>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, mas simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 70DG
Hanatarō olha para a vila do topo do prédio do Departamento de Pesquisa. Há dois anos era uma salinha no fim do laboratório geral da vila, agora tinha seu próprio prédio tão alto quanto o próprio escritório do Kazekage. Hanatarō sorri vendo as pessoas andando felizes na nova vila construída graças aos avanços científicos realizados com a inteligência de Takura, sua mentora. Antes, ele só via uma vila pobre, com construções de areia frágeis, com um horizonte desértico, dependendo de outras vilas, inclusive de Konoha, para conseguir sobreviver, mas agora... Sunagakure estava grandiosa novamente e tinha comprado sua independência. As construções ainda tinham porções de areia, mas eram forjadas em metais nobres, em ouro, em prata, criando grandes casas e prédios. As lojas estavam cheias de especiarias únicas, pois o trabalho de encontrar certos ingredientes se tornou muito mais prático desde que a vegetação voltou a florescer nos arredores da vila; onde antes era só deserto agora possuía vielas de relva, florestas, rios e uma fauna cheia de roedores, mamíferos e carnívoros.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno

Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

[Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qui 2 Ago 2018 - 12:09







Julian, é um genin diferente de muitos outros em relação a família tradicional, o mesmo foi criado pelo seu avó, após a morte de seu pai o que fez, com que o jovem se tornasse calmo e calculista em diversos fatores que pudessem vir a calhar para ele, o mesmo estava em casa, tomando café da manha com seu avó quando fora chamado para uma expedição que duraria quatro meses, quatro meses longe de casa, o mesmo sendo um ninja sabia que as vezes era necessaria tais obrigações, assim, como seu avó também sabia.

- Considerações -

Comece narrando a introdução da historia e de como sera a reação de Julian e seu avó, ao saber que seu neto ficara fora de casa por quatro meses em uma expedição de espionagem para longe da vila, possuindo até mesmo risco de morte para seu personagem, leve em conta seus defeitos e qualidades e tambem o contexto geral do que quer aprender e não esqueça de postar a descrição da arma, pois a expedição de espionagem pode ser referente a ela.


Objetivos:
Caminho da Arma Lendaria - 10 Posts
Qualidade Perito Elemental: Raiton - 10 Posts
Caminho da Cura - 10 Posts
Suiton no Jutsu - 300 Palavras.



-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qui 2 Ago 2018 - 20:14


O engatinhar da expedição

Os ventos serpenteam e causam ruídos às janelas da casa humilde de dois andares, à moda japonesa, onde residiam Julian e seu avô. Boa parte da limpeza diária já havio sido feita, a residência brilha de tão limpa, enquanto os dois tão próximos avô e neto, se divertem ao lançarem piadas e zombarem um ao outro, em um clima amistoso e leve. Era uma relação de parceria acima da média, discutiam sobre tudo e todos, treinavam juntos, arrumavam a casa juntos e no fim aprendiam juntos a cada dia, de repente o que podemos chamar de verdadeira família. Graças a tudo isso, sem dúvidas, Julian se tornou o garoto dedicado e forte, firmes em seus princípios e devoto à arte de absorver sempre o máximo cada oportunidade que a vida lhe dava. Foi assim que recebeu a notícia do requerimento de uma expedição, a terras distantes de Konoha, na incubência de completar certos objetivos, predifinidos na carta recebida. Apesar da expedição lhe custar 4 meses fora das redondezas da vila e longe do seu avô, seus olhos brilhavam e o coração palpitava incitado, de certo, pelas aventuras futuras. O avô, experiente em caminhos ninja, reafirma sua posição favorável, entretanto, lhe adverte aos riscos e às chances únicas, antes que o neto se prontificasse e partisse, carregando o mínimo necessário no corpo e o máximo necessário na mente. Iniciava por si só a nova jornada, permanecendo a passadas médias, e sentidos em total alerta, mantendo o ritmo favorável o bastante para uma viagem longa até o destino designado. O chiclete é característico em seus dentes, mordiscado de tempos e tempos, para assim liberar seu sabor viciante de açúcar, e saciar o tique do jovem genin.

Julian Kyor: 500/500 ; 500/500 ; 0/4

Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.

10/10 Kunais ; 10/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Sex 3 Ago 2018 - 10:29



Historias Noturnas


Julian e seu avô chegaram a um acordo e o jovem Genin pode sair da vila para sua expedição, era um lugar distante e por isso o tempo estimado para  duração da mesma, não demorou muito para que o jovem chegasse até os portões de Konoha, ao chegar lá, o mesmo notou alguns jovens com seus pais, alguns apenas com mães e ele estava com seu avô, um time foi formado para aquela expedição; Dois Genins, um Chunin e um Jounin da Elite de Konohagure no Sato, descendente de um poderoso clã - Ola jovens, meu nome é Katsuke, irei liderar vocês até a expedição e espionagem, como, são menores de idade preciso que seus responsáveis assinem esses papeis, assegurando que caso aconteça algo, foi escolha deles deixa-lo partir, lembrando que é uma expedição perigosa e vocês tres forma escolhidos a dedo por suas habilidades e o quanto podem vir a crescer durante a missão, no caminho, ensinarei jutsus e habilidades aos que forem, para serem usados durante toda a jornada ninja de vocês - Katsuke entregou os formulários e esperou que todos assinassem.

- Considerações -

Conheça seu time. Não sei se você conhece algum npc em on que quera colocar no mesmo, vai apenas de você. Escola o nome do Genin e do Chunin que irão lhe acompanhar, um deles é uma garota da sua idade (Genin) e o Chunin é um garoto de apenas 8 anos. Pode fazer uma narração em relação a isso tambem. Após isso partam em direção leste.


-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Sex 3 Ago 2018 - 22:37


O engatinhar da expedição

A caminhada a ritmo normal me direcionaria a princípio ao arredores da vila, mais precisamente à última localidade antes de sairmos do vilarejo, e os enormes portões imponentes como são, decoram a entrada principal da nossa majestosa vila. Silhuetas se afeiçoam e me pareciam esperar o último remanescente chegar, o jovem genin junto de seu avô. O acerto de algumas burocracias barrava, também nossa ida, a exemplo algumas questões como assinatura de responsabilidades por parte de nossos familiares. O olhar captava três figuras cada qual com sua feição característica, cujas aparências indicavam um bem mais velho, outro bem mais novo e o outro....
Um conhecido....de uma das minhas missões, a imagem me traz à luz o jovem prodígio de Konoha, suas habilidades particulares eram bastante interessantes, eram raras vale ressaltar, se me recordo, era um bunshin-nin de grande valor. Na época, me doía ver sua imaturidade, seus princípios rasos e toda a confusão que causou, por motivos infantis. Por sorte, minhas palavras lhe surtiriam efeito, sobretudo, se lhe causou uma profunda transformação, me traz felicidade participar de algo junto a ele, sinto que posso lapidá-lo ainda mais. Acredito que podemos fazer uma boa parceria, frente a qualquer que seja o desafio. Prontamente ao ver o garoto Hiraki, cumprimento-o e sigo a cumprimentar os restantes, em um gesto formal, me apresentando e esperando o mesmo dos referidos ninjas.
--Olá Julian, sou Fujiko Merns, sou chunin !
--Olá Julian, sou o jounin responsável por essa missão, é um prazer !
Dada a situação o conhecer das particularidades de cada seria interessante, conforme o andamento da referida expedição, já assinada por nossos familiares. Palavra vai, palavra vem, apresento minhas características, e indico as minhas artes dominantes, o ninjutsu e o genjutsu. Inviarávelmente, imponho estes estilos para compensar meu taijutsu nada excepcional. Posteriori à rápida descrição dos colegas de expedição, creio ter passado tempo suficiente para podermos iniciar nossa jornada.

Julian Kyor: 500/500 ; 500/500 ; 0/4


Detalhes:
1-  A maioria das minhas missões em on foram solo enfrentando bandidos, porém há uma vírgula, e essa virgula é o referido genin que enfrentei durante uma das missões, e gostaria de criar uma interação com esse npc. Enfrentei aqui( http://narutorpgakatsuki.com.br/t60034-c-desafio-ninja-julian-kyor#414421 ) -- tem todas as informações

2-  O jounin não me atrevi a colocar o nome pois tu havia falado que era de um clã importante, então creio ser melhor que você fale. Sobre o chuunin, criei o nome como você pediu, de resto, não é indicado que eu defina as habilidades dos colegas, então deixo a seu cargo, salvo a situação do meu conhecido que já mostrou suas habilidades na minha missão.
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.

10/10 Kunais ; 10/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Sab 4 Ago 2018 - 10:13



Historias Noturnas



As apresentações foram feitas, todos os papeis foram assinados e agora todos saiam para a longa jornada ninja em busca do item perdido, o que não se sabia até o momento era que aquele que se destacasse mais ficaria com esse item, isso só seria dito ao final da expedição, quando o jounin dissesse qual dos trés teria ganho. Os quatro saíram e caminhavam, o mais novo, parecia o mais sábio dos trés e possivelmente seria destaque, tanto que quando foi pedido para pescar no lago o mesmo fez com que toda a água subisse aos céus e utilizou sua velocidade para pegar uma quantidade imensa de peixes que durariam ao minimo trés refeições. O outro preparou a fogueira com sua habilidade em Katon, mas e Julian? Quais seriam suas habilidades? era o unico que até então, não havia demonstrado nada até o momento, tudo, foi anotado pelo sensei em uma caderneta que ele carregava consigo - Existe algo que vocês queiram aprender? - disse o mesmo esperando respostas - Ensinarei uma habiliade para vocês e ficaremos acampados aqui até que todos consigam dominar a habilidade escolhida e logicamente pode-se diferente da do colega. -

- Considerações -

Demonstre algo em relação a pesca e depois converse com seu sensei, o mesmo vai ensinar tudo que você pediu e a ordem do aprendizado sera de acordo com a que você achar melhor. Após citar o que queres aprender; cite o inicio do aprendizado.


-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Sab 4 Ago 2018 - 13:00


A breve competição

A expedição toma seus passos iniciais, percorremos um breve caminho a pé até chegarmos a um localidade próxima de um rio, o sol forte incomoda nossos olhos e nossa pele, era o auge da insolação, portanto, se fez preferível um pequena pausa, onde pudessemos repor a alimentação e evitar a calorosa estrela solar. Ávidos e prestativos, os meus colegas se atiram a expor suas qualidades ninjas, na medida que em coordenação faziam esforços para coletar peixes e preparar um fogueria os coziria, a quantidade se mostra necessária a um dia de caminhada, no entanto, a situação pressentia também avaliar cada participante daquela jornada, quanto a suas capacidades, bastava olhar as atitudes do jounin, quando tira da mochila um caderno e uma caneta, logo em seguida, escrevendo frente às atitudes dos outros garotos.
O orgulho não permitia tal afronta, todo sentimento competitivo aflora em minha epiderme fervorosamente, e em um lento suspiro, raciocino suavemente, logo traçando uma ação... Em poucos segundos, antes mesmo que os peixes dos garotos pudessem ser um a um colocados na fogueira, traria um enorme quantidade deles já fritos, sobretudo, separando e entregando a cada parceiro 3 amostras comíveis, enquanto, armazeno o restante em um bolsa grande que trazíamos. Por razão de dois jutsus cooperativos, Julian, sutilmente invoca uma poderosa corrente de puro raiton, que percorre em ínfimos milésimos de segundos a distância até o riacho, eletrocutando bruto os cardumes ali presentes, matando-os e ao mesmo tempo os fritando até estarem no ponto perfeito da carne, como os masterschefs gostam. Ao mesmo tempo, prolongações ágeis e versáteis os recolhem aos montes entregando-os aos parceiros e ao jounin, além do mais, ponho alguns em armazenamento para o restante da viagem, em contrapartida, ao trabalho braçal que os outros colegas fizeram, isso pouco me custa tempo ou esforço, cuja efetividade beira ao absurdo.
As barrigas enchem, os arrotos e soluços claramente indicam uma refeição boa além da conta na qual também emendo um chicletinho de praxe. Na sequência, ao ameno enfraquecimento do sol, o jounin nos conta como funcionará as coisas nesse início de expedição, e paralelamente contamos nossos objetivos ao jounin, dentre eles, menciono o desejo de me especializar na natureza elemental raiton, por ora...

Julian Kyor: 500/500 ; 424/500 ; 1/4


Detalhes:
1-  Negligenciou boa parte do que escrevi, caramba...mas tudo bem, bola pra frente.
Fiz como requisitado em suas considerações, utilizei um jutsu pra matar e fritar os peixes numa levada só, e logo em seguida utilizei outro pra lhes entregar o alimento de forma separada para cada um, na pegada de um chef a mostrar seu pranto principal, antes mesmo que terminassem de fritar os seus, ou seja, na alta velocidade que os jutsus me permitem ter, em detrimento das ações simplórias e lentas dos outros ninjas.
2-  Vou querer a pericia elemental primeiro
3-  Subtrações de HP, CH( jutsu rank B 50-[25%]=38 ) e ST feitas
Jutsus:


[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Raiton+Jibashi

Raigeki
Rank: B
Descrição: O utilizador cria uma corrente eléctrica que pode atingir várias pessoas ao mesmo tempo. Além disso, ele pode estender a corrente até distâncias incríveis e pode evitar obstáculos. Percorrendo no máximo quarenta metros de distância.



LAS MANTAS NKES


Ao conjurar chakra para seu kimono preferido, especificamente, nas mantas de seus braços (2), Julian, aprimorou sua natureza, conjurando-as para extender em até 5 m, ter ações controladas pelo chakra do usuário, rapidez e movimentos fatais. As mangas do kimono adquirem toda a flexibilidade uma cobra e, toda a afiação e resistência de uma lâmina de metal. Pode ser usada para capturar e estrangular adversários, perfurar ou cortar, e como uma lâmina, defender ataques de armas. 10 CH por turno.
Nota: Possuo Grande Controle de Chakra
Rank: C
Selos: Macaco (1 só, por causa da habilidade acima)Duração: Ativação e gasto por turno




Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.

10/10 Kunais ; 10/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Seg 6 Ago 2018 - 13:34



Historias Noturnas


Julian foi claro que queria aprender mais sobre Raiton, foi anotado na caderneta, outros dois queriam suiton e katon. O sensei olhou atentamente para os tres que estavam a poucos metros de distancia dos tres, o mesmo puxou uma kunai e atirou em direção aos trés esperando uma reação - Ataquem com aquilo que querem melhorar - Foram as ultimas palavras ditas enquanto as kunais avançavam. Hikari fez selos em velocidade incrível e criou dois kage bunshins, um dos Kage bunshins atirava uma kunai para rebater a Kunai do Sensei, porem, a Kunai atravessava a outra se manteve-se avançando, aquilo foi interessante, os bunshins avançavam em direção ao sensei pelas laterais e criavam uma especie de chicote de fogo que ia em direção ao mesmo para prende-lo. Fujiko Merns o prodigio de konoha bateu as mãos aos solos criando uma poça d'agua abaixo do sensei que fazia com que ele começasse a afundar;


- Considerações -

- Ataque - A defesa da kunai fica a seu criterio a mesma é um jutsu rank D chamado de Arma fantasma e não causa danos.


-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Ter 7 Ago 2018 - 1:46


Ferocidade e Estratégia

Acompanhando o ataque do Fujiko, instantâneamente, toco o solo lançando uma rápida e poderosa descarga elétrica, versátil a ponto de fugir de qualquer que seja o obstáculo e perseguir assim o jounin, somando sua natureza à do chuunin, suponho uma cooperação mútua e eficaz. Na medida que o ataque se deslocava, Julian, não se contentava com apenas isso, e sendo o estrategista de sempre, multiplica-se em dois afterimage clones, desmaterializando o tempo mínimo necessário a evitar a kunai e projetar seus clones em máxima velocidade nas costas e no apoio aéreo do jounin, que lançam em paralelo à descarga antes aplicada, lasers em ângulos totalmente incômodos, ataque sufocante o bastante para acertar o adversário em suas tentativas de esquiva. A desmaterialização e materialização constante impede uma previsão ou cálculo da trajetória dos ataques.
Ataques em conjunto, somando um cerco e uma compatibilidade de naturezas, resulta em um ataque avassalador, cobrindo brechas e obrigando o jounin a revelar seu poder máximo, caso contrário poderia se machucar.

Julian Kyor: 500/500 ; 272/500 ; 2/4


Detalhes:
1-  Ataques coordenados junto ao dos meus colegas para somar e não atrapalhar. Quanto a alguma duvida sobre o afterimage, quando crio os clones e os mando a suas posições, me desmaterializo nesse momento e a kunai passa por mim, depois estando materializado em um dos clones nas costas do oponente lanço um jutsu de raiton, no mesmo tempo que o chicote de fogo, a poça d'água e minha descarga. Daí sãos tiros aos montes vindo de cima e das costas cobrindo qualquer fuga, e somando dano, enquanto os clones se materializam e desmaterializam = tiro de cima, tiro das costas, tiro das costas, tiro de cima. O jutsu tem dois modos, usei o de atirar vários lasers invés de um só(+poderoso).
2-  Tudo é uma tentativa
3-  Tudo feito na minha velocidade máxima + shunshin
4-  Mesmo que não aconteça exatamente como eu tentei supor, a base da ação acredito estar clara, logo ações próximas podem ser logicamente feitas
5-  Subtrações de HP, CH( jutsu rank B 50-[25%]=38 ) e ST feitas
Jutsus:


[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Raiton+Jibashi

Raigeki
Rank: B
Descrição: O utilizador cria uma corrente eléctrica que pode atingir várias pessoas ao mesmo tempo. Além disso, ele pode estender a corrente até distâncias incríveis e pode evitar obstáculos. Percorrendo no máximo quarenta metros de distância.

Raiton: Gian 
Rank: B
Descrição: Através de sua máscara de Raiton, Kakuzu emite raios em forma de uma lança de sua boca, este que, em seguida, perfura o inimigo. Seu poder destrutivo é grande o suficiente para até mesmo perfurar através de rochas; o que significa que tem um potencial altamente mortal. O utilizador pode aumentar o número de lanças para atacar vários inimigos. Isso, juntamente com a velocidade comum do relâmpago, faz com que seja uma técnica difícil escapar. Esta técnica é capaz de ser focalizada em um feixe linear, semelhante a um laser.

Afterimage Clone
Rank: B
Descrição: Shisui usa a técnica de movimentação corporal e move-se ao redor, criando várias imagens residuais. Com sua velocidade, ele pode mover-se por entre as imagens residuais, e entregar os ataques de cada um deles, cada um deles possuindo massa por dentro deles. Se for atacado, ele se move para fora do caminho, deixando o ataque de seu oponente passar por uma de suas imagens residuais.
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.

10/10 Kunais ; 10/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qua 8 Ago 2018 - 12:29



Historias Noturnas


O Jounin ficou surpreso com o ataque de seus alunos, foi interessante o modo avalassador que todos atacavam o mesmo com a tentativa real de mata-lo. Em um unico movimento o mesmo fez um selo e utilizou o Kawarimi no Jutsu para escapar, colocando um tronco de arvore no lugar, apareceu acima de um galho de arvore, fez selos de mão em velocidade maxima e as esticou disparando raios em direção a todos os tres membros de konoha presente, o jutsu ocupava uma grande area. Hikari esticou as mãos nesse exato momento e absorveu a rajada de raiton que vinha em sua direção, Fujiko utilizou uma habilidade para adentrar as sombras de Hikari e assim estava protegido do ataque do Jounin, agora, apenas Julyan faltava demonstrar defesa.

- Considerações -

Defenda-se agora. O Post é livre. O jutsu usado pelo Sensei é Raiton: Sandboruto, normalmente ele é rank A, mas ficara a um Rank baixo para que você possa defender do mesmo. Em relação a MP, as coisas tem que andar com calma para se fazer algo realmente bom, nesse caso, fica a seu critério querer outro narrador ou não, até porque, não sou narrador sou apenas interino.

-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qui 9 Ago 2018 - 19:20


Ferocidade e Estratégia

O brilho azulado e singelo, vindo abruptamente da escapada surpreendente do Jounin, direcionado ofensivamente em nossa direção viaja perigosamente, exigindo uma ação imediata para defendê-lo. Na formação iminente de selos, os raios dificilmente passarão a uma defesa bem sólida e resistente de puro chakra, criada velozmente por Julian, seria isso o bastante para livra-lo do ataque. Todavia, o jeito ninja de Julian Kyor o faz criar um contra-ataque simultâneo ao ataque do homem, de maneira tal que no instante do embate ataque-defesa, ele já preparava selos e atirava três kunais junto a um selo explosivo cuidadosamente enrolado no cabo a fim de ser escondido. O arremesso foi feito no exato momento que o ataque é refutado pela defesa, e por sua particularidade permitir defesa de fora e ataque de dentro, diminui assim bastante o tempo de reação do jounin, o qual recebe paralelo a seu ataque as afiadas e explosivas armas, prontas pra explodir próximas a ele.
Supondo uma esquiva do referido ninja, Julian disparará um forte e concentrado tiro de raiton, em uma sincronia perfeita o suficiente para pegá-lo de surpresa, é reduzir a quase zero sua chance de não ser atingido.

Julian Kyor: 500/500 ; 196/500 ; 3/4


Detalhes:
1-  Kawarimi não defende técnica rank B, mas tudo bem. Eu fiz um pedido a você na mp, tu faz como bem entender, só peço bom senso.
A defesa e o contra-ataque creio estarem entendíveis, qualquer coisa pode mandar mp.
2-  Tudo é uma tentativa
3-  Tudo feito na minha velocidade máxima + shunshin
4-  Mesmo que não aconteça exatamente como eu tentei supor, a base da ação acredito estar clara, logo ações próximas podem ser logicamente feitas
5-  Subtrações de HP, CH( jutsu rank B 50-[25%]=38 ) e ST feitas
Jutsus:

Raiton: Gian 
Rank: B
Descrição: Através de sua máscara de Raiton, Kakuzu emite raios em forma de uma lança de sua boca, este que, em seguida, perfura o inimigo. Seu poder destrutivo é grande o suficiente para até mesmo perfurar através de rochas; o que significa que tem um potencial altamente mortal. O utilizador pode aumentar o número de lanças para atacar vários inimigos. Isso, juntamente com a velocidade comum do relâmpago, faz com que seja uma técnica difícil escapar. Esta técnica é capaz de ser focalizada em um feixe linear, semelhante a um laser.

EL CASCO DEL COLOSSO

Utilizando-se do seu grande controle em chakra, Julian Kyor, o faz emanar do seu corpo e o reunindo largamente no ambiente que o rodeia, tece selos que o endurece transformando-o em um capacete medieval que rodeia uma área ao redor de Julian de 4 metros de diâmetro e 3 metros de altura, cobrindo-o e protegendo-o com uma defesa bem efetiva para parar ninjutsus mais avançados.
Nota: Possuo Grande Controle de Chakra
Nota²: Obedece a regra de defesa de jutsus
Nota³: Ataques de fora para dentro são defendidos, mas ataques conseguem sair de dentro para fora.
Rank: B
Selos: Cachorro, dragão e cobra (3 só, por causa da habilidade acima)
Duração: 1 turno
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.

7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Sex 10 Ago 2018 - 18:14



Historias Noturnas


Um contra-ataque fora feito. O sensei apenas esticou a mão lambeu os lábios e abosrveu o chkara com grande falicidade - O meiton suga o chakra - todo o chakra de Julian fora defendido com um simples levantar de mãos, não sabia se o mesmo iria se impressionar com aquilo ou não, mas o sensei apenas parou e balançou a cabeça sentando-se ao solo - Vamos parar por aqui, Julian, você é um ótimo usuário de Raiton, gostaria que me mostra-se mais algumas coisas enfrentando Hikari apenas utilizando raiton, como, vi o mesmo utilizou uma habilidade semelhante a minha para defender meu ataque, logo, sabemos que ele conseguira defender com facilidade, bom, enquanto isso irei fazer as anotações e ver no que ambos devem melhorar - O mesmo pegou a caderneta e passou a escrever - Comecem -

- Considerações -

Eu botei um jutsu rank A, de baixo rank para você conseguir se defender, eu poderia usar um Rank D e defender os ataques com facilidade, sou narrador, não sei se você sabe como é isso. Como eu disse, as coisas tem que se encaixar diretamente, esta lento? Mas esta acontecendo, você esta quase com habilidade em Raiton já, fica a seu criterio apenas.

-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Sex 10 Ago 2018 - 23:31


Ferocidade e Estratégia

Um face sinistra e poderosa se revela do nosso instrutor, tanto é que seus movimentos singelos e simples, retaliam com facilidade minhas ações. Na medida que, observo e compreendo toda a situação, tenho para mim o uso de uma técnica de absorção, rara podemos assim dizer, ao menos em minha curta vida ou nas várias histórias que li até agora. De qualquer forma, meu novo objetivo foi traçado e comandado, o cansaço físico foi intenso frente às seguidas investidas, expelindo meus poderosos raios azulados frente a cada novo obstáculo, entretanto, a adrenalina causa-me uma final motivação, as veias se revelam e meus olhos fintam o novo adversário, bolando uma gama de planos, contudo, definindo um. Um último suspiro, separa-me do Hiraki, avanço sem medir esforços embora soubesse da sua alta velocidade, superior à minha, apesar de saber ser possível me esquivar de seus movimentos. Um afiado e barulhento chidori, exprime sua beleza mortífera, traçado em vertentes perigosas a caminho do coração do rapaz. Nossa distância era curta, e o chidori logo afrontaria-o, a diferença primordial revela porém uma falha no percurso, afinal, tropeço em uma pedra e revelo total vulnerabilidade um pouco antes de me aproximar do garoto, descendo junto à destra que agora mira o chão. O garoto com certeza buscaria mostrar serviço e vingar uma anterior batalha dentro de uma de minhas missões, todas as possibilidades indicavam uma derrota de Julian, agora cansado perante um gasto elevado de energia durante o treinamento, a brecha imensa daria essa derrota, já que Hiraki o finalizaria, diante do Kyor que cairia de cara no chão.
Independente como seu ataque se configuraria, aquele distância curta apenas necessitaria de um taijutsu, kenjutsu ou ninjutsu de curto alcance, outras possibilidades podiam tirar a grande chance recebida. O relógio passaria a ponteiros calmos, e o garoto projetaria seu ataque, 3m, 2m, 1,5m, 1m...faltando poucos instantes para esse ataque atingir Julian, o chidori antes totalmente conjurado nas mãos sumiria, e...
Explodindo em alcance e área, o chidori envolveria todo o meu derredor, incluindo áreas muito além de Hiraki, que enquanto se dedicava a aplicar o ataque, dificilmente conseguiria conjurar a tempo um contraprova de absorção, o seu tempo de reação seria diminuido ao extremo, a surpresa feita precisamente a ele, envolvia todo meu cálculo e raciocínio, envolvia toda minha inteligência. A ideia era que antes que pudesse ativar a absorção, levasse dano suficiente para paralisar frente a uma poderosa técnica rank A, o que permitiria uma brecha suficiente para rendê-lo com um kunai em seu pescoço.

Julian Kyor: 500/500 ; 46/500 ; 4/4


Detalhes:
1-  Ser narrador não lhe permite ultrapassar as regras de batalha, muito menos a dos jutsus, em nenhuma hipótese do rpg um jutsu rank D pode ser método de esquiva de um rank B. Além do mais, isso dificulta meu crescimento, pois fico lutando com ninjas irreais, que podem ultrapassar os limites que eles quiserem(o que nunca vai acontecer de verdade), e nunca vou ter assim um aprendizado decente para quando estiver numa pvp. Eu preciso saber quais serão as coerentes táticas de defesa do adversário para ir aperfeiçoando meus ataques, se você ficar fingindo mentiras só pra achar maneiras fáceis de se defender, dizendo que narrador pode ir além de qualquer limite ou regra, aí é melhor dizer que isso aqui não é ON. Só lhe peço bom senso meu caro.
2-  Tudo é uma tentativa, enquanto tropeçava e caia com o chidori, meu corpo bandeava para o lado, dando as costas e todo um torso e pescoço vulneráveis a um ataque, suponho que pela facilidade e coerência do teatro, o garoto sabendo que eu já havia gasto chakra demais, atacaria por razões ditas no texto, e para provar seu poder. Como eu caio meio que de banda, tento esconder ao máximo minhas mãos e braços, para a realização de selos escondido, se ele olhasse atentamente aos braços escondidos parecia que eu tentava me equilibrar frente ao tropeço e não realizar selos. Supondo que ele aproveitaria a brecha, por todas as razões que disse, ele atacaria e quando estivesse chegando próximo de atingir, liberaria de vez todo o poder do chidori Nagashi, supreendendo-o, diminuindo se possível o máximo do seu tempo de reação, inclusive, para tirar ao máximo o tempo em que poderia tentar absorver e antes disso ser pego por raios paralisantes. O restante é autoexplicativo.
3-  Tudo feito na minha velocidade máxima + shunshin
4-  Mesmo que não aconteça exatamente como eu tentei supor, a base da ação acredito estar clara, logo ações próximas podem ser logicamente feitas.
5-  Subtrações de HP, CH( jutsu rank A 100-[25%]=75 ) e ST feitas
Jutsus:


[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. D51a22cc88434005286d88f5dbeda96082839e62_hq

Chidori
Rank: A
Descrição: O Chidori é a primeira técnica original de Kakashi Hatake, apesar de ele agora usar uma versão rank-S conhecido como Raikiri. Ele a criou em torno do tempo em que ele foi promovido a Jōnin, e mais tarde ensinou a Sasuke Uchiha. Este jutsu se trata de acumular uma grande quantidade de chakra Raiton na mão do usuário. A quantidade de chakra é tão grande que se torna visível. A alta concentração de energia elétrica produz um som que lembra muitos pássaros gritando, daí o nome. Uma vez que a técnica seja concluída, o usuário carrega dispara e leva o Chidori até alvo. Isso produz grandes quantidades de dano que são normalmente fatais. Essa técnica é classificada como uma técnica de assassinato por causa da velocidade com que é realizada, apesar do barulho que produz. Como mostrado contra Killer B, o Chidori também pode ser usado para simplesmente dar ao adversário um grande choque eléctrico sem empalá-lo.


[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Tumblr_lsletoIYKs1qlrkexo1_500

Chidori Nagashi
Rank: A
Descrição: Este é um ninjutsu desenvolvido por Sasuke durante seu treinamento com Orochimaru. Ao liberar o Chidori em todas as direções, uma descarga elétrica flui de todo o corpo do usuário permitindo que ele afete vários inimigos. Ao usar este ataque a um grande número de inimigos ao mesmo tempo, ele pode efetivamente usá-lo como uma defesa imediata. O corpo da pessoa tocada pelo Chidori vai interpretar erroneamente a natureza relâmpago como "sinais elétricos dos nervos", contraindo seus músculos. Isto causa uma rigidez involuntária do corpo, enquanto ao mesmo tempo recebe o dano. Esta técnica também pode ser canalizado através do solo para aumentar o alcance do ataque.
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.

7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Seg 13 Ago 2018 - 14:55



Historias Noturnas



O sensei observou atentamente o ataque, viu que o Raiton de Julian era forte o suficiente para matar Hikari caso o mesmo tentasse absorver com sua habilidade de chakra Kuyn. Mas não temeu, qualquer coisa, usaria sua velocidade e pararia Julian, mas o garoto fora esperto e em poucos segundos conseguiu render seu companheiro com uma kunai no pescoço, Hikari apenas se desfazia em um Bunshin, após milésimos de segundo quatro clones apareciam em volta de Julian com kunais em seu pescoço - Você esqueceu que sou mestre em Bushinjutsu, Julian? - Falava Hikari com tom de Deboche, um segundo se passou e todos os quatro clones foram desfeitos e Hikari saiu de dentro do lago. - Que coisa em - O Sensei anotara tudo, barracas foram feitas para haver descanso, todos, iriam treinar pela manha.

- Considerações -

Ontem era feriado cara, dias dos pais e eu tenho Filho, nem abri sua MP reclamando da demora em relação a ontem, se você quer aprender, vou lhe ensinar daqui pra frente. Não baixarei mais rank de Tecnicas e nem usarei tecnicas de baixo rank para defesas, sera tudo, como é nas proprias regras, caso queira continuar. Narra sua reação devido a derrota para Hikari, monte as barracas e o resto é livre. Seu Ch e ST zeram.

-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Ter 14 Ago 2018 - 18:05


Descanso

Claramente havia sido uma infantilidade em meu movimento, apesar de ter atingido o objetivo de cumprir o que me foi designado, mostrar meu raiton e anular o meiton do jovem colega. Negligenciei algumas precauções e definitivamente mereci a atual derrota. Os olhos do jounin estavam bastante atentos a cada intenção e ação, que o levam a anotar frequentemente em seu caderninho. A agitação foi bastante para um dia, as mãos amarram e alinham pedaços de madeira e panos, em construção de um razoável barraca dentro daquele espaço, uma vez que iriamos passar um longo período em tais redondezas.

Julian Kyor: 500/500 ; 46/500 ; 3/4


Detalhes:
Foram quase três dias de demora, e não é a primeira vez. A mp que você desrespeitosamente n leu, não é reclamando é falando que vou pedir outro narrador. Não estamos tendo um prosseguimento saudável e produtivo no meu ver, já fiz o pedido na área de solicitação de narradores. Desculpa se fui grosso em algum momento, é isso.
Ao novo narrador, espararei a mp pra discutirmos alguns detalhes e mudanças.
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.

7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qui 16 Ago 2018 - 13:35



Historias Noturnas



Hikari se aproximou de Julian, não tinha intenção de causar nenhuma desavença, apenas de fato conversar sobre a luta, chegou rindo e coçando a cabeça enquanto juntava gravetos para a fogueira com uma das mãos - Haha, acho que estamos empatados em um a um, meu amigo Julian, aquela luta que tivemos a muito tempo atras, me mostrou que de fato eu não podia ser aquela pessoa, obrigado - foram as palavras do Jovem em relação a seu companheiro de equipe, após isso, se afastou e organizou os gravetos o outro ninja da equipe a acendeu e o Sensei chamou todos para uma roda de conversa - Bom, a luta de ambos foi muito boa, Hikari mostrou uma evolução muito grande em relação a seu passado, Julian tem poderosos jutsus de Raiton e eu sendo perito nessa habilidade, consigo, de fato potencializar com maestria seu elemento, amanha, tera outra luta entre Julian e Fujiko, uma batalha apenas de Ninjutsu raiton sera usada, visto que Fujiko, apesar de ter oito anos consegue utilizar Raiton sem nenhum selo de mão. -

- Considerações -

Enquanto o outro narrador não surge, vou prosseguir narrando a pedido do Douglas. Eu havia dito que sua ST e CH iriam encher nesse seu proximo post e não fez. Narre sobre a conversa com Hikari e em relação a roda do sensei, depois durma e narre até o inicio da batalha contra Fujiko.

-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Sab 18 Ago 2018 - 7:31


Descanso

--Sim, verdade
--Fico feliz que o tenha ajudado
Prosseguiu as horas e a barraca havia sido preparada, restando apenas nos alimentarmos da caçada de outrora, seguindo a deitar e descansar em decorrência de um novo dia de treinos, lutas e aprendizados. Fukijo seria meu novo adversário, o jounin, me adiantou suas habilidades únicas com a raiton, de forma surpreendente a sua idade, uma vez que moldaria um disputoso combate, determinado pela inteligência de batalha de cada um...Brilhos amenos chocam a visão sonolenta de minha face, a despertar-me gradualmente; as vestes são devidamente preparadas e vestidas, um pouco surradas visto que minhas aventuras são volta e meia bem ariscas, isto é, cheias de adrenalina. Por fim, a barriga enche e a energia volta por completo, com a primeira refeição do dia, e este bom café-da-manhã antecede um apetitoso embate dentre dominadores do trovão, o incerto resultado veremos logo mais adiante.
Traçando passos até uma área boa o suficiente para uma batalha, que evitasse a destruição de algum domínio natural, tomaria frente, carregando um chiclete até a boca, mascando-o enquanto analiso veemente possibilidades e teorias, diante do novo adversário.

Julian Kyor: 500/500 ; 500/500 ; 0/4


Detalhes:
1-  Certo
2-  Assumi uma área de 60m de diâmetro, livre de vegetação e com chão de terra batida.
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.

7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Dom 19 Ago 2018 - 21:42



Historias Noturnas



Fujiko estava preparado, atento aos movimentos de Julian, pois diferente de Hikari o mesmo nunca havia interagido com o jovem genin antes e vendo seus ataques raiton, sabia que Julian estava praticamente no nivel dele nessa habilidade, porem, ainda assim Fujiko tinha vantagem de não precisar fazer selos para executar tecnicas de Raiton, estavam em uma distancia consideravelmente alta de vinte metros um do outro e no momento que o jounin deu o sinal fujiko fez o primeiro movimento. O mesmo criou uma pequena manipulação de raiton em sua mão, fazendo dela sair dois clones de raiton que foram em direção a Julian em velocidade maxima, após chegarem bem proximos cada um deles utilizou um jutsu distinto para tentar atingi-lo.
- Considerações -

Os clones avançaram até ficar 5m de você (Um de cada lado). Um deles atacou usando o Raiton: Hebi Mikazuchi, enquanto o outro utilizou o Raiton: Jibashi no momento da primeira movimentação (Quando criou a manipulação de Raiton, fujiko espalhou chakra pelo solo, enquanto ambos clones se moviam, Fujiko utilizou uma movimentação rapida entre o raiton que se espalhou e tentara atingir sua perna esquerda com um Chidori, caso, você não consiga defender os ataques não tem problema que o Sensei ira absorver o chakra, mas ira absorver apenas no proximo post meu.
-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Seg 20 Ago 2018 - 2:05


Fujiko ataca !

Uma última irreverência, antecede as apressadas ações de Fujiko, aliás, seu domíno com raiton é apuradíssimo, tão habilidoso que logo constroi dois clones voando baixo em minha direção feitos de puro raiton, com uma intenção declarada de não apenas atacar mas lançar grandes técnicas, visto que dispara uma onda elétrica rasteira, e prepara outras coisas na manga. Sabiamente, não iria pagar pra ver o que mais viria em minha direção, se me fosse disponível outros meios de ninjutsus provavelmente retaliaria com maior facilidade, todavia, um chidori de alta densidade cortante e destruidora seria o bastante. Um breve ruído de pássaros se formula, e logo é direcionado de forma estratégica ao solo, provocando um enorme impacto, perfuração e uma larga cortina de poeira, de alcance suficiente para esconder meus movimentos em uma grande área. A dúvida levantada, obviamente atrapalha um pouco as decisões do garoto, porém, seu ataque rasteiro atingiria de qualquer forma aquela área, e restaria apenas um mover aéreo de Julian, onde seria propício uma emboscada inteligente, bastasse Julian revelar sua fuga. Uma imagem sai da cortina de fumaça, carregando a silhueta de um corpo, era ele fugindo...xeque-mate e vitória para Fujiko...
Porém, o adversário não esperaria uma túnica inflada e amarrada em uma kunai, voando como se fosse o corpo de Julian...A distração, permitiria uma fuga milésimos de segundos depois(discreta) pelo lado contrário onde o genin sobrevoaria e descendo do alto em direção a Fujiko, gritaria revelando sua posição, lhe chamando a atenção, e emanaria um escandaloso clarear, invadindo toda a área de luta, a fim de aplicar um genjutsu de raiton com poderoso calibre ilusório, suficiente para paralisar e amedrontar o jovem adversário enquanto o renderia com uma kunai no pescoço, enquanto cobria uma vasta área ao meu redor com chidori nagashi, paralisando-o mais ainda e aplicando dano, além de evitar interferências ou imprevistos, ao meu redor.
Julian Kyor: 500/500 ; 312/500 ; 1/4


Detalhes:
1- Cortina de poeria gerada pelo chidori aplicado no chão, estratégia de Obito x Kakashi túnica inflada com kunai, na sequência, e em movimento de descida do alto, aplico um genjutsu, que pela posição calculada afetaria todo o campo de batalha. Resto é autoexplicativo.
Jutsus:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. D51a22cc88434005286d88f5dbeda96082839e62_hq

Chidori Ofensivo
Rank: A
Descrição: O Chidori é a primeira técnica original de Kakashi Hatake, apesar de ele agora usar uma versão rank-S conhecido como Raikiri. Ele a criou em torno do tempo em que ele foi promovido a Jōnin, e mais tarde ensinou a Sasuke Uchiha. Este jutsu se trata de acumular uma grande quantidade de chakra Raiton na mão do usuário. A quantidade de chakra é tão grande que se torna visível. A alta concentração de energia elétrica produz um som que lembra muitos pássaros gritando, daí o nome. Uma vez que a técnica seja concluída, o usuário carrega dispara e leva o Chidori até alvo. Isso produz grandes quantidades de dano que são normalmente fatais. Essa técnica é classificada como uma técnica de assassinato por causa da velocidade com que é realizada, apesar do barulho que produz. Como mostrado contra Killer B, o Chidori também pode ser usado para simplesmente dar ao adversário um grande choque eléctrico sem empalá-lo.


[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. NWQQ2

Raiton: Raigen Raikōchū Ofensivo
Rank: B
Descrição: Esta técnica ilusória que cega o alvo com uma luz extremamente brilhante que parece emanar do corpo do usuário. Aqueles que são pegos pela luz são então capturados dentro de um genjutsu. Como visto quando C usou esta técnica contra Taka, ele fez Jūgo ver o Raikage e Darui esmagando Sasuke no chão.



[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Tumblr_lsletoIYKs1qlrkexo1_500

Chidori Nagashi Coringa
Rank: A
Descrição: Este é um ninjutsu desenvolvido por Sasuke durante seu treinamento com Orochimaru. Ao liberar o Chidori em todas as direções, uma descarga elétrica flui de todo o corpo do usuário permitindo que ele afete vários inimigos. Ao usar este ataque a um grande número de inimigos ao mesmo tempo, ele pode efetivamente usá-lo como uma defesa imediata. O corpo da pessoa tocada pelo Chidori vai interpretar erroneamente a natureza relâmpago como "sinais elétricos dos nervos", contraindo seus músculos. Isto causa uma rigidez involuntária do corpo, enquanto ao mesmo tempo recebe o dano. Esta técnica também pode ser canalizado através do solo para aumentar o alcance do ataque.
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.


7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qua 22 Ago 2018 - 11:03



Historias Noturnas



Fujiko foi surpreendido por Julian que por sua vez se mostrou um forte usuário de Raiton, porem Julian atacou um dos clones de Fujiko que por sua vez fora tomado pela raiva, o mesmo iria atacar Julian pelas costas com um Raikiri recém formado em sua mão, o mesmo estava indo em velocidade máxima com a real intenção de matar seu companheiro de equipe, nesse momento, o Sensei utilizou seu Hiraishin e apareceu atras de Julian e na frente de Fujiko absorvendo o chakra raiton do mesmo com as mãos, O sensei socou Fujiko no costo que bateu em uma arvore desacordado - Seu desequilibrado de merda - Hikari que observava a luta, não acreditava no que tinha acabado de acontecer, Fujiko realmente havia tentado matar Julian e caso não fosse o Sensei, o mesmo poderia de fato te-lo feito, Fujiko se mostrou velos como um raito que toca o chão em 1.980 km/seg. O sensei olhou para Julian perguntando se o mesmo estava bem.

- Considerações -

Bom, narre até o momento que achar bom, termine o treinamento de Raiton, você ira adquirir a pericia em seu proximo post, Fujiko ira acordar e quando acordar todos os quatro irão sair do local e seguir viagem até algum lugar com Rio para aprender o Suiton, narre as trezentas palavras do mesmo e aprenda o elemento nesse post. Após isso, faremos o caminho da cura.
-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Dom 26 Ago 2018 - 17:05


Prosseguindo com a jornada

Julian havia sido surpreendido pelo ninja adversário, porém graças a intervenção pontual do jounin dono de habilidades incríveis como meiton e um teletransporte diferenciado que em instantes efêmeros, fazia o usuário se teletransportar ao local de sua kunai antes arremessada. Fico feliz por não ter sido afetado pelo iminente ataque destrutivo, contudo, fico triste por mais um novo vacilo, talvez aquela viagem tenha me mostrado o quão aquém estou de meus objetivos.
O restante de dia direcionei minhas forças em aprimorar o uso do raiton a níveis elevados, e com afinco trabalhava fortemente na ligação entre o meu chakra e a mudança de natureza, a fim de torná-lo quase que como parte integrante de meu corpo, analogia semelhante ao nascimento de um rabo, e portanto, me permitia manejar no auge as energias semlhantes aos esbeltos e magníficos raios além de toda energia elétrica presente em nosso meio. A tarde foi longa e cansativa, contudo infinitamente produtiva, onde ao final, pude ser chamado de perito em meu elemento. Em retorno às atividades habituais, comemos, descansamos e conversarmos sobre coisas bestas e temas interessantes, um tanto intrigantes. O clima era bacana em uma equipe de Konoha com grande potencial, onde esquecemos de todo mal entendido existente durante o calor das lutas.

Liberação do Suiton

Por impetuosa personalidade, insisto ao jounin que me revelasse os princípios da natureza aquática, o tão poderoso suiton. Com feliz aceitação deste, sigo, enquanto os outros dormiam, a procurar liberar tal natureza de chakra em minhas veias, trabalhando forte no ponto concentração e controlo de chakra, a provocar um inicial incômodo, suficiente para me permitir atingir desde aplicações simples a aplicações mais rebuscadas, apostando na intimidade gradual da água, visando conectar minhas energias ao seu sopro ou essência característica, como uma tomada e sua respectiva entrada funcionam, apesar de para isso necessitar encontrar de forma abstrata no início a tomada correta a ser empregada na entrada desejada, não limitando a minha essência, mas usando-a no controle íntimo da referida natureza elemental. Volta e meia, a água se conduzia em razão de fundamentos ensinados pelo pergaminho, antes me entregue pelo sensei, algumas dicas deste me eram indispensável e determinantes no papel de controlador dessa nova natureza. Ademais, concluo um avanço substancial durante o passar das horas, e do esgotamento recorrente em detalhes, sugando e muito as minhas energias e todo meu vigor físico, embora, houvesse aplicado um treinamento bem pensado e estratégico para envolver tanto uma produtividade elevada, quanto uma esgotamento não mais que o necessário. A forma inesperada resultante de cada avanço, me ensina muito sobre como funciona as coisas no mundo repleto de chakra e partículas que juntas, ou domadas por um ser específico causa uma enormidade incrível de técnicas projetadas à defesa ou ataques bélicos frente a inimigos de mesma maneira agressivos e poderosos, paralelamente, permitia no dia a dia, o aceleramento de processos repetitivos ou mesmo impossíveis, a depender sempre de como as forças da natureza ou de chakra eram usadas. O domínio e a liberação da natureza de chakra elemental suiton, parecia formular conceitos claros em minha mente e chakra interno, me permitindo guiar, comandar, atacar, defender e mostrar a todos um nascimento anormal de qualquer umidade feita de puro H2O, esse objetivo atingido, faz meu corpo deixar ser vencido pelo cansaço, então me conduzindo ao sono profundo.

Os raios solares banham-nos em beleza e inspiração, praticamente nos carregando de nossas camas e acampamento, para que assim prossigamos em nossa jornada ainda em indícios iniciais...

Julian Kyor: 575/575 ; 575/575 ; 0/4


Detalhes:
Tente pensar comigo... se você não falou previamente durante a criação do ataque de Fujiko que havia criado um clone para se passar por ele, como que no ataque seguinte isso acontece, pense na imagem de você ter sido um Player, isso torna-se impossível. Querendo ou não, embora seja um narrador e tenha todas as regalias, essa atitude cria um ataque acima das regras e vai aos poucos tirando a dignidade de meu personagem, que vai ter um sua história em ON, derrotas na verdade mentirosas.
Jutsus:
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.


7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qui 30 Ago 2018 - 18:01



Historias Noturnas



O sensei parabenizava Julian por aprender a controlar o Raiton, o mesmo também aprendeu o Suiton e juntos esses dois elementos seriam mortais, o sensei inclusive escreveu coisas, chamou Julian para uma conversa sobre, teria falado para o mesmo sobre Iryōninjutsu, ninjutsu medico que poderia vir ajudar o mesmo nas batalhas, visto que ele por sua vez deixava aberto a pequena guarda, ambos, também iriam trabalhar naquilo. O sensei Mandou Hikari e Fujiko caçar e manteve Julian consigo, apenas conversando sobre o mesmo sobre a habilidade, ao ver que Julian havia aceitado o sensei cortou seu próprio braço com a kunai e após concentrar um chakra de cor esverdeada o ferimento fora cicatrizado, o sensei respirou fundo e novamente abriu o ferimento - Sua vez, Julian se não conseguir tentaremos alguma outra coisa, Fujiko e Hikari ja vão chegar com alguns animais entre-vivos.

- Considerações -

Achei que você tinha desistido da RP, inclusive, quase dei ela por encerrada por sorte havia postado.
-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Sex 31 Ago 2018 - 20:08


Noções médicas

Assumindo uma nova perspectiva frente ao campo de batalha, animo ávidamente o complemento essencial de todo conhecimento anatômico presente e guardado carinhosamente nos baús mentais, permitindo criar conectar uma ideia a outra, e por fim, conjurar uma energia peculiar e misteriosa capaz de acelerar processos de cura, naturalmente ocorridos em escala muito menor, e por isso, o que levaria horas e talvez custaria muito dano, é rapidamente ancorado nas vias médicas de alto controle de chakra, invariavelmente, tornando-se o modelo exato de suporte em ocasiões críticas das batalhas.
Controle e conexão, são pontos indispensáveis e necessários, e a partir deles pode-se desenvolver uma técnica de cura tão refinada e específica, com requerimentos bem específicos, ou seja, graças a compatibilidades ímpares sou um dos poucos a poder usufruir dessa habilidade renomada e uni-la em combate com minhas forças ofensivas. Retomo repetidamente tal ideia na mente, enquanto procuro curar a ferida intencional do jounin, visando repetir seus movimentos anteriores, ainda assim, se não o repetisse em perfeição, iria me adequando até formular um chakra especial ideial à cura pretendida.

Julian Kyor: 575/575 ; 575/575 ; 0/4


Detalhes:
Tsc...até deu viu, quase me desmotivei depois da sua demora, mas tirei a ideia da mente e fui postar. O mínimo que vc devia fazer era mandar uma mp perguntando, e não agir porque achou isso ou aquilo.
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.


7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Seg 3 Set 2018 - 18:24



Historias Noturnas



Ele tentou fazer com que a ferida fosse curada, porem, fora em vão e logo o sensei demonstrou mais uma vez a forma que o jutsu funcionava, suspirou fundo e poucos segundos depois seu braço estava curado, havia perdido um pouco de sangue devido ao ferimento profundo, pouco tempo depois ambos companheiros ja haviam chego com animais vivos, o sensei pegou uma kunai e perfurou os tres animais e disse em um tom que pudessem ouvir - Aquele que de fato não conseguir curar seu animal, ficara sem janta essa noite, não os Deixe morrer - as palavras foram duas o sensei demonstrou o ninjutsu medico a eles mais cinco vezes esperando que aprendessem a controlar o chakra. Respirou fundo e sentou-se aguardando.


- Considerações -

Amigo, pode mandar mp não tem problema e o fato de seu personagem ter perdido as outras batalhas foi o plot para que houvesse um motivo para aprender o ninjutsu medico, desculpe se se sentiu mal assim, contudo estou com tempo de sobra essa semana da para fazer cerca de tres posts por dia e terminar o mais rapido possivel.
-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qua 5 Set 2018 - 2:55


Noções médicas

As tentativas anteriores pouco surtiram efeito, visto que a ferida não cicatrizou no tempo acelerado provocado pelo Iryo ninjutsu durante a demonstração do Jounin ser mais do que suficiente para suprimir diferentes tipos de feridas. De forma tal, não frusto na iminência do aprendizado recente de noções básicas, portanto, carrego os aprendizados particulares interligados a cada errinho praticado, e logo mais uma pequena demonstração de poder médico seria vislumbrada, determinação não faltaria nunca.
O alimento chega e nossa missão nos encarrega de reviver, um animal, recuperando seus ferimentos não tão graves, para assim, ou poucos construir intimidade à formula de controle de chakra anatômico, diferentemente de outras vertentes de chakra. O esverdeado presente comumente nesses tipos de operações, revela-se a mim, no decorrer dos minutos, como uma invocação peculiar de partículas do próprio corpo afetado, aglomerando-as na máxima capacidade, enquanto incluo um controle bem delicado, a permanecer fortemente nessa ideia de poder.

Julian Kyor: 575/575 ; 575/575 ; 0/4


Detalhes:
Certo, tentarei ao máximo acompanhar seu ritmo de postagens.
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.


7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qua 5 Set 2018 - 21:24



Historias Noturnas



O sensei achou interessante, pois desde o mais experiente até o menos experiente dos tres alunos estava com dificuldade de moldar o chakra medicinal em mãos e curar as feridas dos animais, um dos animais um veado de grande porte tentou morder Julian, pois a dor que o mesmo sentia era tão grande que o animal parecia não estar aguentando mais, após a tentativa de mordida o outro o animal que Hikari Cuidava deu um grito alto que ecoou pela mata e uma pequena lagrima de dor caiu dos olhos do animal que agonizou rapidamente até ter uma morte prematura - Vamos lá, o tempo deles esta acabando, curem eles de uma vez - Dizia o sensei em uma forma de incentivo, mas, interpretativo a pressão.


- Considerações -
Gostaria que voce mandasse por mp os horarios que vocÊ entra, ai entro, apenas para postar no seu RP mesmo. Vamos prosseguir com tentativas apenas, não tenho muitas ideias de como ensinar ninjutsu medico em si.  
-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Qui 6 Set 2018 - 12:16


Noções médicas

A aparente tentativa anterior, diante das tentativas de cura dos animais semi-vivos naquele espaço, deram-me, gradualmente aprendizados proveitosos, o chakra ainda parecia estar longe de ser dominado, porém já me sentia mais íntimo e acostumado com ele.
Contudo seu efeito não sai como o esperado, e os animais sofriam de dor perante a incapacidade de nossas habilidades, devíamos trabalhar mais, aprender mais rápido, estar determinados e esforçosos. Com o passar do tempo, impunha sobre mim, uma responsabilidade imensa, era agora ou nunca, ao menos recuperar uma ínfima parte das sua vitalidade, suficiente para assim livrá-lo do dor. Sua dor era minha dor, todos os seus sentimentos desagradáveis me incomodavam bastante, e portanto usaria isto em motivação para acelerar a manifestação da técnica de Iryo Ninjutsu, ao mesmo tempo degustaria um chiclete para saciar minha ansia por açúcar.

Julian Kyor: 575/575 ; 575/575 ; 0/4


Detalhes:
Eu não tenho por enquanto horários certos, depende de vários fatores. Mas vou te mandar os próvaveis horários daqui pra frente. Estou criando posts com antecedência pra ajudar, escrevo vários posts antes e ai é só jogar no post quando vc postar(isso só porque é treino e não tem muitas variáveis).
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.


7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Sab 8 Set 2018 - 11:46



Historias Noturnas



Diversas tentativas foram feitas em vão. Nenhum dos tres conseguiam de fato fechar o ferimento, mesmo com a pressão do sensei que anotava tudo em sua caderneta, suspiros foram dados quando Julian conseguiu fazer a densidade de seu chakra mudar para uma cor esverdeada, alguns sorrisos de um lado e outra inveja de outro lado fizeram com que o mesmo não conseguisse manter o chakra e acabasse perdendo a concentração. Porem o ferimento do animal fora fechado um pouco e não apenas pela surpresa de Julian e sim dos quatro presentes, mas o animal, havia perdido muito sangue e foi o ultimo dos tres a morrer - Bom, baixas são necessarias, descansem e assem a carne recebi uma mensagem de Hokage pedindo para averiguarmos roubos proximos daqui e sairemos em duas horas, continuaremos o treinamento durante a missão - foram as palavras do sensei aos tres, uma missão derrepente? o que poderia ter acontecido de fato?

- Considerações -

Prosseguimos, tinham me dito que iam narrar a RP em meu lugar e acabaram não fazendo de novo, o que de fato é triste, mas seguiremos até que alguem
pegue, pois como ja disse antes, não sou narrador. Contudo seguimos, narre a reação do personagem e o aprendizado até o momento, não esqueça como fazer para praticar o ninjutsu medico, pois um dos tres membros da equipe ira depender de você para sobreviver no restante do plot e pode ser qualquer um dos tres (sera decidido por sorteio, onde, irei printar e mandar) Seguimos então.   
-
Julian Kyor
Tokubetsu Jonin
Julian Kyor
Vilarejo Atual
Ícone : [Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Images10

https://www.narutorpgakatsuki.net/t70385-f-miyamoto-musashi-ii-15y https://www.narutorpgakatsuki.net/t70497-gf-musashi-ii

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. - em Ter 11 Set 2018 - 22:34


Noções médicas

Uma faísca de esperança realça os olhos do genin de cabelos dourados, seu chakra reverbera a tons esverdeados, carregando toda área ao redor de suas mãos a um estado ímpar de aceleramento vital, de maneira esplêndida, capaz então de proporcionar uma cura instantânea e suficientemente importante, terminando por curar parcialmente o animal, todavia, esse mesmo esplendoroso chakra, some por falta de um controle fino, por falta de um permanecimento tênue por parte de Julian Kyor. Apesar de tudo, isto carregou uma onda de admiração e talvez inveja dos shinobis ali presentes, era um feito isolado dentro do grupo da expedição, a determinação do jovem, não o permitia desistir diante dos inúmeros e difíceis obstáculos do aprendizado decorrente. Ainda assim, lhe faltara fibra para manter o iryo ninjutsu, trataria, portanto, de permanecer nessa mesma determinação, contudo, antes pararariam para descansar e se alimentar, o cansaço revela-se absurdo, tais propriedades raras de chakra são por si só carregadas de muita necessidade de chakra e stamina do usuário.
O jounin determina a continuação do treinamento em meio a uma missão, de averiguação diante de crimes ali próximos, o que surpreende a todos porém a própria Hokage lhe impunha a missão, o gravidade se configura alta, devemos partir logo mais, e sanar este novo problema.

Julian Kyor: 575/575 ; 575/575 ; 0/4


Detalhes:
Desculpa a demora. Entendi, é complicado mesmo.
Arma Lendária:

[Historia] Julian Kyor  - O trovão dos Deuses. Img04b19356zikezj

NOITE PÚRPURA


Espécie: Lendário
Rank: S
Descrição: Noite púrpura é um item criado e dado para Julian, pelo seu avô orgulhoso, esta armadura traduz todo poder de conceitos engenhosos, e é passada de geração em geração. Alguns rumores contam, que o ferreiro responsável, criou as maiores armas e itens do mundo, seu paradeiro é desconhecido, e seu nome também, já que suas habilidades podem ser forçadas para o lado sombrio shinobi, porém por situações do passado é um grande amigo do avô. Suas habilidades favorecem e muito cada habilidade de ataque e defesa de Julian, feito sob medida para ele usá-lo em suas grandes batalhas daqui pra frente. É uma armadura, no formato de um quimono, adaptável e flexível ao corpo, para camuflar a quem nunca o viu em ação, e surpreender seus adversários. Com um peso leve e cor púrpura, seu material é indefinido, pela desconhecida e ampla mistura de substâncias resistivas.

Habilidades/Mecanismos:
1° - A purpura espinhenta, é um dos mecanismos da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao ser tocado de forma indesejada pelo adversário, seja por taijutsu ou artes armamentistas, a armadura aciona rapidamente um comando, revelando uma gama de pontas espinhosas afiadas(30cm de comprimento), a ponto de cortar espadas até rank B de resistência. E parar espadas de até rank S. Além de ferir gravemente ataques nus (socos, chutes e afins). Pode ser usado a cada turno, e apenas 3 vezes durante uma batalha. Suas pontas afiadas, apresenta canais internos abertos que podem acelerar chakra elementais, e assim caso o usuário utilize um chakra no flow, é possível aflingir o adversário com tal poder, na iminência do surgimento das pontas.

2° - A purpura explosiva, é o outro mecanismo da noite purpura, que age da seguinte forma... Ao acionar o surgimento de pontas afiadas, é possível que em posteriori tais pontas sejam velozmente atiradas, através de um pequeno impulsionador, como mísseis na direção do adversário, porém sem a explosão, em um alcance de 40m. As pontas afiadíssimas atiradas saem banhadas de uma grande quantidade de chakra in flow, que ao atingirem o adversário, qualquer uma delas, provocam óbvios cortes profundos e uma paralisia instantânea completa, de 1 turno, pois a energia envolvida nas pontas é de alto rankeamento, alta complexidade, canalizada apenas para isso, e cortando o corpo, é possível transmitir mais internamente e mais profundamente. Pode ser usado a cada turno( 1 vez ), e apenas 3 vezes durante uma batalha. E provoca um gasto de 75CH para cada turno utilizado, pois envolve a liberação do raiton bem concentrado.


7/10 Kunais ; 9/10 Kibaku Fuudas ; 4/4 Kemuridamas ; 4/4 Hikaridamas; 1/1 Zōketsugan ; 1/1 Hyōrōgan  2 Bolsas ninjas (Parte traseira)



-
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [Historia] Julian Kyor - O trovão dos Deuses. -

-


Layout com edições de Halloween feito por @Akeido Themes e Senko.