>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 71DG
Após uma dura jornada, Shaka finalmente caiu e teve a maldição retirada de seu coração. No entanto, os problemas trazidos pela família Hattori não se extinguiram. Shion revelou ter ajudado a libertar Lilith, uma monarca da dimensão infernal, que agora está possuindo o corpo de Hyuga Katsura e libertando uma horda de seres infernais contra este mundo. O mundo corre risco de ser consumido pela maldade dessa criatura, mas não se o plano de Shion der certo: forçar Lilith a causar um evento chamado de O Grande Eclipse, onde as portas de todos os mundos e dimensões ficarão abertas, e assim permitir a ele ir ao submundo resgatar sua amada Katsura Grey para finalmente selar Lilith.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno

Oda
Jōnin
Oda
Vilarejo Atual
Ícone : [Filler] O Princípio 100x100

https://www.narutorpgakatsuki.net/t68937-fp-ororo-n-yami#514650

[Filler] O Princípio - 14/4/2018, 23:59



Hidey Chinoike


O pequeno Chinoike estava sentado na varanda de sua casa em Konoha. O lugar era ligeiramente afastado do Centro da Vila Oculta da Folha, mas ainda sob sua proteção incessante. Uma fina chuva caía dos céus, diante da criança, sentada numa velha cadeira de balanço de madeira que pertencera a seu falecido avô. Ele observava a água que caía como pequenas lágrimas diante dele, os raios que brilhavam no horizonte, sempre que saíam das nuvens como descargas elétricas ferozes e seu rugido posterior, em forma de trovão, sempre capaz de assustar uma pessoa, não importa o quão velha e experiente.

Seus pais haviam saído em uma missão. Eles sempre estavam em alguma missão. Os olhos dos Chinoike os tornavam shinobi excepcionais, devido a Kekkei Genkai única que os permitia executar um genjutsu poderoso e manipular o sangue de animais e seres humanos, de maneira que isso os tornava brutais e versáteis em combate. Seus pais que detinham o dojutsu muitas vezes comparado com os três grandes dojutsus muitas vezes eram chamados para cumprir seu papel em missões de assassinato e outras tarefas de natureza sombria.

Naquele fim de tarde, Hideyoshi os esperava na porta de sua casa, ansioso pelos longos cinco dias em que ficaram fora. Um homem idoso entrou na varanda e se sentou em uma outra cadeira, próximo ao menino que não parecia muito disposto a falar. Ele parecia compassivo com o garoto, observando-o de maneira enigmática. Ele era o velho Hokama, que cuidava do treinamento de Hidey há pouco mais de um ano.


- A chuva nos impede de treinar por hora, mas quando ela parar, voltaremos ao treinamento, mesmo se estiver de noite. - disse o velho, não tinha um ar rabugento, mas era autoritário.

- Não quero. - respondeu o Chinoike e espiou o velho com os olhos rapidamente, antes de voltar a placidez de sua contemplação.

- Precisa. - foi a resposta que ouviu.

- Para quê tudo isso? - uma nova pergunta.

Ele não tinha o hábito de indagar o velho Hokama acerca da natureza de seus treinamentos ou nem mesmo acerca de seus métodos. Ele era obediente, movido de certa forma por um desejo de proteger. Partilhava da vontade de seus pais de defender Konoha e entendia que sua Kekkei Genkai era uma responsabilidade, um presente divino concedido a ele para que pudesse lutar contra os mais terríveis inimigos, protegendo seus entes queridos do caos. Contudo, as coisas pareciam estar mudando. Um ano de treinamento pesado e ele não havia ainda obtido a atenção de seus pais como desejava. A obediência dele não rendia frutos, seu desejo de auxiliar não tinha objetivo, visto que aqueles com quem ele se importava eram tão fortes, que ficavam amarrados a proteger os outros para sempre.

"Eu não os conheço." pensou consigo ao vislumbrar as pequenas casas de Konoha através do horizonte. "Por que eu deveria sacrificar tudo o que eu sou para ajudá-los?". Esses pensamentos eram quase sombrios para ele, ainda criança e sentia que o mesmo valia para seus pais. Ele de fato conhecia aqueles que o trouxeram para o mundo? Eles haviam escolhido o restante da Vila em detrimento de seu próprio filho. Abandonavam-o todos os dias, deixando-o de lado para salvar a vida sob serviço do daymio do fogo. Era o dever dos shinobi, ele entendia isso e aceitava que aquilo fazia parte de quem eram, mas não podia aceitar totalmente esta ideia.

- Por que? É uma pergunta muito boa. Talvez precoce ainda. Mas a resposta é simples: Isso nos faz mais fortes. - respondeu Hokama, atraindo a atenção de Hidey do interior de suas reflexões.

- Para que se tornar mais forte? - indagou o menino.


- Por que é nossa natureza. Por que o mundo é um lugar perigoso. - disse Hokama, falava com determinação, mesmo embora tivesse algo naquilo que parecia ocultar parte da verdade.


- É mesmo um lugar perigoso. Meus pais são fortes e vejam onde estão. - respondeu o rapaz.


- Se você se tornar forte o suficiente, não terá mais que esperá-los. - disse Hokama e uma sombra pairava sob seu rosto. - Não é apenas tristeza que sente, não é mesmo, Hide? Você sente raiva. Se sente abandonado. Eu sei disso, porque uma vez estive onde você está. Sentado em uma varanda, olhando para um mundo em que os shinobi combatiam as ameaças e guerreavam entre si em batalhas inigualáveis. Grandes monstros invocados da terra, seres de outras dimensões, chakra além dos limites naturais. Percebe tudo isso?

- Um mundo caótico. - ele respondeu, parecia subitamente mais maduro.

- Isso, mas o caos não é uma ameaça, como alguns pensam e fazem de tudo para combatê-lo. O caos é oportunidade. - disse Hokama e aquilo estava além da compreensão do pequeno Chinoike naquele momento, mas anos depois essa conversa ressoaria em sua mente muitas vezes.  - Se você for forte o suficiente, não mais vai precisar esperar. Não precisará mais se conectar com ninguém para viver. Terá a capacidade de viver totalmente sozinho, de viver se alimentando do caos.

- Não é assim que os vilões vivem? Alimentam-se do caos, oprimem os outros. - indagou o Chinoike.


- Não, rapaz. Vilões são escravos de seus desejos. Vivem para atormentar os outros, massacrá-los e mostrar que são fortes. Esse é o caminho dos solitários, onde a força é o verdadeiro caminho. Ela não é um meio para o fim, é o Princípio.


- Um Princípio? - disse Hidey, se virando para ele com a cabeça brevemente. Sua atenção havia sido atraída.


- O Princípio. 

A chuva então parou, aos poucos diminuindo o fluxo de água que caía dos céus até que passou de vez, deixando uma terra encharcada sob o pôr do sol. A mente de Hidey agora tentava digerir tudo aquilo, buscando um caminho para seguir, agora que seu antigo objetivo, a Vontade do Fogo, parecia insuficiente para orientar sua vida. Ele era muito jovem ainda para entender completamente o que aquilo significava, mas não permaneceria jovem para sempre. Um dia, o Princípio o encontraria.


Considerações:
Visual: Alexander Nikolaevich Hell

1009 palavras

Bolsa de Armas:

Kunai: 02; (2)
Shuriken: 05; (5)
Kibaku Fuuda: 12 unidades; (3)
Kemuridama: 04; (4)
Hikaridama: 04; (4)
Fios: 5m (1)
Ampola (Veneno, Medicamentos, etc): 01. (1)

Jutsus :

Ketsuryūgan - Desativado
Descrição: O Ketsuryūgan é um dojutsu kekkei genkai, que aparece em certos indivíduos do clã Chinoike. O Ketsuryūgan é reconhecido pela sua cor avermelhada, dando uma aparência especial para os usuários deste dōjutsu, caracterizados como titulares de "olhos tão vermelhos como o sangue". O Ketsuryūgan confere habilidades de seleção de genjutsu. Seu poder ganhou comparação com os Três Grandes Dojutsu. O Ketsuryūgan também deu aos usuários a capacidade de manipular o sangue do usuário, ou mais precisamente o ferro no sangue, permitindo que o usuário não apenas manipule seu sangue, mas qualquer líquido com alta concentração de ferro.

-




Jutsus Ativos:






HP: 225 | 225 CH: 225 | 225 VEL: 14m/s ST: 00 | 03

_______________________

[Filler] O Princípio Tumblr_pytn9euwiU1y4te2do1_250
Ficha - M.S - Banco
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [Filler] O Princípio - 15/4/2018, 00:35

@Ap
-


Edição de Aniversario por Shion e Senko.