Não é o único, Simplesmente o melhor!
Naruto RPG
Akatsuki
A doce melodia dos ventos atravessando o deserto não era mais querida por absolutamente ninguém. Ele sabia muito bem disso, por mais que odiasse o fato. Concordava que sua vila estava morta há muitos anos, entendia que seu povo sofrera, e, mesmo assim, não entendia como. Parecia um absurdo sem precedentes como uma vila tão renomada como Sunagakure no Sato, organizador do primeiro Chunin Shiken mundial desde a formação das novas nações, havia sido destruída, afundada nos seus próprios desertos, graças a uma única entidade chamada Okina. Mas isso aconteceu. Muitas pessoas inocentes morreram, muitas fugiram, e os vastos desertos dentro de Kaze no Kuni tornaram-se morada de aldeias e mercenários, todos tentando sobreviver na jornada. Muitos ficavam nos arredores com esperança do retorno da gloriosa Sunagakure no Sato, outros porque não eram aceitos em outros lugares e, alguns ainda não tentavam, pois tinham idosos e doentes consigo. Um verdadeiro caos. A economia despencou; começaram os gastos com população, poucos impostos recebidos e mais gastos com mercenários contra outros mercenários. Acreditava que a iniciativa destrutiva de Okina não visava aquelas consequências, mas eram reais e ele precisava enfrentá-las.
Arco Atual:
Reconstrução
A AlvoradaUzushiogakure e Sunagakure estão reconstruídas, marcando uma nova era para as nações shinobi, que agora são cinco uma vez mais. Os Shodaime Kazekage e Mizukage comandam as novas gerações de seus vilarejos, iniciando uma série de planos governamentais para garantir que o mal não os assole como ocorreu no passado.
RelíquiasAs facções caminham em direção à calamidade, e os líderes de cada grupo correm contra o tempo para adquirir novos seguidores. Da mesma forma, os mais ferrenhos seguidores se enfrentavam, e a ínfima possibilidade de relíquias do passado se revelarem ao mundo deu início a uma nova corrida por parte das facções.
Estação: VerãoAno: 67DG


[Chegada] Contato com o trovão - II

[Chegada] Contato com o trovão - II em Seg 13 Jan 2020 - 22:22

A viagem que levava-o até o inicio ou fim de sua jornada havia se dado inicio. Apesar da tranquilidade com que adentrava os limites do País do Trovão, Lawliet tinha em mente a recepção que teria. Espalhado pelos quatro cantos do mundo, feitos das quais ele mesmo sabia que eram mal contados, haviam se disseminado e Kumogakure não seria diferente. As histórias que se perpetuaram com sua presença e a falta dela. Tudo havia se tornado ainda mais drástico que antigamente. Apesar da chegada pacifica ser a ideia, Lawliet sabia que nada daquilo aconteceria de modo mais simples, porém, tomaria pra si o risco de ajuda-los na guerra e vice-versa.

As montanhas se iniciavam logo após pouco tempo de estadia no País do Trovão. Algo nostálgico a sua percepção, dessa vez, um pouco diferente de antes. Seu corpo ainda era acostumado àquela altitude, afinal, havia nascido e sido criado ali. Não era difícil se locomover em tal relevo acidentado e íngreme. Podia relevantemente usar seus conhecimentos ao seu favor e afim de chegar ao local, moveu-se sorrateiramente pelas montanhas, íngremes o suficiente.

Não demorou muito para que Kumogakure aparecesse diante a percepção de Lawliet. Um sentimento de nostalgia tomou seu corpo, apesar de ser diferente da ultima vez. O capuz sobre sua cabeça cobria parcialmente sua identidade, mas sabia que isso não duraria muito tempo. Quando se aproximou dos portões, sentiu a presença de oito homens, cuja quantidade de chakra eram considerável. Lawliet poderia ter aberto todos os portões possuintes e através de um único golpe quebrar toda defesa inicial da vila, assim, não teria de enfrentar nenhum problema, entretanto, seu intuito era a paz e desse modo, ninguém seria convencido.

A voz de um dos homens fora a primeira a vir a sua mente, a cerca de trinta metros do portão. — Ei, você pare ai imediatamente. Identifique-se. — Seu chakra parecia um pouco agitado. Sim, irritação. O homem transparecia isso na própria forma de falar. Lawliet ergueu a face, entretanto, apenas a parte inferior de seu rosto era identificável. Ele sorriu levemente e deu mais alguns passos enquanto gritava em alto e bom som. — Lawliet Hawk, antigo morador de Kumogakure e hoje Shodaime Otokage. — A reação fora imediata. Todas energias presentes se agitaram como um turbilhão. Algo que parecia ódio, misturado com algo mais; talvez medo?

— Você... — Uma voz raivosa fora possível de ser ouvida. Lawliet então retirou o capuz, no intuito de ser identificado como tal. — Venho em missão de paz, gostaria de conversar com Arthuria Pendragon. — Seus olhos se abriram, olhando-os com tranquilidade. Estava agora a apenas quinze metros. — Tomem cuidado, ele é perigoso. — Eles realmente apresentavam uma euforia e ansiedade fora do comum. "Como esperado" Lawliet pensou, respirando fundo. — Desculpem, não era minha intenção causar tal reação, mas imaginei que isso aconteceria. Então, farei do jeito de vocês. — Ele pegou a espada embainhada, assim como as laminas gêmeas e as jogou no chão, levantando as mãos para o céu. — Terão o prazer de me capturar para que eu possa falar com um superior. Vocês não sabem o perigo que correm. Karma... Hattori... Essa guerra é muito maior que uma briga boba pelo que chamam traição. —

Realmente, os homens se assustaram com a atitude. De inicio, pensaram que seriam atacados, mas nada ocorreu. — O único perigo aqui é você. Voltará para Cochlea, traidor — Um dos homens avançou lançando uma técnica de fogo em direção a Lawliet. As mãos do Shodaime não teceram selos, apenas seu punho apenas desceu em direção a bola de fogo, arrebentando-a totalmente. — Já disse, venho em missão de paz. Façam o que devem fazer ou me deixem entrar para que Arthuria descida. — Foi então que um dos homens veio a frente dos outros, pedindo para que esperassem. — Chute as armas. — Lawliet o fez lentamente, ainda com as mãos para o céu. — Por favor, peço que as guardem bem. — Sua voz era séria. Um genjutsu então foi lançado em sua direção. Ele pode perceber no instante em que foi lançado, a manifestação vinda do homem na dianteira. Seu corpo estava paralisado. — Provavelmente esse nível de ilusão não funciona em você, mas se realmente fala a verdade, não a quebre por enquanto. — O homem olhou para os outros e acenou positivamente. Lawliet não moveu um único dedo. Os sete shinobis o cercaram e o oitavo finalizou. — Eles têm autorização de mata-lo a qualquer momento. Você terá a chance de redimir-se diante das pessoas corretas. — Lawliet apesar de paralisado, podia ouvir a voz do homem, sentindo a verdade em suas palavras. Por isso, manteve-se inerte, a espera de ser recepcionado. Melhor que naquele momento. A única coisa que fazia era utilizar sua habilidade única para averiguar as presenças no local. Não queria que nada saísse do esperado.

1400 HP
1525 CH

ST: 01/05

Considerações:
- Roupas e aparência idêntica a esta imagem. Sem blusa, tipo Kimimaro no anime/mangá, a blusa pendurada pelo cinto, sem atrapalhar o possível saque da espada. Manto entreaberto e com capuz sobre o corpo.
- Marca Hattori sobre o peito esquerdo.
- Kokutou embainhada, colocada na parte traseira da cintura.
- Atributos usados ao mínimo do personagem, exceto no momento da defesa.
- Kanchi ativo passivamente, Kagura Shingan também ativo.
- Katon usado: Katon: Gōka Messhitsu [considerei sem buffs, afinal, não é uma invasão]
- Defesa feita com 5 de força (+50%) + 200 de combate = 300 de dano + 5 do soco = 305 de dano.
- A ilusão é Genjutsu Shibari. Como mostrado é um npc experiente (todos são, mas considerei que este era o líder), logo ele fez isso para testar minha confiança.
- É possível ver a marca Hattori abaixo do manto que não está totalmente fechado.
- Se alguém puder me receber, eu agradeceria. Venho em paz.
Saida: https://www.narutorpgakatsuki.net/t70210-saida-contato-com-o-trovao-i#529461

OUTROS:

Kokutō
Rank: A
Descrição: O Kokutō (黒 刀, Literalmente significado: Black Blade) é uma espada única exercida por Raidō Namiashi. Esta katana tem uma superfície escurecida e não reflexiva e está fortemente revestida de veneno que Raidō geralmente usa para realizar suas missões de assassin;ato. Ele usou isso em conjunto com Aoba Yamashiro's Scattering Thousand Crows Technique para ocultar-se e a lâmina e defender com sucesso Akatsuki membro Kakuzu.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190626043003
Chakura Tō (Aian Nakkuru)
Rank: A
Descrição: A Chakra Blade (チ ャ ク ラ 刀, Chakura Tō) é um metal especial que pode ser infundido através do "fluxo de chakra" com chakra elementar ou mesmo chakra Yin-Yang para produzir efeitos adicionais. [1] De acordo com Shikamaru, as lâminas são capazes de absorver o tipo de chakra do usuário e se tornar a origem de uma técnica para o usuário. Este tipo de armamento era uma especialidade de Asuma Sarutobi. Suas lâminas particulares são uma faca de trincheira projetada de forma exclusiva, usadas como juntas de bronze, usando as lâminas acima dos nódulos com uma forma de ziguezague para cada junta, dando a cada lâmina "dentes". Ao acoplar essas facas com seu taijutsu, Asuma poderia atacar com um efeito devastador, como tirar nove nove de Otogakure em questão de segundos. Quando infundidos com chakra temperado pelo vento, eles podem facilmente perfurar e cortar a pedra e até mesmo o metal. A nitidez e a eficácia das facas também podem ser maximizadas se a pessoa tiver um melhor controle de seu chakra, como visto com a forma como Asuma estava treinando Sora e Naruto Uzumaki ao concentrar seu chakra de vento em seu kunai.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190529000216&path-prefix=pt-br
Kagura Shingan
Rank: -
Requerimentos: Kanchi, Grande ou Bom Controle de Chakra, Chūnin & Quest: Olho da Mente.
Descrição: Focalizando e abrindo o olho da mente, Karin é capaz de localizar e rastrear o chakra de um indivíduo por uma vasta distância que excede dez quilômetros. Ao focar ainda mais seu chakra, ela pode estender esse alcance a distâncias muito maiores. Esta habilidade também lhe dá a capacidade de perceber as flutuações no chakra de uma pessoa quando uma pessoa está mentindo ou se alguém, incluindo ela mesma, está sob um genjutsu. Além disso, concentrando-se em um chakra em particular, ela pode perceber os movimentos de seu alvo e a área circundante com grande detalhe. Essas capacidades sensoriais abençoam Karin com habilidades que até superam dōjutsu com poderes comparáveis

[Chegada] Contato com o trovão - II E5db9ee08df122719dcc3b700f9882b165891f52r1-512-205v2_00
Kanchi [600 metros]
Requerimentos: Sensor & Quest: Sensitivos.
Descrição: A Técnica Sensorial, usada pelos shinobi tipo sensor, permite ao usuário detectar chakra. Isso permite que eles detectem e localizem alvos através de suas assinaturas de chakra. O alcance dessa técnica varia entre os sensores.

Bolsa de armas 20/70:

_______________________

Zeitgeist
[Chegada] Contato com o trovão - II GM22dSN

Zeitgeist
Líder de Otogakure | Nukenin A
https://www.narutorpgakatsuki.net/t68386-fp-lawliet-hawk-scarlet#509119

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Ter 14 Jan 2020 - 15:38

[Chegada] Contato com o trovão - II I90LGOj
~
A noite estava nublada e ventosa. O vento dobrava os caules das acácias e sussurrava nos galhos dos arbustos de tomilho que aninhavam finas gotas do orvalho. O vilarejo, sujeito às mazelas do frio invernal, esmorecia ante ao breu que preenchia as intermináveis vielas e as infinitas avenidas, escondendo os poucos transeuntes em um misto de brumas e sombras. Entre eles, sentada em um banco, encontrei-me fitando os rebrilhos do luar ladeado por nuvens, contemplando o mar de estrelas que adornavam o cume celeste. Calada, e sem tirar os olhos do céu radiante, lentamente contorci os lábios numa expressão de sossego e continuei desfrutado da brisa forte que, de pouco a pouco, afagava meus cabelos e beijava a minha pele.

De repente, um estrondo abrupto retumbou no céu e pôs fim à calmaria notívaga, se juntando aos silvos do vento e sendo acompanhado pelo estridente grasnado dos pássaros. Ensombrada pelo baque, desviei o olhar do plenilúnio e levantei-me do assento de sobressalto, sendo assolada por inúmeros pensamentos desagradáveis. Uma invasão? Foi o primeiro deles, o que me forçou a correr na direção do barulho, me esquivando dos ladrilhos suspensos nas avenidas em saltos leves e penetrando na névoa turva como um fantasma. Revoltas, as madeixas douradas de meus cabelos dissonavam do cenário sombrio, sendo atirados para as costas em razão das lufadas do zéfiro e balançando da mesma forma que uma flâmula brilhante.

Na trajetória, meu chakra foi repentinamente acionado pela minha vontade, se projetando sob a sola de um de meus pés e marcando o chão com um rastro especial, uma marca invisível a olhos nus efetuada como uma medida de precaução. Ademais, abençoada pelas graças de meu dōjutsu, minha visão se ampliou pelo passo e acometeu em todo o perímetro a região, me antecipando daquele estranho episódio que ocorria nos limites do portão do aldeado. Com o lado direito de meu rosto velado por um pano negro e com o olho iluminado pela benção do Byakugan, restou-me seguir rapidamente na direção do inimigo que se encontrava acolá; distinguindo-o como um membro registrado no famigerado Bingo Book.

[...]

A besta em meu âmago relinchou quando finalmente me pus à presença do suposto invasor e das oito sentinelas que faziam sua vigília nas cercanias do grande portão. Percebendo que a situação já havia sido controlada, freei meus passos e coloquei fim à minha corrida, em seguida me movendo lentamente na direção do renegado em um galgar vertiginoso. Com a visão do olho direito, reparei numa porção de armas largadas sobre o soalho escabroso, bem como a postura em que aquele sujeito se encontrava – com as duas mãos acima da cabeça, em um sinal claro de submissão. Graças ao Byakugan, também era notável a perturbação em seu fluxo de chakra, corroborando para afirmação de que o mesmo se encontrava abalado por alguma técnica ilusória

—— Se afastem. Eu assumo daqui. — Minha voz, de supetão, foi arremessada na penumbra, chamando a atenção do grupo de guardas enquanto eu surgia da escuridão enevoada. Nesse átimo, em meu dedo médio criou-se um delicado anel de chakra, o qual logo se fez preso à uma única corrente brilhante que replicava as singularidades de minha linhagem. Como um raio dourado, enviei a manilha adamantina na direção do sujeito debilitado, estendendo-a para que se enlaçasse no mesmo graças ao gancho que havia em sua extremidade, fazendo a corrente cobrir desde os ombros até a base da cintura. Se obtivesse êxito em minha investida, encurtaria a distância em que nos separava e ficaria em face do homem de longos cabelos negros, fitando-lhe profundamente.

—— Acredito que você seja o desertor Lawliet Hawk. O que faz aqui? Resolveu voltar para a Nuvem? — Retruquei com uma expressão séria e medindo-o de cima à baixo com imperiosidade. Atenta e sem tirar os olhos do renegado, estava pronta para sacar qualquer uma das espadas que repousava em meu corpo. Ainda assim, com receio de uma possível emboscada, meu Byakugan logo começou a vasculhar os entornos do território, calhando considerar que aquele homem não passava de uma simples distração para um plano ainda maior.

Considerações:
Dados: Aparência de Arthuria Pendragon, vestindo este traje. Armas básicas encontram-se em bolsas na cintura. Excalibur está presa em um coldre no lado direito do corpo, enquanto a Kiba está selada no fūinjutsu Gandálfr e presa na bainha um pouco acima da linha do quadril, como nesta imagem. Um pano cobre o olho direito da mesma forma como nesta imagem, apesar dele não impossibilitar as habilidades do Byakugan. Marcações espaço–temporais no cabo das duas espadas.

Resumo: Velocidade 5. Correntes usando o estilo de luta da descrição, à velocidade máxima permitida pelo mesmo. Considere a personagem usando as correntes a 30m de Zeitgeist e se aproximando até ficar a 10m. Também considere que ela chegou um minuto depois dos ataques dos guardas, quando Zeitgeist já se encontrava afetado pelo Genjutsu. A marcação invisível do Hiraishin foi feita a 90m do portão, no chão.

Buffs: Mestre Elemental (+200 Raiton); Kiba (+100 Raiton); Habilidade em Ninjutsu (+200 Ninjutsu Puro); Ninshū (+200 Ninjutsu & +6m/s).
Reduções: Especialidade em Controle de Chakra (÷2 Custo Geral); Recuperação (+5% CK p/turno).
Custos: -15CK (Byakugan); -5CK (Bunsan); -5CK (Insāto); -200CK (Tamokuteki); -10CK (Tamokuteki).
Outros:
BOLSA DE ARMAS (160)
Pergaminho de Shion: 1/1un. [0]
Kunai (Hiraishin): 10/10un. [10]
Kibaku Fuuda: 20/20un. [5]
Kemuridama: 5/5un. [5]
Shuriken: 10/10un. [10]
Hikaridama: 5/5un. [5]
Fios: 25/25m. [5]
Usados:

[Chegada] Contato com o trovão - II RbsNlKw
Kongō Fūsa: Tamokuteki, 01/06.
Descrição: Tamokuteki (多目的, lit. Multipurpose) é um estilo de luta que aumenta a mobilidade das correntes usadas no Kongō Fūsa. Graças ao seu exímio conhecimento das manilhas adamantinas, o usuário modifica a constituição das correntes e as reduz drasticamente, aumentando sua flexibilidade e deixando-as mais viáveis para combates. Seguindo os regulamentos do Kongō Fūsa, o usuário se torna capaz de conjurar cinco correntes de energia projetadas à partir de anéis presos aos dedos de uma das mãos, alongando-se no formato de grilhões reduzidos que consomem míseros dez pontos de chakra por turno - para além do custo da invocação quíntupla. Através deste estilo de luta, o usuário pode reproduzir os métodos naturais de uso das correntes de forma diminuta e criativa, dado que o formato padrão das pontas das correntes é alterado para cada dedo. Todas as regras normais das correntes são respeitadas nesse estilo, exceto a de velocidade, já que elas seguem os pontos de ninjutsu e ninshū distribuídos pelo usuário. A durabilidade da técnica é limitada a seis turnos, precisando consumir novamente o preço da invocação e manutenção das correntes após o término.

Cada dedo modela a extremidade da corrente em um formato único para acessar utilizações diferentes, embora seja completamente possível moldá-las no formato original. O dedo polegar exibe a forma de uma cruz com bordas arredondadas. A corrente do dedo indicador têm sua extremidade assemelhada à uma seringa, com seu corpo afinado para funcionar de maneira sorrateira. O dedo médio tem o estranho formato de um gancho e serve inteiramente aos propósitos padrões de acorrentar alvos, tendo facilidade no quesito de enlaçá-los. O dedo anelar tem o formato de uma esfera metálica, atuando como um verdadeiro pêndulo. Por último, o dedo mínimo é traçado como uma pequena adaga, sendo o principal dedo para a de técnicas mortais — ou importantes — que podem ser relacionadas para este estilo de luta. A propósito, para se aproveitar do máximo deste estilo, é necessário que técnicas sejam criadas para cada um dos respectivos dedos. O usuário ainda pode escolher o número de correntes que quer invocar, dispensando a obrigatoriedade do consumo quíntuplo do Kongō Fūsa. O alcance, a anulação de força, a anulação de chakra e a criação de uma barreira protetora deverão seguir os limites das correntes.

[Chegada] Contato com o trovão - II M9H54Hl
Insāto
Rank: D
Descrição: Inserir (インサート, lit. Insert) é um selamento desenvolvido para sutilizar marcações espaço-temporais. Graças às suas aptidões com as artes do ninjutsu, o usuário é capaz de tornar, com a sua vontade, o estigma do teletransporte invisível à olhos nus, semelhante ao que ocorre na Técnica de Ocultação com Camuflagem. Ainda assim, a marca pode ser detectável por meios sensoriais, como kanchi ou dōjutsus. Sendo uma técnica de níveis básicos, Insāto pode ser aplicado em conjunto com outras técnicas inerentes das marcações do Hiraishin, tal como os jutsus Hen'i e a Bunsan - e contando como um único jutsu no turno de ativação.

[Chegada] Contato com o trovão - II Xlwg3MM
Bunsan
Rank: D
Descrição: Bunsan (分散, lit. Dispersion) é uma técnica fundamental para os usuários de Jikūkan Ninjutsu. Através dela, o usuário é capaz de aplicar as marcações do Hiraishin a partir de qualquer parte de seu corpo, independente desta estar obstruída por algum tipo de vestimenta — tais como calçados, luvas ou camisas. A técnica segue o gasto normal das marcações de Hiraishin, sendo cinco pontos de chakra para cada marcação, sem limite de marcas por turno. Essa técnica não requer nenhum selo de mão para ser executada.

[Chegada] Contato com o trovão - II SeFeDYA
Oroborosu no Omei
Descrição: A Marca de Ouroboros é um estranho selo transferido por Opus, criando o símbolo de ouroboros no centro do peito de seu receptor. Os poderes dessa marca ainda são um mistério, porém, de acordo com Shion, há uma grande importância para finalizar Shaka. Uma vez que tenha recebido essa marca, o usuário se torna hábil a dominar, caso já não domine, a natureza do relâmpago sem treinamento, dando uma coloração dourada aos raios. Os corpos com esta marca parecem se tornarem mais resistentes e duráveis, tendo automaticamente um aumento de dois turnos no limite da durabilidade deste. O usuário terá o selo no centro do peito.

[Chegada] Contato com o trovão - II QWMKcbk
Byakugan, Ativado.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "Olho Branco") é um dōjutsu kekkei genkai do clã Hyūga e do clã Ōtsutsuki. Seu poder a princípio surgiu como uma Kekkei Mōra junto com o Rinne Sharingan na ancestral mais antiga conhecida dos clãs Hyūga e Ōtsutsuki: Kaguya Ōtsutsuki. Ficou conhecido como um dos Três Grandes Dōjutsu (三大瞳术, Sandai Dōjutsu; Literalmente significa "Três Grandes Técnicas Oculares"), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado à vontade.

[Chegada] Contato com o trovão - II NGR63dz
Kiba 牙, Selado.
Rank: S
Descrição: Kiba (牙; lit. Presas) é uma das famosas espadas dos Sete Espadachins Ninja da Névoa. É uma espada dupla, a sua característica mais notável é uma saliência para cima, curvado perto da extremidade de um lado da lâmina e um outro perto da base do outro lado da lâmina. Em cada uma delas foram imbuídas de relâmpagos, mostrando poder de corte maior de forma semelhante às vibrações de alta frequência de relâmpagos baseado em fluxo de chakra. É essa capacidade que resultou no nome "espadas de raio" (雷刀, raitō) que está sendo reivindicado como as maiores espadas na existência. No anime, eles permitem ao usuário formar raios livremente.

[Chegada] Contato com o trovão - II Ci9cYzY
Excalibur, 00/500
Rank: S
Descrição: A Excalibur: Sword of Promised Victory (約束された勝利の剣, Yakusokusareta Shōri no Ken) é uma construção divina, aclamada por ser o apogeu das espadas e armas lendárias. Fabricada com um material desconhecido, cujas limitações físicas superam a maioria dos sabres convencionais, mostra-se como uma arma leve, resistente e possuidora de um fio imensamente afiado. A lenda diz que ela foi forjada nas entranhas do mundo como a cristalização dos desejos da humanidade, tornando-se um construto fadado a proteger o planeta de todo o mal. Seu cabo é azulado com adornos de ouro que sobem até o guarda-mão. Sua lâmina é tão branca quanto a neve, reluzindo através de um véu luminoso de cor dourada. Seu gume é fino como navalha, e epígrafes misteriosas mostram-se entalhadas na chapa resplandescente.

A primeira habilidade da espada lendária é a capacidade de ocultar totalmente sua substância, permanecendo invisível à olhos nus. Tal aptidão utiliza de inúmeras camadas de energia comprimidas em alta pressão, sendo o suficiente para dobrar a luz ao redor da arma e distorcer totalmente a reflexão e refração da luz, o que acaba por tornar o objeto invisível. Além disso, caso o usuário tenha a qualidade Habilidade em Ninjutsu, o mesmo pode apagar a presença da espada, fazendo com que ela oculte tanto a sua forma física quanto qualquer manifestação de chakra que transcorra em sua lâmina. Nomeado como Invisible Air (風王結界, Barrier of the Wind King), este recurso pode ser ativado com o custo por turno de dez pontos de chakra para invisibilidade simples e quarenta e cinco para a complexa, podendo se fazer presente por toda a extensão da arma ou unicamente na lâmina. Os custos não podem ser reduzidos por bonificações.

A segunda habilidade mostra-se mais como um mecanismo de defesa. A espada, obedecendo às citações de sua lenda, possui uma incrível conexão com o planeta e, portanto, com a natureza. Graças a isto, é possível infundir parcelas de energia natural no objeto, e assim, apenas aqueles que detém o pleno controle sobre o chakra sábio podem clamar o verdadeiro poder da espada da vitória prometida. Conhecido pelo nome de Avalon (全て遠き理想郷, Everdistant Utopia), o mecanismo possui uma reserva de quinhentos pontos de chakra natural, sendo necessário que o empunhador transfira esta energia para a arma através do contato físico, perdurando entre tópicos. Assim, quando quiser e uma vez por turno, o espadachim é capaz de retirar cinquenta pontos deste chakra natural para uso próprio, reduzindo-o diretamente da reserva e sendo necessária a reposição.
Arthuria; HP: 2000, CK: 3740/3975, CKN: 00/400, ST: 1/16
Kokuō; CK: 3500/3500

_______________________

[Chegada] Contato com o trovão - II IRI1jk5
“— Um mal é um mal. Menor, maior, médio, tanto faz… As proporções são convencionadas e as fronteiras, imprecisas. Não sou um santo eremita e não pratiquei apenas o bem ao longo da minha vida. Mas, se me couber escolher entre os dois males, prefiro abster-me por completo da escolha.”
(Geralt of Rivia, The Last Wish)

——— Andrzej Sapkowski

Zireael
seibah

Zireael
Kyūdaime Raikage
https://www.narutorpgakatsuki.net/t67548-fs-do-you-still-want-to-be-a-hero#500335 https://www.narutorpgakatsuki.net/t69267-gf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Ter 14 Jan 2020 - 20:23

Ávidos dias haviam sido vividos nas alamedas que se estendiam ao som dos retumbantes trovões que deram nome aquele país. Era inegável. Até as memórias de um passado distante que ressurgiam durante a letargia de seu corpo atravancado. Afagado pelas filosofias que carregava, transeunte naquele lugar, agora carregava junto aos ásperos pesos da esperança alheia a possibilidade de alavancar a paz. Mesmo que não pudesse, despejaria sua fé diante sua rendição momentânea, mesmo que isso fosse visto como apatia ao seu passado sombrio, custando lhe a vida.

O que excitou a transcendental visão que lhe atribuía novos horizontes fora a aparição de uma figura ilustre. Popular aquele povo, desde seu cargo ao seu poder como pessoa. Sua energia quase impossibilitava a notável força que carregava em seu amago. Enriquecendo até mesmo a percepção dos limites do impossível, sua presença tornou-se colírio para os olhos, do mesmo modo que a morte aparece para um homem entristecido. Talvez a possível ceifadora dos límpidos resquícios de paz que agarrava. As ondas que circulavam o profundo ser da mulher de cabelos dourados foram reveladas ainda que distantes. Preocupação. Destemor. Pressa. Finas vibrações das cordas de energia que tiniam emoções específicos de seu corpo, indistintas à olhos comuns.

[..]

Os lúgubres passos da donzela dourada eram silenciosos, tal que mesmo naquela distância pequena, a incessante ventania o abafava. Apesar disso, a abundância de seu poder pareceu exalar no momento em que esta se pôs a frente do prisioneiro. Nenhum dos homens pareceu sentir a potência de sua presença até que sua voz tornou-se prenúncio à sua compostura de liderança. Doravante àquilo, gerou de seus dedos correntes que abraçaram o corpo, que cedeu-se a atitude por redenção momentânea. Os olhos azuis do governante do som não vislumbrava qualquer desígnio assassino de sua parte. Apenas a cisma que exalava sua desconfiança era visível em sua alma pouco agitada e, talvez por isso, mantinha o esboço do plano pensado.

A postura inofensiva de Lawliet já não dependia da frágil ilusão que agarrava os músculos. A mercê da força das correntes que se interligavam ao corpo da guerreira, ele não precisava se diminuir a tal ponto. A energia de seu corpo chacoalhou lentamente, criando um refluxo de quebra, capaz de dissipar a ilusão facilmente. Os braços do Primeiro descenderam lentamente, mantendo uma postura inofensiva. Seus olhos azuis escuros volviam-se em direção aos dela, dando-lhe atenção à suas palavras. Transparecido de uma tranquilidade de ímpeto constante, a seriedade lhe tomou, acima da apatia que um dia fora irreverente.

Sua resposta às palavras da Sombra da Nuvem fora educada tal como alguém que demonstrava verdadeiro respeito a sua presença. — Prazer, conhece-la, Arthuria Pendragon. — Seus olhos decaíram rumo ao solo e seguidamente se fecharam. — Sem ofesas, Arthuria, mas eu não tenho qualquer intenção de voltar a Kumogakure, pelo menos, não desse modo. — A necessidade de falar àquilo que realmente explanava sua vinda era de suma importância e, por isso, aproveitou a situação. — Estou aqui como Shodaime Otokage, Líder da Nação do Som, cuja única intenção é unir forçar contra o fim do mundo como conhecemos. Por favor, olhe a marca sobre meu peito esquerdo. Ela representa a Aliança Hattori — Doravante àquilo, tudo que Lawliet poderia fazer era esperar a reação da Sombra da Nuvem, cuja vida deste e de muitos agora estava em mãos.

1400 HP
1525 CH

ST: 00/05

Considerações:
- Roupas e aparência idêntica a esta imagem. Sem blusa, tipo Kimimaro no anime/mangá, a blusa pendurada pelo cinto, sem atrapalhar o possível saque da espada. Manto entreaberto e com capuz sobre o corpo.
- Marca Hattori sobre o peito esquerdo.
- Kokutou embainhada, colocada na parte traseira da cintura.
- Atributos usados ao mínimo do personagem, exceto no momento da defesa.
- Kanchi ativo passivamente, Kagura Shingan também ativo.
- É possível ver a marca Hattori abaixo do manto que não está totalmente fechado.
- Qualquer coisa só me procurar no discord, Ablon.
Saida: https://www.narutorpgakatsuki.net/t70210-saida-contato-com-o-trovao-i#529461

OUTROS:

Kokutō
Rank: A
Descrição: O Kokutō (黒 刀, Literalmente significado: Black Blade) é uma espada única exercida por Raidō Namiashi. Esta katana tem uma superfície escurecida e não reflexiva e está fortemente revestida de veneno que Raidō geralmente usa para realizar suas missões de assassin;ato. Ele usou isso em conjunto com Aoba Yamashiro's Scattering Thousand Crows Technique para ocultar-se e a lâmina e defender com sucesso Akatsuki membro Kakuzu.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190626043003
Chakura Tō (Aian Nakkuru)
Rank: A
Descrição: A Chakra Blade (チ ャ ク ラ 刀, Chakura Tō) é um metal especial que pode ser infundido através do "fluxo de chakra" com chakra elementar ou mesmo chakra Yin-Yang para produzir efeitos adicionais. [1] De acordo com Shikamaru, as lâminas são capazes de absorver o tipo de chakra do usuário e se tornar a origem de uma técnica para o usuário. Este tipo de armamento era uma especialidade de Asuma Sarutobi. Suas lâminas particulares são uma faca de trincheira projetada de forma exclusiva, usadas como juntas de bronze, usando as lâminas acima dos nódulos com uma forma de ziguezague para cada junta, dando a cada lâmina "dentes". Ao acoplar essas facas com seu taijutsu, Asuma poderia atacar com um efeito devastador, como tirar nove nove de Otogakure em questão de segundos. Quando infundidos com chakra temperado pelo vento, eles podem facilmente perfurar e cortar a pedra e até mesmo o metal. A nitidez e a eficácia das facas também podem ser maximizadas se a pessoa tiver um melhor controle de seu chakra, como visto com a forma como Asuma estava treinando Sora e Naruto Uzumaki ao concentrar seu chakra de vento em seu kunai.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190529000216&path-prefix=pt-br
Kagura Shingan
Rank: -
Requerimentos: Kanchi, Grande ou Bom Controle de Chakra, Chūnin & Quest: Olho da Mente.
Descrição: Focalizando e abrindo o olho da mente, Karin é capaz de localizar e rastrear o chakra de um indivíduo por uma vasta distância que excede dez quilômetros. Ao focar ainda mais seu chakra, ela pode estender esse alcance a distâncias muito maiores. Esta habilidade também lhe dá a capacidade de perceber as flutuações no chakra de uma pessoa quando uma pessoa está mentindo ou se alguém, incluindo ela mesma, está sob um genjutsu. Além disso, concentrando-se em um chakra em particular, ela pode perceber os movimentos de seu alvo e a área circundante com grande detalhe. Essas capacidades sensoriais abençoam Karin com habilidades que até superam dōjutsu com poderes comparáveis

[Chegada] Contato com o trovão - II E5db9ee08df122719dcc3b700f9882b165891f52r1-512-205v2_00
Kanchi [600 metros]
Requerimentos: Sensor & Quest: Sensitivos.
Descrição: A Técnica Sensorial, usada pelos shinobi tipo sensor, permite ao usuário detectar chakra. Isso permite que eles detectem e localizem alvos através de suas assinaturas de chakra. O alcance dessa técnica varia entre os sensores.

Bolsa de armas 20/70:

_______________________

Zeitgeist
[Chegada] Contato com o trovão - II GM22dSN

Zeitgeist
Líder de Otogakure | Nukenin A
https://www.narutorpgakatsuki.net/t68386-fp-lawliet-hawk-scarlet#509119

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Qui 16 Jan 2020 - 13:44

[Chegada] Contato com o trovão - II 1IxP2y8
~
A luz azul, pulsante nos aveludados olhos do renegado, brilhava como se relampejasse dentro de sua alma, ainda que o semblante exalasse um amálgama entre tranquilidade e austeridade. Estático, o desertor ali permaneceu, ao mesmo tempo que, às minhas costas, os oitos vigias rejubilavam-se ante a minha ilustre presença e afastavam-se em miúdas passadas, gradualmente se afundando no mar de trevas que enlaçava as proximidades. Em um ínfimo segundo, o sopro do vento chicoteou sobre meus cabelos e orientou a costumeira brisa invernal pela minha carne, cabendo às minhas vestes amenizar um efêmero arrepio que correu ao longo de minha pele.

A aura resplandecente que emergia de meu dedo continuava a vibrar na escuridão, enclausurando o invasor nas inquebráveis amarras de minha linhagem. Calada e com os olhos atentos como os de um açor, bastou-me ouvir as educadas palavras do homem, as quais formavam uma incontestável antítese em vista de sua reputação como traidor da Nuvem Oculta. Em seu discurso, o homem de cabelos negros desviara a atenção de meu rosto, cerrando os olhos azulados em seguida. Em passos firmes, franzi meu cenho e reduzi ainda mais a distância que nos separava, firmando os grilhões adamantinos em seu corpo numa rápida manipulação, intentando pressionar ainda mais os seus ombros, seu tronco e sua cintura.

De súbito, a última das palavras do homem projetou-se e ecoou no vazio, se perdendo ao longe das montanhas. Hattori. O termo veio aos meus pensamentos como a investida de um aríete, dançaricando na mente e revivendo acontecimentos no passado. Meu olhar rapidamente se moveu para o peito desnudo do desertor, descobrindo uma marca que outrora já havia visto, a cabeça de um lobo. Gwynbleidd. Pensei, medindo as inúmeras possibilidades. Seria aquela uma falsificação da marca de Shion? Uma cópia malfeita? Um truque barato? Não sabia dizer, e por isso, permaneci alguns segundos balançando o dedo para cima e para baixo, tomando decisões como quem se equilibra em um desfiladeiro.

—— A sua ingenuidade é como a de um sacerdote que procura o divino num prostíbulo. — Minha voz dissolveu no escuro da mesma forma que o rebimbo de um trovão. —— Você acha que somos peões no mesmo lado de um tabuleiro? Mesmo depois de ter fugido da vila que lhe ofereceu abrigo por anos? — Indaguei-lhe, com a canhota movimentando-se lentamente até a cintura, tocando o cabo de minha espada e tomando-a em um único e ligeiro puxão. A ponta da arma agitou-se e, desembainhada, descreveu uma meia lua no ar, sibilando e ficando a poucos centímetros do pescoço do desertor. —— Não procuro unir forças com você, Otokage, ou melhor, traidor. A Nuvem não quer ser enganada uma vez mais. Eu não quero ser enganada, e acredito que Shion também não queira, apesar de achar que esta não seja uma marca legítima. O símbolo dos Hattori nunca se faria em alguém como você. — Declarei, olhando seu rosto abaixado.

O silêncio mais uma vez imperou na região, e os ventos aos poucos desanuviavam a bruma montanhosa. —— Talvez eu o devesse levar para o cárcere, ou talvez eu devesse acabar com isso aqui mesmo. O que você tem a dizer? Fale, traidor. — Naquele momento, o calor em meu corpo era tanto que, mesmo no frio, a palma de minhas mãos transpiravam levemente. A espada dos relâmpagos, com a lâmina em riste, estava pronta para perfurar o pescoço do invasor, embora eu ainda estivesse disposta a ouvir o que o homem tinha a dizer. Mesmo assim, minha atenção era tanta que qualquer movimento realizado pelo invasor poderia ser conferido pelos encantamentos de meu dōjutsu, me prevenindo de uma possível força ocultava no interior do renegado.

Considerações:
Dados: Aparência de Arthuria Pendragon, vestindo este traje. Armas básicas encontram-se em bolsas na cintura. Excalibur está presa em um coldre no lado direito do corpo, enquanto a Kiba está selada no fūinjutsu Gandálfr e presa na bainha um pouco acima da linha do quadril, como nesta imagem. Um pano cobre o olho direito da mesma forma como nesta imagem, apesar dele não impossibilitar as habilidades do Byakugan. Marcações espaço–temporais no cabo das duas espadas.

Resumo: Considere a personagem a 2m de Zeitgeist. Kiba na mão esquerda e corrente atrelada ao dedo médio na mão direita.

Buffs: Mestre Elemental (+200 Raiton); Kiba (+100 Raiton); Habilidade em Ninjutsu (+200 Ninjutsu Puro); Ninshū (+200 Ninjutsu & +6m/s).
Reduções: Especialidade em Controle de Chakra (÷2 Custo Geral); Recuperação (+5% CK p/turno).
Custos: -5CK (Byakugan); -10CK (Tamokuteki).
Outros:
BOLSA DE ARMAS (160)
Pergaminho de Shion: 1/1un. [0]
Kunai (Hiraishin): 10/10un. [10]
Kibaku Fuuda: 20/20un. [5]
Kemuridama: 5/5un. [5]
Shuriken: 10/10un. [10]
Hikaridama: 5/5un. [5]
Fios: 25/25m. [5]
Usados:

[Chegada] Contato com o trovão - II RbsNlKw
Kongō Fūsa: Tamokuteki, 02/06.
Descrição: Tamokuteki (多目的, lit. Multipurpose) é um estilo de luta que aumenta a mobilidade das correntes usadas no Kongō Fūsa. Graças ao seu exímio conhecimento das manilhas adamantinas, o usuário modifica a constituição das correntes e as reduz drasticamente, aumentando sua flexibilidade e deixando-as mais viáveis para combates. Seguindo os regulamentos do Kongō Fūsa, o usuário se torna capaz de conjurar cinco correntes de energia projetadas à partir de anéis presos aos dedos de uma das mãos, alongando-se no formato de grilhões reduzidos que consomem míseros dez pontos de chakra por turno - para além do custo da invocação quíntupla. Através deste estilo de luta, o usuário pode reproduzir os métodos naturais de uso das correntes de forma diminuta e criativa, dado que o formato padrão das pontas das correntes é alterado para cada dedo. Todas as regras normais das correntes são respeitadas nesse estilo, exceto a de velocidade, já que elas seguem os pontos de ninjutsu e ninshū distribuídos pelo usuário. A durabilidade da técnica é limitada a seis turnos, precisando consumir novamente o preço da invocação e manutenção das correntes após o término.

Cada dedo modela a extremidade da corrente em um formato único para acessar utilizações diferentes, embora seja completamente possível moldá-las no formato original. O dedo polegar exibe a forma de uma cruz com bordas arredondadas. A corrente do dedo indicador têm sua extremidade assemelhada à uma seringa, com seu corpo afinado para funcionar de maneira sorrateira. O dedo médio tem o estranho formato de um gancho e serve inteiramente aos propósitos padrões de acorrentar alvos, tendo facilidade no quesito de enlaçá-los. O dedo anelar tem o formato de uma esfera metálica, atuando como um verdadeiro pêndulo. Por último, o dedo mínimo é traçado como uma pequena adaga, sendo o principal dedo para a de técnicas mortais — ou importantes — que podem ser relacionadas para este estilo de luta. A propósito, para se aproveitar do máximo deste estilo, é necessário que técnicas sejam criadas para cada um dos respectivos dedos. O usuário ainda pode escolher o número de correntes que quer invocar, dispensando a obrigatoriedade do consumo quíntuplo do Kongō Fūsa. O alcance, a anulação de força, a anulação de chakra e a criação de uma barreira protetora deverão seguir os limites das correntes.

[Chegada] Contato com o trovão - II SeFeDYA
Oroborosu no Omei
Descrição: A Marca de Ouroboros é um estranho selo transferido por Opus, criando o símbolo de ouroboros no centro do peito de seu receptor. Os poderes dessa marca ainda são um mistério, porém, de acordo com Shion, há uma grande importância para finalizar Shaka. Uma vez que tenha recebido essa marca, o usuário se torna hábil a dominar, caso já não domine, a natureza do relâmpago sem treinamento, dando uma coloração dourada aos raios. Os corpos com esta marca parecem se tornarem mais resistentes e duráveis, tendo automaticamente um aumento de dois turnos no limite da durabilidade deste. O usuário terá o selo no centro do peito.

[Chegada] Contato com o trovão - II QWMKcbk
Byakugan, Ativado.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "Olho Branco") é um dōjutsu kekkei genkai do clã Hyūga e do clã Ōtsutsuki. Seu poder a princípio surgiu como uma Kekkei Mōra junto com o Rinne Sharingan na ancestral mais antiga conhecida dos clãs Hyūga e Ōtsutsuki: Kaguya Ōtsutsuki. Ficou conhecido como um dos Três Grandes Dōjutsu (三大瞳术, Sandai Dōjutsu; Literalmente significa "Três Grandes Técnicas Oculares"), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado à vontade. Alcance de quatro quilômetros e duzentos e setenta e cinco metros.

[Chegada] Contato com o trovão - II NGR63dz
Kiba 牙, Selado.
Rank: S
Descrição: Kiba (牙; lit. Presas) é uma das famosas espadas dos Sete Espadachins Ninja da Névoa. É uma espada dupla, a sua característica mais notável é uma saliência para cima, curvado perto da extremidade de um lado da lâmina e um outro perto da base do outro lado da lâmina. Em cada uma delas foram imbuídas de relâmpagos, mostrando poder de corte maior de forma semelhante às vibrações de alta frequência de relâmpagos baseado em fluxo de chakra. É essa capacidade que resultou no nome "espadas de raio" (雷刀, raitō) que está sendo reivindicado como as maiores espadas na existência. No anime, eles permitem ao usuário formar raios livremente.

[Chegada] Contato com o trovão - II Ci9cYzY
Excalibur, 00/500
Rank: S
Descrição: A Excalibur: Sword of Promised Victory (約束された勝利の剣, Yakusokusareta Shōri no Ken) é uma construção divina, aclamada por ser o apogeu das espadas e armas lendárias. Fabricada com um material desconhecido, cujas limitações físicas superam a maioria dos sabres convencionais, mostra-se como uma arma leve, resistente e possuidora de um fio imensamente afiado. A lenda diz que ela foi forjada nas entranhas do mundo como a cristalização dos desejos da humanidade, tornando-se um construto fadado a proteger o planeta de todo o mal. Seu cabo é azulado com adornos de ouro que sobem até o guarda-mão. Sua lâmina é tão branca quanto a neve, reluzindo através de um véu luminoso de cor dourada. Seu gume é fino como navalha, e epígrafes misteriosas mostram-se entalhadas na chapa resplandescente.

A primeira habilidade da espada lendária é a capacidade de ocultar totalmente sua substância, permanecendo invisível à olhos nus. Tal aptidão utiliza de inúmeras camadas de energia comprimidas em alta pressão, sendo o suficiente para dobrar a luz ao redor da arma e distorcer totalmente a reflexão e refração da luz, o que acaba por tornar o objeto invisível. Além disso, caso o usuário tenha a qualidade Habilidade em Ninjutsu, o mesmo pode apagar a presença da espada, fazendo com que ela oculte tanto a sua forma física quanto qualquer manifestação de chakra que transcorra em sua lâmina. Nomeado como Invisible Air (風王結界, Barrier of the Wind King), este recurso pode ser ativado com o custo por turno de dez pontos de chakra para invisibilidade simples e quarenta e cinco para a complexa, podendo se fazer presente por toda a extensão da arma ou unicamente na lâmina. Os custos não podem ser reduzidos por bonificações.

A segunda habilidade mostra-se mais como um mecanismo de defesa. A espada, obedecendo às citações de sua lenda, possui uma incrível conexão com o planeta e, portanto, com a natureza. Graças a isto, é possível infundir parcelas de energia natural no objeto, e assim, apenas aqueles que detém o pleno controle sobre o chakra sábio podem clamar o verdadeiro poder da espada da vitória prometida. Conhecido pelo nome de Avalon (全て遠き理想郷, Everdistant Utopia), o mecanismo possui uma reserva de quinhentos pontos de chakra natural, sendo necessário que o empunhador transfira esta energia para a arma através do contato físico, perdurando entre tópicos. Assim, quando quiser e uma vez por turno, o espadachim é capaz de retirar cinquenta pontos deste chakra natural para uso próprio, reduzindo-o diretamente da reserva e sendo necessária a reposição.
Arthuria; HP: 2000, CK: 3725/3975, CKN: 00/400, ST: 2/16
Kokuō; CK: 3500/3500

_______________________

[Chegada] Contato com o trovão - II IRI1jk5
“— Um mal é um mal. Menor, maior, médio, tanto faz… As proporções são convencionadas e as fronteiras, imprecisas. Não sou um santo eremita e não pratiquei apenas o bem ao longo da minha vida. Mas, se me couber escolher entre os dois males, prefiro abster-me por completo da escolha.”
(Geralt of Rivia, The Last Wish)

——— Andrzej Sapkowski

Zireael
seibah

Zireael
Kyūdaime Raikage
https://www.narutorpgakatsuki.net/t67548-fs-do-you-still-want-to-be-a-hero#500335 https://www.narutorpgakatsuki.net/t69267-gf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Qui 16 Jan 2020 - 17:01

Aqueles eram os resquícios de um passado recente. Talvez, aquela fosse a punição justa para seus atos e sabia disso. Lawliet havia ouvido falar que os homens tendiam a se autoflagelar ao sentirem a necessidade de perdão. Era possível que ele estivesse fazendo isso inconscientemente? Quiçá estava em busca desse perdão? Nunca fora algo que sequer havia cogitado. Havia tomado a decisão no momento em que encontrara aquela mulher sobre a nevasca. Soube naquele momento que nunca fora aquilo que esperava. Pobre; monstro; fraco; traidor. Eram verdadeiras palavras rudes, que já não atingiam sua psique.

Presente às palavras que ele havia desferido, as flutuações de chakra da Raikage se agitaram. Provavelmente, o conhecimento acerca do que estava disposto a dizer ela já adquiria, mesmo que pouco. As correntes compeliram sua força ao redor do corpo de L, enquanto a mulher de cabelos dourados se aproximava. Rudemente carregada de desconfiança. Não era algo a se julgar e L sabia disso. Havia tomado pra si o risco de ali estar e agora não havia volta.

As acusações e o apego ao passado ainda flutuavam as poucas nuvens que pairavam sobre a cabeça de ambos. Havia uma pequena parcela de intenção assassina nas palavras de Arthuria, mas ele percebeu que ainda não era seu fim. Poderia ser, naquele dia, posteriormente; mas não naquele instante. — Realmente... —. Sua face ergueu-se em direção a dela, no momento em que sentiu o frio do aço tocar seu pescoço. Os olhos se abriram como cortinas de um teatro, revelando a tranquilidade que sua face carregava. — ... fora ingenuidade da minha parte vir até aqui. —. Um leve sorriso apareceu em sua face, mas não apresentava felicidade, talvez, um pouco de ironia. — Talvez tenha me expressado errado, peço desculpas por isso. De fato, pode ser prepotência pedir que confie em mim. Entretanto, isso nunca foi um jogo... — O sorriso fora desaparecendo de acordo com que falava. — ... um líder deve correr riscos por aqueles que deseja proteger. — Sua face se ergueu para o céu. — Não é minha intenção tomar seu tempo mas, pelo jeito, estamos atracados ao passado e eu gostaria de tirar tudo algumas coisas a limpo. Imaginei que teria de lidar com isso, de um jeito ou de outro... Uma brisa leve bateu na bochecha de ambos, fazendo Lawliet cerrar os olhos mais uma vez. — Kumogakure. Realmente, eu devo muito a este lugar. Onde me graduei e vivi por muito tempo. Meu problema, sempre foi a frieza, incapaz de entender o que movia a vida humana. Nascido em uma família pobre, incapaz de aceitar o peso da desgraça, da dor e entender a vida como algo a se desfrutar. — Mais uma vez, os olhos se abriram, dessa vez, pousaram-se poucos segundos em direção aos de Arthuria.

— Esse foi meu erro... — A frase parecia um pouco aleatória, mas ele respirou fundo e continuou. — Afastado de todos. Sem objetivo. A única coisa que me restava era minha curiosidade sobre a essência humana. Pode parecer tolice, mas eu não trai Kumogakure. Eu trai a mim mesmo, durante muito tempo. — Seu corpo não movia um único musculo. — Não quero que me entenda mal, Arthuria; mas, apenas em Otogakure, encontrei algo que significou para mim. Camponeses; pobres; desvalorizados; cuja visão não parecia valer nada. Pessoas em quem me vi espelhado. — Novamente, ele sorriu, mas dessa vez, havia felicidade em sua face. — Então eu encontrei a verdadeira essência humana. — Sua visão viajou por entre o vilarejo e ele soltou a resposta. — Proteger aquilo que é importante. —

Lawliet sentia que o discurso era melodramático, entretanto, era sua melhor opção ali. — Por isso, eu entendo sua desconfiança. Uma marca falsa. Um ataque surpresa. Uma nova traição. Tudo aqui é possível, certo? — Novamente, o tom de seriedade voltou a conversa. — Tudo vindo de um renegado incapaz de ter honra. — Ele respirou devagar, porém, profundamente. — Mas eu vim porque acredito num recomeço diferente do que essa guerra propõe. Shaka. Recomeçar o mundo do zero. A purificação. — Ele bufou ironicamente. —Talvez seja um complexo de divindade, mas a discórdia esta a favor dele, assim como o passado. — Ele inspirou fundo e soltou o ar dos pulmões após uma pequena pausa entre os atos. As correntes atrapalhavam o inflar de seus pulmões. — Por isso, aceitarei sua decisão. Creio que seja demais pedir que acredite em mim, então, peço que acredite nesta causa que lhe trago. Defender os inocentes. Uma justiça diferente desta falsa divindade. — Ele a olhou nos olhos novamente. Estava sério, mas não apresentava ameaça. — Quando recebi a proposta, eu fui descrente, mas jovem da neve mostrou-me que isso é maior do que nós mesmos. Não haverá futuro se deixarmos o passado nos separar. — Talvez aquele fosse o fim de sua vida, fardado a um desabafo da qual nunca havia feito por ninguém antes. Entretanto, talvez a Nação do Som estivesse melhor sobre a proteção de alguém que não tinha tanto sangue nas mãos. Ou, estivesse errado em acreditar num recomeço diferente.

[..]

1400 HP
1525 CH

ST: 00/05

Considerações:
- Roupas e aparência idêntica a esta imagem. Sem blusa, tipo Kimimaro no anime/mangá, a blusa pendurada pelo cinto, sem atrapalhar o possível saque da espada. Manto entreaberto e com capuz sobre o corpo.
- Marca Hattori sobre o peito esquerdo.
- Kokutou embainhada, colocada na parte traseira da cintura.
- Atributos usados ao mínimo do personagem, exceto no momento da defesa.
- Kanchi ativo passivamente, Kagura Shingan também ativo.
- É possível ver a marca Hattori abaixo do manto que não está totalmente fechado.
- Qualquer coisa só me procurar no discord, Ablon.
Saida: https://www.narutorpgakatsuki.net/t70210-saida-contato-com-o-trovao-i#529461

OUTROS:

Kokutō
Rank: A
Descrição: O Kokutō (黒 刀, Literalmente significado: Black Blade) é uma espada única exercida por Raidō Namiashi. Esta katana tem uma superfície escurecida e não reflexiva e está fortemente revestida de veneno que Raidō geralmente usa para realizar suas missões de assassin;ato. Ele usou isso em conjunto com Aoba Yamashiro's Scattering Thousand Crows Technique para ocultar-se e a lâmina e defender com sucesso Akatsuki membro Kakuzu.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190626043003
Chakura Tō (Aian Nakkuru)
Rank: A
Descrição: A Chakra Blade (チ ャ ク ラ 刀, Chakura Tō) é um metal especial que pode ser infundido através do "fluxo de chakra" com chakra elementar ou mesmo chakra Yin-Yang para produzir efeitos adicionais. [1] De acordo com Shikamaru, as lâminas são capazes de absorver o tipo de chakra do usuário e se tornar a origem de uma técnica para o usuário. Este tipo de armamento era uma especialidade de Asuma Sarutobi. Suas lâminas particulares são uma faca de trincheira projetada de forma exclusiva, usadas como juntas de bronze, usando as lâminas acima dos nódulos com uma forma de ziguezague para cada junta, dando a cada lâmina "dentes". Ao acoplar essas facas com seu taijutsu, Asuma poderia atacar com um efeito devastador, como tirar nove nove de Otogakure em questão de segundos. Quando infundidos com chakra temperado pelo vento, eles podem facilmente perfurar e cortar a pedra e até mesmo o metal. A nitidez e a eficácia das facas também podem ser maximizadas se a pessoa tiver um melhor controle de seu chakra, como visto com a forma como Asuma estava treinando Sora e Naruto Uzumaki ao concentrar seu chakra de vento em seu kunai.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190529000216&path-prefix=pt-br
Kagura Shingan
Rank: -
Requerimentos: Kanchi, Grande ou Bom Controle de Chakra, Chūnin & Quest: Olho da Mente.
Descrição: Focalizando e abrindo o olho da mente, Karin é capaz de localizar e rastrear o chakra de um indivíduo por uma vasta distância que excede dez quilômetros. Ao focar ainda mais seu chakra, ela pode estender esse alcance a distâncias muito maiores. Esta habilidade também lhe dá a capacidade de perceber as flutuações no chakra de uma pessoa quando uma pessoa está mentindo ou se alguém, incluindo ela mesma, está sob um genjutsu. Além disso, concentrando-se em um chakra em particular, ela pode perceber os movimentos de seu alvo e a área circundante com grande detalhe. Essas capacidades sensoriais abençoam Karin com habilidades que até superam dōjutsu com poderes comparáveis

[Chegada] Contato com o trovão - II E5db9ee08df122719dcc3b700f9882b165891f52r1-512-205v2_00
Kanchi [600 metros]
Requerimentos: Sensor & Quest: Sensitivos.
Descrição: A Técnica Sensorial, usada pelos shinobi tipo sensor, permite ao usuário detectar chakra. Isso permite que eles detectem e localizem alvos através de suas assinaturas de chakra. O alcance dessa técnica varia entre os sensores.

Bolsa de armas 20/70:

_______________________

Zeitgeist
[Chegada] Contato com o trovão - II GM22dSN

Zeitgeist
Líder de Otogakure | Nukenin A
https://www.narutorpgakatsuki.net/t68386-fp-lawliet-hawk-scarlet#509119

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Sex 17 Jan 2020 - 23:53


[Chegada] Contato com o trovão - II XLBarH6
~
O ar, antes frio, arrefecido pela brisa do inverno, tornou-se quente, espesso e pegajoso como uma sopa. Apesar disso, o vento das montanhas continuava a soprar, às vezes explodindo sobre os revoltos fios de meus cabelos e às vezes levando-os às costas feito areia desértica. Meu semblante, por sua vez, mantinha-se estático, soberano e absoluto tal qual um déspota em seu trono. Um longo silêncio calava minhas palavras, e a destreza de meu olhar era o bastante para mirar os lábios do invasor e vê-lo formar palavras em manquejados assobios. Desse modo, ressonando sobre meus ouvidos, abarquei-me no discurso do mesmo, respirando profundamente e semicerrando os olhos assim como faz um tigre na busca de uma presa.

Sem tirar os olhos do desertor, de soslaio, vi a luz tímida do luar correr sobre a chapa prateada de minha espada e refletir sobre o seu vulnerável pescoço, atingindo a pele clara e se perdendo na palidez. Sustentei o peso da arma sobre meu punho e posicionei o dedo indicador acima do guarda-mão, conservando a distância de alguns poucos centímetros da jugular do homem e zelando aquela inquietante harmonia. Entretanto, uma vez que a fala do renegado não fosse de meu agrado, bastaria mover a arma em uma rápida e cirúrgica perfuração, o que, supostamente, seria o suficiente para assassiná-lo. A vida dele estava, portanto em minhas mãos.

A natureza também parecia saber disso, pois bandos de pássaros negros aos poucos se amontoavam e pousavam nas vergas, nos mastros, nos cabos e nos esqueletos de construções próximas, no topo de algumas pequenas colinas e no cume de montes de terra, grasnando e salpintando o cenário na forma de horripilantes pontos negros. Nesse átimo, asas de graúnas tomaram parte ante a profunda visão de meu Byakugan, constatando, ainda, os seus olhos e bicos totalmente negros como obsidiana, que refulgiam no breu noturno de maneira agourenta. Pareciam manter uma calma estoica, sem dar a mínima atenção, mas era incontestável que as aves assistiam o espetáculo. Pareciam prestar atenção ao eco de cada palavra do renegado – assim como fiz do o início até o fim de seu discurso.

[...]

—— Você vê, traidor? Olhe para os lados, olhe para sua plateia. — Disse, depois do fim daquele longo solilóquio. Ignorei a tediosa melancolia do sujeito, meneando a cabeça para os lados e observando o sinistro oceano manchado de negro que nos cercava. —— As aves clamam por sua morte. Parece que o deus da morte quer tê-lo em seus braços. — A atenção logo voltou-se para o rosto do renegado. Naquele momento, o grito das graúnas não era mais um murmúrio, mas sim um estrondo constante, surdo, como se fosse o ribombo das próprias profundezas. Apertei o cabo de minha espada, preservando a atmosfera funesta.

—— Infelizmente, o deus da morte terá de esperar. Suas palavras, traidor, lhe deram o direito de viver. Um belo discurso. Contudo, você ainda tem uma dívida para pagar com a Nuvem. — De supetão, a espada que ameaçava o pescoço do renegado viajou rapidamente às costas em um único movimento, se encaixando na bainha ao término. A corrente presa ao meu dedo médio tilintou em um rangido metálico, puxando o inimigo para perto e depois crescendo ao meu comando. Controlando o homem com a força bruta necessária, coloquei-o à minha frente e comecei a andar em direção ao vilarejo, enxotando-o enquanto media o seu andar. —— Pela sua deserção, você voltará ao cárcere. Quem sabe, ao término de sua pena, possamos conversar sobre a guerra que você tanto fala. — Avisei de forma irônica, dado que não estava disposta a cooperar com aquele fútil desertor.

Considerações:
Dados: Aparência de Arthuria Pendragon, vestindo este traje. Armas básicas encontram-se em bolsas na cintura. Excalibur está presa em um coldre no lado direito do corpo, enquanto a Kiba está selada no fūinjutsu Gandálfr e presa na bainha um pouco acima da linha do quadril, como nesta imagem. Um pano cobre o olho direito da mesma forma como nesta imagem, apesar dele não impossibilitar as habilidades do Byakugan. Marcações espaço–temporais no cabo das duas espadas.

Resumo: Considere a personagem a 10m de Zeitgeist. Levarei-o como prisioneiro para a vila. Considere os pontos de força necessários para isso sem que eu o machuque.

Buffs: Mestre Elemental (+200 Raiton); Kiba (+100 Raiton); Habilidade em Ninjutsu (+200 Ninjutsu Puro); Ninshū (+200 Ninjutsu & +6m/s).
Reduções: Especialidade em Controle de Chakra (÷2 Custo Geral); Recuperação (+5% CK p/turno).
Custos: -5CK (Byakugan); -10CK (Tamokuteki).
Outros:
BOLSA DE ARMAS (160)
Pergaminho de Shion: 1/1un. [0]
Kunai (Hiraishin): 10/10un. [10]
Kibaku Fuuda: 20/20un. [5]
Kemuridama: 5/5un. [5]
Shuriken: 10/10un. [10]
Hikaridama: 5/5un. [5]
Fios: 25/25m. [5]
Usados:

[Chegada] Contato com o trovão - II RbsNlKw
Kongō Fūsa: Tamokuteki, 03/06.
Descrição: Tamokuteki (多目的, lit. Multipurpose) é um estilo de luta que aumenta a mobilidade das correntes usadas no Kongō Fūsa. Graças ao seu exímio conhecimento das manilhas adamantinas, o usuário modifica a constituição das correntes e as reduz drasticamente, aumentando sua flexibilidade e deixando-as mais viáveis para combates. Seguindo os regulamentos do Kongō Fūsa, o usuário se torna capaz de conjurar cinco correntes de energia projetadas à partir de anéis presos aos dedos de uma das mãos, alongando-se no formato de grilhões reduzidos que consomem míseros dez pontos de chakra por turno - para além do custo da invocação quíntupla. Através deste estilo de luta, o usuário pode reproduzir os métodos naturais de uso das correntes de forma diminuta e criativa, dado que o formato padrão das pontas das correntes é alterado para cada dedo. Todas as regras normais das correntes são respeitadas nesse estilo, exceto a de velocidade, já que elas seguem os pontos de ninjutsu e ninshū distribuídos pelo usuário. A durabilidade da técnica é limitada a seis turnos, precisando consumir novamente o preço da invocação e manutenção das correntes após o término.

Cada dedo modela a extremidade da corrente em um formato único para acessar utilizações diferentes, embora seja completamente possível moldá-las no formato original. O dedo polegar exibe a forma de uma cruz com bordas arredondadas. A corrente do dedo indicador têm sua extremidade assemelhada à uma seringa, com seu corpo afinado para funcionar de maneira sorrateira. O dedo médio tem o estranho formato de um gancho e serve inteiramente aos propósitos padrões de acorrentar alvos, tendo facilidade no quesito de enlaçá-los. O dedo anelar tem o formato de uma esfera metálica, atuando como um verdadeiro pêndulo. Por último, o dedo mínimo é traçado como uma pequena adaga, sendo o principal dedo para a de técnicas mortais — ou importantes — que podem ser relacionadas para este estilo de luta. A propósito, para se aproveitar do máximo deste estilo, é necessário que técnicas sejam criadas para cada um dos respectivos dedos. O usuário ainda pode escolher o número de correntes que quer invocar, dispensando a obrigatoriedade do consumo quíntuplo do Kongō Fūsa. O alcance, a anulação de força, a anulação de chakra e a criação de uma barreira protetora deverão seguir os limites das correntes.

[Chegada] Contato com o trovão - II SeFeDYA
Oroborosu no Omei
Descrição: A Marca de Ouroboros é um estranho selo transferido por Opus, criando o símbolo de ouroboros no centro do peito de seu receptor. Os poderes dessa marca ainda são um mistério, porém, de acordo com Shion, há uma grande importância para finalizar Shaka. Uma vez que tenha recebido essa marca, o usuário se torna hábil a dominar, caso já não domine, a natureza do relâmpago sem treinamento, dando uma coloração dourada aos raios. Os corpos com esta marca parecem se tornarem mais resistentes e duráveis, tendo automaticamente um aumento de dois turnos no limite da durabilidade deste. O usuário terá o selo no centro do peito.

[Chegada] Contato com o trovão - II QWMKcbk
Byakugan, Ativado.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "Olho Branco") é um dōjutsu kekkei genkai do clã Hyūga e do clã Ōtsutsuki. Seu poder a princípio surgiu como uma Kekkei Mōra junto com o Rinne Sharingan na ancestral mais antiga conhecida dos clãs Hyūga e Ōtsutsuki: Kaguya Ōtsutsuki. Ficou conhecido como um dos Três Grandes Dōjutsu (三大瞳术, Sandai Dōjutsu; Literalmente significa "Três Grandes Técnicas Oculares"), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado à vontade. Alcance de quatro quilômetros e duzentos e setenta e cinco metros.

[Chegada] Contato com o trovão - II NGR63dz
Kiba 牙, Selado.
Rank: S
Descrição: Kiba (牙; lit. Presas) é uma das famosas espadas dos Sete Espadachins Ninja da Névoa. É uma espada dupla, a sua característica mais notável é uma saliência para cima, curvado perto da extremidade de um lado da lâmina e um outro perto da base do outro lado da lâmina. Em cada uma delas foram imbuídas de relâmpagos, mostrando poder de corte maior de forma semelhante às vibrações de alta frequência de relâmpagos baseado em fluxo de chakra. É essa capacidade que resultou no nome "espadas de raio" (雷刀, raitō) que está sendo reivindicado como as maiores espadas na existência. No anime, eles permitem ao usuário formar raios livremente.

[Chegada] Contato com o trovão - II Ci9cYzY
Excalibur, 00/500
Rank: S
Descrição: A Excalibur: Sword of Promised Victory (約束された勝利の剣, Yakusokusareta Shōri no Ken) é uma construção divina, aclamada por ser o apogeu das espadas e armas lendárias. Fabricada com um material desconhecido, cujas limitações físicas superam a maioria dos sabres convencionais, mostra-se como uma arma leve, resistente e possuidora de um fio imensamente afiado. A lenda diz que ela foi forjada nas entranhas do mundo como a cristalização dos desejos da humanidade, tornando-se um construto fadado a proteger o planeta de todo o mal. Seu cabo é azulado com adornos de ouro que sobem até o guarda-mão. Sua lâmina é tão branca quanto a neve, reluzindo através de um véu luminoso de cor dourada. Seu gume é fino como navalha, e epígrafes misteriosas mostram-se entalhadas na chapa resplandescente.

A primeira habilidade da espada lendária é a capacidade de ocultar totalmente sua substância, permanecendo invisível à olhos nus. Tal aptidão utiliza de inúmeras camadas de energia comprimidas em alta pressão, sendo o suficiente para dobrar a luz ao redor da arma e distorcer totalmente a reflexão e refração da luz, o que acaba por tornar o objeto invisível. Além disso, caso o usuário tenha a qualidade Habilidade em Ninjutsu, o mesmo pode apagar a presença da espada, fazendo com que ela oculte tanto a sua forma física quanto qualquer manifestação de chakra que transcorra em sua lâmina. Nomeado como Invisible Air (風王結界, Barrier of the Wind King), este recurso pode ser ativado com o custo por turno de dez pontos de chakra para invisibilidade simples e quarenta e cinco para a complexa, podendo se fazer presente por toda a extensão da arma ou unicamente na lâmina. Os custos não podem ser reduzidos por bonificações.

A segunda habilidade mostra-se mais como um mecanismo de defesa. A espada, obedecendo às citações de sua lenda, possui uma incrível conexão com o planeta e, portanto, com a natureza. Graças a isto, é possível infundir parcelas de energia natural no objeto, e assim, apenas aqueles que detém o pleno controle sobre o chakra sábio podem clamar o verdadeiro poder da espada da vitória prometida. Conhecido pelo nome de Avalon (全て遠き理想郷, Everdistant Utopia), o mecanismo possui uma reserva de quinhentos pontos de chakra natural, sendo necessário que o empunhador transfira esta energia para a arma através do contato físico, perdurando entre tópicos. Assim, quando quiser e uma vez por turno, o espadachim é capaz de retirar cinquenta pontos deste chakra natural para uso próprio, reduzindo-o diretamente da reserva e sendo necessária a reposição.
Arthuria; HP: 2000, CK: 3710/3975, CKN: 00/400, ST: 3/16
Kokuō; CK: 3500/3500

_______________________

[Chegada] Contato com o trovão - II IRI1jk5
“— Um mal é um mal. Menor, maior, médio, tanto faz… As proporções são convencionadas e as fronteiras, imprecisas. Não sou um santo eremita e não pratiquei apenas o bem ao longo da minha vida. Mas, se me couber escolher entre os dois males, prefiro abster-me por completo da escolha.”
(Geralt of Rivia, The Last Wish)

——— Andrzej Sapkowski

Zireael
seibah

Zireael
Kyūdaime Raikage
https://www.narutorpgakatsuki.net/t67548-fs-do-you-still-want-to-be-a-hero#500335 https://www.narutorpgakatsuki.net/t69267-gf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Sab 18 Jan 2020 - 5:11

Hattori Vs Hattori

[Chegada] Contato com o trovão - II D7D41209663DC8674BFF9F7951426707A8A2BC9C

Não era algo incomum no passado Shion dividir seu chakra em clones de gelo para espionagem ou até participar de encontros casuais em sua vida, em prol de reconfirmar antigas alianças um deles chegava em Kumo para reencontrar seu velho aliado o Raikage. Shion chegava ao local levitando e logo se assustava com o que via a frente o Raikage acabava de render um rapaz e ele tinha a marca dos Hattori era possível sentir a vibração de chakra semelhante, inclusive só a presença de Shion ali afetava todos os demais Hattoris do local
Faz muito tempo Arthuria-San
Shion lentamente vinha descendo para próximo do raikage e do prisioneiro ele encarava o rapaz rendido um pouco
Qual seu crime garoto?

E


Última edição por Shion em Seg 3 Fev 2020 - 13:39, editado 1 vez(es)

_______________________

Sasha Grey Impossivel não se Apaixonar!
[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o1_250[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o2_250[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o3_250
[Chegada] Contato com o trovão - II H8loA8y
Convidado!
The Force is strong in my family, my father had it, I have it, my sister has it. You have that power too.


[Chegada] Contato com o trovão - II 9h4HA
Shion
Hattori

Shion
Administrador
http://narutorpgakatsuki.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Sab 18 Jan 2020 - 12:39

A resposta da Kyudaime fora imponente, tal como um líder deve ser. No fim, sua sentença havia sido dada. A prisão. Aos olhos do homem que ali se encontrava impotente, aquilo era esperado e até mesmo justo. O dever de um homem era arcar com as consequências de seus atos, tal como carregar o fardo de viver com eles em sua memória. Sua atitude tirana no passado havia limitado teus passos, tal como a própria evolução daquilo que agora protegia. Por fim, isso o encarcerou ainda mais que as próprias grades de uma cela de prisão.

A sua reação fora ínfima. Um simples acenar positivo com a cabeça. Deixou que as correntes o indicassem o caminho, entretanto, uma presença surgiu diante o breu da noite. A forma que sua aparição se deu sequer fora notada pela visão do olho mental de Lawliet, mesmo que esse estivesse atento. Apenas próximos este pode ouvir sua presença cintilar o ar das redondezas. "Um Hattori?". O pensamento veio a tona. A marca que carregava em seu peito vibrava de um modo da qual não se lembrava acontecer. Aquele homem, possuía uma presença forte, apesar de seu chakra indicar ser apenas uma réplica.

Sua pergunta pareceu quase que um sussurro dos ventos. Os olhos do Líder da Nação do Som mais uma vez se cerraram e um leve sorriso surgiu em sua face. — Posso dizer que muitos, mas em especifico, deserção. — Respondeu de voz leve e tranquila, apesar da situação. — Aliás, se não for pedir muito, podem recolher e guardar meus equipamentos? Por favor. — Mudou drasticamente de assunto, mas logo voltou-se os olhos para o homem de cabelos azuis, ele o lembrava aquela mulher, do dia em questão. Pelas apresentações, era possível ver que Arthuria e aquele homem se conheciam a um bom tempo. Realmente, L imaginava que a Raikage já tinha algum contato com os Hattori. — Não imaginei que esta marca reagisse diante a presença de determinadas pessoas. — Murmurou para si mesmo, mas dada a proximidade, todos ali poderiam ouvir facilmente.

[..]

1400 HP
1525 CH

ST: 00/05

Considerações:
- Roupas e aparência idêntica a esta imagem. Sem blusa, tipo Kimimaro no anime/mangá, a blusa pendurada pelo cinto, sem atrapalhar o possível saque da espada. Manto entreaberto e com capuz sobre o corpo.
- Marca Hattori sobre o peito esquerdo.
- Kokutou embainhada, colocada na parte traseira da cintura.
- Atributos usados ao mínimo do personagem.
- Kanchi ativo passivamente, Kagura Shingan também ativo.
- É possível ver a marca Hattori abaixo do manto que não está totalmente fechado.
- Qualquer coisa só me procurar no discord, Ablon.
- POR FAVOR PEGUEM MINHAS ARMAS, MEU DEUS KKKK
Saida: https://www.narutorpgakatsuki.net/t70210-saida-contato-com-o-trovao-i#529461

OUTROS:

Kokutō
Rank: A
Descrição: O Kokutō (黒 刀, Literalmente significado: Black Blade) é uma espada única exercida por Raidō Namiashi. Esta katana tem uma superfície escurecida e não reflexiva e está fortemente revestida de veneno que Raidō geralmente usa para realizar suas missões de assassin;ato. Ele usou isso em conjunto com Aoba Yamashiro's Scattering Thousand Crows Technique para ocultar-se e a lâmina e defender com sucesso Akatsuki membro Kakuzu.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190626043003
Chakura Tō (Aian Nakkuru)
Rank: A
Descrição: A Chakra Blade (チ ャ ク ラ 刀, Chakura Tō) é um metal especial que pode ser infundido através do "fluxo de chakra" com chakra elementar ou mesmo chakra Yin-Yang para produzir efeitos adicionais. [1] De acordo com Shikamaru, as lâminas são capazes de absorver o tipo de chakra do usuário e se tornar a origem de uma técnica para o usuário. Este tipo de armamento era uma especialidade de Asuma Sarutobi. Suas lâminas particulares são uma faca de trincheira projetada de forma exclusiva, usadas como juntas de bronze, usando as lâminas acima dos nódulos com uma forma de ziguezague para cada junta, dando a cada lâmina "dentes". Ao acoplar essas facas com seu taijutsu, Asuma poderia atacar com um efeito devastador, como tirar nove nove de Otogakure em questão de segundos. Quando infundidos com chakra temperado pelo vento, eles podem facilmente perfurar e cortar a pedra e até mesmo o metal. A nitidez e a eficácia das facas também podem ser maximizadas se a pessoa tiver um melhor controle de seu chakra, como visto com a forma como Asuma estava treinando Sora e Naruto Uzumaki ao concentrar seu chakra de vento em seu kunai.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190529000216&path-prefix=pt-br
Kagura Shingan
Rank: -
Requerimentos: Kanchi, Grande ou Bom Controle de Chakra, Chūnin & Quest: Olho da Mente.
Descrição: Focalizando e abrindo o olho da mente, Karin é capaz de localizar e rastrear o chakra de um indivíduo por uma vasta distância que excede dez quilômetros. Ao focar ainda mais seu chakra, ela pode estender esse alcance a distâncias muito maiores. Esta habilidade também lhe dá a capacidade de perceber as flutuações no chakra de uma pessoa quando uma pessoa está mentindo ou se alguém, incluindo ela mesma, está sob um genjutsu. Além disso, concentrando-se em um chakra em particular, ela pode perceber os movimentos de seu alvo e a área circundante com grande detalhe. Essas capacidades sensoriais abençoam Karin com habilidades que até superam dōjutsu com poderes comparáveis

[Chegada] Contato com o trovão - II E5db9ee08df122719dcc3b700f9882b165891f52r1-512-205v2_00
Kanchi [600 metros]
Requerimentos: Sensor & Quest: Sensitivos.
Descrição: A Técnica Sensorial, usada pelos shinobi tipo sensor, permite ao usuário detectar chakra. Isso permite que eles detectem e localizem alvos através de suas assinaturas de chakra. O alcance dessa técnica varia entre os sensores.

Bolsa de armas 20/70:

_______________________

Zeitgeist
[Chegada] Contato com o trovão - II GM22dSN

Zeitgeist
Líder de Otogakure | Nukenin A
https://www.narutorpgakatsuki.net/t68386-fp-lawliet-hawk-scarlet#509119

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Sab 18 Jan 2020 - 20:43


[Chegada] Contato com o trovão - II AcwDIsJ
~
De repente, algo estranho soara em meu corpo. Um tremor acometeu em minhas pernas, tornando-as bambas por um breve momento, e depois um arrepio verteu sobre os fios de meus cabelos, encrespando-os abruptamente. Meu peito se aqueceu, e a marca do dragão que abocanha a própria cauda pareceu deitar-se em chamas, estremecendo como se quisesse desvencilhar-se de minha carne. Arfando pesadamente e enrugando a testa, desgrudei os olhos do prisioneiro e os movi na direção apontada pelos meus sentidos, encarando o proeminente mar de trevas, a bruma turva, as aves negras e, depois de míseros segundos, uma porção de madeixas azuladas dançando junto à débeis ventanias.

Aquela sensação despertou lembranças de um tempo passado, quando um certo homem que escapara da morte resolvera visitar a nação dos relâmpagos e firmar uma aliança em prol da humanidade. —— Shion. — Murmurei de súbito, observando o fantasma da realeza surgir das trevas como uma estrela que busca refúgio no domínio terrestre. Mesmo levitando, o homem não escapava das dádivas de meu olho direito, que o mediu profundamente e examinou a sua assinatura de energia. Constatou-se, então, que ele era de fato Hattori Shion; embora não passasse de uma espécie de bunshin.

O fantasma de cabelos cerúleos não tardou para descer até a terra. No átimo, revirei o meu corpo e postei-me à sua presença, firmando meu olhar em seu semblante e sustentando os traços de dureza que outrora havia lançado para o desertor da Nuvem Oculta. —— Sim. Faz tempo, Shion. — Assenti com um rápido aceno de cabeça, com as palavras ainda soando um tanto ríspidas. O que ele faz aqui? A dúvida incorreu em meus pensamentos, e meu cenho crispou-se ainda mais. —— Entenda como quiser, Shion, mas este homem traiu a Nuvem. Estarei levando-o para a prisão. — Disse, antecipando minhas explicações para o Hattori. —— Vamos andando, traidor. Em breve alguém virá aqui para recolher as suas armas. — Disse, enxotando o renegado para a vila enquanto o coagia com as correntes adamantinas.

Considerações:
Dados: Aparência de Arthuria Pendragon, vestindo este traje. Armas básicas encontram-se em bolsas na cintura. Excalibur está presa em um coldre no lado direito do corpo, enquanto a Kiba está selada no fūinjutsu Gandálfr e presa na bainha um pouco acima da linha do quadril, como nesta imagem. Um pano cobre o olho direito da mesma forma como nesta imagem, apesar dele não impossibilitar as habilidades do Byakugan. Marcações espaço–temporais no cabo das duas espadas.

Resumo: Identifiquei a presença de Shion antes mesmo dele aparecer, vide a habilidade natural de minha Oroborosu no Omei que me dá a capacidade de sentir as outras marcas, incluindo a Kōzoku no Omei de Shion.

Sensor
Com o Oroborosu no Omei o usuário é capaz de sentir o chakra dos recipientes das outras marcas, como a Fushichō no Omei e a Kōzoku no Omei, mesmo através de dimensões. Isto, porém, não concede nenhuma habilidade de Kanchi. Esta é uma habilidade natural do selo, não dependendo de treinamento.

Buffs: Mestre Elemental (+200 Raiton); Kiba (+100 Raiton); Habilidade em Ninjutsu (+200 Ninjutsu Puro); Ninshū (+200 Ninjutsu & +6m/s).
Reduções: Especialidade em Controle de Chakra (÷2 Custo Geral); Recuperação (+5% CK p/turno).
Custos: -5CK (Byakugan); -10CK (Tamokuteki).
Outros:
BOLSA DE ARMAS (160)
Pergaminho de Shion: 1/1un. [0]
Kunai (Hiraishin): 10/10un. [10]
Kibaku Fuuda: 20/20un. [5]
Kemuridama: 5/5un. [5]
Shuriken: 10/10un. [10]
Hikaridama: 5/5un. [5]
Fios: 25/25m. [5]
Usados:

[Chegada] Contato com o trovão - II RbsNlKw
Kongō Fūsa: Tamokuteki, 04/06.
Descrição: Tamokuteki (多目的, lit. Multipurpose) é um estilo de luta que aumenta a mobilidade das correntes usadas no Kongō Fūsa. Graças ao seu exímio conhecimento das manilhas adamantinas, o usuário modifica a constituição das correntes e as reduz drasticamente, aumentando sua flexibilidade e deixando-as mais viáveis para combates. Seguindo os regulamentos do Kongō Fūsa, o usuário se torna capaz de conjurar cinco correntes de energia projetadas à partir de anéis presos aos dedos de uma das mãos, alongando-se no formato de grilhões reduzidos que consomem míseros dez pontos de chakra por turno - para além do custo da invocação quíntupla. Através deste estilo de luta, o usuário pode reproduzir os métodos naturais de uso das correntes de forma diminuta e criativa, dado que o formato padrão das pontas das correntes é alterado para cada dedo. Todas as regras normais das correntes são respeitadas nesse estilo, exceto a de velocidade, já que elas seguem os pontos de ninjutsu e ninshū distribuídos pelo usuário. A durabilidade da técnica é limitada a seis turnos, precisando consumir novamente o preço da invocação e manutenção das correntes após o término.

Cada dedo modela a extremidade da corrente em um formato único para acessar utilizações diferentes, embora seja completamente possível moldá-las no formato original. O dedo polegar exibe a forma de uma cruz com bordas arredondadas. A corrente do dedo indicador têm sua extremidade assemelhada à uma seringa, com seu corpo afinado para funcionar de maneira sorrateira. O dedo médio tem o estranho formato de um gancho e serve inteiramente aos propósitos padrões de acorrentar alvos, tendo facilidade no quesito de enlaçá-los. O dedo anelar tem o formato de uma esfera metálica, atuando como um verdadeiro pêndulo. Por último, o dedo mínimo é traçado como uma pequena adaga, sendo o principal dedo para a de técnicas mortais — ou importantes — que podem ser relacionadas para este estilo de luta. A propósito, para se aproveitar do máximo deste estilo, é necessário que técnicas sejam criadas para cada um dos respectivos dedos. O usuário ainda pode escolher o número de correntes que quer invocar, dispensando a obrigatoriedade do consumo quíntuplo do Kongō Fūsa. O alcance, a anulação de força, a anulação de chakra e a criação de uma barreira protetora deverão seguir os limites das correntes.

[Chegada] Contato com o trovão - II SeFeDYA
Oroborosu no Omei
Descrição: A Marca de Ouroboros é um estranho selo transferido por Opus, criando o símbolo de ouroboros no centro do peito de seu receptor. Os poderes dessa marca ainda são um mistério, porém, de acordo com Shion, há uma grande importância para finalizar Shaka. Uma vez que tenha recebido essa marca, o usuário se torna hábil a dominar, caso já não domine, a natureza do relâmpago sem treinamento, dando uma coloração dourada aos raios. Os corpos com esta marca parecem se tornarem mais resistentes e duráveis, tendo automaticamente um aumento de dois turnos no limite da durabilidade deste. O usuário terá o selo no centro do peito.

[Chegada] Contato com o trovão - II QWMKcbk
Byakugan, Ativado.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "Olho Branco") é um dōjutsu kekkei genkai do clã Hyūga e do clã Ōtsutsuki. Seu poder a princípio surgiu como uma Kekkei Mōra junto com o Rinne Sharingan na ancestral mais antiga conhecida dos clãs Hyūga e Ōtsutsuki: Kaguya Ōtsutsuki. Ficou conhecido como um dos Três Grandes Dōjutsu (三大瞳术, Sandai Dōjutsu; Literalmente significa "Três Grandes Técnicas Oculares"), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado à vontade. Alcance de quatro quilômetros e duzentos e setenta e cinco metros.

[Chegada] Contato com o trovão - II NGR63dz
Kiba 牙, Selado.
Rank: S
Descrição: Kiba (牙; lit. Presas) é uma das famosas espadas dos Sete Espadachins Ninja da Névoa. É uma espada dupla, a sua característica mais notável é uma saliência para cima, curvado perto da extremidade de um lado da lâmina e um outro perto da base do outro lado da lâmina. Em cada uma delas foram imbuídas de relâmpagos, mostrando poder de corte maior de forma semelhante às vibrações de alta frequência de relâmpagos baseado em fluxo de chakra. É essa capacidade que resultou no nome "espadas de raio" (雷刀, raitō) que está sendo reivindicado como as maiores espadas na existência. No anime, eles permitem ao usuário formar raios livremente.

[Chegada] Contato com o trovão - II Ci9cYzY
Excalibur, 00/500
Rank: S
Descrição: A Excalibur: Sword of Promised Victory (約束された勝利の剣, Yakusokusareta Shōri no Ken) é uma construção divina, aclamada por ser o apogeu das espadas e armas lendárias. Fabricada com um material desconhecido, cujas limitações físicas superam a maioria dos sabres convencionais, mostra-se como uma arma leve, resistente e possuidora de um fio imensamente afiado. A lenda diz que ela foi forjada nas entranhas do mundo como a cristalização dos desejos da humanidade, tornando-se um construto fadado a proteger o planeta de todo o mal. Seu cabo é azulado com adornos de ouro que sobem até o guarda-mão. Sua lâmina é tão branca quanto a neve, reluzindo através de um véu luminoso de cor dourada. Seu gume é fino como navalha, e epígrafes misteriosas mostram-se entalhadas na chapa resplandescente.

A primeira habilidade da espada lendária é a capacidade de ocultar totalmente sua substância, permanecendo invisível à olhos nus. Tal aptidão utiliza de inúmeras camadas de energia comprimidas em alta pressão, sendo o suficiente para dobrar a luz ao redor da arma e distorcer totalmente a reflexão e refração da luz, o que acaba por tornar o objeto invisível. Além disso, caso o usuário tenha a qualidade Habilidade em Ninjutsu, o mesmo pode apagar a presença da espada, fazendo com que ela oculte tanto a sua forma física quanto qualquer manifestação de chakra que transcorra em sua lâmina. Nomeado como Invisible Air (風王結界, Barrier of the Wind King), este recurso pode ser ativado com o custo por turno de dez pontos de chakra para invisibilidade simples e quarenta e cinco para a complexa, podendo se fazer presente por toda a extensão da arma ou unicamente na lâmina. Os custos não podem ser reduzidos por bonificações.

A segunda habilidade mostra-se mais como um mecanismo de defesa. A espada, obedecendo às citações de sua lenda, possui uma incrível conexão com o planeta e, portanto, com a natureza. Graças a isto, é possível infundir parcelas de energia natural no objeto, e assim, apenas aqueles que detém o pleno controle sobre o chakra sábio podem clamar o verdadeiro poder da espada da vitória prometida. Conhecido pelo nome de Avalon (全て遠き理想郷, Everdistant Utopia), o mecanismo possui uma reserva de quinhentos pontos de chakra natural, sendo necessário que o empunhador transfira esta energia para a arma através do contato físico, perdurando entre tópicos. Assim, quando quiser e uma vez por turno, o espadachim é capaz de retirar cinquenta pontos deste chakra natural para uso próprio, reduzindo-o diretamente da reserva e sendo necessária a reposição.
Arthuria; HP: 2000, CK: 3695/3975, CKN: 00/400, ST: 4/16
Kokuō; CK: 3500/3500

_______________________

[Chegada] Contato com o trovão - II IRI1jk5
“— Um mal é um mal. Menor, maior, médio, tanto faz… As proporções são convencionadas e as fronteiras, imprecisas. Não sou um santo eremita e não pratiquei apenas o bem ao longo da minha vida. Mas, se me couber escolher entre os dois males, prefiro abster-me por completo da escolha.”
(Geralt of Rivia, The Last Wish)

——— Andrzej Sapkowski

Zireael
seibah

Zireael
Kyūdaime Raikage
https://www.narutorpgakatsuki.net/t67548-fs-do-you-still-want-to-be-a-hero#500335 https://www.narutorpgakatsuki.net/t69267-gf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Dom 19 Jan 2020 - 6:56

Nosso Inimigo?

[Chegada] Contato com o trovão - II ResponsibleInsecureKiskadee-size_restricted

As apresentações foram feitas, o prisioneiro fez sua defesa, mas sera que aquele hattori ali era mesmo um criminoso? Shion não queria ofender o Raikage ele o considerava de mais, porém ele tinha que proteger os Hattoris
Me desculpe Raikage
Shion avança entre os 2 e coloca sua mão na cabeça de Lawliet e ao mesmo tempo coloca a outra mão na cabeça de Arthuria.
Vou revirar a cabeça dele e transferir todas as memórias dele para com kumo, se tiver uma intenção ruim você poderá ver com seus próprios olhos e aí julgue a seu gosto. Novamente me desculpe a intromissão

_______________________

Sasha Grey Impossivel não se Apaixonar!
[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o1_250[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o2_250[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o3_250
[Chegada] Contato com o trovão - II H8loA8y
Convidado!
The Force is strong in my family, my father had it, I have it, my sister has it. You have that power too.


[Chegada] Contato com o trovão - II 9h4HA
Shion
Hattori

Shion
Administrador
http://narutorpgakatsuki.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Dom 19 Jan 2020 - 12:42

Diante os olhos do Shodaime a identidade do homem de fios azuis foi revelada pela Kyudaime Raikage. "Então, esse é Hattori Shion." A pessoa cujo nome a pouco havia sido citada por Arthuria Pendragon, certamente, o líder da empreitada Hattori. Sua energia era diferente das que havia sentido. Apesar de se assemelhar vagamente à daquela mulher, havia algo de incomum na natureza de seu chakra. Algo que nem mesmo Lawliet podia descrever com simples palavras. Suas intenções pareciam ter uma pureza diferente da maioria.

Este se aproximou de ambos e tocou-lhe a face. Lawliet sorriu levemente, um sorriso de agradecimento. Suas memórias então voltaram como um turbilhão. Inicialmente recordou-se de seu passado como um garoto. As memórias do tempo em que viviam numa vila agregada de Kumogakure, junto a seu avô. Um rapaz sem muito talento natural, cujo treinamento árduo se limitava a suas forças na arte marcial. A morte de seu avô por causa da velhice e a partida para Kumogakure levou-o à lembrança da batalha que durou dez dias e dez noites. O sangue, os corpos e, por fim, as questões que vieram a sua mente. O que movia o ser humano? O que levava alguém a matar daquele modo? Era possível ver a frieza tomar o corpo daquele jovem menino.

Com a chegada em Kumogakure e, apesar de sua limitada habilidade nas artes gerais de um ninja, recordou-se sobre sua graduação e sua vida no vilarejo. Solitário, não teve amigos ou mesmo conhecidos. Vagando como uma figura fantasmagórica pelas ruas da cidade. Seu desejo por liberdade o fez tomar uma atitude drástica. A imagem de sua prisão e a escuridão que o encarcerou em Cochlea. Não sentia raiva do vilarejo e sim um ódio imensurável de si mesmo, se julgava frágil, fraco e incapaz de entender a natureza humana. A sede pelo conhecimento parecia crescer a cada dia que passava.

A liberdade o levou as ruas como um mendigo. Um criminoso cujos olhos que o viam o julgavam intensamente. Não sentia-se em casa, e a única coisa que podia fazer, era aceitar seu fardo. Treinou arduamente durante semanas. Nenhuma missão lhe fora passada durante esse tempo, até que, finalmente fora chamado para uma. Não que quisesse que isso acontecesse, já que havia aceito o ódio daqueles que o cercavam e não mais tentava agradar as pessoas ao seu redor. Para ele, a missão era de pesquisa. Os corpos das quimeras sendo destroçados por sua espada e a besta adormecida em seu corpo acordando. Sua face era completamente diferente da que demonstrava atualmente. Durante a missão, conheceu o Jonin, Ikki. Diante a seita religiosa que encontraram, Lawliet exterminou todos ali presentes e, apesar disso, fora repreendido por seu companheiro de missão. Internamente, não via diferença entre o que havia feito e o que a maioria das pessoas fazia. Realmente não entendia a própria natureza. Aceitou as ordens de Ikki e durante a batalha com o líder da seita, salvou sua vida. Ikki deixou-o escolher seu caminho, após aquilo e Lawliet deixou Kumogakure.

A partir daquele momento, as lembranças sobre Kumogakure apareceram cada vez menos. Até que o encontro daquela mulher ocorresse. Diante a nevasca, soube que teria de enfrentar seu passado pelo bem daqueles que protegia; entretanto estava disposto à lutar sem tomar a vida de pessoas inocentes. A criança e o velho não morreriam pelas suas mãos e este recusou a tarefa de mata-los; diferindo totalmente de seu eu de um passado sombrio.

Algum tempo depois, perguntou a Anakin, um dos ninjas de Otogakure, o que havia acontecido com Kumogakure. Ali, L já era totalmente diferente do que fora um dia. De pesquisador havia se tornado um governante. A resposta de Anakin trouxe certa felicidade, mas esta não sobressaiu ao peso da guerra que estava a espreita. Precisava se mover e fortalecer a aliança entre os ninjas, caso contrário, Oto e o mundo ninja, estariam perdidos. Assim, L decidiu ir a Kumogakure em uma missão de paz, mesmo sabendo que sua vida estava em risco com tal decisão. Havia deixado para trás seu orgulho e aceitado sua missão para com o mundo ninja. Sua mente estava mais centrada do que nunca e este estava pronto para arcar com as consequências de seu passado em prol de algo maior.

[..]

1400 HP
1525 CH

ST: 00/05

Considerações:
- Roupas e aparência idêntica a esta imagem. Sem blusa, tipo Kimimaro no anime/mangá, a blusa pendurada pelo cinto, sem atrapalhar o possível saque da espada. Manto entreaberto e com capuz sobre o corpo.
- Marca Hattori sobre o peito esquerdo.
- Kokutou embainhada, colocada na parte traseira da cintura.
- Atributos usados ao mínimo do personagem.
- Kanchi ativo passivamente, Kagura Shingan também ativo.
- É possível ver a marca Hattori abaixo do manto que não está totalmente fechado.
- Qualquer coisa só me procurar no discord, Ablon.
- Escrevi a partir da história presente em minha ficha.
Saida: https://www.narutorpgakatsuki.net/t70210-saida-contato-com-o-trovao-i#529461

OUTROS:

Kokutō
Rank: A
Descrição: O Kokutō (黒 刀, Literalmente significado: Black Blade) é uma espada única exercida por Raidō Namiashi. Esta katana tem uma superfície escurecida e não reflexiva e está fortemente revestida de veneno que Raidō geralmente usa para realizar suas missões de assassin;ato. Ele usou isso em conjunto com Aoba Yamashiro's Scattering Thousand Crows Technique para ocultar-se e a lâmina e defender com sucesso Akatsuki membro Kakuzu.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190626043003
Chakura Tō (Aian Nakkuru)
Rank: A
Descrição: A Chakra Blade (チ ャ ク ラ 刀, Chakura Tō) é um metal especial que pode ser infundido através do "fluxo de chakra" com chakra elementar ou mesmo chakra Yin-Yang para produzir efeitos adicionais. [1] De acordo com Shikamaru, as lâminas são capazes de absorver o tipo de chakra do usuário e se tornar a origem de uma técnica para o usuário. Este tipo de armamento era uma especialidade de Asuma Sarutobi. Suas lâminas particulares são uma faca de trincheira projetada de forma exclusiva, usadas como juntas de bronze, usando as lâminas acima dos nódulos com uma forma de ziguezague para cada junta, dando a cada lâmina "dentes". Ao acoplar essas facas com seu taijutsu, Asuma poderia atacar com um efeito devastador, como tirar nove nove de Otogakure em questão de segundos. Quando infundidos com chakra temperado pelo vento, eles podem facilmente perfurar e cortar a pedra e até mesmo o metal. A nitidez e a eficácia das facas também podem ser maximizadas se a pessoa tiver um melhor controle de seu chakra, como visto com a forma como Asuma estava treinando Sora e Naruto Uzumaki ao concentrar seu chakra de vento em seu kunai.

[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190529000216&path-prefix=pt-br
Kagura Shingan
Rank: -
Requerimentos: Kanchi, Grande ou Bom Controle de Chakra, Chūnin & Quest: Olho da Mente.
Descrição: Focalizando e abrindo o olho da mente, Karin é capaz de localizar e rastrear o chakra de um indivíduo por uma vasta distância que excede dez quilômetros. Ao focar ainda mais seu chakra, ela pode estender esse alcance a distâncias muito maiores. Esta habilidade também lhe dá a capacidade de perceber as flutuações no chakra de uma pessoa quando uma pessoa está mentindo ou se alguém, incluindo ela mesma, está sob um genjutsu. Além disso, concentrando-se em um chakra em particular, ela pode perceber os movimentos de seu alvo e a área circundante com grande detalhe. Essas capacidades sensoriais abençoam Karin com habilidades que até superam dōjutsu com poderes comparáveis

[Chegada] Contato com o trovão - II E5db9ee08df122719dcc3b700f9882b165891f52r1-512-205v2_00
Kanchi [600 metros]
Requerimentos: Sensor & Quest: Sensitivos.
Descrição: A Técnica Sensorial, usada pelos shinobi tipo sensor, permite ao usuário detectar chakra. Isso permite que eles detectem e localizem alvos através de suas assinaturas de chakra. O alcance dessa técnica varia entre os sensores.

Bolsa de armas 20/70:

_______________________

Zeitgeist
[Chegada] Contato com o trovão - II GM22dSN

Zeitgeist
Líder de Otogakure | Nukenin A
https://www.narutorpgakatsuki.net/t68386-fp-lawliet-hawk-scarlet#509119

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Qua 22 Jan 2020 - 23:50


[Chegada] Contato com o trovão - II QsQIMin
~
O toque do fantasma afagou os meus cabelos e aqueceu o meu corpo, se contrapondo à sua familiar natureza glacial. Esperei alguns segundos para que suas habilidades fizessem efeito sobre mim, mas nada me ocorrera. Então, movimentei os olhos na direção dos de Shion e mirei-o com um traço de hesitação. Foi nesse instante que, de repente, a terra fugiu sob meus pés. O chão tremeu, o cascalho se levantou e a lua pareceu minguar. A luz tornou-se parca e o mundo redemoinhou de forma incontrolável, sem nunca parar.

Uma espessa cortina nebulosa cobriu-me inteiramente, se rompendo aos poucos por um quase imperceptível filete luminoso que superava a escuridão profunda, um negrume no qual toda matéria desaparecia. Com enorme esforço, contorci os lábios e arregalei os olhos, tateando ao meu redor com as mãos entorpecidas pelo vazio. Dirigi minha visão até o início daquele filete, vendo-o se expandir e, logo após, se tornar em uma radiante coroa solar. Em meio ao ímpeto, precisei semicerrar o olhar para ver adiante, notando, entre o espetáculo de luzes, o esboço de uma belíssima paisagem. Não demorou para ela firmar-se perante mim, e restou-me contemplar a história que ali seria contada. A história do traidor da Nuvem.

[...]

Depois de tudo, abri os olhos num rompante e vi o mundo se fazer novamente ao meu redor. Vi a lua estampada no céu, vi as montanhas no fundo do cenário, e vi o grande portão à minha frente. Também vi os pássaros enleados nos montículos e vi os dois homens à minha frente, o fantasma do tempo e o renegado que se arriscara para cultivar a paz. Meus lábios se contorceram ainda mais, enquanto sobre a corada bochecha deslizava uma única gota de suor – ou de uma lágrima. As correntes de minha linhagem, que desde o início partiam de meu dedo, vagarosamente se retraíram de volta ao anel, sumindo depois de um estalo seco e uma faísca dourada.

—— Você está livre... — Disse, meneando a cabeça para baixo, deixando que uma sombra cobrisse o meu rosto. As palavras eram lançadas aos ouvidos do traidor. —— Eu acredito naquilo que vi, e, portanto, também acredito em suas intenções. Não o levarei para a prisão, mas também não aceitarei auxiliá-lo nesta guerra. Agiremos individualmente, pensando apenas em nossas próprias nações. Eis uma espada de dois gumes. — A citação da tradição de Camm, minha terra natal, irrompeu nos pensamentos. —— Agora, vá embora, renegado. E não volte mais... — A voz riscou o ar como o silvo de uma lâmina, e logo tornei o olhar no semblante do shinobi em tom de seriedade. Assim eu havia dito, sem esperar nenhuma fala de Shion, pois aquele fora a minha sentença, a minha vontade.

Considerações:
Dados: Aparência de Arthuria Pendragon, vestindo este traje. Armas básicas encontram-se em bolsas na cintura. Excalibur está presa em um coldre no lado direito do corpo, enquanto a Kiba está selada no fūinjutsu Gandálfr e presa na bainha um pouco acima da linha do quadril, como nesta imagem. Um pano cobre o olho direito da mesma forma como nesta imagem, apesar dele não impossibilitar as habilidades do Byakugan. Marcações espaço–temporais no cabo das duas espadas.

Resumo: Desculpe pela demora.

Buffs: Mestre Elemental (+200 Raiton); Kiba (+100 Raiton); Habilidade em Ninjutsu (+200 Ninjutsu Puro); Ninshū (+200 Ninjutsu & +6m/s).
Reduções: Especialidade em Controle de Chakra (÷2 Custo Geral); Recuperação (+5% CK p/turno).
Custos: -5CK (Byakugan).
Outros:
BOLSA DE ARMAS (160)
Pergaminho de Shion: 1/1un. [0]
Kunai (Hiraishin): 10/10un. [10]
Kibaku Fuuda: 20/20un. [5]
Kemuridama: 5/5un. [5]
Shuriken: 10/10un. [10]
Hikaridama: 5/5un. [5]
Fios: 25/25m. [5]
Usados:

[Chegada] Contato com o trovão - II SeFeDYA
Oroborosu no Omei
Descrição: A Marca de Ouroboros é um estranho selo transferido por Opus, criando o símbolo de ouroboros no centro do peito de seu receptor. Os poderes dessa marca ainda são um mistério, porém, de acordo com Shion, há uma grande importância para finalizar Shaka. Uma vez que tenha recebido essa marca, o usuário se torna hábil a dominar, caso já não domine, a natureza do relâmpago sem treinamento, dando uma coloração dourada aos raios. Os corpos com esta marca parecem se tornarem mais resistentes e duráveis, tendo automaticamente um aumento de dois turnos no limite da durabilidade deste. O usuário terá o selo no centro do peito.

[Chegada] Contato com o trovão - II QWMKcbk
Byakugan, Ativado.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "Olho Branco") é um dōjutsu kekkei genkai do clã Hyūga e do clã Ōtsutsuki. Seu poder a princípio surgiu como uma Kekkei Mōra junto com o Rinne Sharingan na ancestral mais antiga conhecida dos clãs Hyūga e Ōtsutsuki: Kaguya Ōtsutsuki. Ficou conhecido como um dos Três Grandes Dōjutsu (三大瞳术, Sandai Dōjutsu; Literalmente significa "Três Grandes Técnicas Oculares"), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado à vontade. Alcance de quatro quilômetros e duzentos e setenta e cinco metros.

[Chegada] Contato com o trovão - II NGR63dz
Kiba 牙, Selado.
Rank: S
Descrição: Kiba (牙; lit. Presas) é uma das famosas espadas dos Sete Espadachins Ninja da Névoa. É uma espada dupla, a sua característica mais notável é uma saliência para cima, curvado perto da extremidade de um lado da lâmina e um outro perto da base do outro lado da lâmina. Em cada uma delas foram imbuídas de relâmpagos, mostrando poder de corte maior de forma semelhante às vibrações de alta frequência de relâmpagos baseado em fluxo de chakra. É essa capacidade que resultou no nome "espadas de raio" (雷刀, raitō) que está sendo reivindicado como as maiores espadas na existência. No anime, eles permitem ao usuário formar raios livremente.

[Chegada] Contato com o trovão - II Ci9cYzY
Excalibur, 00/500
Rank: S
Descrição: A Excalibur: Sword of Promised Victory (約束された勝利の剣, Yakusokusareta Shōri no Ken) é uma construção divina, aclamada por ser o apogeu das espadas e armas lendárias. Fabricada com um material desconhecido, cujas limitações físicas superam a maioria dos sabres convencionais, mostra-se como uma arma leve, resistente e possuidora de um fio imensamente afiado. A lenda diz que ela foi forjada nas entranhas do mundo como a cristalização dos desejos da humanidade, tornando-se um construto fadado a proteger o planeta de todo o mal. Seu cabo é azulado com adornos de ouro que sobem até o guarda-mão. Sua lâmina é tão branca quanto a neve, reluzindo através de um véu luminoso de cor dourada. Seu gume é fino como navalha, e epígrafes misteriosas mostram-se entalhadas na chapa resplandescente.

A primeira habilidade da espada lendária é a capacidade de ocultar totalmente sua substância, permanecendo invisível à olhos nus. Tal aptidão utiliza de inúmeras camadas de energia comprimidas em alta pressão, sendo o suficiente para dobrar a luz ao redor da arma e distorcer totalmente a reflexão e refração da luz, o que acaba por tornar o objeto invisível. Além disso, caso o usuário tenha a qualidade Habilidade em Ninjutsu, o mesmo pode apagar a presença da espada, fazendo com que ela oculte tanto a sua forma física quanto qualquer manifestação de chakra que transcorra em sua lâmina. Nomeado como Invisible Air (風王結界, Barrier of the Wind King), este recurso pode ser ativado com o custo por turno de dez pontos de chakra para invisibilidade simples e quarenta e cinco para a complexa, podendo se fazer presente por toda a extensão da arma ou unicamente na lâmina. Os custos não podem ser reduzidos por bonificações.

A segunda habilidade mostra-se mais como um mecanismo de defesa. A espada, obedecendo às citações de sua lenda, possui uma incrível conexão com o planeta e, portanto, com a natureza. Graças a isto, é possível infundir parcelas de energia natural no objeto, e assim, apenas aqueles que detém o pleno controle sobre o chakra sábio podem clamar o verdadeiro poder da espada da vitória prometida. Conhecido pelo nome de Avalon (全て遠き理想郷, Everdistant Utopia), o mecanismo possui uma reserva de quinhentos pontos de chakra natural, sendo necessário que o empunhador transfira esta energia para a arma através do contato físico, perdurando entre tópicos. Assim, quando quiser e uma vez por turno, o espadachim é capaz de retirar cinquenta pontos deste chakra natural para uso próprio, reduzindo-o diretamente da reserva e sendo necessária a reposição.
Arthuria; HP: 2000, CK: 3690/3975, CKN: 00/400, ST: 5/16
Kokuō; CK: 3500/3500

_______________________

[Chegada] Contato com o trovão - II IRI1jk5
“— Um mal é um mal. Menor, maior, médio, tanto faz… As proporções são convencionadas e as fronteiras, imprecisas. Não sou um santo eremita e não pratiquei apenas o bem ao longo da minha vida. Mas, se me couber escolher entre os dois males, prefiro abster-me por completo da escolha.”
(Geralt of Rivia, The Last Wish)

——— Andrzej Sapkowski

Zireael
seibah

Zireael
Kyūdaime Raikage
https://www.narutorpgakatsuki.net/t67548-fs-do-you-still-want-to-be-a-hero#500335 https://www.narutorpgakatsuki.net/t69267-gf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Qui 23 Jan 2020 - 14:09

Livre para viver mais um dia

[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_ol6z9jiY0J1vefoo6o1_500

Após um tempo os 2 conseguiram se entender o Raikage viu as memórias do rapaz e lhe deu mais uma chance para viver, algo esperado de um Kage com tanta honraria, mas esse não era o objetivo de Shion em Kumo foi apenas coincidência esse encontro entre os 3 Hattoris.
-Raikage eu gostaria de um minuto de seu tempo eu gostaria de falar sobre Iwa mas em particular
Shion aguarda uma resposta e olhava novamente ao garoto Nukkenin
-Cuidado daqui pra frente garoto, eu vi muita coisa em sua cabeça e um dia você terá a importante decisão de proteger ou destruir o mundo olhe bem quem está com você
Shion coloca a mão no ombro dele
-Mas obrigado por ser um Hattori tão devoto

_______________________

Sasha Grey Impossivel não se Apaixonar!
[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o1_250[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o2_250[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o3_250
[Chegada] Contato com o trovão - II H8loA8y
Convidado!
The Force is strong in my family, my father had it, I have it, my sister has it. You have that power too.


[Chegada] Contato com o trovão - II 9h4HA
Shion
Hattori

Shion
Administrador
http://narutorpgakatsuki.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Qui 23 Jan 2020 - 17:16

A viagem transcendental pareceu longa de um ponto de vista do observador interno, entretanto, o despertar demonstrou grandes diferenças entre o tempo passado dentro das memórias e fora delas; pelo menos, era o quê parecia. Os sons antes audíveis se revelaram novamente diante o véu da escuridão que resplandecia mais uma vez. O tempo novamente voltava a cintilar diante os olhos azulados do homem de cabelos negros, cuja face não mais sorria. Sentiu a corrente afrouxar-se enquanto era recolhida em direção ao dedo de sua portadora. Diria que aquilo era um bom sinal, ou talvez, nem tão bom quanto imaginava.

[..]

As palavras de Arthuria mais uma vez ecoaram no espaço aberto. A mudança de sua decisão ainda angariava-se às trevas de um passado recente. A face do Governante da Nação do Som a observaram enquanto falava, olhando-a sobre seus ombros. Seus olhos se desviaram no instante que as palavras distanciaram a aliança de suas mãos, ao mesmo tempo que um leve sorriso, digamos que compreensivo, estendeu-se levemente no canto de sua boca. — Entendo... — Murmurou, cerrando os olhos mais uma vez. Caminhou em direção a abertura do portão, passando ao lado do homem de cabelos azulados. Agora quem lhe dirigia a palavra era ele: Hattori Shion.

O leve sorriso mais uma vez se revelou, diante às palavras do homem. Dessa vez, sua resposta fora dirigida a ele. — Pode ter sido mera coincidência, mas, ainda sim, eu que lhe devo agradecimentos, Hattori Shion. — Lawliet virou a face para Shion, tornando possível que Arthuria visse-a de perfil, apesar dos olhos nitidamente fechados fazerem sua expressão facial ser quase que ilegível. — Talvez tenhamos mais em comum do que pareça. — Não era possível saber se as palavras estavam sendo direcionadas a Arthuria ou Shion. Provavelmente, para ambos. — Espero que na próxima vez nós três possamos nos encontrar sob a paz verdadeira. Apesar de acreditar que algo diferente espera cada um de nós, certo? — A pergunta fora retórica, já que L voltou a caminhar ao fim da mesma.

Agachou-se à alguns metros e pegou suas armas no chão, guardando-as enquanto voltava a caminhar tranquilamente. — Hattori Shion. Arthuria Pendragon. Apesar das circunstancias, foi um prazer conhece-los pessoalmente. Tenham uma boa noite. — Ele ergueu sua destra acima dos ombros, em sinal de despedida. Voltaria para sua morada. Otogakure no Sato.

[/i]
1400 HP
1525 CH

ST: 00/05


Considerações:
- Roupas e aparência idêntica a esta imagem. Sem blusa, tipo Kimimaro no anime/mangá, a blusa pendurada pelo cinto, sem atrapalhar o possível saque da espada. Manto entreaberto e com capuz sobre o corpo.
- Marca Hattori sobre o peito esquerdo.
- Kokutou embainhada, colocada na parte traseira da cintura.
- Atributos usados ao mínimo do personagem.
- Kanchi ativo passivamente, Kagura Shingan também ativo.
- É possível ver a marca Hattori abaixo do manto que não está totalmente fechado.
Saida: https://www.narutorpgakatsuki.net/t70210-saida-contato-com-o-trovao-i#529461

OUTROS:


Kokutō
Rank: A
Descrição: O Kokutō (黒 刀, Literalmente significado: Black Blade) é uma espada única exercida por Raidō Namiashi. Esta katana tem uma superfície escurecida e não reflexiva e está fortemente revestida de veneno que Raidō geralmente usa para realizar suas missões de assassin;ato. Ele usou isso em conjunto com Aoba Yamashiro's Scattering Thousand Crows Technique para ocultar-se e a lâmina e defender com sucesso Akatsuki membro Kakuzu.


[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190626043003
Chakura Tō (Aian Nakkuru)
Rank: A
Descrição: A Chakra Blade (チ ャ ク ラ 刀, Chakura Tō) é um metal especial que pode ser infundido através do "fluxo de chakra" com chakra elementar ou mesmo chakra Yin-Yang para produzir efeitos adicionais. [1] De acordo com Shikamaru, as lâminas são capazes de absorver o tipo de chakra do usuário e se tornar a origem de uma técnica para o usuário. Este tipo de armamento era uma especialidade de Asuma Sarutobi. Suas lâminas particulares são uma faca de trincheira projetada de forma exclusiva, usadas como juntas de bronze, usando as lâminas acima dos nódulos com uma forma de ziguezague para cada junta, dando a cada lâmina "dentes". Ao acoplar essas facas com seu taijutsu, Asuma poderia atacar com um efeito devastador, como tirar nove nove de Otogakure em questão de segundos. Quando infundidos com chakra temperado pelo vento, eles podem facilmente perfurar e cortar a pedra e até mesmo o metal. A nitidez e a eficácia das facas também podem ser maximizadas se a pessoa tiver um melhor controle de seu chakra, como visto com a forma como Asuma estava treinando Sora e Naruto Uzumaki ao concentrar seu chakra de vento em seu kunai.


[Chegada] Contato com o trovão - II Latest?cb=20190529000216&path-prefix=pt-br
Kagura Shingan
Rank: -
Requerimentos: Kanchi, Grande ou Bom Controle de Chakra, Chūnin & Quest: Olho da Mente.
Descrição: Focalizando e abrindo o olho da mente, Karin é capaz de localizar e rastrear o chakra de um indivíduo por uma vasta distância que excede dez quilômetros. Ao focar ainda mais seu chakra, ela pode estender esse alcance a distâncias muito maiores. Esta habilidade também lhe dá a capacidade de perceber as flutuações no chakra de uma pessoa quando uma pessoa está mentindo ou se alguém, incluindo ela mesma, está sob um genjutsu. Além disso, concentrando-se em um chakra em particular, ela pode perceber os movimentos de seu alvo e a área circundante com grande detalhe. Essas capacidades sensoriais abençoam Karin com habilidades que até superam dōjutsu com poderes comparáveis


[Chegada] Contato com o trovão - II E5db9ee08df122719dcc3b700f9882b165891f52r1-512-205v2_00
Kanchi [600 metros]
Requerimentos: Sensor & Quest: Sensitivos.
Descrição: A Técnica Sensorial, usada pelos shinobi tipo sensor, permite ao usuário detectar chakra. Isso permite que eles detectem e localizem alvos através de suas assinaturas de chakra. O alcance dessa técnica varia entre os sensores.


Bolsa de armas 20/70:

_______________________

Zeitgeist
[Chegada] Contato com o trovão - II GM22dSN

Zeitgeist
Líder de Otogakure | Nukenin A
https://www.narutorpgakatsuki.net/t68386-fp-lawliet-hawk-scarlet#509119

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Sex 24 Jan 2020 - 11:10

[Chegada] Contato com o trovão - II DgHCTEX
~
—— Va fail. — Disse, piscando os olhos de maneira abrupta e reprimindo o sentido da visão, passando a enxergar o mundo como deveria, sem os encantos de meu dōjutsu. Em meio ao breu, vi os longos fios negros do renegado se agitarem com os ventos e vi as extremidades de suas vestimentas dançaricarem no ar de maneira graciosa, atribuindo-lhe um aspecto fantasmagórico, quase delirante. Assim, de pouco a pouco, corpo do homem abalroou-se na neblina e na intensa escuridão, se perdendo naquele enorme vazio e atravessando o grande portão. No alto do céu, a lua reluziu ferozmente e, logo depois, o renegado desvaneceu em meio às trevas.

Respirando com tranquilidade, voltei a sentir o ar frio açoitar a minha pele, reanimando meu espírito e recuperando parte de minhas energias. No átimo, conduzi meu chakra pelo meu corpo em direção à minha perna, seguindo ao pé direito, à sua sola e, por fim, até o chão, marcando-o com um simplório selo de minha habilidade espaço-temporal. Certamente, aquela marca agilizaria a minha chegada até o portão do vilarejo, caso, no futuro, ocorresse um evento semelhante à este que acabara de acontecer.

Meus olhos rapidamente tornaram na direção de Shion, o qual, segundo suas próprias palavras, ainda tinha um assunto a tratar com a minha pessoa. —— A Vila da Pedra? Aconteceu alguma coisa? — Retruquei, fazendo pequenas pausas em minha fala. Nos pensamentos, rememorava a reunião das três sombras no gabinete do Tsuchikage, onde lá, firmamos um acordo de cooperação entre as nações. Talvez a aliança tenha sido desfeita. Refleti, levando a mão até o queixo. —— Tudo bem, falaremos à sós. Me encontre em meu escritório. — Avisei, fazendo um selo simples com uma das mãos. Mirei os olhos do fantasma. —— Se me lembro bem, você sabe o caminho. — Afirmei, em seguida desaparecendo num forte brilho amarelo.

Considerações:
Dados: Aparência de Arthuria Pendragon, vestindo este traje. Armas básicas encontram-se em bolsas na cintura. Excalibur está presa em um coldre no lado direito do corpo, enquanto a Kiba está selada no fūinjutsu Gandálfr e presa na bainha um pouco acima da linha do quadril, como nesta imagem. Um pano cobre o olho direito da mesma forma como nesta imagem, apesar dele não impossibilitar as habilidades do Byakugan. Marcações espaço–temporais no cabo das duas espadas.

Resumo: RP. Deixei uma marca espaço-tempo — 10m do portão, no chão — e me teletransportei para o selo localizado em meu gabinete.

Buffs: Mestre Elemental (+200 Raiton); Kiba (+100 Raiton); Habilidade em Ninjutsu (+200 Ninjutsu Puro); Ninshū (+200 Ninjutsu & +6m/s).
Reduções: Especialidade em Controle de Chakra (÷2 Custo Geral); Recuperação (+5% CK p/turno).
Custos: +195CK (Atributo — Recuperação); -5CK (Bunsan); -300CK (Hiraishin no Jutsu).
Outros:
BOLSA DE ARMAS (160)
Pergaminho de Shion: 1/1un. [0]
Kunai (Hiraishin): 10/10un. [10]
Kibaku Fuuda: 20/20un. [5]
Kemuridama: 5/5un. [5]
Shuriken: 10/10un. [10]
Hikaridama: 5/5un. [5]
Fios: 25/25m. [5]
Usados:

[Chegada] Contato com o trovão - II Ck0uBpd
Hiraishin no Jutsu
Rank: S
Descrição: O Hiraishin no Jutsu é uma técnica criada pelo Segundo Hokage, Tobirama Senju, que permite ao usuário se transportar para um determinado local marcado instantaneamente. Para ativar esta técnica, o usuário coloca um selo especial ou "técnica fórmula" (術式, jutsu-shiki) para marcar o destino pretendido. Depois disso, eles podem entrar um vazio dimensional à vontade que instantaneamente transporta-os para o local do selo. A marca pode ser aplicada a qualquer área através do contato físico breve, incluindo um adversário ou alguma outra característica circundante. Como esta técnica é capaz de afetar qualquer coisa que está em contato com o usuário ou de alguma forma ligado ao seu chakra, eles também podem usar esta técnica para teletransportar outros objetos ou pessoas, como quando Minato usou para teleportar Kurama de Konohagakure, embora o tamanho do objeto determina a quantidade de chakra necessário. Como Minato também notou, a fórmula de marcação nunca desaparece a partir de um alvo marcado.

[Chegada] Contato com o trovão - II Xlwg3MM
Bunsan
Rank: D
Descrição: Bunsan (分散, lit. Dispersion) é uma técnica fundamental para os usuários de Jikūkan Ninjutsu. Através dela, o usuário é capaz de aplicar as marcações do Hiraishin a partir de qualquer parte de seu corpo, independente desta estar obstruída por algum tipo de vestimenta — tais como calçados, luvas ou camisas. A técnica segue o gasto normal das marcações de Hiraishin, sendo cinco pontos de chakra para cada marcação, sem limite de marcas por turno. Essa técnica não requer nenhum selo de mão para ser executada.

[Chegada] Contato com o trovão - II SeFeDYA
Oroborosu no Omei
Descrição: A Marca de Ouroboros é um estranho selo transferido por Opus, criando o símbolo de ouroboros no centro do peito de seu receptor. Os poderes dessa marca ainda são um mistério, porém, de acordo com Shion, há uma grande importância para finalizar Shaka. Uma vez que tenha recebido essa marca, o usuário se torna hábil a dominar, caso já não domine, a natureza do relâmpago sem treinamento, dando uma coloração dourada aos raios. Os corpos com esta marca parecem se tornarem mais resistentes e duráveis, tendo automaticamente um aumento de dois turnos no limite da durabilidade deste. O usuário terá o selo no centro do peito.

[Chegada] Contato com o trovão - II QWMKcbk
Byakugan, Desativado.
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "Olho Branco") é um dōjutsu kekkei genkai do clã Hyūga e do clã Ōtsutsuki. Seu poder a princípio surgiu como uma Kekkei Mōra junto com o Rinne Sharingan na ancestral mais antiga conhecida dos clãs Hyūga e Ōtsutsuki: Kaguya Ōtsutsuki. Ficou conhecido como um dos Três Grandes Dōjutsu (三大瞳术, Sandai Dōjutsu; Literalmente significa "Três Grandes Técnicas Oculares"), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado à vontade. Alcance de quatro quilômetros e duzentos e setenta e cinco metros.

[Chegada] Contato com o trovão - II NGR63dz
Kiba 牙, Selado.
Rank: S
Descrição: Kiba (牙; lit. Presas) é uma das famosas espadas dos Sete Espadachins Ninja da Névoa. É uma espada dupla, a sua característica mais notável é uma saliência para cima, curvado perto da extremidade de um lado da lâmina e um outro perto da base do outro lado da lâmina. Em cada uma delas foram imbuídas de relâmpagos, mostrando poder de corte maior de forma semelhante às vibrações de alta frequência de relâmpagos baseado em fluxo de chakra. É essa capacidade que resultou no nome "espadas de raio" (雷刀, raitō) que está sendo reivindicado como as maiores espadas na existência. No anime, eles permitem ao usuário formar raios livremente.

[Chegada] Contato com o trovão - II Ci9cYzY
Excalibur, 00/500
Rank: S
Descrição: A Excalibur: Sword of Promised Victory (約束された勝利の剣, Yakusokusareta Shōri no Ken) é uma construção divina, aclamada por ser o apogeu das espadas e armas lendárias. Fabricada com um material desconhecido, cujas limitações físicas superam a maioria dos sabres convencionais, mostra-se como uma arma leve, resistente e possuidora de um fio imensamente afiado. A lenda diz que ela foi forjada nas entranhas do mundo como a cristalização dos desejos da humanidade, tornando-se um construto fadado a proteger o planeta de todo o mal. Seu cabo é azulado com adornos de ouro que sobem até o guarda-mão. Sua lâmina é tão branca quanto a neve, reluzindo através de um véu luminoso de cor dourada. Seu gume é fino como navalha, e epígrafes misteriosas mostram-se entalhadas na chapa resplandescente.

A primeira habilidade da espada lendária é a capacidade de ocultar totalmente sua substância, permanecendo invisível à olhos nus. Tal aptidão utiliza de inúmeras camadas de energia comprimidas em alta pressão, sendo o suficiente para dobrar a luz ao redor da arma e distorcer totalmente a reflexão e refração da luz, o que acaba por tornar o objeto invisível. Além disso, caso o usuário tenha a qualidade Habilidade em Ninjutsu, o mesmo pode apagar a presença da espada, fazendo com que ela oculte tanto a sua forma física quanto qualquer manifestação de chakra que transcorra em sua lâmina. Nomeado como Invisible Air (風王結界, Barrier of the Wind King), este recurso pode ser ativado com o custo por turno de dez pontos de chakra para invisibilidade simples e quarenta e cinco para a complexa, podendo se fazer presente por toda a extensão da arma ou unicamente na lâmina. Os custos não podem ser reduzidos por bonificações.

A segunda habilidade mostra-se mais como um mecanismo de defesa. A espada, obedecendo às citações de sua lenda, possui uma incrível conexão com o planeta e, portanto, com a natureza. Graças a isto, é possível infundir parcelas de energia natural no objeto, e assim, apenas aqueles que detém o pleno controle sobre o chakra sábio podem clamar o verdadeiro poder da espada da vitória prometida. Conhecido pelo nome de Avalon (全て遠き理想郷, Everdistant Utopia), o mecanismo possui uma reserva de quinhentos pontos de chakra natural, sendo necessário que o empunhador transfira esta energia para a arma através do contato físico, perdurando entre tópicos. Assim, quando quiser e uma vez por turno, o espadachim é capaz de retirar cinquenta pontos deste chakra natural para uso próprio, reduzindo-o diretamente da reserva e sendo necessária a reposição.
Arthuria; HP: 2000, CK: 3580/3975, CKN: 00/400, ST: 6/16
Kokuō; CK: 3500/3500

_______________________

[Chegada] Contato com o trovão - II IRI1jk5
“— Um mal é um mal. Menor, maior, médio, tanto faz… As proporções são convencionadas e as fronteiras, imprecisas. Não sou um santo eremita e não pratiquei apenas o bem ao longo da minha vida. Mas, se me couber escolher entre os dois males, prefiro abster-me por completo da escolha.”
(Geralt of Rivia, The Last Wish)

——— Andrzej Sapkowski

Zireael
seibah

Zireael
Kyūdaime Raikage
https://www.narutorpgakatsuki.net/t67548-fs-do-you-still-want-to-be-a-hero#500335 https://www.narutorpgakatsuki.net/t69267-gf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II em Sex 24 Jan 2020 - 20:53

Shion faz um sinal de positivo e apenas segue o Arthuria

_______________________

Sasha Grey Impossivel não se Apaixonar!
[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o1_250[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o2_250[Chegada] Contato com o trovão - II Tumblr_me4aoozCwl1rwx5q7o3_250
[Chegada] Contato com o trovão - II H8loA8y
Convidado!
The Force is strong in my family, my father had it, I have it, my sister has it. You have that power too.


[Chegada] Contato com o trovão - II 9h4HA
Shion
Hattori

Shion
Administrador
http://narutorpgakatsuki.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Chegada] Contato com o trovão - II

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo



Você não pode responder aos tópicos neste fórum