>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 71DG
Após uma dura jornada, Shaka finalmente caiu e teve a maldição retirada de seu coração. No entanto, os problemas trazidos pela família Hattori não se extinguiram. Shion revelou ter ajudado a libertar Lilith, uma monarca da dimensão infernal, que agora está possuindo o corpo de Hyuga Katsura e libertando uma horda de seres infernais contra este mundo. O mundo corre risco de ser consumido pela maldade dessa criatura, mas não se o plano de Shion der certo: forçar Lilith a causar um evento chamado de O Grande Eclipse, onde as portas de todos os mundos e dimensões ficarão abertas, e assim permitir a ele ir ao submundo resgatar sua amada Katsura Grey para finalmente selar Lilith.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno

Osgllith
Chūnin
Osgllith
Vilarejo Atual
Ícone : [Fillers]  Osgllith Kiyotaka 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

[Fillers] Osgllith Kiyotaka - 17/1/2019, 23:36

N/D Ainda
É feio espiar as coisas dos outros rs
-
Osgllith
Chūnin
Osgllith
Vilarejo Atual
Ícone : [Fillers]  Osgllith Kiyotaka 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [Fillers] Osgllith Kiyotaka - 18/1/2019, 19:41

QUARTO ANO NA SALA BRANCA: Mestre Fuuton

Em uma época da sala branca, O sol parecia tímido em uma das várias tarde presenciada pelo garoto de olhos caido, mas felizmente o clima se mantinha agradável, seria um incentivo a parte para se treinar de novo se não fosse a indiferença do menino. Osgllith esperou muito tempo para isso, tempo esse que não passar pelo cofinamento, herdou a afinidade de sua mãe, Fuuton que só sabia disso através de seu mordomo e esperava que um dia ela pudesse ensinar grandes jutsus ao garoto, mas claramente não seria hoje, talvez nunca acontecerá. Todo ninja que se preze precisa aprender técnicas para poder usá-las em batalhas e missões, facilitando-as de diversas formas. Fuuton era um elemento facilmente encontrado em quase todo lugar em seu país, e dominá-lo deixava o jovem mais próximo do topo. Mais uma sessão de testes e treino se iniciaria um treinamento para usar seu poder de forma mais ampla, mais complexa, dando um uso mais específico ao Fuuton. Pisava delicadamente na grama vívida, os movimentos de um shinobi devem ser silenciosos e preciso, não tinha pressa. Ainda não sabia quem o ajudaria neste jutsu, mas já tinha uma ideia do que pretendia realizar, esperava que o treinamento o empolgasse ele sempre esperou por tal emoção, mas para ele ainda era algo confuso.

Um mestre do elemento vento chegava no local em questão, junto com algumas pessoas de palito claragementre o pessoal da sala branca e logo reparava um jovem esperançoso para aprender uma nova técnica e adiciona-la em seu arsenal de técnicas para futuras batalhas ou diversão ninja. O primeiro passo do mestre, que por sinal era da elite da vila, foi observar atentamente o jovem e repara-lo em quesito vigor. — Me mostre o que já sabe! — Ordenou. Finalmente seu mestre aparecia,  mesmo que não tivesse de fato demorado. Sabia que algum shinobi o ensinaria mais técnicas de seu elemento, mas nunca imaginou que seria um dos ninjas mais poderosos do país. Seria sem dúvidas uma grande honra aprender com aquela figura notória, e se esforçaria, claro, para não decepcionar a si mesmo. Se o garoto ficou impressionado com a presença do ninja de elite, não demonstrou. Ouviu com atenção as palavras do sensei, que pediu pra mostrar as atuais habilidades do jovem. - Sim! Não o decepcionarei! Felizmente Osgllith sempre foi bom em ninjutsus, e aprendeu o básico na sala branca com pessoas mebos qualificadas que o cara na sua frente. Até então Osgllith só mostrará suas habilidade como assassinato, artes marciais, pois, esse era o único arsenal que ele tinha, O mestre analisou a situação e percebeu que aquele pirralho era um bom dominante do submundo, porém, era iniciante em questão de atributos básicos e tinha muito a aprender. Utilizou de suas artimanhas mais engraçadas para impressionar o garoto, levou uma montanha atrás de si, apenas como um bater de pé no chão. — Tudo está no modo de como canaliza seu chakra — Citou, o Senhor. — Levante novamente, canalize e tente mante-la em pé por mais tempo — Ordenou. Incrível! Precisou se segurar para não usar uma palavra pouco indicada para situações como esta, como treinamento. O garoto sempre achou que estava indo bem no treinamento de vigor, até ouvia elogios pela maneira como manipulava seu corpo, possuindo tão pouca idade.

Em meios aos dias de treinamento com o mestre fuuton, palavras como "Aquele que se recusa mostrar seu talento é um tolo" desferida por seu pai ecoava na cabeça do garoto de cabelos castanhos, verdade única é que o jovem não sabia como reagir, nunca soube e isso atrapalhava seus desempenho nos treino mas, devido a alta capacidade e inteligência ele obtinha resultados esmagadores em relações as outras crianças, fato que fez a confusão do menino imperceptível para seus avaliadores. O treino continuava não só canalização do chakra como treino braçal, aquilo poderia ser chamado de próprio inferno, duas crianças foram tiradas do programa chegando a beira da morte e cada vez que algo assim ocorria, mais Osgllith afirmava que os outros não passavam de ferramentas. O treino feito até um certo momento estava mais medindo a capacidade do garoto do que o ajudando a evoluir, aquilo não era o bastante para o fazer mais forte e o mestre percebia isso, porem, diferente dos outros da sala branca o mestre não via as criança como experimento e isso fez com que ele não aumenta-se a carga do treino para as outras crianças não sofrerem, mesmo que as vezes foi forçado a adiantar as coisas causando quase a morte de duas crianças nesse treino. Já se passava o oitavo dia de treino, no nono os lideres do projeto ordenou que aumenta-se o ritmo do treino forçando além do limite daquelas crianças e assim foi feito, o mestre via que aquilo era demais para essas pobres crianças nem gennins recebiam tal treino, porém, um único estava ileso sem muitas complicações e esse despertava o interesse do mestre, era o primeiro garoto que ele tinha visto no primeiro dia. - Estava certo sobre você, é uma pena para os outros. - Diz o mestre a Osgllith que então olhava para as outras crianças que estavam altamentes ofegantesa ou outras desmaiadas, dois dias depois seis criança teve seu fim trágico por não suportar o treino.

As crianças que suportaram, continuaram o treino de vigor pir duas semanas e resitiram muito bem, essa era um dos treinos e testes infernais que aguardavam o menino Osgllith, o resultado disso era algo imprevisível mas no fundo o que ele desejava era apenas uma vida normal, ele tinha intenções de se socializar, criar algo desconhecido como laços, amor, tais sentimentos desconhecidos seriam a ultima esperança para o garoto que não sabia o que era esperança, não que ele não soubese o significado literal dessas coisas, o menino simplismente não sabia o que era sentir coisas assim, era algo a se descobrir em seu futuro já que seu passado não passou de um cofinamento onde de uma sala branca, algo além do branco visto era as luzes radiante do sol que transparecia pela janela.

Hp: 250
Ch: 250
St: 03/03
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Fillers] Osgllith Kiyotaka - 19/1/2019, 22:55

Aprovado. +100 Status (+ Mês do up)
-
Osgllith
Chūnin
Osgllith
Vilarejo Atual
Ícone : [Fillers]  Osgllith Kiyotaka 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [Fillers] Osgllith Kiyotaka - 26/1/2019, 14:05

De Melight para Osgllith.


Nasce mais uma linda manhã ensolarada em Konoha, já se passara um pouco tempo desde da sua ultima missão mas mesmo assim o treinamento não poderia parar, em sua missão o jovem percebeu que treinar era a chave para ele alcançar o topo. O treino seguia com flashbacks do treino de seu "irmão pós sala branca". Naquela brisa refrescante juntamente com o canto dos passarinhos entrava pela janela do quarto de um garoto que havia se tornado Gennin recentemente e estava ansioso para começar sua primeira aventura. O garoto então se levanta de sua cama e ia para o banheiro lavar seu rosto, enquanto isso sua mãe estaria preparando o seu café da manhã, depois que o garoto termina de se ajeitar, descia a escada da casa para fazer sua refeição matinal.

 O garoto bate conversa com sua mãe sobre a possibilidade de hoje que ele sairia de Konoha para realizar sua primeira aventura, era o que o garoto esperava pois ele estava muito ansioso para começar sua primeira aventura, então ao acabar de comer, Melitgh (Irmão mais velho considerado de Osgllith) pega suas coisas juntamente com um pouco de comida que era necessário para a aventura que o garoto queria , então sai de casa e vai diretamente ao Portão de Konoha. Caminhando pela aldeia tranquilamente com a brisa daquela manhã batendo em seu rosto e avistando os comércios ou qualquer coisa de interessante o garoto se dirigia ao Portão da vila. Ao chegar lá, Melight se depara com um Jounnin, um ninja de elite que fazia alguma coisa no local, então decide pedir informações porque estava muito ansioso para começar sua aventura, o Jounnin diz. -Então garoto... Aqui no portão você não vai conseguir nada, eu aconselho ir no Gabinete do Hokage e solicitar uma missão ao mesmo, essa é a melhor forma de começar uma aventura além de que você irá evoluir como um ninja! Após receber a informação daquele Jounnin no Portão da Aldeia sem perda de tempo Melight vai correndo em direção ao gabinete do Hokage, corria alegremente e bastante ansioso, afinal, ele iria solicitar sua primeira missão como um ninja para a superioridade de sua vila. Chegando próximo ao Gabinete do Hokage, o jovem diminui seus passou para que não entrasse no gabinete com má aparência ou que o líder da vila achasse que o garoto era cansado, então se prepara atenciosamente puxando bastante ar para seus pulmões e inspirando o ar vagarisamente e entra no gabinete.
Ao entrar, educadamente solicita sua missão para o Hokage e o mesmo analisando o porte do garoto não pensa muito e lhe entrega o pergaminho com uma missão, sem muito o que falar pede para o genin que se retirasse dos aposentos pois o mesmo estava ocupado com suas tarefas e assim foi feito, Melitgh sai do gabinete lendo o que continha no pergaminho. Descrição: Os médicos da vila tem andado bastante ocupados com as recentes batalhas e consequentemente feridos, por isso estão sem tempo para procurar os ingredientes. Vá ao hospital, informe-se sobre o que precisa coletar e então pegue os ingredientes pedidos e leve de volta ao hospital. Após receber informações e a missão que deveria ser feita, Melight pensa em ir imediatamente para o hospital da vila porque queria cumprir essa missão logo, caminhando rapidamente sobre as ruas de Konoha o garoto se dirigia até o hospital que deveria ir. Chegando no hospital, o jovem entra tranquilamente e se dirige até a recepção para se informar sobre a missão que tinha recebido para atuar para aquele local , então educadamente pergunta a recepcionista do local - Com licença, é este o hospital que solicitaram ajuda para coletar ingredientes médicos ?
- Aah sim , então você é o garoto que vai buscar os ingredientes para que nós do hospital possamos os remédios para os ninjas feridos daqui não é ? Então , não é nada de mais, você terá apenas que ir na floresta no sul de Konoha, e pegar esses seguintes ingredientes. - Diz a recepcionista entregando uma lista nas mãos do garoto com o que ele tem que coletar. Pequena Lista - 50 folhas de Hortelã, 40 folhas de Confrei, 20 folhas de Babosa, 10 folhas de Beldroega - O garoto então pega a lista com os ingredientes que teria que pegar e sai do hospital rumo ao sul de Konoha onde deveria ir coletá-los. Caminhando então pelas ruas da aldeia, o garoto caminhava tranquilamente para a floresta que se localizava no sul da vila, nisso o recém Gennin que andava com o destino certo se emocionou com uma cena que acabará de ver, um pai brincando com seu filho, o jovem se lembrava de seu pai que havia morrido e isso mexia profundamente com ele, mas isso não era nada que o impedisse de cumprir seu objetivo, então prosseguir com seu objetivo , estava quase chegando na floresta. Ao chegar na floresta , Mellight começa a procurar os ingredientes que foram listados pela recepcionista do hospital, caminhava pela floresta que tinha sido indicado, quando olha ao seu redor e um pouco distante encontra um pé de hortelã, mas havia um problema, existia um javali que estava dormindo bem do lado do pé de hortelã. Agora o que Melight faria ? Tentaria a sorte nesse ? Ou procuraria por outro pé de hortelã ? Cara .. Um Bunshin não pode fazer absolutamente nada além de se locomover e distrair o oponente, você deu uma foice para o Bunshin matar o javali, onde se viu isso ? Isso não é um Kage Bunshin para você conversar com ele e dizer o que ele tem que fazer, o Bunshin como eu disse só serve para distrair o oponente e confundi-lo , o Bunshin também não emite sons nem nada portando seria incapaz de pisar em um galho ou coisa assim porque é apenas uma imagem, um clone desses não tem nem sombra!

O jovem estava realmente empolgado com seu treino ali treinava seu vigor inspirado em seu irmão mais velho, suas história era curiosamente menos obscuras do que as ações demostrada pelo mesmo e o modo que treinava o chakra era espelhados na forma calma do irmão, pois, mesmo que Osgllith negasse se espalhava muito no amigo-irmão. "Ficarei mais forte e quando eu tomar a sua frente, sei que estarei mais próximo do meu objetivo" Osgllith não via Mellight como apenas mais um(Ferramenta) no fundo ele não sabia o que realmente era aquilo que sentia por seu irmão.

Hp: 375
Ch: 275
St: 03/03


_______________________

[Fillers]  Osgllith Kiyotaka Tumblr_ox10dtuQeZ1r60zuio5_250
|Ficha|Visual|
HP: 550 CK: 500 ST: 06/06
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Fillers] Osgllith Kiyotaka - 26/1/2019, 20:46

[Fillers]  Osgllith Kiyotaka Eu_apr11
-
Osgllith
Chūnin
Osgllith
Vilarejo Atual
Ícone : [Fillers]  Osgllith Kiyotaka 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [Fillers] Osgllith Kiyotaka - 8/2/2019, 22:07


Quinto Ano Na Sala Branca: O Promissor Kettei

O mestre que havia deixado o projeto por tempo indeterminado, voltava a pedido de pai de Osgllith, mas a principal razão para a ausência era o chamado do quartel da vila. Os treinamentos pesados voltavam e dessa vez... Por ter sido que aquele homem fez simplesmente deixou algumas criancas do projeto sem fôlego, sem exageros, os garotos esqueceram de respirar enquanto observavam tal cena magnífica. O sensei bateu o pé no chão e como em um ato repentino uma montanha surgiu atrás dele, sem nem mesmo precisar usar selos. Sempre ouviu histórias de pessoas que realizavam feitos incríveis usando o chakra para manipular elementos, mas presenciar aqui se tratava de um outro nível em sua vida, o momento em que deixava de ser um garoto e começava a se tornar alguem mais forte de verdade. Uma onda de adrenalina e motivação invadiu um jovem que estava no mesmo projeto do Kiyotaka, este se chamava Kettei e juntamente de Osgllith, eram aqueles mais promissores dentro o projeto, o curioso era que ambos tinham personalidades opostas.

Kettei descobria novas possibilidades depois do que viu, nunca esteve tão determinado em sua vida. Canalizou seu chakra, desta vez melhor do que na última tentativa, e ergueu o dobro de pedras, do mesmo peso que as anteriores e novamente socando o chão, o garoto promissor tinha o mesmo elemento do mestre Fuuton. Desta vez já havia se passado um minuto e as pedras ainda estavam suspensas no ar. - Sensei, tem algo que eu não entendo, e talvez seja isso que me impeça de evoluir de uma vez. Sempre senti essa energia de atração com a natureza, como se ela me chamasse, como se ela pedisse para que eu a manipulasse. Mesmo que eu consiga...Realizar isso agora, acontece como algo automático. Eu não entendo se quando realizo o selo ou quando soco o solo, se meu chakra se espalha e isso torna possível eu manipular as correntes eletricas, ou se meu chakra cria um tipo de sintonia com a terra, permitindo que eu a manipule como se estivesse usando a mente. - Finalmente Kettei compreendeu, adquiriu o que faltava para complementar sua técnica. Deixou cair a forma eletrica que já controlava, avançaria para a etapa final do treinamento, o jutsu. Antes de sair apressadamente, convocado pelo Pai de Osgllith, o sensei falou sobre um jutsu de dificuldade mediana, parecido já com o do jovem. Raiton: Hebi Mikazuchi. Tratava-se de  cria uma descarga de eletricidade de seu corpo para chocar um oponente. Também pode ser liberado à distância como um raio; quando usado dessa forma, assume uma forma de cobra. Concentrou-se profundamente, canalizou seu chakra e realizou os selos necessários, e uma corrente se levantou, moldando-se em uma cobra, meio metro, capazes até de fritar um alvo facilmente, caso seja pequeno. Mantinha o controle perfeito, então começou a afastá-las para descobrir até onde iria seu domínio. O lançou e desabou quando chegou a uma distancia entre vinte metros. Compreendeu as limitações do jutsu, e então era só uma questão de praticar em suas futuras missões. Sentiu-se extremamente satisfeito consigo por ter aprendido um jutsu de rank C, e este seria apenas o primeiro de uma longa lista de poderes.  Lentamente começava a manipular a natureza de seu chakra, e pequenas correntes eletricas começavam a se erguer. No projeto ele havia aprendido quase tudo, e o detalhe que faltava lhe foi passado por aquele honrado shinobi que se dispôs a ajudá-lo, mesmo que aquilo fosse um projeto proibido. O jovem energético pretendia criar um jutsu que pudesse usar para atacar, que o ajudasse em batalha. Tinha tudo pronto, tudo em mente, agora só faltava a prática. Começava a usar seu chakra para manipular correntes e fazer se expandir em volta de sim, pequenos e leves ainda, mas estava visando primeiro a quantidade. Cinco correntes circulavam o corpo do garoto, que começava a se cansar, pois ainda não mantinha o controle total. Desfez o selo e relaxou o corpo, ofegante, esparecer a eletricidade parecia fácil, mas mantê-la parecia ser o problema.

- Não... Ninjas não ficam fortes sem esforço. Se eu desistir agora serei uma vergonha. Desistir não me foi ensinado! - Com mais determinação juntou as mãos e realizou novamente os selos, desta fez com mais força, com mais concentração. Fechou os olhos, canalizou seu chakra, saiu de seu mundo para se fundir com uma corrente em espírito. Conseguiu realizar os mesmos feitos da ação anterior, mas desta vez foi com mais velocidade, estava aprendendo. Sentia seu chakra no ar, mesclado a eletricidade. Fez com que mais do seu elemento se desprendesse do solo e começasse a se acoplar ao ar em volta aumentando assim seu volume lentamente, não precisava forçar, não queria ter pressa. Aos poucos aquelas cincos correntes eletricas se tornaram em cinco grandes de meio metro cada uma. "É isso, eu consegui! Criarei o máximo de correntes eletricas que eu puder para usá-las em batalha, para enfrentar os inimigos da paz. Um poderoso jutsu de ataque." Conseguiu desviar seu pensamento do que estava fazendo, demonstrando ainda mais concentração, estava finalmente dominando seu elementos e criando um golpe. Sentia a dificuldade de manter o elemento suspenso, mas precisava resistir e aumentar a quantidade. Então o raiton começou a se unir novamente no ar, criando mais um aglomerado, e assim mais um, até completar dez. O desgaste começava a ameaçar o progresso do jovem, mas ele não cedia, mantinha-se firme, inabalável. Sentia o gasto de chakra utilizado naquele jutsu, e então decidiu que poderia criar mais duas correntes daquele, e assim o fez. Um se formou, fazendo as mãos do garoto começar a tremer, e assim o segundo, e o terceiro, fazendo o usuário tremular devido ao esforço. Não resistiu ao esforço e então relaxou o corpo, deixando o elemento voltar ao seu lugar de origem. - É tolice. - Criou dez correntes de raiton que estava conseguindo controlar bem, mas, uma a mais custou mais chakra do que ele esperava, duas então o deixou quase exausto. - Parece que meu limite é esse mesmo, ainda não possuo tanto chakra quanto gostaria.- O jovem gostava de falar sozinho nos momentos de treino, talvez para se convencer de que algum fato era verdadeiro, ou para fixar as palavras em sua mente de maneira mais rápida.

Sentou-se por alguns minutos, aproveitando aquele sol revigorante. A grama estava um pouco gelada já que não fizeram muito calor naquele dia. Até mesmo um ninja precisa descansar. Levantou-se então em um pulo, pronto para a segunda etapa do treinamento. Juntou as mãos, realizou os selos e as eletricidades novamente se formaram. Essas foram mais lembranças que atormentatava o jovem Osgllith, sendo curioso aquele cujo se denominava Kettei, um era tudo o que o outro não era, porém era exatamente isso que os destacavam das demais crianças daquele projeto, o desfecho daquilo tudo era um mistério no "presente passado" do Osgllith, que frequentemente observava Kettei nesta época.


Hp: 550
Ch: 500
St: 00/06

_______________________

[Fillers]  Osgllith Kiyotaka Tumblr_ox10dtuQeZ1r60zuio5_250
|Ficha|Visual|
HP: 550 CK: 500 ST: 06/06
-
Emiya
Chūnin
Emiya
Vilarejo Atual
Ícone : [Fillers]  Osgllith Kiyotaka OA6REfD

https://www.narutorpgakatsuki.net/t65777-f-emiya-2-0#479953

Re: [Fillers] Osgllith Kiyotaka - 9/2/2019, 21:23

DelRey escreveu:
[Fillers]  Osgllith Kiyotaka Eu_apr11

Selo homossexual de aprovoes, +100p.
-
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [Fillers] Osgllith Kiyotaka -

-


Edição de Aniversario por Shion e Senko.