>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 71DG
Após uma dura jornada, Shaka finalmente caiu e teve a maldição retirada de seu coração. No entanto, os problemas trazidos pela família Hattori não se extinguiram. Shion revelou ter ajudado a libertar Lilith, uma monarca da dimensão infernal, que agora está possuindo o corpo de Hyuga Katsura e libertando uma horda de seres infernais contra este mundo. O mundo corre risco de ser consumido pela maldade dessa criatura, mas não se o plano de Shion der certo: forçar Lilith a causar um evento chamado de O Grande Eclipse, onde as portas de todos os mundos e dimensões ficarão abertas, e assim permitir a ele ir ao submundo resgatar sua amada Katsura Grey para finalmente selar Lilith.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno
Últimos assuntos

Silfo
Tokubetsu Jonin
Silfo
Vilarejo Atual
Ícone : Silfo; Filler: O Curioso Caso de Hana Shishi10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t67985-silfo-hoki-masanobu

Silfo; Filler: O Curioso Caso de Hana - 31/7/2019, 19:49

Silfo; Filler: O Curioso Caso de Hana Tumblr_n11q1uGK1n1qm201no1_400

No Hospital da Vila onde Masanobu servia de auxiliar tratava-se de toda a sorte de situações médicas, faziam-se partos, transplantes, desintoxicações, fechamento de feridas, curas de doenças e tudo que mais se espera de um hospital, no entanto ocasionalmente os médicos deparavam-se com algumas situações que lhes tomavam de surpresa, como foi o curioso caso de Yorumise Hana, uma bela jovem loira que entrou no hospital direto para a emergência, Masanobu viu-a entrar numa maca, parecia mais estar morta, seu rosto extremamente pálido e as extremidades possuíam manchas negras, aquilo automaticamente chamou a atenção do rapaz, mas não o deixavam entrar na sala de cirurgia devido a urgência e desconhecimento relativo a o que afligia a mulher. Masanobu continuou seu dia no hospital fazendo pequenas tarefas como limpar alguns instrumentos, fazer coletas de sangue e outro gênero de pequenos deveres, até que uma hora encontrou com Tahashi, o velho médico que era também a pessoa que mais se importava com o rapaz em toda aquela vila, embora o rapaz por sua vez dificilmente expressava gratidão, de qualquer forma naquele momento este foi atrás do ancião: "Tahashi! Você viu aquela paciente que entrou no Hospital há pouco? O que é aquilo com ela?" o senhor expressava preocupação e pressa, raramente Masanobu o via sem seu tradicional sorriso no rosto, parecia algo sério "Ainda não entendemos... É alguma afecção do sangue mas não parece com nada que já tenhamos visto... Agora deixe-me ir, preciso consultar alguns livros." Por mais frio que Masanobu fosse, o velho Tahashi não ter falado com sua tradicional doçura o apavorou, o que o fez ter ainda mais interesse naquele caso, seja lá qual for, continuou trabalhando até de noite em um estado de transe, com a mente vagando sobre as possibilidades daquela questão, quando já havia terminado seus serviços e estava indo embora foi chamado por Tahashi e o principal imunologista do Hospital, Akazuki, que veio a falar com o rapaz: "Você é Hoki Masanobu, certo? Uma honra ter alguém do seu clã em nosso hospital, mas não é por isso que vim falar com você, Tahashi me falou sobre sua sabedoria relativo às plantas e nós vamos precisar de sua ajuda. Você está interessado no caso de Hana, não é? Pois bem, existe alguma fraqueza que atingiu seu corpo que faz com que seu sangue apodreça dentro do corpo, dessa forma para que ela viva estamos precisando constantemente drenar o sangue velho, tranferir a ela sangue fresco enquanto alguém utiliza o Shosen em seu coração, estimulando geração de novo sangue, esse processo é extremamente cansativo e, a longo prazo, ineficiente no que se diz da cura, e é aí que você entra, necessitamos que você colete para nós sementes da mucuna-carmesin, uma trepadeira que cresce nas frias montanhas ao nordeste do País do Fogo, seus frutos secos e rubros são fáceis de visualizar, no entanto essa planta é rara e cresce em ambientes de difícil acesso, além de ser facilmente confundida com o melão-rubro, que é uma espécie extremamente tóxica. Tahashi me fez confiar em sua capacidade, então é necessário que você saia cedo amanhã em busca dessa planta, não podemos perder tempo algum, então contaremos com você!"
Uma grande responsabilidade foi posta sobre seus ombros, seria ele agora quem traria a cura? Aceitou logo a missão e recebeu um pergaminho contendo ilustrações detalhadas de particularidades da identificação daquela planta. Aquela noite Masanobu mal conseguiu dormir, teve pesadelos onde perdia-se na floresta como havia se perdido no passado, devido a essa insônia não foi difícil para ele levantar-se cinco da madrugada e, tendo dormido já arrumado, partir em direção do portão da vila, em sua mente imaginou os médicos que não haviam dormido e estavam nesse exato momento dando literalmente sangue e chakra para manter aquele corpo vivo, Masanobu dificilmente sentia empatia, mas naquele momento não conseguia evitar que se preocupasse, aquela sensação era estranha e inusitada. Ao atravessar os portões da vila os raios do sol acordavam a floresta, o clima estava fresco e o corpo do rapaz estava a todo vapor, a passos rápidos fez seu caminho por dentro da mata pulando pelas árvores em direção das áreas montanhosas do país do Fogo, conforme adentrava-se na mata percebia que no caminho que seguia a floresta se tornava cada vez mais densa e intocada, começou a entender porque Akazuki falou que era uma situação especial, estava plenamente sozinho em meio a enorme floresta, provavelmente não encontraria humanos em um raio de quilômetros em dado momento, ouvia sons cada vez mais estranhos, movimentações gigantescas, uivos e choros famintos e assombrosos, que tipo de criatura desconhecida permeava aquela mata ancestral? Esperava não se tornar alimento de nenhuma delas. Aos poucos a declividade começou a aumentar, estava agora subindo as montanhas onde vivia a tal planta, percebia enormes pedras no meio da floresta, era um terreno acidentado e de difícil acesso, a enorme quantidade de cipós tornava o transporte pelos galhos virtualmente impossível, mas a densidade do sub-bosque do lugar não facilitava nem um pouco o tráfego pelo solo, com uma kunai abria pouco a pouco seu caminho até que em atingia o cume de uma das montanhas, aquela área era tão remota que nem animais pareciam frequentá-la, e se quisesse encontrar a mucuna-carmesin percebeu que teria de escalar uma árvore e assim o fez, subia pelos cipós e galhos até atingir uma altura vertiginosa de pelo menos 20 metros do chão, lá sentou-se em um galho e olhou em volta, o sol brilhava e incomodava sua visão, mas em meio ao emaranhado de cipós conseguiu ver três brilhantes e rubras vagens, estavam a uma distância de ao menos três metros de onde o rapaz estava e nenhuma árvore iria suportá-lo se ele de lá caísse, era queda livre, Masanobu pensou na Hana, que naõ conhece mas ao mesmo tempo por algum motivo preocupa-se, e com os médicos desesperados para salvá-la, estaria ela ainda viva? Tudo dependia dele naquele instante, respirou fundo e tomou coragem para executar sua estratégia: pulou como um macaco para fora do galho que estava e enfiou-se no emaranhado de cipós onde estavam as vagens, segurou-se como pôde nos mais grossos cipós que conseguiu encontrar, com seu peso ouviu quebrar galhos na copa das árvores, os cipós começaram a cair, Masanobu olhou para o chão tão distante e rezou para que aquele emaranhado resistisse e ele resistiu após alguns metros de queda, imitando um camaleão tentou mover-se naquele traiçoeiro amontoado de flexíveis e nada firmes ramos, sem se preocupar ainda em identificar corretamente a planta o rapaz arrancou os três frutos e saltou para outro cipó, de onde desceu e deitou-se ao chão, respirando forte. Após ter descansado o suficiente abriu o pergaminho, a diferença era sutil mas perceptível, a abertura das sementes da mucuna-carmesin era longa e branca, enquanto das sementes do melão era um pequeno ponto avermelhado, se tivesse pegado o fruto errado não conseguiria se perdoar, no entanto os duendes da floresta o levaram ao lugar certo e sem perder mais tempo desvincilhou-se daquele labirinto verde e voltou para a Vila.

------------------------

Hana ainda estava viva! E Akazuki verteu algumas lágrimas com o sucesso de Masanobu, prontamente deu as sementes para que Tahashi fizesse o preparado, aquelas sementes possuíam qualidades inestimáveis para a saúde do coração e a vigorosidade do sangue, somente um tratamento com estas poderiam salvar Hana daquela rara condição, e além disso conseguiriam plantar mudas para cultivar ali mesmo no Hospital, Akazuki jurou jamais esquecer Masanobu, e este nunca se esqueceu dessa viagem, envergonhava-se de admitir mas estava ansioso para conversar com Hana após sua cura.

225 ; 425 ; 00|03

Observações:
- Filler
- Total de 1268 palavras

Detalhes do personagem:

- Velocidade: 1
- Força: 0
- Grande Controle de Chakra: Redução de 25% em custos.

Armamentos:


Técnicas usadas:



_______________________

-
'Schrödinger
'Schrödinger
Vilarejo Atual
Ícone : Silfo; Filler: O Curioso Caso de Hana 8e54bf24474c86b68496ba784ed7878a

https://www.narutorpgakatsuki.net/t63640-fp-schrodinger-1-5#456006 https://www.narutorpgakatsuki.net/t62242-g-ficha-schrodinger

Re: Silfo; Filler: O Curioso Caso de Hana - 2/8/2019, 21:46

@

_______________________

Silfo; Filler: O Curioso Caso de Hana ?imw=512&imh=288&ima=fit&impolicy=Letterbox&imcolor=%23000000&letterbox=true
O sistema me usa e eu uso o sistema.
King Of The Dead - B.B
One Who Has Triumphed Over Adversity
-


Edição de Aniversario por Shion e Senko.