Sobreviventes
Shaka retornou. O inimigo número um da humanidade num passado apagado da existência retornou ainda mais poderoso. Os fantasmas dos heróis que o aprisionaram no passado solicitaram a ajuda de guerreiros poderosos que estivessem dispostos a selá-lo na cadeia do tempo, porém, algo de errado ocorreu. Shaka não só conseguiu escapar dos inimigos como ainda corrompeu os fantasmas e roubou uma das três marcas sagradas do tempo. Enquanto isso, as vilas sofreram ataques massivos de seguidores da religião de Jashin, todos acreditando que Shaka é o verdadeiro deus da morte. Templos foram encontrados nos arredores de cada vilarejo e aos poucos foram derrubados. Mas o inimigo da humanidade não tinha apenas uma carta na manga; Kinarra, um demônio antigo, voltou do além buscando a destruição do mundo, entretanto, ao enfrentar os novos heróis da humanidade, acabou se aliando aos humanos até que Shaka reapareceu e a selou novamente mostrando todo o seu poder. O mundo se encaminha para uma era sombria ou de paz? Só o tempo dirá.
.
.
.
.
.
Últimos assuntos
» [M.S] Hatake Kai
Hoje à(s) 03:00 por Amakusa

» [ STATUS ] Kyou Kai
Hoje à(s) 02:44 por Amakusa

» [Mudança de Status] Shiro
Hoje à(s) 02:40 por Amakusa

» [STATUS] Kamisama
Hoje à(s) 02:38 por Amakusa

» [Iwa] Gabinete Hachidaime Tsuchikage.
Hoje à(s) 02:20 por Kaya

» [Formação de time] 666
Hoje à(s) 02:18 por Coca

» [ SOLO ] Labaredas que flamejam no ar
Hoje à(s) 02:01 por nujabes.

» ci. summer
Hoje à(s) 01:55 por Summer

» [ MF ] Kyou Kai
Hoje à(s) 01:35 por nujabes.

» [ banco ] nujabes
Hoje à(s) 01:33 por nujabes.


[Rank D] A emoção de um dia especial

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo



Em busca do conhecimento
Planejando o futuro




HP: 425/425
CH: 325/500
ST: 01/04

Minas Subterrâneas - Resgate

Ban caminhava pelo centro da vila com muita calmaria. Não sabia o que fazer até o exame chunnin começar, até que para seu azar ou felicidade, um estrondo era sentido naquela região da vila. Ban não entendia a razão daquilo, mas ao olhar para trás um ninja surgia com um pergaminho, entregando-o para Ban: - Vá! Uma missão Rank D! Uma mina desabou, procure e resgate os trabalhadores que não conseguiram sair! Dito isso o homem sumiu, provavelmente iria chamar mais Gennins para este trabalho. Ban abriu o pergaminho para saber a localização da mina, e após saber da informação, e quantos estavam presos, se retirou correndo em sua velocidade máxima até o local, enquanto guardava o pergaminho dentro de seu bolso direito da calça. Ban demorou menos de cinco minutos para chegar no local, e ali se deparou co vários gennins ajudando a remover pedras, tal como Ban pensou que iria acontecer, se surpreendendo apenas com a velocidade de alguns, se chegarem no local antes dele. Talvez pelo fato de estarem mais perto do local, que permitiu a alguns deles chegarem antes. Isso era irrelevante.

- Retirar pedra por pedra? Que trabalho lento! Façam mais nada, por favor. Dito isso Ban bateu suas duas mãos no solo abaixo dele, e em seguida começou a adentrar lentamente o solo, como se ele estivesse sendo sugado pelo mesmo, e após entrar por completo no solo, sentiu onde estava todos os trabalhadores, que por sorte estavam juntos dentro da mina, presos. Ban seguiu até eles e em seguida saiu do solo, ficando junto do grupo de trabalhadores. - Não se preocupem, vim para ajudar vocês. Vou criar um túnel, quero que entrem e siga até o final dele, sem desespero por favor. E assim que terminou de falar Ban voltou a bater suas duas mão no solo, e assim um buraco com aproximadamente dois metros de diâmetro e quatro metros de profundidade foi feito. Com a permissão para seguir dada por Ban, os trabalhadores assustados mas obedientes entraram no túnel junto de Ban, e todos saíram em segurança do local, surgindo a quinze metros de distância da mina. Um ninja surgiu perguntando se ainda tinha alguém lá dentro da mina. Ban negou, mostrando que seu trabalho ali estava finalizado. O homem então pegou o pergaminho da missão que fora dado para Ban e assinou mostrando o término dela, liberando o loiro Gennin.

Reformas da Vila

Ao que Ban chegava no centro da vila, notava que alguns lugares estavam em reformas, queria ajudar, até porque não estava fazendo nada no momento. Portanto, seguiu até o mural de missões e então retirou um pergaminho de missão Rank D que era para pintar muros e cercas por toda a vila. O homem encarregado de entregar as missões tomou a liberdade de entregar a Ban as peças que ele iria precisar para pintas os muros e cercas, tal como tinta, rolos e pinceis. Com tudo em mãos Ban se retirou do local e então criou mentalmente um roteiro de caminhos que ele iria percorrer dentro da vila. Com isso ele seguiu cada local da vila, e o que ele via no caminho precisando de pintura ele já pintava. A tinta era apenas branco, e era perfeito. Cores muito coloridas nem sempre é bom, assim como o escuro dá uma sensação ruim no ambiente. Era o que Ban acreditava e por isso aceitou a cor branca para pintar os muros e cercas que via. Ficou aproximadamente uma hora pintando os muros e cerca que ele via enquanto seguia a rota criada mentalmente. Percorreu o centro da vila, a praça, alguns monumentos religiosos, os muros que dividiam o interior e o exterior da vila, os campos de treinamentos, e até mesmo as cercas de casas e comércios da vila. Foi um trabalho até que cansativo, mas com um bom planejamento de logística tudo ficou rápido. Fora que a tinta também já estava acabando, portanto, resolveu voltar para o quadro de missões e entregar as peças junto do pergaminho da missão para assim receber pelo seu pagamento. Ao chegar o homem responsável por atribuir missões assinou o término da missão, e perguntou se Ban não queria fazer mais missões, e depois retirar a recompensa de todas de uma única vez. Lógico!

Caçada aos Ursos

Com isso o homem entregou um pergaminho de sua próxima missão, Rank D. Se tratava de uma caçada aos ursos. O homem falou do que se tratava a missão, assim como onde ficava o local, e com isso Ban se retirou seguindo até o a missão. Derrotar alguns ursos e recolher amostras de seus pelos para serem examinados pelo laboratório da vila. Isso porque, existem ursos que estão agindo estranhamente, e existem suspeitas de que estes ursos estejam sendo manipulados por ninjas de alguma vila inimiga. E devido ao tipo de animal, sua localização seria numa floresta perto da vila. Ban, que estava correndo na sua velocidade máxima, chegou no local após poucos minutos. Talvez quinze minutos de corrida. E imediatamente conseguiu ouvir estrondos vindos de ursos que pareciam estar destruindo pedras por onde passavam. Isso era um perigo, ainda mais se ali por peto tiver civis. Ban não pensou duas vezes Se aproximou dos animais, que eram três ao todo, e estavam juntos.

Ban ficou a cinco metros de distância deles, que ao notarem o garoto, ficaram o encarando, provavelmente esperando Ban baixar a guarda para atacar, mas para o azar dos animais, ali eles eram a caça. Ban rapidamente bateu suas duas mãos no chão e então criou um buraco abaixo dos animais. Um buraco com diâmetro suficiente para os três caírem, e também suficiente para os três ficarem apertados lá dentro, de tal modo que não conseguissem se mover. Seria tipo uma toupeira mesmo. Sua entrada estava larga e ia se apertando conforme iam caindo no buraco. Ao final do buraco Ban colocou um túnel que dava acesso a outra saída a dez metros dali, mas a saída era pequena de tal modo que apenas uma pessoa conseguiria passar. Obviamente que os ursos não. Assim sendo, seria como se os ursos estivessem presos no túnel, sem conseguirem se mexer. Ban então foi até o buraco que seria a saída, e ali ele entrou e seguiu até os ursos, que após estar próximo, retirou pelos de cada um deles e colocou dentro de vidros especiais, entregues pelo ninja que atribuiu a missão a ele. Como os ursos estavam presos, nada puderam fazer. Ban após isso se retirou do local, deixando os ursos ali presos. Se fossem mortos de fome ou coisa do tipo, pelo menos não iriam ferir ninguém. Com esse pensamento Ban correu em velocidade máxima até o ninja da atribuição da missão, que após chegar ele entregou os vidros junto de um relatório verbal, e após o homem assinar o término desta missão, já o entregou outra.

Patrulha Externa

Sua próxima missão era para realizar uma patrulha ao exterior da vila, e caso ache algo suspeito, não se envolver. Voltar e avisar ao ninja responsável por dar-lhe a missão. Ban então fez o que a missão pediu. Se retirou do local em velocidade máxima e quando chegou nos arredores da vila, começou a patrulhar todo o arredor em busca de qualquer coisa suspeita. Ban passou inclusive pelo local onde prendeu os ursos, que aliás, eles ainda estavam ali presos, se rebatendo. - Deve ser ruim ficar presos assim. Que pena para vocês. Pensou Ban enquanto continuava patrulhando os arredores da vila. A patrulha durou algo em torno de trinta minutos, e quando terminou, ao notar que tudo estava ok, se retirou voltando ao local de atribuição de missões. Fez o relatório ao ninja responsável pelo local, dizendo que tudo estava bem e nada suspeito, assim como os ursos que estavam ainda presos, como era esperado que deveriam estar, a não ser claro, que alguém os tirassem dali, o que não ocorreu. E com a missão considerada terminada, o ninja voltou a assinar o término da missão, e novamente entregou outra para o garoto. - Isso ai meu jovem. Continue assim e será um ninja muito forte para a vila! Ban ignorou o que o homem falou e se retirou do local, seguindo até o próximo local da missão.

A Procura

Ban chegou na academia ninja, dizendo ao responsável pelo local que ele foi chamado ali para uma missão de procura. O ninja imediatamente tomou de deixar o garoto a par da situação. Falou tudo o que houve. Dizendo então que após um estrondo na vila, ocorrido devido ao desabamento de uma das minas da vila, um dos acadêmicos sumiu. Disse que ele não estava na acadêmia, e Ban completou que também não estava fora da vila, isso porque ele acabou de realizar uma patrulha nos arredores da vila e não encontrou ninguém. Assim sendo, significa que o garoto acadêmico estava dentro da vila. Onde? Era esta sua missão, encontra-lo. Já sabendo da aparência do garoto, Ban foi ao último local que ele foi visto. Era o parque da acadêmia. Olhou para o chão procurando por qualquer rastro, e de fato encontrou. Encontrou uma marca de calçado, que ao conversar com o responsável pelo local, este afirmou que era do garoto acadêmico. A marca levava para fora da acadêmia, confirmando a teoria de que o pequeno não estaria ali dentro. Ban seguiu a marca, mas depois de cem metros ela sumiu, pois o solo não permitia deixar marcas de calçados dali para frente. Ban usou a lógica. - O garoto deve estar seguindo em frente!

Com isso Ban seguiu em frente mesmo sem ter marcas no solo. Nada ele encontrou, nem ao menos ouvia a voz do garoto, dando a crer que não tinha ninguém ali. Ainda assim Ban continuou seguindo em frente, notando que o tremor da mina criou alguns buracos naquele local. - Ele está em um desses! Pensou no mesmo instante, deduzindo que com o tremor da mina o garoto se assustou e saiu correndo da acadêmia, e enquanto corria de medo, caiu em um dos buracos criados no local e, ou ele desmaiou lá dentro, ou o buraco é tão fundo que não está sendo possível ouvir a voz do pequeno. Ban procurou buraco por buraco - e tinha muitos, o que tomou quase vinte minutos de seu tempo, mas a procura finalmente terminou, com Ban encontrando o garoto, que estava desmaiado, provavelmente de medo. Ban retirou o pequeno do local e o levou até a enfermaria da acadêmia, dizendo ao responsável da acadêmia que a missão estava finalizada, visto que o acadêmico foi encontrado e salvo. O homem concordou, e então assinou o pergaminho da missão, dizendo concordar com o término bem sucedido dela. Ban logo em seguida se retirou do local, voltando para a atribuição de missões, onde retirou mais uma missão, que seria sua última, pois o garoto além de ninja, também era um humano e precisava descansar.

Evento na Acadêmia Ninja

Por sorte sua última missão era a mais fácil de todas, Ban só precisava mostrar suas habilidades ao aprendizes da acadêmia ninja, na intenção de motiva-los nesta carreira de ninja. O loiro foi até o local e ao chegar, novamente encontrou o responsável pela missão. Ban falou a ele o porque estava ali novamente, e o homem contente, o levou até o local da palestra. - Pode entrar, se sinta a vontade ali dentro, e não precisa demorar muito, se não quiser. Disse o responsável pelo local. Ban então entrou e se deparou com vários acadêmicos que ficaram o encarando esperando para ver o que ele iria mostrar. O Gennin seguiu até a lousa da sala e ficando de frente para os acadêmicos, falou: - Prazer em vê-los, novatos. Não posso falar muito de novatos pois também sou. Estou ainda no começo deste mundo ninja. Sou um Gennin. Possuo mais experiência que vocês, mas menos que vários outros ninjas. No entanto, posso dizer que patente não define um ninja. Vimos antes que até um Gennin pode se tornar um líder. Até uma criança de tornar um Kage. O que tenho a dizer é que vocês precisam sempre evoluir, evoluir a mente, a alma, seus conhecimentos, e principalmente... seus Jutsus. Quanto mais evoluídos, mais fortes serão. Reconhecimento, fama, poder, patentes, lideranças, bom salário, bom emprego. Tudo isso vem através de uma boa evolução. Ban então se calou.

Cinco segundos após se silenciar, o garoto realizou um sinal de mão característico do Jutsu dos Clones das Sombras, e com isso criou um clone perfeito dele mesmo a dois metros à sua direita. - Esta é uma evolução do Jutsu de Clonagem. Um clone cujo era fraco, não possuía massa, apenas forma. Um clone que após ser tocado ele era desfeito. Um clone que mal consegue realizar Jutsus. Este clone é a evolução deste que vocês aprendem. Este clone possui massa, pode lutar junto de mim ou no meu lugar. Após tocado ele não é desfeito, e ainda realiza Jutsus. Dito isso o clone realizou os sinais de mão do Jutsu de Transformação, e então se transformou no responsável pela acadêmia, aquele que Ban conversou. Todos, que já estavam admirados, ao ver o clone realizar um Jutsu, ficaram estupefatos. - NOOSSA QUE DEMAIS! Falavam as crianças. Ban então desfez seu Jutsu e após fazer um gesto de despedida, se retirou do local, contente com o resultado. Nisso o homem que o contratou assinou o término da missão, e Ban seguiu até a atribuição de missões, entregando todas as missões feitas e esperando o recebimento de todas elas, enquanto ficava descansando, e após o recebimento, e já ter descansado, se retirando do local.




OBSERVAÇÕES
- 6 Missões Rank D feitas (2 normais + 4 pelo VIP AKATSUKI).

Missões feitas::
Minas Subterrâneas - Resgate
Descrição: Você sente um tremor e de repente, uma das minas desabou! Você deverá procurar e resgatar os trabalhadores que não conseguiram sair! Haja rápido e com cautela!

Reformas da Vila
Descrição: Desde o último ataque, a vila está sendo reconstruída, e você como um jovem ninja deve colaborar! Sua missão é pintar muros e cercas por toda a vila!

Caçada aos Ursos
Descrição: Nas florestas próximas a Vila, existem ursos que estão agindo estranhamente, existem suspeitas de que estes ursos estejam sendo manipulados por ninjas de alguma vila inimiga, através de chakra de algum Bijuu. Derrote alguns ursos e recolha amostras de seus pêlos para serem examinados em nosso Laboratório.

Patrulha Externa
Descrição: Agora que você já possui uma certa experiência, sua missão é fazer uma patrulha aos arredores da Vila. Lembre-se que mesmo assim deve evitar combates e pedir reforços! Não banque o héroi (ainda!).

A Procura
Descrição: Recentemente um estudante da Acadêmia Ninja sumiu, sua missão é encontrá-lo e trazê-lo de volta a vila.

Evento na Acadêmia Ninja
Descrição: Hoje a academia ninja terá uma aula especial mostrando as habilidades dos ninjas já graduados, sua missão é ir lá, fazer uma palestra e mostrar algumas habilidades para motivar os estudantes.

Jutsus usados::
Doton: Moguragakure no Jutsu
Rank: C
Descrição: Esta técnica muda a terra em areia fina, canalizando chakra nela, permitindo que o usuário consiga perfurá-la como uma toupeira. Este efeito vai ao redor do corpo do usuário(não apenas nas mãos), tornando-se grande o suficiente para que uma pessoa possa percorrer um caminho por dentro do solo. O usuário pode se localizar, apesar de estar no subsolo, ao sentir as forças magnéticas. Ele também pode sentir o que está acontecendo na superfície e usar essa informação para lançar um ataque surpresa contra o inimigo. Também se pode esconder no fundo da terra, escapando a uma profundidade onde o inimigo não possa te alcançar. Parece também que após a escavação, o solo pode ser devolvido ao seu estado original, não deixando nenhum vestígio de onde o usuário entrou na terra. Quando combinado com técnicas de clone, o usuário pode usar o clone para atrair seus inimigos em uma armadilha ou falsa sensação de segurança antes de lançar um ataque surpresa a partir de baixo.

Earth Release: Tunnelling Technique (2X)
Rank: B
Descrição: A técnica permite que o usuário crie túneis no solo. O grande túnel que é criado permite que o utilizador transporte os outros sem detecção.

Kage Bunshin no Jutsu
Rank: B
Descrição: Semelhante à técnica de base Clone, esta técnica cria cópias do utilizador. No entanto, esses clones são corporais em vez de ilusões. O chakra do usuário é distribuído igualmente entre todos os clones, dando a cada clone uma fração igual do poder global do usuário. Os clones são capazes de executar técnicas por conta própria e podem até sangrar, mas normalmente irá dispersar depois de atingido por uma força forte o suficiente. Os clones também podem dispersar por conta própria ou ser dissipadas pelo usuário da técnica. Clones de sombra não podem ser diferenciado do original com Sharingan, Byakugan, Rinnegan ou Rinne Sharingan. Clones de sombra também parecem ser capazes de pensar por si mesmos e sentir a dor do original em alguma medida, como evidenciado por clones de Naruto sentindo dor quando manto da Nove Caudas despertou enquanto ele e Kakashi estavam lutando Deidara.

Henge no Jutsu
Rank: E
Selos: Cachorro, Javali e Carneiro.
Descrição: Tendo em conta tudo o ninja missões são atribuídos a - coleta de inteligência, batalha, diversões - este é um ninjutsu de valor inestimável. Ele é geralmente usado para se transformar em outras pessoas do que a si mesmo, mas um também tem a capacidade de se transformar em animais, plantas e objetos inanimados, como até mesmo armas. Isto dá esta técnica uma grande quantidade de usos. A transformação de um shinobi habilidoso será exatamente como o artigo genuíno, por isso vai ser impossível dizer os dois separados. Por outro lado, a transformação realizada por uma pessoa inexperiente terá discrepâncias óbvias. A técnica de transformação é considerada entre as mais difíceis de rank E, uma vez que requer emissão constante de chakra enquanto mentalmente manutenção da forma. Em cima disso, o usuário seria, muito provavelmente, interagindo com o ambiente. Isso coloca pressão mental sobre um ninja inexperientes.

Template do Kaay
Ban
Ver perfil do usuário

@

_______________________


===  Shoto Uzumaki  ===
=== Mod.F = HP&CH ===
=== Bank ===
'Berzerker
Tsuchikage
Tsuchikage
Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

resposta rápida

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto RPG Akatsuki (c) 2010 — 2019
Layout por Dorian Havilliard e Akeido.