>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, mas simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 70DG
Hanatarō olha para a vila do topo do prédio do Departamento de Pesquisa. Há dois anos era uma salinha no fim do laboratório geral da vila, agora tinha seu próprio prédio tão alto quanto o próprio escritório do Kazekage. Hanatarō sorri vendo as pessoas andando felizes na nova vila construída graças aos avanços científicos realizados com a inteligência de Takura, sua mentora. Antes, ele só via uma vila pobre, com construções de areia frágeis, com um horizonte desértico, dependendo de outras vilas, inclusive de Konoha, para conseguir sobreviver, mas agora... Sunagakure estava grandiosa novamente e tinha comprado sua independência. As construções ainda tinham porções de areia, mas eram forjadas em metais nobres, em ouro, em prata, criando grandes casas e prédios. As lojas estavam cheias de especiarias únicas, pois o trabalho de encontrar certos ingredientes se tornou muito mais prático desde que a vegetação voltou a florescer nos arredores da vila; onde antes era só deserto agora possuía vielas de relva, florestas, rios e uma fauna cheia de roedores, mamíferos e carnívoros.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno
Últimos assuntos

Rocky
Shugonin Jūnishi
Rocky
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] Tumblr_pse1kamKGv1w7ua6go1_100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t65854-ivar#480928

[C, Yoshiru] - em 26/9/2018, 20:09



尊 Narração;
O caçador de tesouros O1/O5
O dia ensolarado proporcionaria uma grande aventura para para o destemidos gennins recém formados na academia ninja, Konoha estava movimentada nos últimos dias e muitos de seus ninjas tinham sido enviados para cumprir suas missões, deixando a Folha com falta de pessoas para executar as missões mais baixas, porém, um cliente sempre terá razão e precisará ser atendido com grande estima, é esse comportamento que faz com que o sistema de vilas prevaleça até os dias atuais e tornava os vilarejos em potências militares. O corvo negro pairava sobre a vila procurando seus alvos, descendo em um rasante lindo e pousando sobre o ombro do jovem ninja, bicando sua nuca para chamar ainda mais atenção. O pássaro possuía um pequeno pedaço de papel em sua pata, e ali escritas as instruções para realizar sua nova missão.

A primeira ação que teria que tomar era a de encontrar o cliente, pois como um explorador, era dono de um espírito indomado e nunca ficava muito tempo em um só local, seguindo para seu lugar de exploração, deixando uma nota no centro de missões. Lembrete este que ajudaria o gennin a encontrar seu protegido.


Informações:
Considerações:
Descrição:
O Caçador de Tesouros, descrição: Um explorador, buscando fama e riqueza, quer explorar algumas montanhas ao Norte do nosso País, porém, ele necessita de ajuda, para carregar os suprimentos, e para protege-lo, já que existe rumores de alguns bandidos ao norte do País. Faça essa escolta e seja cauteloso com estes bandidos.
NPC's:
Jutsus usados:
"Que solidão é mais solitária que a desconfiança?"
Noirsoul,,


_______________________

[C, Yoshiru] Original
-
Yoshiru
Tokubetsu Jonin
Yoshiru
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [C, Yoshiru] - em 28/9/2018, 17:11






Estava em meio a uma amigável batalha quando recebo o chamado de um corvo mensageiro. Era uma missão de escolta de um explorador em suas aventuras. “Espero q não aconteça o que aconteceu na última vez que fiz uma escolta…” penso em referência a outra missão rank C semelhante que havia realizado no passado. O problema inicial desta missão era burocrático, não informava onde poderia encontrar o explorador.  Saio do treino indo direto para o centro de missões questionar algum superior sobre este descaso. Minhas roupas estavam empoeiradas e havia uma leve camada de sujeira nas minhas bochechas, devido a todas as quedas no chão arenoso do campo de treinamento misturadas com o suor. Fora isto, estava inteiro, o treinamento não havia me desgastado muito fisicamente e a caminhada até o centro já era o suficiente para me sentir mais renovado.

Chegando no centro de missões me deparo com um bilhete. Era a informação que precisava. O explorador pelo jeito era impaciente: havia saído antes e avisado aonde estaria. Sigo as coordenadas do bilhete, ando com pressa, não queria que nada acontecesse com ele antes que eu chegasse e os arredores de konoha poderiam ser perigosos. Ativo o Byakugan enquanto o procuro, aumentando meu raio de visão focal em 800m. Mas calculada o volume da esfera de percepção do byakugan, descontando, digamos, metade devido a presença do solo, praticamente impenetrável devido sua massa. Minha visão cobriria um pouco menos (359 graus) do que 1 348 266 metros quadrados para todos os lados de forma periférica.






[C, Yoshiru] Fuso-esferico-



Essa quantidade de informação é algo absurdo, praticamente inconcebível para um cérebro não Hyuuga, organizar de forma sensível uma variação tão grande e ampla de eventos,  chakras e ainda ter a capacidade de focar em objetos a esta distância. Por mais que não fosse um shinobi “rastreador” sensu stricto, o Byakugan, somado a um direcionamento (para onde olhar) como o bilhete fornecia, era uma ferramenta sem precedentes.






                     

HP ■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■ ( 450 | 450 )

CH ■■■■■■■■■■■■■■■ ( 295 | 300 )

ST □□□□□ ( 0 | 5 )



Bolsa de Armas (20):
Kunais 8/8

Makibishis 10/10

Fios 10/10 m

Kemuridamas 6/6

Kibaku Fuuda 8/8



”Jutsus Usados”:

Byakugan
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "branco do olho") é o dōjutsu kekkei genkai do clã Hyuga. É um dos Três Grandes Dōjutsu (大三 瞳 术, Daisan Dōjutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo, tem olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes dōjutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.

As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a "Questão dos Hyūga". Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyūga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzō Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.



Considerações:





_______________________

[C, Yoshiru] 702562_orig
-

Última edição por Yoshiru em 29/9/2018, 16:14, editado 1 vez(es)
Rocky
Shugonin Jūnishi
Rocky
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] Tumblr_pse1kamKGv1w7ua6go1_100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t65854-ivar#480928

Re: [C, Yoshiru] - em 29/9/2018, 10:04



尊 Narração;
O caçador de tesouros O2/O5
O gennin parecia muito genioso, querendo tirar satisfação com um superior por não ter prestado atenção devido no pergaminho da missão, para seu bem, reparou que havia sim um adendo falando sobre a direção do cliente e rumou para as montanhas. Konoha estava em uma localidade afastada da cadeia de montanhas no norte do país e Yoshiru teria que ir rapidamente, porém, ao encontrar a base da primeira montanha, notaria que não tinha caminhos para subir, apenas alguns metais cravados no enorme paredão que indicavam que era um local de escalada. Como ninja, o gennin também poderia usar a concentração de chakra nos pés para se fixar na superfície sólida, no entanto, havia o problema da irregularidade das rochas, não permitindo subir correndo ou andando normalmente, a formação da montanhas era estranhas e projetava estacas variadas em tamanho e formas, necessitando cuidado para não ser ferido.

Um homem carregando uma grande mochila e com roupas aventureiras estava a mais de 1km acima do Hyuga, ainda não sendo perceptível por seu doujutsu. Quando terminou sua escalada, mesmo ofegante e encharcado de suor, sorriu ao ver a entrada de uma caverna. Não conseguia ver nada lá dentro, mas entrou sem hesitação.


Informações:
Considerações:
Descrição:
O Caçador de Tesouros, descrição: Um explorador, buscando fama e riqueza, quer explorar algumas montanhas ao Norte do nosso País, porém, ele necessita de ajuda, para carregar os suprimentos, e para protege-lo, já que existe rumores de alguns bandidos ao norte do País. Faça essa escolta e seja cauteloso com estes bandidos.
NPC's:
Jutsus usados:
"Que solidão é mais solitária que a desconfiança?"
Noirsoul,,


_______________________

[C, Yoshiru] Original
-
Yoshiru
Tokubetsu Jonin
Yoshiru
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [C, Yoshiru] - em 29/9/2018, 16:13







Estar frente a frente a um paredão de escalada não era novidade. No passado, em uma missão rank D, seu grande desafio fora escalar uma montanha da mesma cordilheira do norte. Porém, esta era mais alta e mais irregular. Ainda não avisto o explorador, mas os rastros de uma escalada são pista suficiente para indicar a passagem de alguém muito ousado por ali.

Concentro chakra nos pés, e inicio a subida da encosta. Devido a minha prima manipulação de chakra (GCC), manter um fluxo constante aos pés não era realmente um problema e podia me deslocar até mesmo combinando técnicas e utilizando Shunshin nos momentos menos rochosos. Não poupo esforços e dou tudo de mim na escalada (3+1 vel), quando os pedregulhos exigiam maior esforço corporal ou apresentavam perigo cortante: diminuía minha velocidade para me mover de forma cautelosa, me agarrava nos ferros do explorador e, junto com o chakra nos pés, utilizava o máximo da força de meus braços (1 for). Tudo isso sem realmente me desgastar excessivamente (qual. Grande Durabilidade). Desta forma, mantenho o ritmo para chegar ao topo o mais rápido possível, sempre atento ao possível surgimento de um campo de chakra em minha visão periférica. Por mais que essa não fosse sua primeira experiência com alpinismo, com certeza era a mais complicada. Anteriormente, fora somente um grande encostão com 90 graus. Essa era completamente irregular e possuía quase um km de altura.

Se chegasse bem no topo e localizasse o explorador, iria correr em sua direção, interceptá-lo e me apresentar. Caso não o visse, iria continuar seguindo suas pistas, apressado com medo que algo ruim pudesse acontecer com ele.






                     
HP ■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■ ( 450 | 450 )
CH ■■■■■■■■■■■■■■■ ( 295 | 300 )
ST ■□□□□ ( 1 | 5 )





Bolsa de Armas (20):
Kunais 8/8
Makibishis 10/10
Fios 10/10 m
Kemuridamas 6/6
Kibaku Fuuda 8/8


”Jutsus Usados”:
Byakugan
Descrição: O Byakugan (白眼; Literalmente significa "branco do olho") é o dōjutsu kekkei genkai do clã Hyuga. É um dos Três Grandes Dōjutsu (大三 瞳 术, Daisan Dōjutsu), juntamente com o Sharingan e o Rinnegan. Aqueles que herdam o sangue deste clã quase inexpressivo, tem olhos brancos. Quando o Byakugan é ativado, as pupilas do usuário se tornam mais distintas, e as veias se elevam perto dos olhos. Parece também que ao contrário dos outros dois grandes dōjutsu, todos os membros do clã possuem e podem usar a kekkei genkai desde o nascimento, em oposição à necessidade de despertar ou mais, não herdá-lo em tudo.

As Habilidades do Byakugan deixa-o muito cobiçado por outras aldeias, como evidenciado por Kumogakure que tentou roubá-lo, um evento que levou até o que é conhecido como a "Questão dos Hyūga". Ao de Kirigakure foi capaz de obter um único Byakugan de um Hyūga que ele derrotou, e utiliza grandes forças para protegê-lo. Ao mesmo tempo, Danzō Shimura tentou igualmente recuperar ou destruí-lo. Ao contrário de um Sharingan transplantado, um Byakugan transplantado pode ser ativado e desativado a vontade.

Considerações:
link missão em que realizei escalada: https://www.narutorpgakatsuki.net/t61906-missoes-one-post-yoshiru, primeiro post Missão Flor Púrpura.




_______________________

[C, Yoshiru] 702562_orig
-
Rocky
Shugonin Jūnishi
Rocky
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] Tumblr_pse1kamKGv1w7ua6go1_100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t65854-ivar#480928

Re: [C, Yoshiru] - em 29/9/2018, 17:44



尊 Narração;
O caçador de tesouros O3/O5
O Hyuga demonstrava ótimo conhecimento sobre suas habilidades e corpo, mas apesar de não encontrar tantas dificuldades, a subida foi vagarosa. Demorou 15 minutos para avistar o topo da montanha e mais 30 minutos para chegar, de fato, no cume e encontrar a entrada da caverna. Temos que ressaltar que a iluminação dentro da rocha era pouca, quase inexistente no entanto seu doujutsu atravessaria, literalmente, esse obstáculo e evitaria surpresas desagradáveis em sua caminhada. No topo da montanha havia uma abertura, a boca da caverna que o explorador havia entrado antes.

O aventureiro estava uma hora de vantagem por ter entrado antes na rocha escavada, mas mesmo com sua experiência, não conseguiu escapar das peripécias do destino. 


Informações:
Considerações:
Descrição:
O Caçador de Tesouros, descrição: Um explorador, buscando fama e riqueza, quer explorar algumas montanhas ao Norte do nosso País, porém, ele necessita de ajuda, para carregar os suprimentos, e para protege-lo, já que existe rumores de alguns bandidos ao norte do País. Faça essa escolta e seja cauteloso com estes bandidos.
NPC's:
Jutsus usados:
"Que solidão é mais solitária que a desconfiança?"
Noirsoul,,


_______________________

[C, Yoshiru] Original
-
Yoshiru
Tokubetsu Jonin
Yoshiru
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [C, Yoshiru] - em 29/9/2018, 18:47







Não encontrando o explorador no topo da montanha, resolvo adentrar a caverna. Minha subida havia sido lenta, porém, agora era o momento de alcançar o explorador. Jamais havia tido medo do escuro, o privilégio de seus olhos era uma eterna lanterna que o acompanhava afastando qualquer tipo de escuridão. “Preciso me deslocar de forma mais eficiênte que o explorador para alcançá-lo” raciocínio. Me beneficiando da visão superior do Byakugan, entro confiante na caverna e me desloco sem medo, correndo, e utilizando shunshin para ir mais rápido ainda quando percebo que o caminho estava limpo de estalactites, estalagmites ou formações semelhantes que poderiam me atrapalhar. Não deixaria nenhum ser me pegar desprevinido, pois a principal arma dos animais em cavernas era justamente o elemento surpresa propiciado pelo escuro. Sem este fator surpresa,  podendo antecipar presenças e chakras por muitos metros a fundo da caverna e ainda eventualmente de forma raio-x, qualquer aparição não me surpreenderia.


Me movo habilmente a 18m/s (3+1vel) o que tornava uma longa distância de uma hora a frente algo rápido de ser percorrido. Quando visualizasse o explorador, ficaria mais tranquilo pois saberia o que se passava com ele, se estava bem, se seu fluxo de chakra estava sendo interrompido, ou se o chakra de outros seres o perseguiam. Desta forma já iria chegar preparado para resolver, qualquer fosse a situação, ou caso contrário, apenas interceptá-lo para informar que havia sido designado sua escolta.






                     
HP ■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■ ( 450 | 450 )
CH ■■■■■■■■■■■■■■ ( 280 | 300 )
ST ■■□□□ ( 2 | 5 ) (uso do máximo de minha velocidade)





Bolsa de Armas (20):
Kunais 8/8
Makibishis 10/10
Fios 10/10 m
Kemuridamas 6/6
Kibaku Fuuda 8/8

”Jutsus Usados”:
Byakugan ativo, shunshin quando pertinente na corrida.

Considerações:




_______________________

[C, Yoshiru] 702562_orig
-
Rocky
Shugonin Jūnishi
Rocky
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] Tumblr_pse1kamKGv1w7ua6go1_100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t65854-ivar#480928

Re: [C, Yoshiru] - em 30/9/2018, 08:53



尊 Narração;
O caçador de tesouros O4/O5
Yoshiru não teria problema algum em se mover dentro da caverna escura, o byakugan facilita a vida de diferentes formas e não tardaria para entrar em seu campo de visão uma passagem interditada por uma grande e espessa pedra redonda que não o permitiria passar. A rocha maciça precisaria de muita força para ser quebrada, e qualquer forma de explosivo poderia causar um desabamento dentro da fenda.

Se o Hyuga forçasse sua visão, conseguiria notar uma silhueta bem mais a fundo na caverna, mas a pessoa estava se movendo de uma forma estranha, como se algo a tivesse prendido. Puxava seu corpo para trás, porém, não saia do lugar. Yoshiru estava com dois problemas agora, tendo que resolver o mais imediato antes para conseguir prosseguir e alcançar seu cliente.


Informações:
Considerações:
Descrição:
O Caçador de Tesouros, descrição: Um explorador, buscando fama e riqueza, quer explorar algumas montanhas ao Norte do nosso País, porém, ele necessita de ajuda, para carregar os suprimentos, e para protege-lo, já que existe rumores de alguns bandidos ao norte do País. Faça essa escolta e seja cauteloso com estes bandidos.
NPC's:
Jutsus usados:
"Que solidão é mais solitária que a desconfiança?"
Noirsoul,,


_______________________

[C, Yoshiru] Original
-
Yoshiru
Tokubetsu Jonin
Yoshiru
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [C, Yoshiru] - em 30/9/2018, 21:01







“Porra!” penso. Uma no caminho realmente poderia atrasar a busca. Minha falta de conhecimentos em doton e o perigo de desabamentos reduziam meu leque de opções. A movimentação não usual do chakra que avistava longe era preocupante, e agrava a situação. “Ele está preso e esta pedra foi colocada recentemente… por quem?” Me esforço a vasculhar o entorno do chakra do explorador, buscando o chakra de um terceiro, talvez um shinobi especialista em doton, ou alguém muito forte, ou até mesmo um bando que moveu a pedra. Abro minha bolsa de armas e pego uma kunai. Tinha que ser rápido. A visão de raio-x do doujutsu permitia uma habilidade pouco explorada: aguçada percepção da densidade dos materiais. Utilizar o doujutsu para ver algo por trás de um tecido era muito mais fácil do que utilizá-lo para ver algo atrás uma barreira de concreto. Já o olho comum não diferencia a densidade dos materiais apenas ao olhá-lo, o raciocínio é feito por meio de um conhecimento a priori destes materiais. Dois blocos cinzas visualmente idênticos feitos, um de cimento e outro de algodão, são iguais para o olho comum e mas opostos para o olho com Byakugan.


Olhando atentamente para as paredes da caverna, onde a pedra estava apoiada, tento visualizar qual canto apresentava uma pedra mais porosa, em estado mais avançado de erosão. Apoio a kunai e começo a bater com a pedra, lascando a parede da caverna entre a pedra. Meu objetivo, quebrando lascas da parede lateral da caverna, abrir uma pequena passagem para ultrapassar o obstáculo, um tunelzinho. O processo era mais lento do que a utilização de explosivos mas muito mais seguro, e ainda me aproveitava do fato de que grandes cavernas como aquela são resultados de processos milenares de constante erosão, e pedra erodida se torna muito mais fácil de cavocar.


“Se for um usuário de doton estaremos ferrados” penso, já planejando qual seria minha estratégia de combate em situação tão adversa. Era lutar em um ambiente completamente desfavorável, minha melhor arma era ser furtivo e preparar armadilhas no caminho.


Assim que termino de abrir o pequeno tunel colo um selo explosivo nele e o tapo com um pouco de areia e pedra lascada. “Se a situação ficar ruim, preciso fugir por este buraco novamente o mais rápido possível e, se alguem estiver nos perseguindo, ao passar por este buraco eu aciono o selo. Uma explosão em um tunel tão pequeno matará qualquer um por soterramento e queimadura instantaneamente. Porém vou precisar correr muito rápido caso a estrutura da caverna se abale por consequência da explosão” Criada a armadilha de precaução, corro em direção ao explorador sem perder tempo e sempre atento a novos chakras. Cavocar um pequeno tunel já havia me atrasado demais.






                     
HP ■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■ ( 450 | 450 )
CH ■■■■■■■■■■■■■■■ ( 295 | 300 )
ST ■■□□□ ( 2 | 5 ) (uso do máximo de minha velocidade)





Bolsa de Armas (20):
Kunais 8/8
Makibishis 10/10
Fios 10/10 m
Kemuridamas 6/6
Kibaku Fuuda 7/8

”Jutsus Usados”:

Considerações:




_______________________

[C, Yoshiru] 702562_orig
-
Rocky
Shugonin Jūnishi
Rocky
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] Tumblr_pse1kamKGv1w7ua6go1_100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t65854-ivar#480928

Re: [C, Yoshiru] - em 1/10/2018, 09:10



尊 Narração;
O caçador de tesouros O5/O5
Explodir a pedra seria a pior opção impossível no espaço confinado proporcionado na caverna, porém, Yoshiru achou um caminho mais seguro e tortuoso e escavou a rocha. O tempo para criar o pequeno túnel foi ainda maior que o da escalada e quando estava na metade da tarefa, seu byakugan notaria que a figura humana presa parou de se mexer, ficando inconsciência, o que deixava as coisas um pouco mais difícil.

Como uma pessoa prevenida, o Hyuga montou uma armadilha para não ser surpreendido, mas se tivesse um usuário de doton as chances de ele ter ficado para trás era muito remota, no entanto, tudo teria acontecido de forma natural. Ao chegar no homem desacordado, notaria que havia uma rocha do mesmo tamanho que havia selado a passagem prendendo e esmagando o braço, causando a interrupção sanguínea e levando o homem a perder os sentidos. Yoshiru precisava tirá-lo dali e levá-lo até konoha para tratamento. Escavar a pedra demoraria muito tempo, e era o que ele menos tem no momento. 


Informações:
Considerações:
Descrição:
O Caçador de Tesouros, descrição: Um explorador, buscando fama e riqueza, quer explorar algumas montanhas ao Norte do nosso País, porém, ele necessita de ajuda, para carregar os suprimentos, e para protege-lo, já que existe rumores de alguns bandidos ao norte do País. Faça essa escolta e seja cauteloso com estes bandidos.
NPC's:
Jutsus usados:
"Que solidão é mais solitária que a desconfiança?"
Noirsoul,,


_______________________

[C, Yoshiru] Original
-
Yoshiru
Tokubetsu Jonin
Yoshiru
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [C, Yoshiru] - em 1/10/2018, 20:38







“Porra!” penso novamente. A cena do homem desmaiado com o braço interrompido era um desastre. -Pq não me esperou… sussuro para o homem desacordado. Estava apavorado, jamais havia feito primeiros socorros em campo, a única coisa que me beneficiava naquela situação era que para mim não estava escuro. Pego na minha bolsa o rolo de fios de arame e corto 1 metro com a kunai que havia utilizado para escavar o tunel. Enrolo o arame no braço do explorador que estava preso, dou várias voltas e, por fim, utilizo a junai para apertar bem o torniquete. Desta forma interrompo parcialmente a circulação sanguínea daquela braço. Retiro a parte de cima de meu kimono, revelando um corpo suado e trêmulo, e rasgo as mangas fora, fabricando um pano. Pego mais 1 metro de fio e reservo o pano e o fio ao lado para comprimir o ferimento após a amputação. Reviro a mochila do explorador rapidamente em busca de alguma pílula, álcool ou gaze, qualquer kit médico encontrado seria utilizado para minimizar o trauma daquela operação relâmpago.


Ainda desesperado, pego outra kunai, supostamente “limpa” (caso ache álcool esterilizo a lâmina e o pano). Visualizando a circulação de chakra do explorador, vejo que o torniquete interrompe o fluxo para o braço. Calculo um golpe na junta de seu cotovelo, aonde seria mais fácil cortar e rapidamente golpeio com a lâmina, separando o corpo do braço. Imediatamente após amputar, enrolo o pano e prendo com o outro metro de fio (para segurar firme o pano no ferimento sem cortar a circulação como no torniquete). Vigorosamente junto o corpo do explorador apagado e o apoio em meus ombros, saio correndo carregando firme o enfermo em direção a “boca” da caverna. Corro com todo vigor, me utilizando do shunshin para ir mais rápido (4 vel). Ao chegar na pedra que havia bloqueado meu caminho, passo me arrastando e puxando o explorador, logo em seguida já o apoio novamente em meus ombros e volto a correr.


Tento percorrer o mais rápido possível o caminho de volta, sem perder o cuidado para não derrubar o explorador nem cair. Precisava chegar em konoha antes que ele perdesse todo seu sangue.






                     
HP ■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■■ ( 450 | 450 )
CH ■■■■■■■■■■■■■■■ ( 295 | 300 )
ST ■■■□□ ( 3 | 5 ) (uso do máximo de minha velocidade)





Bolsa de Armas (20):
Kunais 8/8
Makibishis 10/10
Fios 10/10 m
Kemuridamas 6/6
Kibaku Fuuda 7/8

”Jutsus Usados”:

Considerações:




_______________________

[C, Yoshiru] 702562_orig
-
Rocky
Shugonin Jūnishi
Rocky
Vilarejo Atual
Ícone : [C, Yoshiru] Tumblr_pse1kamKGv1w7ua6go1_100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t65854-ivar#480928

Re: [C, Yoshiru] - em 1/10/2018, 21:01



尊 Narração;
O caçador de tesouros finalizada.
A medida drástica de amputar o braço preso do aventureiro foi extremo, porém necessário, o homem, quando e se acordasse, só poderia culpa a si mesmo por não ser precavido ou esperado por seu segurança. Yoshiru se desdobrou, mesmo não conseguindo achar itens que o favorecessem no processo.

O torniquete o ajudou a não perder todo o sangue, mas a descida e trajeto de volta foi bem difícil e mais lento, afinal, estava longe e em uma montanha. [...] O Hyuga levou o aventureiro direto para o hospital, agindo como seu guarda-costas, a vida do homem dependia somente dos médicos agora, e Yoshiru foi dispensado do dever. 


Informações:
Considerações:
Missão finalizada, 1OO.OOO ryous.
Descrição:
O Caçador de Tesouros, descrição: Um explorador, buscando fama e riqueza, quer explorar algumas montanhas ao Norte do nosso País, porém, ele necessita de ajuda, para carregar os suprimentos, e para protege-lo, já que existe rumores de alguns bandidos ao norte do País. Faça essa escolta e seja cauteloso com estes bandidos.
NPC's:
Jutsus usados:
"Que solidão é mais solitária que a desconfiança?"
Noirsoul,,


_______________________

[C, Yoshiru] Original
-
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [C, Yoshiru] -

-


Layout com edições de Halloween feito por @Akeido Themes e Senko.