>
Naruto RPGAkatsukiNão é o único, mas simplesmente o melhor!
Arco 10:
RemanescentesAno: 69DG
Hanatarō olha para a vila do topo do prédio do Departamento de Pesquisa. Há dois anos era uma salinha no fim do laboratório geral da vila, agora tinha seu próprio prédio tão alto quanto o próprio escritório do Kazekage. Hanatarō sorri vendo as pessoas andando felizes na nova vila construída graças aos avanços científicos realizados com a inteligência de Takura, sua mentora. Antes, ele só via uma vila pobre, com construções de areia frágeis, com um horizonte desértico, dependendo de outras vilas, inclusive de Konoha, para conseguir sobreviver, mas agora... Sunagakure estava grandiosa novamente e tinha comprado sua independência. As construções ainda tinham porções de areia, mas eram forjadas em metais nobres, em ouro, em prata, criando grandes casas e prédios. As lojas estavam cheias de especiarias únicas, pois o trabalho de encontrar certos ingredientes se tornou muito mais prático desde que a vegetação voltou a florescer nos arredores da vila; onde antes era só deserto agora possuía vielas de relva, florestas, rios e uma fauna cheia de roedores, mamíferos e carnívoros.
Sumário
Mapa
Staff
Discord
Facebook
Contos
Estação: Primavera
Últimos assuntos

Gowther
Genin
Gowther
Vilarejo Atual
Ícone : [ Apoliom - C ] Missão 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

[ Apoliom - C ] Missão - em 13/4/2016, 12:33


Auxiliar os estudantes da Academia Ninja
Descrição: Você também já foi um pirralho estudante da Acadêmia que sonhava ser um grande Ninja. Porém falta muito pra isso, e uma boa maneira de começar, é auxiliar na hora da entrada, no intervalo e na saída da Acadêmia, afinal são apenas criancinhas que mal podem te fazer? Encontre um dos senseis, na Acadêmia Ninja.

___________________________________________________________________

Não passou muito tempo após sua formatura e já graduado como ninja, mesmo que no primeiro nível de graduação, o jovem novato ficava a mercê do atual líder de sua vila. Atualmente a aldeia de areia vive um período difícil, em termos, pois a maioria já possuí certa graduação e são escalados para missões mais perigosas e com caráter mais contributivo para a vila, em termos financeiros e de guerra.

Desde então com baixa população para dar conta nas academias ninjas espalhadas pela vila, o Kazekage foi obrigado a designar recém formados para realizar esses feitos de auxílios nas academia e você, Apoliom, foi um deles. Chegou cedo na academia que foi designado e logo encontrou um professor responsável que estava em seu aguardo.

Por favor, comece por aqui. Anote cada uma que entrar, por gentileza — Disse educadamente o profissional da educação ninja, indicando por onde deveria começar e demonstrando como seria sua observação sobre a entrada dos alunos

-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [ Apoliom - C ] Missão - em 13/4/2016, 15:27

Era um dia entre muitos, igualmente tedioso. O pequeno príncipe exilado desempenhava seu papel como Genin de uma aldeia emergente; a areia. Pelo que corria nos boatos, todos os ninjas estavam ocupados em questões militares e econômicas, restava aos menos avançados militarmente limpar a bagunça deles, e para isso chamaram o rapaz, Irryus.

Seus óculos púrpura chamativos lhe caíam bem no rosto e corrigiam o problema de sua visão. Chegou à academia ninja e conversou com o professor, recebendo a primeira tarefa do dia; foi-lhe dada uma prancheta com a foto dos alunos e seus nomes junto a uma lista de frequência para que ele marcasse as faltas. Conforme cada um dos garotos entravam, Irryus marcava suas presenças. Demorou um pouco, a turma parecia numerosa e o menino estava curioso para saber se seria uma classe difícil de dominar. Para seu maior conforto ao sentar-se, retirou o pergaminho de sua marionete da parte traseira de sua calça, onde ela lhe incomodaria ao sentar, e enfiou no bolso da jaqueta preta.

Considerações: Minha aparência é a de DoFlamingo, por volta dos seus treze anos. Minha ficha está na assinatura. Minha vestimenta é uma jaqueta de couro preta com uma regata branca por baixo, uma calça marrom e uma bolsa pequena amarrada atrás da calça pra carregar os objetos úteis.


HP: 200 // CK: 200
-
Gowther
Genin
Gowther
Vilarejo Atual
Ícone : [ Apoliom - C ] Missão 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [ Apoliom - C ] Missão - em 13/4/2016, 15:43


No decorrer do tempo tudo havia ocorrido bem, mas de fato ainda era cedo para afirmar que tudo iria ocorrer bem. Na parte da manhã a maioria das crianças entravam meio adormecidas ainda ou sonolentas demais para estarem agitadas. Algumas faltas e várias presenças, tudo de acordo como o esperado para o supervisor do jovem que tentava realizar a missão ainda.

Hora do intervalo, esta era a pior hora para qualquer que fosse tomar conta daqueles pestinhas. Numa parte do pátio tudo tranquilo meninos e meninas flertando entre si e jogos infantis sendo realizados, na outra parte também, os brinquedos sendo almejados pelos mais novos que empolgados eram descuidados com si mesmo, algo perigoso e que devesse ser chamado a atenção a qualquer custo, mas fora isso, normal.

Na parte mais escura do pátio, o de costume também, os mais velhos implicando com os menos favorecidos em questões de socialização, conhecidos como ''nerds'' e era algo que com certeza deveria ser parado com uma pequena punição; talvez.


_______________________

[F]
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [ Apoliom - C ] Missão - em 13/4/2016, 16:03

Tudo ocorrera como o esperado nos primeiros momentos do que parecia ser uma missão qualquer, e de certo ponto de vista seria. Mas para um garoto que acabara de sair das fraldas e ansiava por reconhecimento, a missão era perfeita. Pensava que, ao mostrar um bom domínio, talvez conseguisse bons pontos com os burocratas do vilarejo, talvez lhe designassem missões de mais importância - para o nível de um Genin, claro.

O toque para o intervalo soou, as crianças correram e iniciou-se algo que trazia lembranças ao rapaz. Era realmente nostálgico, tivera bons momentos em uma dessas escolas, mas nem tudo era flores. Lembrou-se que em certos momentos fora atormentado por veteranos, e isso lhe deixou mágoas ainda existentes. Para saciar seu ego, resolvera ver se algo do gênero não ocorria no recinto. Vasculhou, escondido, procurava por algo fora do comum. Os  tempos eram diferentes mas a judiação sempre persistira entre as épocas. Encontrou no lugar mais escuro um grupinho de três garotos mais altos atormentando um menor e mais magrelo. Eles deviam ter dois anos a menos que Irryus, mas a julgar pela aparência, eram tão fortes ou mais que ele, já que força nunca fora sua área.

Foi até um lugar reservado e jogou seu pergaminho no chão, desenrolado. Fez um selo de mão e convocou sua marionete, um samurai alto e forte, com uma katana presa na cintura. Linhas de chakra ligadas aos dedos do menino prenderam-se na marionete, eram tênues e frágeis, quase invisíveis, mas davam-lhe o controle exigido de sua marionete. Permaneceu escondido enquanto a marionete caminhou até os garotos, fazendo ruídos estranhos de madeira rangendo, ela parou atrás do mais alto, o blackpower cobria seus olhos inanimados e o sol atrás dele produzia uma sombra no garoto. Seu objetivo era claramente intimidá-lo, já que a marionete claramente segurava com uma das mãos o cabo da katana em sua cintura.

Considerações: A aparência da marionete tá na descrição. Não encontrei gasto algum pras linhas de chakra, então presumo que não haja, mas corrija-me se eu estiver errado. Estou a 10 metros da marionete e dos garotos, a marionete está a alguns centímetros do rapaz mais alto. Não tenho intenção de machucá-lo, foi apenas intimidação.

HP: 200 // CK: 200


Chakura no Ito
Rank: -
Descrição: Fios de Chakra (チャクラの糸, Chakura no Ito) é uma técnica que normalmente é usada por marionetistas que lhes permite controlar suas marionetes em batalha.

Uma vez que estes fios são feitos de chakra muito concentrado, eles podem ser vistos por pessoas além do usuário. Curiosamente, assim como puxar objetos em direção à ele com os fios, o usuário também pode "empurrar" objetos para longe dele, e até mesmo parar objetos em movimento como serras. Chakra também pode ser transferido através dos fios, como para ativar algumas habilidades em marionetes. Os fios de chakra também pode ser anexados a outros objetos, permitindo ao usuário controlar, ou pelo menos atrapalhar outras coisas.

Afroman Gongoroski
Tipo: Normal.
Descrição: Tem o corpo feito inteiramente de madeira, veste uma camisa branca simples e uma calça larga e flexível negra. Seu cabelo é um blackpower chamativo amarrado por uma faixa branca na testa. Foi feito com material bem leve e suas armas não pesam o bastante para atordoar seu movimento rápido, sua função é um combate rápido e furtivo, principalmente corporal.
Mecanismo 1: Katana de aço.
Mecanismo 2: Cano para disparar fumaça pela boca, 10m de raio.
Mecanismo 3: Garra retrátil no "osso" do dedo médio destro.
Mecanismo 4: Corrente lançável ligada à mão esquerda, 15m de extensão.

-
Gowther
Genin
Gowther
Vilarejo Atual
Ícone : [ Apoliom - C ] Missão 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [ Apoliom - C ] Missão - em 13/4/2016, 16:25


A tremedeira e o barulho de madeira rangendo atrás do valentão soava como algo aterrorizante. A sombra vista por frente cobria todo o local o que demonstrava que aquele ser -se aquilo pudesse ser chamado de ser - era grande e monstruoso, o que também podia ser notado por suas imperfeições na sombra. O garoto que judiava no nerd corria feito um bebê gritando para todos os cantos que estava sendo atacado por um monstro. Sua expressão facial indicava desespero e agonia. De toda a forma a intenção do novato que realizava a missão foi boa mas perigosa

Analisando tudo de longe, o instrutor chefe, decidiu interferir dando um pequeno aviso para o praticante de bullying e também chamou a atenção do jovem que invocara a marionete

Estou de acordo que sua intenção foi boa e não queria de jeito algum machucar o outro garoto, mas de toda forma não se pode julgar os pensamentos de uma criança. Pensando em outra situação, este mesmo garoto poderia, invés de correr de medo, avançar para cima de sua marionete — Relatou o professor acadêmico que portava um colete chunnin.

Outro sinal tocava naquele instante, o que indicava o final do intervalo das crianças. Uma pequena depressão ocupava a mente do jovem Irryu depois daquela leve chamada de atenção, mas esta depressão não teve continuidade pois logo foi chamado novamente - depois de algumas horas - para um novo feito, agora a missão do jovem era averiguar o portão de saída da academia e certificar-se sobre qualquer circunstância que todos os alunos já estão do lado de fora, antes da escolar ser trancada.


_______________________

[F]
-
Convidado
Convidado
Anonymous
Vilarejo Atual

Re: [ Apoliom - C ] Missão - em 13/4/2016, 18:09

Embora houvesse uma nobre intenção em seu feito, sua atenção foi chamada pela instrutor e supervisor de sua missão. Isso abateu-lhe, deixando-o temeroso sobre a conclusão de sua missão. Recolheu sua marionete, julgando que essa não seria mais necessária, e acuou-se até ser chamado outra vez, enquanto pensava em seu ato.

Deram-lhe uma nova tarefa, certificar de que todos os discentes haviam deixado as dependências da instituição. Então, iniciou sua patrulha, começara observando os alunos deixarem o portão de saída, até que não restara nenhum nas proximidades. Avisou ao porteiro que permanecesse observando e que chamasse-o caso algo que requisitasse sua presença ocorresse, e começou a andar pelas estruturas da academia, sempre que via algum aluno, acompanhava-o para a saída. Não demorou muito para que tivesse completado sua ronda, já que a academia não era muito grande.

Depois que feito, procurou pelo supervisor de sua missão e alertou-o de que fizera o mandado.

Considerações: Nada a declarar.

HP: 200 // CK: 200

-
Gowther
Genin
Gowther
Vilarejo Atual
Ícone : [ Apoliom - C ] Missão 100x100

http://narutorpgakatsuki.net

Re: [ Apoliom - C ] Missão - em 15/4/2016, 14:48


Já havia completado todos as tarefas que fora ordenadas e completava de forma impecável, exceto por aquele simples vacilo, mas de qualquer forma estava apto para executar com êxito sua missão. Ao avisar seu supervisor sobre a ultima etapa ser cumprida, o mesmo retirou do bolso de seu colete um pedaço de papel acompanhado por uma caneta, de cor azul, e começou a escrever

Foram apenas alguns curtos minutos escrevendo a carta que dizia que o ninja já estava liberado e havia completado a missão com sucesso. Terminou a carta e deu um breve rascunho de sua assinatura e o liberou para ir embora.


_______________________

[F]
-
Conteúdo patrocinado
Vilarejo Atual

Re: [ Apoliom - C ] Missão -

-


Layout por @Akeido Themes, @Loola Resources e Naru.