Sobreviventes
Shaka retornou. O inimigo número um da humanidade num passado apagado da existência retornou ainda mais poderoso. Os fantasmas dos heróis que o aprisionaram no passado solicitaram a ajuda de guerreiros poderosos que estivessem dispostos a selá-lo na cadeia do tempo, porém, algo de errado ocorreu. Shaka não só conseguiu escapar dos inimigos como ainda corrompeu os fantasmas e roubou uma das três marcas sagradas do tempo. Enquanto isso, as vilas sofreram ataques massivos de seguidores da religião de Jashin, todos acreditando que Shaka é o verdadeiro deus da morte. Templos foram encontrados nos arredores de cada vilarejo e aos poucos foram derrubados. Mas o inimigo da humanidade não tinha apenas uma carta na manga; Kinarra, um demônio antigo, voltou do além buscando a destruição do mundo, entretanto, ao enfrentar os novos heróis da humanidade, acabou se aliando aos humanos até que Shaka reapareceu e a selou novamente mostrando todo o seu poder. O mundo se encaminha para uma era sombria ou de paz? Só o tempo dirá.
.
.
.
.
.
Últimos assuntos
» [Cronica] Desassossego
Hoje à(s) 22:00 por Yamiko

» [Rank A] Arsenal Roubado, Oito
Hoje à(s) 21:49 por oito

» [C.J.] Carl Johnson
Hoje à(s) 21:47 por 'Yumi

» [B] Kuro
Hoje à(s) 21:33 por Mordred

» 4) Troca de Narrador
Hoje à(s) 21:32 por Ouni

» [Criação de Jutsus] Shiro
Hoje à(s) 21:32 por Shiro

» 3) Solicitações de Avaliação
Hoje à(s) 21:29 por Kamisama

» 2) Modificações de Ranks
Hoje à(s) 21:27 por DelRey

» [ Rank C ] Concurso de Ninjutsu
Hoje à(s) 21:27 por nujabes.

» FP; Priya Hansen.
Hoje à(s) 21:26 por DelRey


[Missão] Seba Jun.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Missão] Seba Jun. - em Dom 6 Jan - 13:23

Resgate II: Totem Místico
Descrição: Sua missão é ir até as Ruínas de um templo na Fronteia Norte de nosso país, você deve estar se perguntando por que um ninja e não um arqueólogo ou expedicionário o deve fazer, mas há suspeitas de que um grupo de Ninjas renegados estariam atrás dessa relíqua para fins ainda desconhecidos.

—— Narrador.

I. Mãos nervosas preenchiam o despachamento da missão, no interior de um quartel general quente e abafado, notável aqui e ali por seus móveis de madeira onde oficiais em plantão se sentavam até o aparecimento do dever. A carta tratava da necessidade emergencial de liberar alguém, preferencialmente um Chunin, para a fronteira do País e dar fim na ameaça iminente que era a aproximação de um grupo criminoso à um templo antigo. O lugar tinha sido preservado até então pelos Templários do País, mas agora não eram mais; fato que, presumidamente, chegara aos ouvidos alheios e despertara o interesse pelo que era guardado lá dentro. Terminando a carta, entregou-a para um dos oficiais e esperou que ele enviasse para quem julgasse capacitado o suficiente.

Progresso: 1/10.

Adendos: -.

_______________________

— Entendo o que quer dizer com precário. Às vezes, eu me sinto tão... sei lá... sozinha. O tipo de sentimento de impotência quando tudo a que se está acostumado foi despedaçado. Como se não houvesse mais a gravidade, e eu fosse deixada à deriva no espaço sideral. Sem a menor ideia de para onde estou sendo levada.
— Como um pequeno Sputnik perdido?
— Acho que sim.
Flare
Sennin
Sennin
Ver perfil do usuário
Re: [Missão] Seba Jun. - em Dom 6 Jan - 22:04

Repousava no sofá. A cabeça, apoiada sobre o braço, apontava o olhar em direção ao teto branco de gesso. O descanso era acompanhado de cigarro, com o qual brincava enquanto o passava pelos dedos. Entre tragadas, esperava não ter que fazer nada o restante do dia. Infortunadamente, bateram à porta. — Maldição! — disse consigo. Nadando contra a corrente da vontade, ergueu-se forçando a musculatura abdominal em um solavanco. Finalizou o tubo entre seus lábios e expulsou a fumaça na cara do mensageiro do lado de fora da residência. — Uma missão, hein?! Que seja. Dá pra cá. — resmungou, recebendo em mãos a carta que continha informações relevantes ao cumprimento do dever.

Muniu-se com os equipamentos vagarosamente. Presteza não era, decerto, uma virtude. Devidamente equipada, partiu. Rumou ao templo em um ritmo considerável, seguindo as coordenadas conhecidas em função de ter sido, por toda a vida, moradora de Konohagakure. Enquanto trotava, tomou tempo suficiente afim de acender um segundo cigarro daquele dia. Saberiam os deuses o que viria pela frente. Atenta e sorrateira, embrenhou-se em meio ao mato que circundava o vilarejo. Acessaria o templo lentamente, buscando averiguar cuidadosamente quaisquer notícias pertinentes.

Shizuka; 425/425 825/825 00/04

Considerações:
Aparência: Custom, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Contadores:
Depressão: 1/3
Vício: 1/3 (saciado)

Tentei, basicamente, me aproximar do templo sorrateiramente. Velocidade de trote são três pontos.
Usados:


_______________________

nujabes.
Genin
Genin
Ver perfil do usuário
Re: [Missão] Seba Jun. - em Seg 7 Jan - 12:14

—— Narrador.

II. Guiando-se pela densa floresta, acompanhada não só de seus insetos mas também pela fauna de animais gigânticos característica ao lugar. As informações do relatório inicial davam a ligeira impressão, com Fronteira Norte, de que seria uma caminhada longa e árdua, de dias a fio. Não era. Cruzando a extensão protetiva da floresta, que agia como um círculo impenetrável, o templo se erguia ante a visão. Outrora fora imponente, uma verdadeira visão divina; agora não passava de ruínas. Dois homens musculosos guardavam o caminho ao céu aberto, na pequena trilha, que levava até o templo adiante. Eles conversavam de maneira vivaz, parecendo discutir sobre algo; gesticulavam, moviam-se de um lado ao outro. Shizuka podia surpreende-los com algo ou tentar passar despercebida, torcendo para a eficácia da discussão.

Progresso: 2/10.

Adendos: -.

_______________________

— Entendo o que quer dizer com precário. Às vezes, eu me sinto tão... sei lá... sozinha. O tipo de sentimento de impotência quando tudo a que se está acostumado foi despedaçado. Como se não houvesse mais a gravidade, e eu fosse deixada à deriva no espaço sideral. Sem a menor ideia de para onde estou sendo levada.
— Como um pequeno Sputnik perdido?
— Acho que sim.
Flare
Sennin
Sennin
Ver perfil do usuário
Re: [Missão] Seba Jun. - em Dom 13 Jan - 16:06

Uma última tragada bastou. O ritmo da marcha a carregou para próximo do templo. Dentre as frestas de mata que cobriam seu corpo, contemplou as ruínas que contrastavam com o descrito nos pergaminhos acerca do imponente templo. À céu aberto, em meio ao caminho que finalmente a levaria à edificação sagrada, conversavam dois homens de porte físico invejável. O diálogo parecia tomar a via da discussão. Aguardou de modo tranquilo, tecendo as linhas do que executaria a seguir. O plano arquitetado continuaria a envolver a camuflagem em meio à mata. Nada mais ninja que permanecer à espreita, sem ser vista. Lentamente, tentando evitar ser notada por causas auditivas, rastejou pelo perímetro, criando uma distância segura entre ela e a dupla.

Abriu rastejo em um semicírculo. A ideia era de somente retornar à trilha quando estivesse há, mínimos, duzentos passos da guarda. A outra possibilidade era a de acessar o templo por vias laterais, ou mesmo traseira, porém somente as efetivaria na possibilidade de não haver qualquer observador. Para garantir o desempenho de sucesso, finalmente fez uso dos jutsus exclusivos dos Aburames. Em meio ao deslocamento dos braços e pernas, inflou o chakra dando vida a teia de energia capaz de atrair insetos diversos. Tomaria nota das informações dos insetos enquanto em deslocando, aplicando-as afim de garantir que não seria reparada por ninguém em nenhum momento.

Shizuka; 425/425 825/825 00/04

Considerações:
Aparência: Custom, roupas como descritas na seção de aparência da ficha.

Contadores:
Depressão: 2/3
Vício: 1/3 (saciado)

Tentei, basicamente, me aproximar do templo sorrateiramente. Rastejo à zero pontos de velocidade (ou menor).
Usados:

Hijutsu: Mushiyose
Rank: D
Descrição: Com um simples toque de uma superfície com a palma da mão e os dedos, o usuário libera uma pequena teia de chakra que atrai insetos para esse local. Desde Aburame pode se comunicar com os insetos, ele pode ser útil para obter informações através da recolha de insetos locais.

_______________________

nujabes.
Genin
Genin
Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

resposta rápida

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto RPG Akatsuki (c) 2010 — 2019
Layout por Dorian Havilliard e Akeido.