:: Área de Mudanças :: Centro de Melhorias :: Treinamentos de Fillers
Alvorecer
Arco 04
Ano 17 DG
Verão
A queda do pastor cobrou um preço altíssimo do mundo ninja: o golpe final trouxe ao mundo um tempo de dor e sofrimento; fome e pobreza retornaram às ruas, a violência triplicou, os antigos heróis caíram ou ficaram desacreditados. Mas, um pouco perto do amanhecer, a Hydra, que até então se mantivera em silêncio, mostrou-se das sombras, trazendo oportunidades de emprego e uma esperança para salvar o mundo dessa mais nova calamidade. Líderes ninja não tiveram escolha senão se arriscarem em tratados suspeitos para conseguir manter firmes seus lares e seus soldados. No entanto, os reais planos da Hydra ainda continuam sendo um grande mistério.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Indra
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Biskath
BisKath é jogador do NRPGA desde julho de 2020, tendo encontrado o RPG por meio de pesquisas e começado a jogar nele, sem pausas desde então. É jogador de RPG desde 2013, mas o Akatsuki foi o primeiro de Naruto em que se aventurou. Apenas começou como moderador em abril de 2022, se dedicando as funções da moderação até se tornar administrador em julho do mesmo ano, auxiliando também na avaliação da área de criações. Fora do fórum cursa desenho, pois tem interesse em artes de forma geral..
BisKath#0666
XXXXX
XXXXX
Discord#1234

[Filler] Uma Introdução 100x100

Blackfeather'
Genin
Blackfeather'
Vilarejo Atual
[Filler] Uma Introdução 100x100

[Filler] Uma Introdução - Publicado 15/6/2019, 09:19

[Filler] Uma Introdução 126b0d10

Uma Introdução
1017 palavras


A
noite da casa dos Saeki sempre foi regada de comidas de todos os tipos, bailes com as mais bem apessoadas pessoas e musica da maior qualidade. As luzes da mansão iluminavam boa parte do quadrante onde ficava. As pessoas, das mais pobres as mais ricas, olhavam com suspiro aquela construção, uns desejando o dinheiro, outros a felicidade. Assim sendo, os Saeki eram uma das famílias mais amadas e mais amáveis de Kumo. Só existia uma desgraça nessa família existiam cinco filhos homens, ninjas, convocados para uma missão de alto risco.

Enma tinha apenas seis anos quando viu padecer um por um dos seus queridos irmãos e, tão pequena, por eles nada pôde fazer se não admira-los de longe, partindo para um destino que se ela não conhecia muito menos eles.  Às vezes, em algumas noites frias, a pequena garota era pega em prantos, saindo de um pesadelo terrível do qual cada um de seus parentes caiam num lago de chama e só voltava a dormir quando se pegava, automaticamente, delirando uma canção que ela mesma havia, orgulhosamente, composto:

Taki (Takeo) é o mais forte um verdadeiro guerreiro,
Suzu (Suzuki) é o mais bonito e todos gostamos do seu cheiro!
Oba é o mais inteligente e me conta histórias,
Hideki é o mais contente e me adora!
Akira é o que mais atrasa, mas nunca nos abandona...

Imediatamente acordava e se lembrava do destino de sua família, da maldição da morte que rondava qualquer um dos filhos dos Saeki que se aventuravam pelo mundo ninja. Todos pereciam e, aqueles que não, levavam uma vida como coxos ou enfermos, mergulhando numa pobreza sem fim, sem perspectiva de alguma melhora, mesmo quando mínima.

— Eu vou vencer a morte! — pensava a garota, agora com dez anos de idade ajudando seu nii-san, o único que havia sobrevivido àquela missão que, dizem, foi uma das mais assustadoras e desumanas possíveis.

Akira morreu carbonizado, nada foi encontrado de seu corpo se não um dedo que parecia apontar para o horizonte que, provavelmente, foi a única coisa que conseguiu ver antes de ser intoxicado pelo gás carbônico que queimava sem ceder um momento.
Hideki morreu ao lado do irmão Akira, caído ao chão com diversas kunais cravadas ao entorno de todo seu corpo. As perfurações foram tantas que mesmo com o corpo sendo encontrado completo, ou seja, sem nenhuma parte de seu corpo visivelmente destruída, os buracos abertos em toda a superfície de sua pele, já cobertos de vermes, tornavam-no irreconhecível.

— Vamos Enma, temos muito que fazer ainda! — disse delicadamente seu irmão Takeo, com um sorriso forçado no rosto, enquanto compravam ferramentas para seu patrão.

Mais uma vez Enma se perdeu em seus pensamentos para rever tudo o que havia acontecido consigo para chegar até ali. Ao longo da sua infância, pelo menos até o momento, as únicas coisas que havia feito era tentar conhecer todos os finais que tiveram aqueles que, até alguns anos atrás, corriam, dançavam, comiam e namoravam felizes, bem ao lado dela, nunca imaginou, e sabia que seu irmão Takeo também não, que os Saeki terminariam assim, ao relento, solitários e rejeitados até por aqueles que a família ajudou nos momentos de maiores necessidades.  

Oba não agüentou aquele universo de dor e desespero e cometeu suicídio ao ver cada um de seus companheiros terem a cabeça decapitada por um tirano da missão que ele e outros jovens cumpriam sob o nome da aldeia. Seu corpo foi velado com o caixão aberto, mas, diferente dos demais, Enma e seus pais já estavam acostumados com a perda e, no fim, a morte se tornava mais uma companheira nojenta e perversa, do que uma inimiga, pois, no final das contas, a morte era um alivio aqueles que sofreram a pior das dores, do desespero e da solidão. Entender a morte, portanto, era um passo fundamental porque no fim das contas, o processo que antecede a morte é o que deve ser evitado pelos motivos de que, entre viver deformado pelas chamas, por ferramentas ninjas, ou se arrastando como um louco por ai, a chance de recomeço da morte era reconfortante. Assim, decidida a se tornar ninja, Enma tentaria evitar o processo de morrer, todavia encararia a morte como uma solução final para todos os seus problemas e desesperos.

Suzuki foi o ultimo, assim que a missão findou-se deram pela falta do jovem de não mais que quinze anos na época, deram-no como desaparecido. Enganam-se quem pensa que para os Saeki essa dor foi à menor, ao contrário, a incerteza de que esse pudesse voltar, ou que estivesse morto ou, ainda pior, estivesse sob tortura ou condições subumanas, torturava tanto essa família que os pais de Enma deixaram a vila e foram para um pequeno povoado que se localizava a poucos quilômetros do ultimo lugar que Suzu foi visto. Todos os dias os chefes da família Saeki saem de suas casas procurando por seu querido filho, andam chão e mais chão, atravessam rios, desbravam florestas mais nada, nada mesmo, perdidos numa espiral que converge apenas para mais dor e solidão, ambos apenas ficam a olhar o horizonte e imaginar quando esse terrível destino chegara ao fim.

Enma fez a academia ninja com o incentivo de seu irmão, aos onze anos, se formando um ano depois. Depois continuou seu treinamento e assim continuara por todo o sempre. Não se deixará levar por essa maldição e, no fundo do seu coração, sabe que pode, evitar a morte é difícil, talvez até mesmo impossível quando se é ninja mas, o quanto seu corpo e sua mente permitir, evitará os processos da morte, mesmo que todo seu sangue escorra ao chão só morrerá no momento em que assim decidir.

— O que você pensa tanto Enma? — perguntou o irmão.

Enma perdeu-se mais uma vez, dessa vez olhando solenemente o rosto quase simétrico de seu irmão. Era esse outro destino possível, lança-se a normalidade da vida e desistir de lutar, fugir da responsabilidade de quebrar esse destino e se tornar um mero construtor mesmo que dentro de seu corpo estivesse escondido tanto potencial, afinal, a morte demora alcançar os medíocres.







OFF

Filler
[Filler] Uma Introdução Tumblr_pse1kamKGv1w7ua6go1_100

Rocky
Shugonin Jūnishi
Rocky
Vilarejo Atual
[Filler] Uma Introdução Tumblr_pse1kamKGv1w7ua6go1_100

Re: [Filler] Uma Introdução - Publicado 15/6/2019, 14:58

Filler aprovado.

_______________________

[Filler] Uma Introdução Original