>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, mas simplesmente o melhor!
Arco 11:
Reino de Lilith: PesadeloAno: 70DG
Hanatarō olha para a vila do topo do prédio do Departamento de Pesquisa. Há dois anos era uma salinha no fim do laboratório geral da vila, agora tinha seu próprio prédio tão alto quanto o próprio escritório do Kazekage. Hanatarō sorri vendo as pessoas andando felizes na nova vila construída graças aos avanços científicos realizados com a inteligência de Takura, sua mentora. Antes, ele só via uma vila pobre, com construções de areia frágeis, com um horizonte desértico, dependendo de outras vilas, inclusive de Konoha, para conseguir sobreviver, mas agora... Sunagakure estava grandiosa novamente e tinha comprado sua independência. As construções ainda tinham porções de areia, mas eram forjadas em metais nobres, em ouro, em prata, criando grandes casas e prédios. As lojas estavam cheias de especiarias únicas, pois o trabalho de encontrar certos ingredientes se tornou muito mais prático desde que a vegetação voltou a florescer nos arredores da vila; onde antes era só deserto agora possuía vielas de relva, florestas, rios e uma fauna cheia de roedores, mamíferos e carnívoros.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Inverno

Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

[T] 忍術 ー 能力の手 - em Sex 28 Out - 22:45

忍術 ー 能力の手
Some angels 
are predestined 
to fall.

 Reika estava de pé antes mesmo do despertador tocar, arrumando sua cama assim que se levanta e pegando seu roupão e indo ao banheiro. Ligando o chuveiro na agua mais quente, a jovem entra e deixa a agua bater em suas costas com a cabeça encostada no vidro embaçado do box. Assim que termina o mesmo, começa a se enxugar e vai em direção ao quarto, já havia deixado sua roupa preparada sobre a cama um vestido florido que ia até a base dos joelhos o vestindo rapidamente, a jovem prendia seu cabelo em um rabo de cavalo, terminando de por sua sandália, Reika ia até a cozinha, preparar seu café da manhã pois seu estomago roncava e ela sabia que estava com fome de carne, mas tinha que se acalmar pois logo se alimentaria. Assim abria as portas dos armários e pegava cereais com leite, e se sentava a mesa, assim colocava o cereal no pote e o leite depois, comendo aos poucos a menina pensava enquanto olhava para o céu nublado pela janela.
 
‘’ Shiroshi está forte agora, eu queria que ele me olhasse com orgulho, como eu olho para ele, JÁ SEI, EU DEVO TREINAR PARA CONSEGUIR FICAR FORTE COMO ELE, isso aiii.’’ – dando um tapa na mesa, a menina se levanta rapidamente e vai até o quarto pegar sua bolsa e sem terminar de comer, e vai em direção a saída de sua casa, enquanto fecha a mesma.
 
Andando com passos lentos, a jovem passeia sobre o comercio da vila, e vê que a mesma se encontra bastante movimentada para um dia de semana qualquer, as ruas estavam tomadas por bancas de comidas e roupas, Reika passa por uma banca de maçã e para ali, enquanto olha as maças e escolhe uma e a guarda para lanchar mais tarde, tirando o dinheiro de sua bolsa e entrega para a mulher que estava sentada ali. Continuando seu caminho até a saída da vila a jovem caminha sem preocupação, sabendo onde iria e que aquele local não era perigoso, assim pega um atalho pela floresta, aquele caminho era calmo e bastante relaxante, Reika gostava da floresta pois sempre morou na mesma, e a fazia lembrar de seus pais e aquilo fazia ela se sentir em casa, sempre que estava triste, a menina corria para floresta e lá ficava por horas até se acalmar, por isso que sempre que vai treinar, a jovem vai para a floresta. Chegando no local desejado, a menina olha para o riacho, vendo aquela pequena cachoeira que ficava ali, o som da agua transbordando dava uma calmaria para Reika.
 
— Perfeito, como podemos começar? – Tirando sua bolsa do ombro, a mesma a colocava sobre uma rocha que havia ali, e ia até a borda do riacho, fechava os olhos respirando bem fundo esticando uma de suas mãos para frente, a menina se concentrava e assim que abria os olhos, a menina começava a manipular uma rajada de agua, que era lançada em direção a um arvore do outro lado do riacho, e continuou com aquilo várias e várias vezes, até perceber que a árvore já havia caído de tantas rajadas que foram jogadas com força contra ela.
 
— Eu preciso ficar mais rápida nos meus selos, isso mesmo. – assim que dizia isso, se sentava na borda com os pês sobre a agua e começava a formar selos sem intenção de formar jutsus, e sim aprimorar sua velocidade de formação, continuando e sem parar a menina fazia diversos selos o mais rápido possível, seus braços doíam ao ficar em uma só posição, mas isso não fazia a menina parar, vendo que estava ficando mais rápida para com os mesmos, a menina deu uma parada para o lanche, e assim foi até a bolsa e pegou aquela maçã, enquanto comia a mesma e se sentava novamente onde estava, seus pensamentos foram para Shiroshi.
 
‘’ O que será que ele está fazendo? Ele nem se interessou pelo convite de sairmos, ou será que fiquei falando demais e acabei falando o que não deveria... Depois vou ir na casa dele ver o que houve, só espero que esteja bem.’’ – Jogando as sementes da maçã sobre a água, a menina levanta e se alonga e então começa novamente a fazer selos, só que dessa vez realizando jutsus, para observar se o tempo de formação dos mesmos haviam sido alterados
 
— Certo, agora vamos lá. - Dizendo isso, suas mãos se juntam diversas vezes ao realizar os selos e ao esticar a mão para frente e formar um disco de água, joga-o em direção as arvore. A menina faz isso diversas vezes e percebe que se acostumou com a velocidade em fazer selos, a rapidez e agilidade em seus dedos a deixaram feliz e com isso continuou a treinar sem parar, realizou os selos de novo e de novo e jogou discos de aguas sobre as pequenas arvores que ali haviam.
 
Já escurecendo um pouco, Reika viu que poderia ficar um pouco perigoso, ainda mais com ela estando um pouco cansada, então decidiu voltar para a vila, pelo mesmo caminho que havia trilhado antes. No caminho de volta para a casa, a menina continuava a treinar os selos. Por onde passava os pássaros agora estavam quietos, a floresta silenciosa e bastante calma, assim que chegara no portão da vila, via que a mesma estava bem silenciosa, e isso a fez sorrir, continuando a andar em direção para casa, a menina começou novamente a fazer selos, e assim que chegara em casa, já bastante cansada de andar, sentava-se em seu sofá e colocava a cabeça sobre o encosto do mesmo, e dizia em voz calma e sonolenta.
 
— Tô cansada, mas tenho certeza que isso valerá a pena. – balbuciou cansada ao deitar em sua cama.

Considerações:
-> Pontos treinados: Ninjutsus e Selos de Mão
-> Water Help usado cinco vezes.
-> Water Disco usado uma vez.
Jutsus Utilizados

Kekkei Genkai:


Kagune
Descrição: A Kagune (赫子, Escama Vermelha) é uma kekkei genkai corpórea presente tipicamente nos membros do clã Yoshimura que concede ao portador a capacidade de manipular seu tecido muscular através de infusão de seu chakra ao próprio organismo, manipulando assim o crescimento dos músculos, assim como a densidade e flexibilidade, expandindo este poder também ao controle manipulativo da própria carne. 

Ainda que muito forte, essa habilidade não permite a projeção de qualquer zona muscular do corpo, pois, diferente de humanos normais, a própria estrutura celular dos indivíduos demonstra-se diferente, sendo difícil, por exemplo, tratar doenças nestes membros - outro possível fato de sua quase extinção. Os membros que possuem em seu DNA esta capacidade, os fazem, inicialmente, por lugares apropriados para isto, algo chamado de Kakuhō pelos membros da linhagem. 

Estes pontos denominados Kakuhōs são zonas específicas no corpo de um indivíduo onde a concentração de células maleáveis (Células RC) é infinitamente maior, permitindo assim a manipulação e projeção para fora do corpo da própria carne e músculos, criando armas poderosas com o próprio corpo. Ao todo existem quatro pontos conhecidos: à altura dos ombros chamada de Ukaku, entre as omoplatas chamada de Koukaku, na região lombar chamada de Rinkaku e na área do cóccix chamada de Bikaku. Além destas zonas, o indivíduo pode facilmente manipular a regeneração da carne e músculos para recuperar-se da danos até medianos uma vez por turno com custo de vinte pontos de chakra, podendo inclusive ajustar o corpo para uma melhoria muscular, mas, ainda assim, dificilmente conseguem reconectar membros perdidos apenas com a habilidade básica.
Jutsus Usados:

[T]   忍術 ー 能力の手 Ufo-cloud-7-1
Water Disco (ディスコ水 - Disuko Mizu)
Rank: C
Tipo: Ninjutsu
Duração: 1 turno
Descrição: Cansado e se sentindo limitado pelos projéteis já existentes nas técnicas transpassadas à gerações dos dominadores do elemento água, o devido usuário desenvolveu uma habilidade que parte dos conceitos de projéteis, contudo com uma estética e utilização completamente nova. O elementalista, estende suas mãos - ou sua mão, como bem desejar - e canalizando seu domínio elementar na palma de sua mão e projetando um alvo ao qual queira acertar e destruir, esferas d'água se formam e se achatam até se tornarem finos discos de trinta centímetros de diâmetro e são lançados girando em alta velocidade contra um alvo.

Os discos são finos e atingem tamanha rotação e velocidade que são capazes de infligir cortes superficiais e bastante dano ao explodirem no final do impacto. Possuem a velocidade baseada nos pontos de ninjutsu do usuário. Essa habilidade é retida à um limite de apenas três projéteis e caso sejam lançados em quantidade maior, será atribuído um custo de 50 de Ch para montante de cinco projeteis lançados. Os discos por serem planos e estarem em rotação, o usuário tem a capacidade de manipulá-los sutilmente durante seu trajeto, podendo alterar levemente sua direção, como por exemplo: fazer curvas e contornas obstáculos. Oponentes com 5 pontos em força ou mais, sequer precisam se preocupar em defender os projéteis.



[T]   忍術 ー 能力の手 5030313-korrwater
Water Help (水のヘルプ - Mizu no Herupu)
Rank: C
Tipo: Ninjutsu
Duração: 1 turno
Descrição: Uma simples técnica desenvolvido pelo usuário, a fim de usufruir de fontes d'água para aumentar a magnitude se sua manipulação. O dominador d'água, a partir de uma fonte d'água relativamente grande, obtém a capacidade de ao manipular uma rajada d'água, se provir da fonte incrementando a magnitude daquela rajada. Movimentos de manipulação são necessários para tal técnica, como se o usuário manipulasse-a com as duas mãos, deixando-as no momento da técnica, inutilizadas. A rajada inicialmente se forma como Rank C e caso ela desfrute de um relativo "buff" por alguma fonte d'água, se torna uma única rajada de maior magnitude e força de impacto (Rank B), que pode ser direcionada contra o oponente, na mesma velocidade do usuário.

Status


Yoshimura Reika
[T]   忍術 ー 能力の手 Hp210Hp: (300/300)
[T]   忍術 ー 能力の手 XQKY0Ch: (150/300)



LEGENDAS
Narração Falas Pensamentos

-
Blurryface
Genin
Blurryface
Vilarejo Atual
Ícone : [T]   忍術 ー 能力の手 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [T] 忍術 ー 能力の手 - em Sex 28 Out - 23:15

Tá ok, 2 em cada um.

_______________________

[T]   忍術 ー 能力の手 Large
-


Layout com edições de Halloween feito por @Akeido Themes e Senko.