:: Mundo Ninja :: Mapa Mundi :: Sunagakure no Sato :: Campo de Treinamento
O Dia Mais Claro
Arco 02
Ano 13 DG
Outono
Com o fim da guerra em Oto, o mundo estava se reajustando uma vez mais. Embora se vendo como inimigas, as Cinco Grandes Nações se reergueram novamente, cada uma à sua maneira. Suna e Iwa ainda se mantinham sem Kages, e em cada uma um conselho de alto nível foi formado. Em Kumo, Kagaya focou em deixar seus ninjas mais poderosos e passou a exigir deles ainda mais comprometimento em batalha. Kaden, mesmo emocionado com a difícil vitória, levou novas esperanças à sua vila, Konoha, e, aliviado pela renúncia de Kamata ao posto de Senhor Feudal, via na nova Senhora do Fogo uma forma de deixar tudo que aconteceu em Oto enterrado em Oto, para que todos seguissem em frente, para o futuro. Em Kiri, Jyu apresentou um novo investimento, e, agora, a vila investia na área cientifica, trabalhando com engenharia genética e mecânica; um jovem engenheiro, Moira O'Deorain, lançava um produto que alavancaria Kiri e todo o mundo ninja, sua nova criação: “Vita”. Ao mesmo tempo, saindo das sombras, a organização privada HYDRA se apresentava ao mundo, investindo pesado em tecnologia e criações para torná-lo um lugar melhor.
... clique aqui para saber mais informações
Shion
Fundador do RPG Akatsuki, Shion é responsável por manter o bom funcionamento de todas as áreas do fórum há mais de 10 anos. Completamente apaixonado por RPG e escrever, hoje é o principal responsável pelo desenvolvimento de toda a trama desse universo baseado na arte de Kishimoto.
Shion#7417
Angell
Angell é jogadora de RPG narrativo desde 2011. Conheceu e se juntou à comunidade do Akatsuki em fevereiro de 2019, e se tornou parte da administração em outubro do mesmo ano. Hoje, é responsável por desenvolver, balancear, adequar e revisar as regras do sistema, equilibrando-as entre a série e o fórum, além de auxiliar na manutenção das demais áreas deste. Fora do Akatsuki, apaixonada por leitura e escrita, apesar de amante da música, é bacharela e licenciada em Letras.
Angell#3815
Oblivion
Oblivion é jogador do NRPGA desde 2019, mas é jogador de RPG a mais de dez anos. Começou como narrador em 2019, passando um período fora e voltando em 2020, onde subiu para Moderador, cargo que permaneceu por mais de um ano, ficando responsável principalmente pela Modificação de Inventários, até se tornar Administrador. Fora do RPG, gosta de futebol, escrever histórias e atualmente busca terminar sua faculdade de Contabilidade.
Indra#6662
Salvatore
Salvatore é parte da comunidade de RPG narrativo desde meados de 2013. Conheceu o Akatsuki nessa época, mas começou a fazer parte como jogador ativamente em 2021, sempre com muita dedicação e compromisso com o fórum. Hoje, atua no fórum como narrador e administrador, focado nas partes administrativas do ON. Fora do fórum se considera um amante de futebol, adora cozinhar pratos exóticos e é estudante de Engenharia Civil.
Salvatore#1234
Sr. L
Sr.L apelido recebido pelos players do fórum, devido ao seu sobrenome Sinhorelli, joga em fóruns narrativos desde 2010. Encontrou o Akatsuki no final de 2020, mas manteve-se ativo no início de 2021. Desde então se empenhou como player e se sentiu na obrigação de ajudar os demais e hoje auxilia o fórum como Narrador, Moderador e Administrador. Fora do forum, trabalha e possui formações acadêmicas, voltadas a área de gestão de pessoas.
Sinhorelli#1549

[Treinamento] Atributos 100x100

DjentSch
DjentSch
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

[Treinamento] Atributos - Publicado 30/9/2016, 21:12

Um novo dia, um novo passo. Criss volta ao campo de treinamento, porém dessa vez com novas ambições. “Preciso melhorar minhas habilidades de analisar situações e articular ações. Bom, no campo de batalha ao menos”. O garoto dessa vez tinha trazido um boneco de palha de casa, quase como um espantalho. Ele o deixa em meio a algumas árvores. “É, acho que isso vai funcionar. Eu espero...”.
                “No shogi eu tenho vários movimentos, e diversas tentativas para ganhar, mas contra um oponente num combate real, eu posso morrer no primeiro erro. Devo analisar a situação e bolar um plano para... não, eu devo bolar no mínimo 3 planos diferentes! Para assim conseguir o sucesso”. Criss sobe em cima de uma das árvores que rodeia o boneco, olha para todos os lados possíveis, analisa o campo de batalha até o mais banal detalhe e então volta sua atenção ao boneco, a qual ele olha fixamente, com aquele famoso olhar que só o clã Nara tem, aquele olhar que você sabe que provém de um gênio. “Tá, agora devo saber quem é meu oponente antes de agir. Digamos que ele seja um chunnin, que sua especialidade seja taijutsu, mas que ele possua alguma outra carta na manga... talvez uma habilidade com Katon. Certo. Supondo que ele não sabe que estou aqui eu tenho a vantagem. Eu devo ataca-lo de alguma forma. Não devo chegar perto dele pois ele de destruiria com sua força física, nem posso dar brecha para que ele use seus jutsus de fogo. Considerando que ele é de um nível superior ao meu, eu não posso lutar com ele sem ter certeza de ter uma vantagem muito grande. Já tenho o fator surpresa a meu favor, mas ainda preciso de algo mais. Talvez uma distração. Sim, é isso. Vou começar a agir”.
                Criss começa então seu combate mentalmente. O que antes era um boneco imóvel agora se torna um impiedoso ninja que o matará na primeira chance que tiver, e ele não pode dar essa chance a ele. Uma kunai com papel bomba é arremessada aos pés do ninja inimigo, que salta para trás na hora. O papel bomba não explode, não, na verdade, aquilo nem era um papel bomba, mas apenas um pedaço de papel na qual Criss havia escrito. E num piscar de olhos o ninja está imobilizado, Criss usou o Kagemane e usou a sombra da árvore que o ninja se aproximou ao pular para trás para ampliar seu alcance. “Pronto, conseguir capturá-lo sem precisar chegar perto dele... NÃO! NÃO! Ah, qual é, um ninja desse nível não seria pego tão facilmente”! O ninja então some numa nuvem de fumaça. “Um kage bunshin? Agora está melhor. Mas para onde ele foi”?. Criss é golpeado nas costas e então cai da árvore, mas não tomando sérios danos. “Ah, aí está você. Boom”! Fazendo um selo, a árvore na qual estava o ninja explode. “Nem todos os papeis bomba podem ser falsos não é mesmo”? O ninja é arremessado ao chão pela explosão, mas outra pequena cortina de fumaça aparece, para revelar um tronco. “Ah, cara. Sério”?.

-Katon: Goukakyuu no Jutsu! – O ninja expele uma enorme bola de fogo em direção a Criss.
                “Esse é um jogo em que dois podem jogar”. Depois da grande explosão passar tudo que resta é um tronco queimado no lugar de Criss. E mais uma vez o ninja está imobilizado. Ao olhar para baixo o ninja vê um x no chão.

-O x marca o derrotado. – Fala o garoto ofegante, a cinco metros atrás do ninja.
“Agora eu consegui. Finalmente. Eu sabia que ele ia escapar de algum jeito, e qualquer ninja sabe que o modo mais efetivo de atacar alguém de surpresa é no seu ponto cego, nas costas. E assim foi, exatamente como o esperado. O mais frustrante é que eu ainda tinha pelo menos mais 2 estratégias, mas mal tive chakra para essa. Enfim...”
                -Está acabado. – Fala o garoto ao arremessar uma kunai em direção a nuca de seu oponente.



O garoto cai sentado no chão, ofegante. Tinha sido uma batalha que nem havia existido e já teria o deixado exausto, ele temia ao pensar numa real batalha contra um adversário que não fosse si próprio.
                - E agora, devo me sentir um vencedor de ganhar de um adversário tão forte ou um fracassado por perder para mim mesmo? – Fala o garoto rindo ao mesmo tempo que tenta retomar o fôlego.



Status:

HP:195/200
CH:187/200

Jutsus Utilizados:

Kawarimi no Jutsu
Rank: E
Selos: Carneiro, Javali, Touro, Cachorro e Cobra.
Descrição: Com esta técnica, os usuários substituem o seu próprio corpo com algum outro objeto, geralmente com um bloco de madeira no momento de um ataque. Isso cria uma ilusão de ótica, fazendo com que o inimigo ache que o ataque foi bem sucedido. A partir disso, o usuário pode usar o lapso de atenção do inimigo para atacar ou fugir do campo de batalha. Etiquetas de explosivos podem ser anexados à substituição de uma surpresa adicionado. É um ninjutsu básico mesmo ensinado na Academia, mas é uma arte útil que pode ser aplicada em várias situações.

Ninpou - Kage Mane no Jutsu (Arte Ninja - Técnica de Imitação das Sombras)
Rank: B
Descrição:
O membro do Clã Nara projeta sua sombra até a sombra do alvo, e ao se 
encostarem as duas sombras o alvo do membro do Clã Nara imitará todos os
seus movimentos, ou seja, se o membro do Clã Nara levantar seu braço 
esquerdo o alvo também levantará seu braço esquerdo, contra a sua 
vontade. Essa técnica, assim como todas as outras do Clã Nara, tem por 

objetivo manter o inimigo aprisionado até a equipe de apoio chegar. 

Bolsa de armas:

Shuriken: 4 unid. [4]
Kunai: 4 unid. [4]
Kibaku Fuda: 7unid. [2]
Kemuridama: 5unid. [5]
Fios de aço: 25 metros.[5]


Última edição por DjentSch em 1/10/2016, 22:12, editado 1 vez(es)

_______________________

Ficha

[Treinamento] Atributos Qyvds2
                                                                       I got this
[Treinamento] Atributos 100x100

DjentSch
DjentSch
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 1/10/2016, 14:02

O dia está claro, como sempre, o calor escaldante que sempre paira sobre essa aldeia parece ter diminuído hoje, até mesmo as nuvens de areia que costumam ser levadas aos olhos das pessoas pelo forte vento parecem ter acabado. É com certeza um dia calmo, uma manhã calma.
                “Hoje devo começar meu treinamento sozinho, finalmente vou começar a ficar realmente forte. Mas ahhh, vai ser tão chato. Pelo menos com o vovô eu jogava um shogi depois”. – Pensava o garoto quando adentrava o campo de treinamento. Criss começava a se aquecer, o que nunca fazia, é, hoje ele estava determinado.
                O garoto tirou de seu pack duas kunais, e se direcionou a um boneco de madeira de treinamento próximo. “Certo, vovô sempre me disse que quando vamos treinar o nosso físico devemos ter em meta três coisas: velocidade, precisão e força. Hm... vou começar pela velocidade”. Criss começou a desferir golpes com a kunai de sua mão direita. Não tentava simular um combate, apenas queria treinar sua velocidade bruta. “Se eu conseguir desferir três golpes em menos de 3 segundos com apenas uma mão, significa que estou indo bem. É, essa vai ser minha meta”. O garoto continuou a golpear o boneco centenas de vezes, de modo que o boneco ficasse todo esfarrapado e o garoto precisasse descansar um pouco.
                Se direcionou a uma direção que pudesse olhar para fora dos limites da aldeia e ali se sentou por um tempo para descansar. “O que será que tem além daqui? O que esse mundo guarda? Quantos perigos e aventuras tem aí guardadas para mim?”. O garoto se levanta. “Seja o que for, não vou alcança-los se ficar parado descansando. Hora de continuar, e dessa vez é para valer”.
                “Vamos aplicar a velocidade dos ataques com a força agora”. O garoto começou a golpear tão rápido quanto antes mas dessa vez parece que algo tinha mudado, o que antes eram apenas aranhões deixados pela sua kunai agora eram cortes profundos na madeira e até retalhos. “Mais um, mais um, mais um...”. Golpe a golpe ele cortava a madeira com a fúria que não se via nem em lenhador. A cada golpe, um suspiro, a cada golpe um objetivo. “Certo, agora é a hora de adicionar a precisão”. Tomou outra kunai com sua mão esquerda e começou a golpear a madeira com mais precisão, buscando fazer cortes iguais em cada lugar que golpeava. Os cortes que fazia com a kunai de sua mão esquerda ainda estavam desleixados, mas o que ele estava fazendo com a direita era impressionante, ele conseguira em tão pouco tempo ficar tão bom com kunais.
                O garoto estava “morto”, totalmente acabado. Ele caiu no chão, quase desmaiado. Não acreditou quando abriu os olhos. “O que? Isso...isso são as estrelas? Meu Deus, há quanto tempo estou aqui?”. Criss tinha treinado o dia todo, sem mal parar para descansar, estava exausto. Mas no final, valeu a pena, o esforço tinha se pago.



Status:

HP:195/200
CH:187/200

 

Bolsa de armas:

Shuriken: 4 unid. [4]
Kunai: 4 unid. [4]
Kibaku Fuda: 7unid. [2]
Kemuridama: 5unid. [5]
Fios de aço: 25 metros.[5]


Última edição por DjentSch em 1/10/2016, 22:15, editado 1 vez(es)

_______________________

Ficha

[Treinamento] Atributos Qyvds2
                                                                       I got this
[Treinamento] Atributos 100x100

Hades.
Genin
Hades.
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 1/10/2016, 22:02

Treino em espera. Não vou reprovar, mas vou dar algumas dicas.

Primeiro, poste um treino e depois dele ser aprovado poste o outro. Segundo, não esqueça de colocar seus status no final do treino, você está fazendo ações em Onn. Terceiro, não esqueça de postar sua bolsa ninja, pois você usou armas dela.

Indico que você leia alguns treinos e depois reposte o seu com as modificações feitas.

_______________________

[Treinamento] Atributos Black_and_white_by_bezeta
[Treinamento] Atributos 100x100

DjentSch
DjentSch
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 1/10/2016, 22:16

Editados. E desculpa por postar tão "precocemente", sou muito ansioso. E valeu pelas dicas.

_______________________

Ficha

[Treinamento] Atributos Qyvds2
                                                                       I got this
[Treinamento] Atributos 100x100

Hades.
Genin
Hades.
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 1/10/2016, 22:19

Aprovados. +1 ponto em cada treino.

Outra dica, não edite seus posts e ao invés disso reposte eles. Não precisa fazer isso com os atuais, mas não esqueça disso. Editar post pode fazer com que você perca uma luta ou deixe de ser avaliado.

_______________________

[Treinamento] Atributos Black_and_white_by_bezeta
[Treinamento] Atributos 100x100

DjentSch
DjentSch
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 2/10/2016, 14:13

[-Os nossos jutsus tem uma brecha muito visível, Criss. Somos bons no um contra um, mas quando estamos em desvantagem numérica, os ninjas do clã Nara tendem a sofrer.
                -Como assim vovô? Por quê isso?
                -Quando executamos nosso jutsu precisamos de grande concentração, para mantê-lo o maior tempo possível, certo? E nesse meio tempo não estamos aptos a perceber o que está a acontecer em nosso redor com a velocidade que normalmente perceberíamos, isso nos deixa quase que vulneráveis a um ataque do inimigo que não está sob efeito do nosso jutsu.
                -E como faço para mudar isso, vovô?
                -Há dois métodos. Ou você treina sua velocidade para ter reflexo e conseguir desviar dos ataques ou você treina sua inteligência, para conseguir perceber o ataque que está a caminho. Nenhum Nara ainda conseguiu aperfeiçoar isso, e com certeza, se você tentar, vai falhar. Mas não se preocupe, os Nara não costumam lutar sozinhos, estamos sempre como suporte em uma equipe.] – Lembra o garoto ao sair da sede do clã. Caminhando pela vila ele não consegue parar de se questionar. “E se eu for obrigado a lutar sozinho? E se ninguém poder me defender enquanto estou estático em meu jutsu”? Ele precisava fazer o que nenhum Nara conseguira até agora, precisava garantir sua sobrevivência no campo de batalha, mesmo com os números contra ele. O objetivo de Criss estava claro, ele ia aperfeiçoar o modo de luta Nara. Mas ele sabia que não iria ser tão fácil...

                O garoto chega no campo de treinamento, dessa vez não levando nada além de si mesmo. Parecia estar mais convicto que de costume, poderia ver que em seu olhar que tinha um novo objetivo, que almejava com toda a sua força. “Eu vou ficar mais forte, não importa o que”. Criss olha em volta como se estivesse perdido, acaba de lembrar que seu avô nem ao menos o falou como treinar isso. Já era de se esperar, claro, visto que aquele velho cético o tinha desencorajado. “Tenho que treinar minha inteligência, para continuar mantendo minha concentração no que me rodeia, nas ações inimigas que podem ser realizadas. Para depois treinar minha velocidade, a habilidade de reagir ao ataque inimigo. É, não ser fácil”.
                O garoto estava focado em aumentar sua inteligência, mas não fazia ideia de como fazê-lo. “Certo, o erro do jutsu é que nos concentramos demais nele e não percebemos o ataque inimigo como normalmente perceberíamos, então eu devo achar um modo de me concentrar em duas coisas ao mesmo tempo. Mas isso soa impossível para mim... – Pensa o garoto, não tentando esconder sua cara de desânimo, mas em um segundo já mudando seu semblante, voltando aquele olhar determinado que tinha agora pouco quando chegava ao campo de treinamento. “Não custa tentar”.
                O garoto caminhou até fora do campo de treinamento, viu que ali perto tinha um parque onde crianças estavam a brincar. E do outro lado da rua tinha um bar. E então Criss teve uma ideia. “Aquelas crianças parecem mesmo gostar de brincar ali. Toda hora tem uma descendo pelo escorregador como se fosse a melhor sensação do mundo. E aquele bar, parecia vazio até agora, mas a cada hora estão chegando mais homens para beber. É isso! Se eu conseguir contar quantas crianças desceram pelo escorregador ao mesmo tempo que contar quantos homens entraram no bar, estarei concentrado em duas coisas ao mesmo tempo, e mais, estarei observando dois aspectos, tanto o movimento no local quanto os números.” O garoto fecha os olhos por um segundo, para em seguida abri-los rapidamente. “Vamos lá”.
                Criss fica lá, virando sua cabeça de um lado para o outro, contando e armazenando os números e o comportamento das pessoas. “Doze vezes, elas desceram doze vezes. E lá no bar, chegarem 4 homens desde que comecei a contar. Ou foram 12 vezes e 5 homens? Que merda! É mais difícil do que eu esperava. Além do que, eu estou parecendo um mongoloide aqui olhando para os lados. Isso se não me acharem um maníaco por estar fitando essas crianças a tanto tempo. Mas eu preciso fazer isso, preciso melhorar minha inteligência, minha habilidade com a concentração”. -Pensou Criss logo após uma pequena pausa, que imediatamente foi sucedida pelo famoso sinal Nara, um sinal que representa concentração e serenidade, o mesmo sinal que seus antepassados faziam diante a batalhas e inimigos mortais. Criss abre os olhos e volta ao treinamento, se é que podia chamar aquilo de treinamento. “1,2,3...1...2,3... esses dois entraram juntos, parecem ser- 4. Mais uma criança desceu. Onde eu estava? Ah, é.  Aqueles homens pareciam shinobi, mas o que um ninja como- 5 crianças desceram. Voltando... ah foda-se.” – O treinamento estava dando certo ele estava conseguindo contar as crianças e os homens ao mesmo tempo que observava a movimentação no bar e os seus fregueses. “Vou adicionar as crianças na observação. Certo, 5 crianças desceram o escorregador até agora, mas cada criança desceu no mínimo 5 vezes cada, menos aquela garota de cabelos claros ali, ela só desceu uma vez porque foi desafia, parece ter medo. Logo o escorregador foi usado 21 vezes. Já contei 13 homens que entraram no bar, 3 deles pareciam shinobis, talvez gennins como eu. Outros 4 vieram em grupo, e o resto parecem cidadãos comuns apenas querendo esquecer seus problemas. Ah, como seria bom se o álcool me ajudasse com isso...”
                “Finalmente consegui. Consigo me concentrar em duas coisas ao mesmo tempo, sem perder a habilidade de analisar e perceber pequenos detalhes em nenhuma das duas, finalmente acabei”. – Pensou o ninja ao cair no chão. Não parecia cansado, mas sua mente estava esgotada. Nunca um treinamento que consistia em observar havia sido tão intenso.
 


Treino de atributo com mais de 900 palavras.
Status:

HP:200/200
CH:200/200

_______________________

Ficha

[Treinamento] Atributos Qyvds2
                                                                       I got this
[Treinamento] Atributos 100x100

Hades.
Genin
Hades.
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 2/10/2016, 21:16

Treino aprovado. 2 pontos de atributos.

_______________________

[Treinamento] Atributos Black_and_white_by_bezeta
[Treinamento] Atributos 100x100

DjentSch
DjentSch
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 3/10/2016, 19:26

               Deveria ser umas 04:00 quando Criss levantou para treinar. Pois ele sabia que o seu treino de hoje provavelmente seria o mais difícil que já tivera. Hoje ele treinaria, finalmente, taijutsu. A dificuldade não se devia à técnica ou ao estilo de luta, mas sim à Criss, que não tinha talento algum para isso. Ele apenas conseguia dar socos e pontapés desengonçados. Mas hoje é o dia em que isso vai mudar.
Ele chega ao campo de treinamento. “Eu deveria me aquecer, eu acho”. Criss tenta se aquecer mas sabe tão pouco sobre aquecimento quanto sabe sobre taijutsu. Cair e se machucar é o que faz. “Merda. Acho que me aquecer não foi uma boa ideia”. Pensa ele tirar de suas costas um saco de pancadas que havia roubado do tatame do clã Nara. “Onde eu devo botar isso? Vejamos... ali”! Vai até uma árvore próxima e pendura num galho, que por sinal parecia ser muito firme.
                -É, acho que vai servir. – Falava já ofegante por ter tido o trabalho de botar o saco de pancadas no galho. – Certo eu devo começar com socos ou chutes? Socos, com certeza.
               O garoto começou a socar o saco de pancadas com toda sua força, que infelizmente, não era um décimo de sua inteligência. Os socos eram ridículos, ele mal sabia serrar os punhos para dar a pancada. Às vezes ele era obrigado a segurar no saco de pancadas para não cair após dar um soco.
                -Meu Deus, isso é realmente deprimente. Minha avó deve dar socos mais fortes que os meus. Mas também, pensando bem, ficar dando socos nesse saco de pancadas não vai me fazer evoluir em nada. Eu preciso treinar os fundamentos. – “Começando com a postura das mãos”. -Pensou o ninja ao serrar, pela primeira vez suas mãos da forma correta e fazer a típica posição de defesa.
               Ele tentou de novo. A diferença foi imediata. Seu soco não ficou mais forte, nem mais rápido, mas o equilíbrio e precisão ficaram mil vezes melhores do que antes, e assim conseguia socar mais vezes sem precisar se apoiar no saco de pancadas. “Então está bem, a primeira parte já foi. Vou tentar agora a velocidade”. Nessa parte o garoto já tinha desistido de bater o mais forte possível, estava apenas socando e voltando para a posição de defesa o mais rápido possível. Logo após, conseguiu até mesmo disparar uma sequência de jabs sobre o saco de pancadas. “Isso é mais divertido do que parece, devo confessar”. Pensava o garoto ao socar o saco como se fosse uma criança indo à loja de doces.
               “Já consigo ter uma boa resistência e velocidade, agora preciso bater duro, bater forte. Mas essa é a parte mais difícil, eu preciso me concentrar muito para que consigo dirigir minha força para as mãos. Não é tão simples quanto um ninjutsu, não preciso apenas fazer selos para isso. Eu agora preciso evoluir meu físico”. O garoto fitou o saco de pancadas e fechou lentamente os olhos. Voltou a fita-lo em seguida. Voltou a posição de defesa, respirou fundo, e então socou-o. E assim, repetiu o processo, inúmeras vezes. Quem diria que a parte mais cansativa seria a parte mais lenta? Mas isso não abalou Criss, pois ele sabia que precisava daquilo, sabia que um ninja que não sabe o básico sobre o taijutsu não tem o que é necessário para ser um ninja poderoso. O barulho dos socos ficavam cada vez mais altos, até que uma hora dava para se ouvir outro som, o som do saco de pancadas batendo na árvore. Ele tinha conseguido, seu soco forte a ponto de empurrar o saco de pancadas para trás. Claro, não é um grande feito para a maioria dos ninjas, mas para Criss isso era o ápice de sua habilidade em artes marciais.
                -Agora tenho que tentar aplicar todos os fundamentos juntos.
O garoto batia no saco de dormir como se fosse um psicopata, ele estava tão animado por aquilo que não conseguia parar. Soco após soco ele se sentia o ninja mais forte do mundo, nunca tinha chego a tal nível de empolgação antes. Mas a euforia não durou muito, foi interrompida pela lembrança de que taijutsu não se refere apenas às mãos. “Chutes, preciso treinar chutes”. Lembrou o ninja e logo em seguida parou de socar o saco de pancadas, que já parecia um saco escrotal de tão enrugado que estava.
               -Certo, vou começar usando essa perna como a perna de apoio. – Dizia o ninja para si mesmo enquanto de apoiava sobre a sua perna esquerda. – Então, eu uso a outra pra chutar. Vamos ver como me saio.
               Criss, obviamente, caiu no chão na primeira tentativa. Simplesmente ridículo. Mas o mesmo tinha acontecido com ele quando começou a treinar seus socos, e agora ele já estava mais do apto para uma briga. Então, aprender a chutar não poderia ser tão difícil.
               -Mais uma vez, vamos lá. -Falou ao se preparar para a segunda tentiva.
               Caiu novamente. “Tá de sacanagem”. Ele então usou seu chakra Doton para fixar sua perna de apoio ao chão. E para sua própria surpresa, ele conseguiu. Ele continuou chutando, até que se tornasse algo fácil para ele, e depois repetiu o processo com a outra perna. Era gênial, era como andar de bicicleta com rodinhas. Mas chega uma hora em que o moleque tem que parar com isso, porque seus amigos o chamam de viado, assim era com o treinamento de Criss. Ele precisava treinar sem nenhum auxílio, porque em meio a uma luta ele não conseguiria manter a concentração para lutar e usar seu chakra Doton ao mesmo tempo.
               Ele então liberou o seu pé do solo e começou a chutar novamente o saco de pancadas, que para falar a verdade, já tinha mais buracos que um queijo suíço. O que era um bom sinal. E para sua surpresa, os chutes estavam tão bons quanto antes.
Criss cai no chão desmaiado após treinar o dia todo. Quando acorda a primeira coisa que ele vê é o sol surgindo e o saco de pancadas do tatame do clã totalmente rasgado com sua areia toda espalhada pelo chão.
               -É... fodeu.
Status:

HP:220/220
CH:240/250

_______________________

Ficha

[Treinamento] Atributos Qyvds2
                                                                       I got this
[Treinamento] Atributos 100x100

Hades.
Genin
Hades.
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 3/10/2016, 19:53

Só 2 pontos por semana.

_______________________

[Treinamento] Atributos Black_and_white_by_bezeta
[Treinamento] Atributos 100x100

DjentSch
DjentSch
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 3/10/2016, 19:58

Tinham me dito no chat que era 2 por semana em cada atributo. E eu não treinei nenhuma vez taijutsu.

_______________________

Ficha

[Treinamento] Atributos Qyvds2
                                                                       I got this
[Treinamento] Atributos 100x100

Hades.
Genin
Hades.
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 3/10/2016, 20:03

Não meu amigo, são 2 pontos DE atributos.

São dois treinos de 1 ponto por semana. Ou um treino de 2 pontos. O máximo é 6 pontos, 3 semanas. Pode perguntar isso pra qualquer um.

http://narutorpgakatsuki.com.br/t48511-04-databook

_______________________

[Treinamento] Atributos Black_and_white_by_bezeta
[Treinamento] Atributos 100x100

DjentSch
DjentSch
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 3/10/2016, 20:05

Saquei, valeu por esclarecer. <3

_______________________

Ficha

[Treinamento] Atributos Qyvds2
                                                                       I got this
[Treinamento] Atributos 100x100

DjentSch
DjentSch
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 9/10/2016, 17:25

                “Velocidade é um dos atributos mais importantes e úteis para um ninja. Um ninja que não é ágil não consegue surpreender seu adversário com eficácia, e tão pouco consegue desviar de ataques inimigos. Do que adianta uma força descomunal, se você não consegue chegar ao seu adversário de uma maneira que ele não consiga desviar, do que adianta? Seja veloz e será, mesmo que fraco fisicamente, um ninja muito melhor”. -Lembrava-se Criss ao se dirigir ao campo de treinamento.
                Ao chegar no campo de treinamento, ele trazia consigo uma mochila, que esconderia métodos e ferramentas para amplificar seu treinamento. Tirou a mochila das costas e começou a se aquecer. Logo após se aquecer ele começou a pensar em como fazer aquilo, como se tornar mais veloz num período de tempo tão curto. Não parecia fácil, e com certeza não era.
                “Certo, eu preciso de um exercício básico, para depois ir aplicando métodos de ampliá-lo e torna-lo melhor. Como vou treinar velocidade, creio que o óbvio seria uma corrida, certo? Vamos começar”.
                Criss então começou a correr em linha reta, num percurso de 50 metros, ida e volta. Mas aquilo não parecia efetivo, o ninja sabia que naquele tempo em que ele parava no final do percurso para voltar, mesmo que a pausa fosse muito pequena, ela ainda assim não o permitiria treinar ao máximo sua resistência e condicionamento físico. Então ao invés de correr num percurso de ida e volta ele decidiu que iria correr em círculos, num percurso sem pausas. Com a mesma distância anterior, 50 metros, ele voltou a correr. Sua velocidade crescia a cada volta, mas era uma evolução praticamente nula, e ainda dava para notar que sua resistência também não aumentava, visto que o cansaço era iminente.
                “Eu não posso correr assim, que nem um retardado. Eu tenho que correr mais, para assim conseguir ampliar o tempo de treino e aumentar os resultados. Respiração! É isso, eu devo manter um ritmo constante de respiração, nem muito exagerado, nem muito devagar, esse é o segredo”. -Concluiu o ninja ao dar uma pausa devido ao cansaço que se encontrava.
                Criss logo após tirar uma pausa de cinco minutos voltou ao treinamento, voltou a correr, mas dessa vez sua respiração estava melhor, ele conseguira associar sua respiração com seu exercício. Os resultados foram imediatos, ele conseguia correr cinco vezes mais (quantidade) agora. Treinando mais, logo os resultados surgiam com mais frequência, ele já conseguia correr a 14 metros por segundo.
                Os 50 metros já não eram o suficiente para que ele conseguisse evoluir mais do que aquilo, na verdade, após todo aquele treinamento os 50 metros já pareciam brincadeira de criança para ele. Resolveu então aumentar a distância das voltas para 100 metros, o que exigia mais resistência, que graças a tudo que tinha feito até ali, ele possuía. Ele correu o máximo que pode, correu até não conseguir mais se aguentar em pé, só então ele percebeu, ao cair de joelhos sobre o chão, que o sol estava a surgir. Ele tinha treinado um dia todo. Agora era capaz de correr a 16 metros por segundo.
                “16... não... ainda não está bom, eu não estou me matando para alcançar apenas isso, eu não vou aceitar esse resultado. Não importa o quanto eu tenho de correr, eu vou conseguir alcançar meu máximo, não importa quantos calos eu tenho, ou quantas vezes eu desmaie por conta do treino exaustivo, eu vou conseguir. Eu vou mostrar àqueles que me subestimam que eu posso ser um ninja tão bom quanto qualquer outro”. -Pensava Criss inconformado caído ao chão, antes de desmaiar.
                O ninja acordou com um sol infernal em seu rosto, o que ali no deserto não seria incomum, mas o sol estava realmente forte naquela hora, fazendo-o presumir que já era meio-dia. Ele se levantou, parecia descansado. É realmente impressionante o que uma boa noite de sono pode fazer.
                O ninja pegou a garrafa de água que havia trazido em sua mochila e bebeu seu conteúdo em um piscar de olhos, parecia realmente sedento. Logo após isso ele voltou a sua rotina de treinamento. Correu durante horas, sempre marcando o seu tempo e calculando sua velocidade, mas não parecia ter efeito algum, parecia ser impossível evoluir mais do que aquilo. Não com apenas vontade, ao menos. Ele iria precisar usar uma ferramenta que o dava calafrios. Ele correu até sua mochila e de lá tirou dois pesos de pernas, que apesar de parecerem leves deviam pesar 20 quilos cada um.
                No momento em que calçou-os o seu arrependimento já se tornou visível. O garoto teve sua velocidade reduzida a 6 metros por segundo. Criss que estava tão esperançoso já começava a ter suas dúvidas, mas são em momentos como esses que os ninjas realmente firmam seus objetivos:
                “Bom, eu não imaginei que seria tão difícil, mas... eu disse que chegaria ao meu máximo, e eu vou conseguir”.
                O garoto começou a correr, apesar de que comparado a antes ele estivesse andando, mas ele sabia que isso era temporário, o treino já o tinha feito evoluir antes e faria novamente. Volta após volta ele ia se esforçando mais e se adaptando aos pesos nas pernas. Volta após volta sua velocidade crescia. Após um dia todo de treino ele conseguia finalmente alcançar seus 16 metros por segundo novamente. Era a hora de tirá-los e ver até onde ele tinha evoluído. O resultado chocou o ninja, que já estava correndo a 22 metros por segundo, um enorme feito para ele. Ele tinha mais do que sobrado sua velocidade inicial. Sua felicidade durou pouco, logo após ver o resultado de seu treino incessável ele cai no chão novamente.

                “Bom, eu consegui. Acho que eu devo ter uns 20 calos em cada pé e devo ter perdido uns 10 quilos, mas eu consegui”. -Pensou o ninja, realizado, antes de desmaiar.



Status:

HP:220/220
CH:500/500

_______________________

Ficha

[Treinamento] Atributos Qyvds2
                                                                       I got this
[Treinamento] Atributos 100x100

Hades.
Genin
Hades.
Vilarejo Atual
[Treinamento] Atributos 100x100

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado 9/10/2016, 17:46

Aprovado.

_______________________

[Treinamento] Atributos Black_and_white_by_bezeta
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [Treinamento] Atributos - Publicado

Resposta Rápida

Área para respostas curtas