:: Área de Mudanças :: Centro de Melhorias :: Treinamentos de Fillers
Alvorecer
Arco 04
Ano 17 DG
Verão
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

lathe biosas

Urameshi
Chūnin
Urameshi
Vilarejo Atual
lathe biosas

fillers: guts - Publicado 13/3/2020, 11:54

O encontro de duas bestas!

Era verão. O seu primeiro naquele país estrangeiro desde que fora obrigado a nele habitar. O clima era bem semelhante ao que vivera anteriormente. Mas, não era o clima que inquietava o espírito do jovem guerreiro, sim a solidão. Estava longe de tudo aquilo que um dia considerou um lar. Seus antigos companheiros não tiveram a mesma sorte que o garoto, uma vez que recusaram a rendição. E, agora, ele se encontrava só ante a imensidão daquele mar. Por onde quer que olhasse, uma fina neblina preenchia o ambiente. As pessoas andavam, tinham pressa e objetivos, porém ao vê-las não conseguia sentir qualquer coisa senão indiferença. A angústia era fruto das experiências anteriores e estava a mostra por seu rosto, afundado no manto negro que lhe cobria o corpo.

Seu caminhar despreocupado só cessou ao se deparar com uma construção pitoresca em meio ao cenário futurista. Um dojo bem ali, nos arredores do vilarejo, feito de madeira e com ideogramas espalhados por todos os lados. Ali era o lugar em que se treinavam espadachins, arte a qual se dava muito bem. Por curiosidade, adentrou-o. E, sem muita demora, pôde ouvir o sons dos gritos e do tumulto. A porta, escancarada, deu brecha à passagem. Os olhos tremeluziram às luzes das velas, quase apagadas, e o brilho não tardou a os tomar. Vislumbrou um combate bem à frente, naquele pequeno tablado onde uma dezena de homens desconhecidos se reuniam e formavam um pequeno círculo ao redor de uma dupla que batalhava com espadas de madeira. As auras por eles emanada eram pitorescas. Um, era semelhante a uma besta selvagem, intrépido e voraz. O outro, por outro lado, transparecia uma calma quase que absoluta, semelhante uma borboleta ao voar sem destino.

O choque das espadas de treinamento ecoou por todo o local. O vento fazia seus cabelos negros esvoaçarem e seus movimentos eram quase invisíveis aos olhos destreinados do rapaz.
— Essa escola de kenjutsu é uma piada. O mestre dela é um homem sem espírito. Ela está fadada ao fracasso. — disse o moribundo. Um homem que deixou escapar o seu ar etílico. Suas vestes eram trapos, apenas a ideia do que um dia teria sido um quimono. Os cabelos, embaraçados e, por fim, uma barba mal-feita. Era ele a fera.
O outro se recusou a se deixar levar pelo desaforo. Apenas manteve a compostura, com um ar de elevado. Diferente do outro, seu rosto era lindo, com curvas bem suaves e delineadas. Ele exalava um doce perfume. Seu vestuário era de um violeta vibrante, com flores de cerejeira por ele desenhados. Era um nobre, decerto.

A plateia continuou a assistir atônita o duelo. A tensão era tamanha que sequer perceberam a entrada do Genin e que ele estava ali reunido.
— Vejam rapazes, é agora que o mestre de vocês cairá. — anunciou o selvagem com o pedaço de madeira apontado ao adversário.
As palavras proferidas abriram espaço a uma mudança repentina. O corpo do homem fora tomado de uma aura verde e os seus músculos se dilataram expressivamente. Ele evocava uma força das profundezas, um poder que Guts desconhecia. Nenhum dos presentes conseguia acreditar no que presenciavam. Seu oponente, antes infalível, agora deixava escapar o medo. Ele o enxergou através da outra espada, trêmula.
— Sabia que as espadas são capazes de conversar, Denshichiro?! A sua fala por você, embora mantenha essa boca fechada. Pergunta-se de onde eu consegui esse poder, e tem medo do que pode acontecer ao grandioso mestre a partir de agora. — estalou o pescoço. — Que chato... E pensar que eu poderia, finalmente, encontrar alguém que pudesse me fazer aproveitar uma batalha... — discursou em descontentamento.

Bastou um novo avanço e toda a cena chegou a um desfecho. Seu corpo pareceu se teletransportar por metade de uma dezena de metros e a sua espada, em um único brandir, atingiu o outro na cabeça, num movimento vertical de cima para baixo. A força foi tremenda que as pobres vigas de madeira balançaram, quase colocando tudo abaixo. O pomposo alvejado foi ao chão já desacordado e, quem sabe, sem vida. Os homens não tiveram qualquer reação. Viram um maníaco derrubar seu sensei com um só movimento. Se o mestre não estava à altura, o que dizer de simples vassalos com habilidade mediana.
— Ouçam bem, malditos. Nenhum de vocês é digno de carregar uma espada, pelo menos não nesta terra. Esta é a reencarnação da Névoa, a vila dos maiores espadachins de todo o mundo. Desistam do caminho da espada, seu bando de inúteis. Caso tenham algo contra esta ordem, venham e me enfrentem... — desafiou-os.
Eles se mantiveram calados, não havia nada que pudessem fazer. Seus espíritos de batalha foram reduzidos às migalhas.

Os cabisbaixos aprendizes de Denshiciro não se deram conta, mas uma única pessoa se moveu ao centro do dojo. Era um ninja de baixa patente, mas que tinha a alma de um guerreiro. Escutar o forasteiro dizer aquilo foi a provocação necessária. Lentamente, aproximou-se do corpo ensanguentado. Tomou de sua mão a espada e endireitou a postura, removendo o manto negro em seguida.
— Ora, parece que um dos incompetentes quer vingar seu mestre... E ele tem um estilo diferente... Vejam que roupas exóticas... — analisou embriagado. — Ei, moleque, quem caralhos você pensa que é pra me enfrentar. Vá brincar de ninja, este é um lugar de guerreiros! — afirmou retumbante.
Ele respondeu com um olhar. Eram olhos penetrantes, de alguém que já tirara a vida de outros e de que lutara por sua própria sobrevivência. Nenhum daqueles todos haveria de ter tido uma experiência parecida com a do rapaz. Eram eles pessoas bem-nascidas, abastados que desconheciam a crueldade do mundo.
— Wow! — impressionou-se. — São olhos perigosos esses que você têm aí. Ei, rapaz, talvez você consiga efervescer um pouco o meu sangue...

Sem qualquer cerimônia, um novo embate se iniciara. Estando numa luta, a determinação de Guts se aflorava à níveis sem precedentes, garantindo-lhe um poder oculto. Sua força e agilidade eram notáveis, embora lhe faltasse a técnica de espada adequada. O oponente do shinobi viu-se acuado com os primeiros ataques e os espectadores se tornavam, por vingança, torcedores do corajoso Guts. Embora parecesse dominar, o revoltoso garoto não foi capaz de lhe atingir com seus muitos arcos. E o homem entendeu tratar-se de um principiante no tocante à habilidade em esgrima. Ainda sim, viu um potencial quase que infinito naquele, permitindo que o entrave continuasse. Para ele, era como olhar para uma versão de si há décadas, uma versão ainda mais virtuosa. Seu interesse foi tanto que ele não pôde deixar passar aquela oportunidade. Em uma finta, sumiu dos olhos do menino. Apareceu às costas, atingindo-o na nuca e fazendo ele desmaiar.
— Este sim é um oponente digno, seus miseráveis... — disse. — Haha! Ele será meu aprendiz a partir de agora... — divulgou.
Com um dos braços, o samurai o ergueu e o colocou sobre seu ombro.
— É isso, fracassados. Lembrem-se do meu aviso... — despediu-se, deixando o local.

E foi daquele jeito estranho que se conheceram, professor e pupilo.

_______________________

fillers: guts  Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
fillers: guts  Tumblr10

Kaden
Jōnin
Kaden
Vilarejo Atual
fillers: guts  Tumblr10

Re: fillers: guts - Publicado 19/3/2020, 00:40


_______________________

fillers: guts  Tumblr_pl035uEflG1uocgm5o2_500

Resposta Rápida

Área para respostas curtas