Sobreviventes
Shaka retornou. O inimigo número um da humanidade num passado apagado da existência retornou ainda mais poderoso. Os fantasmas dos heróis que o aprisionaram no passado solicitaram a ajuda de guerreiros poderosos que estivessem dispostos a selá-lo na cadeia do tempo, porém, algo de errado ocorreu. Shaka não só conseguiu escapar dos inimigos como ainda corrompeu os fantasmas e roubou uma das três marcas sagradas do tempo. Enquanto isso, as vilas sofreram ataques massivos de seguidores da religião de Jashin, todos acreditando que Shaka é o verdadeiro deus da morte. Templos foram encontrados nos arredores de cada vilarejo e aos poucos foram derrubados. Mas o inimigo da humanidade não tinha apenas uma carta na manga; Kinarra, um demônio antigo, voltou do além buscando a destruição do mundo, entretanto, ao enfrentar os novos heróis da humanidade, acabou se aliando aos humanos até que Shaka reapareceu e a selou novamente mostrando todo o seu poder. O mundo se encaminha para uma era sombria ou de paz? Só o tempo dirá.
.
.
.
.
.
Últimos assuntos
» [ Local - Kumo ] Campo Gélido
Hoje à(s) 13:10 por Tenzou

» cj. avalon
Hoje à(s) 13:07 por Olsen

» Lista & Organização de Aparência
Hoje à(s) 13:04 por Osgllith

» [Apresentação] Nicotavo
Hoje à(s) 12:57 por MilkWho

» [Criação J] Miley
Hoje à(s) 12:53 por Olsen

» [C.I] zoo
Hoje à(s) 12:43 por zoobike

» [Solo] Name in the sky
Hoje à(s) 12:39 por Kaya

» [C.J] Otaku
Hoje à(s) 12:34 por Olsen

» [RP - Solo] Torneio dos Punhos Leves
Hoje à(s) 12:32 por Yoshiru

» [C.J.] Carl Johnson
Hoje à(s) 12:22 por Olsen


treino de velocidade, Hinata Kaguya

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

treino de velocidade, Hinata Kaguya - em Sab 13 Out - 19:48

Estaria mortificada se tivesse que ler mais alguma coisa. Eu estava farto. Ultimamente tenho mantido minha cabeça cheia com livros sobre plantas, plantas venenosas e medicinais. Na verdade, eu só tenho pensado nisso. Acredite, eu fiz uma viagem de vários quilômetros para pesquisar uma planta. Fora difícil encontra-la com tanto areia espalhada por este deserto de rochas. O que levou muito tempo, embora tenha tirado um grande proveito dela, e não somente isso, afinal essa jornada me ajudou em outra coisa, pois acabei ganhando um pouco mais de resistência.

Era isso. Precisava fazer algo que não fosse ler. Movimentar o corpo sem que fosse uma caminhada ou corrida. Melhor, um treinamento seria ideal neste momento. Pensando bem, é exatamente isso que farei. Não me importo que o sol está de rachar, isso é o de menos. Entretanto, não me recordo dos exercícios básicos para treinar os músculos, quem dera fosse mais inteligente. Merda, uma coisa ou outra.

Estiquei os membros de meu corpo cuidadosamente, primeiro dobrando os braços nas costas e esticando-os até minha bunda. Sentei no chão e abri as pernas lentamente, dobrei o corpo e com minhas mãos tentei pegar as pontas dos dedos de meus pés, o que infelizmente, não aconteceu na primeira vez nem na segunda ou terceira. Mas na quarta vez consegui obter sucesso.

Com minhas pernas, torso e braços esticados, finalmente havia terminado meu aquecimento, que no calor do deserto, fez com que eu derramasse inúmeras gotas de suor, deixando todo o meu corpo molhado da substância. Nem pense nisso, meninas. Sou um garoto recatado, que só tem uma única vontade de luxúria. Comer muitos guloseimas e salgados, todas as delicias que existem em um bom restaurante. É para isso que preciso ter um corpo saudável e forte.

Comecei, então minhas flexões. Notei, depois de algum tempo, que fazer os exercícios em ritmos diferentes é melhor do que tentar fazer uma maratona deles. Devagar e lentamente, então rápido e progressivamente. Os braços queimavam, mas não sentia nenhuma dor. O próximo exercício eram abdominais, cujo quais já havia tido um pouco de experiência. Quando digo um pouco, quero dizer que é pouco mesmo. Minha barriga não possui quadrados definidos, embora também não possua nenhuma pelanca ou algo do tipo. Só sou seco, de barriga, é claro. E, com este exercício, tonifiquei os músculos do abdome com algumas repetições.

Pronto, agora poderia praticar alguns golpes. Já tinha feito alguns exercícios e aquecimento. Tinha tudo pronto. Portanto, iniciei a prática com alguns socos no ar. Tentava a cada golpe mover o corpo inteiro, assim como haviam me explicado uma vez. Diziam que movimento o corpo junto do braço na hora de fazer o movimento do golpe o tornava muito mais poderoso. Parecia ser verídico. Terminei a prática depois de realizar os movimentos com as pernas, chutando e balançando-as no nada.

Lento, muito lento. Meus superiores sempre reclamaram de eu ser uma pessoa devagar, pois nunca conseguia alcança-los nas missões e treinos, sempre atrasando-os. Isso era uma coisa que realmente estava me deixando nervoso. Não que me importasse com o que eles pensam, não ligo para esse tipo de coisa. Odiava o fato de ser julgado como inferior, e isso tinha que ser mudado. Era por isso que eu estava correndo, as quatro horas da manhã, num sábado.

Suor escorria de mim, pois mesmo que fizesse frio, calor irrompia meu corpo. Estava na terceira volta, já havia percorrido duas vezes todo o perímetro envolta da cidade e estava terminando este último. Meus números não estavam nem um pouco bons, a maioria da minha antiga turma teria terminado-o na metade do tempo que eu havia levado, ou antes ainda.

Era decepcionante, como um dos últimos membros do clã Kaguya podia ser tão fraco? Não tinha fôlego o suficiente nem para correr dez voltas sem parar para descansar, apenas dez voltas. Jamais conseguiria perseguir um inimigo, ou até mesmo fugir dele se continuasse assim. Teria que treinar muito mais.

Depois de descansar alguns minutos, beber um pouco de água e esticar novamente meus braços e pernas, voltei a correr. Duas, três....dez...vinte...cinquenta voltas, e eu ainda não havia conseguido diminuir sequer vinte segundos em meu tempo. Caí no chão de cansaço, meu corpo tremia e doía em todos os cantos. Não era de mim desistir, mas eu começava a considerar isso.

—— Fraco, você não passa de um garoto tolo. Se continuar deste jeito, você nunca conseguirá se tornar alguém forte. —— pronunciou o homem que aparecia a minha frente. Mesmo que soubesse que ele não existia, que era fruto de minha imaginação, suas palavras tinham razão. Não iria melhorar se continuasse com tais pensamentos. Felizmente, o maldito que sempre me atormentava tinha me ajudado a entender isso.

Então eu continuei, corri como se minha vida dependesse daquilo, afinal, talvez um dia ela realmente dependesse. Não me importei com os tombos que levei, ou com os machucados que tive ao cair. Mesmo que meus joelhos e pés sangrassem, prossegui com meu treinamento, e só parei quando tive certeza que havia melhorado. Foram muitas horas, quase o dia todo para que eu conseguisse algo satisfatório. Depois de tanto perseverar, consegui reduzir o meu tempo pela metade. Caído ali, morto de cansaço, continuava pensando que talvez agora eu conseguisse acompanhar os outros numa corrida.

Levantei-me, tinha conseguido realizar meu objetivo. Aumentei minhas capacidades reflexivas e a agilidade em meus pés. Estava farto de ser considerado uma lesma, mas agora poderia me orgulhar de ter conquistado uma melhora exponencial em minha velocidade. Portanto, parti para minha casa para tomar um banho e continuar jogando meus videogames. O meu novo vídeo-game esperava ansiosamente pela minha chegada.

HP: 200/200 e CH: 200/200, ST: 01/02.

Treino para conseguir 2 pontos em velocidade. Ganho mais 2 pontos pelo mês de up.

_______________________

avatar
Genin
Genin
Ver perfil do usuário

ok

_______________________

Status | bank | aparencia |Template
私は愛のためにしますが、私が売っているとき、私の愛はお金です。
I do for love, but I'm sold, my love is money.
Akeido 2k18
avatar
Shugonin Jūnishi
Shugonin Jūnishi
Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

resposta rápida

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto RPG Akatsuki (c) 2010 — 2019
Layout por Dorian Havilliard e Akeido.