>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 71DG
Após uma dura jornada, Shaka finalmente caiu e teve a maldição retirada de seu coração. No entanto, os problemas trazidos pela família Hattori não se extinguiram. Shion revelou ter ajudado a libertar Lilith, uma monarca da dimensão infernal, que agora está possuindo o corpo de Hyuga Katsura e libertando uma horda de seres infernais contra este mundo. O mundo corre risco de ser consumido pela maldade dessa criatura, mas não se o plano de Shion der certo: forçar Lilith a causar um evento chamado de O Grande Eclipse, onde as portas de todos os mundos e dimensões ficarão abertas, e assim permitir a ele ir ao submundo resgatar sua amada Katsura Grey para finalmente selar Lilith.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno
Últimos assuntos

Mokaccino
Game Master
Mokaccino
Vilarejo Atual
https://www.narutorpgakatsuki.net/t67013-f-mokarzel

[Filler] Zenyatta - 2/12/2018, 13:20

Amassado em um dos bolsos internos das vestes de Zenyatta se encontrava um pedaço de pergaminho rasgado e rabiscado. O papel continha um endereço conhecido por todos os shinobis da área da saúde que desejavam se aprofundar em seus estudos, o endereço do laboratório de estudos e pesquisas médicas, um complexo localizado na área norte da vila que contava com inúmeras instalações e equipamentos para os shinobis estudarem desde anatomia e medicamentos, até toxinas mortais aos seres humanos.
Zenyatta vagava pela vila, numa tarde chuvosa e nublada, se dirigindo ao departamento, onde daria inicio ao estudo que iria lhe possibilitar em um futuro próximo, iniciar sua pesquisa na área médica. Como sempre, o jovem levava consigo seu cachimbo, pousado entre seus lábios, contendo tabaco de boa qualidade, que passara por poucos processos de lavagem, deixando-o mais forte do que os utilizados na fabricação dos cigarros, droga nojenta na opinião do jovem, e muito utilizada por seus colegas.
Em frente ao shinobi, o complexo finalmente era visto, uma instalação enorme, guardada por diversos colegas da elite shinobi, que faziam suas rondas ao redos do galpão. Dois desses guardas, percebendo a aproximação de Zenyatta, se adiantam – Identificação, por favor -. O jovem se limitou a mostrar sua bandana e falar em uma voz rouca, quase ocultada completamente pelo barulho da chuva que se chocava contra o concreto – Sou Zenyatta, Jounin especial da Konoha, tenho permissão para acessar o laboratório de anatomia -. O homem leva sua mão a orelha e apesar de Zenyatta perceber que os lábios do mesmo se moviam, não conseguia ouvir o que era dito “Ele não esta falando comigo... Checando minha identidade e autorização por rádio, será?”. Não demorou o homem recebera a resposta do centro de comando da instalação, que confirmou a história do jovem.
Dentro do complexo, Zenyatta foi recebido por um shinobi, vestido de jaleco branco e também com alguns elementos comuns aos shinobis da elite. O homem acenou para o jovem e então fez sinal para que o seguisse – Esse é o complexo mais moderno de pesquisas cientificas de Konoha, aqui nós realizamos dezenas de estudos simultaneamente. O que você irá conhecer é apenas cinco porcento de nossas áreas, que é destinado a autopsia de cadáveres. Eu serei o responsável por você então por favor, não faça nenhuma besteira -. Zenyatta assentiu com a cabeça e continuo o resto do caminho em silencio.
O imenso galpão era cortado por diversos corredores, que levavam até as salas internas e especificas. Haviam nas paredes e tetos diversos canos de metal e plástico percorrendo todo o local, conferindo ao complexo uma aparência assustadora, ainda mais somado a pouca e exclusiva luz proveniente das lâmpadas anexadas as paredes dos corredores.
O responsável pelo jovem interrompe sua viagem quando chega diante a uma pequena porta de madeira, repleta de selos ao longo de toda sua extensão – Nós somos muito cuidadosos com relação a segurança desse local sabe... Muitos segredos de nossa vila estão guardados aqui -. O homem realizou alguns selos e colocou sua mão sobre a porta que se abriu em meio a uma cortina de fumaça – Ok, podemos entrar agora -. O portal levara Zenyatta até uma grande instalação repleta de mesas de metal, prateleiras, armários, pias e ferramentas especiais para lidar com cadáveres. O local estava repleto de partes de corpos e de sistemas anatômicos distribuídos entre as bancadas e também em vidros com formol, sendo que estes se encontravam dentro dos armários e prateleiras – Incrivel -. O homem ao lado de Zenyatta deu uma leve risada ao som da exclamação do garoto e então jogou para ele um par de luvas de látex – Tome, você vai precisar -. Zenyatta vestiu as luvas e então passou a andar por entre as mesas, pensando aonde iria começar seus estudos – Tem alguns livros roteiro e atlas de anatomia lá no fundo, se quiser você pode usar -.
Zenyatta seguiu o conselho do homem e trajando suas luvas de látex, foi até os fundos da sala e apanhou um exemplar de cada livro que seria necessário para a sua pesquisa pratica de anatomia. Entusiasmado e agora preparado, o jovem deu inicio aos seus estudos.

Em uma das mesas de metal havia uma variedade de cérebros e medulas espinhais, peças extremamente bem dissecadas e conservadas, que despertaram o interesse e a atração de Zenyatta. O cérebro e o sistema nervoso talvez fosse uma das áreas mais complexas e cheias de informações, mas era também uma das mais divertidas e interessantes de se estudar. Entender a forma que os humanos percebiam o mundo, sentiam, reagiam e se movimentavam em meio a esse ambiente era na cabeça do shinobi, fascinante.
Com o atlas de anatomia aberto ao seu lado e um cérebro a sua frente, Zenyatta, com seu dedo indicador direito, revestido de uma luva de látex, tocou a superfície macia do órgão, sentindo seus contornos, seus sulcos, seus giros – Giro pré-central, área somatomotora primaria, responsável pela execução de movimentos, em conjunto dos córtex somatomotor secundário e motor suplementar. Somado a tudo isso ainda temos o cerebelo, que realiza o tônus muscular, o equilíbrio, etc. Quantas áreas envolvidas na elaboração e na execução de um movimento... Incrível... Sem contar a passagem de todas essas informações -.
O gelatinoso pedaço de carne, composto prioritariamente de neurônios contava com diversos altos e baixos, ondulações, chamadas de giros, e intercaladas por grandes sulcos, que separavam e delimitavam as áreas dos giros. Cada giro detinha um papel de extrema importância na recepção e interpretação de informações – Imagine criar jutsus capazes de lesar alguma dessas áreas... Acabar com a capacidade de processamento de informações dos inimigos lesando o córtex visual secundário... Ele não saberia o que o atingiu... É incrível -.

Um dos responsáveis pelo laboratório assistia o garoto estudando e admirado com a dedicação do mesmo, decidira contribuir para suas pesquisas. O homem se aproximou de Zenyatta e colocou sua mão sobre o ombro do garoto – Você parece muito dedicado com seus estudos. Não gostaria de participar de uma autopsia forense? Mas já vou avisando, é preciso ter estomago forte para isso -. Surpreendido pela oportunidade, Zenyatta assentiu com a cabeça, abandonou seu roteiro de estudo e seu atlas na mesa e se levantou, acompanhando o homem de jaleco.
O diretor do departamento levara Zenyatta até uma outra sala do galpão, onde haviam mais dezenas de mesas de metais, feitas especialmente para a dissecação e autopsia dos cadáveres. A maioria das meses eram ocupadas por corpos, ocultados por sacos pretos selados. Ao redor de alguns dos corpos não selados haviam alguns profissionais que trabalhavam, retirando medidas, colhendo digitais, estudando marcas ou desferindo cortes afim de investigar a causa da morte daqueles que agora descansavam a sua frente.
Zenyatta é levado até uma mesa afastada, onde mais dois profissionais trabalhavam em um corpo feminino – Parece ter sido suicídio, veja as marcas ao redor do pescoço... Se enforcou com uma corda grossa que também machucou um pouco da pela na área -. O diretor do departamento ficou em silencio junto a seu convidado, se limitando a ouvir a conversa dos avaliadores. Foi só quando os dois pareciam ter chegado a uma conclusão que ele se meteu – Com licença senhores -. O homem afastou com os braços aquele que ali trabalhavam e começou a trabalhar com extrema agilidade.
O diretor girou gentilmente o corpo a sua frente, deixando ele em decúbito ventral. Tendo a área da coluna a mostra, ele então criou a partir de seu chakra uma fina lamina, que usou para desferir alguns profundos cortes na região cervical. Zenyatta nunca vira cortes tão precisos e limpos. O trabalho daquele homem era perfeito.
Em alguns minutos, o corpo a frente de Zenyatta tivera sua região encefálica a mostra – Vejam o bulbo e a ponte -. Os dois homens que antes trabalhavam na analise do corpo observaram espantados a região apontada pelo superior – Esta intacto, como é possível? -. O homem voltou a fechar o corpo e fez uso de suas habilidades medicinais para que os cortes realizados desaparecessem – Quando alguém é enforcado, não se morre de asfixia, se morre de parada cardíaca, isso porque o nervo vargo, que tem sua origem na região de C1 é rompido. O bulbo e a ponte intactas nos mostram que não ouve tal rompimento e nos levam a uma história totalmente diferente da que as outras pistas, forjadas, nos mostraram. Esse mulher não se matou, ela foi assassinada -. Zenyatta ficou espantado com a perspicácia e habilidade daquele homem, dotado de conhecimento e sabedoria invejáveis a qualquer um na área da saúde.



HP: ❲ 1.625 • 1.625 ❳ CH: ❲ 2.125 • 2.125 ❳ ST: ❲ 00 • 07 ❳ V: ❲ 00 • 03 ❳

Considerações”:
Vestes e aparência
- Filler de 1400 palavras para treinar a qualidade "Conhecimentos Anatômicos (1)".
-.
Equipamentos”:
Primeira bolsa de armas: 8 Kunais (8), 16 Kibaku Fuuda (4), 4 Kemuridama (4), 4 Hakaridama (4).
Segunda bolsa de armas:
Jutsus Utilizados”:
—.

[Filler] Zenyatta Senju-11
As palavras são, em minha nada humilde opinião,
a nossa maior e inesgotável fonte de magia.

-


Edição de Aniversario por Shion e Senko.