Naruto RPG Akatsuki
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Bem-Vindo
Naruto rpgakatsuki
tópicos recentes
Inverno
O fim da guerra trouxe a paz, junto com a oportunidade das vilas prosperarem e crescerem. O Nascer do Sol se aproxima trazendo uma nova leva de Kages que querem expandir seu território. A primeira reunião dos Senhores Feudais está marcada, onde irão debater o futuro de Otogakure, atual colônia de Kumogakure e palco da última Grande Guerra.
11 DG
ShionFundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
AngeAnge, mais conhecida como Angell, é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
SenkoSenko, também jogador de RPG narrativo desde 2011, conheceu o Akatsuki em 2017, mas começou a jogar para valer em 2020, destacando-se pela sua prestatividade e suas habilidades em design e programação. É responsável por ajudar na criação de novos sistemas e regras além de fazer a manutenção do tema do fórum.
BlueJay#0529
BahkoBahko joga fóruns narrativos desde 2010. Após ficar muito tempo sem jogar, voltou em 2020 onde encontrou o Akatsuki. Desde então, vem auxiliando o fórum como Narrador, Moderador e Administrador. Fora do fórum, é estudante de Engenharia Elétrica.
fransudo#7724
AkkeyJogador de RPGs narrativos desde 2012, Akkey (mais conhecido entre os players como Akihito) conheceu o Akatsuki em maio de 2020, encantando-se, acima de tudo, pela comunidade afetuosa e acolhedora formada pelos jogadores do fórum. Atualmente, é responsável por auxiliar no desenvolvimento e adequação das regras e sistemas do RPG, manutenção do tema e design do fórum e gestão da área de avaliação de criações. Fora do universo do Akatsuki, Akihito é graduando em Engenharia da Computação e atua profissionalmente como Desenvolvedor de Software.
wyalves#7702

Ícone
Rhinna4ever
http://narutorpgakatsuki.net
O sol estava alto, devia passar do meio dia, Junko levantou a cabeça e viu o céu claro e sem nuvens.

Estranho.. Até o ar daqui é diferente. Pensou enquanto passava a mão no rosto.

Minha pele está seca, acho que está é mais uma das coisas com as quais terei que me acostumar... O ar de Konoha, será este o mesmo ar que minha mãe respirou por quase toda a sua vida?

Um momento de silêncio ensurdecedor. Pensar em seus pais e em Kirigakure sempre lhe nauseavam e desfocavam sua visão.

Junko havia recém chegado em Konoha para viver com seus tios após a morte de seus pais. O plano era simples, ir até a casa de seu tio, entrar, tentar ser agradável e o menos irônica possível para passar uma boa impressão, conhecer a esposa dele e seu filho, deixar sua bagagem e depois se isolar num canto qualquer vivendo sua vida em silêncio.

Infelizmente, as coisas não ocorreram desta forma. Junko mal havia chego na residência e visto o rosto de seu tio quando começou  sentir o zunido alto em seus ouvidos, seu tio era realmente parecido com sua mãe, até seu jeito de olhar a sobrinha. Aquilo tudo era demais para ela naquele momento e sem dizer nenhuma palavra ela saiu correndo sem nem mesmo deixar sua bagagem.

Eu devia ter dito algo, ou pelo menos largado essa mochila... Ridículo! Quem conseguiria conhecer eles e conversar sobre o que fazer com a minha vida numa situação dessas? Minha cabeça ainda dói.

Junko parou por alguns minutos e olhou para sua mochila surrada e suja que estava pendurada em um ombro só.

Preciso limpar minha mente antes que acabe surtando.

Ela volta a caminhar pela Vila, procurando um lugar qualquer onde pudesse se esgotar fisicamente e esvaziar seus perturbadores pensamentos, quando então avista o campo de treinamento ao longe. Mesmo que jamais tenha estado ali, reconheceria um lugar como aquele em qualquer canto do mundo, afinal, lhe era um ambiente reconfortante e acolhedor.

Treinar.. Essa sempre foi a resposta mesmo. Um breve sorriso aparece em seu rosto ao lembrar da primeira vez que pegou em uma kunai de seu pai. Em um segundo o sorriso desmancha e sua expressão facial pesa. Junko sacode a cabeça, joga a mochila no chão e corre até os troncos em um surto frenético de socos e chutes.

Em meia hora, o suor lhe escorria pelas costas e a respiração ofegante lhe fez diminuir o ritmo. Para compensar, ela se afasta do tronco e pega impulso, um chute alto certeiro no tronco com a perna direita. Um baque surdo. A unha do do dedão do pé sangra e sua canela fervilha pelo impacto.

De novo!

Junko volta para a posição, troca a base de pernas e em um giro um pouco descompensado acerta o tronco com a perna esquerda. A rotação mal feita lhe faz perder força no chute.

Tisc!

Com as mãos e pé direito machucados e latejando, Junko encara o tronco repleto de seu sangue que lhe trazem flashs desagradáveis.

Eu ainda não acabei.

Ela respira fundo e olha para o próprio corpo, seus cotovelos e joelhos ainda estão limpos. Um passo a frente e Junko dispara com os cotovelos em direção ao tronco sujo. Mesmo com os dedos doloridos ela segura o tronco firme e começa um sequência de joelhadas intesa, a perna esquerda fraqueja e como um último golpe antes de cair, um cabeçada que lhe tirou todo qualquer pensamento que não fosse o mais puro sentimento de dor.

Desde que saíra de Kirigakure o esforço exaustivo era a única coisa que lhe fazia esquecer os horrores que viu.
Caída em frente aquele tronco, de braço abertos Junko fitava um pássaro na copa da árvore.

Aqui é um bom lugar para descansar..

Pensou ela antes de adormecer.
OBS.:


686 palavras contadas no word
Treino de atributo +1 Força

Arsenal Ninja:
[5] Kunais
[4] fio (20 m)
[2] Kemuridama
[3] Shuriken
[1] Fuuma Shuriken



Status:

HP: 200/200
CH: 200/200
ST:00/01


Última edição por Rhinna4ever em 13/7/2018, 17:52, editado 2 vez(es)

_______________________

Ficha   -   Banco

[Treino] Höki Junko Original


If this night is not forever, at least we are together...

I know I'm not alone.





Rhinna4ever
Rhinna4ever
Genin
Vilarejo Atual
[Treino] Höki Junko 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Convidado
Antes de ser aprovado preciso que algumas solicitações sejam atendidas por você:
1. Adicione ficha na assinatura, em seu perfil.
2. Peça mudança de rank para genin de Konoha, aqui: http://www.narutorpgakatsuki.com.br/f243-mudancas-gerais ou http://narutorpgakatsuki.com.br/f243-mudancas-gerais
3. Reposte esse mesmo treino, mas colocando seus status no final dele. Feito, irei avaliar normalmente.
Convidado
Anonymous
Convidado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Rhinna4ever
http://narutorpgakatsuki.net
DelRey escreveu:Antes de ser aprovado preciso que algumas solicitações sejam atendidas por você:
1. Adicione ficha na assinatura, em seu perfil.
2. Peça mudança de rank para genin de Konoha, aqui: http://www.narutorpgakatsuki.com.br/f243-mudancas-gerais ou http://narutorpgakatsuki.com.br/f243-mudancas-gerais
3. Reposte esse mesmo treino, mas colocando seus status no final dele. Feito, irei avaliar normalmente.

Obrigada! Fiz as mudanças, aguardo confirmação. :]

_______________________

Ficha   -   Banco

[Treino] Höki Junko Original


If this night is not forever, at least we are together...

I know I'm not alone.





Rhinna4ever
Rhinna4ever
Genin
Vilarejo Atual
[Treino] Höki Junko 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Convidado
Os status que eu me refiro são esses: http://www.narutorpgakatsuki.com.br/t53750-2-status

Verifique a regra, e resposte.
Convidado
Anonymous
Convidado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Rhinna4ever
http://narutorpgakatsuki.net
DelRey escreveu:Os status que eu me refiro são esses: http://www.narutorpgakatsuki.com.br/t53750-2-status

Verifique a regra, e resposte.

Desculpe, ainda estou tentando entender todas as regras? Fiz certo agora? D:

_______________________

Ficha   -   Banco

[Treino] Höki Junko Original


If this night is not forever, at least we are together...

I know I'm not alone.





Rhinna4ever
Rhinna4ever
Genin
Vilarejo Atual
[Treino] Höki Junko 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Convidado
@Aprovado, e graça a esse mês do up você ganha +2 em Força.
Convidado
Anonymous
Convidado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Rhinna4ever
http://narutorpgakatsuki.net
O dia amanhecera de forma incomum para a tão ensolarada Konoha, a chuva fraca e constante fazia a Vila lembrar vagamente Kirigakure. Não havia vento nas ruas,
o único som era o da água batendo nas pedras do lado de fora da janela que junto com o ar mais úmido que trazia também com o cheiro de terra molhada acabaram acordando Junko.

Esta havia sido uma boa noite de sono para ela, dois dias seguidos de muito esforço físico deixaram seu corpo exausto e lhe impediram ter seus habituais pesadelos.

Chuva? Hoje realmente parece ser um bom dia.. Junko estava com uma expressão serena e um leve sorriso que logo virou uma careta ao tentar se levantar e sentir todos os seus músculos doerem.

- Ai! Acho que exagerei um pouco. Olhando para seus braços cheios de hematomas e seu corpo exausto, a jovem ninja percebeu que não seria possível treinar no campo naquele dia.

Certo.. Se não posso treinar o corpo hoje, vamos treinar a mente!

Junko levantou-se da cama sentindo seu corpo pesado e estralando. Caminhando devagar para fora do quarto percebeu que havia se levantado mais tarde que o normal, todos já haviam saído de casa e havia café da manhã lhe esperando na cozinha, além de alguns onigiris e um bilhete de sua tia "Junko-chan, estamos indo para o hospital, chegaremos tarde hoje. Tome seu café da manhã antes de sair e não esqueça de levar seu lanche..
Tente não se esforçar tanto hoje e tenha cuidado. Com carinho, Tia
".

Os olhos da jovem ficaram mareados. Há quanto tempo que alguém me prepara o café da manhã e pede para ter cuidado? Mãe, você pode me ver feliz onde está? Uma lágrima furtiva escapa pelo canto do olho e escorre pelo rosto, a menina se quer se preocupa em limpar, não havia ninguém por perto para ver seu momento de fraqueza mesmo.

- Itadakimasu! Disse batendo as palmas após se sentar rapidamente, seus braços doloridos reclamaram um pouco pela empolgação, mas Junko ignorou e passou a comer saboreando cada colherada.

Após a refeição e a limpeza dos pratos, a gennin decidiu que iria a biblioteca da vila estudar um pouco, afinal treinar seu corpo ou ir atrás de uma missão seria muito difícil estando tão fadigada físicamente e ficar em casa não era uma opção.

...

A biblioteca da Vila possuía uma faixada simples, mas como qualquer outro templo de conhecimento, tinha um ar convidativo e calmo, tudo o que a jovem amava.

Logo que entrou, Junko se deparou com uma simpática senhora com óculos completamente desproporcionais para seu rosto.

- Olá minha jovem! O que a traz aqui hoje?

- Oi, meu nome é Höki Junko, eu vim para estudar um pouco, mesmo que ainda não saiba exatamente o que... Disse dando um sorriso amarelo.

- Hum, vejamos, pelos machucados e hematomas em suas mãos, acho que você não é florista né? A senhora esboçou um sorriso amigável, fez um gesto com a mão que que a jovem a acompanhasse e seguiu caminhando para um corredor a esquerda da entrada.

- Eu diria que você parece um shinobi que usa muito os punhos e a força física não é mesmo? Mas sabe, se não usar a cabeça o corpo paga por isso. Você parece uma menina esperta que já percebeu isso, afinal você veio ao lugar certo.

Junko estava espantada com a percepção da senhora, com apenas uma olhada ela compreendeu perfeitamente a situação. Este tipo de habilidade não era comum a civis, mas a jovem não sabia ao certo se podia aquele mulher um dia ter sido uma ninja também.

A bibliotecária pegou alguns livros e pergaminhos que estavam algumas prateleiras acima e pôs em cima de uma velha mesa.

- Todos os ninjas que vem aqui querendo aprender melhor sobre batalhas acabam pegando um desses para estudar, são nossos melhores exemplares, qualquer um deles lhe será de grande ajuda. A senhora deixou os materiais ali e voltou para a entrada da biblioteca.

Junko folheou alguns livros, mas o que lhe chamou a atenção foi uma coleção de pergaminhos escrita por um antigo e renomado ninja da folha.
Para cada pergaminho ele abordava diferentes observações sobre estratégias de lutas e batalha, se focando nas mudanças que o planejamento deveria sofrer quando houvesse variações de terreno, vegetação, clima e período.

Logo que abriu o primeiro pergaminho que tratava sobre "Reconhecimento de terreno, condições favoráveis e desfavoráveis", a gennin percebeu que teria de tomar nota das coisas mais importantes e antes mesmo que pudesse se levantar para pedir folhas de papel e lápis para a bibliotecária, notou que havia um maço de folhas, um pincel e um tinteiro ao lado, a Senhora havia notado o despreparo da menina e trazido os materiais enquanto Junko estava entretida escolhendo qual material estudar primeiro.

A shinobi se virou de costas para encarar a bibliotecária e então fez um "joinha"com a mão além de abrir um grande sorriso.

Estando agora preparada, Junko se voltou para o primeiro pergaminho que trazia principalmente os conceitos geográficos e como ele influência o uso de determinas jutsus, técnicas de luta, armadilhas e emboscadas. O conteúdo era complexo, mas tratado de forma muito didática, sendo que se estendia até os reflexos do terreno no uso de armas, concluindo quais eram as melhores táticas para cada tipo de terreno.

Junko fez um guia em suas anotações com base no que o autor abordava.
Já passava do meio dia, e logo após a pausa para comer seus onigiris, a menina resolveu terminar os outros dois pergaminhos antes de se focar na memorização das informações.

Assim sendo, a jovem passou a estudar o segundo pergaminho que tratava sobre como as mudanças de vegetação e clima causavam impacto nas batalhas, armadilhas e emboscadas. Já o terceiro pergaminho se focava exclusivamente em como a hora e o período do dia e da noite obrigavam as mudanças do planejamento de batalhas, afetando até mesmo a eficiência de alguns jutsus e técnicas.

Após tomar nota de tudo e fazer um guia repleto de desenhos que facilitavam a compreensão, Junko resolveu aproveitar que a biblioteca estava vazia e leu todas as suas anotações em voz alta, afinal, essa sempre fora a melhor técnica de memorização e fixação de informações para ela.

Junko iria parar quando viu um livro de selos que de tão grande parecia um tijolo. É difícil treinar jutsus da forma normal, eu nunca sei se estou fazendo certo.. Foi então que lhe surgiu uma ideia: Espelhos.

A jovem tirou um pequeno espelho da sua bolsa e o colocou apoiado em uma prateleira, se afastou dele para conseguir ver suas mãos e deixou o livro aberto para olhar enquanto tentava replicar na maior velocidade que pudesse. A cada selo que aprendia, tentava incorporá-lo em na sequência. No começo, suas mãos pareciam não compreender a tarefa, seus dedos não se encaixavam e mesmo vendo seu reflexo, a posição não ficava se quer parecida a ilustrada no livro.

Após muitas tentativas frustradas, a imagem no espelho começou a lembrar vagamente o que era descrito no livro e logo os selos começaram a sair iguais, ainda que com dificuldade e mais lentos que o esperado.

Quando estava quase acabando e suas sequências de selos estavam saindo corretamente numa velocidade melhor, um cheiro de hibisco e amoras selvagens invadiu o corredor. A bibliotecária vinha segurando um bandeja com duas xícaras de chá.

- Você se esforçou muito em minha jovem? Esta é uma pequena recompensa, espero que goste de chá..

Os olhos de Junko brilhavam como bolas de gude e ela até esqueceu qual selo fazia aquela altura, afinal, chá era uma das suas coisas favoritas no mundo.

- Chá! Ahh eu realmente amo chá!!

- Isso é ótimo, eu também amo beber chá, mas não costumo ter companhia para tal. Você deveria vir aqui mais vezes para me acompanhar em um chá.

Junko e a Senhora conversaram por um longo período, já era noite quando perceberam que haviam conversado demais.

- Oh querida! É tarde, vá para casa. Sua família deve estar preocupada.

A jovem ninja se recordou então do bilhete de sua Tia e então consentiu com a cabeça, se despediu da senhora prometendo voltar em outras oportunidades para beber mais chá e foi embora se sentindo renovada mentalmente.

Spoiler:
Esse treino foi para 1 ponto Inteligência e 1 ponto de Selos
Palavras contadas no word: 1372
HP: 225/225
CH: 225/225
ST: 01/01

_______________________

Ficha   -   Banco

[Treino] Höki Junko Original


If this night is not forever, at least we are together...

I know I'm not alone.





Rhinna4ever
Rhinna4ever
Genin
Vilarejo Atual
[Treino] Höki Junko 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Convidado
Somente +2 pontos por semana (sem contar os do mês do up), escolha apenas um entre inteligência e selo.
Convidado
Anonymous
Convidado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Rhinna4ever
http://narutorpgakatsuki.net
DelRey escreveu:Somente +2 pontos por semana (sem contar os do mês do up), escolha apenas um entre inteligência e selo.

ok, inteligência então.

_______________________

Ficha   -   Banco

[Treino] Höki Junko Original


If this night is not forever, at least we are together...

I know I'm not alone.





Rhinna4ever
Rhinna4ever
Genin
Vilarejo Atual
[Treino] Höki Junko 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Rhinna4ever
http://narutorpgakatsuki.net
O sol não havia nascido ainda quando Junko saiu de casa, a noite havia sido perturbadora com todos os pesadelos, mas a jovem não estava disposta a se abater. Havia preparado um bom café da manhã e feito um longa corrida para limpar a mente, mas comente isso não era o suficiente. A jovem sabia que precisava se concentrar em algo para que sua mente não ficasse vagando em más lembranças.

A menina havia se sentido muito bem na biblioteca na ultima vez que estivera lá, então imaginará que lá seria um bom lugar para se recuperar da noite mal dormida.

- Ohayo! Junko se sentia animada só de ver a amável bibliotecária. Após conversarem um pouco a jovem ninja se dirigiu as prateleiras que havia visto a senhora mexer na ultima vez. Desta vez havia se preparado e trouxe consigo além de seu lanche, um pequeno bloco de papel e caneta.

Junko procurava materiais de ninjutsu méidoc quando viu o livro de selos verde que já havia feito uma breve leitura. O livro, que de tão grande parecia um tijolo, caiu na mesa fazendo-a balançar.

Sempre foi difícil para mim fazer selos corretamente, eu nunca sei se estou fazendo certo.. Preciso treinar muito. A ninja suspirou olhando para as próprias mãos. Certo! Hora de começar!

A jovem havia tido uma boa ideia na última vez que esteve estudando na biblioteca, usar espelhos para se enxergar fazendo os selos.

Junko então tirou seu pequeno espelho da sua bolsa e o colocou apoiado na prateleira em frente. A jovem então se afastou para conseguir ver suas mãos e deixou o livro aberto para olhar enquanto tentava replicar na maior velocidade que pudesse. A cada selo que aprendia, tentava incorporá-lo em na sequência.

No começo, suas mãos pareciam não compreender a tarefa, seus dedos não se encaixavam e mesmo vendo seu reflexo, a posição não ficava se quer parecida a ilustrada no livro.

Muitos selos eram complexos e replicar eles não era uma tarefa tão fácil quanto parecia, para esse casos, Junko desenhava eles em seu bloco de papel e fazia anotações sobre as posições mais difíceis.

Após muitas tentativas frustradas, a imagem no espelho começou a lembrar vagamente o que era descrito no livro e logo os selos começaram a sair iguais, ainda que com dificuldade e mais lentos que o esperado. Sempre que tentava acelerar a sequência, os selos ficava deformados e confusos.

Entre câimbras e o formigamento que lhe atingia os dedos, Junko treinou por horas até que conseguiu replicar exatamente os selos do livro em uma boa velocidade.

As mãos da jovem tremiam muito e seus braços estavam tão doloridos que mesmo serrar os punhos era muito desconfortável.

Por hoje deve bastar... A jovem notou que a biblioteca estava vazia e a bibliotecária se preparava para fechar. [i]Muito bem, acho que hoje é meu dia de retribuir..

- Oba-chan! Vamos tomar chá comigo?


HP: 225/225
CH: 225/225
ST: 01/01

Spoiler:


Este treino foi para +1 ponto de selos
Palavras: 487 contadas no word.

Bolsa de armas (20)

[5] Kunais
[4] fio (20 m)
[2] Kemuridama
[3] Shuriken
[1] Fuuma Shuriken

_______________________

Ficha   -   Banco

[Treino] Höki Junko Original


If this night is not forever, at least we are together...

I know I'm not alone.





Rhinna4ever
Rhinna4ever
Genin
Vilarejo Atual
[Treino] Höki Junko 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Convidado
@
Convidado
Anonymous
Convidado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Rhinna4ever
http://narutorpgakatsuki.net
A porta de correr da frente da casa rangiu quando Junko a puxou para o lado e o os raios de sol tornou turva a visão da jovem por alguns segundos, mesmo após ela ter coberto o rosto com as costas da mão.

Para alguém que não conseguiu dormir, até que me sinto disposta hoje... A visão da ninja voltava aos poucos e imagem de pessoas circulando na rua, os pássaros voando e os galhos das árvores balançando deram mais sentido aos sons que eram possíveis ouvir mesmo antes de sair de casa. A Vila estava agitada como era de se esperar em uma manhã tão bonita.

Hoje parece um dia perfeito para treinar ao ar livre... Natureza e inspiração é tudo que eu preciso para treinar hoje.

Junko caminhou a passos largos até o campo de treinamento, que, como esperado para aquela hora e dia, estava repleto de ninjas. A jovem olhou ao redor procurando um lugar que estivesse vazio, mas como não encontrou nada, resolveu adentrar nas árvores até ter se afastado o suficiente dos demais. Após alguns minutos de caminhada, uma pequena clareira vazia lhe encantou, a jovem nem pensou duas vezes, era ali que treinaria.

Fazia muito tempo que Junko não treinava ninjutsu e seu controle de chakra como um todo, mas desde nova seus pais lhe instruíram sobre como controlar seu chakra para escalar superfícies e andar sobre a água. A jovem, que se sentia um pouco enferrujada, decidiu começar pelo básico: através do Ki Nobori no Shugyō concentrar chakra nas solas dos pés e escalar a passos lentos um enorme árvore que se encontrava ali.

A escalada com impulso da corrida e a passos rápido facilitava muito as coisas, mas para Junko o mais importante era sentir seu chakra correndo sob seu controle. Após fazer isso por cerca de uma hora a jovem se convenceu de que havia pegado o "jeito" novamente, e passou a usar o conceito da técnica Ki Nobori no Shugyō  da sua própria forma, concentrando chakra alternadamente nas mãos e pés para impulsioná-la enquanto pulava de uma árvore para a outra em um movimento que parecia que estava "dando estrelinhas" nos galhos.

Junko sempre acreditou que dominar o básico de seu controle de chakra lhe permitia aproveitar ao máximo quando realizava um jutsu. A jovem ainda tinha grandes ambições de aprender ninjutsus de ranks altos, estilos de luta e um dia ser como sua mãe, uma ninja médica. Mas para isso, sabia que precisa conhecer muito bem seu corpo e capacidade, além de ter um alto domínio sobre o ninjutsu.

A jovem já ofegava um pouco quando desceu, seja pela concentração contínua de chakra ou pelas peripécias de ficar pulando entre as árvores como um macaco. Por fim, decidiu testar o quão boa estava sua técnica de transformação, através do Henge no Jutsu.

Junko utilizou a técnica primeiro para se transformar numa pequena cerejeira fora de época que se encontrava ali perto e chamara sua atenção pela beleza. Ainda que tenha se sentido satisfeita com o resultado, não conseguia ver a si mesma para saber se estava idêntica a árvore.

Melhor que seja uma pessoa..

Mesmo antes de se decidir quem seria a pessoa Junko fez os selos do cachorro, do javali e do carneiro. Ela respirou fundo e então tirou o espelho da sua bolsa, o reflexo lhe deixou feliz, mesmo assim as lágrimas escorreram quando via a imagem de sua mãe. A transformação tinha sido perfeita e a jovem quase podia acreditar que era sua mãe naquele espelho.

- Sinto sua falta. Junko olhava para o espelho quando uma flor de cerejeira caiu da árvore ao lado sobre sua cabeça. Por um minuto a jovem pensou que poderia ter sido sua mãe que mandou a flor e sorriu.


HP: 225/225
CH: 225/225
ST: 01/01



Spoiler:
Treino para +1  Ninjutsu
Palavras: 637

Bolsa de armas (20):

[5] Kunais
[4] fio (20 m)
[2] Kemuridama
[3] Shuriken
[1] Fuuma Shuriken


Jutsus usados:

Ki Nobori no Shugyō
Rank: E
Descrição: Ki Nobori no Shugyō é um método de treinamento utilizado para obter mais habilidades com controle de chakra. Esta formação envolve focalizar uma quantia fixa de chakra para o fundo do seus pés, e usar isso para subir em uma árvore sem utilizar as mãos. Se o fluxo de chakra é muito fraco, o usuário perderá sua posição na árvore e cair. Se ele for muito forte, o utilizador irá ser empurrada para longe da árvore, fazendo com que a árvore se quebre em torno do ponto de contacto com o utilizador.

Henge no Jutsu
Rank: E
Selos: Cachorro, Javali e Carneiro.
Descrição: Tendo em conta tudo o ninja missões são atribuídos a - coleta de inteligência, batalha, diversões - este é um ninjutsu de valor inestimável. Ele é geralmente usado para se transformar em outras pessoas do que a si mesmo, mas um também tem a capacidade de se transformar em animais, plantas e objetos inanimados, como até mesmo armas. Isto dá esta técnica uma grande quantidade de usos. A transformação de um shinobi habilidoso será exatamente como o artigo genuíno, por isso vai ser impossível dizer os dois separados. Por outro lado, a transformação realizada por uma pessoa inexperiente terá discrepâncias óbvias. A técnica de transformação é considerada entre as mais difíceis de rank E, uma vez que requer emissão constante de chakra enquanto mentalmente manutenção da forma. Em cima disso, o usuário seria, muito provavelmente, interagindo com o ambiente. Isso coloca pressão mental sobre um ninja inexperientes.


_______________________

Ficha   -   Banco

[Treino] Höki Junko Original


If this night is not forever, at least we are together...

I know I'm not alone.





Rhinna4ever
Rhinna4ever
Genin
Vilarejo Atual
[Treino] Höki Junko 100x100

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Convidado
@ + 1 em nin
Convidado
Anonymous
Convidado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ícone
Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Ir para o topo Ir para baixo

Ir para o topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos