>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, mas simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 70DG
Hanatarō olha para a vila do topo do prédio do Departamento de Pesquisa. Há dois anos era uma salinha no fim do laboratório geral da vila, agora tinha seu próprio prédio tão alto quanto o próprio escritório do Kazekage. Hanatarō sorri vendo as pessoas andando felizes na nova vila construída graças aos avanços científicos realizados com a inteligência de Takura, sua mentora. Antes, ele só via uma vila pobre, com construções de areia frágeis, com um horizonte desértico, dependendo de outras vilas, inclusive de Konoha, para conseguir sobreviver, mas agora... Sunagakure estava grandiosa novamente e tinha comprado sua independência. As construções ainda tinham porções de areia, mas eram forjadas em metais nobres, em ouro, em prata, criando grandes casas e prédios. As lojas estavam cheias de especiarias únicas, pois o trabalho de encontrar certos ingredientes se tornou muito mais prático desde que a vegetação voltou a florescer nos arredores da vila; onde antes era só deserto agora possuía vielas de relva, florestas, rios e uma fauna cheia de roedores, mamíferos e carnívoros.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno
Últimos assuntos
» Lista e Organização de Clãs
Hoje à(s) 01:02Tenzou

» [Capítulo] Velho de Guerra
Hoje à(s) 00:44Indra

» [Capítulo] Ao Infinito
Hoje à(s) 00:39Rebelllion

» Lua
Hoje à(s) 00:10Shion

» Gabinete Juuyondaime Tsuchikage.
Hoje à(s) 00:04sabazin

» Recomeço
Hoje à(s) 00:00sabazin

» [Reavaliação] Akihiro Gakka
Ontem à(s) 23:51sabazin

» [RANK B] - Fade to Black
Ontem à(s) 23:41Yose

» [Reavaliação] Angell Hyuuga Hattori
Ontem à(s) 23:07Angell

» [Capítulo] Guerra ao Terror
Ontem à(s) 22:42Raves

» [GF] Ichiro
Ontem à(s) 22:35Skywalker

» [B] Ichiro
Ontem à(s) 22:34Skywalker


Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

|CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 29/8/2018, 20:47

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_oxfz5zyKtp1qb9oabo2_540
NARRADOR
────────


Konoha | centro | 10:00 | Inverno

A paz e quietude dos templos do pais do fogo são algo incrível, a vista, o ar puro, a enmergia virtuosa que emana por aquelas terras, algo cujo ishiki lee adorava, por amis que as vezes fosse a vila fazer algumas coisas. Estava o jovem lee na academia, tinha o costume de averiguar registros com o propósito de achar um discípulo, ou alguém com sabedoria necessária para suprir uma das vagas em uma certa organização...

- hidey uzumaki... interessante – olharia uma das fichas de um arquivo contendo das gerações anteriores – perdeu amigos, professores, lutou nas invasões... o menino é vivido -  guardou a ficha em seu devido lugar se retirando do local.

A busca pelo garoto seria curta, pois o mesmo estava voltando de um treino, o que por sinal seria bom, pessoas que treinam são de confiança, ao julgo de ishiki. – meu bom rapaz – dizia o jonin alegremente acenando para hidey – soube que fez 6 missões S, vamos uma comigo, agora, são ordens de um superior acima do hokage – ishiki o arrastaria para o templo do fogo custe o que custar, seria uma viagem de algumas horinhas.


Informações:


enfim, acho que esta claro
ishiki é o cara do gif

objetivos:
Caminho dos 12  1/5


Cena: 1/5

@oda
-
Oda
Jōnin
Oda
Vilarejo Atual
Ícone : |CENA| A renúncia convencional de vida secular 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68937-fp-ororo-n-yami#514650

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 29/8/2018, 23:35



"Kobayashi"

Hidey retornava após terminar de formar seu time. Sabia que seria necessário uma série de eventos até que eles estivessem de fato prontos. No caminho de volta para sua casa, foi abordado por um ninja estranho, que não se identificou, mas revelou saber de informações secretas quanto a quantidade de missões que Hidey havia feito. Sabia que as missões haviam sido feitas a serviço do daimyo e quando lhe foi relatado que se tratava de algo acima do Hokage, julgou que fosse uma nova missão do senhor feudal.

Seguiu, mas sem pestanejar, manteve os olhos bastante atentos sobre o homem que o conduzia rumo a um lugar desconhecido. A viagem decorreria algumas horas e ele buscaria não se esforçar demais, mantendo a atenção e suporte nas situações necessárias da viagem. Nunca havia visitado aquele lugar em que chegara: era o Hi no Tera.

O templo supremo do País do Fogo, que abundava a própria natureza que o cercava. O odor das folhas era de fato inebriante e o frescor do dia, iluminado sob o sol que refletia na copa das árvores era extremamente agradável. Ao longo da viagem, Hidey sentia um certo descanso e de certa forma, havia vislumbrado uma nova perspectiva de sua vida shinobi.



HP: (1075 • 1075) CH: (1820 • 1825) ST: (03 • 06)


Considerações:

Aparência: Roupas comuns de Tokubetsu Jonin. Máscara de Oni presa na cintura. Töken presa ao lado esquerdo da cintura. Hip pouch no braço esquerdo, no lado direito da cintura e na perna direita. Bandana em seu braço direito e símbolo de Konoha ostentado no colete, como os demais ninjas.


Resumo: Kekkai estendido por 50m.  Pouquinho de RP, então cuspi o Haijingakure por até 40m em uma área triangular. Hanzo foi deixado fora da área da técnica e ela está com poder reduzido. Usando o Meisaigakure fiquei invisível e vazei. Até a próxima ppl.



Dano do Haijingakure: 140 x2 (mestre) = 280HP

Descontos no próximo turno.


Velocidade 6. Força 2



Jutsus:






Equipamento:
Bolsa de Armas [60/60]
Bolsa: Espaço 60

Töken (01)
Hyorogan (04)
Zoketsugan (02)
Kunai (16)
Fios Ninja (15m)
Hikaridama (14)
Kemuridama (14)
Kibaku Fuuda 24 unidades (03)
Shuriken: 05; (5)
Ampola (Veneno, Medicamentos, etc): 01. (1)

Máscara:


Máscara do Espírito Azure
Espécie: Raro
Rank: A
Descrição: Essa máscara é composta por um material desconhecido, mas bastante resistente e ampla o suficiente para caber no rosto de um homem comum. Sua face é semelhante a de um Oni, com marcas azuis e dentes amostra. A lenda diz que o rosto dessa máscara representa um espírito menor, conhecido no passado por suas batalhas contra guerreiros místicos, sendo este um usuário poderoso de Katon. A máscara é oriunda de Uzushiogakure e pôde ser encontrada no Templo Armazenador de Máscaras Uzumaki. É sabido que ela possui capacidades especiais.
Habilidades/Mecanismos: A máscara foi forjada como selamento de uma poderosa fonte de chakra Katon. Por conta disso, ela influencia as técnicas de seu usuário, potencializando a Liberação do Fogo e permitindo que ele alcance mais poder. Devido a isso, todas os danos das técnicas de Katon utilizadas enquanto se usa a máscaras são aumentados em 50%.




|CENA| A renúncia convencional de vida secular 18?cb=20121117212142&path-prefix=pt-br

_______________________

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_pytn9euwiU1y4te2do1_250
Ficha - M.S - Banco
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 29/8/2018, 23:51

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_oxfz5zyKtp1qb9oabo2_540
NARRADOR
────────


Konoha | templo | 14:00 | Inverno

O templo do fogo em questão era bem deslumbrante, ahvia um ar rustico nele, como se os fundamentos daquele lugar fossem construídos antes da própria existência da terra. Ishiki falaria algo no pé das escadas...

- treinarei você, mas se vacilar, só saira morto desse local – fez uma expressão séria – nos selecionamos todas as pessoas com potencial de desprender-se de algumas coisas mundanas e seculares – subia calmamente as escadas passo a passo junto de hidey – a jornada requer enfrentar seus demônios, se perder para eles não significa que és ruim, mas que não tem a vontade do fogo em você, e digo, a verdadeira vontade que guia os demais

Ao subir aquela longa escadaria poderia contemplar ainda amis aquele local, mas não por muito tempo, o rapaz seria levado a um campo afastado na lateral direita. – Em frente seus demônios garoto – dizia uma voz que veio de tras de hidey, esse que cairia nun sono profundo, revivendo seus piores pesadelos.

“os pesadelos de hidey serão com base nas pessoas que perdeu durante a vida e as coisas que teve de enfrentar até se tornar um tokujo. O corpo se encontraria em meio a um universo de imagens forjadas através do conhecimento de hidey, veria todas as coisas horríveis que viu a vida toda, viveria um ciclo vicioso até achar uma forma de quebrar. sua mente vera as piores portes com seus atuais entes queridos, ou pessoas proximas assim como pessoas que passaram pela sua vida, vivenciara toda a podridão contida em seu coração”



Informações:


enfim, acho que esta claro
ishiki é o cara do gif

Purificação
rank: SS (superior a S)
descrição: força o lado negro que há no personagem manifestando o pior dos seus pesadelos e podridão em seu coração. a unica forma de sair é purificando-se atingindo a plenitude da mente.
objetivos:
Caminho dos 12  2/5


Cena: 2/5

@oda
-
Oda
Jōnin
Oda
Vilarejo Atual
Ícone : |CENA| A renúncia convencional de vida secular 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68937-fp-ororo-n-yami#514650

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 30/8/2018, 03:57



"I see a red door and I want it painted black. No colors anymore, I want them to turn black"





Hidey ainda não sabia o nome daquele estranho senhor que lhe abordara e o conduzira até o templo, assim como não sabia também o propósito de tudo aquilo. Contudo, estava contente em visitar um lugar tão ilustre e em experimentar um pouco daquela energia desconexa do mundo shinobi que compunha o templo. Era como se o próprio lugar detivesse um chakra de nível especial. O estranho homem lhe informou algo sobre um treinamento, que deveria ser executado ali, que envolvia enfrentar os demônios e obter um estado diferenciado.

O rapaz assentiu, como sempre, executando seu dever como ninja, mas quando uma certa sonolência começou a tragá-lo, ele sentiu que talvez fosse entrar em uma situação ruim. A última vez que sentira uma sonolência tão profunda e agressiva, estava enfrentando inimigos de poderes sinistros e quase morrera. Lembrou-se que na ocasião sua vida foi salva por Anzai Tenshin, mas agora, não havia ninguém ali para impedir que ele enfrentasse seus demônios.

Sua mente viajou por um mundo extremamente diferente. Estava andando sobre um lago de água escura, não sentia qualquer inflexão de chakra, mas percebia que podia andar livremente por aquela superfície fluída. Isso não lhe causava alívio, mas ainda mais desconforto, a água muito profunda sempre lhe passava uma certa fobia de que algo pudesse emergir das profundezas para engoli-lo. Foi sobre um lago como aquele, que Hokama o havia ensinado um de seus elementos secundários. Aprendera de maneira dolorosa a usar o Suiton e isso se conectou com todas as humilhações que enfrentara.

Assim como havia sido desde seus sete anos de idade, a fase em que conseguia reunir a maior parte de memórias de sua vida, ele havia permanecido sozinho. Como naquele lago escuro, constantemente abandonado. Seus pais o haviam ensinado a lição maior sobre a solidão e o condenado a um pensamento individualista. Sempre enxergara a si mesmo como centro de seu próprio universo, mas naquele momento, naquele mundo ilusório, ele era o centro e isso o desagradava. Olhou a superfície do lago negro um pouco a frente e pôde ver seus pais Chinoike distantes e com as costas viradas para si. Como se piscasse os olhos, observou-os afundar em sua escuridão, ambos gritando de dor enquanto eram consumidos por aquela água sinistra.

Quisesse ou não admitir, Hidey havia desejado fazer isso com eles desde sempre. Lutara contra seus próprios pensamentos para tentar não julgá-los como pessoas ruins, mas eles o haviam abandonado. Por que o haviam adotado então, se a única coisa que fariam seria deixá-lo sozinho? Gostaria de vislumbrar ali, entre seus demônios, seus pais verdadeiros, aqueles que haviam sido os arquitetos iniciais de seu sofrimento, de sua condenação ao mundo shinobi. Chinoike ou Uzumaki, talvez Hidey jamais tivesse um lugar verdadeiro no afeto de quem quer que fosse.

O mundo ilusório então foi subitamente mudado para o Campo de Treinamento de Konoha, onde o rapaz havia iniciado a maior parte dos últimos eventos. Próximo a uma pedra, encontrou uma garota de cabelos vermelhos caída com o crânio partido na rocha afiada. Percebeu que aquela era Jean, a primeira de suas companheiras de equipe, que havia desaparecido subitamente logo após o pedido ao Hokage. Com aquilo, também via ao fundo um outro rapaz, de cabelos escuros, seu corpo enfaixado estava repleto de queimadura profundas, tão profundas que a própria gordura da pele havia derretido e formado bolhas bizarras, com uma aparência carbonizada infernal. Hidey não entendia o que se passava ali, até que viu um grande ninken morto, sua pelugem negra estava parcialmente queimada por fogo de chakra Katon, o coração do cão havia sido perfurado e seus olhos vazados quase pareciam olhar para o vazio.

Logo adiante, ele vislumbrou sua sensei, Beifong Toph, morta semelhante a seu ninken. Seus olhos albinos característicos do Clã Hyuga haviam sido arrancados e assim como o ninken, as órbitas agora vislumbravam um espaço vazio naquele mundo. Nunca soubera de fato o que acometera Toph-sensei. Quando ela o graduou para chunnin, permitindo que ele superasse o estigma pesado que adivinha de nunca ter libertado o potencial do Ketsuryugan, Hidey acumulou uma grande dívida com a figura de sua mestra, até que descobrira, pouco após uma invasão ao vilarejo, que ela havia sido assassinada, de maneira misteriosa.

Naquele momento, sentiu-se profundamente nauseado. Suas mãos englobaram-se em um único selo de mão. Ele imaginava que havia caído em uma técnica macabra de genjutsu, como aquela que o acometera nos portões de Konoha. Não desejava mais ter que enfrentar aquelas visões tenebrosas e causticantes de seu próprio passado. Não queria ter que enfrentar o que ele havia se tornado. Reunira demônios demais para enfrentar e sequer havia sido capaz de enfrentar os primeiros. Talvez, fosse fraco demais, talvez, fosse um monstro escondido sob aquela espiral. No final, ele não queria descobrir.

- Kai! - exclamou, usando seu chakra da melhor forma possível, buscava bloquear a influência do chakra invasor em seu cérebro, permitindo assim que voltasse a realidade.


HP: (1075 • 1075) CH: (1820 • 1825) ST: (04 • 06)


Considerações:

Aparência: Roupas comuns de Tokubetsu Jonin. Máscara de Oni presa na cintura. Töken presa ao lado esquerdo da cintura. Hip pouch no braço esquerdo, no lado direito da cintura e na perna direita. Bandana em seu braço direito e símbolo de Konoha ostentado no colete, como os demais ninjas.


Resumo:




Jutsus:






Equipamento:
Bolsa de Armas [60/60]
Bolsa: Espaço 60

Töken (01)
Hyorogan (04)
Zoketsugan (02)
Kunai (16)
Fios Ninja (15m)
Hikaridama (14)
Kemuridama (14)
Kibaku Fuuda 24 unidades (03)
Shuriken: 05; (5)
Ampola (Veneno, Medicamentos, etc): 01. (1)

Máscara:


Máscara do Espírito Azure
Espécie: Raro
Rank: A
Descrição: Essa máscara é composta por um material desconhecido, mas bastante resistente e ampla o suficiente para caber no rosto de um homem comum. Sua face é semelhante a de um Oni, com marcas azuis e dentes amostra. A lenda diz que o rosto dessa máscara representa um espírito menor, conhecido no passado por suas batalhas contra guerreiros místicos, sendo este um usuário poderoso de Katon. A máscara é oriunda de Uzushiogakure e pôde ser encontrada no Templo Armazenador de Máscaras Uzumaki. É sabido que ela possui capacidades especiais.
Habilidades/Mecanismos: A máscara foi forjada como selamento de uma poderosa fonte de chakra Katon. Por conta disso, ela influencia as técnicas de seu usuário, potencializando a Liberação do Fogo e permitindo que ele alcance mais poder. Devido a isso, todas os danos das técnicas de Katon utilizadas enquanto se usa a máscaras são aumentados em 50%.




|CENA| A renúncia convencional de vida secular 18?cb=20121117212142&path-prefix=pt-br

_______________________

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_pytn9euwiU1y4te2do1_250
Ficha - M.S - Banco
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 30/8/2018, 08:39

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_oxfz5zyKtp1qb9oabo2_540
NARRADOR
────────


???| ??? | ??? | ???

Do lado de fora:

O jovem ishiki cuidava do corpo enquanto o monge colocava a mão na cabeça para evitar qualquer quebra de genjutsu por parte do uzumaki. – mestre, espero que não me julgue mal, mas ele é bem habilidoso segundo os registros acadêmicos – falou o lee, um tanto preocupado com a situação. – filho, você sabe que essa parte equivale 60% do treinamento, não podemos falhar em aceitar alguém com trevas em seu coração, apenas tenha fé no seu palpite- respondia com a mão na cabeça de hidey para fortalecer o genjutsu.

Inferno astral:

“Estou fugindo de mim, acabo de me declarar um corpo vazio. Vazio de alma, vazio de sentimentos, vazio de vida. Há nesse corpo muitos lugares bons para os sentimentos se alojarem, no coração por exemplo existe uma suíte presidencial para o Amor, foi usada por muito tempo, aliás muito bem usada, o Amor que aí vivia era exigente, e sempre gostou de tudo no lugar, era delicado também, e tão verdadeiro, pobrezinho, foi tão menosprezado pelo ser que ele amava que não aguentou, se juntou a dor e juntos foram morar com a morte.

A tristeza, angustia, medo e solidão ainda estão alojadas, não querem ir embora, acho que por isso estou fugindo, para me ver livre delas, elas são como velhinhas fofoqueiras que corrompem a mente de todos com suas histórias.

Tínhamos a adorável esperança, tão dócil e meiga que era, todos diziam ter um caso com o Amor, nada nunca foi comprovado, mas devo confessar que depois que ela se foi o Amor começou a sofrer mais, e a andar junto com a Dor.”


De forma súbita, hidey fora mandado a konoha, mais precisamente no local mal alto, junto a isso alguém o abraçou por trás, um jovem animado que o admirava muito, seu nome era bakuto. – Hidey sensei... – dizia de forma alegre – o que aconteceu com o naoki – a voz se manifestava de forma grossa e rouca, como se o próprio mal encarnado o visitasse – porque você me julga ser o mais fraco? Naquele treino o seu original atacou a garota, mandando apenas um clone merda em cima de mim. – a língua da criatura encostaria na bochecha de hidey – falando nela, porque não a ajudou em sua angustia? Mandou abandonar as esperanças. .



Informações:


enfim, as partes em amor é referente as suas inspirações em on, tais como a toph e outras coisas complicadas.
o conceito é purificar-se de toda a podridão de seus atos e lembre-se, só existe uma forma de sair dele.
Favor linkar o redutor
ishiki é o cara do gif

Purificação
rank: SS (superior a S)
descrição: força o lado negro que há no personagem manifestando o pior dos seus pesadelos e podridão em seu coração. a unica forma de sair é purificando-se atingindo a plenitude da mente.
objetivos:
Caminho dos 12  3/5


Cena: 3/5
a espera do link do redut
@oda
-
Oda
Jōnin
Oda
Vilarejo Atual
Ícone : |CENA| A renúncia convencional de vida secular 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68937-fp-ororo-n-yami#514650

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 30/8/2018, 15:39



"I see a red door and I want it painted black. No colors anymore, I want them to turn black"

O inferno não parecia retroceder. De certa forma, Hidey havia buscado na arte ninja uma tentativa de se desvencilhar do inimigo, mas talvez fosse por seu controle de chakra não ser suficiente ou por aquilo não ser uma ilusão comum que ele não conseguia se desvencilhar. Seu inimigo era sua própria mente, os anseios que tivera e que abandonara. Deixou para trás o amor e depois da morte de Beifong Toph, trabalhou unicamente para se tornar uma arma ainda mais letal.

Foi transportado para o ponto mais alto de Konoha, sobre o monumento dos Hokage. Ali, sobre a cabeça de Albus Senju, o homem que o havia colocado na posição de chunnin que mudara sua vida e que agora nada mais era do que um dos muitos fantasmas dos tempos obscuros, o Uzumaki foi abordado por um rapaz animado. Sua voz era familiar e seu jeito e olhar inocente, característicos de uma alma cheia de anseios.

- Naoki está morto, Bakuto-kun. A culpa é minha. Eu não o protegi. - ele pensou consigo e novamente, sua mente pairava por aquele mesmo sentimento, quando Toph o venceu no campo de batalha pela primeira vez. Fora derrotado e tudo em que podia pensar era em se tornar mais forte, queria ser mais forte para proteger a si mesmo e àqueles que estavam ao seu lado. Lembrou-se de Hokama e sua filosofia: O Principio. Esse método de pensamento dizia que apenas um ser totalmente individualista poderia ser de fato altruísta. Se ele visse a si mesmo como prioridade maior e voluntariamente ajudasse alguém, estaria sendo altruísta de verdade. Com o os ditos altruístas e heróis sempre ajudavam os outros e geravam fama com aquelas conquistas, viravam refém das boas ações, perdendo controle de suas vidas e se tornando nada mais que grandes fachadas, podres por dentro. - Porque você é fraco Bakuto-kun, assim como eu... - Ele percebeu o quanto havia realizado de mal, não se importava com os sentimentos de ninguém mais. Não se importou com os sentimentos de Yukino, quando essa, a perguntar do amigo morto, foi respondida com apenas uma mensagem melancólica e negativista. Um herói era escravo das boas ações? E Hidey, do que era escravo? Tanto batalhara por mais poder, corrompera-se a usar uma técnica proibida e brutal para se tornar mais poderoso e no final, tornara-se uma arma de guerra. Uma ferramenta para ser usada e descartada a vontade. - Eu me tornei a morte, o destruidor de mundos.

Virou as costas para o estranho Bakuto e deslizou até a borda do monumento, apoiado sobre um dos cabelos do Rokudaime Hokage, olhou para Konoha sob ele. Ao longe viu os portões, onde Asuya-kun foi atingido por um nukennin e esquartejado até a morte. Enfrentou uma morte brutal, para que alguém conseguisse escapar de Konoha. Percebeu então, que todas as mortes que vislumbrara no campo de treinamento eram fruto de seus próprios atos. Ele os matara a todos e transformara-os em cinzas de um passado obscuro. Pensou no treinamento que fizera mais cedo naquele dia. Quando colocou a kunai na jugular de Hanzo e viu seus alunos se renderem. Por um momento, seu pensamento não foi aplaudi-los por seu altruísmo em se sacrificar por um amigo. Ele os julgou. Considerou-os errados, incapazes de fazer o que era preciso. Defender os interesses da vila? Claro, mas e quanto a defender a própria alma? Havia alguma escolha naquela vida de ninja, que não incluísse se tornar um monstro?

- Já não me basta mais ser uma arma. No que posso me tornar? - Seu pensamento vislumbrou aquela mudança de atitude. - Eu sou um demônio. Um demônio vivo. O que um demônio pode fazer por esse mundo, se não destruí-lo? - Ele cerrou os punhos e lágrimas escorreram de seu rosto, grossas e pesadas, deixando um rastro avermelhado pelo rosto e um gosto metálico nos lábios sobre os quais caía. Chorava sangue.




HP: (1075 • 1075) CH: (1820 • 1825) ST: (05 • 06)


Considerações:

Aparência: Roupas comuns de Tokubetsu Jonin. Máscara de Oni presa na cintura. Töken presa ao lado esquerdo da cintura. Hip pouch no braço esquerdo, no lado direito da cintura e na perna direita. Bandana em seu braço direito e símbolo de Konoha ostentado no colete, como os demais ninjas.


Resumo:




Jutsus:






Equipamento:
Bolsa de Armas [60/60]
Bolsa: Espaço 60

Töken (01)
Hyorogan (04)
Zoketsugan (02)
Kunai (16)
Fios Ninja (15m)
Hikaridama (14)
Kemuridama (14)
Kibaku Fuuda 24 unidades (03)
Shuriken: 05; (5)
Ampola (Veneno, Medicamentos, etc): 01. (1)

Máscara:


Máscara do Espírito Azure
Espécie: Raro
Rank: A
Descrição: Essa máscara é composta por um material desconhecido, mas bastante resistente e ampla o suficiente para caber no rosto de um homem comum. Sua face é semelhante a de um Oni, com marcas azuis e dentes amostra. A lenda diz que o rosto dessa máscara representa um espírito menor, conhecido no passado por suas batalhas contra guerreiros místicos, sendo este um usuário poderoso de Katon. A máscara é oriunda de Uzushiogakure e pôde ser encontrada no Templo Armazenador de Máscaras Uzumaki. É sabido que ela possui capacidades especiais.
Habilidades/Mecanismos: A máscara foi forjada como selamento de uma poderosa fonte de chakra Katon. Por conta disso, ela influencia as técnicas de seu usuário, potencializando a Liberação do Fogo e permitindo que ele alcance mais poder. Devido a isso, todas os danos das técnicas de Katon utilizadas enquanto se usa a máscaras são aumentados em 50%.




|CENA| A renúncia convencional de vida secular 18?cb=20121117212142&path-prefix=pt-br

_______________________

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_pytn9euwiU1y4te2do1_250
Ficha - M.S - Banco
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 30/8/2018, 16:22

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_oxfz5zyKtp1qb9oabo2_540
NARRADOR
────────


???| ??? | ??? | ???

Do lado de fora:

o corpo de hidey suava frio, era nítido que seu corpo sofria algo - mestre pare o genjutsu!! - exclamou ishiki, assim ecoando em meio ao templo

Inferno astral:

Demonio?



Informações:


enfim, pode fumar aquele baseado

Favor linkar o redutor
ishiki é o cara do gif

Purificação
rank: SS (superior a S)
descrição: força o lado negro que há no personagem manifestando o pior dos seus pesadelos e podridão em seu coração. a unica forma de sair é purificando-se atingindo a plenitude da mente.
objetivos:
Caminho dos 12  4/5


Cena: 4/5
a espera do link do redut
@oda
-
Oda
Jōnin
Oda
Vilarejo Atual
Ícone : |CENA| A renúncia convencional de vida secular 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68937-fp-ororo-n-yami#514650

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 30/8/2018, 17:03



"I see a red door and I want it painted black. No colors anymore, I want them to turn black"


O mundo em que estava não lhe ofereceu resposta. Ele sabia que não estava em um mundo real, afinal, tinha inteligência para tal. Mas aquilo nada mais era do que uma figura e uma forma de enfrentar a própria mente. Hidey tinha uma sequência de problemas não resolvidos. Havia de fato se entregado mais de uma vez a pensamentos maléficos, tornara-se tão maquiavélico quanto possível e quando o preço era cobrado, hesitava em pagar.

Agora, ninguém mais poderia tirar dele a responsabilidade de cumprir suas próprias penitências. Não havia homem ali para o libertar. Apenas a si mesmo, um ninja, entregue a sua própria sorte. Pisoteado por um sem fim de armadilhas perversas que compunham a própria natureza de sua vida como um soldado. Precisava de um propósito, algo que pudesse retirá-lo daquele ciclo infernal.

"Minha Vontade do Fogo, onde posso encontrá-la" e seu corpo abandonou o topo da cabeça do Rokudaime Hokage e foi direcionado para um quarto escuro. Nunca havia se sujeitado a tamanha escuridão, sentia que ela era tão profunda que a ausência de luz apagava aos poucos sua própria existência. Viu no fundo do lugar onde estava, uma figura de olhos vermelhos, um rosto e corpo azulado, sendo que a luz que emanava de seu corpo era a única luminosidade que havia ali. A luz dos olhos flamejantes revelavam também o corpo da fera, coberto de pelos e de proporções enormes, ele estava amarrado por correntes que circundavam seus membros e o prendiam a um ponto invisível em uma parede que não estava ali.

- O que é você? - indagou o rapaz, vislumbrando a fera rubra.

- Eu sou a Vontade do Fogo - ela lhe respondeu e sua voz era muito semelhante a do próprio Uzumaki, mas era mais grossa, rouca e mais carregada de pesar.

- Não é intuito da Vontade do Fogo trazer a paz e a união entre os ninjas? Por que você é um demônio como eu? - Responderia e sua voz quase fraquejava, sentia que seu corpo estava apoiado em uma superfície de pedra e sua mente passou brevemente pelo chão do Hi no Tera.

- E como esperava que eu fosse? Um homem de face rosada com flores nas mãos? - A criatura então aumentou a luminosidade de seus olhos e era possível ver que ela se mantinha com as pernas cruzadas, como um Buda, meditando. - Há muitos demônios para se enfrentar e há outros demônios que regem a própria existência. Nada nesse mundo está longe de nossa influência e quando se trata de nós, não pensamos em bem ou mal, mas no relacionamento que construímos com aquele a quem escolhemos influenciar.

- E porque toda essa escuridão? Por que sua face é tão terrível?

- Não quer me ofender, não é garoto? - O demônio riu e então com uma leve olhadela para os lados, voltou a fixar seus olhos flamejantes no rapaz. - Essa escuridão não é minha. É sua. Você tem buscado viver fazendo suas próprias regras e por algum motivo, no meio do caminho, optou por seguir as regras dos mais perversos. A escuridão apenas esconde a verdade. A verdade que você é podre, porque escolheu se omitir a um propósito real.

- O poder é meu propósito. - O rapaz respondeu e esmurrou o chão, retrucando com violência.

- O poder é uma ferramenta para um propósito. Pode buscar poder, mas como vai saber quando o alcançou? Apenas quando alguém mais poderoso que você surgir. - O demônio tinha sua própria visão da vida e parece orientar o rapaz a um pensamento - A busca pelo poder puro soa bonita para um ser vaidoso, mas é isso, vaidade e seu propósito é nulo.

- Então que propósito eu posso ter? O que mais me ensinaram a almejar?

- Você é tolo. Acha que todas suas perdas foram uma lição sobre a necessidade de agregar mais poder? As perdas são as lições de que no mundo as coisas estão sujeitas a um ciclo e são tão inevitáveis, como a passagem do tempo. Pare o sol se quiser, isso não fará o tempo parar. Destrua a natureza e impeça as estações, mas isso não impedirá o tempo de continuar passando. - O olhar da criatura era ainda mais flamejante e intenso a luminosidade rubra parecia revelar cada vez mais do envoltório. - Você perdeu muita coisa e isso o fez mais forte, não porque buscou mais poder, mas porque se importou. Porque deixou que sua alma se conectasse àqueles que se foram e experimentou em si mesmo o ciclo.

- Quer então que eu aceite tudo, que eu me torne passivo diante do sofrimento e da destruição? - O rapaz podia sentir uma relutância em ceder ao raciocínio da fera. Uma relutância quase palpável, como a escuridão lutando para conter e silenciar as chamas que saíam dos olhos do demônio.

- Quero que aceite que este mundo não te deve nada. Nada. Ninguém nunca lhe prometeu que seria capaz de proteger a todos. Precisa de coragem para fazê-lo. Precisa de virtude e se não for capaz disso, vai perecer como seus amigos. Você nunca estará seguro! Aqueles que você ama nunca estarão seguros! Sabendo disso, você tem coragem de viver? Tem coragem de ser um ninja, sabendo que tudo que tem pode ser perdido? Se quer de fato defendê-los, precisa abraçar a paz dentro de si e com o mundo. Aceitar que vidas dependem de suas ações e precisa ter coragem de se importar com elas. - O demônio então aumentou a luminosidade e Hidey não foi mais capaz de impedir o avanço da luz. Deixou que a escuridão se dispersasse. Deixou que a Vontade do Fogo vencesse seu egoísmo.

Sentiu então o mundo se desfazer ao seu redor e a luz que tanto lutara para manter se tornou tão clara como a luz do dia. Abrindo os olhos, vislumbrou nada mais do que o sol, brilhando sobre sua cabeça, parcialmente coberto por uma das proteções da muralha do templo.



HP: (1075 • 1075) CH: (1820 • 1825) ST: (05 • 06)


Considerações:

Aparência: Roupas comuns de Tokubetsu Jonin. Máscara de Oni presa na cintura. Töken presa ao lado esquerdo da cintura. Hip pouch no braço esquerdo, no lado direito da cintura e na perna direita. Bandana em seu braço direito e símbolo de Konoha ostentado no colete, como os demais ninjas.


Usando esse redutor que comprei aqui: https://www.narutorpgakatsuki.net/t56627p420-akatsuki-shop-area-de-compras#423399. Ele não foi usado na quest em questão que marquei, portanto, to usando nessa. É isto.


Resumo:




Jutsus:






Equipamento:
Bolsa de Armas [60/60]
Bolsa: Espaço 60

Töken (01)
Hyorogan (04)
Zoketsugan (02)
Kunai (16)
Fios Ninja (15m)
Hikaridama (14)
Kemuridama (14)
Kibaku Fuuda 24 unidades (03)
Shuriken: 05; (5)
Ampola (Veneno, Medicamentos, etc): 01. (1)

Máscara:


Máscara do Espírito Azure
Espécie: Raro
Rank: A
Descrição: Essa máscara é composta por um material desconhecido, mas bastante resistente e ampla o suficiente para caber no rosto de um homem comum. Sua face é semelhante a de um Oni, com marcas azuis e dentes amostra. A lenda diz que o rosto dessa máscara representa um espírito menor, conhecido no passado por suas batalhas contra guerreiros místicos, sendo este um usuário poderoso de Katon. A máscara é oriunda de Uzushiogakure e pôde ser encontrada no Templo Armazenador de Máscaras Uzumaki. É sabido que ela possui capacidades especiais.
Habilidades/Mecanismos: A máscara foi forjada como selamento de uma poderosa fonte de chakra Katon. Por conta disso, ela influencia as técnicas de seu usuário, potencializando a Liberação do Fogo e permitindo que ele alcance mais poder. Devido a isso, todas os danos das técnicas de Katon utilizadas enquanto se usa a máscaras são aumentados em 50%.




|CENA| A renúncia convencional de vida secular 18?cb=20121117212142&path-prefix=pt-br

_______________________

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_pytn9euwiU1y4te2do1_250
Ficha - M.S - Banco
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 30/8/2018, 17:16

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_oxfz5zyKtp1qb9oabo2_540
NARRADOR
────────


???| ??? | ??? | ???

O efeito do genjutsu, havia passado, o mestre monge havia deitado seu corpo sob um gramado, o deixando ali sozinho, pois havia passado horas desmaiados, cerca de 24 horas, poderia sentir sue estomago dar sinais indicando a necessidade de recursos. O garoto se levantaria, pois era de razoes logicas tomar tal atitude. No seu lado direito haveria duas maças, junto a ela um bilhete, nele escrito ordens para encontrar-se no rio aos fundos, teria de ir até o local, onde encontrar ia-se com o monge que usou o genjutsu.

- então... – perguntou o velho enquanto pescava – o que irá fazer? – ishiki ficaria escorado em uma arvore com a cara fechada pronto para atacar, afinal hidey não sairia vivo se respondesse algo contra a vontade do fogo...


Informações:


enfim, falar merda vai toma tai na cara

Favor linkar o redutor
ishiki é o cara do gif

Purificação
rank: SS (superior a S)
descrição: força o lado negro que há no personagem manifestando o pior dos seus pesadelos e podridão em seu coração. a unica forma de sair é purificando-se atingindo a plenitude da mente.
objetivos:
Caminho dos 12  5/5


Cena: 5/5

@oda
-
Oda
Jōnin
Oda
Vilarejo Atual
Ícone : |CENA| A renúncia convencional de vida secular 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68937-fp-ororo-n-yami#514650

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 30/8/2018, 17:51



"I see a red door and I want it painted black. No colors anymore, I want them to turn black"


Hidey se libertou do genjutsu, ainda profundamente abalado com a situação. Passou alguns momentos recuperando o fôlego, enquanto vislumbrava o bilhete. Pensou e refletiu um pouco em tudo que havia visto. Despertara a Vontade do Fogo dentro de si mesmo e podia sentir um pouco mais de leveza. Não havia atalhos naquela situação, o Templo do Fogo lhe havia cobrado o preço. Vislumbrou ao lado do enorme portão a figura do Tengu, o demônio que lhe havia encontrado no genjutsu e pensando em tudo que conversara com ele, desceu até se encontrar com o monge, levando com ele as duas maçãs.

A postura do homem era desconfiada e Hidey sentia que poderia ser atacado. Ele então, aceitou a ideia de que de fato, pudesse ser atacado e que nada poderia fazer para evitar a própria morte. Era uma força da natureza, como as outras e como a natureza, ele precisava aprender a viver com aquilo. Dirigiu então uma resposta ao homem.

- Eu vi meus demônios. Vi todo mal que fiz e um mundo de sangue sem sentido. Não é o tipo de vida que quero levar. - Hidey observou o homem e com um olhar atento, jogou para o homem uma das maçãs, mordendo a outra em seguida. Sentindo a polpa da fruta se desfazer entre seus dentes, ele complementou. - Aqui eu encontrei um tipo específico de paz, que eu não achei que poderia existir no mundo shinobi. Me tornarei um de vocês, caso me aceitem, um ninja devoto a Vontade do Fogo. Um espírito para guiar e não mais, para destruir. Um dos Doze Guardiões desse templo. Devotando minha vida, para defender o governo desse mundo caótico.


HP: (1075 • 1075) CH: (1820 • 1825) ST: (06 • 06)


Considerações:

Aparência: Roupas comuns de Tokubetsu Jonin. Máscara de Oni presa na cintura. Töken presa ao lado esquerdo da cintura. Hip pouch no braço esquerdo, no lado direito da cintura e na perna direita. Bandana em seu braço direito e símbolo de Konoha ostentado no colete, como os demais ninjas.


Usando esse redutor que comprei aqui: https://www.narutorpgakatsuki.net/t56627p420-akatsuki-shop-area-de-compras#423399. Ele não foi usado na quest em questão que marquei, portanto, to usando nessa. É isto.


Resumo:




Jutsus:






Equipamento:
Bolsa de Armas [60/60]
Bolsa: Espaço 60

Töken (01)
Hyorogan (04)
Zoketsugan (02)
Kunai (16)
Fios Ninja (15m)
Hikaridama (14)
Kemuridama (14)
Kibaku Fuuda 24 unidades (03)
Shuriken: 05; (5)
Ampola (Veneno, Medicamentos, etc): 01. (1)

Máscara:


Máscara do Espírito Azure
Espécie: Raro
Rank: A
Descrição: Essa máscara é composta por um material desconhecido, mas bastante resistente e ampla o suficiente para caber no rosto de um homem comum. Sua face é semelhante a de um Oni, com marcas azuis e dentes amostra. A lenda diz que o rosto dessa máscara representa um espírito menor, conhecido no passado por suas batalhas contra guerreiros místicos, sendo este um usuário poderoso de Katon. A máscara é oriunda de Uzushiogakure e pôde ser encontrada no Templo Armazenador de Máscaras Uzumaki. É sabido que ela possui capacidades especiais.
Habilidades/Mecanismos: A máscara foi forjada como selamento de uma poderosa fonte de chakra Katon. Por conta disso, ela influencia as técnicas de seu usuário, potencializando a Liberação do Fogo e permitindo que ele alcance mais poder. Devido a isso, todas os danos das técnicas de Katon utilizadas enquanto se usa a máscaras são aumentados em 50%.




|CENA| A renúncia convencional de vida secular 18?cb=20121117212142&path-prefix=pt-br

_______________________

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_pytn9euwiU1y4te2do1_250
Ficha - M.S - Banco
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular - em 30/8/2018, 17:56

|CENA| A renúncia convencional de vida secular Tumblr_oxfz5zyKtp1qb9oabo2_540
NARRADOR
────────


???| ??? | ??? | ???

O velho escutou o que fora dito por hidey - sabemos das suas habilidades em batalha, o que tira a necessidade de treino físico, mas lute pela vontade do fogo, pelo que é certo, pouco a pouco se tornara completo - após as falas hidey se tornaria um, assim ficando livre para fazer o que pretender


Informações:


enfim, falar merda vai toma tai na cara

Favor linkar o redutor
ishiki é o cara do gif

Purificação
rank: SS (superior a S)
descrição: força o lado negro que há no personagem manifestando o pior dos seus pesadelos e podridão em seu coração. a unica forma de sair é purificando-se atingindo a plenitude da mente.
objetivos:
Caminho dos 12  5/5


Cena: 5/5

finish

@oda
-
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: |CENA| A renúncia convencional de vida secular -

-


Layout com edições de Halloween feito por @Akeido Themes e Senko.