>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 71DG
Após uma dura jornada, Shaka finalmente caiu e teve a maldição retirada de seu coração. No entanto, os problemas trazidos pela família Hattori não se extinguiram. Shion revelou ter ajudado a libertar Lilith, uma monarca da dimensão infernal, que agora está possuindo o corpo de Hyuga Katsura e libertando uma horda de seres infernais contra este mundo. O mundo corre risco de ser consumido pela maldade dessa criatura, mas não se o plano de Shion der certo: forçar Lilith a causar um evento chamado de O Grande Eclipse, onde as portas de todos os mundos e dimensões ficarão abertas, e assim permitir a ele ir ao submundo resgatar sua amada Katsura Grey para finalmente selar Lilith.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno

Indra
Juuichidaime Hokage
Indra
Vilarejo Atual
Ícone : filler: A ASCENSÃO DO CHUUNIN, por INDRA. Tumblr10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t73475-fp-sarutobi-kaden https://www.narutorpgakatsuki.net/t73468-gestao-sarutobi-kaden

filler: A ASCENSÃO DO CHUUNIN, por INDRA. - 16/1/2019, 17:43




KOBAYASHI INDRA


A Ascensão do Chuunin: O Dia Bom de Indra
OnePost ▵ Estilo de Plotting: Filler ▵ Local: Ruas de Konoha

Ainda não conseguia acreditar como havia tornado-se Chuunin de Konoha. Mesmo sem fazer o temível exame, Indra havia sido selecionado para um tipo diferente de teste, onde iria acabar aprendendo a dar valor ao código de conduta ninja de Konoha. Sua mãe nem ligou para o fato de sua casa ter ficado toda bagunçada por causa dos supostos cachorros, que na verdade eram ninjas da vila disfarçados. Foi um final incrível, e Indra deveria estar muito contente…

Mas para ele, não passava de uma promoção. Estava feliz sim, mas não tanto quanto a sua mãe, que dizia para todos os conhecidos e colegas de trabalho que o seu filho agora era um Chuunin. Ele continuava os seus treinamentos normalmente, aprendendo novos jutsus, e treinando a arte de fazer selos de mão com uma mão só, começando a entender como aquilo funcionava.

Naquela noite aparentemente comum, Indra caminhava pelas ruas da vila durante a noite, com as mãos no bolso, pensativo sobre algumas coisas. Algo engraçado acontecia enquanto ele fazia a sua caminhada solitária: toda vez que encontrava um Chuunin ou até mesmo uma Jounin, eles o cumprimentavam, não importavam se eram mais velhos ou mais novos, se era homem ou mulher.

“Olá, Indra-san!”, “Parabéns pela promoção, garoto!”. Indra apenas agradecia com um aceno ou com palavras simples, tentando ficar o máximo possível na sua. Aparentemente, todos já estavam sabendo da sua promoção, e agora, de certa forma, Kobayashi Indra era um ninja importante dentro de Konoha.

Ele decidiu entrar em uma loja de doces, onde gastou o dinheiro que tinha lá dentro, comprando todos os tipos de chocolates que aguentava comer, o que não era muito. Ficava observando o lado de fora da loja, vendo as pessoas passando e tentando descobrir o que elas estavam pensando somente pelas expressões faciais dela. Escorou a cabeça no vidro, e contemplou uma loja de jogos em Konoha. Os aparelhos de jogos eram a nova modernidade da vila, e Indra sempre teve vontade de saber como era ter um aparelho portátil daquele.

Pagou o que devia e atravessou a rua, entrando na loja que já estava quase fechando.

- Ei… Ahn, sei que está fechando, e é uma merda ter que atender um cliente quando você está quase indo embora, mas eu queria só saber… Quanto é esse aparelho? – apontou para o video-game que estava na vitrine. O vendedor, um rapaz um pouco mais velho do que ele, disse o preço, e Indra imediatamente tirou um dinheiro que tinha recebido da última missão. Já tinha ajudado o suficiente nas despesas da casa para poder comprar o que quisesse com o dinheiro que sobrasse, então comprou o aparelho na hora.

Com o aparelho em mãos, Indra sentou-se num banco da praça e começou a jogar sozinho. Se tinha uma vantagem naqueles brinquedos era que você não precisava de outra pessoa para brincar. Para uma pessoa solitária como Indra, era excelente. Nem percebeu quando dois rapazes pararam na sua frente.

Sim, os ex-colegas de Academia que ficavam zombando da cara dele: Kizumi e Arashi. O primeiro era da altura de Indra, de cavanhaque e cabelo castanho, enquanto Arashi era mais alto e gordo. Aparentavam estar em estado de embriaguez, tanto pela cara que faziam, como o cheiro de sakê que exalavam. Indra não poderia estar menos enojado.

Kizumi: Olha, se não é o Indra-chan! - ele falou rindo. Indra fitou o rapaz de forma séria, virando o rosto. - O cara do momento! Ficamos sabendo da sua promoção para Chuunin… Parabéns. - ele o parabenizou, mas não parecia estar muito contente com aquilo.

- Obrigado. – respondeu rispidamente. - Eu poderia dizer que aprecio a sua felicitação, mas eu não gosto de vocês, então...

Arashi: Qual é, Indra… Não respeita mais os amigos?

- Nunca fomos amigos. – ele se levantou, enfiando o video-game no bolso da Flair Jacket, passando por eles dois. - Honestamente, espero nunca ter que fazer missões com idiotas como vocês dois.

Kizumi: Como você conseguiu virar Chuunin, hein? - ele perguntou, querendo atacar Indra na ferida.  - Você não conseguia chegar numa garota sem ficar todo vermelho. - suas palavras fizeram Arashi morrer de rir com as lembranças do passado. Indra também não gostava muito de lembrar daquelas coisas. - Seu passado não é muito bom, não é Indra-chan? Aposto que fica horas no quarto chorando lembrando das cagadas que…

- Escuta aqui, seu lixo. – Indra se virou rapidamente, ficando de frente para Kizumi. - Pode ter sido um valentão no passado, mas agora nós dois somos Chuunins de Konoha. Eu não sou mais o cara que você zomba só porque eu sou de rank inferior, não mais. Eu sei muito bem o que eu sou, e não vou mais me rebaixar a você, nunca mais. Mesmo que um dia Konoha caia tanto de nível que você possa vir a ser cogitado como Hokage. Eu não quero levar uma advertência por agredir um colega de trabalho, então uma dica para você… Não fica no meu caminho, e não venha querer me provocar. Para o seu próprio bem.

Indra ficou encarando Kizumi por um tempo, assim como encarou Arashi. Não tinha mais medo deles, não sentia mais aquele medo das pessoas. Se elas viessem até ele, iria encará-los. Ninguém nunca mais pisaria no seu calo. Depois que falou o que queria, Indra apenas virou-se de costas e foi embora, caminhando devagar, sem medo. Estavam numa rua lotada, com testemunhas o bastante para Kizumi não fazer nenhuma besteira.

Idiotas… Ainda bem que já não tenho mais nenhuma coisa com eles. Fico feliz que agora eu sou uma outra pessoa, e não preciso me preocupar mais com essas merdas.”, pensou consigo mesmo, entrando em uma rua mais vazia, com intenção de voltar para a casa e mostrar para a mãe o que tinha comprado. “Acho que ela vai ficar feliz ao ver que não estou gastando dinheiro com bebidas e prostitutas, como o meu pai fazia. Mas não vou ficar jogando o tempo inteiro… Irei treinar a prática do mono-selo para me dar melhor nas missões.

Foi quando ouviu passos. Imediatamente ele parou, virando o rosto rapidamente para trás, sentindo um soco atingir o seu rosto, o fazendo cambalear e cair em um monte de sacos de lixo. Quando viu quem era os seus inimigos, rosnou de raiva.

Kizumi: Vamos acertar as nossas contas agora, Indra! - disse ele, completamente embriagado. - Está achando que só porque você virou Chuunin, agora vai ser igual a gente? VAI SE FODER!

Indra se levatou calmamente, limpando a roupa e olhando nos olhos de Kizumi. Estava completamente chapado.

- Você é desprezível… Totalmente bêbado, mostrando uma postura completamente inapropriada para um shinobi. Eu não vou sujar as minhas mãos com você, Kizumi. Volte para onde você veio e não fique atrapalhando o meu caminho. – alertou, virando-se de costas e se preparando para ir embora, quando o homem puxou uma kunai e ameaçou usá-la. - Vai atacar um homem desarmado, Kizumi? – a resposta veio rápida: o Chuunin embriagado correu contra ele, o obrigando a virar-se de frente novamente, dessa vez pronto para lutar.
Kizumi estava tão bêbado que os seus movimentos não eram perfeitos, e mesmo que fossem, ele não era mais páreo para Indra: o Kobayashi já não era mais o garotinho da Academia que tremia e perdia os combates por medo das pessoas. Agora ele era um shinobi disciplinado, treinado e capaz de lidar com aquele tipo de situação… Simplesmente colocando a perna na frente e deixando Kizumi tropeçar nele, catando cavaco e caindo de cara no chão.

- E agora, Arashi? Você não era tão bom quanto o Kizumi. Na verdade, você era péssimo nas provas teóricas, e só passava porque algum idiota te dava cola. Vai querer encarar o garoto mais inteligente da nossa classe? – perguntou, colocando-se em posição de batalha. Arashi puxou a sua espada e correu contra Indra, dando golpes lentos, fáceis de serem desviados.

Indra se abaixou no primeiro golpe, flexionou os joelhos e deu um salto, golpeando o queixo de Arashi no meio do percurso com um chute, caindo ajoelhado no chão e correndo na sua direção e o empurrando com o corpo, levando-o a dar cinco passos atrapalhados antes de cair de lado no chão.

- Rendam-se e parem com essa brincadeira estúpida! – ordenou, vendo que cada um ficava de um lado. Os dois se levantaram lentamente, recuperando o fôlego, mas não a consciência. Eles puxaram kunais e as colocaram em suas mãos. - Já que é assim...

Kizumi foi mais rápido, mas Indra acabou dando um pequeno salto por cima da sua cabeça, chutando as suas costas e o fazendo cambalear até se chocar com o seu colega Arashi, que o jogou no chão e lançou a kunai contra o corpo do mancebo de madeixas negras, que precisou jogar o corpo para trás para não ser atingido. Quando percebeu, o homem vinha lhe socar a cara. Teve tempo apenas para bloquear o seu soco canhoto com a mão direita.

- Pare, Arashi! – ordenou, olhando para ele seriamente.

Arashi: VOCÊ INSULTOU A MINHA HONRA! IRÁ MORRER POR ISSO! - gritou de forma ameaçadora, colocando a mão no estojo.

Caralho… Eles vão me matar!” Com aquela ideia fixa em sua mente, ele teve poucos segundos para pensar no que fazer. Sua única ideia era bastante arriscada, mas era a única maneira de vencer a luta. Dizem que, nos momentos de maior dificuldade, é quando conseguimos nos superar. “Mentalize os selos, execute-os com uma única mão e ataque”, era o que dizia para si mesmo toda vez que tinha que fazia o treinamento.

Então ele fez os selos de mão. Era uma técnica de Rank B, por isso a exigência era um pouco maior. Enquanto o fazia, Arashi já buscava uma kunai para fazer um corte em seu corpo, ou pior, enfiá-la nele. Antes que o mesmo pudesse fazer tal coisa, Indra o surpreendeu com selos manuais com uma única mão, o fazendo observar bem. Quando terminou, o Chuunin arriscou tudo em um único momento.

- Raiton… JIBASHI! – gritou, lançando uma rajada elétrica contra o seu corpo, que o fez ser lançado para trás, caindo em cima de Kizumi. Ele tinha acabado de conseguir fazer um jutsu com a mão só, sem nem ao menos saber como. Olhou para as mãos durante uns segundos, depois fechou os punhos. - Eu não vou falar nada para os superiores, mas se voltarem a fazer isso comigo, eu não terei nenhuma piedade com vocês. Irei bater em vocês até ficarem banguelas, depois irei denunciar as suas atitudes para a Força Militar. Pensem bem na próxima vez que forem me atacar. – avisou, virando-se e finalmente podendo ir embora. Havia vencido duas vezes naquele dia: quando meteu a porrada nos seus colegas de turma, e quando tinha destruído o medo que tinha deles.



Chakra: (400/425)HP: (425/425)VEL: (00/02)ST: (00/03)
Ficha:
- Banco: - MF:

Informações:

Considerações Iniciais:

1805/1400 Palavras
1000 p/ 200 Status
400 p/ 1+ Qualidade (Hábil em Selos)
Jutsus Usados:

Raiton: Jibashi
Rank: C
Descrição: Esta técnica permite que o usuário crie uma onda de eletricidade a partir de suas mãos. O usuário pode variar seu poder a partir de uma pequena onda de choque em um adversário à uma poderosa corrente de relâmpagos capaz de rasgar através da rocha sólida.
Custo: 25 CH.

Aparência/Vestimenta:

Aparência de Indra
Armamento:

♦️ [07] Kunais
♦️ [06] Shurikens
♦️ [12] Kibaku Fuda (12x0.25: 3 slots)
♦️ [04] Kemuridama
♦️ [01] Hitai-Ate
♦️ [01] Flair Jacket
♦️ [01] Mecanismo de Kunai Oculta
♦️ [01] Tantõ
Jutsus Utilizados:

-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: filler: A ASCENSÃO DO CHUUNIN, por INDRA. - 16/1/2019, 23:22

Gostei da forma que o Indra enfrentou o menino ali, o Kizumi. Ficou legal o filler, mas da próxima vez tenta dar um pouquinho mais de destaque pra qualidade também, sei que é mais baseado na história do seu personagem do que no treinamento em si, mas é que fica mais real se você se esforçar mais.

Aprovado, +200 status e Hábil em Selos
-


Edição de Aniversario por Shion e Senko.