>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 71DG
Após uma dura jornada, Shaka finalmente caiu e teve a maldição retirada de seu coração. No entanto, os problemas trazidos pela família Hattori não se extinguiram. Shion revelou ter ajudado a libertar Lilith, uma monarca da dimensão infernal, que agora está possuindo o corpo de Hyuga Katsura e libertando uma horda de seres infernais contra este mundo. O mundo corre risco de ser consumido pela maldade dessa criatura, mas não se o plano de Shion der certo: forçar Lilith a causar um evento chamado de O Grande Eclipse, onde as portas de todos os mundos e dimensões ficarão abertas, e assim permitir a ele ir ao submundo resgatar sua amada Katsura Grey para finalmente selar Lilith.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno
Últimos assuntos

Takane
Jōnin
Takane
Vilarejo Atual
Ícone : Filler// Salve-se quem puder 9cf60763dc0395bb6231cfada13244c8

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68749-ficha-takane-guang?highlight=Takane+Guang#513285 https://www.narutorpgakatsuki.net/t68767-m-f-takane-guang

Filler// Salve-se quem puder - 25/11/2019, 01:59


HP: 225/225
Ch: 475/475
Vel: 18m/s
Hist: 2

Bolsa de Armas (20):
Kunais: 10[1]
Kibaku Fuuda: 20[1 a cada 4]



Invocações:
-x-

Ativo:
G.C.Chakra/ C.Anatomico / G.durabilidade.
Vant. de clã:
Afinidade: Raiton/ Katon
Pericia Hikariton.

Técnicas Utilizadas:
Spoiler:
Ataque:
-x-
Defesa:
-x-
Suporte:
-x-
Passivo:
-x-



Após se despedir de seu mais novo amigo e de ir fazer o relatório para o hokage, Takane se viu em uma situação inusitada, sua namorada esperava impaciente na pequena cerca de madeira que delineava o mundo externo de seu paraiso pessoal, a gennin não estava acostumada com isso, ter alguém para quem voltar, e de longe, era possível sentir o cheiro do doce e de bolo sendo assados em toda a sua vida, a única coisa que ela estava acostumada era de ir para uma casa vazia e viver uma vida vazia, mas agora tinha alguém que a esperava preocupada, que verdadeiramente lhe amava de verdade, e isso era algo inusitado na vida da gennin.

---EU VOLTEI--- Gritou a gennin correndo.

No entanto, um calafrio lhe subiu a espinha,o sorriso de Megumi se desfez assim que viu o ombro da gennin enfaixado, seus olhos brilhavam em um tom azul sombrio.

---Seja bem vinda de volta Takane-chan... e então quer me contar COMO RAIOS VOCÊ DEU CONTA DE SE MACHUCAR DESSA FORMA---

A menina se assustou, era a primeira vez que via sua namorada tão emputecida, ela não teve tempo de se quer de falar que havia sido apenas um raspão a jovem foi pega pelo colo e levada as presas para dentro da casa.
Megumi pegou seu estojo medico, gaze, álcool e outras coisas que poderiam ser usadas para desinfectar o ferimento e principalmente retirar aquele tecido que estava o cobrindo.

---Não foi nada, apenas um corte superficial--- Tranquilizou Takane.

Sua namorada, no entanto, não se deixou levar pelas suas palavras doces, sabia muito bem que Takane era avoada de mais e que não ligava muito para seus próprios machucados e bem estar fisico, o que em casos como aquele poderia ser fatal, porem, para sua surpresa o corte realmente era bastante superficial, ia precisar de um ninjutsu de cura, alguns antibióticos mais nada tão grave .

---Não acredito que você fez uma amarração tão desleixada em um corte... você e uma iryou nin curar um raspão como esse é simples.--- Disse Megumi, pondo álcool sobre o ferimento e uma pomada para infecção.

---E que estou em um time agora, e meu amigo tava preocupado, não quis estragar ser estraga prazeres---
Se olhares matassem, nesse momento Takane estaria morta, sentada ao seu lado Megumi a fitava com o cenho fechado e os lábios semicerrados, não estava acreditando que

Takane tinha acreditado que era melhor se machucar e manter-se assim pelas aparências do que se curar e magoar um estranho.

---E Taika aceitou de boa, de você se machucar e ficar assim? Achava que ela gosta do corpo que habita?----

Takane ficou em silencio por um segundo fitando o vazio, a iryou-nin já havia percebido esse padrão, toda vez que Takane e Taika estavam tendo alguma conversa ou discussão era como se a alma de Takane simplesmente desaparecesse, deixando um corpo vazio inerte e distante nos pensamentos.
Segundos depois ela enrubesceu e desviou seus olhos para a escadaria da sua casa, era certo de que Taika havia dado uma resposta pouco amigável para Megumi.

--Ela disse... bom ela disse---

A gennin parecia procurar palavras corretas para descrever o que sua irmã gêmea disse, mas nenhuma das palavras se encaixavam num tom minimamente educado.

--Pode falar... estou ciente de que Taika não e a criatura mais educada desse mundo.—
Respondeu Megumi.

Takane reuniu forças, iria evitar as palavras mais fortes e de baixo calão ao máximo.

---Escute aqui sua puta loira, não sou baba de minha irmã, se a desgraçada quer sofrer pelos outros que se foda--- Takane enrubesceu não sabia onde enfiar a cara de tanta vergonha que sentia com as palavras de Taika.

--Pois bem, já imaginava que ia ser algo assim.--- Suspirou a uzumaki

--Não esta nervosa? --- Disse a gennin.

--Eu e sua irmã, não nos gostamos , por isso, quando disse aquilo já estava preparada para retaliações.---[b]Respondeu sua namorada enquanto enfaixava o braço da gennin e por fim dava um pequeno beijo carinhoso.[/b]

--Não sei porque vocês se odeiam... --- Disse Takane.

---Sua irmã e uma pessoa difícil, ela e ambiciosa e gananciosa, quer tudo para ela e isso inclui você--- A Iryou-nin se calou por um instante seus olhos azuis fitavam com o de
Takane, passando a mão sobre o topo dos cabelos brancos da gennin
.-- –Ou  talvez no fundo ela esteja apaixonada por mim--- Brincou estava ciente sobre a dificuldade de se manter Taika sobre controle, ela era uma mulher difícil que adorava estar no comando de tudo, por isso, de certa forma Takane a mantinha trancada dentro de si mesma.

A Chunin olhou para o relógio, era cerca de nove e meia da manha, e já estavam mais do que atrasadas para ir para o hospital, ela sabia que tinha que melhorar como medica e principalmente como pessoa, por isso se levantou com o braço dolorido e pos se arrumar, seu vestido novo tinha sido destruído na ultima missão e a única roupa útil era a que Taika costumava usar como tomava conta do corpo.

--Temos que ir trabalhar né... infelizmente dinheiro não cai do ceu--- Disse Takane.

As duas saíram de casa e caminharam lentamente sobre as ruas da vila, Takane se destoava das outras pessoas, e mesmo sem querer acabava a chamar a atenção para si, com olhares curiosos, já que a menina tinha uma pele extremamente branca assim como cabelos e cílios, salvando apenas os olhos.

Ela ainda não se sentia confortável com aquela imagem de si mesma, e tinha duvidas se sua namorada compartilhava ou não do mesmo sentimento, já que sempre teve medo de perguntar e receber uma negativa.
Chegaram ao hospital um pouco mais cedo do que o esperado, Takane tinha que se mostrar mais firme do que nunca, já que quase sempre ela era diminuída por sua pouca idade, mesmo sabendo que era, sem sombra de duvidas muito melhor do que muito medico que estava ali apenas pelo salario.

O hospital como sempre estava vazio, exceto por um ou dois pacientes novos que Takane nunca tinha visto na vida e que provavelmente eram shinobis que se machucaram em combate, ela pegou o prontuário para ver o que teria naquele dia, como ela era muito energética e sorridente quase sempre a colocavam na ala das crianças para poder cuidar dos bebes ou de gennins de sua idade.

Foi quando toda a calmaria do hospital sumiu, em poucos segundos cinco novas macas chegavam porta a dentro, alguns com ferimentos graves com fraturas expostas nas mãos e nos pés, outros com queimaduras de segundo e terceiros graus, Takane havia sido a primeira a correr para fazer os primeiros socorros, mas logo foi impelida a se retirar já que os médicos mais velhos e experientes chegaram para tomar conta do local.

---Takane, estamos com falta de alguns remédios, aqui esta a lista, desça no sótão e os pegue--- Disse um dos médicos.

A menina arrepiou, não gostava da ideia de ter que descer nos corredores inferiores do prédio já que a manutenção era escassa e que quase sempre as lâmpadas estavam queimadas.


---VAI LOGO--- Gritou o segundo medico já sem paciência.

Takane correu pelos corredores e desceu as escadas com certa pressa, até que chegou em seu primeiro corredor, ela pos a mão nos interruptores mas eles não se acenderam, estava tudo escuro dois degraus abaixo, seu corpo tremia e sua mente e coração diziam para que ela não descesse, já que sentia um medo extremo do escuro.

--"Se tem algo para fazer faça logo”--- Sussurrou Taika.

---O que esta dizendo... nós temos medo... não vamos conseguir--- Disse Takane.

---Nós somos melhores do que nossos medos... somos shinobis—

Ao ouvir as palavras de sua irmã Takane se encheu de uma coragem que ela mesma não sabia de onde vinha, já que, era a primeira vez que ouvia sua irmã mais nova lhedando um conselho sensato, pos o primeiro pé, respirou fundo e então começou a caminhar tateando o corredor até chegar na próxima luz, ali já não tinha mais volta, deveria continuar até passar pelo próximo corredor escuro, sua mão suava frio, seu coração estava acelerado, no entanto, sua mente estava calma, como se algo dentro dela entendesse que a escuridão por si so não era maligno, por fim chegou onde estavam os remédios, pegou-os e voltou correndo ao encontro dos pacientes feridos.


Considerações:
Vencendo a acluofobia/ Status
1412 palavras

_______________________

Filler// Salve-se quem puder Untitled-2
Que se inicie o caos pois a rocha continuara firme!
Template
-
'Schrödinger
'Schrödinger
Vilarejo Atual
Ícone : Filler// Salve-se quem puder 8e54bf24474c86b68496ba784ed7878a

https://www.narutorpgakatsuki.net/t63640-fp-schrodinger-1-5#456006 https://www.narutorpgakatsuki.net/t62242-g-ficha-schrodinger

Re: Filler// Salve-se quem puder - 25/11/2019, 09:12

@

_______________________

Filler// Salve-se quem puder ?imw=512&imh=288&ima=fit&impolicy=Letterbox&imcolor=%23000000&letterbox=true
O sistema me usa e eu uso o sistema.
King Of The Dead - B.B
One Who Has Triumphed Over Adversity
-


Edição de Aniversario por Shion e Senko.