Naruto RPG Akatsuki
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Bem-Vindo
Naruto rpgakatsuki
tópicos recentes
Inverno
O fim da guerra trouxe a paz, junto com a oportunidade das vilas prosperarem e crescerem. O Nascer do Sol se aproxima trazendo uma nova leva de Kages que querem expandir seu território. A primeira reunião dos Senhores Feudais está marcada, onde irão debater o futuro de Otogakure, atual colônia de Kumogakure e palco da última Grande Guerra.
11 DG
ShionFundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
AngeAnge, mais conhecida como Angell, é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
SenkoSenko, também jogador de RPG narrativo desde 2011, conheceu o Akatsuki em 2017, mas começou a jogar para valer em 2020, destacando-se pela sua prestatividade e suas habilidades em design e programação. É responsável por ajudar na criação de novos sistemas e regras além de fazer a manutenção do tema do fórum.
BlueJay#0529
BahkoBahko joga fóruns narrativos desde 2010. Após ficar muito tempo sem jogar, voltou em 2020 onde encontrou o Akatsuki. Desde então, vem auxiliando o fórum como Narrador, Moderador e Administrador. Fora do fórum, é estudante de Engenharia Elétrica.
fransudo#7724
AkkeyJogador de RPGs narrativos desde 2012, Akkey (mais conhecido entre os players como Akihito) conheceu o Akatsuki em maio de 2020, encantando-se, acima de tudo, pela comunidade afetuosa e acolhedora formada pelos jogadores do fórum. Atualmente, é responsável por auxiliar no desenvolvimento e adequação das regras e sistemas do RPG, manutenção do tema e design do fórum e gestão da área de avaliação de criações. Fora do universo do Akatsuki, Akihito é graduando em Engenharia da Computação e atua profissionalmente como Desenvolvedor de Software.
wyalves#7702

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
Numa microrregião localizada dentre o território de Hi no Kuni, estabeleceu-se uma pequena porção de território autônoma e soberana denominado "País do Nabo Seco". Era comandado por um lorde feudal, semelhante aos demais de sua mesma categoria. O senhor da nação emanava o particular desejo de ter, consigo, guerreiros fortes que pudessem protegê-lo, haja vista a curta história de seu estado. Para tanto, contratou seu amigo de infância, Senju Minama, para reunir um grupo de três combatentes de Konohagakure. Devido a fraca economia, organizou um método não tradicional de pagamento: servir de segurança em troca de receber treinamento exclusivo do braço direito do país, Minama.

Com esse desejo de reunião partiu o Senju, ansiando encontrar homens ou mulheres poderosas. Na folha, deparou-se com um jovem ninja de vinte anos de idade, Shinmen Takezō. Trajava-se com roupas predominantemente azuis e tradicionais. Os cabelos, rebeldes, estavam amarrados em coque por fita de couro. Respirava com dificuldade, aparentava ter finalizado um treinamento físico. No entanto, nenhuma das características citadas chamara a atenção dele. A verdade, é que ele via nele o rosto de sua irmã, Senju Akane, a usuária da linhagem sanguínea avançada mais poderosa de seu clã. "Este rapaz... Ele é o filho de Akane-chan?!" perguntou-se enquanto o observava. "Não pode ser... Eu preciso descobrir..." concluía.

O shinobi índigo notou estar sendo observado. — O que quer? — questionou repentinamente entre arfadas. — Oh! Me perdoe pela falta de discrição. Sou Minama, do País do Nabo Seco. Represento seu senhor feudal, o lorde Tsukichima. Nosso país, embora fraco e pobre, é uma honorável nação. Tsukichima-sama me encarregou de protegê-lo e, para isso, me incumbiu da missão de contratar um trio de bravos guerreiros. Você me chamou a atenção, rapaz. Parece ser um ninja digno e voraz. Aceita a proposta de participar de sua guarda? Se aceitar, saiba que não receberá glória, fama ou dinheiro. Em resposta, no entanto, eu o ensinarei a se tornar um dos ninjas mais poderosos da história. — propôs serenamente, há distância de cinco passos do outro.

Takezō titubeou. Contemplou o horizonte, bufou e finalmente decidiu. A proposta se demonstrava séria e o homem, sincero. Dinheiro não o interessava. Treinamento, por outro lado, sim. — Eu aceito. — respondeu após pesar brevemente todas condições do contrato. — Isso é ótimo. — reconheceu o subcomandante do estado. Juntos, deixaram o vilarejo, criando com Konoha, débito financeiro.

...

— Não há tempo para se perder, Shinmen-kun. — disse quando interrompeu a caminhada. — Agora é hora de fazer uma parada. No entanto, não vamos permanecer inertes. A aprendizagem jamais terá um fim. Nem mesmo o maior dos aperfeiçoados é perfeito. Por isso, devemos começar de baixo. Vamos primeiramente ao básico, a dominação de outros elementos. — disse. O aprendiz permaneceu de ouvidos atentos, dando crédito ao falatório. — Aqui! — falou apontando para uma grande rocha de dois metros de altura. — Domine-o. — ordenou. — E como exatamente eu devo fazer isso? — indagou curioso. — É simples. Posicione a mão sobre ela e aplique seu chakra, o restante você aprenderá em seguida. — afirmou.

Diante do exposto, agiu. A destra e a canhota moveram-se. Espalmadas, comprimiram a rocha. Respirou profundamente, e finalmente fez o chakra correr em direção às palmas. A energia percorreu um longo caminho em direção ao mineral. Lá, espalhou-se. Pouco a pouco, foi compreendendo a natureza da pedra. Sublime. A estrutura cristalina a desenhava. Tentou vencer as moléculas, afim de criar uma fenda no meio dela. No entanto, por mais que a forçasse, era inútil, nada fazia o material se separar dele próprio. — Isso é difícil... — comentou com o professor. — Eu nunca disse que seria fácil. — rebateu sorrindo o mestre. Durante o período de parada, ele não desistiu. Ainda sim, não surtira qualquer efeito suas invariáveis tentativas.

A viagem retomou seu rumo. Porém, Takezō carregava consigo uma série de pedras por dentro do roupão. Segurava uma dela com ambas as mãos. Desintegrá-la era seu dever. Dois dias de caminhada o levaram ao País do Nabo Seco. Naquele meio tempo, continuou praticando incessantemente. Fazê-lo, resultou no melhor dos resultados: o sucesso. Aprendeu com a prática e, lentamente, compreendeu como deveria dominar a rocha. — Oh! Finalmente conseguiu, Shinmen-kun. Você tem talento, rapaz. Agora, tente moldá-la ao seu bel prazer. — coordenou. Assim o fez. Segurando outra delas, buscou dá-la a forma de um espeto. Inicialmente, falhas tentativas. A sua natureza não era simples de ser manipulada, embora as suposições sugerissem o contrário.

Conforme avançou com o treinamento, melhor moldou o conteúdo. O fez até obter absoluto êxito. Arremessou o cone contra uma árvore, enfincando-o. Deu-se conta, então, de que havia feito a melhor das escolhas quando aceitara servir de guarda ao senhor feudal do País do Nabo Seco. Sem sombra de dúvidas se tornaria um grandioso guerreiro.

Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Neste tópico desenvolverei solos diversos no País do Nabo Seco.

A primeira narração tem o intuito de desenvolver o Doton.

Usados:


_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Convidado
O país não existe de fato, só lembrando.

@Aprovado
Convidado
Anonymous
Convidado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
Dois dias se passaram enquanto dominava a terra e alcançava o País do Nabo Seco. Do alto de uma ribanceira, viu vida verdejante. Grama alta, árvores diversas e pássaros a cantar. Em meio àquilo tudo: agricultura. Plantações daquele que dava o nome da nação: o nabo seco. Uma iguaria importada por todo o continente, capaz de, inclusive, gerar um estado subordinado à Hi no Kuni em meio ao nada. — Então é aqui que eu vou viver a partir de agora... — comentou. — Sim, este é o País do Nabo Seco, que, apesar do nome, não é de verdade uma nação. É sim um vilarejo dentro do território do País do Fogo. Mas não se preocupe com nada disso, eu vou ensiná-lo a ser um grande guerreiro. — disse tentando encorajá-lo. Takezo franziu as sobrancelhas e seguiu a trilha em direção ao seu novo lar.

Era tarde e as nuvens anunciavam a possível chegada de chuva. O ninja de Konoha se instalava na residência oficial do senhor feudal. — Shinmen-kun! — gritou do lado de fora o Senju. O garoto, que antes esculpia em madeira deitado sobre uma fina camada de panos, ergueu-se. Retirou-se do quarto e se apresentou ao superior. — Diga, Minama-sama. — respondeu. — Está na hora de continuarmos o treinamento... — insistiu ele, porém desta vez parecia esconder algo em seu tom. A verdade, descobrira a origem de Shinmen Takezo, filho de Senju Akane. Era seu sobrinho, sangue do seu sangue. Mal esperava por poder ensiná-lo e tutorá-lo.


Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Bom. A verdade é que o "País" do Nabo Seco é, na verdade, um vilarejo dentro de Hi no Kuni. Se autoproclamou país pela vaidade de seu "senhor feudal", que na verdade é um governante com status aproximados de um kage. Entretanto, O "País" é subordinado ao do Fogo.

Primeiro post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 1/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
O guerreiro não desconfiava de estar diante de um parente. Não conheceu sua mãe em vida, nem sequer se perguntava da origem materna ou de seus ascendentes. Para ele, a história sempre se resumiu a batalhar e aprender, com seu pai, a como se comportar durante um duelo. A ausência materna pouco importava, embora houvesse se perguntado por duas ou três vezes dela. Nos arredores próximos, em meio à mata e floresta local, treinou. Inicialmente, golpes físicos. Era hábil artista marcial e, apesar de ter pouca força física, compensava-a com técnica e velocidade invejáveis. No fim da manhã, cansados, almoçaram. — Isso foi bom, Shinmen-kun. No entanto, o que vou ensiná-lo a partir de agora está distante de tudo que você possui. É uma habilidade suprema: o Mokuton. — revelou.

O combatente cerrou o olhar e, penetrante, acompanhou os lábios do homem. — Numa mão, a terra. Noutra, a água. Estes são os elementos geradores da vida vegetal. Una-as e será capaz de criar material orgânico tendo por matriz o seu chakra. — explicou. Ele vislumbrou as palmas das mãos. "Unir a terra e a água?! Isso parece bem simples, na verdade." refletiu. Minama sorriu e levantou-se. — Eu o deixarei sozinho a partir daqui. Se realmente for o escolhido, conseguirá. Garanto, não será fácil. No entanto, tenho confiança em seu triunfo. — assinalou deixando o lugar em fumaça, fruto de técnica básica.

Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Primeiro post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 2/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
Juntos as palmas das mãos. Na destra, concentrava o poder e a resistência da terra, onde semearia as sementes que seriam alimentadas com os nutrientes terrosos. Na outra, a água, fonte de toda vida. Uma das mãos tinha o aspecto marrom, enquanto a contrária, azul. O poder fluiu através de ambas, com o propósito de convocar a vida em seu estado arborizado. Seu corpo estremeceu, bem como o solo onde pisava. Porém, não importava o quanto se esforçasse, era incapaz de gerá-la. — Maldição! Eu pude sentir a força vital. Por que eu não consegui criar uma simples planta?! — questionava-se. Talvez aquele fosse um salto imprudente de sua parte.

Vislumbrou os arredores, contemplando a quantidade colossal de flores e folhas presentes. Esbanjavam cor sem igual, aspecto e forma exuberantes e aromas incríveis. "São belas... Será que serei capaz?" refletia enquanto se aproximava de uma orquídea rasteira. Agarrou-a com a destra. Fez o chakra correr em sua direção, com a idealização de fazê-la crescer. Não somente a flor, como também caule, folha e todo o resto. Inefetiva tentativa. Embora sem sucesso, lições produziram as falhas. — É cíclico. Falhar e aprender. Tudo no universo segue fluxos como este. — concluiu solitariamente em uma filosofia desconhecida.


Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Terceiro post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 3/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
Não era alguém religioso. Sequer tinha fé, excetuando a sua própria força. — O que eu aprendi e onde errei?! Vejamos, se a madeira depende de água e terra, eu deveria ter colocado ambos sobre este pequenino e indefeso ser. Quando apliquei somente uma das mãos... Sim, essa foi minha ruína... — admitiu observando o ser vegetal. — Então aqui vai... Receba, de minha preciosa energia, a água e os nutrientes para crescer, pequenina. — afirmou enquanto a apertava suavemente entre as extremidades dos membros superiores, entrelaçando os dedos de ambas. Impulsionou a sua potência energética ao máximo, criando um diferencial de potencial jamais antes visto por ele próprio. A corrente de chakra forneceu as variáveis necessárias e a planta se encarregou do restante.

A orquídea alva se frutificou, floresceu como nunca e procriou ramos diversos nas mais variadas direções. — Então aqui está contido o ensinamento da natureza. Ainda sim, eu sei que não estou pronto para desenvolver vida de nada senão do solo. Preciso ir além... — dizia enquanto observando os demais habitantes da floresta. Nos seus pés, grama. Verdejante, poderia representar uma boa opção ao seu treinamento. — Isso deve servir. — acreditou. Sentou-se com as pernas cruzadas. Estendeu os braços em direção às gramíneas com as palmas das mãos abertas. — E lá vamos nós uma vez mais... — propalou vagarosamente.

Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Quarto post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 4/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
Seus olhos se fecharam lentamente. A respiração manteve cadência próxima da nula. Conforme o tórax expandia e contraía, avançava o seu poder por dentre os filamentos vegetais que agraciavam os dedos recheados de terra. O chakra fluidamente se esgueirou dentre todas as minuciosas células daquele grandioso ser. O engodo surgiu quando não foi possível engrandecê-las. Culpou-se, afinal era sua responsabilidade tê-las excitado sem o devido comprometimento em fazê-las crescer exponencialmente. A cor, antes vívida, ganhou aspecto fosco, pouco vibrante. Não somente não correspondeu com as expectativas, como também produziu efeito contrário do pretendido. Suava, um misto entre esforço excessivo e nervosismo em resposta à falha. — Isso não será tão fácil. Mesmo tendo executado o processo fielmente, frustrei-a. Desculpe-me, amiga. Este que lhe fala ainda é apenas um aprendiz. Se puder, deixe-me tentá-la satisfazer a você uma vez mais... Eu não perderei esta batalha novamente, prometo. — jurou.

Calmo e consciente de suas habilidades, fez o vigor de seus tenketsus correr por todo corpo, na direção daquelas a quem havia realizado um pacto. Retornar com as palavras proferidas estava fora de cogitação. Ou faria, ou então perderia todo seu orgulho de um nobre guerreiro. Seus vasos se dilataram e os músculos se contraíram. Em apneia, executou o máximo de esforço possível.

Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Quinto post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 5/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
O seu esforço provocou os arredores. Um pequeno abalo sísmico se propagou num grande raio dali. Espécies de pássaros e roedores que ali viviam se assustaram e se retiraram o quanto antes. O tremor, apesar de assustar os animais, não fora acompanhado de efetivo triunfo. As pontas verdes se eriçavam, pareciam estar prontas para amadurecer e espichar. No entanto, aquilo era tudo, o prenúncio de um possível sucesso. Labirintos se formavam em sua mente enquanto se esforçava ao máximo. Dentre eles, o caminho correto para dominar aquela técnica. Bastava ao jovem desvendá-los. Conforme progredia, deparou-se com a escolha apropriada. — Então aqui estava você este tempo todo... — reconheceu quando confrontou seus pensamentos.

A realidade é que sua racionalidade havia produzido, por ela própria, as respostas necessárias a fim de concretizar o conhecimento e prática da manipulação da madeira. Naquele instante de descoberta, respirou profundamente e prendeu o fôlego por alguns segundos. A apneia foi a via pela qual a grama finalmente ampliou o seu comprimento. Antes poucos centímetros, avançou irrefreável à altura da cabeça do ninja sentado. Não bastasse, ganhou tom extraordinário e brilho inigualável. A cabeça roçava os filamentos vegetais. Ergueu-se, então. — Essa é uma técnica avançada. Eu não deveria ser capaz de aprendê-la tão naturalmente... — supôs.  

Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Sexto post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 6/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
Com o aprendizado recente, prosseguiu. — Vejamos... Eu consegui fazer crescer uma flor e fiz o mesmo à grama. E agora, o que falta para que eu possa gerar a vida solitariamente... Sem o auxílio de outros seres? — questionava-se perante dúvida crescente no peito. Recordou-se de seu pai, quando ainda era um infante, sentados sobre à mesa de casa, discursando coisas quaisquer. Entre os goles alcoólicos de saquê, algumas das palavras faziam sentido. "Às vezes, Takezō, aquilo que buscamos está ao nosso lado. Às vezes, procuramos por toda uma vida e nunca o encontramos..." aconselhou no passado. Foi com este sermão que encontrou a última peça do quebra-cabeça, antes de finalmente criar árvores com o próprio chakra. Tratavam-se dos seres de maior volume: as raízes, os troncos e as copas delas. — Eu devo ser capaz de transformá-las em outras de maior altura. Sim, com certeza sou. — garantiu confiante.

Moveu-se lentamente, estando empenhado em meio ao grande verde desenvolvido no momento anterior. O processo era semelhante ao outro, chakra de natureza Doton em uma mão, Suiton na contrária. Encostou no tronco de uma linda cerejeira com as mãos espalmadas embebidas na energia da natureza. Não era corpudo, nem tão pouco alto. Ainda sim, bastaria. Convocou os maiores dos esforços, porém, como de praxe, resultou o insucesso. — E lá vamos nós mais uma vez... — satirizou sua situação enquanto sorria levemente.      
Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Sétimo post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 7/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
Depois de tudo aquilo, cansou. O arfar constante não era suficiente para descrever o quão exaurido se encontrava. As fraquezas de seu espírito e corpo eram observáveis e notáveis. Foi àquela altura que retornou Minama, esbanjando vigor físico e felicidade. Estranhou a grama alta, porém logo compreendeu do que se tratava. Atravessou-a e deu-se de cara com Takezō — Shinmen-kun! Vejo que tem se esforçado um bocado por aqui. E agora, o que pretende? — questionou curioso. — Pensava em descansar, sensei. E, antes disso, queria tornar essa cerejeira a árvore mais alta e bela de toda a floresta... — replicou ofegante. — Entendo... Está exausto... No entanto, um guerreiro nunca deve interromper seu aperfeiçoamento, não importando se o seu corpo cedeu ao chão. Ele deve estar sempre de pé, ereto, suportando a tudo e aumentando o seu poder com seus erros e acertos... — afirmou.

O ninja, que antes pensava em ter repouso, desistiu da ideia e novamente confrontou-se com a árvore. — Então acho que devo continuar por aqui... Dando meu máximo... — declarou. — Isso! Essa é a determinação de um combatente, nobre shinobi! — enunciou vibrante. Num ritmo frenético de aprendizagem, tocou o caule do ser com as mãos espalmadas. Transmitiu, delas, todas as variáveis necessárias afim de fazê-la crescer. Embora consumido pela fadiga, não ousou desistir. Entregou-se ao trabalho por inteiro. No entanto, não bastaram os conhecimentos e o esforço, os galhos sequer se moveram. Suor escorreu por toda a pele. Olhou ao redor e, respirando com dificuldades, apagou. — Merda... — disse a instantes de cair no solo.  
   
Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Oitavo post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 8/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
Desacordado, adentrou um mundo confuso somente habitado por ele. Era seu inconsciente, somente acessado nos sonhos ou em momentos como aquele, de desmaio. Vagou por lá, até se encontrar com uma mulher alta, com cerca de um metro e setenta de altura. Seus cabelos eram negros, lisos e longos. Fitava-a de costas. "Quem é aquela?!" perguntou-se. Navegando num espaço negro, semelhante ao do sideral, flutuou na direção dela. — Ei, você! — gritou próximo o suficiente dela. O rosto da mulher virou-se na direção da voz. Era branca como o gelo. Bela. Trajava-se com uma armadura castanha, que cobria os ombros e o restante do corpo e passava a impressão de ter sido construída com madeira. — Eu?! Oh! É você, Takezō. — disse num tom aveludado. Quando próximos, cara a cara, ela tomou a dianteira e avançou. Foi tão rápida que o rapaz não pôde acompanhá-la com os olhos. Abraçou-o, contrastando com o que aguardava: perigo. — Mas que diabos?! Que porra é essa? — questionou desentendido. — Por que está tratando sua mãe assim, moleque?! — indagou irritada.

— Mãe?! — emitiu atordoado. — Espera aí, você é a minha mãe? Não, não é possível. — resignou-se a dar crédito às palavras da mulher. — Parece que eu não vou conseguir te convencer assim. Venha. Vou mostrá-lo. — proferiu calmamente, tomando a mão destra do rapaz entre as delas. Carregou-o por todo aquele vasto ambiente. Mostrou-o imagens de toda sua vida, de infante a quando conhecera o seu progenitor e o posterior parto, onde falecera devido a problemas congênitos de sua fisionomia. Era Senju Akane, mãe de Shinmen Takezō. O garoto demorou até assimilar todas as informações. Na verdade, tratava-se ela de um restante de chakra doado à sua estimada criança minutos antes de ter sua existência apagada. Uma projeção que não duraria muito mais. — Eu sempre estive lhe vendo e percebo que é muito parecido com seu pai, embora tenha herdado a beleza da mãe... — descontraiu. — Agora que está treinando o Mokuton, será um ninja formidável, mais do que fui eu quando herdei o poder dos Senjus. Está indo no caminho certo, a propósito. Seu talento é considerável, nem aparente ser um filho meu... Hahaha! — continuou a brincar. — De qualquer modo, querido, lembre-se: a natureza estará sempre ao seu lado. Basta procurá-la. E sempre que usá-la, pense em mim. — contou antes de deixar o local.

Conhecer sua mãe foi, sem sombra de dúvidas, a maior das experiências para o shinobi. Entorpecido por aquele sentimento materno, despertou do profundo desmaio ao qual havia se submetido.
Desacordado, adentrou um mundo confuso somente habitado por ele. Era seu inconsciente, somente acessado nos sonhos ou em momentos como aquele, de desmaio. Vagou por lá, até se encontrar com uma mulher alta, com cerca de um metro e setenta de altura. Seus cabelos eram negros, lisos e longos. Fitava-a de costas. "Quem é aquela?!" perguntou-se. Navegando num espaço negro, semelhante ao do sideral, flutuou na direção dela. — Ei, você! — gritou próximo o suficiente dela. O rosto da mulher virou-se na direção da voz. Era branca como o gelo. Bela. Trajava-se com uma armadura castanha, que cobria os ombros e o restante do corpo e passava a impressão de ter sido construída com madeira. — Eu?! Oh! É você, Takezō. — disse num tom aveludado. Quando próximos, cara a cara, ela tomou a dianteira e avançou. Foi tão rápida que o rapaz não pôde acompanhá-la com os olhos. Abraçou-o, contrastando com o que aguardava: perigo. — Mas que diabos?! Que porra é essa? — questionou desentendido. — Por que está tratando sua mãe assim, moleque?! — indagou irritada.

— Mãe?! — emitiu atordoado. — Espera aí, você é a minha mãe? Não, não é possível. — resignou-se a dar crédito às palavras da mulher. — Parece que eu não vou conseguir te convencer assim. Venha. Vou mostrá-lo. — proferiu calmamente, tomando a mão destra do rapaz entre as delas. Carregou-o por todo aquele vasto ambiente. Mostrou-o imagens de toda sua vida, de infante a quando conhecera o seu progenitor e o posterior parto, onde falecera devido a problemas congênitos de sua fisionomia. Era Senju Akane, mãe de Shinmen Takezō. O garoto demorou até assimilar todas as informações. Na verdade, tratava-se ela de um restante de chakra doado à sua estimada criança minutos antes de ter sua existência apagada. Uma projeção que não duraria muito mais. — Eu sempre estive lhe vendo e percebo que é muito parecido com seu pai, embora tenha herdado a beleza da mãe... — descontraiu. — Agora que está treinando o Mokuton, será um ninja formidável, mais do que fui eu quando herdei o poder dos Senjus. Está indo no caminho certo, a propósito. Seu talento é considerável, nem aparente ser um filho meu... Hahaha! — continuou a brincar. — De qualquer modo, querido, lembre-se: a natureza estará sempre ao seu lado. Basta procurá-la. E sempre que usá-la, pense em mim. — contou antes de deixar o local.

Conhecer sua mãe foi, sem sombra de dúvidas, a maior das experiências para o shinobi. Entorpecido por aquele sentimento materno, despertou do profundo desmaio ao qual havia se submetido.

   
Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Nono post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 9/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Urameshi
https://www.narutorpgakatsuki.net/t70850-berserker
Despertou e, apesar de guardar a sensação de ter passado alguns dias no seu inconsciente, somente haviam se decorridos pouquíssimos minutos no mundo real. — Acordou de novo, dorminhoco. — brincou o homem. — Sim, mas não se preocupe, tio. Eu vou conseguir desta vez. — disse. O homem tornou à confusão. "Espere, ele disse 'tio'?" pronunciou-se à mente. Takezō assumiu as rédeas da situação e passeou calmamente pelo local. Deixou que a natureza penetrasse os poros da pele. Todos os seres vegetais tornariam-se suas companheiras, a partir daquele instante. Decidido, com feição dotada de determinação absoluta, alcançou a cerejeira. Posicionou-se ereto ante ela, espalmando o tronco com as mãos nuas. — Aqui vai, cerejeira. Por favor, tome um pouco do meu poder e cresça... — solicitou calmamente.

Obedeceu-o. Seus galhos, lentamente, absorveram o chakra do rapaz. Converteu toda a energia cedida em flores, folhas, raízes mais grossas, ramos maiores, projetando-se por toda a flores sem qualquer tipo de freio. Ao final daquilo, o rapaz finalmente obteve uma vista privilegiada. Estava num dos galhos que reproduzira, repousando diante de toda a vasta floresta do Nabo Seco. — Então essa é a natureza de que tanto falava, mãe. De fato ela me chama. Posso ouvi-la... Agora, tudo o que posso fazer é contemplar... — comentou perante os ares. Deitou-se e passou a observar o ir e vir das copas enquanto banhadas pelas correntes de ar que lá passeavam. Tornara-se, por fim, um dominador da madeira.

   
Shinmen Takezō; 1575/1575 1775/1775 00/06

Considerações:
Aparência: Miyamoto Musashi - Vagabond, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Décimo post de dez do solo para adquirir o Mokuton: 10/10.

Usados:
 

_______________________

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Susanoo-no-Mikoto-slaying-Yamata-no-Orochi-in-Kojiki
Urameshi
Urameshi
Chūnin
Vilarejo Atual
lathe biosas

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Shiro
http://narutorpgakatsuki.net
Conhecendo a mãe, que gracinha <3

[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco Jbc8Apt

_______________________

Shiro
Shiro
Tokubetsu Jonin
Vilarejo Atual
[ RP ] Crônicas no País do Nabo Seco 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ir para o topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos