o enjoo da ação. Virei-me para o lado e comecei a tossir, com o gosto amargo subindo pela minha garganta. Após alguns segundos me acostumando e garantindo de que eu não vomitaria, pude perceber as pedras, a escuridão e tudo que havia ali. Me virei novamente, dessa vez para examinar o local que estávamos.

O que você... — Ia perguntar o que ela tinha feito comigo, mas fui paralisada ao ver um pássaro gigante com suas penas e asas eriçadas, em uma posição que certamente seria para nos atacar se fizéssemos um movimento muito brusco. — Acho que tem- — Eu não conseguia concluir minhas frases, as coisas aconteciam em uma velocidade muito alta.

O pássaro dobrou seu pescoço para o lado, como se nos examinasse, enquanto olhava para Tsukihira, até finalmente recuar. O pássaro não demonstrou muito interesse em nós, estava apenas cuidando de uma pessoa. Essa era a abertura para perceber que, se o pássaro tivesse me atacado, eu teria caído em uma morte certa. Isso também me dava a ideia de que talvez eu pudesse criar um poder que me permitisse o voo, mas esse era um assunto para outro dia. Meus problemas no momento era que eu não sabia nem ao menos onde eu estava.

Onde você está indo, Bitch? — Perguntei, ao ver que a mulher se aproximava do pássaro, que abria espaço para ela passar, revelando que, de fato, estava cuidando de alguém, do Jonin que estava indo com a gente. “Qual era o nome dele...? ” Tentei me lembrar “Tongo? Tonto? Não... Tomate... Tom... Tomoya! Seu estado atual está mais para tostado. ” Finalmente consegui.

A mulher entrou em um tipo de paralisia assim que tivemos visão plena do aliado. Ele estava um pouco diferente de quando nos vimos pela última vez. Seu braço era só um cotoquinho, seu corpo estava chamusca igual uma galinha depenada. Acho que, seja lá o que tivesse acontecido ali, tinha sido divertido, mas onde será que estavam os outros? Não havia sinal dos genins. Provavelmente morreram, nem o coitado do Tomate havia se livrado inteiro, era algo que aqueles dois não fariam sozinhos.

Você não vai ajudar ele não? — Perguntei. — Bitch! — Disse me aproximando da mulher perturbada, que conseguia ser mais sádica que eu. Ela andou ainda mais em direção ao homem, claramente surtada com o que estava vendo. Me aproximei também e tentei olhar nos olhos dela, que estavam quase sem vida. A mulher estava inexpressiva, olhando fixamente para o Tomate, mas incapacitada de ajudar. Ele, por outro lado, ainda demonstrava uma respiração quase inexistente, estava vivo.

Escuta aqui, Bitch! — Falei. — Seu amigo está vivo e precisa da sua ajuda. Então ou você me ajuda a salva-lo, ou ele vai morrer. — Tentei acorda-la, mas era inútil. — Se não vai ser fácil assim, então me desculpa. — Dei um soco em seu estomago. Sem sucesso, ela parecia não sentir dores. Eu ainda tinha uma carta na manga, já que as versões simplificadas não eram eficazes.

Respirei fundo e puxei a mulher pela nuca para selar nossos lábios, soprando nela o ar que eu havia prendido, tentando normalizar a sua respiração que começava a hiperventilar. Após alguns segundos, ela voltava a si, pronta para poder ajudar seu amigo ferido. Sorri orgulhosa e abri espaço para ela ir tratar dos ferimentos do homem, que não demoraria para recobrar a sua consciência. Porém, as coisas que ele dizia eram sem nenhum sentido, ele deveria estar delirando.

Era impossível que ambos estivessem vivos, só pelo estado do Tomate eu já sabia que o oponente era de um nível muito elevado de poder. “Se eles estiverem vivos... Eu acho que posso ajuda-los... ” Pensei comigo mesma, minha decisão estava tomada antes dela me questionar o que eu queria fazer. Após uma discussão entre os dois, que provavelmente não levaria a lugar nenhum, a mulher finalmente me fez um questionamento: “Acha que consegue ajuda-los? ”

Era óbvio que eu conseguiria ajuda-los, eu sou perfeita e certamente sou mais forte que os dois juntos, mas esse não era o único dilema que eu enfrentava aqui. Eu não podia ignorar o fato de que a mulher precisava de ajuda aqui também. Eu era como um ás que poderia ser jogado em qualquer parte dessa canastra de desastres, mas eu tinha que escolher: Ficar e ajudar a mulher ou ir ajudar os genins que eu nem ao menos sabia se estavam vivos.

De qualquer forma, era uma decisão que eu tinha que tomar sozinha, ninguém poderia me ajudar. E como qualquer decisão, vinha a minha indecisão, o meu não saber agir e reagir nessas situações, o sangue fervendo, a pressão aplicada, a vontade de sumir. Tudo isso dançava em minha mente, me deixando mais e mais confusa, como se minha cabeça estivesse a ponto de explodir. Não importava o quanto eu tentasse, eu não conseguiria tomar aquela decisão, eu precisava deixar Love toma-la.

Minha visão começou a falhar, minha consciência começou a se perder, e antes que eu pudesse tomar uma decisão, eu desmaiei, deixando Love assumir o controle.

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Hp210HP: 575/575 Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 XQKY0MP: 536/575 | Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexelsST: 4/5


Considerações:

— Foi tudo tentativa, mesmo que algumas coisas possam não parecer.
— Embora eu não tenha deixado claro, minha char não sabe tomar decisão por defeito. E como quem assume no próximo post é a Love, ela vai acabar ficando para ajudar sem ter memórias sobre o que o homem disse.
— Um dos efeitos do Choque são problemas na respiração, então eu fiz ela voltar a si dando um selinho e respirando. (Não quis entrar em detalhes da narração para não ficar muito erótico a cena, afinal, não é pra ser.)
— Gastos de Chakra: 0 + 1 de stamina por descansar
Ficha

Técnicas Usadas:

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 8f434f39cafad7128a2c8c4a674ceb0bf276891b_hq
Black Feather(Desativado)
Rank: --
Requerimentos: 3 pontos em ninjutsu, 3 pontos em inteligencia, Habilidade em Ninjutsu e Grande Controle de Chakra
Descrição: Através de um controle muito bom a cerca do chakra e de um conhecimento extra em ninjutsus, esse estilo de Luta é capaz de ser utilizado. Ele consiste na exteriorização do chakra, enviando para fora de seu corpo quantidades pre-determinadas de chakra para a criação de penas(afiadas ou não), que adquirem a coloração do chakra do usuário. A quantidade de penas que podem ser criadas a partir desse estilo de luta é incerto, pois sua maior força está na criação de técnicas usando esse estilo de luta como base. No entanto, o uso desse estilo de luta sem técnicas garante algumas peculiaridades:

— É possível criar e manipular até 15 penas em uma manipulação considerada rank D.
— É possível criar e manipular 3 penas em uma manipulação considerada rank C.
— Gastando 10 de chakra é possível a criação de algumas penas que não causam dano, apenas servindo para efeito visual e não podem ser utilizados em batalhas PVE ou PVP.
— Essas manipulações podem ser mantidas em campo por mais de um turno, durando até o fim da stamina, no entanto, para mante-las em campo deve-se gastar uma quantia igual a quantia gasta na manipulação por turno.
— Manipulações rank D devem, obrigatoriamente, causar danos por impacto, sem outro efeito adicional. Enquanto manipulações rank C podem causar cortes leves e funcionar como kunais, mas jamais podem causar perfurações ou cortes muito severos.
— Por ser chakra e possuir um peso quase nulo, essas penas podem levitar próximo ao usuário.
— No máximo 2 Manipulações por turno.
— Custo de chakra referente as manipulações de acordo com o rank da técnica.
— Podendo ser manipuladas a até 25 metros longe do usuário.
— Em caso defensivo, danos maiores ou iguais a defesa da manipulação, desfazem o estilo de luta.

Essas regras valem apenas para manipulações usando o estilo de luta, enquanto que em criação de jutsus que usem esse estilo de luta, é necessário passar pela avaliação padrão, podendo assim utilizar a adição de chakras especiais(como elementais, hijutsus de clã, chakras de cura ou técnicas combinadas.). Obviamente, para a utilização desses chakras especiais deve possui-los e criar técnicas em cima disso, jamais adicionando-as em manipulações.

Obs: Eu criei esse estilo de luta em um modo genérico, ou seja, não estou considerando que apenas eu vá utilizar, por isso deixei em aberto a utilização de chakras especiais. Tenho consciencia de que sou Sem Clã e não irei utilizar nada que eu não possa, além disso, fora as manipulações rank C e D citadas, qualquer outra coisa que envolva o estilo de luta será criada em forma de técnicas.

Bolsa de Itens(17/20):

4 Ampola (vazia): 01
10 Senbon: 05
3 Kunai: 03.
10m Arame/Fios de Aço: 02
12 Kibaku Fuda: 03.
2 Hikaridama: 02.
1 Kemuridama: 01.



-
Aelthas
Chūnin
Aelthas
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t71246-f-p-hiroshi-yotsuba https://www.narutorpgakatsuki.net/t71278-g-f-hiroshi-yotsuba

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Sex Abr 10, 2020 12:15 am


HP: ❲ 450 • 475 ❳CH: ❲  355 • 475 ❳ST: ❲ 03 • 05 ❳


 Como eu tinha previsto o homem contra-atacaria a Kurime, e minha reação ajudou-a a recuar. O que me fez suspirar de alívio. Talvez ela não tivesse porte para aguentar um ataque direto daquele homem. Então eu teria sempre que me impor contra ele nestes momentos. Mas teria que usar a cabeça para não me tornar escudo humano dela, porque isso não faz o meu estilo. E o segundo pensamento foi que ainda não tínhamos sincronizado o suficiente para nem arranhar o oponente. Isso me frustava um pouco. Após o meu simples ataque eu recuei para ficar próximo da Kuri (2m).  

“Precisamos de um plano melhor Kuri...” dizia para ela ainda olhando ao redor do inimigo com o Byakugan ativo, estava com um pouco mais de força depois de reduzir um pouco o ritmo, parecia o efeito de uma caminhada depois de um disparo na corrida. “Minha visão funciona dentro de fumaças e a longa distância. Vou nos ocultar, agora é bom que tenha um plano emergencial, pois preciso chegar perto dele” falava ao mesmo tempo em que o homem dizia alguma coisa.  

A seguir percebi uma alteração de chakra do inimigo e o infundindo a terra a sua frente, e desta, subiu um amontoado de terra similar a uma onda e veio em nossa direção. Eu não pensei muito já que percebi que a Kurime não tinha poder de fogo para aquele nível. HAKKE KUSHO! Mandando imediatamente uma enorme quantidade de chakra invisível contra aquela onda. Se não interrompesse o ataque deveria pelo menos diminuir sua força e velocidade. Caso ainda não fosse o suficiente lançaria outra massa de chakra invisível para anular o ataque inimigo. E em seguida iria lançar uma bomba de fumaça para ocultar a Kurime e a mim da visão do nosso inimigo. Deixei na mão da Kurime quatro selos bomba para que ela utilizasse.

(...)

Ouvindo o que a minha companheira logo colocaria o plano em ação. Faria três selos para executar um ninjutsu básico que me daria a aparência da minha colega de treino, Kurime, e minha kunai na metade quebrada de sua espada. Como eu via através da fumaça graças ao doujutsu conseguia enxergar a criação da rampa que estaria a minha frente conforme citado pela Kurime, a garota bruxa. Infundi chakra em meus pés para ir mais rápido em direção ao inimigo. Contudo ao fazer isso molhei toda a minha bota e minha calça no que quer que fosse a criação feita pela kunoichi de Iwa. Mas fui parar no ar a uma boa velocidade e saindo em meio a fumaça com o intuito de surpreender o ninja rubro. Sabia que a kunoichi de Iwa tinha pouca força por isso, tentaria imitar um golpe dela com a metade da espada, num golpe descendente. Esperei me aproximar a dois metros para lançar a kunai disfarçada de espada em direção à cabeça do inimigo. Em seguida, ativei meu ataque mais feroz do clã Hyuuga. “Hakke Sanjūni Shō”. Visualizaria o círculo de Oito Trigramas. Desta forma, tentaria aplicar dois golpes iniciais na minha máxima velocidade em dois tenketsus do tronco. Depois mais dois golpes no tronco, mais quatro golpes próximo aos ombros, depois oito golpes na extensão do tronco, por fim, dezesseis golpes no tronco entre o umbigo e as pernas.  

Finalizando o golpe anterior não daria sossego ao inimigo, ainda aproveitando da possível surpresa causada pela minha aparência, aplicaria um chute com a perna direita com muita força e velocidade enquanto eu impulsionava a perna esquerda para dar um segundo chute no inimigo. Enquanto estava nesse movimento eu concentraria mais chakra em minhas mãos e o lançaria em direção ao homem,  Hakke Kusho!  diria com raiva por tudo o que o homem tinha dito e na esperando de conseguir tê-lo atingido com a nossa estratégia.  

“Espero que tenha morrido! Se não, espero que o tenhamos ferido a ponto dele nos deixar em paz” respondia a sua companheira de vila. E então observava bem o campo de combate. Se o homem tivesse caído e nada de contra ataques eu investigaria o resto do terreno em busca do Tomoya-sensei e do inimigo dele. Estava em alerta total, mesmo que estivesse vendo ao longe usaria a minha audição para ficar atento ao nosso oponente.  

Considerações:

- Tudo tentativa.  
- Byakugan ativado.  
- Velocidade (2+1 (Shunshin no Jutsu) +1 (Juken)) e força ( 3 )
- Na defesa usarei 1 Hakke Kusho, se for suficiente não uso o segundo e volto o ck no próximo turno.

Clã Hyuuga:

Byakugan – 3,6 Km.
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "branco do olho") é o dōjutsu kekkei genkai do clã Hyuga. É um dos Três Grandes Dōjutsu (大三 瞳 术, Daisan Dōjutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo têm olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes dōjutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.
As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a "Questão dos Hyūga". Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyūga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzō Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.
 

Jūken
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Punho Gentil (柔拳, Jūken) ou Arte do Punho Suave (柔拳法, Jūkenpō) é uma forma de combate à palma da mão usado por membros do Clã Hyūga. Ele provoca danos internos através do ataque ao Sistema de Circulação de Chakra do corpo, posteriormente, ferindo os órgãos que estão intimamente ligados com a área da rede que tenha sido atingido. Para fazer isso, o usuário cirurgicamente injeta certa quantidade de seu próprio chakra no oponente via sistema de chakra, causando danos aos órgãos adjacentes, devido à sua proximidade com o sistema circulatório de chakra. Mesmo o menor toque pode causar danos internos graves, daí o nome do punho "suave". Fechando o tenketsu, o usuário do punho suave pode controlar o fluxo de chakra, criando uma confusão na rede de chakra do adversário. Esses pontos especiais, 361 no total, são interceptações na rede circulatória do chakra, assim, pode-se, à força, abri-los ou fechá-los da maneira que o usuário do Punho Suave quiser, assim, é uma poderosa opção tática para ter. O usuário pode aumentar o fluxo de chakra no corpo do oponente, ou interrompê-lo por completo, impedindo-os de usar técnicas, como visto na luta de Neji com Hinata durante os Exames Chūnin, e durante seu combate com Kidōmaru. Neji Hyūga observou que qualquer substância feita de chakra pode ser destruída por esta técnica. Como visto em sua luta com Kidōmaru, é feito por vazamento de chakra a partir das aberturas de chakra nas mãos e moldando-o em uma forma de agulha para cortar através do chakra. No entanto não se sabe se esta técnica pode ser feito por qualquer usuário Punho Suave ou apenas aqueles que podem ver o tenketsu. Como o sistema de circulação do chakra é invisível a olho nu, o Byakugan é necessário para este estilo ser utilizado de forma eficaz. Desde que o Byakugan é exclusivo para o Clã Hyūga, ele se tornou o seu estilo de assinatura de combate. A capacidade de infligir traumas internos é grave, com força externa mínima, combinada com a manipulação da rede de chakra, faz com que o Punho Suave seja o estilo de Taijutsu mais respeitável e temível conhecido em Konohagakure. Em contraste com isto, a técnica também pode ser usada para fins complementares, tais como ajudar companheiros no campo de batalha. Isso foi exibido por Hinata durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi, quando ela usou a técnica para corrigir a articulação do ombro deslocado de Naruto.
 

Jutsus:

Hakke Kūshō - Defesa (2x) e Ataque
Rank: B
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: Esta técnica é semelhante, na prática, ao Hakkeshō Kaiten, mas tem um alvo específico, em vez de uma área geral. Para realizá-lo, o usuário aponta precisamente para os pontos vitais do inimigo com o Byakugan e libera um impulso com a palma da mão em alta velocidade. A "rajada de vácuo" compactado usando o Jūken é formada para atacar os órgãos vitais do oponente de uma certa distância, lançando-os para longe com uma força tremenda antes mesmo de perceber que eles foram atingidos.

Henge no Jutsu - Básico
Rank: E
Selos: Cachorro, Javali e Carneiro.
Descrição: Tendo em conta tudo o ninja missões são atribuídos a - coleta de inteligência, batalha, diversões - este é um ninjutsu de valor inestimável. Ele é geralmente usado para se transformar em outras pessoas do que a si mesmo, mas um também tem a capacidade de se transformar em animais, plantas e objetos inanimados, como até mesmo armas. Isto dá esta técnica uma grande quantidade de usos. A transformação de um shinobi habilidoso será exatamente como o artigo genuíno, por isso vai ser impossível dizer os dois separados. Por outro lado, a transformação realizada por uma pessoa inexperiente terá discrepâncias óbvias. A técnica de transformação é considerada entre as mais difíceis de rank E, uma vez que requer emissão constante de chakra enquanto mentalmente manutenção da forma. Em cima disso, o usuário seria, muito provavelmente, interagindo com o ambiente. Isso coloca pressão mental sobre um ninja inexperientes.

Shunshin no Jutsu (20m) - Suporte  
Rank: D
Descrição: O Shumshin no Jutsu é uma técnica de movimento de alta velocidade, permitindo que um ninja possa se mover de curta para longas distâncias a uma velocidade quase indetectável. Para um observador, ele aparece como se o usuário tiver teletransportado. Uma bomba de fumaça é ocasionalmente usada para disfarçar os movimentos do usuário. É realizado o uso do chakra temporariamente para revitalizar o corpo para se mover em velocidades extremas. A quantidade de chakra necessária depende da distância total e elevação entre o utilizador e o destino pretendido. Tem havido alguma confusão em algumas traduções entre este e o Jikuukan Ninjutsu, mas estes são de fato diferentes técnicas, esta técnica não é teletransporte e sim apenas um movimento extremamente rápido.  

Hakke Sanjūni Shō - Ataque (320 dano de chakra)
Rank: B
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Oito Trigramas Trinta e Duas Palmas é uma técnica do estilo de luta do Punho Gentil. É essencialmente uma versão inferior do Oito Trigramas Sessenta e Quatro Palmas, assim ela se torna menos eficaz. Esta técnica é feita com o intuito de violar o fluxo de Chakra ao acertar uma meta de trinta e dois Pontos de Chakra do Sistema de Circulação de Chakra do seu inimigo. Isso elimina as chances do alvo em usar ou controlar seu Chakra em algum tempo e dificulta a movimentação.



armas:


  • 5 Kunais (5) -1
  • 5 Shurikens (5)  
  • 10 Senbons (5) -2
  • 5m de Fios (1)  
  • 8 Kibaku Fuda (2) -1-4 (dado para a Kurime)
  • 2 Kemuridama (2) -1







_______________________

-
Takane
Juusandaime Tsuchikage
Takane
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68749-ficha-takane-guang?highlight=Takane+Guang#513285 https://www.narutorpgakatsuki.net/t68767-m-f-takane-guang

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Sab Abr 11, 2020 11:52 am


Narrador: Seu Nome

Titulo do Post

JOGADORES PARTICIPANTES DO RP



Fim do Arco 1 : A Vontade da Pedra


A onda de terra e pedregulhos avançou contra os dois gennins com violência levemente menor do que um jutsu daquele tipo poderia realmente fazer o mistério estava no porque um nukenin estava se contendo tanto para acabar com dois gennins, talvez por soberba em acreditar em sua própria força ou por outro motivo escuso aos motivos sombrio do verdadeiro ataque, certamente não estavam ali pelas caravanas, mas qual era o motivo então?

Foi quando os dois gennins começaram a por seu plano em pratica, e dessa vez havia acertado não só na dose como também na posição, com a bomba de fumaça o homem que estava a poucos metros de distancia não conseguia enxergar o que estava acontecendo e isso era algo extremamente bom para os olhos do Hyuuga que tudo viam, que com uma perspicácia de um verdadeiro ninja uniu as habilidades de sua amiga com a deles para que ele pudesse saltar através de uma rampa criada com a kekkei genkkai da garota contra o adversário que não teve tempo para reações além de aceitar o impacto pelos poderosos e certeiros golpes de uma das técnicas mais poderosas do clã Hyuuga o Jyukken que não só impossibilitava o ninja de usar seu chakra quanto também causava danos severos aos seus órgãos internos era o seu fim ou ao menos seria se no ultimo instante não tivesse reunido forças para parar o ultimo ataque do gennin protegendo o coração com o braço e sendo arremessado com violência contra uma das rochas do local.

A poeira se erguia impedindo a visão dos desafortunados que não tinham a grande habilidade dos usuários de Byakugan, o homem estava parado, imóvel com o sangue carmesim escorrendo de sua boca, havia varias fraturas internas e destruição de um dos pulmões assim como destruição do baço e um coagulo cerebral que provavelmente levaria a morte.
Na ânsia da batalha Kuri seria a primeira a ver uma arrevoada de pássaros de argila voar baixo rodeando o inimigo caído para que o gennin não pudesse continuar e dar o golpe final.

--E ai cara... me diz eu matei o espada do alvorecer e você não deu conta de dois gennins--- Era o homem das bombas ele agora sobrevoava baixo até finalmente pousar com um gigantesco dragão feito de explosivos ele olhou para os gennins e agora com a proximidade era possível ver que ele tinha cabelos negros e uma pele branca quase pálida, carregava sobre o topo da cabeça uma bandana riscada com o símbolo de konohagakure, mas o que mais surpreendia era seus olhos brancos com veias que saltavam sobre a pele. –Caralho irmão, tu se ferrou todo...--- Ele olhou incrédulo para os gennins, para por fim sorrir. --- Um cachorrinho da família secundaria? --Disse olhando para o menino. ---Bom não importa viemos aqui apenas para pegar a bruxa...---

Foi então que ele ouviu um murmurar moribundo do shinobi.

---Eles me acertaram, e como prometido...--- O homem gorfou sangue o que fez o nukenin Hyuuga dar uns passos para tras.

--Caralho maluco o moleque realmente te pegou de jeito---

Ele então tocaria no centro do corpo do ninja liberando assim os tenketsus que impediam a circulação de chakra, logo em seguida para surpresa dos dois gennins eles veriam selos se espalhar pelo corpo do nukenin ferido e logo seus machucados começaram a cicatrizar e fechar em uma velocidade extremamente alta até que ele estralou o queixo e olhou para as duas crianças com um olhar sórdido.

---Por essa eu não esperava... pois bem como prometido eu irei deixa-los em paz por hora.---

Ele saltou para cima das costas do gigantesco dragão junto com o Hyuuga, seus olhos se fixaram na coluna de fumaça que desaparecia revelando a bruxa de sangue.

---Uma dica... que irei dar como premio, sua cabeça esta valendo mais do que pensa menina e provavelmente outros virão atrás de você... espero que esteja preparada. ---
O enorme dragão voou muito além dos céus confiantes de que nenhum dos dois gennins fariam nada contra eles.


As Ervas certas


Para love, no entanto, ficava a escolha de ajudar a jounin que havia recuperado o ar frio de sempre, um relapso que teve com memorias do passado de uma época em que ela era uma humana normal, para ela ficara a difícil batalha para esterializar os ferimentos e procurar ervas naquele local que pudessem ser usadas como ante inflamatórios já a Jounin se focava em suturar as partes mais complicadas como braço do jounin.

---Você tem grandes chances de morrer Tomoya-san... seu braço esta destruído provavelmente vai ter que usar uma protese e além das queimaduras--- Disse a Jounin com a calma de quem dizia que estava preparando um chá ou algo corriqueiro.

--Sua gentileza me assusta, mas esta tudo bem eu sei que isso ia acontecer... já é um milagre que ao menos eu possa te ver antes do fim---

---Não entendo suas palavras, não faz sentido algum para mim, mas tenho certeza de que se tivesse meus sentimentos eu provavelmente estaria ruborizada – Disse com tom metálico e sem sentimentos, seus olhos pálidos se refletiam com o esverdeado de suas técnicas de cura.

---Ei love... ela e encantadora não acha---

O Jounin esmurrou a parede seus olhos por um momento se perderam para tras de suas orbitas conforme a dor de espalhava do interior de suas entranhas para a camadas de músculos exteriores uivava de dor conforme a medica retirava um dos estilhados da espada de dentro de suas costelas, na verdade dado aos ferimentos de Tomoya era incrível que ainda estava consciente.

---Ele talvez tenha uma chance de se curar... mas para isso preciso que vasculhe a área atrás de qualquer erva medicinal.---



Considerações:
Narrem o recebimento da missão e o encontro de vocês ao portão sul.
Post 9/30

_______________________

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
-
Note
Chūnin
Note
Vilarejo Atual

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Sab Abr 11, 2020 4:54 pm

Blood Witch
HP: ❲ 532 • 575 ❳ CH: ❲ 465 • 575 ❳ ST: ❲ 03 • 05 ❳

Uma fumaça rasa passava pelo corpo da jovem desfazendo aquela técnica simples de disfarce. Ofegava olhando para seu inimigo jogado contra a pedra e bem danificado pelo seu colega. Ainda empunhava a sua arma, mesmo com sua guarda baixa:

— Conseguimos Hishoshu, não é que deu certo!

Sorria feliz com seu comentário, a poeira proveniente do choque contra a pedra finalmente se dissipava, mas pássaros de argila rodeavam o inimigo. ”Do que aquilo é feito, será que é lama? Não, tem uma coloração muito clara para ser lama, argila será?”
Imaginava vendo aqueles animais falsos que se comportavam como pássaros de verdade. A jovem desistia de se aproximar, éra perigoso demais tomar ação com aquelas coisas sobrevoando e protegendo o homem.  Um enorme dragão descia dos céus fazendo disso a entrada para mais um inimigo que Tomoya estava lidando. Kuri se aproximava de seu aliado para ter uma defesa, pois já havia entendido muito bem onde precisava melhorar.

Ao final da frase Kurime se questionava, ”não é possível, as histórias que mamãe me contava eram verdadeiras. Preciso checar meu caderno urgente”. A promessa do homem era cumprida, pelo menos era alguém de palavra, seus olhos de sangue ainda brilhavam direcionados a eles. Uma técnica mais incrível era usada pelo homem dos animais de argila, mas ele não conseguia focar direito, porque sua cabeça latejava. Sua visão ficava turva por alguns segundos, os sons se abafavam e nada mais ele entendia. O vento proveniente da alçada de vôo do dragão foi o suficiente para fazer a jovem cair sobre seus próprio pés com seus lábios brancos pela falta de ferro.

— Acho que usei sangue demais.

Brincava se deitando no chão ainda ofegante. Mesma com a visão de uma perspectiva diferente ela via o dragão se afastar cada vez mais. Ela apontava para ele:

— Preciso me lembrar deles para contar para minha mãe — de relance era visto as carroças e ela logo dizia quase que instintivamente — a caravana está boa, será que falhamos na missão?

Ela sabia para o que tinha vindo e não queria falhas. Fechava os olhos ainda ofegante e diria:

— Só vou fechar o olho rapidinho para descansar, okay.

Ela não caia no sono, mas com os olhos desativados e fechados faziam sua cabeça parar de latejar. Um alívio seguido de um peso corria pelo seu corpo, lutar era algo cansativo e que Kurime não estava nem um pouco preparada. Ali a menina se manteria apenas acenando com a cabeça para as perguntas que poderiam ser dirigidas a ela.



Considerações:
>Bolsa de armas na lombar
> Puro roleplay
>Descanso
Armas:
>9 Kunais
>10 Shurikens
> 4 tarjas explosivas
”Jutsus”:
Vestimenta

_______________________

-
Love/Hate
Chūnin
Love/Hate
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 J6tHqz7

https://www.narutorpgakatsuki.net/t71250-ficha-love-hate-quinn https://www.narutorpgakatsuki.net/t71290-g-f-love-hate#541604

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Sab Abr 11, 2020 8:14 pm




Love
Em busca de Cura Tudo.


Novamente minha mente se perdia. Era um novo cenário... O que Hate estaria aprontando? Ela só me escreveria a noite, quando tudo isso acabasse, mas uma coisa era certa: Eu havia conseguido, havia salvo a mulher da morte. No entanto, outro ferido estava em minha frente, um homem desmembrado e chamuscado. Alguém que eu já havia visto, pouco antes de ir para a tal dimensão em que a mulher havia se cortado. Estava certa de que ele era um aliado, mas mesmo que a mulher tentasse o ajudar, ela permanecia sem demonstrar expressões, será que ela não dava a mínima para o companheiro?

— Como posso ajudar? — Perguntei com uma expressão preocupada. Me agachei perto dele examinando mais de perto suas feridas. — Eu quero ajudar! — Falei enquanto os dois entravam em uma conversa calorosa e amigável. Ela não demonstrava, mas suas falas indicavam essa preocupação.

Com a fala do jounin, meu rosto automaticamente fiou vermelho, eu não estava acostumada a atrair a atenção de alguém com tal graduação. Na verdade, fazem alguns anos que eu sou sozinha, sem ter minha mãe ou meu pai para me darem amor e carinho, talvez fosse a hora de criar algumas amizades, talvez eles pudessem me ajudar com isso. O pedido da mulher era o que poderia me ajudar a conseguir isso, bastava eu pegar algumas ervas. Acenei com a cabeça, me dirigindo para a abertura da caverna que levava para o desfiladeiro.

Era impossível ver o final do desfiladeiro, então eu só tinha uma opção: Subir. Conjurei meu chakra em meus pés para começar a subir aquelas paredes, correndo até o topo do lugar. Como esperado de Iwagakure, o local era, em maior parte, pedra. Algumas poucas plantas e ervas eram capazes de crescer ali, apenas que tivessem muita força ou as parasitas, mas plantas parasitas normalmente não eram boas para esse tipo de uso medicinal, pelo menos era o que dizia no livro.

Saquei uma kunai com minha mão direita, me mantendo em alerta. Não havia perguntado como aquilo havia acontecido com o homem, nem mesmo sabia onde as pessoas que vi por pouco tempo estavam. Olhava para ambos os lados, tentando examinar qualquer planta que eu conseguisse identificar daquele livro, ao mesmo tempo em que eu procurava por possíveis inimigos que pudessem tentar me surpreender. Apenas achei a primeira planta minutos depois que começar minha procura, mas seria ela a certa?

Toquei na planta para corta-la. Suas folhas eram esverdeadas, lisas e cheias de raios com, com algumas protuberâncias que davam um tom bonito. Claramente não era um mato comum, visto que ela possuía pequenas frutas. Frutas... era isso, o homem precisaria repor suas energias de alguma forma, nada melhor que frutas, ricas em água. O problema é que eu vi essa planta no livro, mas não sabia que era na parte de venenosas, e essa planta começou a irritar minhas mãos ao ponto de deixa-las coçando e vermelha. Por sorte, apenas minha mão esquerda havia tocado a planta, então a substancia venenosa não afetaria as outras plantas.

Esfreguei minha mão esquerda no chão, para deixa-la seja e com pequenas pedras grudadas, em seguida passei em uma das pedras na região, tentando esfoliar minha mão e retirar pelo menos parte do veneno, o excesso. Continuei minha busca até finalmente encontrar uma planta especial. Seu cheiro era peculiar, mentolado, muito semelhante a anterior, mas essa era um pouco maior, e possuía até 5 folhas em uma mesma ramificação.


Segurei a Kunai com a mão esquerda e cortei um ramo, deveria ser o suficiente para o homem. Corri novamente até o esconderijo, seguindo o mesmo processo.

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Hp210HP: 575/575 Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 XQKY0MP: 536/575 | Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexelsST: 5/5


Considerações:

— Foi tudo tentativa, mesmo que algumas coisas possam não parecer.
— Considere a velocidade 0.
— Gastos de Chakra: 0 + 1 de stamina por descansar
Ficha

Técnicas Usadas:

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 8f434f39cafad7128a2c8c4a674ceb0bf276891b_hq
Black Feather(Desativado)
Rank: --
Requerimentos: 3 pontos em ninjutsu, 3 pontos em inteligencia, Habilidade em Ninjutsu e Grande Controle de Chakra
Descrição: Através de um controle muito bom a cerca do chakra e de um conhecimento extra em ninjutsus, esse estilo de Luta é capaz de ser utilizado. Ele consiste na exteriorização do chakra, enviando para fora de seu corpo quantidades pre-determinadas de chakra para a criação de penas(afiadas ou não), que adquirem a coloração do chakra do usuário. A quantidade de penas que podem ser criadas a partir desse estilo de luta é incerto, pois sua maior força está na criação de técnicas usando esse estilo de luta como base. No entanto, o uso desse estilo de luta sem técnicas garante algumas peculiaridades:

— É possível criar e manipular até 15 penas em uma manipulação considerada rank D.
— É possível criar e manipular 3 penas em uma manipulação considerada rank C.
— Gastando 10 de chakra é possível a criação de algumas penas que não causam dano, apenas servindo para efeito visual e não podem ser utilizados em batalhas PVE ou PVP.
— Essas manipulações podem ser mantidas em campo por mais de um turno, durando até o fim da stamina, no entanto, para mante-las em campo deve-se gastar uma quantia igual a quantia gasta na manipulação por turno.
— Manipulações rank D devem, obrigatoriamente, causar danos por impacto, sem outro efeito adicional. Enquanto manipulações rank C podem causar cortes leves e funcionar como kunais, mas jamais podem causar perfurações ou cortes muito severos.
— Por ser chakra e possuir um peso quase nulo, essas penas podem levitar próximo ao usuário.
— No máximo 2 Manipulações por turno.
— Custo de chakra referente as manipulações de acordo com o rank da técnica.
— Podendo ser manipuladas a até 25 metros longe do usuário.
— Em caso defensivo, danos maiores ou iguais a defesa da manipulação, desfazem o estilo de luta.

Essas regras valem apenas para manipulações usando o estilo de luta, enquanto que em criação de jutsus que usem esse estilo de luta, é necessário passar pela avaliação padrão, podendo assim utilizar a adição de chakras especiais(como elementais, hijutsus de clã, chakras de cura ou técnicas combinadas.). Obviamente, para a utilização desses chakras especiais deve possui-los e criar técnicas em cima disso, jamais adicionando-as em manipulações.

Obs: Eu criei esse estilo de luta em um modo genérico, ou seja, não estou considerando que apenas eu vá utilizar, por isso deixei em aberto a utilização de chakras especiais. Tenho consciencia de que sou Sem Clã e não irei utilizar nada que eu não possa, além disso, fora as manipulações rank C e D citadas, qualquer outra coisa que envolva o estilo de luta será criada em forma de técnicas.

Bolsa de Itens(17/20):

4 Ampola (vazia): 01
10 Senbon: 05
3 Kunai: 03.
10m Arame/Fios de Aço: 02
12 Kibaku Fuda: 03.
2 Hikaridama: 02.
1 Kemuridama: 01.



-
Aelthas
Chūnin
Aelthas
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t71246-f-p-hiroshi-yotsuba https://www.narutorpgakatsuki.net/t71278-g-f-hiroshi-yotsuba

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Dom Abr 12, 2020 7:12 pm


HP: ❲ 450 • 475 ❳CH: ❲  355 • 475 ❳ST: ❲ 04 • 05 ❳


 A combinação das ideias da Kuri e a execução da trama tinham dado certo, e por fim, conseguimos colocar o ninja rubro em cheque. Não poderia dizer xeque-mate, pois ele ainda estava respirando. O que era, de fato, um problema se ele não cumprisse com a sua promessa feita alguns momentos antes. Estava satisfeito com os danos causados ao inimigo, mas ainda estava totalmente em alerta. A adrenalina ainda corria firme em minhas veias.  E querendo ou não meu instinto estava certo já que ouvi as palavras do companheiro do ninja rubro montado em seu dragão feito de algum material de terra e chakra. Achei aquilo muito interessante e provavelmente foi com aquele material que ele criou as explosões. O homem moreno e pele pálida com a bandana riscada de Konohagakure no Sato, um usuário do doujutsu Byakugan, um Hyuuga. Com isso as veias saltadas ao redor dos meus olhos parecem aumentar um pouco devido a minha raiva e medo, no mesmo momento em que ele olhava para a gente e sorria para em seguida me chamar de “cachorrinho da família secundária”. Aquilo era um insulto, mas não o confrontaria naquele momento já que ele provavelmente derrotara o Tomoya-sensei.  

Bom, ser insultado era uma coisa, mas saber que a minha companheira de equipe estava sendo caçada era outra. No mesmo momento em que o nukenin de Konoha eu corro para perto da Kuri. E o ninja rubro o interrompe falando de sua promessa, seu companheiro começou a arrumar os danos que eu tinha causado nos tenketsus, e após tudo isso, o ninja rubro faz alguma coisa e selos aparecem e ele começa a se curar. Olhei impressionado com a capacidade dos dois. Se comparados com o meu nível atual eles seriam monstros.

Com uma última dica eles partiram no dragão feito pelo Hyuuga. E com o vento percebi um movimento da Kuri, interrompi o trajeto de queda dela, o segurando pelas costas depois pela dobra do joelho a erguendo e a levaria para alguma carroça, pois era óbvio que ela estava exausta.

“Depois de tudo isso você pretende desmaiar é?!” dizia serio. “Foi muito boa a sua estratégia! Conseguimos mantê-los longe por enquanto. Descansa agora. Vou ver se o pessoal está bem e vamos partir logo”. Falei a deixando no banco de uma das carroças.

Em seguida olharia com o Byakugan em volta – em todas as direções inclusive abaixo da terra e acima nos céus – em busca dos nossos companheiros sumidos. Caso não os encontrasse daria as coordenadas para os membros daquela caravana se organizar para partir. Esperaria uns cinco minutos e daria o comando para partirmos. Eu iria para a última carroça sentaria no telhado observando a tudo o que me fosse possível sem o Byakugan, enquanto meus pensamentos buscariam mais detalhes sobre o encontro com o renegado de Konoha. Precisaria descansar também, não sabia o que mais poderíamos encontrar pela frente, e agora, estávamos sem três membros do time, inclusive, os dois capitães.  

Considerações:


Clã Hyuuga:

Byakugan – 3,6 Km.
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "branco do olho") é o dōjutsu kekkei genkai do clã Hyuga. É um dos Três Grandes Dōjutsu (大三 瞳 术, Daisan Dōjutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo têm olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes dōjutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.

As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a "Questão dos Hyūga". Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyūga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzō Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.

Jūken
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Punho Gentil (柔拳, Jūken) ou Arte do Punho Suave (柔拳法, Jūkenpō) é uma forma de combate à palma da mão usado por membros do Clã Hyūga. Ele provoca danos internos através do ataque ao Sistema de Circulação de Chakra do corpo, posteriormente, ferindo os órgãos que estão intimamente ligados com a área da rede que tenha sido atingido. Para fazer isso, o usuário cirurgicamente injeta certa quantidade de seu próprio chakra no oponente via sistema de chakra, causando danos aos órgãos adjacentes, devido à sua proximidade com o sistema circulatório de chakra. Mesmo o menor toque pode causar danos internos graves, daí o nome do punho "suave". Fechando o tenketsu, o usuário do punho suave pode controlar o fluxo de chakra, criando uma confusão na rede de chakra do adversário. Esses pontos especiais, 361 no total, são interceptações na rede circulatória do chakra, assim, pode-se, à força, abri-los ou fechá-los da maneira que o usuário do Punho Suave quiser, assim, é uma poderosa opção tática para ter. O usuário pode aumentar o fluxo de chakra no corpo do oponente, ou interrompê-lo por completo, impedindo-os de usar técnicas, como visto na luta de Neji com Hinata durante os Exames Chūnin, e durante seu combate com Kidōmaru. Neji Hyūga observou que qualquer substância feita de chakra pode ser destruída por esta técnica. Como visto em sua luta com Kidōmaru, é feito por vazamento de chakra a partir das aberturas de chakra nas mãos e moldando-o em uma forma de agulha para cortar através do chakra. No entanto não se sabe se esta técnica pode ser feito por qualquer usuário Punho Suave ou apenas aqueles que podem ver o tenketsu. Como o sistema de circulação do chakra é invisível a olho nu, o Byakugan é necessário para este estilo ser utilizado de forma eficaz. Desde que o Byakugan é exclusivo para o Clã Hyūga, ele se tornou o seu estilo de assinatura de combate. A capacidade de infligir traumas internos é grave, com força externa mínima, combinada com a manipulação da rede de chakra, faz com que o Punho Suave seja o estilo de Taijutsu mais respeitável e temível conhecido em Konohagakure. Em contraste com isto, a técnica também pode ser usada para fins complementares, tais como ajudar companheiros no campo de batalha. Isso foi exibido por Hinata durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi, quando ela usou a técnica para corrigir a articulação do ombro deslocado de Naruto.

Jutsus:


armas:


  • 5 Kunais (5) -1
  • 5 Shurikens (5)
  • 10 Senbons (5) -2
  • 5m de Fios (1)
  • 8 Kibaku Fuda (2) -5
  • 2 Kemuridama (2) -1



_______________________

-
Takane
Juusandaime Tsuchikage
Takane
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68749-ficha-takane-guang?highlight=Takane+Guang#513285 https://www.narutorpgakatsuki.net/t68767-m-f-takane-guang

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Seg Abr 13, 2020 2:14 pm


Narrador: Seu Nome

Titulo do Post

JOGADORES PARTICIPANTES DO RP



A quebra da coragem



Kuri e Hioshi

Não havia um único homem naquela carruagem que não estivesse sobre o efeito do pânico e medo, era possível ouvir o murmúrio de boa parte das pessoas que estavam ali, a maioria desejava dar re com as carroças e retornar para a segurança da vila da pedra, e para ajudar os dois Jounins que deveriam estar ali estavam desaparecidos o que era preocupante e diminuía ainda mais a vontade daqueles homens de continuarem a perigosa jornada.
--Acho que devemos voltar. ---Disse um dos cocheiros mais novos.
Outros começavam a concordar, eram apenas homens comuns que não tinham habilidades com sangue ou eram abençoados com olhos “mágicos” e não estavam dispostos a arriscar suas vidas por pouca coisa.
---As pessoas dependem de nós ou vão morrer de fome--- Disse um outro mais velho, no entanto era velho de mais para que sua voz subjugasse a dos mais novos.


Continue no auxilio



Love por sua vez após alguns minutos de procura acabou por encontrar varias folhas dos mais variados tipos, como era de se esperar de alguém que ainda estava dominando a arte da cura ela não possuía total conhecimento das plantas da região, mas não deixou que aquilo se abalasse levando consigo as mais prováveis para a caverna.
Ao chegar la veria Tomoya ainda bastante debilitado deitado sobre sua capa, arfava com certa dificuldades, Já Tsukihira não se apresentava em sua melhor forma, ninjutsus médicos gastavam chakra e essa era uma técnica que consumia verdadeiros mananciais de energia para que as feridas do ninja fossem cicatrizados.

---Se puder me ajudar, continuarei a cuidar das feridas mais graves, quero que você cuida das queimaduras mais leves, enfaixando-as não posso desprender energia com elas...---

As mãos de Tsukihira tremiam involuntariamente, mas ela continuava fixa em seu proposito de mantê-lo naquele mundo.

--Ninjas médicos devem fazer de tudo o que for possível para curar seus pacientes... e obrigada por ter me despertado, meus antigos amigos e sensei morreram da mesma forma, acho que me senti triste na época... e esse choque quase que me impediu de ver a realidade.---




Considerações:
Vocês devem arranjar um jeito de motivar os mercadores de continuar a marcha, seja com ameaça, seja com palavras de encorajamento, tambem darei espaço para uma maior narração entre os dois.

Love no momento você deve auxiliar a kunoichi cuidando dos ferimentos mais leves

Esse post foi mais curtos que o comum, mas não se assustem isso e apenas a calmaria antes da tempestade.
Post 10/30

_______________________

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
-
Note
Chūnin
Note
Vilarejo Atual

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Seg Abr 13, 2020 4:23 pm

Blood Witch
HP: ❲ 532 • 575 ❳ CH: ❲ 465 • 575 ❳ ST: ❲ 05 • 05 ❳

Aquele simples ato feito pelo Hiroshi de ser segurada durante sua queda, fazia a menina refletir. ”Então isso significa ter um time”, se mantinha com os olhos fechados, pois não tinha forças para se mover. Após ser deixada na carroça, levava suas mãos a barriga cruzando seus dedos frios pela falta de sangue no corpo. Era praticamente uma defunta, nunca havia gasto tanto sangue em sua vida toda.

As pessoas da caravana começava a falar algumas coisas, reclamações e medos pelo que a jovem tinha entendido. Ela não estava ligando muito para isso no momento, porque estava focada nas palavras ditas pelo homem da argila que explode. Buscava seu pequeno caderno em sua bolsa ninja, sua capa surrada deixava claro o uso constante de tal item. Passava as folhas com certa ansiedade, não queria que as palavras fugirem de sua cabeça.

”Histórias contadas por Mamãe”, dizia o título bem autoexplicativo. Com seu problema de memória, Kuri entendia o valor de histórias e em parte daquele caderno tentava guardar todas as histórias contadas pela sua mãe ou tia. Folheava ali até ver se tinha alguma história que parecesse ter alguma ligação com as bruxas Jantari, ”sem achei que isso fosse uma brincadeira que ocorria entre eu, minha mãe e minha tia”. Sua mão apoiava em cima de um conto com o título ”A marca da bruxa”:

”Desde os primórdios que esse mundo é chamado de mundo existiu uma família muito antiga e agraciada com chakra de forma diferente das pessoas comuns. O fruto do chakra nunca chegou em tal família que almejava tanto esse poder até que uma jovem dos cabelos flamejantes fez o inimaginável. Por meio de um pacto nada moral essa jovem foi enganada por uma entidade em troca de chakra ela precisava dar algo que era só seu e de ninguém mais, a menina tentou ofertar de tudo. Ofereceu seus cabelos flamejantes, seu sorriso mais singelo e puro, seu coração, seu amor, mas nada parecia ter o peso certo. Numa medida despretensiosa ela oferecia sua linhagem, oferecia seu futuro e de todas as gerações que assim viessem.

Agraciada com tal oferta a entidade aceitou de bom grado marcando ela e todos que seguissem dessa geração. A marca da bruxa foi o nome dado, pela primeira Jantari ter adquirido chakra, a bruxa flamejante. A maldição correu por muitas gerações até ser descoberta, mas nunca entendida. Essa é a história da menina ingênua dos cabelos flamejantes, o conto da ingenuidade e o selamento do destino de uma família inteira.”

A história estava incompleta e desprovida de informações, mas agora que alguém que ela nunca viu em seu círculo fez ela entender que poderia haver alguma verdade ali. Aquilo não havia acabado, completava a página com algumas perguntas, até mesmo marcava a página para ver depois.

O povo ainda parecia discutir, a jovem agora com a mente mais calma e menos latejante se levantava. Olhava a seus arredores à procura do menino ninja. Assim que o avistava saltava pelas caravanas até chegar próximo dele, o jovem parecia ser o centro das atenções. Tentava ouvir um pouco o que ele falava e completaria dizendo:

— Hishoshu está certo, não devemos e não podemos temer. Temos uma missão para fazer assim como todos vocês.

O vento balançava seus fios negros, olhava para o horizonte a procura de seus companheiros de missão, cruzava os braços apreensiva. ”Se eles não aparecerem logo eu não tenho ideia do que fazer”, concluía com a esperança que seu amigo estivesse lidando bem com a situação que não lhe interessava nem um pouco.



Considerações:
>Bolsa de armas na lombar
> Puro roleplay
>Descanso
>Considerar aparencia de Kikyo que usava, obrigado.
> A história contada é um conto, nem tudo ali é 100% de verdade, é apenas para aumentar a trama e dar mais base para o enredo de minha personagem.
Armas:
>9 Kunais
>10 Shurikens
> 4 tarjas explosivas
”Jutsus”:
Vestimenta

_______________________

-
Love/Hate
Chūnin
Love/Hate
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 J6tHqz7

https://www.narutorpgakatsuki.net/t71250-ficha-love-hate-quinn https://www.narutorpgakatsuki.net/t71290-g-f-love-hate#541604

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Seg Abr 13, 2020 6:21 pm




Love
Finalmente o teste.


Eu não sabia o que fazer com a planta, ela poderia ter mil e uma utilidades, poderia ser usada como chá, como pasta, como ervas, mas independente disso, eu deveria esperar que a mulher me auxiliasse nesse uso. No entanto, suas ordens foram outras: Ajuda-la com as queimaduras mais leves. Isso era o que eu deveria fazer, enfaixa-las para que se curassem naturalmente. Minha mente era um pouco mais complexa do que isso, ela não estava se ocupando apenas com isso, também estava sendo ocupado com a curiosidade de onde os genins estavam.

— Onde... — Balancei a cabeça para espantar os pensamentos ruins. — Quando viajamos para aquele lugar estranho, haviam 2 pessoas comigo. Quem são eles e para onde eles foram? — Perguntei, eles deveriam estar vivos. — Digo, o que aconteceu com o Tomoya-san e com os outros? — Completei a pergunta, não suportaria esperar até ler a carta de Hate a noite.

Conforme eu enfaixava, também observava o jutsu da mulher. Parecia algo simples, como qualquer coisa que utilizasse chakra, era minha chance de tentar. Criei e manipulei 3 penas ao mesmo tempo. Uma delas segurava a perna do jonin levantada, a outra enrolava a faixa, enquanto a última cortava e prendia as faixas. Era um trabalho efetivo feito pelo meu puro controle sobre o chakra, e eu poderia manter por um bom tempo.

Agora que minha cabeça estava concentrada demais para se preocupar com os outros, e finalmente podia colocar em prática meu plano. Estiquei ambas as minhas mãos em cima de um machucado mediano do homem e comecei a me concentrar, usando do meu controle de chakra para não exagerar na dose de chakra e machuca-lo. Eu não sabia se isso resultaria em algo, eu tinha uma ideia sobre como fazer, mas era a primeira vez que eu tentava na prática.

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Hp210HP: 575/575 Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 XQKY0MP: 511/575 | Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexelsST: 4/5


Considerações:

— Foi tudo tentativa, mesmo que algumas coisas possam não parecer, inclusive a tentativa de uso do Shosen.
— Não coloquei a descrição do Shosen ou Gasto dele pq não sei se vou dar conta de usar.
— Gastos de Chakra: 25(Manipulação rank C) - 1 de stamina.
Ficha

Técnicas Usadas:

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 8f434f39cafad7128a2c8c4a674ceb0bf276891b_hq
Black FeatherAtivado em manipulação rank C
Rank: --
Requerimentos: 3 pontos em ninjutsu, 3 pontos em inteligencia, Habilidade em Ninjutsu e Grande Controle de Chakra
Descrição: Através de um controle muito bom a cerca do chakra e de um conhecimento extra em ninjutsus, esse estilo de Luta é capaz de ser utilizado. Ele consiste na exteriorização do chakra, enviando para fora de seu corpo quantidades pre-determinadas de chakra para a criação de penas(afiadas ou não), que adquirem a coloração do chakra do usuário. A quantidade de penas que podem ser criadas a partir desse estilo de luta é incerto, pois sua maior força está na criação de técnicas usando esse estilo de luta como base. No entanto, o uso desse estilo de luta sem técnicas garante algumas peculiaridades:

— É possível criar e manipular até 15 penas em uma manipulação considerada rank D.
— É possível criar e manipular 3 penas em uma manipulação considerada rank C.
— Gastando 10 de chakra é possível a criação de algumas penas que não causam dano, apenas servindo para efeito visual e não podem ser utilizados em batalhas PVE ou PVP.
— Essas manipulações podem ser mantidas em campo por mais de um turno, durando até o fim da stamina, no entanto, para mante-las em campo deve-se gastar uma quantia igual a quantia gasta na manipulação por turno.
— Manipulações rank D devem, obrigatoriamente, causar danos por impacto, sem outro efeito adicional. Enquanto manipulações rank C podem causar cortes leves e funcionar como kunais, mas jamais podem causar perfurações ou cortes muito severos.
— Por ser chakra e possuir um peso quase nulo, essas penas podem levitar próximo ao usuário.
— No máximo 2 Manipulações por turno.
— Custo de chakra referente as manipulações de acordo com o rank da técnica.
— Podendo ser manipuladas a até 25 metros longe do usuário.
— Em caso defensivo, danos maiores ou iguais a defesa da manipulação, desfazem o estilo de luta.

Essas regras valem apenas para manipulações usando o estilo de luta, enquanto que em criação de jutsus que usem esse estilo de luta, é necessário passar pela avaliação padrão, podendo assim utilizar a adição de chakras especiais(como elementais, hijutsus de clã, chakras de cura ou técnicas combinadas.). Obviamente, para a utilização desses chakras especiais deve possui-los e criar técnicas em cima disso, jamais adicionando-as em manipulações.

Obs: Eu criei esse estilo de luta em um modo genérico, ou seja, não estou considerando que apenas eu vá utilizar, por isso deixei em aberto a utilização de chakras especiais. Tenho consciencia de que sou Sem Clã e não irei utilizar nada que eu não possa, além disso, fora as manipulações rank C e D citadas, qualquer outra coisa que envolva o estilo de luta será criada em forma de técnicas.

Bolsa de Itens(17/20):

4 Ampola (vazia): 01
10 Senbon: 05
3 Kunai: 03.
10m Arame/Fios de Aço: 02
12 Kibaku Fuda: 03.
2 Hikaridama: 02.
1 Kemuridama: 01.




-
Aelthas
Chūnin
Aelthas
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t71246-f-p-hiroshi-yotsuba https://www.narutorpgakatsuki.net/t71278-g-f-hiroshi-yotsuba

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Seg Abr 13, 2020 7:24 pm


HP: ❲ 450 • 475 ❳CH: ❲  355 • 475 ❳ST: ❲ 03 • 05 ❳


Após falar com todos para nos reorganizarmos e prosseguirmos com a missão, a maioria com medo e/ou pânico estampados em seus rostos diziam que queriam voltar para Iwagakure no Sato e sua segurança. Não poderia permitir isso, não falharia naquela missão, não  perderia o Tomoya-sensei a toa. Cruzaria os braços e escutaria a todos, até mesmo o velho e Kuri com atenção. Esperaria todos aqueles que quisessem falar abrirem seus corações temerosos.

“Tolos e covardes vocês são! Só porque passaram por uma situação de risco já querem desistir e correr para a saia da mãe de vocês!” diria com raiva na voz. “Nós lutamos por vocês e ninguém saiu ferido, a não ser provavelmente Tomoya-sensei, Kurime e eu!” diria revelando minha queimadura na mão direita. “Protegemos vocês e as carroças, nosso dever e missão! E faremos isso até o nosso objetivo! Concluirmos essa missão! E salvaremos aqueles que estão precisando desses suprimentos” continuaria falando alto e ainda com tom bravo.

“Agora arrumem-se e vamos partir, pois quanto mais tempo parados aqui, maior a probabilidade dos inimigos nos encontrarem novamente. É isso que querem? Kurime e eu vamos seguir com a missão! Aos que quiserem voltar estão por conta própria... Aí vocês decidam: arriscar sozinhos de volta para Iwa ou continuar com proteção de ninjas que já demonstraram que são capazes de protegê-los!” finalizaria olhando para o velho e tocando em seu braço confirmando que estaria com ele.

Deixaria eles discutirem o quanto quisessem. Me afastaria um pouco.

Se ele estivesse aqui não teríamos tais problemas. Será que ele está junto com as duas kunoichis?! Espero que sim. Contudo ao saber quem era a dupla do ninja rubro, um Hyuuga – provavelmente da casa principal - com poderes explosivos que chegou a fazer o Tomoya-sensei desaparecer, ou fez com que ele seguisse para junto da Jonin de Iwa. Era uma hipótese, mas não queria pensar que nosso sensei estivesse morto. Me negaria a aceitar tal fato.

Os vento batia de novo e percebi que ainda estava com o tronco nu. Peguei minha mochila e peguei minha camisa e a coloquei. Faltando dois botões na parte de cima, ainda estava quente da batalha. E a única coisa que mais estava quente era como poderíamos derrotar tais ninjas caso aparecessem de novo.

“Um Hyuuga renegado de Konoha...” sussurrava comigo mesmo. Foi quando eu tive um estalo. Kurime.

Ia até onde ela estava e logo fui dizendo com um tom de urgência.

“Me conta mais sobre você Kurime! O que eles querem com você?” dizia em tom normal. “Porque você é tão valiosa? É o que é a sua kekkei genkai?” falava num tom mais baixo somente para ela ouvir.

Aguardaria até que alguém pronunciasse o que fariam de suas vidas.


Considerações:


- Tudo tentativa.
- Byakugan desativado.
- Turno de descanso.

Clã Hyuuga:

Byakugan – 3,6 Km.
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "branco do olho") é o dōjutsu kekkei genkai do clã Hyuga. É um dos Três Grandes Dōjutsu (大三 瞳 术, Daisan Dōjutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo têm olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes dōjutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.

As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a "Questão dos Hyūga". Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyūga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzō Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.

Jūken
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Punho Gentil (柔拳, Jūken) ou Arte do Punho Suave (柔拳法, Jūkenpō) é uma forma de combate à palma da mão usado por membros do Clã Hyūga. Ele provoca danos internos através do ataque ao Sistema de Circulação de Chakra do corpo, posteriormente, ferindo os órgãos que estão intimamente ligados com a área da rede que tenha sido atingido. Para fazer isso, o usuário cirurgicamente injeta certa quantidade de seu próprio chakra no oponente via sistema de chakra, causando danos aos órgãos adjacentes, devido à sua proximidade com o sistema circulatório de chakra. Mesmo o menor toque pode causar danos internos graves, daí o nome do punho "suave". Fechando o tenketsu, o usuário do punho suave pode controlar o fluxo de chakra, criando uma confusão na rede de chakra do adversário. Esses pontos especiais, 361 no total, são interceptações na rede circulatória do chakra, assim, pode-se, à força, abri-los ou fechá-los da maneira que o usuário do Punho Suave quiser, assim, é uma poderosa opção tática para ter. O usuário pode aumentar o fluxo de chakra no corpo do oponente, ou interrompê-lo por completo, impedindo-os de usar técnicas, como visto na luta de Neji com Hinata durante os Exames Chūnin, e durante seu combate com Kidōmaru. Neji Hyūga observou que qualquer substância feita de chakra pode ser destruída por esta técnica. Como visto em sua luta com Kidōmaru, é feito por vazamento de chakra a partir das aberturas de chakra nas mãos e moldando-o em uma forma de agulha para cortar através do chakra. No entanto não se sabe se esta técnica pode ser feito por qualquer usuário Punho Suave ou apenas aqueles que podem ver o tenketsu. Como o sistema de circulação do chakra é invisível a olho nu, o Byakugan é necessário para este estilo ser utilizado de forma eficaz. Desde que o Byakugan é exclusivo para o Clã Hyūga, ele se tornou o seu estilo de assinatura de combate. A capacidade de infligir traumas internos é grave, com força externa mínima, combinada com a manipulação da rede de chakra, faz com que o Punho Suave seja o estilo de Taijutsu mais respeitável e temível conhecido em Konohagakure. Em contraste com isto, a técnica também pode ser usada para fins complementares, tais como ajudar companheiros no campo de batalha. Isso foi exibido por Hinata durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi, quando ela usou a técnica para corrigir a articulação do ombro deslocado de Naruto.


Jutsus:



armas:


  • 5 Kunais (5) -1
  • 5 Shurikens (5)
  • 10 Senbons (5) -2
  • 5m de Fios (1)
  • 8 Kibaku Fuda (2) -1-4 (dado para a Kurime)
  • 2 Kemuridama (2) -1



_______________________

-
Takane
Juusandaime Tsuchikage
Takane
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68749-ficha-takane-guang?highlight=Takane+Guang#513285 https://www.narutorpgakatsuki.net/t68767-m-f-takane-guang

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Qua Abr 15, 2020 2:23 pm


Narrador: Seu Nome

Titulo do Post

JOGADORES PARTICIPANTES DO RP



Fim do episodio 1

Inicio do arco 2 : A cidade de Sangue



--Esta errada... O que importa e a modulação de chakra, emitindo pulso que obrigue as células a se reorganizar... ---

A Jounin ainda esta centrada na cura do shinobi que pouco a pouco mostrava sinais de que estava melhorando, o braço já não sangrava mais, e as feridas já demonstrava sinais claros de estavam curando, na verdade era surpreendente a velocidade com que ele se curava, alguns dos ferimentos mesmo que a ninja haviam acabado de enfaixar já mostravam sinais de cicatrização, o Shosen não havia funcionado como ela imaginava, apesar de estar claramente no caminho certo ou pelo menos era isso que ela poderia sentir ao ver o sorriso de satisfação de sua mentora.

---Acho que podemos voltar para a carruagem, havia deixado um selo de teletransporte la, se ela não destruída da para irmos... sinceramente estou preocupada com as crianças que ficaram para traz.---

Ela então tocou na menina e no rapaz e os três seriam teletransportado para a carroça em que estavam o que por fim assustou ainda mais os mercadores que saltaram da mesma e começaram a gritar que haviam inimigos na carroça.

---TEM GENTE DENTRO DA CARROÇA CORRAM POR SUAS VIDAS---

O que se seguiu a diante foi uma debandada de carroças acelerando e deixando a única em que eles estavam para traz e só parariam quando estivessem a cerca de meio quilometro de distancia, deixando os dois gennins sem saber o que havia acontecido direito.
Enquanto isso dentro da carroça sem se importar com o tumulto externo a Jounin continuou a aplicar suas técnicas de cura para tirar Tomoya do perigo era uma excelente ninja sensitiva e não precisou de mais do que dois segundos para sentir o cheiro do chakra dos dois gennins do lado exterior, e ficar menos preocupada

Era claro após isso os três teriam que guiar a carroça para junto do comboio e explicar a situação para os mercadores assustados.



Considerações:
Reunidos novamente o time pode interagir melhor. texto curto porque pretendo deixar que vocês tenham ao menos 3 ou quatros posts de calma antes do arco 2 começar
Post 11/30

_______________________

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
-
Note
Chūnin
Note
Vilarejo Atual

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Qua Abr 15, 2020 3:56 pm

Blood Witch
HP: ❲ 532 • 575 ❳ CH: ❲ 465 • 575 ❳ ST: ❲ 05 • 05 ❳

Kurime estava aflita ainda olhando o horizonte. A voz de Hiroshi chamava a atenção da menina que descia do pico da carroça para próximo do jovem completando sem medo:

— Eu não sei direito Hishoshu, eu não lembro muito bem das coisas e por isso acabo anotando tudo. É uma história que encontrei que minha mãe sempre me contava.

Estendia o braço entregando o livro aberto na página citada para o menino, voltava a olhar para longe sem saber muito bem como proceder. ”Qual ação tomamos, não sei ao certo, será que Hiroshi sabe o que fazer”, imaginava vendo se não tinha alguém da caravana muito próximo deles.  

— Você sabe o que fazer, eu estou ficando preocupada de verdade.

De forma totalmente repentina as pessoas simplesmente começavam a se mover depois de um grito das pessoas da caravana. Ainda atordoada com os pensamentos sobre seu passado, a garota apenas deixava as pessoas irem sem sequer reclamar. Comentava:

— Pelo menos eles estão indo na direção certa.

Pegava sua kunai e caminhava se aproximando da caravana que ficava para ver o que havia ocorrido. Para sua surpresa ela via que eram seus superiores e aquela menina que tinha ajudado mais cedo. Guardava sua arma ninja aliviada, mas não ousava dizer palavra alguma, pois seu superior parecia estar em maus bocados. Olhava apreensiva esperando alguma ordem. Recordava que a caravana estava partindo e se distanciando cada vez mais dos ninjas, ela saltava caindo na parte da frente da carroça, pegava as rédeas e as batia contra os dois cavalos dando início ao seu movimento:

— Melhor nos aproximarmos dele logo.

Segurava firmemente as rédeas para que não fuja de suas mãos, esperava alcançá-los logo, porque se houvesse um outro ataque, não teria nada que eles possam fazer além de aceitar o fracasso de sua missão.


Considerações:
>Bolsa de armas na lombar
> Puro roleplay
>Descanso
>Considerar aparencia de Kikyo que usava, obrigado.
Armas:
>9 Kunais
>10 Shurikens
> 4 tarjas explosivas
”Jutsus”:
Vestimenta

_______________________

-
Love/Hate
Chūnin
Love/Hate
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 J6tHqz7

https://www.narutorpgakatsuki.net/t71250-ficha-love-hate-quinn https://www.narutorpgakatsuki.net/t71290-g-f-love-hate#541604

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Qua Abr 15, 2020 8:18 pm




Love
Reaparecimento: Anjo.


...corram por suas vidas. — Eu escutei, e naturalmente reagi. Saquei uma Kunai em cada mão, observando minha volta, vendo as outras carroças se apressarem e seguirem em frente. Eu procurava o inimigo enquanto a mulher cuidava do ferido mais profundamente.

Eu estava sozinha nessa luta, teria que cuidar de quem quer que fosse sozinha para salvar Tomoya. Até que, por fim, eu vi a visão daquele anjo que havia me salvado tempos antes, a garota de cabelos pretos próxima à minha carroça, que parecia relaxar ao observar que éramos nós. Um sopro de alivio passou por mim também, eu não estava mais sozinha. Antes que dela tomar controle sobre a carroça, eu me permiti sorrir, correr até ela e abraça-la.

Eu nunca disse obrigado por ter me ajudado antes. — Falei para ela. — Meu nome é Love, a propósito. — Me apresentei, soltando a garota e deixando para que ela seguisse com sua tentativa de salvar nossa missão.

Subi novamente na carroça, próximo a Tomoya e a minha superior, tentando pensar em algo que eu pudesse fazer para ajudar ela. Era tarde, eu já podia sentir minha tontura novamente. Por que Hate queria assumir o controle logo agora? Eu não sabia, mas poderia ser por interesse em um dos meus companheiros de equipe. Isso certamente seria um problema, já que eu estava interessada em uma também.

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Hp210HP: 575/575 Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 XQKY0MP: 511/575 | Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 6b80b9965b1ec4d47c31d7eccf8ce4b0---cone-amarelo-rel--mpago-by-vexelsST: 5/5


Considerações:

— Foi tudo tentativa, mesmo que algumas coisas possam não parecer.
— Gastos de Chakra: 0 + 1 de stamina.
Ficha

Técnicas Usadas:

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 8f434f39cafad7128a2c8c4a674ceb0bf276891b_hq
Black FeatherAtivado em manipulação rank C
Rank: --
Requerimentos: 3 pontos em ninjutsu, 3 pontos em inteligencia, Habilidade em Ninjutsu e Grande Controle de Chakra
Descrição: Através de um controle muito bom a cerca do chakra e de um conhecimento extra em ninjutsus, esse estilo de Luta é capaz de ser utilizado. Ele consiste na exteriorização do chakra, enviando para fora de seu corpo quantidades pre-determinadas de chakra para a criação de penas(afiadas ou não), que adquirem a coloração do chakra do usuário. A quantidade de penas que podem ser criadas a partir desse estilo de luta é incerto, pois sua maior força está na criação de técnicas usando esse estilo de luta como base. No entanto, o uso desse estilo de luta sem técnicas garante algumas peculiaridades:

— É possível criar e manipular até 15 penas em uma manipulação considerada rank D.
— É possível criar e manipular 3 penas em uma manipulação considerada rank C.
— Gastando 10 de chakra é possível a criação de algumas penas que não causam dano, apenas servindo para efeito visual e não podem ser utilizados em batalhas PVE ou PVP.
— Essas manipulações podem ser mantidas em campo por mais de um turno, durando até o fim da stamina, no entanto, para mante-las em campo deve-se gastar uma quantia igual a quantia gasta na manipulação por turno.
— Manipulações rank D devem, obrigatoriamente, causar danos por impacto, sem outro efeito adicional. Enquanto manipulações rank C podem causar cortes leves e funcionar como kunais, mas jamais podem causar perfurações ou cortes muito severos.
— Por ser chakra e possuir um peso quase nulo, essas penas podem levitar próximo ao usuário.
— No máximo 2 Manipulações por turno.
— Custo de chakra referente as manipulações de acordo com o rank da técnica.
— Podendo ser manipuladas a até 25 metros longe do usuário.
— Em caso defensivo, danos maiores ou iguais a defesa da manipulação, desfazem o estilo de luta.

Essas regras valem apenas para manipulações usando o estilo de luta, enquanto que em criação de jutsus que usem esse estilo de luta, é necessário passar pela avaliação padrão, podendo assim utilizar a adição de chakras especiais(como elementais, hijutsus de clã, chakras de cura ou técnicas combinadas.). Obviamente, para a utilização desses chakras especiais deve possui-los e criar técnicas em cima disso, jamais adicionando-as em manipulações.

Obs: Eu criei esse estilo de luta em um modo genérico, ou seja, não estou considerando que apenas eu vá utilizar, por isso deixei em aberto a utilização de chakras especiais. Tenho consciencia de que sou Sem Clã e não irei utilizar nada que eu não possa, além disso, fora as manipulações rank C e D citadas, qualquer outra coisa que envolva o estilo de luta será criada em forma de técnicas.

Bolsa de Itens(17/20):

4 Ampola (vazia): 01
10 Senbon: 05
3 Kunai: 03.
10m Arame/Fios de Aço: 02
12 Kibaku Fuda: 03.
2 Hikaridama: 02.
1 Kemuridama: 01.



-
Aelthas
Chūnin
Aelthas
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t71246-f-p-hiroshi-yotsuba https://www.narutorpgakatsuki.net/t71278-g-f-hiroshi-yotsuba

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Sex Abr 17, 2020 9:42 pm


HP: ❲ 450 • 475 ❳CH: ❲  355 • 475 ❳ST: ❲ 01 • 05 ❳


Ainda estava pensando sobre o renegado de Konoha. Como ele conseguiu aquele tipo de poder?! Eu conseguiria aquele poder? Me questionava pensando nas pequenas possibilidades que me vinham a mente. Precisaria descobrir.

Kurime me respondia e me entregava o seu caderno, parei para ler todo o conteúdo. Uma nova forma de conseguir poder? Isso me chamara a atenção. E ela ter problemas de memória seria lembrado, por isso ela sempre errava meu nome?

“Você lembra que meu nome é Hiroshi, né?!” dizia enquanto lia as anotações. “Será que eles estão atrás do seu poder ou da marca da bruxa das Jantari?” ao dizer isso come ou um enorme alvoroço. Os covardes corriam com suas carroças como ratos. Ver aquilo me deixou extremamente irritado, pois ele estavam complicando e muito a minha vida e a conclusão daquela missão. A sorte deles é que eu queria e muito finalizá-la. O movimento adentra ‘daquela’ carroça significava que provavelmente eles voltaram. “Esses imbecis não pensam, não?!” dizia para Kurime.

Ela iria na frente, eu me aproximei da carroça e num pulo me aproximei pelo teto. Me deitaria e olharia para dentro da carroça. Veria Tomoya-sensei, sua companheira Jonin e a garota com a entrada triunfal. Não pensei duas vezes:

“Tomoya-sensei, você está... tá acabado, não?!” falava sem sorrir. “O bom que está vivo! Quem são aqueles caras Tomoya? Como um renegado de Konoha, um Hyuuga com pode explosivo está tão longe e não fora visto pelos nossos ninjas?” questionaria o Jonin para obter possíveis respostas.

Kurime assumiu as rédeas da carroça e seguimos atrás dos demais membros daquela caravana. Ouviria a resposta dos superiores e voltaria a minha atenção ao redor da nossa carruagem e buscando no horizonte os demais, sem a ajuda do Byakugan.  

Inspiração fundo e soltava devagar. Tentava me concentrar e me acalmar. Para não dar uma surra naqueles comerciantes.

Considerações:


- Tudo tentativa.
- Byakugan desativado.
- Turno de descanso.
- Desculpa a demora, problemas no off.

Clã Hyuuga:

Byakugan – 3,6 Km.
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "branco do olho") é o dōjutsu kekkei genkai do clã Hyuga. É um dos Três Grandes Dōjutsu (大三 瞳 术, Daisan Dōjutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo têm olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes dōjutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.

As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a "Questão dos Hyūga". Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyūga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzō Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.

Jūken
Requerimentos: Ser Hyuuga.
Descrição: O Punho Gentil (柔拳, Jūken) ou Arte do Punho Suave (柔拳法, Jūkenpō) é uma forma de combate à palma da mão usado por membros do Clã Hyūga. Ele provoca danos internos através do ataque ao Sistema de Circulação de Chakra do corpo, posteriormente, ferindo os órgãos que estão intimamente ligados com a área da rede que tenha sido atingido. Para fazer isso, o usuário cirurgicamente injeta certa quantidade de seu próprio chakra no oponente via sistema de chakra, causando danos aos órgãos adjacentes, devido à sua proximidade com o sistema circulatório de chakra. Mesmo o menor toque pode causar danos internos graves, daí o nome do punho "suave". Fechando o tenketsu, o usuário do punho suave pode controlar o fluxo de chakra, criando uma confusão na rede de chakra do adversário. Esses pontos especiais, 361 no total, são interceptações na rede circulatória do chakra, assim, pode-se, à força, abri-los ou fechá-los da maneira que o usuário do Punho Suave quiser, assim, é uma poderosa opção tática para ter. O usuário pode aumentar o fluxo de chakra no corpo do oponente, ou interrompê-lo por completo, impedindo-os de usar técnicas, como visto na luta de Neji com Hinata durante os Exames Chūnin, e durante seu combate com Kidōmaru. Neji Hyūga observou que qualquer substância feita de chakra pode ser destruída por esta técnica. Como visto em sua luta com Kidōmaru, é feito por vazamento de chakra a partir das aberturas de chakra nas mãos e moldando-o em uma forma de agulha para cortar através do chakra. No entanto não se sabe se esta técnica pode ser feito por qualquer usuário Punho Suave ou apenas aqueles que podem ver o tenketsu. Como o sistema de circulação do chakra é invisível a olho nu, o Byakugan é necessário para este estilo ser utilizado de forma eficaz. Desde que o Byakugan é exclusivo para o Clã Hyūga, ele se tornou o seu estilo de assinatura de combate. A capacidade de infligir traumas internos é grave, com força externa mínima, combinada com a manipulação da rede de chakra, faz com que o Punho Suave seja o estilo de Taijutsu mais respeitável e temível conhecido em Konohagakure. Em contraste com isto, a técnica também pode ser usada para fins complementares, tais como ajudar companheiros no campo de batalha. Isso foi exibido por Hinata durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi, quando ela usou a técnica para corrigir a articulação do ombro deslocado de Naruto.


Jutsus:




armas:


  • 5 Kunais (5) -1
  • 5 Shurikens (5)
  • 10 Senbons (5) -2
  • 5m de Fios (1)
  • 8 Kibaku Fuda (2) -1-4 (dado para a Kurime)
  • 2 Kemuridama (2) -1



_______________________

-
Takane
Juusandaime Tsuchikage
Takane
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68749-ficha-takane-guang?highlight=Takane+Guang#513285 https://www.narutorpgakatsuki.net/t68767-m-f-takane-guang

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Sex Abr 17, 2020 10:45 pm


Narrador: Seu Nome

Titulo do Post

JOGADORES PARTICIPANTES DO RP



Fim do episodio 1

Inicio do arco 2 : A cidade de Sangue e ferro


Foi estranho para Tsukihira, ela não estava mais habituada a abraços e nem a menções de agradecimento, e aquilo de certa forma a deixou feliz, o reconhecimento de sua existência era a única coisa que importava para ela, talvez fosse o único sentimento que realmente tivesse saído de dentro daquele tubo de agua em que ela ficou por dias, passou a mão nos cabelos da gennin e fez um breve cafuné desajeitado.

--Oxi oxi... boa menina... boa menina—

Tomoya foi o segundo a despertar estava ainda tendo sérios casos de desmaio devido a dor, e já recuperava parte da consciência e do momento do corpo, sua recuperação era no mínimo anormal para um humano qualquer, em alguns pontos da queimadura era possível ver as células se reconstruindo em um nível no mínimo bizarro fechando os ferimentos e cicatrizando os locais de onde Love havia feito os curativos.

---Quem eles são? Bom nesse mundo existem shinobi que desistiram de seguir um código de honra ou mesmo de liderança da vila, são chamados de nukenin, esses dois são ninjas de alta patente no databook... mas nunca foram vistos atacando caravanas... ---

Tsukihira olhou para Kuri, e então suspirou ao ver o olhar de reprovação de Tomoya.

O andar da carruagem foi lento, uma porque Tomoya ainda sentia cada musculo de seu corpo doer apesar das feridas já terem cicatrizados por completo, a segunda foi porque o comboio andava bem mais devagar com medo até mesmo dos pássaros que sobrevoavam os céus, o segundo foi porque a chuva alcançou o grupo de mercadores fazendo carroças atolarem diante das poças de lama que se formavam, não estava sendo uma viagem fácil, muito menos tranquila, já que o medo gerado por dois renegados ainda pairava sobre o grupo.

Foi então que ao longe viram a primeira parada em horas a cidade fortificada de ferro, uma gigantesca cidade formada por enormes prédios de puro concreto e ferro retorcido se erguia muito além das nuvens, era ao menos duas vezes maior do que a  vila da pedra e possuía um poder econômico avassalador sendo uma das que mais geravam economia para o pais além de novas tecnologias, seus muros altos feitos de aço reforçado poderiam impedir os mais poderosos ataques, e bestas armadas miravam para qualquer coisa que pudesse vir dos céus, uma verdadeira cidade armada até aos dentes com as garras prontas para atacar qualquer um que ousasse invadir seus territórios sem a permissão declara do lorde feudal, por sorte eles tinham a licença necessária para adentrar as grandes ruas da cidade de ferro onde iriam até a guilda dos mercadores, segundo as ordens expedidas o comboio receberia uma segunda leva de cinquenta carroças com alimentos e remédios para as fronteiras.

---pois bem, por hoje iremos ficar em uma pousada, preciso ter certeza de que aquele idiota de músculos esta realmente curado... e isso dará tempo para acalmar os mercadores que vieram com a gente. ---

  Para Note, no entanto, as coisas não estavam tão boas, ela sentiu uma única gota de chuva cair dos céus, mas ao tocar perceberia que era um liquido vermelho da qual ela estava habituada a usar em combate, Sangue vertia dos céus em toneis que inundavam as ruas e sarjetas, se ela se virasse para olhar veria seus companheiros todos eles mortos nos chão, e com ela segurando o que parecia ser uma espada de sangue, para então despertar com o toque de Tsukihira.

--Você esta bem? --- disse a mulher com um olhar de tedio mas se esforçando para mostrar algum tipo de preocupação no rosto, mas como sempre falhava miseravelmente nas tentativas. –Pois bem tenho muito trabalho a fazer, então quero que vocês treinem, quero informações da cidade, quem é o prefeito, o que esta acontecendo, tudo o que um shinobi realmente precisa para sobreviver e as informações certas. ---

Após essa ordem a mesma iria se retirar para uma pousada velha e desbotada cuja a madeira se soltava de seu exterior e a placa em neon demonstrava claros sinais de que iria a qualquer momento queimar.

Vocês estavam livres para a segunda parte, adquirir informações e treinar o que queriam.



Considerações:
Estão livres para procurar informações da cidade

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Img-310

Locais de possivel exploração estão livres, eu mostro o caminho vocês fazem disso o que desejarem
Post 12/30

_______________________

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
-
Note
Chūnin
Note
Vilarejo Atual

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Dom Abr 19, 2020 3:46 pm

Blood Witch
HP: ❲ 532 • 575 ❳ CH: ❲ 465 • 575 ❳ ST: ❲ 05 • 05 ❳

”Nukenins”, pensava a menina após ser liberada do abraço de sua colega de equipe a deixando um pouco constrangida. Sorria levemente antes de saltar para frente da carroça dando continuidade a sua tentativa de salvar a missão.

[...]

O andar da carroça não era os dos mais fluidos, a kunoichi não tinha nenhuma lembrança sobre andar de carroças ou controlar cavalos. Seu instinto era a única força que lhe movia naquele momento. Sempre atenta aos seus arredores no inicio da corrida, mas que com o passar do tempo essa atenção se dissipava ao ver que estavam se aproximando da caravana fugitiva. Balançava as fitas de couro que estavam presas aos cavalos para que andassem mais rápidos.

Logo os cavalos voltam a andar de forma mais vagarosa que anteriormente. Ao olhar para o chão que a carroça estava sobre ela comentava:

— Essa lama não estava nos meus planos, vocês já estão bons para ir andando? — dizia vendo que a cidade já estava bem próxima — ai já ajudamos a empurrar as carroças da caravana que ficaram presas nessa lama.

[...]


A cidade era extremamente diferente de iwa que ainda tinha uma estética mais tradicional. ”tecnologia é algo assustador”, imaginava Kurime olhando para aquele grande muro de metal. Parada agora próxima a entrada da cidade ela via uma chuva temporária que iria passar por onde estavam. Ao longe ela já conseguia ouvir a chuva caindo no chão, era estranho, pois em iwagakure nunca chovia por conta daquele clima seco infernal.

A gotas alcançaram todos, mas a primeira gota que caía na garota era em sua testa. Aquela pequena gota escorria seguindo o caminho como se fosse uma lágrima que havia sido produzida por si. De reflexo ela levava sua mão ao seu rosto para tirar aquela gota que lhe incomodava por correr pela sua face toda dando uma sensação estranha.

Ao olhar para sua própria mão, ela percebia que aquilo se tratava de sangue. O ar a sua volta ficava mais pesado, sua respiração mais espaçada, um frio corria sua espinhas. Via a sua volta um chão banhado em sangue, percebia que estava sozinha ali. Faces que antes eram apenas silhuetas agora ficavam mais nítidas e em susto ela percebia que se tratava do rosto de seu amigos. ”Aquele cabelo rosado e esse corte”, analisava chegando a conclusão que se tratava daquela menina, dava um passo para trás pisando em mais um rosto.

Aquele corte e madeixas negras eram claramente de Hiroshi, seu companheiro de batalha. Sua respiração parava, não conseguia mais puxar o ar para dentro de seu corpo, gritava assustada fechando o seus olhos:

— AH!

Ao abrir seus olhos percebia que aquilo tudo não era realidade, percebia que algumas pessoas a sua volta a olhavam de forma estranha. Ficava mais reclusa, introspectiva, olhava sempre para baixo de forma abatida seguindo os demais para dentro da cidade de ferro.


Considerações:
>Bolsa de armas na lombar
> Puro roleplay
>Descanso
>Considerar aparencia de Kikyo que usava, obrigado.
>Adeus rp que estava ficando boa...
Armas:
>9 Kunais
>10 Shurikens
> 4 tarjas explosivas
”Jutsus”:
Vestimenta
[/b]

_______________________

-
Takane
Juusandaime Tsuchikage
Takane
Vilarejo Atual
Ícone : Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68749-ficha-takane-guang?highlight=Takane+Guang#513285 https://www.narutorpgakatsuki.net/t68767-m-f-takane-guang

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte - em Ter Abr 21, 2020 8:42 am

Concluído

Motivo time skip

_______________________

Missão rank C // Sobre o manto da morte - Página 2 Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
-
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: Missão rank C // Sobre o manto da morte -

-


Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Layout por @Akeido Themes, @Loola Resources e Naru.