Naruto RPG Akatsuki
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Bem-Vindo
Naruto rpgakatsuki
tópicos recentes
Inverno
O fim da guerra trouxe a paz, junto com a oportunidade das vilas prosperarem e crescerem. O Nascer do Sol se aproxima trazendo uma nova leva de Kages que querem expandir seu território. A primeira reunião dos Senhores Feudais está marcada, onde irão debater o futuro de Otogakure, atual colônia de Kumogakure e palco da última Grande Guerra.
11 DG
ShionFundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
AngeAnge, mais conhecida como Angell, é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
SenkoSenko, também jogador de RPG narrativo desde 2011, conheceu o Akatsuki em 2017, mas começou a jogar para valer em 2020, destacando-se pela sua prestatividade e suas habilidades em design e programação. É responsável por ajudar na criação de novos sistemas e regras além de fazer a manutenção do tema do fórum.
BlueJay#0529
BahkoBahko joga fóruns narrativos desde 2010. Após ficar muito tempo sem jogar, voltou em 2020 onde encontrou o Akatsuki. Desde então, vem auxiliando o fórum como Narrador, Moderador e Administrador. Fora do fórum, é estudante de Engenharia Elétrica.
fransudo#7724
RavesJogador ativo desde 2020, Raves entrou pro Akatsuki RPG e desde então vem contribuindo para o engajamento interno do fórum. Atualmente, é o principal responsável pela organização geral, além da criação, revisão e adequação de regras e sistemas, auxiliando como pode nas demais áreas. Particularmente, é um grande apreciador de enredos e está constantemente pensando no futuro.
Revescream#5421

Ícone
Balzac'
https://www.narutorpgakatsuki.net/t65264-cho-aburame-fp
[Treino] Balzac' 6608b010

Final!
1052 palavras


A
ssim que chegou de sua ultima missão, após alguns dias de descanso, Cho já estava pronto para continuar seu processo para se tornar um shinobi melhor. Sentia-se mais confiante que nunca e, avaliando melhor sua trajetória até então, havia obtido sucesso na maioria dos seus objetivos e, por isso, não podia se dar ao luxo de temer qualquer que fosse o desafio posto a sua frente.

— Estou indo pro campo de treinamento Oka-san. — disse, sem ao menos olhar no rosto de sua mãe que já exibia uma feição de preocupação.

— Escute isso Hideki, seu filho vai sair e nem são nove horas da manhã! Ele só pode ser um rebelde sem causa! — choramingou.

— Deixe o menino... Alias, seu avô vai te acompanhar?

— Dessa vez eu vou sozinho. — respondeu.

Deixou a casa entre tropeços de pressa e ofegante de ansiedade para iniciar logo seu treinamento. Carregava em sua mochila alguns pequenos blocos de aço pesando não mais que oito quilos cada — sendo oito ao total — além de quatro faixas de diâmetro de 20 cm de coloração avermelhada. No caminho para o campo de treinamento até pensou em chamar seu avô, mas quando olhou pela janela de seu quarto notou que o mesmo ainda estava dormindo. Também pensou em convidar Shouta ou Tokimaro, dois genin que conheceu em sua ultima missão, mas pensou bem e meio que desistiu da idéia afinal, nem ao menos sabia onde os dois moravam.
Chegou ao campo de treinamento, que era um espaço verde com uma porção de árvores e com cerca de quatro pessoas fazendo várias espécies de treinamento. Um parecia chutar uma árvore, que já estava com diversos cortes pelos intensos chutes do shinobi; outro corria de um lado para o outro, descalço e suando em bicas; uma moça parecia ler um livro sobre a prática de ninjutsus; e, por ultimo, um estudante da academia lançava shurikens num alvo marcado em uma árvore.

Não se sentiu constrangido em chegar assim do nada, pegar suas coisas e colocá-las sobre o chão, sob os olhares das demais pessoas, que não esperavam que chegasse mais gente. Ficou embaixo de uma árvore que projetava uma bela sombra sobre a cabeça do shinobi. O tempo naquele dia era abafado e uma garrafa d’água era imprescindível, mas havia esquecido a sua em casa e, para compensar, deveria ir toda vez que estivesse com sede à margem de um rio cristalino que cortava a porção mais a norte daquele campo.

— Muito bem, tudo pronto. — pensou. Todas as coisas já ajeitadas e agora, só bastava iniciar seu treinamento. — Primeiro devo avaliar meu maior problema na ultima missão.

Sentado ao chão começou a refletir sobre tudo o que tinha acontecido na luta contra o espião da aldeia, naquela missão que de inicio parecia tarefa fácil, mas que evoluiu, ao longo do tempo, para uma missão de nível B.

— Bom, sabendo disso... Acho que meu maior problema foi o cansaço, talvez eu ainda não esteja no ritmo.
Na missão se sentiu cansado após realizar inúmeras ações, contudo, pensava: — “Se aqueles mascarados não tivessem chegado talvez eu estivesse morto agora. — seu olhar era apreensivo, pois sabia que isso era a mais pura verdade e que por isso deveria treinar para superar qualquer coisa.

— Então devo melhorar meu ritmo para ser capaz de lutar melhor! — olhou ao seu redor, todos treinando, a menina que tinha um livro sob seu colo parecia lhe encarar interessada  em alguma coisa. Ao que o olhar dos dois se encontraram seu rosto e o da menina se tornaram rosados.

“Droga... Bom, concentra seu idiota...” — levantou e foi para um canto mais isolado do campo de treinamento onde poderia fugir daqueles olhares que o perseguia. — “Vamos lá, esqueça isso, por agora...”

Pegou as faixas e amarrou sobre seu tornozelo esquerdo e direito e da mesma maneira no pulso. Deu um nó mais fraco para que o sangue não ficasse preso e fosse impedido de levar oxigênio ao restante do corpo. Amarrado junto as suas faixas estava os pequenos pedaços de aço, que foram dispostos por dentro do pano para criar um peso no qual o shinobi poderia se sentir levemente desconfortável — obviamente por causa da diminuição da mobilidade causada pelo maior esforço físico exigido.

“Agora basta eu tentar fazer o máximo de ações possíveis e tentar ao longo do dia aumentar meu tempo de ação antes de descansar.”— pôs as mãos sobre a cintura enquanto conjurava em sua mente o treinamento que iria realizar.

O treinamento formulado por ele era: “treinamento físico por trinta minutos e depois um descanso de cinco minutos; treinamento físico por uma hora e depois um descanso de cinco minutos; e por fim um treinamento de meia hora sem descanso.“

Na primeira ronda de treinamento o trabalho físico de trinta minutos lhe causou certo desconforto, contudo não foi a tortura que pensou que seria.

“Ah... Ah...” — muito bem.

O suor lhe escorria pela pele pálida, caminhou até a beirada do rio onde tomou um pouco de água gelada para se refrescar. A roupa já estava bastante suja, mas sem danos aparente nos tecidos. Seu rosto, refletido na água do rio, parecia levemente cansado.

— Próxima ronda — falou pra si.

Continuou com o planejado, mas dessa vez foi angustiante. Toda vez que corria; socava e chutava árvores; e que lançava pesos de um lado pro outro, a cada segundo, a cada gota de suor, seu rosto vermelho pelo calor se tornava ainda mais rubro pelo esforço. O sangue quente palpitava em suas veias como força onipresente, do início ao fim.

— Vamos... Falta pouco.

Concluiu o treinamento e, dessa vez, apenas caiu no chão ofegante, o papel em que estava anotado o ritmo do treinamento desgastado jogado sobre o chão. As pernas pendiam aberta enquanto ele estava deitado.

— “E-eu não vou conseguir!”

Quando já pensava em desistir, a garota que anteriormente estava absorta em suas leituras o trouxe um pouco de água de seu cantil. Colocou alguns bolinhos de feijão na sua boca e, antes que Cho pudesse perguntar qualquer coisa, ela disse:

— Meu nome é Mei, Azumi Mei. — ela sorriu, o coração dele encheu de uma chama que restaurou suas forças. — E eu acredito em você.

Levantou-se e concluiu seu treinamento. Saiu de lá acompanhado da garota, ela basicamente o carregando sob seus ombros, conversando sobre o treinamento e sobre seu real objetivo.


Detalhes:
Considerações:


  • Treinamento para conseguir + 2 pontos de stamina
  • 1052 palavras (450 palavras p/cada ponto)


Jutsus Usados:


Jutsus Ativos:


[Treino] Balzac' Kikaic10
Kikaichū no Jutsu
Descrição: A Kikaichū no Jutsu é uma prática exclusiva do clã Aburame. Quando as crianças nascem para o clã, seus corpos são oferecidas aos insetos para ser usado como um ninho. Ao longo dos anos, conforme a criança cresce, eles são instruídos a aprenderem os jutsus do clã, e aprender como os insetos podem atendê-los em combate. A maioria Aburame são habitadas por kikaichū, mas alguns membros do clã como Torune e Aburame Shikuro possuem por sua vez que insetos pesonhetos e nanométricas, um tipo raro de insectos, mesmo dentro do clã Aburame.
Jutsus Ofensivos :

Coringa:

Jutsus Defensivos:
Jutsus Passivos:
Jutsus em preparo:

Insetos:


Armamentos:

Kunais: 6
Shurikens: 7

Buffs:

Excelente Senso de Direção
Tipo: Inato.
Descrição: Quando estão a deriva do mundo, alguns personagens demonstram uma capacidade inata de achar todos os caminhos por diversos motivos como direção do vento e outros.
Bonificações: Permite encontrar qualquer localidade com facilidade.

Resistência Toxicológica
Tipo: Inato.
Descrição: Alguns personagens nascem com corpos resistentes a venenos diversos ou sofrem alterações genéticas ainda jovens para isso, tornando-os verdadeiramente imunes aos venenos naturais.
Bonificações: Torna o personagem imune a venenos normais - cobras, básicos, etc.

Aparência:

[Treino] Balzac' Aparzo10





HP: 375/375 ☯️ CH: 325/325

Onepost

_______________________

[Treino] Balzac' De3ee96677a997999a59904d93681eee01289cf7_00
— A riqueza e as posses não faz o homem, mas sim suas mudanças, sua força e as habilidades que adquire ao longo da vida.
Balzac'
Balzac'
Genin
Vilarejo Atual
[Treino] Balzac' Photo

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Convidado
@ Aprovado
Ótima narrativa, parabéns.
Convidado
Anonymous
Convidado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ir para o topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos