Os Imortais
Okina conseguiu destruir Sunagakure, tornando o vilarejo um só com as suas origens, as areias profundas do deserto. O mesmo aconteceu em Kirigakure no Sato, onde a entidade afundou a vila no oceano que o cercava. Porém, ao tentar acabar com Konoha, a inimiga da humanidade falhou sendo impedida pelos novos salvadores do mundo. Abençoados por Hagoromo, os ninjas Mako e Mordred conseguiram selar a adversária criando uma segunda lua pairando sobre o planeta. Passadas algumas semanas, uma seita antiga se reuniu procurando o local onde poderiam ressuscitar Jashin, um deus antigo. Liderados por uma mulher capaz de ouvir a voz do deus, os seguidores subiram a Cordilheira dos Deuses e encontraram uma rocha cheia de selamentos frágeis e acabaram assim liberando um novo inimigo que se diz ter muitos nomes: Kami-sama, Jashin-sama e Shaka-sama. A nova divindade absorveu os poderes da lua onde Okina foi selada e transformou-se totalmente, porém, uma quantidade estranha de chakra vazou e espalhou-se no planeta inteiro.O novo inimigo da humanidade marcou três vilarejos: Konoha, Iwa e Kumo. Mas quais são seus verdadeiros planos? E quem é a pessoa que despertou depois de muitos anos?
.
.
.
.
.
Últimos assuntos
» no one [cj]
Hoje à(s) 18:36 por Zenyatta

» [sugestão] Suiton: Daikōdan no Jutsu
Hoje à(s) 18:34 por Oda

» [Capítulo] A Fortaleza
Hoje à(s) 18:24 por Oda

» [C.J.] Rize
Hoje à(s) 18:16 por Shiloh

» [Sugestão] Genjutsu
Hoje à(s) 18:03 por Zero_0

» C.J ~ Hipátia
Hoje à(s) 17:59 por Hipátia

» [Sugestão] Raigo Senjusatsu - 2º Tentativa
Hoje à(s) 17:58 por Oda

» [Sugestão] Ajudar os cegos
Hoje à(s) 17:55 por Yukino'

» [missão Rank D] Zero
Hoje à(s) 17:46 por Zero_0

» Lista & Organização de Clãs
Hoje à(s) 17:41 por DelRey


[Treinamentos] Jin

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Treinamentos] Jin - em Qui 2 Ago - 14:24

Treinamento
Fios revitalizados

HP: (275 • 275) || CH: (337 • 375) || ST: (0 • 3) ||  VL: (6m/s)  ||  SL: 2s/s

Já era tarde e não havia nenhuma missão para ser realizada por mim. Todas as minhas pendências em casa estavam resolvidas. Akio ainda não voltara da missão, logo, cabia a mim os serviços diários como faxina, lavar e passar e preparar o almoço. Sabia que tarefas de casa tomavam um tempo significante, mas não imaginava que o bastante para perdurarem por um dia e meio – desde ontem cuidava dos afazeres, por um momento pensei que não teriam fim.

Decido partir em direção às montanhas. O campo de treinamento da vila provavelmente estaria com um movimento grande de ninjas e ainda não estava pronto para me encontrar com colegas antigos de classe. Havia certas habilidades que eu precisava treinar e era necessário fazer isso sozinho. Um lugar calmo como as montanhas parecia adequado.

Ao chegar ao meu suposto lugar de treinamento não me decepciono, está completamente deserto. Poucos eram os cidadãos que se aventuravam para o topo de uma montanha, não haveria plateia para mim. Tiro minha mochila das costas, estendo algumas armas sobre o chão, para caso necessário e começo a concentrar meu chakra. Assim como exercícios físicos, onde antes você aquece seus músculos, no treino de ninjutsu era necessária antes uma maior fluidez no chakra.

Após preparar meu corpo para a alta quantidade de chakra que seria usada nas próximas horas, pego um livro um pequeno bloco de notas em minha mochila e olho as anotações feitas por mim nele.  Lembro de aprender na academia ninja que um shinobi de verdade possuía uma linguagem única e assim era com meu bloco de notas. Se outra pessoa, que não fosse eu, visse as páginas jamais imaginaria que tratava-se de anotações, mas sim de desenhos feitos por uma criança analfabeta.

Analiso atentamente cada símbolo escrito nas folhas, assim também a descrição da técnica. Já havia feitos alguns treinos em casa, mas só é possível ter noção de um movimento quando feito em campo aberto, logo, começo. Fecho o caderno, me coloco no centro do campo montanhoso e então, com apenas uma de minhas mãos faço o selo.

- Ranjishigami no Jutsu – Consigo sentir o fluxo de chakra aumentar na região de minha cabeça e de repente meus fios castanhos parecem ganhar vida própria. Meu cabelo cresce em proporções anormais e com meu chakra pareço ser capaz de manipulá-lo.  O controle se mostrou uma etapa difícil.

Com as tentativas de controlar os fios de cabelo, pude perceber que a rigidez de meu cabelo também aumentava significante, se comparando até mesmo ao aço. Fui capaz de perceber este pequeno detalhe pois, nas tentativas de manusear o cabelo da maneira mais natural o possível, algumas mechas batiam contra o chão e o racharam.  O livro que eu havia lido sobre a técnica dizia aumentar a durabilidade dos fios, mas não imaginei que daquela forma. De qualquer maneira, após algum tempo, comecei a entender aquela manipulação.

- Essa técnica me será tanto para defesa como o ataque, basta eu saber fazer um bom uso dela.
– enquanto eu pensava, não pude deixar de notar, que as esferas que possuía nas pontas de minhas tranças brilhavam, devido a luz do Sol. Era uma visão agradável, trazia certo brilho para o jutsu.

Após treinar até ficar satisfeito com meu Ranjishigami no Jutsu, sento na beira da montanha e observo atentamente a vila. Vejo alguns raios de luz vindo onde ficaria o campo de treinamento, certamente alguns ninjas melhores do que se encontram ali, exibindo suas poderosas técnicas. Eu realmente me sentiria desconfortável estando ali, em meio a tantos grandes ninjas.

Pegando um livro na minha bolsa – empréstimo da biblioteca local – e voltando para a beirada da montanha, começo a ler. Um sensação única, ler ao pé de uma montanha, com o vento forte batendo em seu corpo e tentando virar as folhas apressadamente.  O livro tratava sobre a vida ninja. Era uma leitura para iniciantes que queriam passar ao nível intermediário.

O autor descrevia com riqueza situações que passara quando ainda jovem e como as superou.  Não pude deixar de me identificar com certas situações narradas ali, sendo a principal delas o apoio familiar inexistente nos que tinham seu próprio sangue, mas presente nos companheiros de equipe e professores ninja.

O livro apontava sobre a dificuldade de um ninja Genin em escolher seu caminho. Como muitos não acabavam chegando aonde queria por falta de planejamento, por não dedicar-se o suficiente a certas habilidades ou então empenhar-se em demasiado em algo que não é necessário para a vida que deseja seguir.  O autor recomendava que antes de começar a sair pelo mundo, desbravando o desconhecido, era preciso conhecer a si mesmo.

O conhecimento de si mesmo, era nisso que o livro parecia querer focar depois da introdução. Conhecer as suas limitações e o que é necessário para supri-las. Um dos diversos exemplos dados foi com o caso de um ninja incapaz de usar ninjutsu. Ele sabia que aquele não era seu ponto forte, logo, focou no taijutsu e foi um completo sucesso. No entanto ele só foi capaz de foca-se em algo que possuía mais afinidade quando reconheceu sua incapacidade no outro. Era nisso que muitos ninjas iniciantes pecavam. A pressa em querer ser bom em tudo acabava fazendo com que eles não passassem de medianos.

Segundo o autor reconhecer seus erros e tentar melhorá-los era algo importante, mas antes devíamos procurar as nossas qualidades. O ser humano sempre tende a achar primeiro os seus defeitos e se diminuir em cima deles, mas são eles que te fazem único. São seus defeitos que evidenciam as suas qualidades, segundo o livro. Todo este conteúdo mostrava como o escritor havia colocado uma parte do seu coração no livro.

As horas passaram e saí daquela montanha com a certeza de que não era mais o mesmo. Uma evolução ocorrera dentro de mim e um leve crescimento pessoal também. Certamente repetiria o treinamento mais algumas vezes.  Minha alma e corpo estavam revigorados.


Informações (LEIA) :

Considerações:

• O word contabilizou cerca de 989 palavras

• A intenção é adquirir 1 ponto de ninjutsu e 1 ponto de inteligência

Técnicas Usadas:

Ilustração:
Ranjishigami no Jutsu
Rank: B
Descrição: Esta técnica utiliza chakra para aumentar temporariamente o metabolismo da cabeça e manipular o cabelo que cresce mais como resultado da mesma. Há também chakra que flui através do cabelo alongado, tornando a sua dureza comparável à do fio de aço. Por densa agregação o cabelo, a sua força é ainda maior, aumentando também o seu poder destrutivo. Seu nome pode vir do fato de que, como visto apenas antes de golpear um dos Pain, toma a forma de que se assemelha a boca de um leão.

Custo de Chakra c/ Grande Controle de Chakra:

Rank E: 00
Rank D: 08
Rank C: 19
Rank B: 38
Rank A: 75
Rank S: 150
Rank -: 57




_______________________


Ficha | Banco | Fillers | Timeline
C.T | C.I | C.J | M.S| M.F

Discord: Orpheu#1010
avatar
Genin
Genin
Ver perfil do usuário
Re: [Treinamentos] Jin - em Qui 2 Ago - 17:12

@ok

_______________________


" Neste mundo, onde quer que exista luz, existem também sombras.
Enquanto o conceito de vencedores existir, precisam também existir derrotados.
O desejo egoísta de proteger a paz causa guerras e o ódio nasce para proteger o amor. "
avatar
Tokubetsu Jonin
Tokubetsu Jonin
Ver perfil do usuário
Re: [Treinamentos] Jin - em Sex 10 Ago - 14:38

Treinamento
Escaladas

HP: (275 • 275) || CH: (223 • 375) || ST: (1 • 3) ||  VL: (6m/s)  ||  SL: 2s/s

Retornava de minha ultima missão, abatido pelo cansaço que havia feito. Conseguira capturar o pequeno malfeitor com sucesso e o levara para interrogação. Recebera meu devido pagamento e certa reputação positiva com os ninjas da vila. Nada que faria ser uma lenda, afinal fora apenas uma missão de Rank C.

Toda a experiência vivencia a poucas horas me servira para algo. Precisava de mais treinamento. Se eu tivesse mais força, mais técnicas, eu certamente não hesitaria em buscar o problema pela raiz. Finalizar a missão como um todo, em vez de deixar nas mãos dos ninjas mais experientes. Com mais treino, eu seria o ninja experiente.

Sequer paro em casa, apenas relato que a missão foi realizada e os impedimentos que tive, e parto em direção ao meu campo de treinamento ‘particular’ as montanhas. Tinha na minha bolsa os livros necessário para o que eu desejava fazer – um livro bom deve ser levado por todos os cantos.

A subida para a montanha, por ser a terceira vez, não me aparentou ser tão tortuosa como as outras vezes. Ainda causara um certo cansaço, mas meu corpo parecia ter se acostumado com a íngreme escalada. Parando para pensar: desde que iniciei minhas atividades como um ninja, eu sempre estava a andar de um lado para o outro do vilarejo. Quase todos os dias tinha alguma missão para realizar e, pela falta de meios de transporte, acabava usando minhas pernas.

Meu fôlego não se perdia tão facilmente como antes, minhas pernas estavam mais fortes e resistentes também. O dia-a-dia havia me concedido uma maior resistência natural. Exercícios feitos inconscientemente ajudaram meu corpo. Havia percebido tal feito há um tempo atrás, dado que antes eu era mais focado na leitura de livros e poucos exercícios, mas só pude confirmar no dia de hoje – quando exigi um esforço maior de meu corpo.

Não pude evitar o sorriso com aquilo. Meus esforços começavam a dar resultados e sobre a vista que tinha, isto quase no pico da montanha, gritei fortemente o nome de meu irmão. Apenas entrara no mundo ninja para ser como ele e descobrir seu paradeiro. Com as missões feitas, até o momento, começava a descobrir qual seria meu caminho, a rota que escolheria para ajudar minha vila.

Quando cheguei no topo da montanha, não estava tão ofegante como na primeira vez. Sequer precisei de um tempo para parar e retomar todo o fôlego perdido. Em vez disso, apenas coloquei minha bolsa no chão, sentei-me e peguei o livro que trouxera comigo. Era um livro pesado, tanto que precisava segurá-lo com as duas mãos, mas nada que dificultasse demais a leitura.  O livro tratasse sobre selos e ninjas que dominaram eles com maestria.

A quantidade de figuras contidas era de se admirar, por se tratar de um livro mais avançado. Devido às imagens tornava fácil a leitura para qualquer um, inclusive para um Gennin. Era fato que eu possuía certa facilidade com a leitura, mas não possuía maestria com selos ainda. Minha habilidade de conseguir executá-los com apenas uma única mão fora algo desenvolvido de maneira tão natural.

Lembro dos professores na academia me dizerem que eu certamente seria um prodígio, mas ,na minha percepção, eles apenas diziam isso por eu ser capaz de executar selos com uma única mão, embora tivesse grande dificuldade em utilizar as duas para os jutsus – ao mesmo tempo que possuía uma habilidade rara, também possuía dificuldade em algo simples. Era como se o que a maioria considerasse algo complicado, eu, achava mais simples. Com o passar dos anos fui capaz de executar os jutsus com as duas mãos, mas, por se mostrar mais prático e útil em combate, optei por utilizar apenas uma de minhas mãos para tal feito.

O livro mostrava alguns exemplos de jutsus conhecidos adaptados para shinobis que usavam uma única mão para a realização. Todo aquele conteúdo era incrível. Muita das figuras que eu via, com minhas mãos, tentava imitá-las. O conteúdo também trazia alguns exercícios com as mãos, para aumentar a agilidade delas e a coordenação motora das mesmas – algo que eu sempre tive um pouco de dificuldade, mas nada que chegasse a me prejudicar mesmo.

- Efetuar um selo atrás do outro e de maneira coordenada é mais difícil do que parece – murmurei comigo mesmo, enquanto via minhas mãos se enroscarem umas nas outras. Minha tentativa ali era bem clara: diminuir o tempo de execução de cada selo, individualmente. Testar, com as habilidades que eu já possuo, o quão hábil eu posso me tornar para encaixar um selo após o outro e assim fazer com que fluam.

O tempo foi passando e a leitura do velho livro continuou. Me dei um luxo de alguns momentos de pausa, além de poucas flexões, para descansar minha mente e treinar meu corpo. Um ninja precisava de certo porte físico, no entanto, neste dia, este não era o meu foco. Assim que fazia certa quantidade de flexões, parava e voltava minha atenção para a leitura novamente.

Subir até aquelas montanhas era o melhor que eu podia fazer. Ninguém podia me atrapalhar ali. A tranquilidade reinava, o inimigo era o vento, mas já começara a me acostumar com seus movimentos. Avancei algumas páginas no livro, passando até mesmo por dois longos capítulos sobre a anatomia e ergonometria. O modo mais prático para executar selos e exercícios que todos ninjas devem conhecer para não terem futuros problemas com tendinite. A página sobre cuidados me chamara a atenção.

Depois de um longo tempo de exercícios, realizando sinais sem sequer utilizar as técnicas, notei uma melhora significativa. Conseguia realizar os selos com uma maior agilidade e também de maneira mais natural, perdendo um pouco daquele aspecto de ‘decorado’ e ‘robótico’. Só era necessário que eu mantivesse o mesmo ritmo de treino, para aperfeiçoar ainda mais.

Após sentir essa melhora significante em mim, arrumo minhas coisas e me preparo para descer a montanha. Se Akio estivesse em casa, certamente ele se mostraria preocupado por não estar. Havia esquecido de deixar um bilhete avisando de minha saída para a ultima missão e já gastara tempo demais nas montanhas.


Informações:

Considerações:
• O word contabilizou 1016 palavras.

• A intenção é adquirir 1 ponto em Selo e 1 ponto em Stamina

Técnica usada:

Custo de Chakra c/ Grande Controle de Chakra:
Rank E: 00
Rank D: 08
Rank C: 19
Rank B: 38
Rank A: 75
Rank S: 150
Rank -: 57




_______________________


Ficha | Banco | Fillers | Timeline
C.T | C.I | C.J | M.S| M.F

Discord: Orpheu#1010
avatar
Genin
Genin
Ver perfil do usuário
Re: [Treinamentos] Jin - em Sex 10 Ago - 14:50

feito, acc certa agora

_______________________

Status | bank | aparencia |Cronologia
私は愛のためにしますが、私が売っているとき、私の愛はお金です。
I do for love, but I'm sold, my love is money.
Akeido 2k18
avatar
Shugonin Jūnishi
Shugonin Jūnishi
Ver perfil do usuário
Re: [Treinamentos] Jin - em Sex 17 Ago - 23:59

Treinamento
Leitura casual

HP: (375 • 375) | CH: (462 • 500) | ST: (0 • 4) |  VL: (6m/s)  |  SL: 4s/s

Quando cheguei em casa, após cumprir com toda a burocracia ninja, tratei de mostrar para Akio – que se encontrava lendo alguns livros – o resultado de minha missão. Escondido entre meus braços um pequeno animal de pelos tão negros quanto meus olhos.

Expliquei, então, para meu guardião tudo que havia acontecido e o fim que se deu toda aquela fumaça que havíamos visto antes. Ele ouvia com atenção cada detalhe sobre o incendiário e como eu havia lidado com a situação toda. Até que, enfim, cheguei a parte que prometia para o felino uma nova casa.

Akio torceu o nariz e levou sua mão direita ao queixo, refletindo sobre tal possibilidade. Não demorou sequer um minuto e ele me deu uma resposta positiva. O bichano poderia morar conosco ali, desde que eu ficasse encarregado pelo cuidado do mesmo. Corri ao encontro de Akio, não esquecendo o pequeno pacote que tinha entre os braços, e o abracei fortemente.

Tratei de improvisar uma cama para o mais novo integrante. Utilizei um lençol velho e uma cesta sem utilidade para improvisar algo confortável para ele, tudo isto dentro de meu quarto. Seriamos colegas de quarto a partir de agora. Após deixar ele confortável parti para meus estudos diários.

Tinha em meu quarto uma grande prateleira repleta de livros, dos mais variados tipos e temas. Alguns não eram tocados havia anos, outros, sequer foram tirados de seus lacres. Dentre esses livros lacrados, um chamou a minha atenção. Um exemplar, um tanto volumoso, sobre selos. Imediatamente passei a folhear o livro. O conteúdo era um pouco complexo, talvez em um nível muito acima de minha capacidade, todavia os capítulos iniciais eram de fácil entendimento.

Diferente da maioria dos livros que já havia lido, este não fazia o uso de tantas figuras descritivas, deixando uma boa parte da interpretação do conteúdo nas mãos do leitor. Possuía certas informações de técnicas há muito tempo esquecidas e os selos de mãos usados para estas - claro que com certa limitação, pois o livro não se tratava de algo histórico, era apenas uma, das diversas cópias, presentes no mundo ninja.

Estava sentado em minha cama, enquanto fazia a leitura. A cada descrição de selo de mão, eu parava e tentava reproduzi-lo. Alguns se mostravam complexos e, para mim, sem utilidade alguma, mas mesma assim tentava fazê-los. A base para esse estudo era a mesma da ultima vez, nas montanhas, buscar agilidade na troca entre selos.

Sabia que durante uma batalha onde minha vida estivesse em jogo, a velocidade seria um fator importante. Se fosse capaz de utilizar o jutsu, antes de o meu adversário chegar até mim, certamente teria vantagem no campo de batalha. Apenas restava aperfeiçoar o movimento e torná-lo o mais suave possível.

Teria continuado com meus estudos se meu pequeno mascote não estivesse carente de atenção e se enfiasse em meio ao livro. Tentava afastá-lo ou então colocá-lo ao meu lado, no entanto ele desejava mesmo era o lugar do livro, meu colo. Fechei o pesado exemplar e o substituí pelo felino.


Informações:

Considerações:
• 505 palavras

• Treinamento para 1 ponto em selo

Armas:

Tanto:


Tantō
Local: Presa na cintura
Descrição: Um tanto (短刀) é simplesmente uma pequena katana. Vários chūnin, médico-nin, e shinobi de Konohagakure quando vai para a batalha usá-los amarrados nas costas inferiores. Os usos versão de raiz são dois gumes e não têm ponta, destinado somente para o corte e defesa. Eles carregam o tantō verticalmente na parte de trás especificamente atrás do ombro, Sai é um dos mais notáveis que usa o Tanto, que ele carrega nas costas por trás do ombro direito. Sakumo e Kakashi Hatake - depois de herdar-lo - realizado um Tanto especial, conhecido como o White Light Chakra Sabre. Gamabunta e Gamakichi também carregam estes, embora versões gigantescas que se encaixam seu tamanho.[/b]

Buraidaru:


Compartimento de Chakra Raiton: [000/250]
Nome do Item Buraidaru (ブライダル)
Loca: Costas
Espécie: Raro
Rank: S
Descrição: Uma grande massa de guerra com imenso poder destrutivo e defensivo. Criada a partir de uma lenda local, disseminada em um pequeno vilarejo, Buraidaru foi a grande realização de dois irmãos gêmeos, que desejavam para si o poder dos elementos. A lenda tratava do cajado que o deus dos raios dera para sua mais amada concubina - para protegê-la contra as chuvas de raios que incineravam com as casas - e que foi usado para o seu assassinato pelas mãos da mulher, que aproveitou um momento intimo dos dois para realizar a ação. A mulher fugiu com seu verdadeiro amor e jamais foi vista. Os locais diziam que o amor do deus pela mulher era tão grande que, mesmo após a morte, seu espirito residiu dentro da arma e protegeu sua dona contra as tempestades.

Habilidade: Possui um compartimento interno capaz de absorver parte do Chakra de técnicas do elemento Raiton, reduzindo em 50% o dano das técnicas que vão até Rank B e 25% das de Rank A e armazena o chakra obtido dentro de si. O limite do Chakra armazenado é 250 e apenas pode ser utilizado para a realização de técnicas elementais (Raiton) ou próprias da arma - sendo que estas consomem toda a reserva em um único ataque. No entanto o consumo não é o mesmo que de um ninja. O custo para realizar uma técnica é o dobro de sua base e possui a limitação de apenas reproduzir técnicas até o Rank B.Somente é possível realizar técnicas de Rank A caso o usuário possua pericia elemental e, devido ao custo de chakra da arma, técnicas de Rank S - não próprias da arma - são impossíveis de serem reproduzidas. Qualidades não afetam o consumo de chakra da arma, pois pertencem ao usuário e não as engrenagens da maquina.

Técnicas Usadas:



Custo de Chakra c/ Grande Controle de Chakra:
Rank E: 00
Rank D: 08
Rank C: 19
Rank B: 38
Rank A: 75
Rank S: 150
Rank -: 57


_______________________


Ficha | Banco | Fillers | Timeline
C.T | C.I | C.J | M.S| M.F

Discord: Orpheu#1010
avatar
Genin
Genin
Ver perfil do usuário
Re: [Treinamentos] Jin - em Sab 18 Ago - 0:43

_______________________

ー what do we say to the god of death?
avatar
Nanadaime Hokage
Nanadaime Hokage
Ver perfil do usuário
Re: [Treinamentos] Jin - em Sab 18 Ago - 16:10

Treinamento
Leitura casual 2

HP: (375 • 375) | CH: (500 • 500) | ST: (0 • 4) |  VL: (6m/s)  |  SL: 4s/s

O dia estava gélido. O inverno começava a dar indícios de que realmente chegara e seria a estação dominante deste dia em diante, durante um bom tempo. Acordei com meu colega de quarto ronronando em mim, o pequenino se mostrava bem apegado a mim e eu não me importava com isto.

Havia reservado para este dia uma sessão de treino nas montanhas. O clima gélido me fez repensar se realmente precisava ir. Certamente a temperatura de casa, que já não podia ser considerada tão quente, era mais agradável do que o clima no topo de uma montanha, um campo aberto, onde o vento gélido transita livremente.

Estava me arrumando, para partir em direção ao campo de treinamento habitual, quando algo na prateleira me chama a atenção. Enquanto caminhava por meio dos livros, meu novo companheiro de quarto acabou derrubando alguns exemplares. Fui obrigado a organizá-los de volta a estante e um dos títulos me chamara a atenção.

Tinha em mãos, para guardar, um antigo livro sobre ninjas. O conteúdo era vasto e não lembrava porque jamais havia terminado tal leitura. Imediatamente sentei na beira da cama e passei a ler o conteúdo presente. Certamente o treinamento nas montanhas ficaria para depois. Meus planos haviam mudado: dedicaria o dia para o treino de minha cabeça.

O livro tratava da história da aldeia. Das linhagens de kages que haviam passado por aqui, até chegar a nossa nanadaime. A história do vilarejo era vasta.  Diversos ninjas já haviam feito história e causado também. Tudo que eu lia sobre tais feitos apenas reforçava meu ideal: ninjas devem pensar bem antes de agir durante uma missão.  As ações que tomamos podem influenciar diretamente contra nossa vila e causar guerras com países vizinhos.

A história da função da vila era também fascinante. A narração descrita no livro tornava tudo mais simples de ser estudado. Consegui tirar dali que a união e um propósito em comum era fundamental para que uma vila prosperasse e crescesse. Claro que alianças feitas com outras vilas também eram, mas se não houvesse desenvolvimento interno nada adiantaria.

Grandes eventos formaram a aldeia da pedra. Como a criação de seu primeiro esquadrão especial, possuidores de um incrível poder. Certamente pesquisaria mais sobre ele na biblioteca. O único defeito do livro era a falta de detalhes. Sabia que algo acontecera durante um evento de alguns anos antes do meu nascimento, mas não havia nenhuma especificação ali. Provavelmente seria obrigado a terminar a busca de conhecimento dentro da biblioteca da vila.

Finalizei minha leitura quando a história da vila terminou e começou o tópico sobre criação de armadilhas. Era uma quantidade de possibilidades grandes, certamente haveria de testar algumas daquelas. Algumas armadilhas feitas com fios pareciam ser eficazes durante certas circunstâncias. Além das bombas de luz, que quase chegara a usar em minha ultima missão, elas possuíam uma serventia interessante.


Informações:

Considerações:
• 475 palavras

• Treinamento para 1 ponto em Inteligência

• Caso aprovado será meu 6º ponto adquirido por meio de treinamento.

Armas:

Tanto:


Tantō
Local: Presa na cintura
Descrição: Um tanto (短刀) é simplesmente uma pequena katana. Vários chūnin, médico-nin, e shinobi de Konohagakure quando vai para a batalha usá-los amarrados nas costas inferiores. Os usos versão de raiz são dois gumes e não têm ponta, destinado somente para o corte e defesa. Eles carregam o tantō verticalmente na parte de trás especificamente atrás do ombro, Sai é um dos mais notáveis que usa o Tanto, que ele carrega nas costas por trás do ombro direito. Sakumo e Kakashi Hatake - depois de herdar-lo - realizado um Tanto especial, conhecido como o White Light Chakra Sabre. Gamabunta e Gamakichi também carregam estes, embora versões gigantescas que se encaixam seu tamanho.[/b]

Buraidaru:


Compartimento de Chakra Raiton: [000/250]
Nome do Item Buraidaru (ブライダル)
Loca: Costas
Espécie: Raro
Rank: S
Descrição: Uma grande massa de guerra com imenso poder destrutivo e defensivo. Criada a partir de uma lenda local, disseminada em um pequeno vilarejo, Buraidaru foi a grande realização de dois irmãos gêmeos, que desejavam para si o poder dos elementos. A lenda tratava do cajado que o deus dos raios dera para sua mais amada concubina - para protegê-la contra as chuvas de raios que incineravam com as casas - e que foi usado para o seu assassinato pelas mãos da mulher, que aproveitou um momento intimo dos dois para realizar a ação. A mulher fugiu com seu verdadeiro amor e jamais foi vista. Os locais diziam que o amor do deus pela mulher era tão grande que, mesmo após a morte, seu espirito residiu dentro da arma e protegeu sua dona contra as tempestades.

Habilidade: Possui um compartimento interno capaz de absorver parte do Chakra de técnicas do elemento Raiton, reduzindo em 50% o dano das técnicas que vão até Rank B e 25% das de Rank A e armazena o chakra obtido dentro de si. O limite do Chakra armazenado é 250 e apenas pode ser utilizado para a realização de técnicas elementais (Raiton) ou próprias da arma - sendo que estas consomem toda a reserva em um único ataque. No entanto o consumo não é o mesmo que de um ninja. O custo para realizar uma técnica é o dobro de sua base e possui a limitação de apenas reproduzir técnicas até o Rank B.Somente é possível realizar técnicas de Rank A caso o usuário possua pericia elemental e, devido ao custo de chakra da arma, técnicas de Rank S - não próprias da arma - são impossíveis de serem reproduzidas. Qualidades não afetam o consumo de chakra da arma, pois pertencem ao usuário e não as engrenagens da maquina.

Técnicas Usadas:



Custo de Chakra c/ Grande Controle de Chakra:
Rank E: 00
Rank D: 08
Rank C: 19
Rank B: 38
Rank A: 75
Rank S: 150
Rank -: 57


_______________________


Ficha | Banco | Fillers | Timeline
C.T | C.I | C.J | M.S| M.F

Discord: Orpheu#1010
avatar
Genin
Genin
Ver perfil do usuário
Re: [Treinamentos] Jin - em Sab 18 Ago - 17:45

@+1 Ponto em Inteligência

_______________________


"I could lie and say: I like it like that, like it like that"
avatar
Nukenin A
Nukenin A
Ver perfil do usuário
Re: [Treinamentos] Jin - em Qui 30 Ago - 18:26

Treinamento
Raiton

HP: (500 • 500) | CH: (500 • 500) | ST: (0 • 4) |  VL: (6m/s)  |  SL: 6s/s

A manhã se mostrava tranquila. Segundo o noticiário a ultima quinzena do inverno estava prestes a chegar. Poderia considerar estar no meio da estação e o clima não podia ser pior. Estranhamente, resolvera nevar no dia. Como não tinha missões resolvi me concentrar nos estudos, enquanto tinha Mew, meu pequeno gato, em meu colo.

No entanto sabia que não podia levar a vida ninja daquela maneira. Já fazia algum tempo desde o meu ultimo treinamento e isso acabou deixando meu corpo um tanto mole, despreparado. Tinha planos do que faria a seguir, mas antes era necessário obter maior conhecimento.

Era necessário desenvolver mais minha carreira ninja. Precisava de maiores habilidades se o meu objetivo era proteger aqueles a quem eu amava. Desde minha ultima missão sentia algo diferente com relação ao meu elemento principal, o Raiton. Quando fiz uso de sua técnica ela havia parecido mais... fraca. Logo, percebi que podia ser falta de prática.

Quando estava prestes a sair de casa, não antes de um café da manhã reforçado, Mew parecia querer ir comigo, logo, peguei o pequeno felino em minhas mãos e, juntos, fomos para o campo de treinamento. Estava muito frio para uma subida até as montanhas, por isso, resolvi ir para o que havia na vila mesmo.

O local estava deserto, parecia que os ninjas não estavam dispostos a treinar em meio a neve. Eu apenas deixei minha mochila ao lado e estendi um pedaço de pano, para que Mew ficasse e o cobri com algo quente. O clima não era o melhor, mas seria o bastante para o treinamento.

Me coloquei a meditar. A percepção era algo fundamental para qualquer treinamento, precisava sentir o ambiente ao meu redor, o chakra fluir do meu corpo e ser transformado. Os flocos de neve que caíam sobre meu corpo tentavam tirar minha concentração. Manter a calma era necessário.

Em minha mente, como sempre havia feito antes, imaginava minha mão controlando a eletricidade. O chakra, que queimava em minhas mãos, se transformando em energia. Tudo que minha mente projetava era a escuridão e, no meio desta, flashes de luz, não, de raios surgiam. Era necessário me tornar um com a natureza naquele momento.

Quando abri meus olhos a eletricidade estava na palma das minhas mãos, parecia que havia voltado a dominar o elemento. Nada que um pouco de prática não resolvesse. No entanto, não sentia como se a força daquela manipulação era a mesma de antes.

Ao meu levantar e alongar meu corpo um fenômeno estranho aconteceu. O pedaço de solo que eu estava se elevou, como se eu houvesse feito tal manipulação. Mew, com seu olhar sereno, me encarava. Tudo que eu tinha eram dúvidas


Informações:

Considerações:
• 447 palavras

• Treinamento de Segundo Elemento: Raiton

Armas:

Tanto:


Tantō
Local: Presa na cintura
Descrição: Um tanto (短刀) é simplesmente uma pequena katana. Vários chūnin, médico-nin, e shinobi de Konohagakure quando vai para a batalha usá-los amarrados nas costas inferiores. Os usos versão de raiz são dois gumes e não têm ponta, destinado somente para o corte e defesa. Eles carregam o tantō verticalmente na parte de trás especificamente atrás do ombro, Sai é um dos mais notáveis que usa o Tanto, que ele carrega nas costas por trás do ombro direito. Sakumo e Kakashi Hatake - depois de herdar-lo - realizado um Tanto especial, conhecido como o White Light Chakra Sabre. Gamabunta e Gamakichi também carregam estes, embora versões gigantescas que se encaixam seu tamanho.[/b]

Buraidaru:


Compartimento de Chakra Raiton: [000/250]
Nome do Item Buraidaru (ブライダル)
Loca: Costas
Espécie: Raro
Rank: S
Descrição: Uma grande massa de guerra com imenso poder destrutivo e defensivo. Criada a partir de uma lenda local, disseminada em um pequeno vilarejo, Buraidaru foi a grande realização de dois irmãos gêmeos, que desejavam para si o poder dos elementos. A lenda tratava do cajado que o deus dos raios dera para sua mais amada concubina - para protegê-la contra as chuvas de raios que incineravam com as casas - e que foi usado para o seu assassinato pelas mãos da mulher, que aproveitou um momento intimo dos dois para realizar a ação. A mulher fugiu com seu verdadeiro amor e jamais foi vista. Os locais diziam que o amor do deus pela mulher era tão grande que, mesmo após a morte, seu espirito residiu dentro da arma e protegeu sua dona contra as tempestades.

Habilidade: Possui um compartimento interno capaz de absorver parte do Chakra de técnicas do elemento Raiton, reduzindo em 50% o dano das técnicas que vão até Rank B e 25% das de Rank A e armazena o chakra obtido dentro de si. O limite do Chakra armazenado é 250 e apenas pode ser utilizado para a realização de técnicas elementais (Raiton) ou próprias da arma - sendo que estas consomem toda a reserva em um único ataque. No entanto o consumo não é o mesmo que de um ninja. O custo para realizar uma técnica é o dobro de sua base e possui a limitação de apenas reproduzir técnicas até o Rank B.Somente é possível realizar técnicas de Rank A caso o usuário possua pericia elemental e, devido ao custo de chakra da arma, técnicas de Rank S - não próprias da arma - são impossíveis de serem reproduzidas. Qualidades não afetam o consumo de chakra da arma, pois pertencem ao usuário e não as engrenagens da maquina.

Técnicas Usadas:



Custo de Chakra c/ Grande Controle de Chakra:
Rank E: 00
Rank D: 08
Rank C: 19
Rank B: 38
Rank A: 75
Rank S: 150
Rank -: 57


_______________________


Ficha | Banco | Fillers | Timeline
C.T | C.I | C.J | M.S| M.F

Discord: Orpheu#1010
avatar
Genin
Genin
Ver perfil do usuário
Re: [Treinamentos] Jin - em Qui 30 Ago - 18:54

@

_______________________






i'm still a human being

avatar
Heroína || ANBU
Heroína || ANBU
Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

resposta rápida

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto RPG Akatsuki (c) 2010 — 2018
Layout por Dorian Havilliard e Akeido.