:: Área de Mudanças :: Centro de Melhorias :: Treinamentos de Fillers
Alvorecer
Arco 04
Ano 17 DG
Verão
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

[FILLER] how i met your mother GMw4LUC

'Venus
Genin
'Venus
Vilarejo Atual
[FILLER] how i met your mother GMw4LUC

[FILLER] how i met your mother - Publicado 19/8/2019, 01:06











  Respirei fundo o ar gelado, quase rasgando minhas narinas. Era cedo da manhã ainda. O cheirinho de pão caseiro feito por papai deslizava pela fresta da porta e tomava conta lentamente do quarto. Esse homem sabia como conquistar uma mulher: pela barriga. Pulei da cama feito gato, pois se ficasse enrolando, o frio ia me obrigar a ficar embaixo das cobertas por mais umas quatro horas fazendo vários nadas. Corri pro banho e tomei um banho bem quente, na temperatura vulcão. Daqueles que quase escalda a pele sabe? Maravilhoso. Naturalmente, pratiquei minhas habilidades totalmente falhas de the voice. Alguns vizinhos não gostavam, o único que poderia apreciar era o do lado, mas ele era surdo. Aproveitei o vapor do banheiro para me secar e me vestir. Sequei os cabelos e desci as escadas como se eu fosse um cachorro e tivessem balançado o saco de ração. Se papai estava fazendo pão, provavelmente iria fazer pão doce também. E Hana aama pão doce.

  - Bom diaa! - falei. Papai virou a cabeça com um sorriso simpático - Acordou cedo, heim? - disse. Todos lá em casa sabiam que ‘pra me acordar era uma novela, ainda mais acordar cedo nesse frio. Fiz um biquinho e virei o rosto - Pff, como se isso fosse grande coisa. Vocês não dizem para eu aproveitar minhas manhãs? Então, eu aproveito elas tirando um soninho. Hoje é, cof, uma exceção - pigarreei. Ele riu como se fosse nada demais. Olhei para os lados, procurando mamãe, mas não vi sinal algum dela. Papai, como se já tivesse pego no ar, respondeu - Sua mãe saiu cedo hoje, mas disse que vem para o almoço.

  Uma coisa que sempre quis saber, mas sempre esquecia de perguntar, era sobre como os dois haviam se conhecido. Bom, até o pão doce ficar pronto, eu teria muito tempo sobrando. Cocei o queixo e arrisquei - Ei, papai, como você e mamãe se conheceram? - ele colocou a forma para assar e se escorou no balcão. Seu avental estava sujo de farinha e de massa. - Ora, ora, achei que nunca fosse perguntar! - disse num tom sonhador. Romântico do jeito que era, acredito que ele estava esperando ‘pra contar essa história desde o dia que nasci. - Veja bem, Hana, eu e sua mãe nos conhecemos pouco antes de você nascer. Shizuka sempre foi uma ninja quieta, não costumava conversar muito, tampouco tinha amigos. Alguns de meus amigos e chamavam de “princesa do gelo”, pois parecia não ter sentimentos. Porém, eu, como sempre fui muito metido, acabei me aproximando dela. No início não foi fácil, acredite. Shizuka era especialista em dar foras, mas principalmente em não deixar ninguém se aproximar. Confesso que me aproximei por sermos do mesmo clã, foi mais um intuito curioso. Ela nunca deu muitas explicações sobre sua origem, mas sabia que a história de vida dela até ali não tinha sido fácil.

  Entre os shinobis, haviam rumores sobre ela mesma ter assassinado a família, outros diziam que era apenas uma desafortunada. Acho que nos aproximamos em nossa primeira missão juntos. Shizuka era extremamente habilidosa, usava seu genjutsu de maneira a prender os feridos numa ilusão para que não sentissem dor enquanto ela realizava os procedimentos. Claramente uma ninja médica promissora. Eu, por outro lado, era mais focado na batalha. Sempre fui mais despojado, mais tranquilo. Ela era tão focada e séria naquilo que fazia… Bom, durante essa missão, ficamos presos numa caverna enquanto procurávamos abrigo. Apenas nós dois, pois o resto do time havia se separado. Aaah, realmente, parece um filme! De qualquer maneira, muita coisa aconteceu naquela caverna. Descobri que sua mãe havia nascido em Kirigakure antes de sua destruição, descobri sobre seu lado gentil e o motivo de ser tão distante.
- pausou para tomar um copo d’água e para verificar os pãezinhos dentro do forno. Sentou em minha frente e apoiou o queixo a palma da mão - Esperava que ela fosse a pessoa a te contar isso, mas acho que está tudo bem. Você merece saber a história da nossa família. Bom, os pais de Shizuka foram enganados por mercenários, pois viviam em condições precárias. Ficaram devendo demais à eles e não tinham dinheiro para pagar. Eles resolveram usar Shizuka para pagar a dívida. Obrigavam-na a fazer todo o tipo de trabalho sujo: roubo, tortura, assassinato… A dívida nunca parecia se quitar, então ela tramou contra o grupo de mercenários, mas quando chegou em casa, seus pais haviam se enforcado. Shizu saiu furiosa atrás dos mercenários, mas foi impedida por uma amiga que conhecera naquela época. Ela era uma ninja médica, daí veio a inspiração de sua mãe. Ela então veio para Konoha e evitou contato com pessoas, por se julgar suja pelos crimes que cometeu em segredo.

  A partir daí não é preciso dizer muito. Nos aproximamos gradativamente até que começamos a namorar e, então, você nasceu.
- papai deu um suspiro daqueles apaixonados e voltou a olhar ‘pra mim. Fiz uma cara de “hum, tendi” e acenei positivamente com a cabeça. Fala sério, eu não poderia dizer “noossa, que legal” por que eu ressentia por mamãe se sentir daquele jeito. Não era culpa dela. - Mamãe… Ela já superou tudo isso? Quer dizer, ela ainda é séria demais e um pouco fria com quem ela não conhece - perguntei. Papai olhou para o teto e resmungou alguma coisa - Se sua mãe já não tivesse superado isso, Hana, ela teria a abandonado com medo de criar você, pois ela nunca teve uma mãe de verdade. A infância dela foi dura, sabe? E quanto à personalidade de sua mãe, bom, meio que se tornou um hábito dela. - riu e deu de ombros - Acho que é isso que faz o charme dela. Mas entenda, ela ainda sim não é o tipo todo sorrisos para todo mundo como eu e você, ela não consegue ser assim. Algumas cicatrizes continuam, sabe - disse. E, assim que terminou sua fala, levantou para desligar o forno e tirar os pãezinhos ovais de dentro da forma. O cheiro fez meu estômago roncar. Aquela manhã foi preenchida de histórias agridoces e pãezinhos doces.


1027 palavras

HP [225/225] | CH [475/475] | ST [0/1]


considerações:



_______________________

[FILLER] how i met your mother 8e54bf24474c86b68496ba784ed7878a

'Schrödinger
'Schrödinger
Vilarejo Atual
[FILLER] how i met your mother 8e54bf24474c86b68496ba784ed7878a

Re: [FILLER] how i met your mother - Publicado 19/8/2019, 08:31

@

_______________________

[FILLER] how i met your mother ?imw=512&imh=288&ima=fit&impolicy=Letterbox&imcolor=%23000000&letterbox=true
O sistema me usa e eu uso o sistema.
King Of The Dead - B.B
One Who Has Triumphed Over Adversity